GUMARC
AGORA EU SEI (NOTÍCIAS DO DIA A DIA)

AGENDA... AGENDA ... AGENDA

24 de julho - Guayaquil, Equador – Teatro Feria de Duran
26 de julho - Quito, Equador – Coliseo General Rumiñahui
15 de agosto - Cidade do México, México – Auditório Nacional
19 de agosto - Veracruz, México – World Trade Center
21 de agosto - Guadalajara, México – Auditório Telmex
23 de agosto - Monterrey, México – Auditório Banamex
26 de agosto - Queretaro, México – Auditório Josefa Ortiz
28 de agosto - Puebla, México – Auditório Siglo XXI
30 de agosto - Merida, México – Coliseo Yucatan
06 de setembro - Las Vegas, Estados Unidos – MGM Arena (Projeto Emoções em Las Vegas)
12 de setembro - San Diego, Califórnia, Estados Unidos – San Diego Civic Theatre
13 de setembro - Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos – Nokia Theat
14 de setembro - San Jose, Califórnia, Estados Unidos – Event Center at San Jose State University
19 de setembro - Miami, Florida, Estados Unidos – American Airlines Arena
26 de setembro - Miami, Florida, Estados Unidos – American Airlines Arena
27 de setembro - Toronto, Canadá – Powerade Center
03 de outubro - New York, New York, Estados Unidos – Radio City Music Hall
04 de outubro - Boston,MA, Estados Unidos – Wang Theatre

AGENDA ANTERIOR (2014)

08 a 12.02.2014 - Projeto Emoções em Alto Mar 2014 (navio MSC Preziosa)
29.03.2014 - Curitiba, PR - Pedreira Paulo Leminski
05.04.2014 - Fortaleza, CE - Arena Castelão
12.04.2014 - Recife, PE - Campo do Arruda
09.05.2014 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
10.05.2014 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
11.05.2014 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
16 de maio - São Paulo, SP – Espaço das Américas
17 de maio - São Paulo, SP – Espaço das Américas
24 de maio - São Paulo, SP – Espaço das Américas
25 de maio - São Paulo, SP – Espaço das Américas

AGENDA ANTERIOR (2013)

26 a 30.01.2013 - Projeto "Emoções em Alto Mar"
04.04.2013 - Blumenau, SC - Parque Vila Germânica
06.04.2013 - Florianópolis, SC - Estádio Orlando Scarpelli
10.04.2013 - Santa Cruz do Sul, RS - Ginásio Poliesportivo e Cultural do Parque da Oktoberfest
13.04.2013 - Pelotas, RS - Esporte Clube Pelotas
16.04.2013 - Caxias do Sul, RS - Ginásio do Centro Esportivo do Sesi
19.04.2013 - Porto Alegre, RS - Casa NTX
20.04.2013 - Porto Alegre, RS - Arena do Grêmio
30.04.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
01.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
03.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
04.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
07.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
10.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
11.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
12.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
17.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
18.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
19.05.2013 - São Paulo, SP - Espaço das Américas
25.05.2013 - Belo Horizonte, MG - Mineirinho
28.05.2013 – São Paulo, SP – Espaço das Américas
07.06.2013 - Juiz de Fora, MG - Expominas Juiz de Fora
09.06.2013 - Montes Claros, MG - Ginásio esportivo Tancredo Neves
11.06.2013 - Ribeirão Preto, SP - Centro Esportivo Pereira Alvim
12.06.2013 - São José do Rio Preto, SP - Centro Regional de Eventos
15.06.2013 - Uberlândia, MG - Ginásio do sabiazinho
09.08.2013 - Rio de Janeiro, RJ - Forte de Copacabana
10.08.2013 - Rio de Janeiro, RJ - Forte de Copacabana
11.08.2013 - Rio de Janeiro, RJ - Forte de Copacabana
16.08.2013 = Rio de Janeiro, RJ - Forte de Copacabana
17.08.2013 - Rio de Janeiro, RJ - Forte de Copacabana
23.08.2013 - Brasília, DF - Centro de Convenções Ulysses Guimarães
24.08.2013 - Brasília, DF - Centro de Convenções Ulysses Guimarães
20.09.2013 - Marília, SP - Ginásio de Esportes da Avenida Santo Antônio
21.09.2013 - São Carlos, SP - Ginásio Municipal de Esportes Milton Oldio Filho
22.09.2013 - Franca, SP - Ginásio Poliesportivo Pedro Morilla Fuentes
27.09.2013 - Sorocaba, SP - Clube Recreativo sorocaba
28.09.2013 - Campinas, SP - Expoamérica
29.09.2013 - Campinas, SP - Expoamérica
07.11.2013 - Campo Grande, MS - Ginásio do Guanandizão
09.11.2013 - Cuiabá, MT - Ginásio Aecim Tocantins
28.11.2013 - Maceió, AL - Ginásio do SESI
30.11.2013 - Natal, RN - Teatro Riachuelo
04.12.2013 - Teresina, PI - Theresina Hall
06.12.2013 - Caruaru, PE - Palladium
07.12.2013 - Campina Grande, PB - Spazzio



fonte: Extra - 18.07.2014
A MARATONA DO REI ROBERTO
Roberto Carlos e sua equipe viajam na semana que vem para uma longa turnê internacional. O Rei fará um total de 54 shows por Equador, México, Estados Unidos e Canadá. O primeiro já é na próxima quarta-feira.


fonte: El Universo - Guayaquil, Equador - 18.07.2014
SE ALISTA SHOW DE ROBERTO CARLOS EN GUAYAQUIL
Un equipo de 50 personas, entre producción técnica, logística, músicos, asistentes y seguridad privada, arribarán este domingo al país para el montaje del escenario, antes del show de Roberto Carlos el 23 de julio, a las 20:30, en el Centro de Convenciones de Guayaquil.
Los organizadores manifestaron que han trabajado más de 30 días en el nuevo concepto de la escenografía que estará ubicada en el Centro de Convenciones Simón Bolívar.
Las localidades estarán divididas en tres niveles y tendrán diferentes alturas para que los asistentes no tengan que pararse para apreciar el show. El artista llegará a Ecuador el 21 de julio en un avión privado.
Las entradas están a la venta en TicketShow. Los precios de las entradas fluctúan entre 140 y 300 dólares.


fonte: Expresiones - Guayaquil, Equador - 18.07.2014
ROBERTO CARLOS LLEGARÁ EL LUNES Y ES PROBABLE QUE RECORRA LA CIUDAD

Roberto Carlos arribará a la ciudad la tarde o noche del lunes 21. Durante su estadía, que se extenderá hasta el viernes 25, los organizadores del show (que será el jueves 24) esperan que recorra Guayaquil. Le han preparado una agenda de sitios turísticos, como Las Peñas, el Malecón y el Parque Histórico. Si los visita dependerá de su equipo y de él. ¡Ojalá se anime a salir! Muchos días para quedarse encerrado en el hotel. Además le han preparado al brasileño un menú que incluya platos típicos (caldo de bola, ceviches, bolón, arroz con menestra, etc.). Para los que no saben, Roberto Carlos sufre de trastorno obsesivo-compulsivo, por ello tiene un sinnúmero de manías. Además tiene algunas creencias religiosas y es supersticioso. Esto explica su obsesión por el color azul y blanco en lo referente a su vestimenta y entorno. Entra y sale por la misma puerta. No firma contratos en Luna menguante. Cuando estuvo en el Festival de Viña del Mar toda la ambientación de su camerino era blanca y lo que necesitaba lo llevó desde Brasil a Chile. Evita las palabras negativas. Sabe que la palabra tiene poder y cuando se dice algo se lo está decretando. La calidad interpretativa, su carisma y sus románticas canciones hacen que el público le perdone todo al hombre que tiene un millón de amigos. Ya se está montando el escenario en los exteriores del Centro de Convenciones de Guayaquil en el cual se presentará.


fonte: Portal Sucesso - 17.07.2014
ROBERTO CARLOS REALIZA SUA MAIOR TURNÊ INTERNACIONAL

Entre 26 de julho e 4 de outubro, Roberto Carlos realizará a maior turnê internacional de sua carreira. O cantor se apresentará em 19 datas por cidades dos Estados Unidos, México, Equador e Canadá. Nesse período, ele ficará baseado em Miami, onde mantém um apartamento. Na turnê, Roberto pela primeira se apresentará em Las Vegas – no MGM Arena, em 6 de setembro. Essa apresentação pode se transformar em especial de fim de ano da Globo. No set list dos shows, o Rei apresentará músicas em português e castelhano e, no caso de Las Vegas, italiano e inglês também. O intuito é agradar o variado público, que mistura a comunidade brasileira e fãs locais.
No México, a tour será organizada pela empresa Showtime. Nos Estados Unidos e Canadá, os promotores serão AEG, Live Nation, MGM, Cardenas, Globo Internacional e Sony Music. Segundo Dody Sirena, manager do cantor, além da tour no exterior, há a possibilidade de o Rei lançar neste ano um álbum de inéditas. “Temos muitos projetos na fila. Até hoje não tivemos oportunidade de lançar o disco do show de 50 anos de carreira, realizado no Maracanã. Também há a proposta de um disco com canções em italiano. E ainda temos um grande show a realizar, o RC Rock Symphony, um encontro de Roberto com artistas de pop rock nacional. Novos produtos estão para surgir, é só uma questão de tempo”, anuncia ele, que explica outros detalhes dos novos projetos de Roberto Carlos na entrevista a seguir.

SUCESSO! – Quando surgiu a ideia dessa turnê?
Dody Sirena – Em 2008 retomamos o projeto de realizar turnês internacionais, que passaram a acontecer a cada dois anos e tem sido uma experiência muito interessante. Além dos tradicionais fãs do RC, estamos conquistando um público novo e esta será a primeira vez que Roberto não voltará ao Brasil durante a turnê, pois terá como base seu apartamento em Miami. Ficaremos mais de dois meses na estrada. Retornaremos dia 10 de outubro. Em Las Vegas, onde faremos o grande show na Arena MGM em 6 de setembro, ele ficará uma semana.

O que esse show de Las Vegas representa para o artista?
Las Vegas é um palco emblemático, pois já sediou shows de grandes nomes do show business mundial. Nosso objetivo é que dois mil brasileiros se desloquem para a capital do entretenimento nesta semana, entre esportistas, turistas e admiradores do Roberto. Será apenas uma apresentação, muito especial.

É verdade que o show em Las Vegas será transformado em especial pela Rede Globo?
Há um estudo na Globo para transformá-lo em especial de Natal a ser exibido no dia 25 dezembro, mas ainda não temos nada fechado.

Nesses shows internacionais, o repertório é modificado? O cantor interpreta sucessos em outros idiomas?
Estes shows na turnê latina têm músicas em espanhol e português. Se o show de Las Vegas se transformar em especial para a TV, serão acrescidas intepretações também em inglês e italiano, para atender a um público ainda mais diversificado.

A estrutura para esses shows é tão grande quanto a das apresentações nacionais?
Nossos shows tem o mesmo tamanho em qualquer lugar do mundo. Viajamos com mais de 40 profissionais – e temos parceiros de produção tanto no Brasil como no exterior. No caso da turnê latina, temos uma equipe americana gerenciada pelo booking agent Jorge Pinos e produção de Michael Gutierres, de Los Angeles. A capacidade dos locais varia de 5 mil assentos (em teatros) até 20 mil (em arenas).

Vocês pretendem registrar em vídeo essa tour internacional?
Todos os shows são gravados pela nossa equipe. Temos um grande registro das turnês. Sabemos que em Nova York será uma emoção extra retornar ao Radio City, onde, em 2010, após o show, Roberto recebeu a notícia da morte de sua mãe, Lady Laura. Talvez em Las Vegas também seja registrado alguma coisa especial.

No ano passado, o cantor lançou um disco de remixes que obteve muito êxito. Haverá um novo volume desse trabalho?
O remix atendeu plenamente a nossa expectativa e temos muitos projetos ainda a serem lançados nessa linha.

Há anos que o Rei não lança um disco de inéditas. Existe essa possibilidade no curto prazo?
Sim. Mas temos muitos outros projetos na fila. Até hoje não tivemos oportunidade de lançar o disco do show de 50 anos de carreira, realizado no Maracanã. Há a proposta de um disco com canções em italiano. E ainda temos um grande show a realizar, o RC Rock Symphony, que é um encontro de Roberto com artistas de pop rock nacional. Novos produtos estão para surgir, é só uma questão de tempo.

Com a liberação da publicação de biografias, acredita que sairão vários livros sobre a vida de Roberto?
Ele já declarou em fevereiro na coletiva a bordo do navio que está preparando a sua própria biografia. Aos poucos, vai surgir a história do artista contada pelo próprio.

O Collector’s Book Roberto Carlos foi lançado recentemente. Como foi a liberação desse livro? RC o revisou antes?
Foram quatro anos de muito trabalho. Roberto fez questão de escolher cada foto, e a parte onde seria inserida no livro.

Por que não foi adiante o projeto de montagem de um musical tipo Broadway com as canções do Roberto, que seria concebido e dirigido por Charles Moeler e Cláudio Botelho?
Tudo tem seu tempo para acontecer. Fazer um musical é um projeto em pauta, estamos estudando formato e parceiros.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 17.07.2014
ROBERTO CARLOS ROQUEIRO
Roberto Carlos vai fazer um show diferente no ano que vem. “Roberto Carlos Rock Symphony” terá vários convidados especiais e, como o nome indica, somente rock no repertório. Entre as músicas da fase mais roqueira de Roberto que serão tocadas estão “É proibido fumar”, “Eu sou terrível”, “Splish, splash”, “Parei na contramão” e “Lobo mau”. Ainda não foi definido onde será a apresentação, que a princípio acontecerá em julho. Roberto deve encerrar o show com “Quero que vá tudo pro inferno”, música que saiu de seu repertório há anos, por causa da palavra maligna que ele não fala de jeito nenhum. Cantá-la seria a prova de que o tratamento que tem feito contra o TOC está fazendo efeito.
Fez efeito, ma non troppo. O show em Las Vegas, programado para 2013 passou para este ano porque ele encrencou com o 13. A apresentação será daqui a dois meses.


fonte: Terra Online - 16.07.2014
SOPHIE CHARLOTTE PEDE A R.CARLOS PARA CANTAR MÚSICA DELE

Sophie Charlotte vive Duda em 'O Rebu'
Sophie Charlotte pediu a liberação de Roberto Carlos para cantar a música Sua Estupidez em O Rebu. A cena foi ao ar na última segunda-feira (14), dia de estreia da novela. "Foi o máximo! Eu, o Zé (José Villamarim, diretor), a Patricia (Pillar) e outras pessoas sabíamos que essa música seria muito importante no primeiro capítulo para contar uma história. Se encaixava perfeitamente, mas precisávamos da autorização", disse.
"Então, eu escrevi uma carta ao Roberto Carlos, pedindo e explicando como era importante para a trama a letra e a melodia. Ele recebeu e, dia desses, me ligou. Eu estava no supermercado. Foi uma emoção muito grande!”, contou.
Sophie disse também que pediu para o rei assistir à performance. "Ele simplesmente chegou e falou: ‘eu poderia falar com a Sophie?’. O Roberto ficou muito feliz e me falou queSua Estupidez estava liberada. Agradeci a generosidade. Pedi para ele assistir, passei a data, tudo certinho", lembrou.
"Eu me guiei pela voz e a emoção necessárias para contar uma história, uma situação. Isso foi o mais importante para mim, o grande desafio e a minha grande alegria", disse sobre a cena.


fonte: Puebla Notícias Online - 15.07.2014
ROBERTO CARLOS EN PUEBLA

Uno de los principales representantes de la MPB y uno de los artistas que más discos ha vendido en todo el mundo con más de 100 millones de copias
El cantautor Brasileño Roberto Carlos Braga se presentará el próximo 28 de agosto a las 20:00 horas en el Centro Expositor.
Interpretará canciones como: Un Millón de Amigos, Amigo, Cama e Mesa, Camionero, Que Será de Ti, Cartas de Amor, etc.
“El Rey de la Música Latina” también estará dando si gira “World Tour 2014” en otros estados del país como: Veracruz, Guadalajara, Monterrey, Querétaro, Mérida y Estado de México.
Después de haber recorrido el país, continuara su gira en Canadá para finalizar en Estados Unidos el mes de Octubre.


fonte: Isto É SP - 09.07.2014
QUE O TOC VÁ PRO INFERNO
Já tem data marcada para Roberto Carlos quebrar o jejum de quase 30 anos e voltar a cantar “Quero que vá tudo pro inferno”, sucesso que em 1965 o coroou como Rei. Será em 2015, no show “Roberto Carlos Rock Symphony”, em que cantará com nomes do rock nacional. “A ideia é que, no fim do show, Roberto e os convidados cantem a música”, diz o empresário Dody Sirena. Seu filho, Dudu Braga, é um dos incentivadores. “ Voltar a cantá-la é o jeito de meu pai mostrar que mandou o TOC para o inferno”.


fonte: Terra Online - 07.07.2014
ROBERTO CARLOS LANÇA DISCO EM ESPANHOL APÓS 17 ANOS
Último disco do rei em espanhol havia sido Canciones Que Amo (1997)

Após 17 anos de silêncio em castelhano, Roberto Carlos decidiu voltar a gravar no idioma para o disco Ese Tipo Soy Yo, que será lançado em 26 de agosto. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (7) pela Sony, sua gravadora.
Seu último disco foi lançado no Brasil em 2013 com o títuloEsse cara sou eu. O álbum vendeu 1,7 milhão de cópias e ficou entre os cinco mais vendidos durante seis meses. O single do disco, que rendeu a Roberto um Grammy Latino na categoria de Melhor Canção Brasileira, na versão latina acompanha outras três faixas em espanhol: Loco por Ella, canção inédita composta em associação com Erasmo Carlos; La Mujer Que Amo e Tu Regreso, recuperada de sua composição em 1966 e interpretada pelo grupo Los Vips.
Com mais de 50 anos de carreira e 120 milhões de discos vendidos, Roberto Carlos é o artista de maior sucesso da história da música brasileira. Seu último disco em espanhol havia sido Canciones Que Amo, de 1997.


fonte: Mercado & Eventos Online - 05.07.2014
CVC LANÇA PACOTE PARA SHOW DO ROBERTO CARLOS EM LA E NY
A CVC acaba de incluir um produto especial em seu portfólio: pacotes que incluem ingressos para os shows que o Roberto Carlos fará em Las Vegas e em Nova York, nos Estados Unidos, nos dias 6 de setembro e 3 de outubro. Em Las Vegas, o evento será realizado no MGM Grand Garden Arena, que já recebeu alguns dos artistas mais consagrados do mundo. Além de assistir ao show, o turista que estiver na cidade poderá aproveitar para conhecer atrações famosas do destino, como o Grand Canyon, eleito recentemente uma das sete maravilhas do mundo moderno, ou uma das famosas capelas de casamento que compõem o cenário do destino.
Em Nova York também não faltam atrações para os turistas. O destino, que respira moda, arte e tecnologia, oferece inúmeras opções de lazer para todas as idades. O próprio Radio City Music Hall, onde será realizado o show de Roberto Carlos, é um ponto turístico. Inaugurado em 1932, o local, que comporta até cinco mil pessoas e faz parte do complexo do Rockfeller Center, abriga os principais espetáculos que passam pela cidade. Compras e gastronomia variadas são outros pontos fortes da Big Apple. Para os interessados, a CVC formatou pacotes especialmente para a ocasião, que ainda podem ser presenteados em forma de "Vale Viagem" para o próximo Dia dos Pais, comemorado em agosto.
Para mais informações sobre estes roteiros, além de saídas de outras cidades, a CVC atende em qualquer uma de suas lojas em todo o Brasil, no site www.cvc.com.br e no telefone (11) 3003-9282.


fonte: Besame (Colômbia) - 01.07.2014
ROBERTO CARLOS ESTRENA "ESE TIPO SOY YO"
El cantante brasileño, es en su país el rey de la música, aclamado por todo el público y con más de 50 años de carrera.

Roberto Carlos tiene tanto talento que realizó una colección de canciones para el mercado brasileño – dos inéditas “Ese Tipo Soy Yo (Esse Cara Sou Eu)” y “Loco por Ella (Furdúncio)” y dos que ya son de conocimiento popular, “La Mujer Que Amo (A Mulher Que Eu Amo)” y “Tu Regreso (A Volta)” – en un formato de EP.
“Ese Tipo Soy Yo (Esse Cara Sou Eu)” fue lanzada como el primer single del EP y también como single promocional de la pista sonora de lanovela Salve Jorge, de TV Globo.
Pronto la canción se volvió un hit y el CD vendió más 1, 7 millones de copias físicas en Brasil. Convirtiéndose así en el disco más vendido.
La canción quedó en primer lugar de ejecución en las primeras estaciones de radio.
Oigan aquí la canción de este gran artista y denos su opinión ¿Les gusto?
www.besame.fm/musica/cantaconbesame/roberto-carlos-ese-tipo-soy-yo/20140625/oir/2291791.aspx


fonte: Entorno Inteligente Online (Colômbia) - 30.06.2014
ENTRADAS PARA VER A ROBERTO CARLIS YA ESTÁN A LA VENTA

El telegrafo / Solo cuatro mil personas serán las afortunadas que podrán ver y escuchar a Roberto Carlos, el miércoles 23 de julio de 2014, en el Centro de Convenciones, donde el cantante interpretará sus más grandes éxitos que cubren 50 años de carrera músical, con un repertorio que incluye más 200 canciones que le han dado la vuelta al mundo. El concierto que el mítico cantante brasileño ofrecerá en Guayaquil forma parte de la gira 'World Tour 2014 Roberto Carlos una voz, un mito, una leyenda: el Rey'. Las entradas están ya a la venta. Solo dos localidades tienen asientos numerados: Detalles Box $ 300, Cama yMesa $ 240. Mientras que Cóncavo y convexo $ 140 tiene sillas sin numerar.


fonte: Peru Música Online (Peru) - 25.06.2014
ROBERTO CARLOS LANZA VERSIÓN EN ESPAÕOL DE 'ESE TIPO SOY YO'
Roberto Carlos acaba de estrenar la preventa digital de la versión en español de “Esse cara sou eu”, canción que estará incluida en su nuevo EP.
Brasil. El cantante brasileño publicó hoy en preventa digital la versión en español de Esse Cara Sou Eu (‘Ese tipo soy yo’), canción que estará incluida en su nuevo EP, próximo a lanzarse.
En portugués la canción se conoció en noviembre de 2012 y fue el tema central de la telenovela Salve Jorge, de Rede Globo.
Esta versión vendió más de 1,7 millones de copias físicas en Brasil ubicándose en el segundo puesto en la lista de los más vendidos en 2013.
Cabe mencionar, que el EP tendrá otros temas conocidos como ‘La mujer que amo’ y ‘Tu regreso’.
Por otro lado, Roberto Carlos inició hace diez años un tratamiento para liberarse de sus manías que lo mantuvo alejado de los escenarios, por lo que ahora disfruta de una buena salud, dispuesto a regresar para sus fans con éxitos que siempre lo han caracterizado.


fonte: El País (Uruguai) - 25.06.2014
ESE TIPO ES ROBERTO CARLOS
El cantante brasileño publicó hoy en preventa digital la versión en español de Esse Cara Sou Eu, canción que estará incluida en su nuevo EP, a lanzarse el 12 de agosto.
En portugués la canción se conoció en noviembre de 2012 y fue el tema central de la telenovelaSalve Jorge, de Rede Globo.
Gracias a esa exposición vendió más de 1,7 millones de copias físicas en Brasil ubicándose en el segundo puesto en la lista de los más vendidos en 2013, atrás solamente del fenómeno Padre Marcelo Rossi.
El EP tendrá otros títulos conocidos como La mujer que amo y Tu regreso. Se puede escuchar en este link: Roberto Carlos inició hace diez años un tratamiento para liberarse de sus manías, que ya lo estaban incomodando.
Entre éstas figuraban el nunca vestir ropa marrón, siempre salir de un lugar por la misma puerta por la que entró, evitar palabras de connotación negativa o jamás firmar nada en días con la luna en fase menguante. Desde entonces pudo volver a cantar canciones que contengan palabras como “mentira” o “ maldad”.


fonte: Star Media Online - 25.06.2014
DESCARGA LA CANCIÓN ESE TIPO SOY YO DE ROBERTO CARLOS
La reedición de la canción "Ese tipo soy yo", de Roberto Carlos, estará disponible para descarga digital.

El tema estará disponible para su descarga.
El cantante brasileño Roberto Carlos lanzará este miércoles en preventa digital la reedición del sencillo "Ese tipo soy yo", el cual estará incluido en su nuevo EP que saldrá a la venta el 12 de agosto.
El corte se presentó en noviembre de 2012 y fue tema promocional de la novela "Salve Jorge", producción de una televisora brasileña.
Cabe resaltar que la canción permaneció en primer lugar de la radio de Brasil durante los tres primeros meses de lanzamiento y se mantuvo en el Top 5 en los seis meses siguientes.
De acuerdo con un comunicado, el material incluirá dos temas que lanzó en el mercado brasileño anteriormente, "Ese tipo soy yo" y "Loco por ella", así como dos canciones que ya son de conocimiento popular, "La mujer que amo" y "Tu regreso".
El cantautor ofrecerá conciertos por diversos lugares de la República Mexicana, como Distrito Federal, Veracruz, Guadalajara, Monterrey, Querétaro, Puebla y Mérida, por mencionar algunos.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 25.06.2014
'ESE TIPO SOY YO' PROMOVE EP EM ESPANHOL QUE ROBERTO LANÇA EM AGOSTO

? Roberto Carlos lançou ontem em seu canal no Vevo o lyric video de Ese tipo soy yo, literal versão em espanhol de seu último grande sucesso, Esse cara sou eu, balada lançada em EP em novembro de 2012. Gravada em Miami (EUA), em janeiro deste ano de 2014, a versão hispânica do EP vai ser lançada em 12 de agosto - dirigida ao mercado latino-americano e à comunidade latina dos Estados Unidos - com as mesmas quatro músicas do disco que devolveu ao cantor e compositor capixaba o posto de recordista de vendas do mercado fonográfico brasileiro. O funk melody Furdúncio (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 2012) virou Loco por Ella na versão em espanhol do EP. La mujer que amo (versão em espanhol de A mulher que eu amo, canção lançada pelo Rei na trilha sonora da novela Viver a vida, em 2009) e Tu regreso(versão de A volta, gravação de 2004 da música lançada em 1966 nas vozes da dupla Os Vip's) completam o EP Ese tipo soy yo. A faixa-título reitera a força da última grande canção do Rei.


fonte: Bem Paraná Online - 24.06.2014
ESE TIPO SOY YO

SÃO PAULO, SP - O cantor Roberto Carlos lançou nesta terça (24) uma versão em espanhol da música "Esse Cara Sou Eu". Chamada de "Ese Tipo Soy Yo", a canção é acompanhada de um vídeo animado, sem a presença de Roberto, no qual as palavras em espanhol dançam pela tela, aos moldes do vídeo feito para a versão em português.
A faixa faz parte de um disco lançado nos países da América Latina pelos quais o cantor vai passar com sua turnê. A balada romântica "Esse Cara Sou Eu" foi lançada pela primeira vez, em português, em um EP de 2012. Na época, fez parte da novela da Globo "Salve Jorge" e se popularizou rapidamente, levando o cantor da Jovem Guarda de volta ao topo das paradas.
No ano seguinte, ela foi eleita a melhor canção brasileira no 14º Grammy Latino, além de concorrer a canção do ano. A letra foi também alvo de diversas paródias na internet, duas delas de bandas de pagode da Bahia, Operários do Samba e O Troco, que criaram as versões "Esse cara não existe" e "Esse cara sou eu (versão real)", respectivamente.


fonte: Rondônia Dinâmica Online - 15.06.2014
ROBERTO CARLOS GRAVA DEPOIMENTOS PARA SUA BIOGRAFIA
Cantor vai contratar autor para escrever livro

Após anos de promessa, Roberto Carlos finalmente deu o pontapé inicial em sua biografia.
O cantor está narrando momentos de sua história para um gravador em seu estúdio na Urca, no Rio de Janeiro.
Focado, o "Rei" já gravou cerca de quatro décadas de sua vida, segundo o jornal "O Globo".
O veterano decidiu que vai convidar dois ou mais autores para escrever seu livro. Roberto ainda não tem nenhum nome em mente.
Foi por conta deste projeto que o "Rei" teria censurado o livro "Roberto Carlos em Detalhes", escrito por Paulo César Araújo, que contava sua história.
Recentemente, o cantor lançou uma livro de fotografias com registros de sua carreira. Cada exemplar está sendo vendido por cerca de R$ 5 mil.


fonte: O Globo (coluna Gente Boa) - 14.06.2014
A BIOGRAFIA AUTORIZADA
Roberto Carlos tem passado algumas horas por dia narrando sua própria história para um gravador, no estúdio Amigo, na Urca. Assim que ficar pronto, o depoimento será entregue ao autor que Roberto vai contratar para escrever a sua biografia. O autor não. Os autores. Ele quer que o livro seja escrito por mais de uma pessoa. Roberto diz que a gravação está acelerada. Ele já narrou, em detalhes, uns 40 anos de sua vida.


fonte: Pure People - 10.06.2014
ROBERTO CARLOS NÃO VAI AOS GRAMADOS ASSISTIR AOS JOGOS DA COPA
, CANTOR DECIDIU ASSISTIR AO CAMPEONATO 'PELA TV'

Roberto Carlos não está na lista dos famosos que vão conferir os jogos da Copa perto dos gramados. O cantor, que estava cotado para se apresentar na abertura ou encerrar o mundial e ficou de fora da lista, declarou que pretende assistir às partidas em casa, pela TV mesmo.
Ao contrário de Roberto, Gilberto Gil, o cantor baiano, cancelou as shows de sua nova turnê para conferir de perto a Seleção Brasileira em quase todas as partidas, informou nesta terça-feira (10) a colunista Mônica Bergamo, do "Folha de S. Paulo".


fonte: O Globo (coluna Gente Boa) - 09.06.2014
ROBERTO 'IN ENGLISH'
O show de Roberto Carlos em Las Vegas, em setembro, terá no repertório seus sucessos interpretados em outros idiomas – inglês, espanhol e italiano. Depois da apresentação tem uma festona em homenagem ao cantor. Mas se ele vai ou não, isso ninguém sabem


fonte: Quem Online - 06.06.2014
ROBERTO CARLOS APLAUDE O FILHO DUDU EM SHOW COM HOMENAGEM À JOVEM GUARDA
Filho do "rei" se apresentou em São Paulo com releituras de músicas que são sucesso na voz de Roberto Carlos

ROBERTO CARLOS E DUDU BRAGA
A noite foi de emoção para o rei Roberto Carlos e seu filho, Dudu Braga, que se apresentou na quinta-feira (5), acompanhado da banda com um show em homenagem à Jovem Guarda no Na Mata Café, em São Paulo.
O produtor musical e baterista apresentou 18 músicas que viraram sucesso na voz do pai, desta vez com novos arranjos. No repertório, estavam clássicos como Eu Sou Terrível,Quando, É Preciso Saber Viver e Esse Cara Sou Eu.
Para prestigiar a banda, composta também por Alex Capela (vocal), Fernando Myata(guitarra) e Juninho Crispim (baixo), marcaram presença no evento famosos comoWanderleia, Tom Cavalcante e Roberta Miranda.

Roberto Carlos e Dudu Braga

Vanderléia

Robero Carlos

Roberto Carlos e Tom Cavalcante

Roberta Miranda


fonte: Caras Online - 06.06.2014
DUDU BRAGA SE EMOCIONA COM PARTICIPAÇÃO DE ROBERTO CARLOS EM SHOW
Wanderlea também subiu ao palco para dar uma "canja" na noite de quinta-feira, 5

Dudu Braga, filho do cantor Roberto Carlos, se emocionou com uma participação surpresa do pai durante a estreia do projeto "RC na Veia" na noite de quinta-feira, 5, em São Paulo.
Dudu toca bateria e ficou emocionado ao dividir o palco com Roberto, que soltou a voz. O show contou com dezoito músicas da Jovem Guarda com novos arranjos, sem perder a identidade original das canções. No repertório, canções como "Eu Sou Terrível", "Quando", "É Preciso Saber Viver" e "Esse Cara Sou Eu" fizeram a alegria dos convidados.


fonte: Purepeople Online - 06.06.2014
ROBERTO CARLOS SE EMOCIONA AO SUBIR AO PALCO DO SHOW DO FILHO DUDU BRAGA,
NO MATA CAFÉ, EM SÃO PAULO, EM 5 DE JUNHO DE 2014

Roberto Carlos levou emoção ao show da banda do filho Dudu Braga, RC na Veia, no Mata Café, em São Paulo, na noite desta quinta-feira (5). O cantor marcou presença na apresentação em homenagem a Jovem Guarda e foi ao palco cantar sucessos do movimento, como "Eu Sou Terrível" e "É Preciso Saber Viver".
O rei assistiu a parte do show sentado em uma mesa ao lado de outros convidados. Em um determinado momento, Roberto Carlossubiu ao palco e abraçou o filho, que não conteve as lágrimas. Dudu Braga é baterista da banda RC na Veia, novo projeto do produtor musical. Na apresentação, o grupo cantou 18 sucessos da Jovem Guarda.
Roberto não foi o único convidado do show. Wanderléa, grande companheira do rei no movimento, também marcou presença e cantou os hits da época. Roberta Miranda também subiu ao palco ao lado da banda, composta por Alex Capela (vocal), Fernando Myata (guitarra) e Juninho Crispim (baixo), além de Dudu. Na plateia ainda estava o humorista Tom Cavalcante, que posou com Roberto Carlos.


























fonte: Veja SP Online (coluna Lauro Jardim) - 03.06.2014
ROBERTO CARLOS, ALCKMIN E LULA

Rei ignora governador e ex-presidente
Roberto Carlos surpreendeu muitos convidados do casamento de José Seripieri Júnior, dono da Qualicorp, no sábado passado, onde fez um show.
Tinha do seu lado direito o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; e do lado esquerdo um ex-presidente da República, Lula, mas em nenhum momento fez qualquer referência às autoridades, como é praxe. Falou apenas dos noivos.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 31.05.2014
RÉU DEIXA 'REI' NU EM LIVRO QUE EXPÕE REGRAS DO JOGO ENTRE ARTISTA E MÍDIA

Resenha de livro
Artista: O réu e o rei - Minha história com Roberto Carlos, em detalhes
Autor: Paulo Cesar de Araújo
Editora: Companhia das Letras
Cotação: * * * * *
Mais do que na desautorizada biografia Roberto Carlos em detalhes (Editora Planeta, 2006), livro que circula no território livre da web em que pese sua retirada do mercado literário oficial por acordo judicial firmado em 2007, é em O réu e o rei que o escritor e historiador baiano Paulo Cesar de Araújo deixa nu o Rei, alcunha com que mídia e público se referem ao cantor e compositor capixaba Roberto Carlos. Araújo cutuca a fera ferida em seu orgulho com livro revelador que descortina os então secretos bastidores da batalha judicial que culminou com a retirada de sua biografia das livrarias do Brasil (como o próprio escritor revela ao fim de O réu e o rei, o livro Roberto Carlos em detalhes continua sendo comercializado em Portugal de forma oficial). Desta vez, a vara não é tão curta: Araújo conta com o apoio da Companhia das Letras, uma das mais poderosas editoras do Brasil, hábil no jogo com a mídia - a ponto de pôrO réu e o rei de surpresa nas prateleiras das livrarias e nas mãos dos jornalistas em 20 de maio de 2014. Tanto que a fera ferida já comunicou oficialmente ontem, 30 de maio de 2104, que não vai partir para o contra-ataque judicial por avaliar que inexiste "invasão de sua privacidade e/ou injúrias ou difamações a sua pessoa" nas 530 páginas de O réu e o rei. Páginas envolventes que revelam mais da natureza de Roberto Carlos como cidadão e artista do que a própria controvertida biografia, fruto de consistente trabalho de pesquisa de Araújo que somente detalhou fatos já de conhecimento público para, ao fim das contas, enaltecer o próprio Roberto Carlos. Sob o prisma do ineditismo dos fatos, O réu e o rei é mais revelador porque despe o Rei de sua personagem pública ao expor as agruras de sua saga para entrevistar Roberto Carlos para a biografia e os meandros da posterior batalha judicial para manter o livroRoberto Carlos em detalhes em circulação de forma oficial no mercado editorial brasileiro. Ao relatar em minúcias para o seu leitor tudo que ocorreu a portas fechadas na audiência de conciliação que culminou no acordo para a retirada da biografia do mercado (acordo firmado pelos representantes da Editora Planeta à revelia do autor do livro), Araújo mostra Roberto Carlos como ele é: um artista fera que, se ferido em seu orgulho, usa de seu poder e de sua popularidade para reverter o jogo a seu favor e fazer valer suas convicções e noções de público e privado. A julgar pelo relato feito por Araújo em O réu e o rei, esse jogo já estava ganho para o Rei naquele round judicial, uma vez que - ainda de acordo com Araújo - o juiz intimidou de antemão os representantes da Planeta com a ameaça de fechar a editora, pressionando dessa forma a empresa a aceitar o acordo. Somente esse relato já valeria a leitura de O réu e o rei. Mas o livro vai além ao dimensionar a força nacional de Roberto Carlos a partir de 1965 - ano em que o sucesso instântaneo e avassalador do rock Quero que vá tudo pro inferno(Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1965) consolida a carreira do cantor e chama a atenção do então pequeno Araújo para o som do Rei da juventude - e ao expor as regras do jogo de poder travado cotidianamente entre artistas e mídia. Nesse jogo, críticos musicais são peças importantes pelo poder - hoje diluído pela multiplicidade de opiniões da web, mas ainda existente - de conferir (ou não) status a um artista. Enquanto conta sua história de vida, rememorando o impacto que cada lançamento de um álbum de Roberto Carlos provocava na sua interiorina cidade de Vitória da Conquista (BA) nos anos 1960 e 1970, Araújo reproduz trechos de críticas desses grandes álbuns, atualmente avaliados como geniais pela maioria dos críticos, mas atacados impiedosamente na época de seus lançamentos pelos jornalistas em atividade naquele tempo - caso do talentoso Tárik de Souza, pioneiro da moderna crítica musical. Como outros colegas da época, Tárik destruía cada álbum lançado por Roberto Carlos em sintonia com a patrulha ideológica da mídia tendenciosa da época, sempre disposta a cobrar engajamento político dos artistas que faziam parte do bloco dos alienados ou omissos. Naquele contexto, pouco importava se Roberto lançava grandes canções a cada álbum se tais canções não se engajavam na luta contra a repressão da ditadura instaurada no Brasil em 1964. Por fazer análise amorosa (mas lúcida) da obra fonográfica construída por Roberto Carlos ao longo de seus 55 anos de carreira, Araújo deixa entrever por diversas vezes a admiração que tem por essa obra entronizada na preferência popular de sucessivas gerações, em reinado que ganhou fôlego renovado em 2012 com o lançamento da balada Esse cara sou eu (Roberto Carlos), sucesso imediato ao ser apresentada em novembro daquele ano. Contudo, O réu e o rei é nada condescendente com a postura do artista na luta para preservar o que ele considera sua intimidade. A ponto de Araujo concluir seu relato analítico com a comparação das atitudes de Roberto Carlos com as de um senhor de escravos dos tempos do Brasil colonial. Sem maquiar atos e fatos, Araújo revela como o cantor soube se armar - a partir dos anos 1970 - para enfrentar o cotidiano jogo de poder que envolve artistas e mídia. O livro mostra como a assinatura de um contrato exclusivo com a TV Globo em 1974 - contrato ainda em vigor neste ano de 2014 - blindou Roberto Carlos no mais poderoso veículo de comunicação do país. Araújo mostra também como o Rei constituiu relações de confiança com editores de revistas comoFatos & Fotos e Manchete, publicações importantes no Brasil pré-Caras que, em troca de acesso exclusivo a fatos e fotos do artista, ajudaram a moldar retrato romantizado do artista para o seu público. Ao reconstituir cada passo de sua odisseia para tentar (em vão, como Araújo demorou a perceber) a entrevista com Roberto Carlos para a biografia, Araújo desarma o circo armado em torno do cantor em entrevistas coletivas, eventos públicos e shows por stafforquestrado por assessores de imprensa, produtores e empresários como Dody Sirena, o gaúcho tenaz que fez Roberto rever seus conceitos de não associar publicamente seu nome a produtos como marcas de cervejas, carnes e cartões de créditos - ação que gerou aumento substancial no faturamento do artista à medida em que caíam as vendas de seus discos por conta da queda na qualidade do repertório e por conta da pirataria de CDs que dinamitou o mercado fonográfico a partir dos anos 2000. Despido com detalhes alinhavados por réu agraciado com o dom da escrita, e cuja heroica trajetória de vida já se entrelaça de forma indissociável com a vida e obra de Roberto Carlos, o Rei está nu. Cada um que o vista com seus olhos e convicções.


fonte: G1 Online - 30.05.2014
ROBERTO CARLOS DIZ QUE NÃO VAI TOMAR MEDIDA JURÍDICA QUANTO A NOVO LIVRO
Advogado analisou 'O réu e o rei', sobre biografia tirada das lojas em 2007.
Eles não veem 'invasão de privacidade, injúria ou difamação' em nova obra.

Capa de 'O réu e o rei' e o autor, Paulo Cesar de Araújo
O advogado de Roberto Carlos disse nesta sexta-feira (30) que não vai tomar medidas jurídicas quanto ao novo livro "O réu e o rei". Paulo Cesar de Araujo, autor de uma biografia do cantor tirada de circulação em abril de 2007, lançou o livro sobre o caso na terça-feira (20). "O réu e o rei" fala sobre a polêmica proibição da obra anterior.
"Com relação ao livro “O Réu e o Rei”, Roberto Carlos não vai tomar qualquer medida jurídica, em face de: a) o livro não ser uma biografia sua, mas uma autobiografia do autor; b) ao contrário do livro anterior, não conter invasão de sua privacidade e/ou injurias ou difamações a sua pessoa. O livro 'Roberto Carlos em Detalhes' não foi censurado ou apreendido, mas saiu do mercado em face de um acordo judicial, irrevogável e definitivo, assinado espontaneamente pelo autor do livro, o editor e a Editora", diz o comunicado à imprensa, assinado pelo advogado Marco Antonio Bezerra Campos.
Análise
"O doutor Marco Antônio [Campos, advogado] está no circuito e vai nos dar parecer jurídico para nossa apreciação, e também do Kakay [Antônio Carlos de Almeida Castro, outro advogado]", disse Dody Sirena ao G1 logo após o lançamento de "O réu e o rei". A reação de Roberto ao novo livro será definida a partir deste parecer.
O trabalho chegou às livrarias sem campanha de divulgação pela editora. De acordo com a assessoria da editora Compahia das Letras, jamais houve um caso semelhante, em que uma obra da editora, fundada em 1986, não teve campanha publicitária. A tiragem de "O réu e o rei" (30 mil exemplares), no entanto, é superior à média. Com 528 páginas, o livro tem um título complementar que faz referência à biografia banida: "Minha história com Roberto Carlos, em detalhes".
O livro sai duas semanas depois de a Câmara dos Deputados ter aprovado o projeto de lei que libera a venda de biografias não autorizadas pelos biografados ou por suas famílias, em caso de morte. O texto ainda precisa passar pelo Senado antes de ir à sanção presidencial.
O Supremo Tribunal Federal também deve analisar a ação que pede a liberação da publicação. O caso será decidido pelo Supremo durante o julgamento de ação proposta pela Associação Nacional dos Editores de Livros (Anel).
No processo, a associação afirma que a atual restrição imposta aos editores é incompatível com a liberdade de expressão e de informação. Os autores da ação pedem que o Supremo declare que não é necessário o consentimento do biografado para que o livro seja publicado.
Editor escreve em blog
O texto de apresentação de "O rei e réu" descreve o conteúdo citando a controvérsia do livro anterior. "Objeto de verdadeira polêmica pública, a batalha em torno da proibição de 'Roberto Carlos em detalhes' é o cerne de ‘O réu e o rei’", informa o material promocional.
"Paulo Cesar de Araújo conta a história da sua intensa relação com a música de Roberto Carlos, os 16 anos de pesquisa que embasaram a redação da biografia, e por fim os meandros de uma das mais comentadas e controversas guerras judiciais travadas recentemente no Brasil."
No mesmo dia em que "O réu e o rei" chegou às livrarias, o editor da Companhia das Letras, Luiz Schwarcz, fez no blog da editora um post a favor da liberdade da publicação de biografias não autorizadas.
"Com essa publicação, procuramos relembrar um período de injustiças na qual outros escritores e editores – é importante não deixar de citar Ruy Castro, que conosco pelejou na justiça por muitos anos para ter sua biografia de Garrincha circulando livremente – foram cerceados", escreve Schwarcz.
"Serve como testemunho das dificuldades para escrever biografias independentes no Brasil. Com ele ['O réu e o rei'] a Companhia das Letras procura contribuir ativamente para a consolidação do direito do cidadão brasileiro ao conhecimento de fatos relevantes da vida das suas figuras públicas."
O editor afirma ser "coincidência" o fato de a obra ter saído logo depois da aprovação do projeto pela Câmara. Também diz que aprovou a proposta de "O réu e o rei" porque o "livro atendia bem às minhas duas intenções iniciais: trazer Paulo Cesar para a Companhia das Letras e marcar posição na luta pela liberdade das biografias".
Procure Saber
A liberdade de publicação de biografias ganhou mais destaque a partir do início de 2013, quando o grupo Procure Saber – então integrado por Caetano Veloso, Chico Buarque, Gilberto Gil, Roberto Carlos, Djavan, entre outros artistas, e presidido pela ex-mulher de Caetano Paula Lavigne – passou a defender a proibição de obras não autorizadas.
Os artistas diziam defender o direito à privacidade e destacavam as dificuldades em conseguir reparar, através de ações judiciais, os danos posteriores à publicação.
Os biógrafos, contudo, avaliam que a necessidade de autorização é censura prévia e fere a liberdade de expressão. Dizem que a necessidade de autorização defendida pelos artistas impediria a publicação de obras sobre personagens históricos, citando como exemplo a impossibilidade de se escrever sem interferências um texto sobre generais da ditadura ou sobre políticos.
O Código Civil brasileiro, em vigor desde 2003, diz que "a divulgação de escritos, a transmissão da palavra, ou a publicação, a exposição ou a utilização da imagem de uma pessoa poderão ser proibidas, a seu requerimento e sem prejuízo da indenização que couber, se lhe atingirem a honra, a boa fama ou a respeitabilidade, ou se se destinarem a fins comerciais".
Foi justamente essa regra permitiu que Roberto Carlos banisse, em abril de 2007, a biografia escrita por Paulo César de Araújo. "Roberto Carlos em detalhes" havia sido publicado pela Planeta em dezembro de 2006. A obra teve a produção e comercialização interrompidas após acordo judicial entre a editora e o cantor.
O Artigo 5º da Constituição Federal, entretanto, diz que "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" e atesta que "são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação".


fonte: O Globo (coluna Gente Boa) - 28.05.2014
'O RÉU E O REI': RELATÓRIO PEDIDO POR ROBERTO CARLOS FICA PRONTO HOJE
Novo capítulo

Os advogados de Roberto Carlos entregam hoje ao cantor um relatório sobre o conteúdo do livro “O réu e o rei — minha história com Roberto Carlos, em detalhes”, de Paulo Cesar de Araújo. Roberto decide amanhã se entra com ação contra o autor do livro — ele conta os bastidores do processo judicial que culminou com a retirada do mercado da biografia do “Rei”.


fonte: R7 - 27.05.2014
AUTOR PAULO CÉSAR DE ARAÚJO NÃO TEM MEDO DE TER LIVRO CENSURADO NOVAMENTE PELO CANTOR

Em 2007, Roberto Carlos proibiu a biografia escrita por Paulo César de Araújo, mas virou tema de um novo livro

Novo livro conta bastidores de proibição
Sem divulgação prévia e pegando público e a mídia de surpresa, a editora Companhia das Letras lançou o livro O Réu e o Rei (Companhia das Letras, 528 págs, R$ 45), de Paulo César de Araújo. A obra é do mesmo autor de Roberto Carlos em Detalhes, que foi recolhido das prateleiras em 2007, após batalha judicial. E a ideia era realmente não ter chance, segundo o autor, de alguma medida judicial proibir novamente a circulação de uma obra sua.
O novo livro conta justamente todo o bastidor do polêmico embate entre o biógrafo e Roberto Carlos nos tribunais, há sete anos. Em entrevista ao portal R7, Paulo César disse que O Réu e o Rei é a história de um ídolo que se volta contra um fã e pede a prisão.
Mais do que falar sobre a censura, a obra revela um lado controlador de Roberto Carlos. Paulo César conta que o poder do cantor foi decisivo na proibição e também alega alguns artifícios mais graves, por parte dos advogados do ídolo.
— Eles deram interpretação negativa para algo que era neutro ou positivo. Eles chegaram ao ponto de adulterar o conteúdo do livro para obter a proibição.
Ao começar a conversa com a reportagem, Paulo César até fez uma brincadeira com o nome do portal: “Esse nome me lembra RC7, já fico assustado”. E pudera. RC é tema de muitos anos na vida de Paulo César, o ídolo que virou inimigo no fórum judicial.

R7: Por que você acha que Roberto Carlos ficou tão furioso e não quis saber do seu livro?
Paulo César de Araújo: Porque o livro chegou com força, o livro chegou completo e foi elogiado pela crítica e pelo público. Por isso. Porque quanto mais falam para o Roberto que o livro é bom, mais ele fica irritado com isso. Se o livro fosse qualquer coisa, pequenininho, vagabundo, ele deixava pra lá. Mas, não. E ele é compulsivo obsessivo. Ele tem a obsessão compulsiva de controlar tudo e todos em torno dele. E ele pratica isso diariamente. A TV Globo não faz nada que ele não quer. O Canecão não faz nada que ele não quer, fazia, quando existia o Canecão. Tudo dele é esse controle. Ele rejeitou o livro não pelo conteúdo do livro, mas pela forma do livro, por ser um livro completo, por ser uma biografia não autorizada. Foi isso que o incomodou, fez com que ele partisse como tudo e que esteja lutando até hoje para que livros iguais a esse sejam feitos sem a autorização dele.

R7: Um dos motivos da proibição também seria dele não querer revelar segredos da vida dele, que você conta. Acha que isso teria dado um peso na proibição?
PC: Não, não. Isso são só argumentos para ele usar. Imagina, que episódio da vida de Roberto ele não quer revelar. Ele próprio já falou disso tudo. O acidente na infância, eu conto aí no livro. Ele deu uma entrevista para Ronaldo Bôscoli, contando em detalhes, “Eu estava ali me esvaindo em sangue”. Frase dele para o amigo dele Ronaldo Bôscoli. Eu conto no livro. Todas as mulheres que ele amou, ele dedicou músicas e anunciou isso publicamente. Ele sempre dividiu com o público seus dramas e seus amores. Só estou dizendo isso para falar que a vida pessoal do Roberto é exposta publicamente por ele próprio, e o livro analisa isso. Não foi pelo conteúdo, mas por ser não autorizado. Essa que é a questão do Roberto, ele é obsessivo compulsivo, ele quer controlar tudo. Inclusive a liberdade de expressão do Brasil. Mas isso não dá. Tudo tem limite. Tudo deve ter limite.

R7: E como foram as tentativas de entrevistar o próprio Roberto Carlos? Desde antes do lançamento ele se mostrou contra seu livro?
PC: Isso eu conto de forma detalhista no livro. Eu estava na faculdade ainda, comunicação aqui no Rio, e comecei a pesquisar para o meu tema de monografia de final de ano. Esse trabalho nasceu assim. E ali em 90, eu fiz minha primeira tentativa de entrevistar Roberto Carlos. Então, foram 15 anos tentando. Quando eu procurei pela primeira vez, eu estava procurando o Roberto para uma monografia de final de curso. Depois, eu comecei a pesquisa para o mestrado, procurei Roberto para escrever o mestrado, como estudante. Depois, eu estava pesquisando a música brasileira, e procurei Roberto porque estava pesquisando sobre a música brasileira. Quando lá na frente eu defini pelo livro, lá na frente, daí eu procurei o Roberto e o empresário, Dody Sirena, e falei “estou escrevendo um livro sobre você”. Durante esses 15 anos, eu procurei Roberto por todos esses motivos. Fui claro e transparente. Procurei empresário, assessores, sempre os caminhos legais. Nunca procurei a empregada dele, nunca procurei filho, camareira... sempre os assessores e empresário. E nenhum deles, é importante dizer, disse “Roberto Carlos não vai dar entrevista” ou “Roberto Carlos não quer que você escreva sobre ele”. Nunca. Sempre falavam “Roberto está viajando”, “Roberto está gravando”, “Roberto está rezando”. Enfim. Assim se passaram 15 anos. Roberto nunca diz “não”, ele só não diz “sim”. Eu esperei 15 anos. Vou pedir minha inclusão no Guiness Book.

R7: Na época da proibição do Roberto Carlos em Detalhes, teve uma história também do Roberto Carlos dizer que você queria ganhar dinheiro em cima do nome dele. Você realmente tinha a intenção de ganhar dinheiro com ele?
PC: Eu nunca penso nisso. Meu objetivo era explicar Roberto para o Brasil, porque eu achava um absurdo na década 90, quando eu comecei a pesquisa, não tinha um livro que explicava o fenômeno Roberto Carlos. Tinha 300 livros sobre Bob Dylan, mil livros sobre Elvis Presley, tem livraria na Argentina só com livro sobre Carlos Gardel. Como é possível não ter um livro sobre Roberto Carlos, dizendo quem é ele, explicando por que ele é Rei, quem influenciou e por quem é influenciado. Então, eu me propus esse desafio. Quem pensa em dinheiro são os advogados do Roberto Carlos, eles são empresários e só pensam em dinheiro. Eu não, eu sou de cultura. O dinheiro é consequência.

R7: Você tem mágoa do Roberto ou deixou de ser fã do Roberto depois de tudo isso?
PC: Não, nada disso. Você sabe que eu continuo ouvindo Roberto Carlos. Ouvi os discos todos para escrever esse livro, porque eu conto a história de cada um deles. É uma emoção lembrar da minha infância. Ele brigou comigo, eu não briguei com ele. Eu vou continuar pesquisando, anotando e atualizando meu arquivo. Não só do Roberto, mas do Chico, do Caetano, do Milton, do João Gilberto. Eu não tenho ressentimento, eu não tenho nada. Aliás, para azar do Roberto. Talvez ele preferisse alguém que ficasse rancoroso. Vou continuar escrevendo sobre ele, falando. Eu não tenho problema nenhum.

R7: Você falou de outros cantores que você pesquisa. Tem a ideia de escrever a biografia de alguma outra personalidade?
PC: Sim. Eu não sei biografia, mas certamente, pois na minha pesquisa de 15 anos, eu usei só uma parte no livro Eu Não Sou Cachorro, Não, parte no Roberto Carlos em Detalhes e uma pequena parte agora. Parte da minha pesquisa eu vou usar em futuros livros. Não está definido ainda se vou focar em um personagem ou se vou falar de uma história mais geral. Ainda não defini, mas certamente vou continuar escrevendo. O próprio estudo da música brasileira no Brasil ainda é muito incipiente, estamos começando. Ainda tem muita coisa para ser dita e pesquisada.

R7: Foram anos estudando a vida e carreira do Roberto. Depois de pesquisas e após todos os episódios com ele, quem é Roberto Carlos para você?
PC: Roberto Carlos é, além do mais popular artista do Brasil, o gênio da canção. O que faz Roberto Carlos o Rei da Música Brasileira é ele ser um grande cancionista. Ele conseguiu fazer músicas que atingem pobre, rico, culto, inculto. É esse talento para compor que fez o que ele é, patrimônio da música brasileira. Mas, ao mesmo tempo, Roberto é um ser humano com limitações, obsessões que limitam esse artista genial. Nós temos um gênio da canção que ao mesmo tempo é um ser humano com suas contradições e limitações. Por exemplo, o Roberto Carlos não tem o costume de ler. Essa é uma limitação e tem um preço. Roberto nunca cultivou o hábito de ler e isso faz parte desse Brasilzão, que vê basicamente televisão. As horas do Roberto ele passa vendo Big Brother, novela. Ele não cultivou isso. Isso tem o preço e está aí nessa reação dele contra o livro. Ou seja, só alguém sem intimidade com leitura e com livros para ter essa militância contra o livro, de querer prender, queimar livros.

R7: Por que a decisão de lançar o livro sem divulgação prévia? A intenção era driblar qualquer proibição? Partiu de você?
Paulo César de Araújo: Eu venho anunciando esse livro há um tempo. Há uns três anos pelo menos eu falo que estou escrevendo um livro sobre os bastidores do processo. De fato, nos últimos meses, a editora optou por não anunciar previamente e tomou essa precaução para evitar que alguma medida fosse tomada por Roberto antes do livro ser lançado. O livro não foi em segredo, sempre que foi perguntado, eu falei que estava escrevendo. Mas, nos últimos meses, foi mesmo por uma precaução, dado o fato do que vem acontecendo no Brasil, de que autores estão sendo vítimas de censura, personagens estão invocando um aberrante do artigo 20, que está, felizmente, para ser mudado, mas que ainda está em vigor.

R7: O Réu e o Rei fala sobre a censura do seu livro e sua relação com Roberto Carlos após isso?
PC: Eu conto um pouco dessa história do Brasil recente. Um País que tem uma Constituição que nos garante a democracia, garante a liberdade de expressão, que diz no seu artigo 5 é livre a divulgação, é livre a publicação do trabalho artístico e científico independente de sua licença. Porém, existe um aberrante no artigo 20, que é um lei menor, que está prevalecendo. O meu caso é um caso entre outros livros que foram proibidos. E, ao mesmo tempo, eu conto uma história do Brasil, história de um fã, que veio do interior do Brasil, que se encantou com a música de um ídolo tão mais popular do País. É uma história universal, porque estou contando a história de uma multidão de brasileiros. No meu caso, o que se torna dramático é que esse ídolo depois, por conta de um livro que eu escrevi, vai se voltar contra um fã e pedir a minha prisão.

R7: RC já acionou advogados para saber sobre o conteúdo desse seu novo livro. Tem receio de seu novo livro também ser recolhido?
PC: Eu não. Só lamento que em vez de acionar advogados, ele devia ler o livro primeiro. Ele fez isso da outra vez e parece que ele repete o erro. Em se tratando de livro, ele devia ler. Inclusive, se ele se permitisse ler o livro, ele iria aprender que a história dele não é um patrimônio particular, a história dele foi construída por uma multidão de brasileiros, em sua maioria humildes, que com dificuldades compraram o disco dele e ajudaram ele a construir esse império que ele construiu. Se ele permitisse ler, ele veria que a história dele faz parte de uma história coletiva. Que ele possa pedir isso [a proibição], ele pode, mas que ele vá conseguir, acredito que não há a menor chance mais. Ninguém suporta mais a censura. Ele pode resmungar, pedir, pode. Mas acho que ele não possa conseguir, não. Essa é uma história virada na nossa história. Como diz o Chico, página infeliz da nossa história.

R7: Nesse novo livro, você conta os bastidores da censura de seu primeiro livro sobre Roberto Carlos. Qual foi o capítulo que foi mais difícil de escrever?
PC: O primeiro capítulo que eu escrevi foi o nove. Foi o capítulo mais dramático, que foi o mais difícil no sentido de ter revivido um momento muito ruim. Eu quis começar por ele mesmo, porque eu estava ali com a memória fresca. Eu escrevi esse capítulo em 2008. Fiz as primeiras anotações e quis logo relatar o que aconteceu na audiência, para não perder as informações, as frases que eu ouvi dos advogados, do juiz e do Roberto Carlos. É um livro com duas características bem definidas: é um livro de pesquisa e um livro de memória e eu sou o personagem e o narrador. Esse meu livro tem uma ampla pesquisa e são fontes e fontes citadas, quase mil notas, mas ao mesmo tempo tem o testemunho do que eu vivi.

R7: No O Réu e o Rei, você explica os argumentos usados pelos advogados de Roberto Carlos, para se defender. Você acha que os advogados do cantor deturparam os trechos do seu livro para vencer a batalha judicial?
PC: Eles chegaram a adulterar mais do que isso. Eles deram interpretação negativa para algo que era neutro ou positivo. Mais do que isso, tem uma parte do livro que eles adulteraram. Eu digo que “o ambiente da jovem guarda era marcado por playboys, jovens, garotas”, e eles trocaram mulheres por drogas. Algo que eu não digo sobre Roberto Carlos, que ele é consumidor de drogas. Eles chegaram ao ponto de adulterar o conteúdo do livro para obter a proibição. Isso eu conto em detalhes, citando a página e tudo de cada trecho. Eles quiseram atribuir ao livro, para conseguir a proibição, eles tinham que dizer que o livro atingia a honra e a respeitabilidade do Roberto Carlos. É a exigência do tal aberrante do artigo 20 da Código Civil. Para mostrar que o livro atingia a honra eles começaram a mostrar que atinge aqui, atinge acá, quando eles viram que não tinha mais assuntos, eles pensaram “bota aqui, tira mulher e bota droga”. Enfim, isso está no capítulo sete.

R7: Como você se sentiu vendo os advogados mudando o cenário, palavras para obter essa proibição?
PC: Essa adulteração eu só fui constatar depois. Na audiência eu ainda não sabia, só fui saber depois no acesso aos autos. Mas aquela audiência foi dramática por isso. Como eu disse na época, eu me senti abandonado. Sabe que duas pré-comissões todo cidadão precisa para entrar na Justiça ou num fórum criminal: ser assistido por um advogado e contar com a imparcialidade do juiz. Essas duas pré-condições me faltaram, porque o advogado, que em tese estava ali para me defender e era o advogado da Planeta, e quando a Planeta decidiu entregar o livro, eu fiquei sem advogado; e o juiz que estaria ali para mediar, estava francamente a favor do Roberto, ameaçou fechar a editora, como conto no capítulo nove. Foi uma situação difícil e dramática. Eu estava ali diante do meu ídolo, a quem eu tinha tentado uma entrevista por 15 anos, sendo acusado por ele e nesse ambiente totalmente hostil.

R7: Você acha que, se não fosse o Roberto Carlos, você chance de não ter sido proibido seu livro?
PC: Claro! Roberto Carlos mais do que um cantor e compositor é uma instituição nacional. Roberto é formador de opinião. Imagina, um juiz de primeira instância recebe um processo assinado por Roberto Carlos dizendo que o livro atinge a sua honra, boa fama e respeitabilidade, o juiz diz ‘claro, Roberto, é isso aí’. E foi isso que aconteceu. Daí a rapidez do caso. A gente sempre ouviu dizer que aqui no Brasil a Justiça é morosa, sabemos disso. Morosa para nós. Para Roberto Carlos foi rápida. Ele entrou na Justiça em janeiro, em fevereiro já estava com o livro proibido. Rapidez. O que é isso? Roberto Carlos. É o poder. Meu livro estabelece também uma questão do poder. Conto também da Rede Globo, como que a Rede Globo tentou ocultar ao máximo. Isso está contado no livro. Como foi a relação da mídia com esse caso. Como todos os outros jornais e televisões noticiaram isso com a Globo ali ocultando. Só falando quando o Roberto Carlos resolveu falar. Então o livro fala de relações de poder também.


fonte: O Globo (coluna Gente Boa) - 23.05.2014
O DISCO RENEGADO DO REI
Um raríssimo exemplar do LP “Louco por você”, de Roberto Carlos, será o destaque da Feira do Vinil do Rio, que acontece no Colégio Bennett, dia 1º de junho. Pode chegar a R$ 3 mil. O disco, de 1961, teria sido renegado pelo Rei, que questionava a qualidade do trabalho e canções como “Não é por mim”, que daria a entender que ele não acredita em Deus. Recentemente o álbum foi liberado para o iTunes, depois de o cantor voltar atrás da decisão de retirá-lo do catálogo on line.
“Louco por você” mostra a fase inicial da carreira de Roberto e não teve o sucesso comercial esperado (vendeu 3.500 cópias). Também é o único álbum da carreira de RC, que não traz uma roto dele na capa, e sim a imagem de um casal apaixonado. A contracapa tem ainda um erro: diz que ele nasceu no Rio. Foi no Espírito Santo, como você deve estar cansado de saber.


fonte: Terra - 22.05.2014
EQUIPE DE ROBERTO CARLOS ANALISA CONTEÚDO DE NOVO LIVRO DESAUTORIZADO
Foi lançado nesta terça-feira (20), sem o menor alarde, um livro relacionado ao cantorRoberto Carlos. Intitulada “O Réu e o Rei”, a obra trata sobre a proibição da biografia “Roberto Carlos em Detalhes”, que foi tirada de circulação em 2007.
Lançado pela Editora Companhia do Livro, “O Réu e o Rei” é uma autoria de Paulo Cesar de Araújo, também responsável pela polêmica biografia. Com mais de 500 páginas, o livro tem um título complementar que faz referência à biografia banida: “Minha história com Roberto Carlos, em detalhes”.
Ao portal G1, a assessoria da editora explicou os motivos pelos quais não houve campanha de divulgação para o lançamento do novo livro. “A Companhia decidiu avisar a imprensa e os leitores só com o livro pronto. Sabemos dos riscos que corremos, apesar de não ser uma biografia sobre o cantor – e sim um relato, uma reportagem sobre a relação do PCA e RC”.
Ainda de acordo com o G1, o empresário de Roberto, Dody Sirena, já encomendou um parecer jurídico sobre o novo livro. “O doutor Marco Antônio [Campos, advogado] está no circuito e vai nos dar parecer jurídico para nossa apreciação, e também do Kakay [Antônio Carlos de Almeida Castro, outro advogado]“, disse. O posicionamento do artista acerca do livro será definido a partir da análise de seu departamento jurídico.

Capa do novo livro sobre Roberto Carlos


fonte: Tribuna Hoje Online - 21.05.2014
ROBERTO CARLOS VAI À MISSA DE SÉTIMO DIA DO FILHO DE ERASMO CARLOS

Roberto Carlos, 73, fez questão de comparecer na missa de sétimo dia de Alexandre Pessoal, filho do seu amigo Erasmo Carlos, 72.

A celebração aconteceu na noite desta terça-feira (20) na Capela Santo Antônio, que fica na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.
Além da presença dos cantores e de alguns familiares, a atriz Christiane Torloni, 57, também esteve no local. A famosa leu um trecho da bíblia em homenagem ao primogênito do Tremendão.
Alexandre Pessoal faleceu aos 40 anos na última quarta-feira (14) no Rio de Janeiro. No dia 7 de maio ele sofreu um acidente de motoao deixar a casa de Erasmo. Por conta disso, teve traumatismo craniano e perfuração no pulmão.
Assim como o pai, Alexandre também era músico. Ele trabalhava como vocalista da banda"Trilogia" e do bloco de Carnaval "Fica Comigo".


fonte: Pure People Online - 20.05.2014
BIÓGRAFO LANÇA LIVRO SOBRE BRIGA JUDICIAL TRAVADA COM ROBERTO CARLOS

Paulo Cesar de Araújo, o autor da biografia "Roberto Carlos em detalhes", que foi vetada pelo cantor após uma briga judicial, lança o livro contando a sua saga terminada no engavetamento da obra em 2007, por ordem da Justiça.
À época, Roberto entrou com uma ação contra o jornalista para vetar a venda do livro, que falava sobre a sua vida pessoal e carreira, e venceu o processo, que se baseou na legislação em vigor.
Paulo é o autor do novo livro "O réu e o rei - Minha história com Roberto Carlos, em detalhes", que narra a saga da briga entre ele e Roberto Carlos nos tribunais e como aconteceu os encontros dos dois. Nele, o jornalista conta que durante uma audiência um juiz pediu à Roberto que autografasse um álbum levado por ele e tirasse uma foto.
O livro é publicado pela Companhia das Letras, editora com a qual o jornalista tem contrato desde 2009. Segundo o jornal, o novo livro de Paulo foi mantido em segredo para se afastar de mais polêmicas que surgiram depois que um debate sobre as biografias veio à tona.
De acordo com o jornal "O Globo" desta terça-feira (20), Paulo Cesar poderá voltar a travar uma briga com o Roberto. "Roberto Carlos ainda pode entrar na Justiça contra a publicação. Mas eu espero que ele não faça isso", espera Otávio Marques da Costa, publisher da Companhia das Letras em entrevista ao jornal.
"O ambiente no poder judiciário e também na sociedade me parece muito favorável para que a liberdade de expressão prevaleça", completou ao afirmar que o livro vetado, "Roberto Carlos em detalhes" ainda está com as vendas proibidas.
Já o novo livro, "O réu e o rei" já está com as vendas às portas. A tiragem inicial é de 30 mil exemplares, e 20 mil já chegarão em breve às lojas, podendo ser lançados no Rio e São Paulo ainda nesta terça-feira (20).
Sobre a novidade do livro, o empresário do cantor, Dody Sirena, chamou o anúncio da obra de oportunismo: "Nem eu nem o Roberto Carlos estávamos sabendo disso. É muito oportunismo! Vou ligar agora para o advogado".
Pela nova lei, qualquer pessoa pode impedir uma biografia de ser publicada caso o livro não tenha autorização. O assunto foi levado para o Supremo Tribunal Federal e para o Congresso. Na Câmara dos Deputados, houve uma mudança sobre a nova lei, que descarta a autorização para a publicação de uma biografia. A questão, porém, segue no Senado.
A favor da privacidade, Roberto Carlos voltou atrás ao dizer no "Fantástico" que concordava com a publicação de biografias não autorizadas, desde que os livros sofressem "certos ajustes". "Que não fira a liberdade de expressão e o direito à privacidade", disse o cantor.
Recentemente, Roberto fez um pedido oficial ao Supremo Tribunal Federal para participar, por meio de sua organização, o Instituto Amigo, das discussões referentes à biografias lançadas no Brasil.


fonte: Observatório da Imprensa online - 20.05.2014
ROBERTO CARLOS ENTRA NO SUPREMO CONTRA BIOGRAFIA
Tércio Pires nega que tenha pedido para o cantor dar opinião sobre o disco que gravou,
conforme história descrita em 'O réu e o rei', livro do biógrafo sobre a batalha judicial
O cantor Roberto Carlos entrou nesta quinta (15/05) com um pedido no Supremo Tribunal Federal para participar do processo que discute a publicação ou a exibição de biografias não autorizadas por biografados ou herdeiros.
Em dezembro, ele criou o Instituto Amigo para poder participar do caso como amicus curiae (parte interessada na causa).
A entidade foi criada no mês seguinte à saída de Roberto do Procure Saber, grupo formado por Caetano Veloso e Chico entre outros.
Roberto alegou divergências com o grupo, que decidiu então deixar a questão das biografias de lado. “Imaginávamos que seríamos representados pelo Procure Saber. Como o Roberto deixou o grupo, decidiu criar o instituto para garantir que todos os lados sejam ouvidos pelos ministros do Supremo”, explica Dody Sirena, empresário de Roberto Carlos.
Segundo ele, o instituto era um projeto antigo para facilitar doações sociais que o músico faz, mas sua criação foi precipitada pela discussão sobre as biografias.
O músico foi ao tribunal contra ação da Associação Nacional de Editores de Livros de 2012 para que dois artigos do Código Civil sejam declarados inconstitucionais por “permitirem censura prévia”. Para os editores, a necessidade de autorização prévia de biografados ou herdeiros, prevista nesses artigos, prejudica a liberdade de informação.
Na petição, a entidade de Roberto diz que a supressão desses artigos “viria a tolher direito de reparação de dano à honra e à imagem das pessoas biografadas”. O instituto defende prevalência do direito à intimidade sobre a liberdade de informação.
Veto
Hoje, é possível vetar obras escritas ou exibidas sem autorização graças a uma brecha criada pelo Código Civil. O caso mais emblemático é o livro Roberto Carlos em Detalhes, biografia não autorizada escrita por Paulo César de Araújo em 2006. Após ações judiciais do músico Roberto Carlos contra a editora Planeta e o autor, as três partes fecharam um acordo, em 2007, que resultou no recolhimento de 11 mil exemplares da obra.
A tentativa de acabar com essa brecha legal se dá também no Legislativo. No início do mês, a Câmara aprovou projeto de lei que revoga a autorização prévia. O texto foi enviado ao Senado e, caso seja aprovado, vai à sanção presidencial.
Uma emenda foi incorporada ao texto inicial para garantir rapidez no julgamento de processos em que biografados se sentirem ofendidos.
Essa mudança agradou a Roberto. “Ele é a favor de biografias não autorizadas desde que sejam feitos ajustes. A emenda é um exemplo do que ele defende”, diz Sirena. “Não somos censores. Estamos onde sempre estivemos, pregando a liberdade, o direito às ideias, o direito de sermos cidadãos que têm uma vida comum”, afirmou o cantor num vídeo publicado na internet em outubro do ano passado, ao lado de Erasmo Carlos e Gilberto Gil.
Choque
Cinco entidades já foram aceitas como amicus curiae.
São favoráveis às biografias não autorizadas: Ordem dos Advogados do Brasil, Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, Academia Brasileira de Letras e Artigo 19 Brasil. Do outro lado, a Associação Eduardo Banks.
O Instituto dos Advogados de São Paulo e o Instituto Amigo, ambos favoráveis à legislação em vigor, ainda não foram aceitos no processo.
Não há previsão de quando a ministra do Supremo Cármen Lúcia, relatora do caso, concluirá seu voto.
Trecho “É evidente que o direito a liberdade de informação jornalística é importante, mas não menos do que a garantia da inviolabilidade da intimidade da vida privada ou da reparação do dano” [extraído da petição do Instituto Amigo enviada ao Supremo Tribunal Federal].


fonte: Pure People Online - 20.05.2014
ROBERTO CARLOS, CHRISTIANE TORLONI, AMIGOS E PARENTES FORAM Á MISSA DE SÉTIMO DIA DO CANTOR ALEXANDRE PESSOAL
FILHO DE ERASMO CARLOS, NA CAPELA SANTO ANTÔNIO, NO CONDOMÍNIO PENÍNSUA,
NA BARRA DA TIJUCA, ZONA OESTE DO RIO DE JANEIRO, NESTA TERÇA-FEIRA, 20 DE MAIO DE 2014

O pai do músico, Erasmo Carlos, e a viúva, Daniela Tieko, foram um dos primeiros a chegar ao local. O cantor entrou na igreja pela porta dos fundos, acomodando-se na primeira fila. Christiane Torloni e Roberto Carlos chegaram um pouco depois. Durante a missa, a atriz leu uma homenagem ao jovem, no microfone, e ao acabar, deu um beijo em Erasmo.
Alexandre caiu de sua moto, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, após sair da casa do pai na madrugada do último dia 07 de maio. Com o impacto, sofreu traumatismo craniano e perfuração no pulmão. Na manhã do dia 14, foi confirmada a morte cerebral do músico.
Segundo informação recente da assessoria de Erasmo, o artista retomará, no dia 24 de maio, a agenda dos shows de lançamento da turnê Gigante Gentil, no Vivo Rio, Zona Sul do Rio de Janeiro.


fonte: O Globo Online - 20.05.2014
JUIZ DA CONCILIAÇÃO ENTRE PAULO CESAR DE ARAÚJO E ROBERTO CARLOS
REPUDIA HISTÓRIA CONTADA EM LIVRO
Tércio Pires nega que tenha pedido para o cantor dar opinião sobre o disco que gravou,
conforme história descrita em 'O réu e o rei', livro do biógrafo sobre a batalha judicial
SÃO PAULO - O juiz Tércio Pires, que hoje atua como substituto de segundo grau no TJ-SP, afirmou que não pediu autógrafo a Roberto Carlos, mas confirmou que entregou seu CD autografado ao cantor, assim como a todos os outros presentes na audiência de conciliação entre Paulo Cesar de Araújo e Roberto Carlos.
Segundo trecho do livro "O réu e o rei - Minha história com Roberto Carlos, em detalhes", após a audiência em que estavam presentes representantes da editora Planeta, o promotor do caso, advogados, o cantor e o biógrafo, o juiz teria dado um CD com seu trabalho de músico ao ídolo. E teria dito, na frente de testemunhas, que gostaria de ouvir a opinião do ídolo sobre o disco.
- É mentira, não falei nada disso (que gostaria que Roberto Carlos ouvisse e desse opinião sobre o CD dele), nem ele(Roberto Carlos, que teria respondido que ouviria com carinho). Terminou o acordo, estava todo mundo conversando, todos felizes e sorridentes e, exatamente por esse desprendimento, peguei meus CDs e dei para todos os advogados,promotores, para todo mundo, inclusive para o seu Paulo. Posso até ter feito um comentário para ouvirem, mas foi dentro desse contexto - afirmou Pires, cujo nome artístico é Thé Lopes.
O magistrado afirma que, antes de ditar o acordo para a redação final, comunicou aos presentes que tinha dois CDs gravados e era coautor de um livro ("Demandas contra a Fazenda Pública"). E que não houve contestamento de nenhuma parte. Pires contou que foi chamado por Roberto Carlos para tirar foto ao lado dele após o final da audiência.
- Roberto Carlos tirou foto como todo mundo que estava presente na audiência, inclusive com os promotores e advogados. Só não tirou com o Sr. Paulo, ele não quis. Ao final, disse que era a vez do juiz. Em um clima absolutamente feliz, sereno, mas entenda o contexto, num clima de acordo. Você acha que num panorama desse eu diria que não tiraria foto com ele? Eu acharia grosseiro não aceitar - contou o juiz, para em seguida observar: - Começo a achar que o artista (Roberto Carlos) tem razão e que ele (autor do livro) é oportunista. Inclusive o lançamento desse novo livro, que eu não tinha conhecimento, me parece oportunismo. O que ali ocorreu foi um acordo entre advogados de expressivo respeito do mundo jurídico, um deles aliás na defesa do Sr. Paulo. Reconhecendo ali a condição (de Paulo Cesar) de fã fanático do artista, enveredei para o convencer a fazer um acordo.


fonte: Caras Online - 20.05.2014
ROBERTO CARLOS VAI A MISSA EM HOMENAGEM AOF ILHO DE ERASMO CARLOS
Familiares e amigos rezam missa em homenagem ao filho de Erasmo Carlos. O cantor Roberto Carlos também esteve presente

O cantor Erasmo Carlos recebeu o carinho de amigos e familiares na noite desta terça-feira, 20. Na Capela Santo Antônio, no Rio deJaneiro, aconteceu a missa de 7º dia da morte deAlexandre Pessoal, filho do artista.
Roberto Carlos, que era padrinho de Alexandre, também foi prestar a sua homenagem para o afilhado e ficar ao lado de seu amigo Erasmo.
O rapaz faleceu na última semana após período de internação. Ele sofreu morte cerebral em decorrência de umgrave acidente de moto.
“A grandeza do amor é sempre se tornar inteiro mesmo perdendo uma grande parte... Adeus meu Gugu querido, jamais esquecerei você...”, disse o pai após a morte do herdeiro.


fonte: Correio da Bahia - 18.05.2014
ROBERTO CARLOS QUER PARTICIPAR DE PROCESSO SOBRE BIOGRAFIAS NÃO AUTORIZADAS
Depois de sair do grupo Procure Saber,
o Rei entrou com pedido no Supremo Tribunal Federal para participar das discussões

Um dos principais personagens no debate em relação às biografias não autorizadas, o cantor Roberto Carlos resolveu agir sozinho. Depois de sair do grupo Procure Saber - que reúne vários artistas e é contrário às publicações sem autorização - o Rei entrou, quinta-feira, com pedido no Supremo Tribunal Federal para participar das discussões do processo por meio de seu Instituto Amigo, criado em dezembro.
Se aceito, o instituto participará na figura de “amicus curiae”, ou seja, como interessado na causa, e terá direito à sustentação oral de seus argumentos no dia do julgamento, feita por Antonio Carlos de Almeida Castro, advogado do artista. Roberto discorda, por exemplo, que a única reação contra uma biografia seja o pedido de indenização.
Na lei atual, o biografado pode pedir retratação do autor ou mesmo o recolhimento do livro. Foi o que Roberto fez com o livro Roberto Carlos em Detalhes, escrito por Paulo César de Araújo, que teve a venda proibida. O artista, no entanto, concorda que não haja necessidade de pedido de autorização - medida também prevista na ação da Associação Nacional dos Editores de Livros. Entre as organizações que participam do processo como “amicus curiae” estão a Ordem dos Advogados do Brasil e a Academia Brasileira de Letras.
O instituto defende prevalência do direito à intimidade sobre a liberdade de informação. “Imaginávamos que seríamos representados pelo Procure Saber. Como o Roberto deixou o grupo, decidiu criar o instituto para garantir que todos os lados sejam ouvidos pelos ministros do Supremo”, disse Dody Sirena, empresário do cantor.
Aprovado na Câmara, no último dia 6, o projeto de lei precisa ser apreciado pelo Senado. Independente da tramitação no Congresso, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidirá se é constitucional ou não exigir anuência dos biografados para publicação de uma obra. Os ministros vão debater, em data ainda não definida, se a inviolabilidade da vida pessoal e a preservação da intimidade de uma pessoa pública devem ou não se sobrepor ao princípio da liberdade de expressão e de informação.


fonte: Tn Online, Apuracana - 17.05.2014
AUTOR DIZ NÃO TER DESISTIDO DE COMERCIALIZAR BIOGRAFIA NÃO AUTORIZADA DE ROBERTO CARLOS
MARIANA BRUNO RIBEIRÃO PRETO, SP - "O Roberto Carlos é terrível, mas eu também sou", disse o jornalista e historiador Paulo César Araújo, autor da biografia não autorizada do cantor Roberto Carlos. Oito anos após o início da disputa judicial entorno de sua obra, Araújo disse que não desistiu de vê-la comercializada. Em 2007, a Justiça determinou o recolhimento de 11 mil exemplares do livro "Roberto Carlos em Detalhes". Araújo participou neste sábado (17) de um Salão de Ideias na Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo). Também participaram do debate o deputado federal Newton Lima (PT), autor do projeto de lei que libera a produção de biografias não autorizadas, e o antropólogo Allan Rocha, especialista em direitos culturais. Segundo ele, a esperança renasceu com a aprovação na Câmara dos Deputados da liberação das biografias não autorizadas. Apesar de o texto ainda precisar da aprovação do Senado e da sanção presidencial. "Se houver a mudança na lei, Roberto Carlos será o último censor do Brasil e, o meu livro, a última obra a ser censurada", disse Araújo. Para Rocha, mesmo que aprovada, a lei não deve encerrar o debate sobre a liberação das biografias e do direito à privacidade, mas já seria um "avanço". A publicação das biografias está em análise no STF (Supremo Tribunal Federal). Na quinta-feira (15), Roberto Carlos entrou com um pedido no tribunal para participar do processo de discussões. Ele, inclusive, criou em dezembro o Instituto Amigo para poder participar do caso como "amicus curiae" (parte interessada na causa). A polêmica das biografias se acirrou em outubro do ano passado, quando músicos do Procure Saber - Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Djavan, Milton Nascimento, Erasmo Carlos e Roberto Carlos - passaram a defender com afinco o direito de vetar obras feitas sem a permissão dos familiares ou do biografado.


fonte: R7 Online - 15.05.2014
ROBERTO CARLOS REPREENDE FÃ QUE TENTA TIRAR FOTO COM ELE EM ENTERRO: "NÃO É O LUGAR, NEM O MOMENTO"
Cantor participou do velório do afilhado, Alexandre Pessoal, filho de Erasmo Carlos

Roberto Carlos foi assediado por uma fã durante o velório do filho de Erasmo Carlos, Alexandre Pessoal, nesta quinta-feira (15). Uma admiradora pediu para tirar uma foto com ele, mas o cantor se negou e a repreendeu.
— Aqui não é o lugar, nem o momento.
Quando o corpo foi levado para a sepultura, Roberto procurou acompanhar mais de longe e não pisou na grama próxima ao túmulo da família de Erasmo. Entretanto, Roberto fez questão de andar da capela onde ocorreu o velório até o local onde Alexandre foi sepultado.
Alexandre Pessoal era afilhado de Roberto Carlos e teve morte cerebral em decorrência de um acidente de moto sofrido na semana passada.


fonte: Ego - 15.05.2014
ROBERTO CARLOS VAI A VELÓRIO DE ALEXANDRE PESSOAL, FILHO DE ERASMO
Cantor era padrinho de batismo do jovem. Abatido, Erasmo Carlos chegou logo após Roberto.
Roberto Carlos foi até o cemitério Jardim da Saudade nesta quinta-feira, 15, para dar o último adeus ao afilhado Alexandre Pessoal, filho de Erasmo Carlos. Um esquema de segurança foi armado para receber o cantor. Quando Roberto Carlos chegou ao local, fecharam a entrada do cemitério com grades para que o carro do cantor pudesse chegar até a entrada da capela sem causar maiores transtornos. Assim que desceu do carro, Roberto acenou para os presentes. Aos 40 anos, Alexandre teve morte cerebral confirmada por médicos do hospital Barra D'Or na quarta-feira, 14. Uma semana antes, Gugu - como era chamado pelos mais íntimos - sofreu um acidente de moto ao deixar a casa do pai na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, e foi internado com traumatismo craniano e perfuração no pulmão. O corpo de Alexandre será enterrado ao lado da mãe, Narinha, morta em 1995. Na quarta, 14, ainda no hospital, Léo Esteves, um dos irmãos de Alexandre (Erasmo tem mais um filho, Gil Eduardo), confirmou a morte cerebral e contou que a família havia decidido doar os órgãos do cantor. "O laudo médico que decreta a morte cerebral ainda não está pronto, mas os exames já constataram isso. É o protocolo médico normal. Já começamos o processo para a doação de órgãos, foi um consenso da família e da esposa. Acho que ele nunca falou sobre isso em vida, mas achamos melhor assim", disse Léo. Nesta quinta, a assessoria de imprensa de Erasmo informou que foram doados coração, fígado, córnea, rim e ossos. Foi o processo de retirada dos órgãos para doação, aliás, que acabou atrasando o começo do velório de Alexandre, que estava marcado inicialmente para começar às 10h30 desta quinta. Todos os procedimentos foram feitos pela manhã ainda no hospital onde ele morreu, mas o corpo teve que ser enviado para o IML como manda o procedimento. Boa parte dos amigos e familiares já estava aguardando dentro e fora da capela do cemitério, quando o corpo de Alexandre chegou ao local, às 15h40.

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal

Roberto Carlos no velório e enterro de Alexandre Pessoal


fonte: G1 - 15.05.2014
CORPO DE FILHO DE ERASMO CARLOS É ENTERRADO NA ZONA OESTE DO RIO
Despedida foi marcada por muita tristeza de amigos e familiares.
Alexandre Pessoal morreu após sofrer um acidente de moto.

Erasmo Carlos pega a bandeira do Vasco que cobriu o caixão do filho
O corpo do músico Carlos Alexandre Esteves, filho do cantor e compositor Erasmo Carlos, foi enterrado pouco depois das 17h desta quinta-feira (15) no cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, Zona Oeste do Rio. Erasmo, um dos mais emocionados na despedida, deu um beijo na mão e a apoiou sobre o caixão. Antes, o Tremendão distribuiu rosas e fez uma oração em frente ao túmulo de sua ex-mulher e mãe de Alexandre, Narinha, morta em 1995.
Após o sepultamento, amigos e familiares fizeram uma oração coletiva. Roberto Carlos, que era padrinho de Alexandre, acompanhou o velório e o cortejo, também emocionado.
Uma bandeira do Vasco cobriu o caixão durante o cortejo e foi entregue a Erasmo antes de o corpo ser enterrado. Carlos Alexandre que foi apresentador da TV Vasco, time do coração dos dois. O presidente do clube, Roberto Dinamite, foi à cerimônia prestar solidariedade.
A área da capela durante o velório foi isolada com grades para garantir privacidade a família durante a despedida. Fãs dos ídolos da jovem guarda, se aglomeravam para ver os artistas durante o funeral. A cantora Wanderléa, foi a primeira a chegar, pouco antes das 15h.
O cantor Roberto Carlos, durante enterro do corpo de Alexandre Pessoal, filho do cantor Erasmo Carlos, no cemitério Jardim da Saudade, Zona Oeste do Rio de Janeiro

Roberto Carlos foi se despedir do afilhado
“Os filhos de Erasmo são como se fossem filhos meus, é uma tristeza muito grande. Foi uma partida tão brutal. A gente tem que saber aceitar, mas um momento desse é muito difícil”, disse a ela.

Erasmo Carlos, seus outros filho e amigos se abraçam no enterro

Corpo de Alexandre é velado em Sulacap

Alexandre Pessoal cantou ao lado do pai, Erasmo Carlos, no Som Brasil em setembro de 2008
'Nosso amor é invencível'
Antes mesmo da chegada do carro funerário, o clima era de muita comoção. Os amigos de Gugu, como era conhecido, se abraçavam em silêncio e choravam discretamente. Amigos da banda Fica Comigo vestiam uma camiseta branca com um coração vermelho com os dizeres “O nosso amor é invencível”. A frase que estampava a roupa dos presentes era uma das preferidas de Alexandre.
“O Gugu estava sempre fazendo umas frases estimulando a todos os fãs do Fica Comigo, que era o maior projeto dele e com o qual ele conseguia transmitir para o público todo amor. A frase que ele mais amava dizer, durante o show, era ‘O mundo precisa de homens mais gentis e mulheres mais acessíveis’, contou André Henrique, produtor da banda.


fonte: Facebook RC - 14.05.2014

"Meu querido afilhado,
Nosso Deus de bondade te dê muita paz, muita luz, muito amor, te proteja e te abençoe."
Roberto Carlos


fonte: O Globo Online - 14.05.2014
FILHO DE ERASMO CARLOS, ALEXANDRE PESSOAL, TEM MORTE CEREBRAL
Leonardo Esteves, irmão do cantor, confirmou a informação e disse que família doará seus órgãos
Erasmo faz homenagem ao filho em sua conta no Twitter

Alexandre Pessoal sofreu um acidente de moto na semana passada e estava em coma induzido
RIO — Leonardo Esteves, irmão de Alexandre Pessoal, afirmou ao GLOBO que o cantor teve morte cerebral. Segundo ele, o quadro foi constatado já na noite de terça-feira, mas a família esperou por novos exames para confirmar.
— O hospital espera ter um protocolo de atendimento. Ontem, já não havia atividade cerebral e hoje de manhã os exames repetiram os resultados. Ele estava em um processo de melhora, mas houve uma hemorragia muito forte no tronco do cérebro, uma área crítica e inoperável. Foi uma fatalidade, já que não havia como controlar a pressão — afirmou.
O laudo final será dado após mais uma bateria de exames, que começam por volta das 14h, mas a família já prepara os procedimentos.
— Já estamos encaminhando, obviamente, a questão da doação de órgãos. O Erasmo (Carlos, pai dos dois) esteve aqui de manhã e falamos sobre isso. O enterro sempre é no cemitério do Jardim da Saudade, onde estão enterradas minha mãe e minha avó, mas estamos dependendo da questão da doação.
Erasmo Carlos se manifestou através do Twitter, lamentando a morte do filho.
Mais cedo, a assessoria de Erasmo afirmou que o quadro de Alexandre continuava "gravíssimo". Na noite de terça, amigos do rapaz chegaram a informar que ele teria sofrido morte cerebral e a notícia circulou como sendo verdadeira, mas os representantes do músico negaram.
Erasmo, que voltou de Brasília, esteve de manhã no hospital Barra D’Or, onde o filho está internado. Ele saiu antes de 12h, visivelmente abatido. O Tremendão, que tem show marcado para o próximo dia 17, na casa HSBC Brasil, em São Paulo, não informou se manterá seu calendário de apresentações.
Acidente
Alexandre caiu de uma scooter no início da madrugada de quarta-feira passada, na Barra da Tijuca, após sair da casa de Erasmo. Ele foi socorrido por um taxista e levado para o Hospital Lourenço Jorge, de onde seguiu para o Miguel Couto, na Gávea, e deste para um hospital particular. Foi transferido para o Barra D'Or posteriormente.
Alexandre, de 40 anos, também era músico e e participou dos grupos Nada Pessoal e Caro Ezequiel. Em 2005, ele lançou o álbum solo “Primogenitu”. Antes de sofrer o acidente, cantava na banda Trilogia e no bloco Fica Comigo.


fonte: Blog Eduardo Lages - 14.05.2014
ROBERTO EM LAS VEGAS'

Já se pode ver em algumas colunas do hall principal do Hotel MGM em Las Vegas, a chamada para o show em setembro. Era bonito quando um brasileiro passava pela propaganda, sorrindo orgulhoso por ver a foto no anuncio do show do ídolo patrício...eu era um deles, claro....rsrs...às vezes mesmo sem necessidade, eu passava perto das colunas pra dar mais uma olhadinha. É emocionante.
Anteontem, terça feira, no lançamento do livro de fotos do Roberto em São Paulo, eu me ví sozinho com ele no palco, numa intimidade musical explícita, onde tocamos umas poucas músicas, com aquelas pessoas tão próximas a nós nos assistindo... foi impossível não me emocionar e me lembrar da carinha orgulhosa do meu pai quando fiz o primeiro show com o Roberto. Acho que eu tinha uns trinta anos e passado todo esse tempo, ainda me emociono cada vez que estou de alguma forma perto do cara...na Urca, no sertão do Brasil ou em Las Vegas.
Graças a Deus
Eduardo


fonte: Blog Eduardo Lages - 14.05.2014
SHOW EM LAS VEGAS

Como quase todos vocês sabem, em 6 de setembro próximo o Roberto estará apresentando o seu show em Las Vegas. A partir de agora, nós da equipe RC já entramos no "clima" e vivemos momentos de criação para esse show. Estive lá, por alguns dias, apreciando alguns eventos e procurando me atualizar em termos de novas tecnologias como por exemplo, sincronismo de som e luz. São shows com produções milionárias que em geral ficam em cartaz durante anos. Senti falta de um pouco mais de emoção nos espetáculos em que a tecnologia é privilegiada. A gente fica extasiado ao assistir mas passado uns poucos dias, o que fica na nossa memória é a engenhosidade dos efeitos técnológicos. Ainda bem que em termos de emoção podemos contar com o artista que sabe tudo a respeito, o nosso Roberto.
O show será realizado no MGM Grand Garden Arena, que como o próprio nome já diz, é um espaço muito grande que certamente estará lotado de fãs do Roberto vindos de países do mundo inteiro.
Daremos ao show um tratamento igual ou até maior do que foi dado quando estivemos em Jerusalém anos atrás, nos empenharemos para apresentar um espetáculo que orgulhará a todos os brasileiros, na cidade que recebe os melhores e maiores shows do planeta, Las Vegas. Eu, como diretor musical desse espetáculo, prometo isso a vocês.
Se alguém tiver alguma sugestão legal pra esse show, estarei atento.
A foto da postagem foi tirada no corredor de um dos hotéis mais badalados da cidade.
Abraço a todos.
Eduardo Lages


fonte: G1 - 13.05.2014
BOLETIM INDICA PIORA DE FILHO DE ERASMO CARLOS; ESTADO É 'GRAVÍSSIMO'
Na web, amigos falam que ele teve morte cerebral; hospital não confirma.
Alexandre Pessoal, de 40 anos, caiu de moto na última quarta-feira (7)

Alexandre Pessoal cantou ao lado do pai, Erasmo Carlos, no Som Brasil em setembro de 2008
O filho do cantor e compositor Erasmo Carlos, Alexandre Pessoal, de 40 anos, teve piora no seu quadro de saúde nesta terça-feira (13) no Rio, após quase uma semana internado devido a um acidente de moto. Segundo boletim médico recebido pela assessoria de imprensa de Erasmo às 21h, o quadro dele era "gravíssimo". Pelas redes sociais, amigos do cantor e integrantes da banda Fica Comigo, da qual ela fazia parte, falam que ele teve morte cerebral. Até as 22h30, a assessoria do hospital e do pai dele não confirmavam a informação.
Alexandre, conhecido como Gugu, está hospitalizado no Barra D’Or, na Zona Oeste, desde sábado (10). O boletim médico enviado ao G1 pela assessora Clarisse Goldberg diz que Alexandre tem os sinais vitais mantidos a base de medicamentos (veja na foto abaixo).
Erasmo Carlos foi a Brasília nesta terça para um show privado, segundo a assessoria de imprensa do cantor. O cantor tem outro show agendado para sábado (17) no HSBC Brasil, em São Paulo, para lançar o álbum "Gigante Gentil".
Na página oficial do Fica Comigo no Facebook, um post por volta das 18h30 informava a piora de Gugu. "Infelizmente, estamos aguardando o pior. Se ele tiver que ir, pelo menos, sabemos que ele irá em paz. Desculpem não dar mais detalhes, mas também não sabemos. Estamos a caminho do hospital e de lá daremos maiores informações", dizia o texto.
A informação foi de encontro ao boletim médico divulgado nesta segunda (12), de que ele havia apresentado melhora no quadro geral e estava com melhor equilíbrio químico, febre controlada e pressão craniana em níveis satisfatórios. Erasmo chegou a publicar mensagem no Twitter comemorando a melhora. "'Fé na vida, fé no homem, fé no que virá', já dizia Gonzaguinha. Pequenos sinais de melhora no quadro geral do meu filho Alexandre!"
Na noite de domingo (11), Erasmo também agradeceu no microblog aos amigos pela torcida. "A solidariedade é uma das formas mais nobres do amor. Obrigado ao exército de amigos que torcem pelo meu filho querido, Deus está ouvindo", postou.
Alexandre Sayão Lobato Esteves, seu nome de batismo, foi internado no CTI na quarta-feira (7) depois de sofrer um acidente de motocicleta quando saía da casa do pai, na Barra da Tijuca.

Boletim médico indica a piora de Alexandre, filho de Erasmo


fonte: Pure People Online - 10.05.2014
ROBERTO CARLOS BRINDA COM O PÚBLICO E TOMA CHAMPANHE DURANTE SHOW EM HOMENAGEM AO DIA DAS MÃES, EM SÃO PAULO, EM 9 DE MAIO DE 2014

Roberto Carlos estreou sua minitemporada de show no Espaço das Américas, em São Paulo, nesta sexta-feira (9). A série de sete shows no local em homenagem ao Dia das Mães levou milhares de fãs ao delírio com mais uma apresentação romântica do rei.
Após entrar no palco e cumprimentar a banda, Roberto Carlos , usando seu tradicional traje branco, cantou uma seleção de 20 músicas começando por "Emoções". Depois, vieram grande sucessos, que acompanham o cantor pelos seus 55 anos de carreira.
"As pessoas pensam que sou inocente (risos). Eu sou bonzinho. Inocente, não. Entre tantos assuntos que eu já tinha falado, descobri que faltava falar de sexo. Mas, pensei 'vou ficar falado na rua'. Mas se eu falar de sexo com amor, vão me entender", diz ele antes de começar a cantar "Proposta".
Na parte final do show, as fãs invadiram a área reservada e ficaram grudadas ao palco. O cantor tenta acalmá-las e faz sinal de silêncio durante a música "Champagne", na qual toma a bebida e brinda com o público. No fim da apresentação, o rei beija rosa a rosa e as distribui as para a plateia. Famoso marcaram presença no show: o apresentador Edu Guedes levou a namorada, Thais Jerez; Solange Frazão também foi com o amado, Pyero Tavolazzi; o ex-piloto de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi foi com a mulher, Rossana. Babi Rossi e Íris Stefanelli também marcaram presença no evento.
Recentemente, Roberto Carlos afirmou publicamente que está namorando, mas não assumiu quem é a moça. De acordo com uma fonte do Purepeople, o cantor não fala publicamente sobre a cearense Iara Andrade, com quem mantém um relacionamento há cerca de dez anos, por causa de uma promessa.
No dia da morte de Maria Rita, em dezembro de 1999, Roberto fez um juramento diante do túmulo dela de que nunca mais se envolveria oficialmente com outra mulher. E ele vem cumprindo à risca nesses 14 anos o que prometeu.
"Essa é a explicação que ele dá para a Iara", conta uma pessoa próxima ao artista que pede para não ser identificada. "Mas ela não aceita muito essa história e fica chateada. Ela gostaria de ser reconhecida publicamente, até mesmo por toda história que os dois possuem", completa a fonte da nossa equipe.


fonte: Estadão Online - 10.05.2014
FÃS QUEBRAM PROTOCOLO E IRRITAM ROBERTO CARLOS DURANTE SHOW EM SÃO PAULO
Cerca de 9 mil pessoas lotaram casa de eventos na zona oeste da capital paulista para ver o Rei

Roberto não gostou quando algumas fãs começaram a cantar 'Jesus Cristo' fora de hora
SÃO PAULO - Há um velho ditado que diz: "Onde se ganha o pão não se come a carne". Mas Roberto Carlos contrariou vigorosamente o dito popular. Na abertura de sua turnê de 7 apresentações em São Paulo, no Espaço das Américas, na noite dessa sexta-feira, o novo patrocinador do 'Rei' da canção popular brasileira estava presente por toda a casa de shows, desde o telão até o filé aperitivo na mesa, de hostess com bandeirolas da Friboi até painéis para fotos de fãs com o Rei ao fundo.
Cerca de 9 mil pessoas lotaram o Espaço das Américas, pagando ingressos que iam de R$ 150 a R$ 540. Flyers anunciando a chegada de Roberto a Las Vegas, no próximo dia 6 de setembro, e anúncios no telão vendiam os pacotes para a temporada que ele fará no MGM Grand Garden Arena, na capital americana dos jogos de azar (palavra que Roberto preferiria que não fosse escrita nem pronunciada, por conta de suas superstições). Também se anunciava o recém-lançado "coffee table book" de Roberto, livro de arte lançado pela Toriba Editora, que custa R$ 6,5 mil.
Havia referências às polêmicas envolvendo o comercial de TV que Roberto gravou para o frigorífico. Um cartaz dizia: "Você sabia que... Ao contrário do que muitos pensam, o Rei já não era totalmente vegetariano há muitos anos. Consumia aves, peixes e ovos - adorava frutos do mar?".
Emerson Fittipaldi, na segunda fila do show, foi obrigado a fazer mais de 70 selfies com fãs em fila para fotografá-lo consigo. A banda veio sem o pianista Antônio Wanderlei, que toca há 45 anos com Roberto (o maestro Eduardo Lages cumpriu a função, muito elogiado pelo cantor), mas teve a adição de um novo percussionista, Luiz Rabello.
Roberto entrou às 22h47 e o roteiro seguiu rigorosamente o dos últimos 700 shows do cantor, com o mesmo repertório. Só uma pequena inclusão, que já estava no seu show de fim de ano para a TV Globo. Taças de champanhe foram distribuídas para a primeira fila antes que Roberto cantasse Champagne, portentoso sucesso romântico de Peppino di Capri, a "nova" canção. Mas as fãs do Rei não esperaram a senha de Jesus Cristo e invadiram o gargarejo antes de Champagne, o que deixou Roberto meio contrariado - afinal, é uma canção que requer intimismo e silêncio. Ele mandou as fãs várias vezes calarem suas bocas, mas não adiantou. Chegou mesmo a resmungar com elas, mas ao final declarou seu amor incondicional por aquela relação tão extremada.
A sofisticação melódica e a voz de Roberto Carlos continuam impecáveis. Entretanto, ele deixa os fãs com água na boca quando inclui canções que contém arranjos mais funkeados, menos óbvios (ou menos batidos), como em Ilegal, Imoral ou Engorda. "Nunca fui inocente. As pessoas pensam que sou inocente. Sou bonzinho, mas não inocente", ele disse, ao comentar sobre seu repertório de natureza erótica.
O show de Roberto Carlos segue no Espaço das Américas neste sábado e domingo. Volta nos dias 16 e 17 e 24 e 25 deste mês.


fonte: Diário do Comércio Online - 08.05.2014
ROBERTO CARLOS FAZ TURNÊ EM SÃO PAULO: FRIBOI FAZ AÇÕES ESPECIAIS AOS FÃS DO 'REI'
SÃO PAULO - A Friboi, empresa pertencente oo grupo JBS, patrocinadora oficial do Roberto Carlos em 2014,
promove uma experiência diferenciada aos moradores de São Paulo

SÃO PAULO - A Friboi, empresa pertencente oo grupo JBS, patrocinadora oficial do Roberto Carlos em 2014, promove uma experiência diferenciada aos moradores de São Paulo e fãs do cantor. Os shows que acontecem entre 09 e 17 de maio terão ações de ativação da marca.
Convidados especiais da marca participam de um "esquenta" em um espaço exclusivo próximo ao local do evento. "Roberto Carlos é o maior ícone da música brasileira, fala diretamente ao coração de quem o assiste. Ele é adorado por todos, está no dia a dia dos consumidores, tem tudo a ver com Friboi", afirma Wesley Batista, presidente da JBS no Brasil.
Além da ativação para consumidores, nos dias de show um espaço exclusivo será montado, onde o público poderá tirar fotos divertidas com temática do show e postar direto nas mídias sociais e promotoras distribuirão adesivos alusivos ao evento.
As ações compõem parte de uma ampla ativação de marca durante a turnê do cantor e, além dos shows nacionais, a marca estará presente nos eventos prioritários do rei Roberto Carlos, como o navio Emoções e nos shows internacionais.


fonte: Rondônia Dinâmica Online - 08.05.2014
ROBERTO CARLOS VETA FOTOS COM BEBIDAS ALCOÓLICAS EM ÚNICA FOTOBIOGRAFIA AUTORIZADA
Equipe demorou cinco anos para finalizar livro por conta de exigências do cantor

SÃO PAULO – Roberto Carlos continua causando polêmica por conta de suas biografias.
Agora, o cantor proibiu que seu único livro biográfico autorizado tivesse fotos em que aparecessem bebidas alcoólicas.
O empresário do Rei, Dody Sirena, explicou que o veto aconteceu porque o veterano "não tem o hábito de beber".
As exigências do artista fizeram com que o lançamento da publicação, previsto para 2009, fosse adiado durante cinco anos.
Sirena ainda justificou o motivo para tantas mudanças no decorrer do projeto.
"É coisa do TOC [Transtorno Obsessivo Compulsivo]. O rosto não pode ficar no meio de duas páginas contínuas, a foto não pode ser invertida. São regras que ele segue", disse ao jornal “Folha de S. Paulo”.
A obra homônima foi feita para uma edição de luxo para colecionadores. Ela é contextualizada apenas por fotos da carreira do Rei e custa R$ 4,5 mil.


fonte: Pure People Online - 07.05.2014
ROBERTO CARLOS NÃO ASSUME NAMORO POR CAUSA DE PROMESSA FEITA À MARIA RITA
Em entrevista a Amaury Jr., cantor diz também que não pensa em se casar tão cedo

Roberto Carlos mantém um relacionamento há cerca de dez anos com a cearense Iara Andrade, mas nunca assumiu publicamente o romance. Segundo uma fonte de Purepeople, o posicionamento do cantor tem uma explicação.
No dia da morte de Maria Rita, em dezembro de 1999, Roberto fez um juramento diante do túmulo dela de que nunca mais se envolveria oficialmente com outra mulher. Desde então, se passaram 14 anos e o cantor vem seguindo à risca o que prometeu.
"Essa é a explicação que ele dá para a Iara", conta uma pessoa próxima ao artista que pede para não ser identificada. "Mas ela não aceita muito essa história e fica chateada. Ela gostaria de ser reconhecida publicamente, até mesmo por toda história que os dois possuem", completa.
Como Purepeople contou em novembro do ano passado, a discrição desse longo relacionamento entre Roberto e Iara é apenas para a mídia. Para familiares e amigos próximos de ambos, o namoro não é novidade e possui a aprovação de todos.
No Facebook, por exemplo, Iara é amiga de Dudu Braga, filho de Roberto. "Acho que está (namorando), mas gostaria que ele dissesse", já admitiu em entrevista à revista "Caras" o irmão mais velho de Roberto, Carlos Alberto.
Romance
Mesmo morando entre São Paulo e Rio de Janeiro, e Iara em Fortaleza, o romance segue firme e forte. No início de abril, Roberto esteve na capital cearense para se apresentar no estádio Arena Castelão e encontrou a namorada. Discreta e preocupada com um eventual assédio da imprensa, a morena, de 43 anos, chegou a usar um disfarce com peruca para encontrar o amado.
Pessoas que conhecem Iara contam que ela se mantém reservada para não expor Roberto. Ela não planeja ser flagrada ao lado do cantor, por exemplo. Seu sonho seria ser reconhecida como sua mulher por vontade própria do artista.
Embora não assuma Iara publicamente, Roberto vem dando indícios de que não está solteiro. "Tenho alguém, mas não vou me casar tão cedo. Também não dá pra dizer que é uma amizade colorida", contou em entrevista recente ao apresentador Amaury Jr.
Algo semelhante, ele já tinha dito em novembro de 2012, durante uma matéria no "Fantástico", da TV Globo. "Estou ficando", admitiu, sem jeito, na ocasião.
Discreta
Iara e Roberto se conheceram há dez anos quando o cantor fez um show em um famoso hotel localizado na orla de Fortaleza, onde ela trabalha no setor de eventos. A morena não teria dado muita bola, mas o artista insistiu com um pedido de encontro a sós. Após um show em Recife (PE), os dois conversaram novamente e começaram a sair juntos.
No ano passado, Purepeople conseguiu falar com Iara, mas ela preferiu se manter discreta sobre o assunto. "Não quero falar sobre isso, me desculpa. Entendo o trabalho da imprensa, mas me prefiro não me posicionar", disse, educadamente, na ocasião.


fonte: Rondônia Dinâmica Online - 06.05.2014
COMERCIAL PEGA MAL E ROBERTO CARLOS NÃO VAI MAIS VENDER CARNE

Pegou mal a participação de Roberto Carlos.. Ele chegou a dizer por aí que nunca foi vegetariano, pra ver se afasta um pouco a fama de mercenário
É Friboi?
Mas não teve jeito, o estrago já estava feito, e a marca desistiu da ideia de unir seus dois garotos-propaganda, Robertão e Tony Ramos, segundo informações da coluna "Outro Canal", da "Folha de S. Paulo", publicadas pelo portal F5.
Para não jogar dinheiro no lixo e aproveitar o contrato com o rei Roberto, a empresa vai usar suas músicas nos comerciais e deve sortear ingressos para os shows de Roberto.
Enquanto isso os memes zuando a propaganda correm soltos na web. Tem desde vegetarianos até teorias conspiratórias de que a empresa seria uma fachada para lavar dinheiro de Fábio Luis Lula da Silva, o Lulinha, filho do presidente Lula.


fonte: Correio Braziliense - 06.05.2014
CÂMARA APROVA PROJETO QUE LIBERA BIOGRAFIA NÃO AUTORIZADA
A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira o projeto de lei que libera a publicação de biografias não autorizadas. A matéria segue para o Senado Federal.
O projeto inclui no Código Civil a previsão segundo a qual não é necessária a autorização do biografado e dependentes para a divulgação de imagens, escritos e informações com trajetória pública ou que esteja em acontecimentos “de interesse da coletividade”.
Atualmente, a legislação estipula que a divulgação de escritos pode ser proibida se atingir a honra do biografado ou se tiver fins comerciais. Um dos vetos conhecidos de obras biográficas é a proibição ao livro Roberto Carlos em Detalhes, a pedido do cantor.
A Câmara aprovou o texto com uma emenda do deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO), que estabelece a aceleração de processos para a exclusão de trechos considerados ofensivos pelo biografado.


fonte: Pure People - 06.05.2014
APESAR DO CONTRATO MILIONÁRIO E LONGO COM A FRIBOI, ROBERTO CARLOS PODE NÃO APARECER MAIS EM COMERCIAL

Apesar do contrato milionário e longo com a Friboi, Roberto Carlos pode não aparecer mais em comercial
Roberto Carlos não deve mais protagonizar os comerciais do frigorífico Friboi. Os planos era que o cantor aparecesse ao lado de Tony Ramos nas próximas campanhas, mas a ideia foi engavetada, segundo a coluna "Outro Canal" do jornal "Folha de S. Paulo" desta terça-feira (6).
Apesar do contrato longo e milionário com a marca de carnes, Roberto deverá se envolver apenas usando suas músicas, que servirão de trilha para os novos comerciais. Ainda segundo a coluna, a empresa faz planos de criar campanhas para que clientes ganhem ganhem ingressos para assistir a shows do arstista.
A notícia chega logo após Roberto Carlos dar um fim à polêmica sobre comer ou não comer carne vermelha. No lançamento da sua biografia autorizada no final de abril deste ano, o cantor comeu o alimento.
Roberto já tinha ido a um restaurante especializado em carnes no Rio de Janeiro logo após ser alvo de críticas quando o comercial com o cantor foi lançado. Na propaganda, Roberto Carlos afirma ao garçom que voltou a comer carne. O vídeo foi muito criticado por vegetarianos, que reclamaram da postura do músico na internet.
"Que decepção! Para quem defendia as baleias e a ecologia... Se você quer comer carne, que coma! Mas daí a incentivar o consumo, é demais. Quero ver cantar a música 'As Baleias' agora", escreveu um usuário no YouTube. A Friboi chegou a bloquear os comentários. O advogado de Roberto saiu em defesa do cantor, assim como o ator Tony Ramos.
"Ele realmente ficou um tempo sem comer. E deu uma entrevista, na própria 'Folha' tempos atrás que, dentre várias coisas que ele vinha se tratando, fazia parte dele voltar a comer carne. Agora, ninguém quer acreditar, isso é complicado", disse Tony em entrevista à "Folha de S. Paulo".


fonte: Tribuna Hoje Online - 03.05.2014
QUINZE ANOS APÓS MORTE DA MULHER, ROBERTO CARLOS ADMITE QUE TEM ALGUÉM
Em entrevista a Amaury Jr., cantor diz também que não pensa em se casar tão cedo

Roberto Carlos assume que está namorando
Quinze anos após a morte da mulher Maria Rita, Roberto Carlos admitiu que tem alguém em sua vida.
O cantor, que já foi apontado até como affair de Paula Fernandes, assumiu que não está solteiro.
Em entrevista ao programa Amaury Jr., o Rei abriu o jogo sobre sua vida pessoal.
— Tenho alguém. Não quero casar tão cedo, mas também não posso falar que é uma amizade colorida.
Roberto Carlos deu a entender que o romance é sério, mas preferiu manter a identidade de sua companheira em sigilo.
O cantor também fez questão de comentar a polêmica em torno de não ser vegetariano.
— Fiquei chateado com os exageros de ecologistas e vegetarianos radicais. Cheguei a ir em um restaurante no Rio e publicaram que o restaurante não garantia que eu comi carne. É demais! As pessoas adoram boas fofocas, fiquei muito tempo sem comer carne, mas nunca fui vegetariano, pois comia frango e peixe. Faz dois anos que voltei a comer carne vermelha.
Já que as polêmicas estavam em pauta, Roberto Carlos tocou, mais uma vez, no assunto das biografias não-autorizadas.
— Não sou contra biografias não-autorizadas, o que estou lutando e discutindo é que o biografado tenha direito de negociação. Não é certo, quem escreve a minha história passa a ser o dono da história que é minha. Ele deve ganhar da editora, pela biografia e não em cima da negociação da história com a minha vida. As pessoas não estão entendendo a minha opinião com relação a isso.


fonte: Pura People - 02.05.2014
ROBERTO CARLOS AFIRMOU EM CONVERSA COM O APRESENTADOR AMAURY JR QUE NÃO ESTÁ SOLTEIRO

Roberto Carlos afirma que não está sozinho. Apesar de não revelar publicamente com quem mantém um relacionamento, o cantor disse ao apresentador Amaury Jr. que a relação é séria. "Eu tenho alguém, mas não vou me casar tão cedo. Também não dá pra dizer que é uma amizade colorida", disse sem dar mais detalhes. Conforme uma fonte do Purepeople afirma, o cantor vive um relacionamento há cerca de dez anos com a cearense Iara Andrade, que mora em Fortaleza, mas costuma se encontrar com o cantor em São Paulo.
Além de fazer mistério sobre sua vida pessoal, Roberto Carlos falou ao "Programa Amaury Jr.", que vai ao ar nesta sexta-feira (2) na Rede TV, sobre a polêmica envolvendo carne vermelha. O artista, que ganhou R$ 25 milhões para estrelar uma campanha do frigorífico "Friboi", confessou que ficou chateado com a repercussão e os "exageros dos ecologistas".
"Cheguei a ir em um restaurante no Rio e publicaram que o restaurante não garantia que eu comi carne. É demais!!! Fiquei muito tempo sem comer carne, mas nunca fui vegetariano. Faz dois anos que voltei a comer carne vermelha", explicou.
Outra polêmica envolvendo o cantor foi em relação as biografias não autorizadas. "Não sou contra biografias não autorizadas, o que estou lutando e discutindo é que o biografado tenha direito de negociação. Não é certo, quem escreve a minha história para a ser o dono da história que é minha. Ele deve ganhar da editora, pela biografia e não em cima da negociação da história com a minha vida. As pessoas não estão entendendo a minha opinião com relação a isso" justificou. Recentemente, o artista lançou a sua própria biografia.
Aos 73 anos, o cantor vai ficar fora do país por dois meses para fazer uma turnê internacional. Ele também não deve se apresentar na cerimônia de abertura da Copa do Mundo, em junho, no Rio de Janeiro.


fonte: Boa Informação - 02.05.2014
"TENHO ALGUÉM, MAS NÃO VOU CASAR TÃO CECO", REVELA ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos, cada vez mais discreto quando o assunto é sua vida pessoal, resolveu, pela primeira vez, assumir que não está sozinho. “Tenho alguém, mas não vou casar tão cedo. Também não posso falar que se trata de uma amizade colorida”, disse o Rei em entrevista ao apresentador Amaury Jr.
Vale lembrar que em 2013, a baiana Luciana Sobreira foi apontada como novo affair do cantor. De acordo com a coluna VIP, do jornal ‘Correio’, os dois se conheceram nos bastidores das gravações do especial de fim de ano do cantor, em 2012, enquanto ela trabalhava na atração.


fonte: Isto É nº 2319 - 01.05.2014
ESSE CARA SOU EU
Edição de luxo com a trajetória de Roberto Carlos em imagens traz fotografias raras e documentos desconhecidos do cantor,
que nunca autorizou um livro a seu respeito
Foram cinco anos de trabalho e 15 impressões desmarcadas na porta da gráfica, mas desta vez Roberto Carlos aprovou. Depois de três livros tirados de circulação e incontáveis tentativas de frustradas de biógrafos e historiadores com projetos biográficos, o primeiro livro sobre a trajetória do Rei chega ao mercado por nada módicos R$ 4.500 e a tiragem quase esgotada na primeira semana. O cantor, avesso a todo tipo de comentário sobre sua vida, disse sim com uma primeira condição de muitas: que o livro não tivesse nenhuma palavra.

Assim, o volume não traz nenhuma menção sobre a volta ao consumo de carne depois de fechar campanha publicitária para um frigorífico, da paixão não consumada pela cantora Wanderléa ou sobre a prótese mecânica que substitui a metade da perna direita amputada na infância. Mas tem muitas fotos dele com a Ternurinha, acompanhado de cada uma das três mulheres (Cleonice Rossi, Myriam Rios e Maria Rita), com o amigo, parceiro e, durante algum tempo, desafeto Erasmo Carlos e muitas celebridades da cena musical da época da Jovem Guarda até os dias atuais.

VAIDADE
O Rei participou da escolha das fotos, aprovou as montagens e palpitou sobre o tratamento de imagens, pedindo para não exagerar no Photoshop, "para não ficar com cara de artificial"

“Está tudo lá”, garante Carlos Ribeiro, coordenador do projeto mais demorado da Toriba, editora da fotobiografia de Pelé, “1283”. “O Dody Sirena (empresário do astro) disse que se tivesse texto, nem em dez anos conseguiríamos terminar o livro”, diz o editor. “E concordo. Nunca conheci ninguém tão perfeccionista.” O excesso de revisões, trocas, mudanças de ordem e observações técnicas nos tratamentos das fotos, conta Ribeiro, se devem principalmente ao transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) que Roberto Carlos trata há alguns anos. “Ele olhou e reolhou detalhes até um ponto de se tornar insuportável até para ele”, lembra o editor. O cantor, uma das cabeças do movimento Procure Saber, que defende a submissão de biografias a seus biografados, esteve em São Paulo para um lançamento reservado do primeiro lote – o contrato prevê até seis lotes de 500 exemplares, num total de 3 mil volumes.

O livro teria o tamanho da edição com fotos do Pelé, 47 por 34 centímetros. Mas o Rei achou que a peça seria grande demais para ser manipulada pela parcela mais importante de seu público, as mulheres. E assim, a edição de luxo, impressa numa das mais sofisticadas gráficas italianas – a Graphicom, de Verona –, foi reduzida para 44 por 32 centímetros, com 300 imagens selecionadas entre mais de quatro mil fotografias vindas principalmente em arquivos de jornais e revistas. “Ele não se lembrava da maior parte delas. Alguns momentos de revisão do passado foram comoventes. Roberto Carlos é emocional, como suas músicas. E suas letras quase sempre contam o que ele viveu ou sentiu.”, diz Ribeiro. Essa constatação resolveu parcialmente um dos problemas do projeto, o veto ao texto, o que exclui legendas e informações que dariam contexto importante às imagens. Trechos de canções de Roberto Carlos acompanham as fotos, sugerindo situações do momento da vida do compositor. O Rei autorizou a reprodução de documentos, como roteiros de shows e páginas de uma agenda “Colibri” do cantor com o que talvez seja a primeira escrita da letra de “Namoradinha de um Amigo Meu”, anotada à mão numa sexta-feira de fevereiro de 1966, pouco antes de a música ser lançada. “Tudo foi aprovado em conjunto. Cuidado que todo mundo deveria ter”, disse Roberto Carlos durante o lançamento na capital paulista, reafirmando sua posição a respeito da legislação sobre as biografias no Brasil.


fonte: 180 Graus Online - 30.04.2014
ROBERTO CARLOS COME CARNE AO LANÇAR LIVRO EM SP: 'MÉDICO ACONSELHOU'
'Fiquei alguns anos sem comer carne vermelha, mas meu médico me aconselhou a voltar’

Roberto Carlos
Durante o lançamento de seu primeiro livro, Roberto Carlos falou sobre a polêmica envolvendo seu nome e uma marca de carnes – para qual gravou um comercial. “Fiquei alguns anos sem comer carne vermelha, mas meu médico me aconselhou a voltar. E sabendo disso, a Friboi me procurou pra fazer a campanha. Houve um exagero muito grande em cima disso. Disseram até que eu não comia carne. Eu jamais faria uma coisa dessas, entende? Fazer propaganda de algo que eu não concordasse. Já recusei campanhas por não concordar com aquilo. Então isso é um absurdo”, disse o Rei – que comeu carne na frente de todos os presentes no evento.
Roberto contou ainda como foi fazer o livro: “Foi trabalhoso, não foi difícil. E foi um trabalho detalhado e isso leva tempo, e eu não tenho muito tempo. Faço muitos shows”, contou. Roberto disse ainda que se emocionou durante o processo. “Muitas vezes me emocionei. Foram muitos momentos emocionantes, durante a Jovem Guarda e até antes, nas minhas fotos da infância”.
Aos 73 anos, Roberto Carlos afirmou que está satisfeito com sua aparência atual. “Eu me cuido. Mas é claro que dá saudade de quando a gente tinha 18, 20 anos, ninguém pode negar. Faço medicina ortomolecular, tenho uma boa alimentação, mas não tenho hora pra dormir nem pra acordar”.



fonte: Cidade Verde Online - 30.04.2014
ROBERTO CARLOS ENCERRA POLÊMICA E COME CARNE
Cantor reuniu amigos na noite da última terça-feira (29), durante lançamento de biografia polêmica
Roberto Carlos reuniu amigos e convidados para o lançamento de sua biografia, realizado em São Paulo, na noite da última terça-feira (29).

A obra foi aprovada pelo próprio cantor, que é contra as biografias não autorizadas - ele, inclusive, chegou a promover uma campanha contra as obras no ano passado.
Com tiragem limitada, apenas 3 mil cópias, o livro será liberado para vendas em lotes de 500 unidades. Cada uma delas custará ao comprador R$ 4,5 mil.
Ex-vegetariano
O 'Rei' aproveitou o evento para livrar sua imagem de outra recente polêmica e ofereceu carne vermelha para os convidados no local.

Contratado como garoto-propaganda de um frigorífico, o cantor afirmou que voltou a consumir o alimento após 30 anos. Contudo, garantiu: "Nunca fui vegetariano. Eu só não comia carne vermelha, mas comia peixe e frango".

Tudo porque boatos deram conta de que o famoso, na verdade, só disse ter voltado a ingerir carne após receber uma grande quantia em dinheiro.
Para provar o contrário, o veterano fez questão de provar os aperitivos na frente dos fotógrafos de plantão.


fonte: Folha de São Paulo - 29.04.2014
QUE TIPO
A gravadora de Roberto Carlos já está liberando o CD com a música “Esse cara sou eu” para os países da América Latina em que ele passará com sua turnê. Sai com o nome “Este tipo soy yo”. O Rei deve ficar fora do país por 60 dias seguidos, entre agosto e outubro. Passa por Canadá. EUA, México, Porto Rico, Panamá, Peru, Equador e República Dominicana.


fonte: Site Uol - 29.04.2014
ROBERTO CARLOS SE EMOCIONA E CANTA AO LANÇAR FOTOBIOGRAFIA DE R$ 4,5 MILL

Roberto Carlos
Roberto Carlos recebe carinho de amigos ao abrir sua biografia fotográfica em lançamento, em São Paulo. A edição é limitada, com três mil exemplares, e tem o valor de R$ 4,5 mil cada. A obra chegará às livrarias de todo o país em lotes de 500 unidades por vez.
O cantor Roberto Carlos lançou seu livro fotográfico em um shopping de São Paulo, noite desta terça-feira (29), rodeado de amigos, fãs e famosos, entre eles o cantor Luan Santana, o humorista Tom Cavalcanti, a cantora Roberta Miranda e o padre Antônio Maria.
A edição é limitada, com três mil exemplares, e tem o valor de R$ 4,5 mil cada. A obra, que demorou cinco anos para ser concluída, será distribuída em lotes de 500 unidades por vez. Editado pela Toriba, o livro conta com mais de 400 páginas. A impressão foi realizada na Itália, com direito a papel e acabamento de luxo.
Durante o cruzeiro de Roberto, realizado em fevereiro, o cantor chegou a reservar 500 exemplares para os fãs com desconto de R$ 500. No entanto, somente 70 pessoas compraram o livro, entre elas a empresária Lilian Gonçalves.

Luan Santana abraça Roberto Carlos no lançamento do livro de fotografias do "rei"
Em entrevista ao UOL, o cantor disse que ficou muito emocionado ao selecionar as imagens.
"Foi trabalhoso. Eu sou muito detalhista. Não foi difícil, mas tomou muito meu tempo, olhando as imagens falava: 'Bicho, segura aí que estou emocionado'. Foi incrível abrir os meus arquivos e relembrar os tempos da jovem guarda, do início da minha carreira, da minha infância, das fotos que tenho com o papa. Tudo isso me emocionou muito", declarou Roberto Carlos.
Roberto fez a alegria dos convidados e cantou "Emoções", "Detalhes" e "Como é Grande o Meu Amor Por Você". "Difícil falar alguma coisa para vocês. Esse livro é uma honra. To me segurando pra não chorar", disse, emocionado, no palco.
"No processo do livro, as pessoas tiveram muita paciência comigo, muito trabalho. Teve uma hora que eu abandonei o livro, não aguentei, assim como faço com meus discos, abandono e deixo na mão da gravadora. Chega um momento que nem eu me aguento mais",disse, aos risos.
Em seguida, o cantor desceu para cumprimentar os convidados. Simpático, Roberto tirou várias fotos, deu autógrafos e conversou com jornalistas


fonte: Ego Online - 29.04.2014
FAMOSOS VÃO AO LANÇAMENTO DO LIVRO DE ROBERTO CARLOS
Luan Santana, Tom Cavalcante, Astrid Fontenelle, Roberta Miranda, entre outros,
foram conferir publicação que traz fotos da carreira e vida do cantor

Luan Santana com Roberto Carlos no lançamento de seu livro
Roberto Carlos atraiu um grande público no lançamento do seu primeiro livro, homônimo, na noite desta terça-feira, 29, em um shopping de São Paulo. A publicação traz centenas de fotos da carreira e vida do cantor e tem edição limitada.
O evento, que contou com um forte esquema de segurança, teve a presença de alguns famosos, como Luan Santana - que estava acompanhado da irmã, Bruna Santana -, Tom Cavalcante com a mulher, Patrícia Lamounier Cavalcante, Astrid Fontenelle, Roberta Miranda, Emerson Fittipaldi, entre outros.
“Difícil explicar a sensação! Sou fã desse cara. Deus muito justo, você merece tudo de melhor, Roberto!”, disse Luan em seu perfil no Instagram.
Roberto Carlos só chegou por volta das 21h50. Vestindo calça e camisa azuis, sapatos e paletó brancos, o cantor estava sorridente.

Luan Santana e a irmã Bruna Santana no lançamento do livro de Roberto Carlos

Luan Santana com Roberto Carlos no lançamento de seu livro

Marcos Frota com Roberto Carlos no lançamento de seu livro

Roberto Carlos no lançamento de seu livro

Roberto Carlos no lançamento de seu livro


fonte: Cidade Verde Online - 29.04.2014
PROJETO DAS BIOGRAFIAS DEVE SER VOTADO HOJE
Pedido de urgência coloca como prioridade na Câmara lei que dispensa autorização para livros do gênero.
Após três anos em tramitação, o polêmico projeto de lei que autoriza a publicação de biografias de personalidades públicas sem autorização do biografado ou seus herdeiros pode finalmente ser votado na Câmara dos Deputados. O PL 393/2011, do deputado Newton Lima (PT-SP), teve sua tramitação em regime de urgência aprovada na semana passada e está na pauta de votação de hoje do plenário. Depois de causar controvérsia entre deputados pró e contra a liberação das biografias, a expectativa é que o projeto atinja a maioria de votos necessários para seguir para o Senado.

Oposição de artistas como Roberto Carlos fez polêmica voltar à tona
— A minha expectativa é que não vá ser uma votação simples, uma vez que ainda há colegas que colocam o direito de imagem à frente do direito à informação e à liberdade de expressão — diz Newton Lima. — Mas eu espero que a maioria compreenda que não é possível proibir a produção de livros. É preciso acabar com a censura prévia.
A negociação entre os líderes de bancada para que o PL das Biografias fosse votado com urgência resultou em uma emenda ao projeto original, de autoria do deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO), que agora prevê o uso de juizados especiais em processos de calúnia e difamação envolvendo biografias, o que garantiria punição mais rápida nesses casos.
A emenda foi uma tentativa de se chegar a um consenso entre os parlamentares, mas ainda assim há deputados que se opõem à liberação das biografias não autorizadas.
— Eu imaginava que, como todos os líderes haviam aprovado a emenda, nós tivéssemos superado a controvérsia. Mas tudo indica que ainda não — afirma Newton Lima.
O relator do projeto de lei na Comissão de Constituição e Justiça, deputado Alessandro Molon (PT-RJ), também acha que a emenda não será aprovada por unanimidade, mas o PL deve ter votos suficientes para garantir a maioria.
— Ainda haverá aqueles que têm medo de ver suas vidas públicas expostas — afirma Alessandro Molon.
Outra ameaça à votação do PL das Biografias hoje pode ser a falta de quórum. Com a proximidade do feriado de 1º de maio, é possível que a ausência de deputados obrigue novo adiamento. Mas os apoiadores do projeto acreditam que não deve haver mais nenhuma mudança de redação nele.
Ação também no STF
A polêmica das biografias voltou à tona no segundo semestre do ano passado, quando o Procure Saber, grupo de artistas então encabeçado por nomes como Caetano Veloso, Roberto Carlos e Djavan, entre outros, se posicionou publicamente contra as biografias não autorizadas. Eles se opunham não apenas ao projeto de Newton Lima, mas também à ação direta de inconstitucionalidade movida pela Associação Nacional dos Editores de Livros, no Supremo Tribunal Federal, para declarar os artigos 20 e 21 do Código Civil inconstitucionais. São eles que, na prática, impedem a publicação de biografias não autorizadas.


fonte: Época Online (Coluna Bruno Astuto) - 28.04.2014
ROBERTO CARLOS LANÇA LIVRO COM FOTOS DA SUA VIDA E CARREIRA NESTA TERÇA-FEIRA, EM SÃO PAULO
Roberto Carlos: esquema especial de segurança para lançamento de livro em São Paulo

Roberto Carlos
Roberto Carlos embarca para São Paulo nesta terça-feira (29) para o lançamento do seu primeiro Collector’s Book, que acontece na mesma noite no shopping JK Iguatemi (Espaço JK – 3 piso). "Há quatro anos estamos trabalhando na edição de um livro de fotografias minhas. Durante todo esse tempo pesquisamos e selecionamos fotos que vão mostrar vários momentos da minha vida profissional e pessoal", escreveu o Rei em seu site oficial. E, como tudo que envolve o cantor tem proporções estratosféricas, um forte esquema de segurança, envolvendo nada menos que 25 homens, está sendo preparado pelo shopping. A edição é limitada: serão apenas 3 mil exemplares, que chegarão ao mercado em lotes de 500 unidades de cada vez. Ele fez apenas uma única exigência para a Toriba Editora, que lança a publicação: aprovar pessoalmente cada foto de cada uma das quase 400 páginas do livro. A impressão, detalhe, foi feita na Itália, com direito a papel e acabamento de luxo. "Estou muito contente com tudo que está sendo feito ", disse o cantor em comunicado oficial no seu site. No mês que vem Roberto volta a São Paulo para fazer dois shows: ele se apresenta dias 9 e 10 de maio no Espaço das Américas.

A capa do livro com fotos da vida e carreira do Rei


fonte: Pure People Online - 26.04.2014
ROBERTO CARLOS NÃO VAI SE APRESENTAR NA COPA DO MUNDO DO BRASIL

Roberto Carlos
Para surpresa dos fãs, Roberto Carlos não vai se apresentar na cerimônia de abertura da Copa do Mundo, em junho. Além disso, o cantor não terá nenhuma música no CD oficial do Mundial, de acordo com informações do colunista Lauro Jardim, da revista "Veja" deste sábado (26).
Esta foi uma escolha da Fifa, o que fez com que a relação da instituição com a Sony, patrocinadora da Copa, não ficasse tão boa. Isto porque Roberto Carlos é o principal artista da gravadora no Brasil.
Há um ano, a participação do rei na abertura do Mundial de Seleções era dada como certa. De acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal "Folha de S. Paulo" em outubro do ano passado, Roberto Carlos já estudava convites de shows para abrir ou fechar a Copa, além de apresentações privadas. Uma delas, em um transatlântico que ficará ancorado no Rio de Janeiro para hospedar torcedores.
"Roberto Carlos está para a Copa do Mundo aqui assim como Paul McCartney esteve para a Olímpiada em Londres", afirmou Dodi Sirena, empresário do rei, à colunista. O ex-Beatle cantou na cerimônia de encerramento do evento olímpico, em 2012. De acordo com a publicação, Roberto chegou a agendar sua turnê internacional para setembro, depois do Mundial.
O problema da Sony com a Fifa ficou ainda maior pelo fato do cantor não ter nem entrado no CD da Copa do Mundo. Segundo Lauro Jardim, Roberto chegou a rascunhar uma canção para junto com Erasmo Carlos, mas a instituição esportiva preferiu outros artistas, alguns, inclusive, de gravadoras concorrentes da Sony.Jennifer Lopez é um deles. A cantora, que tem contrato com a Capitol Records, gravou o single "We Are One" ao lado de Pitbull e Claudia Leitte.


fonte: Extra Online (Cluna Retratos da Vida) - 19.04.2014
ROBERTO CARLOS FAZ 73 ANOS E RECEBE FÃS NA PORTA DO SEU PRÉDIO

Roberto Carlos
Roberto Carlos completou 73 anos neste sábado, 19, e, para não desonrar a tradição, foi à varanda de seu apartamento na Urca, na Zona Sul do Rio de Janeiro, para acenar para o público. Todos os anos, fãs do cantor vão à porta do edifício do Rei para homenageá-lo.

Roberto desce até o mezanino do prédio

Roberto Carlos acena para os vizinhos

Roberto manda beijo

E recebe presente de fã
A tradicional comemoração de aniversário vem no ano em que o cantor se vê envolto em polêmicas. A mais recente se deu graças à campanha publicitária milionária para uma grande frigorífico no qual ele, vegetariano, diz que voltou a comer carne. Informações de bastidores, no entanto, dão conta que Roberto não chegou sequer a tocar no bife que ele supostamente comeu na propaganda.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 19.04.2014
HOJE É ANIVERSÁRIO DELE
Os fãs que todo ano vão à porta da casa de Roberto Carlos não dia do seu aniversário receberão hoje, na Urca, a visita de Alex Teixeira, diretor de “RC, o Elvis Brasileiro”. O documentário vai mostrar que – ao contrário do que se pensa – o fã-clube de Roberto vem se renovando ao longo dos anos.
“Vou entrevistar vários fãs e o cover Carlos Evaney”, diz Alex. “Ele já me disse que até que horas o Rei costuma aparecer na janela: tipo duas da tarde. Vou na boa”. Este é o segundo documentário de Alex: o primeiro foi sobre Jaiminho, o papagaio de pirata que foi mais de mil enterros na cidade. A última cena é o seu próprio enterro, no ano passado.


fonte: Quem Online - 19.04.2014
ROBERTO CARLOS RECEBE CARINHO DE FÃS NO DIA DE SEU ANIVERSÁRIO
Cantor completou 73 anos no sábado (19) e fãs se aglomeraram em frente ao prédio do "rei"

Roberto Carlos
Roberto Carlos completa 73 anos de idade no sábado (19) e seus fãs, claro, não deixaram a data passar em branco. Durante a tarde, uma multidão se aglomerou na Urca, em frente ao prédio onde o "rei" mora para prestar homenagens.
Com cartazes e tirando muitas fotos do aniversariante ilustre, admiradores do ícone da música brasileira chamaram a atenção até mesmo de vizinhos do cantor, que foram até a sacada para conferir a homenagem. Um boneco, flores e até o sósia do cantor estava no local. Simpático, Roberto Carlos acenou e mandou beijos aos fãs agradecendo o carinho.

Fã carrega boneco de Roberto Carlos

Fãs posam com sósia de Roberto Carlos

Sósia de Roberto Carlos faz a festa de admiradores

Fã carrega cartaz em homenagem a Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Fãs prestam homenagem a Roberto Carlos

Fãs prestam homenagem a Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Admiradores do cantor se aglomeram

Admiradores do cantor se aglomeram

Roberto Carlos e fãs

Vizinhos também foram conferir homenagem

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Fã prestam homenagem a Roberto Carlos

Boneco do cantor também estava entre homanagens

Roberto Carlos recebe flores

Sósia de Roberto Carlos faz a festa de admiradores


fonte: Pure People - 19.04.2014
ROBERTO CARLOS COMPLETA 73 ANOS NESTE SÁBADO, 19 DE ABRIL DE 2014

Roberto Carlos completa 73 anos neste sábado (19) e está prestes a dar um toque especial em sua carreira. Em fevereiro, durante a coletiva de imprensa na comemoração de dez anos no seu cruzeiro "Emoções em alto mar", o cantor falou sobre sua vida pessoal e contou que está preparando uma biografia. Detalhou que ele mesmo já está gravando os depoimentos e que ainda não tem definido o autor que vai escrever o livro.
Após polêmicas sobre o livro anterior, escrito por Paulo César de Araújo, e retirado das livrarias depois de uma intervenção jurídica movida pelo cantor, Roberto faz questão de preparar tudo e enfatizou: "Ninguém melhor do que eu para ser dono da minha história".
Ainda sobre o episódio das biografias, o Rei falou que concorda com as publicações das biografias não-autorizadas, desde que haja respeito pela pessoa a ser citada. "A grande questão da biografia é equilibrar o direto da privacidade e a liberdade de expressão. É importante que isso seja solucionado de uma forma que uma coisa não prejudique a outra. É importante que se tenha muito cuidado", afirmou.
Recentemente, Roberto Carlos foi alvo de polêmica por estrelar um comercial da Friboi e não consumir o produto em cena. O cantor, que não comia carnes há 30 anos, contou durante a coletiva de imprensa para divulgar a campanha que havia voltado a consumir.
"Tudo o que escolho para minha vida são verdades minhas. Voltei a comer carne recentemente. Comecei a comer mais quando vi o Tony Ramos", brincou o cantor, acrescentando que parou de ingerir carne vermelha por "influência de amigos vegetarianos". "Fiquei nessa por 30 anos, mas comecei a ter vontade de comer de novo desde o dia que eu parei".
Depois que o cantor foi atacado por vegetarianos, Tony Ramos, garoto-propaganda da marca, saiu em sua defesa: "Eu acho que houve uma absoluta e total má vontade com o Roberto. Ele não merecia isso não".
Vaidade
Roberto Carlos nunca escondeu ser uma pessoa vaidosa. O cantor que já declarou diversas vezes que não gosta da ideia de envelhecer, mantém uma alimentação equilibrada, com orientação de um médico ortomolecular, e está sempre fazendo exercícios físicos para retardar o envelhecimento. Cuidadoso com o cabelo e corpo, o Rei se submeteu a sua primeira cirurgia plástica em 2007 para retirar uma cicatriz antiga do pescoço e diminuir a papada.
Em 2012, Roberto tornou a fazer outro procedimento cirúrgico, dessa vez para eliminar as marcas de expressão próximo aos olhos.
Durante a coletiva no cruzeiro, o cantor brincou sobre o transtorno obsessivo-compulsivo, lembrando da sua preferência pela cor azul. "Quero dizer que estou bem melhor do TOC. Estou sentado em uma cadeira roxa. Ninguém me avisou nada", disse aos risos.
Descontraído, Roberto contou ainda que no inicio da carreira era ele que cuidava de suas roupas e que sabe cozinhar e cuidar muito bem de uma casa. Questionado sobre relacionamento, falou que não está namorando, mas deixou entrelinhas que não está sozinho. De acordo com uma fonte do Purepeople, o cantor mantém uma relação secreta com a cearense Iara Andrada há cerca de 10 anos. O discreto casal costuma se encontrar em São Paulo.


fonte: Estado de Minas - 18.04.2014
LAS VEGAS
Há mais de 40 anos, o cantor Roberto Carlos domina o setor de música romântica no Brasil. E já fez sucesso na Europa. Pelo que se sabe. Ele nunca se apresentou em Las Vegas, nos Estados Unidos, a meca de astros mundiais. Agora, vai cobrir essa lacuna. Em 2 de setembro, ele inicia curta temporada no MGM Arena, na capital do jogo. Excursões serão organizadas para levas fãs brasileiros até lá.


fonte: Jornal Agora MS Online - 16.04.2014
"HOUVE UMA ABSOLUTA E TOTAL MÁ VONTADE COM ROBERTO CARLOS", DIZ TONY RAMOS"
De volta aos comerciais do frigorífico Friboi, Tony Ramos defendeu Roberto Carlos, alvo de críticas após protagonizar recente propaganda da empresa.
“Eu acho que houve uma absoluta e total má vontade com o Roberto [Carlos]. O Roberto não merecia isso não”, disse, em entrevista ao “F5?.
O ator se referia aos comentários sobre o fato de o Rei nem tocar na carne durante peça publicitária da empresa.
“Mas, ao mesmo tempo, ninguém publica a quantidade enorme de pessoas que aprovaram [o comercial]. Eu convido vocês à reflexão sobre isso. É muito mais fácil publicar cartas desse ou daquele, sei lá o quê, do que publicar a quantidade enorme dos que aprovaram”, seguiu Ramos.
“Além do que, ele [Roberto Carlos] come carne, sim. Ele realmente ficou um tempo sem comer. E deu uma entrevista, na própria Folha tempos atrás que, dentre várias coisas que ele vinha se tratando, fazia parte dele voltar a comer carne. Agora, ninguém quer acreditar, isso é complicado.”


fonte: Bonde Online - 16.04.2014
ROBERTO CARLOS DESAPARECE DO COMERCIAL DA FRIBOI
Após a repercussão, as novas peças publicitárias da marca não têm mais Roberto como garoto propaganda

Há seis meses, o astro da música Roberto Carlos protagonizou um comercial de carnes, da Friboi. Na época, o vídeo foi alvo de críticas, pelo fato do artista ser vegetariano há, pelo menos, 30 anos.
Após a repercussão, as novas peças publicitárias da marca não têm mais Roberto como garoto propaganda. Atualmente, o ator Tony Ramos assumiu os comerciais da marca, que já produziu três novos vídeos. Porém, mesmo sem aparecer nos vídeos, Roberto Carlos ainda participa, emprestando suas músicas ‘Como é grande o meu amor por você’ e ‘Amigo’. Segundo informações divulgadas pelo R7, a assessoria da Friboi comentou o caso afirmando que o cantor ainda mantém contrato com a marca e que esta é somente mais uma fase da campanha publicitária. (Com informações R7)


fonte: Site Lux (Portugal) - 16.04.2014
ROBERTO CARLOS VOLTA A COMER CARNE POR 8 MILHÕES DE EUROS

Aos 72 anos, Roberto Carlos causou polémica ao protagonizar um anúncio à marca de carnes Friboi já que sempre defendeu o vegetarianismo que praticava há 30 anos.
Agora, a imprensa brasileira divulga que foi a quantia de oito milhões de euros que «justificou» que o cantor tenha posto de lado os princípios segundo os quais viveu nas últimas três décadas.
No anúncio cuja bana sonora é do «rei», Roberto Carlos surge a pedir um prato de bife. Apesar de nunca se ver a comer o bife, a atitude bastou para valer a condenação dos grupos de defensores de uma alimentação vegetariana.
O anúncio foi retirado ao fim de dois meses e substituído por novos anúncios protagonizados por Tony Ramos.
A marca, contudo, rejeitou que o anúncio tenha sido retirado devido à polémica.


fonte: Bizz Online - 15.04.2014
DEPOIS DE POLÊMICA, ROBERTO CARLOS SOME DE ANÚNCIOS DE MARCA DE CARNE

Um dos anúncios mais comentados da temporada, que virou até meme na internet e inspirou paródia na TV, mostra o cantor Roberto Carlos em um restaurante afirmando que prefere “com certeza” a marca de carne Friboi. Ou melhor: mostrava.
A propaganda provocou polêmica, já que o “rei” há 30 anos dizia ser vegetariano. Na imprensa, foi divulgado que o cantor teria recebido 25 milhões de reais de cachê. O comercial foi substituído por três novas peças com Tony Ramos de volta ao papel de defensor número 1 da marca.
Já Roberto “aparece” apenas na trilha sonora. E Tony diz que a carne é para “amigos de fé”. Certo. Captamos a mensagem.
De acordo com nota publicada no jornal O Globo, Roberto voltará a aparecer na campanha em junho para anunciar “promoções especiais”. Ok, então. Assista a um dos novos anúncios:


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 14.04.2014
SÓ EM JUNHO, BICHO
A nova fase das propagandas da Friboi, que começa agora, não terá Roberto Carlos. Nada a ver com a questão comeu-ou-não-comeu-a-carne. Já estava programado que Roberto voltaria a aparecer nos comerciais só no meio do ano, quando serão anunciadas promoções especiais. Por enquanto, a estrela volta a ser Tony Ramos.


fonte: Pure People Online - 14.04.2014
ROBERTO CARLOS SÓ VOLTA AOS COMERCIAIS DA FRIBOI NO MEIO DO ANO

Os fãs de Roberto Carlos não verão o rei na TV por enquanto. Isto porque o cantor só voltará à propaganda da Friboi no meio do ano. Enquanto isso, a estrela dos comerciais volta a ser Tony Ramos. As informações são da coluna "Gente Boa", do jornal "O Globo" nesta segunda-feira (14).
Segundo a publicação, a ausência de Roberto não tem a ver com a questão de não comer carne. A volta do rei já estava programada há algum tempo. Os comerciais apenas com Tony Ramos já estão sendo veiculados. No mais recente, a música "Amigo" marca a participação do cantor na propaganda.
O colunista Lauro Jardim, da revista "Veja", afirmou que, em junho, Roberto Carlos vai gravar um novo comercial, desta vez ao lado de Tony Ramos. Na propaganda, os dois vão aparecer em um churrasco.
No fim de março, Roberto Carlos surpreendeu a todos ao ser flagrado visitando um restaurante especializado em carnes no bairro do Humaitá, na Zona Sul do Rio de Janeiro. A surpresa se deu pelo fato de o cantor ter afirmado no comercial da Friboi que teria voltado a comer carne. O vídeo foi muito criticado por vegetarianos, que reclamaram da postura do músico na internet.


fonte: Surgiu Online - 14.04.2014
ROBERTO CARLOS PEDIU R$ 25 MILHÕES PARA LIBERAR MÚSICA PARA PROPAGANDA
Segundo o colunista Ricardo Feltrin, do site "Uol",
uma marca de carros queria usar "Esse Cara Sou Eu" em um comercial

Roberto Carlos está fazendo sucesso (e lucrando bem) com comerciais de TV. O rei teria exigido uma quantia altíssima para a cessão de uma música sua para uma propaganda.
Segundo o colunista Ricardo Feltrin, do site "Uol", uma marca de carros queria usar "Esse Cara Sou Eu" em um comercial, fazendo a paródia "Esse Carro Sou Eu". Para liberar a canção, a equipe do cantor pediu R$ 25 milhões.
A marca ficou assustada com o preço alto cobrado por Roberto. Mas o cantor parece ter se interessado mais pelo mercado publicitário. Tanto que, meses depois, gravou a tão comentada propaganda de um frigorífico (pela qual ganhou muito menos).


fonte: Blog João Alberto - 13.04.2014
O NOVO VISUAL DO REI
Público conferiu de perto uma super produção que marca os 73 anos de idade do cantor da MPB

Roberto Carlos, que levou uma multidão ao Estádio do Arruda na noite de ontem, mostrou seus maiores sucessos. Exatamente à meia-noite, sua orquestra executou o Parabéns pra você, cantado por todo o público, para assinalar os 73 anos que o cantor comemora dia 19. O rei inovou na indumentária, com terno branco e uma gravata alvirrubra.


fonte: Surgiu Entretenimento Online - 13.04.2014
REI ROBERTO CARLOS SE REENCONTRA COM SÚDITS O RECIFE
Público conferiu de perto uma super produção que marca os 73 anos de idade do cantor da MPB

Um rei amado de verdade vai receber carinho de seus súditos onde quer que vá. Essa lógica não foi diferente na noite deste sábado (12), quando o Rei Roberto Carlos teve um encontro íntimo com o público recifense durante apresentação que marca seus 73 anos de idade. O show, realizado no Estádio do Arruda, Zona Norte do Recife, e que faz parte de uma turnê nacional, contou com a presença de aproximadamente 30 mil pessoas, segundo a produção do evento.
A produção de Roberto Carlos mostrou-se impecável em várias situações. A entrada no estádio foi um dos pontos positivos, pois havia portões espalhados nos quatro cantos do Arruda, diminuindo as filas e a correria na hora dos fãs encontrarem o seu lugar. Além disso, a cenografia do palco, a iluminação e o som do show foram outros merecem destaque para quem foi conferir o Rei de perto.
E ele entrou quase pontualmente, às 22h20, após os holofotes do estádio serem desligados e seu reinado entrar em êxtase e ao som da música Emoções. “Muito obrigado por vocês terem vindo aqui hoje”, agradeceu Roberto Carlos, como de praxe, seguindo com Eu te amo, te amo, te amo, Além do Horizonte (numa versão mais samba), Ilegal, Imoral ou Engorda e Detalhes, tocada no violão. O público retribuiu a sequência de sucessos com um "Parabéns pra você" cantado em alto e bom tom.
Interação dos fãs
Na plateia, muita gente da terceira idade, além de famílias representadas em diferentes gerações. Caso de Marlene Maria e de seus dois filhos, Pedro Henrique e Paulo Ribeiro, que nunca tinham ido assistir a um show de Roberto Carlos. “A emoção é muito grande, com certeza. Eu já tive a oportunidade de assistir a outros shows do Roberto Carlos, mas com os filhos ainda não, e eu espero que eles deem continuidade a isso porque show do Roberto é muito gostoso”, comentou Marlene. “Já escutei várias vezes, só que essa é a primeira vez que eu vou a um show dele. Mas eu tenho certeza de que vai ser legal”, opina o caçula Pedro Henrique.
Outras fãs que não perderam a oportunidade de ver Roberto Carlos de perto foram as donas de casa Nelia Maria e Maria Guedes. “Esse é o meu primeiro show, e eu estou tão ansiosa que o meu coração está a mil por hora aqui”, brincou Nelia. “Sou fã do Roberto durante toda a minha vida. Vai ser bom pra matar a saudade, porque a última vez que o vi foi na época do Classic Hall (atual Chevrolet Hall)”, explicou Maria Guedes.
Sentada na arquibanda, de frente para o palco, estava Iranilda Santos, que segundo ela é uma admiradora de Roberto Carlos há muito tempo. “Apesar disso, nunca pude ir a um show e minha primeira vez vai ser logo no Arruda. Trouxe um binóculo pra poder vê-lo mais de perto, e o que ele cantar está bom pra mim”, disse Iranilda, bastante emocionada.
Outra fã ansiosa para ver o Rei de perto foi a aposentada Naíse Canuto, que estava com uma fantasia com várias fotos do cantor da cabeça aos pés. “Roberto Carlos é tudo na minha vida, ele é a razão do meu viver. Faz poucos dias que eu fiz uma cirurgia na cabeça, por causa de um problema de saúde, mas estou aqui viva e só estou por causa do meu amor por ele. Pode todo mundo falar o que quiser, mas esse cara é só meu”, comentou a aposentada aos risos.


fonte: Diário de Pernambuco Online - 11.04.2014
ROBERTO CARLOS VOLTA A SE APRESENTAR NO RECIFE NESTE SÁBADO
A expectativa da produção é de um público de cerca de 50 mil pessoas.

Rei antecipa festa de aniversário, celebrado no sábado, dia 19.
As comemorações pelos 73 anos de Roberto Carlos, celebrados no dia 19, começam nesta sábado (12), no Estádio José do Rêgo Maciel, no Arruda, a partir das 22h. A volta ao Recife ocorre em grande estilo - já que o Rei não passou por aqui na última turnê pelo Nordeste nem nunca se apresentou em um local a céu aberto na cidade. A expectativa, segundo a produção, é de “casa cheia”, por mais de 50 mil pessoas.
Sem muitas surpresas, mas com “muitas emoções”, Roberto traz o seu repertório base, com Eu te amo, eu te amo, Além do horizonte, Como é grande o meu amor por você, Detalhes, Lady Laura, O portão, entre outras. A procura por ingressos para o show segue intensa.
De acordo com a assessoria de imprensa do 13º BPM, a Polícia Militar de Pernambuco, duzentos e vinte e dois PMs estarão trabalhando na área externa do evento para fazer a segurança do público. O policiamento também contará com apoio das Unidades Especializadas como Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães), Regimento de Polícia Montada (RPMon), 1º BPTran, Companhia Independente de Policiamento com Motos (CIPMoto).
Há, no entanto, entradas para todos os setores - Cadeira azul - R$ 460 e R$ 230 (meia), Cadeira amarela - R$ 300 e R$ 150 (meia), Cadeira branca - R$ 220 e R$ 110 (meia) Cadeira cativa - R$ 300 e R$ 150 (meia), Plateia inferior - R$ 120 e R$ 60 (meia), Plateia lateral - R$ 160 e R$ 80 (meia), Plateia superior - R$ 80 e R$ 40 (meia). Uma linha de ônibus exclusiva, o Expresso Rei, foi criada para facilitar o acesso ao local, saindo do Shopping Tacaruna, ao preço de R$ 6. Funciona das 17h às 2h.
Serviço:
Show de Roberto Carlos
Quando: Sábado (12), a partir das 22h
Onde: Estádio José do Rêgo Maciel, no Arruda
Informações: (81) 4003-1212


fonte: G1 Online - 08.04.2014
NOVA PROPAGANDA DA FRIBOI TERÁ ROBERTO CARLOS E TONY RAMOS JUNTOS
Novo comercial está previsto para entrar no ar nas próximas semanas.
Polêmica era prevista e cantor é 'ótimo garoto-propaganda', diz publicitário.

Roberto Carlos e Tony Ramos, durante apresentação de campanha em fevereiro
A propaganda da Friboi com Roberto Carlos dizendo que voltou a comer carne ganhará uma sequência. No novo comercial, previsto para entrar no ar na segunda quinzena deste mês, o cantor aparecerá junto com Tony Ramos. No primeiro filme, que estreou em fevereiro e já saiu do ar, o ator emprestava apenas a sua voz.
"Teremos uma nova etapa, a partir do dia 15 de abril, com o Tony presente", disse ao G1 Luiz Lara, sócio e chairman da Lew'Lara\TBWA, que criou a campanha da marca.
Segundo o publicitário, a polêmica envolvendo o anúncio de que Roberto Carlos voltou a comer carne após 30 anos já era esperada.
"Nós sabíamos, quando escolhemos o Roberto Carlos -- que está em outro planeta, pois é um artista, um mito e faz parte do imaginário coletivo dos brasileiros --, que iria surpreender o fato de ele ter voltado a comer carne bovina. Ele nunca foi vegetariano. Nos últimos 30 anos, comeu peixe e frango e, ao longo dos últimos 2 anos, voltou a comer carne. Sabíamos que ia provocar polêmica. E agora vamos dar continuidade a isso, com Roberto e Tony mostrando não só a pedida 'É Friboi' como a resposta", revelou Lara, sem adiantar detalhes da propaganda.
'Tony Ramos também não comeu carne em comercial'
Ele também rebateu as críticas e insinuações sobre o fato de o cantor não aparecer comendo carne no comercial. "O Tony Ramos também nunca comeu carne, e nem precisa. A gente tem 'n' campanhas vitoriosas com celebridades dando seu testemunhal sem necessariamente comer", explicou.
Para quem tem dúvidas de que Roberto Carlos voltou de fato a comer carne vermelha, o publicitário contou que o cantor "esteve na semana passada numa churrascaria do Rio, comendo carne".
"Não é só uma parceria de campanha. A Friboi se associou ao Roberto Carlos no patrocínio de 40 shows por ano, no show em Las Vegas e no cruzeiro Emoções. É um processo de experiência e ativação de marca", afirmou Lara.
'Roberto é um fenômeno'
Apesar da repercussão negativa nas redes sociais, a agência avalia que a campanha atingiu seu objetivo, agradou o público-alvo da marca e veio coroar a decisão do grupo JBS de fazer um investimento de promoção de marca dentro de uma categoria que até então não tinha a tradição de investir em propaganda para o público consumidor.
"A propaganda teve mais de 82% de lembrança; 67% descrevem a campanha e 54% adoram. Então, o Roberto é um fenômeno", disse o publicitário. "Por tudo que o ele significa, especialmente junto ao público feminino de classes A, B e C de mais de 25 anos, o Roberto Carlos é um ótimo garoto-propaganda", acrescentou.
Procurada pelo G1, a Friboi informou apenas que o novo filme da campanha está previsto para começar a ser veiculado na TV aberta nas "próximas semanas".
No anúncio da chegada de Roberto Carlos como novo garoto-propaganda da marca, o presidente da JBS disse que a empresa espera que as campanhas de marketing com as marcas Friboi e Seara ajudem a empresa de alimentos a aumentar em 20% sua receita líquida global de 2014.


fonte: site oficial RC - 08.04.2014
QUEM NUNCA OUVIU FALAR DELA?
Dona Laura, mãe de Roberto Carlos, inspiração para a música "Lady Laura", matriarca da Família Braga?
Nesta quinta-feira, dia 10, Dona Laura comemoraria mais um aniversário e não poderíamos passar esta data sem uma merecida homenagem.
Laura Moreira Braga nasceu no Espirito Santo, mais precisamente na Fazenda Santa Clara, situada entre Mimoso do Sul e Muqui, no dia 10 de abril de ... imagina... jamais cometeríamos tamanha indiscrição.
Filha caçula de onze irmãos, Laura foi entregue ainda bem pequena por seus pais Ana Luiza (Vovó Don'Ana) e Joaquim Moreira, para ser criada por sua irmã mais velha Jovina. Dindinha, como Jovina era conhecida, já era casada com o marceneiro Humberto Cristhofori quando recebeu Laura em sua casa.
Com a chegada de Ester, filha de Jovina e Humberto, estava formada a família e todos se mudaram para a cidade de Iconha no Espirito Santo. Lá chegando, ao procurarem uma casa para alugar, foram informados de que havia uma casa disponível de propriedade de Robertino Braga.
Robertino, na época ourives, ganhava a vida viajando de cidade em cidade comprando e vendendo joias. Possuía uma casa grande e espaçosa em Iconha. Conheceu Humberto e alugou sua casa para a família Cristhofori. Como ele viajava muito, só precisaria mesmo de um quarto para quando passasse por Iconha.
Laura ainda menina era excelente aluna, uma criança dócil e amável. Com dom para costura aprendeu o ofício com Dindinha que era uma costureira exemplar.
Muito bonita e vaidosa, não custou a chamar a atenção de Robertino que a cortejou. Namoraram e se casaram em meados de 1931.
Após o casamento o jovem casal se mudou para Cachoeiro do Itapemirim por sugestão de Anphilófio, irmão mais velho de Robertino, que os ajudou a construir a casa onde seus quatro filhos nasceriam.
No ano seguinte a família aumentava com o nascimento do primogênito Lauro Roberto, depois mais um menino, Carlos Alberto, seguido mais adiante pela única filha Norma, que ganhou o mesmo nome de uma boneca que Laura teve na infância .
Nove anos após o nascimento do primeiro filho, a família de Laura e Robertino finalmente estaria completa com a chegada do caçula Roberto Carlos.
Robertino firmou-se na cidade com seu ofício de ourives e relojoeiro e se instalou numa pequena loja no centro da cidade. Laura que era costureira, atendia uma vasta clientela, além de costurar as roupas da própria família. O barulho da máquina de costura até altas horas da noite foi canção de ninar para as crianças durante muitos anos.
Dona Laura foi peça de extrema importância para a carreira de Roberto Carlos, sendo responsável por leva-lo ainda criança, aos nove anos de idade, para cantar pela primeira vez na Rádio Cachoeiro. Incentivadora do talento do filho, não poupou esforços para ajudá-lo a realizar o sonho de se tornar cantor. Em comum acordo com o marido, acompanhou Roberto Carlos em sua mudança definitiva para o Rio de Janeiro. Seu Robertino não querendo ficar longe de sua esposa, logo os seguiu. Família reunida em Lins de Vasconcellos, começava a caminhada de Roberto Carlos rumo ao sucesso.


fonte: Jornal de Hoje - 07.04.2014
ESSE CARA (AINDA) É ROBERTO CARLOS
Em apresentação no Castelão no último sábado, Roberto Carlos provou que,
após cinco décadas de carreira - e mesmo quando o som não ajuda -, ainda é o "Rei" da música brasileira

Roberto Carlos: um ídolo de interpretação econômica que sabe provocar reações empolgadas da plateia
Mais uma vez, a Arena Castelão abriu suas portas para um astro da música. E, agora, pela primeira vez, para um nome nacional. Na noite do último sábado, foi Roberto Carlos quem estacionou seu calhambeque em Fortaleza para apresentar o show em que comemora seus mais de 50 anos de carreira junto com os 73 anos de vida, que ele completa no próximo dia 19.
Poucos depois de21h30min, Tom Cavalcante subiu ao palco para dar boa noite ao público e encomendar um coro de “Parabéns pra você”. Em seguida, a banda fazer um pot-pourri de sucessos e, em seguida, Roberto chegou todo de branco e foi recebido com muitas palmas.
Logo no inicio, a qualidade do som mostrou que não estava num bom dia. Microfonias e volume baixo geraram reclamações da plateia. As pessoas sentadas nas arquibancadas superiores até organizaram um pedido para melhorar a qualidade, mas não foram atendidos. Principalmente nos momentos em que Roberto Carlos conversava, pouco era entendido. “Fiquei surpresa com a pouca qualidade do som. A plateia ficou parada por que não conseguia ouvir”, criticou a professora Helena Souza, que estava na plateia superior lateral.
Do palco, o Rei não fez menção às reivindicações e seguiu seu protocolo. Num repertório sem surpresas, ele deu ao público exatamente o que se espera de um show seu. Da abertura como “Emoções” ao encerramento com “Jesus Cristo” e a tradicional distribuição de flores brancas e vermelhas (que ele faz de conta que beija), Roberto intercalou canções com longos diálogos falando sobre seu cachorro Axaxá e bastante sobre o amor. “São duas coisas que podem andar separadas (o amor e o sexo), mas, quando estão juntas, é bem melhor”, comentou. Também aproveitou para elogiar a Arena Castelão. “Que maravilha ficou essa obra. E em tempo”, arrematou o astro, que também fez vários elogios à banda.
Voz firme
Em cerca de duas horas de apresentação, Roberto Carlos percorreu sua história, desde a jovem guarda até o recente estouro de “Esse cara sou eu”. Um destaque fica para o arranjo vigoroso de “O calhambeque”, orquestrado pelo maestro Eduardo Lages. Banhado por uma iluminação belíssima, Roberto rege a multidão como poucos. Mesmo que pareça frio e econômico nas interpretações (apesar da voz firme e muito bem colocada), a plateia responde empolgada a todos os seus gestos. O que mostra que, com mais de cinco décadas de música, o Rei ainda causa muitas emoções.
Antes do show, a trilha sonora ficou por conta de clássicos de Ray Charles. Coincidência ou não, quando a banda executou a introdução de “O calhambeque”, fez uma citação de “Hit the road Jack”, um dos sucessos do ídolo americano.
Para entrar na Arena Castelão, o público tinha que entrar numa fila enorme. Enquanto uns furavam a fila, outros cediam seus lugares para os idosos que se aproximavam.
Pivô de uma polêmica recente entre Roberto Carlos e seus fãs vegetarianos, a marca Friboi fez uma ação durante o show com direito a belas garotas, adesivos e propaganda nos telões.
Na saída do show, muitos carros particulares e táxis formaram filas duplas para esperar seus passageiros, o que formou uma longa fia.
Um dia depois de anunciar que ficaria no Governo do Estado, Cid Gomes foi à Arena Castelão conferir o show de Roberto Carlos. Com um copo de cerveja na mão, atendeu a todos que pediram para tirar uma foto com ele.


fonte: Diário de São Paulo Online - 07.04.2014
ANGÉLICA QUER FAZER CARNE COM ROBERTO CARLOS
Angélica: 'Está até dando uma vontade de ir para a cozinha'

À frente de mais um ano do “Estrelas”, Angélica já tem uma lista dos convidados que ainda faltam pisar em sua atração. Entre eles, estão Rita Lee e Roberto Carlos.
“Agora, seria capaz de ele aceitar, né?”, diz ela, sobre o fato do cantor ser o novo garoto-propaganda da Friboi. “Também quero levar a Fernanda Torres, que é minha amiga e nunca foi.”
Apesar de estar na Globo e ter acesso ao casting do canal, a loira revela que não é tão fácil quanto parece convencer as pessoas a cozinharem no programa. “A maioria prefere vir para dar entrevista. É difícil cozinhar fora de casa, não é? É um desafio grande”, conta. Até por isso, muitas das receitas preparadas pelos convidados não dão certo.
“Fica todo mundo tremendo de nervoso. Tem coisas que ficam boas e outras ruins. Mas eu não fico falando, né? (risos)”, brinca ela, que confessa ter aprendido muita coisa com as panelas da TV. “Está até dando uma vontade de ir para a cozinha (risos).”
Neste ano, aliás, é possível que o formato, finalmente, ganhe transmissão em rede nacional. “A gente recebe muito retorno nas redes sociais. Eu torço para isso. Mas eu ainda não tenho certeza”, adianta.


fonte: O Povo Online - 06.04.2014
MESMO COM CHUVA, 45 MIL PESSOAS ASSISTEM ROBERTO CARLOS NO CASTELÃO

Primeiro artista brasileiro a cantar na arena castelão, Roberto Carlos atraiu 45 mil pessoas para o estádio na noite do último sábado, 5. A turnê do rei passa pelos seus mais de 50 anos de carreira e abre as comemorações do seu mês de aniversario.
Antes da apresentação, uma chuva fina tirou o sossego da plateia. A produção tentou resolver o problema distribuindo algumas capas plásticas, mas não deu pra quem quis. Antes de Roberto, foi Tom Cavalcanti quem subiu ao palco e pediu ao público que cantasse parabéns para o aniversariante. Em seguida, a banda executou um pot-pourri de sucessos e recebeu a grande atração da noite.
Todo de branco, Roberto Carlos chegou coberto pelas palmas da plateia. Mesmo com problemas de som, o que fez parte do publico reclamar, o cantor enfileirou sucessos como emoções, detalhes, o calhambeque, mulher pequena, cama e mesa e lady Laura, que dedicou à mãe.


fonte: Época Online - 04.04.2014
ROBERTO CARLOS EM RITMO DE DITADURA
Como, no auge de suas boas relações com o regime militar, o cantor ganhou a concessão de uma rádio em 1979
Em 1979, um cantor circulava pelos corredores de Brasília causando alvoroço entre as secretárias. Roberto Carlos, aos 38 anos, cabelos cacheados, fazia visitas pontuais a autoridades do governo. Seus passeios pelo Planalto tinham um propósito: conseguir a concessão para uma emissora de rádio. “Ouvi gritos no corredor e, de repente, entrou o Roberto Carlos em meu gabinete. Tomei um susto. Ele tinha vindo fazer uma visita de cortesia. Isso não era necessário, porque as concessões eram dadas pessoalmente pelo ministro ou pelo presidente. Eu cuidava apenas da documentação burocrática”, diz Rômulo Furtado, na época secretário-geral do Ministério das Comunicações. O ministro era o capitão da Marinha Quandt de Oliveira. O presidente era o general Ernesto Geisel.
>> 1964: O ano que não terminou
Roberto Carlos andava em companhia do radialista Cayon Gadia, seu sócio na empreitada. O governo distribuía concessões de rádio e restavam poucas faixas na frequência FM. Entre as grandes capitais brasileiras, havia um espaço atraente em Belo Horizonte. Na época, a distribuição das emissoras não obedecia necessariamente a critérios técnicos. “O nome de Roberto Carlos e o prestígio dele já eram credenciais suficientes para garantir a concessão”, diz Rômulo. O trabalho de lobby só deu resultado mais de um ano depois. No princípio do governo de João Baptista Figueiredo, Roberto Carlos conseguiu autorização para montar a Rádio Terra, que manteve durante 15 anos em Belo Horizonte – sem que o público nem mesmo os empresários do setor soubessem de sua participação.
>> 13 questões sobre a ditadura no Brasil

Proximidade: Roberto Carlos é condecorado pelo general Humberto de Souza Mello.
Ele foi listado entre “artistas que se uniram à Revolução”
Essa passagem desconhecida da biografia de Roberto Carlos foi o ponto culminante de suas boas relações com o poder ao longo de duas décadas de ditadura no país. Nos anos de chumbo, ele foi condecorado com a Medalha do Pacificador, ocupou cargos em conselhos do governo, livrou-se da censura com a ajuda do ministro da Justiça e foi contratado pelo Exército para atuar em inúmeros shows em homenagem à Revolução. Embora sempre tenha levado uma carreira de empresário paralela à de músico – na época da ditadura, ele tinha boate, postos de gasolina e uma locadora de automóveis –, a rádio foi um negócio bastante vantajoso, já que não teve de pagar nem um centavo pela concessão.
Seu sócio na emissora, Cayon Gadia, morreu em 2007. A mulher dele, Regina Blanco Ferreira, de 72 anos, relembra o caso. “Eles iam a Brasília falar com o presidente Figueiredo e com o Golbery (do Couto e Silva). Cayon ficou impressionado de ver o prestígio de Roberto ”, diz. Roberto Carlos nega. Em resposta a ÉPOCA por e-mail, ele informa que apenas aceitou o convite recebido pelo sócio e que não se lembra da ajuda de nenhum político ou militar para conseguir a concessão. “Que eu saiba não. Quem tratou de tudo foi o próprio Cayon Gadia”, diz.
Roberto Carlos já era funcionário do Ministério da Educação e Cultura quando os militares tomaram o poder, em 1964. Tinha 23 anos e trabalhava como assistente de relações-públicas na rádio MEC, no Rio de Janeiro. “Ele fazia serviços diversos. Pegava endereços que eu precisava ou ligava quando eu tinha de falar com alguém. Logo pedia para ir embora, porque precisava fazer seus shows”, diz a jornalista Noemi Flores, sua chefe na época, hoje com 92 anos. Depois que mudou de função, Noemi diz que nunca mais viu Roberto Carlos por lá. O nome dele continuou constando como funcionário até que sua exoneração fosse publicada, em 1970.
Em maio de 1967, Roberto Carlos já era uma espécie de unanimidade nacional, quando foi recebido para uma audiên­cia a portas fechadas com o ministro da Justiça, Luiz Antônio da Gama e Silva. Ele era um revolucionário ardoroso, redator e locutor do AI-5, medida mais dura do regime. Precisamente em 1968, ano do AI-5, o cantor lançou seu primeiro filme, Roberto Carlos em ritmo de aventura. O longa-metragem de ação não trazia nenhuma referência crítica ao regime, mas seu trailer foi barrado pela Censura, por questões burocráticas. Os produtores não conseguiram enviar a tempo uma cópia integral do filme, pré-requisito para que o trailer fosse liberado. Diante do impasse, o ministro Gama e Silva enviou um telegrama urgente à Divisão de Censura da Polícia Federal, que atuava sob seu comando. Ele pedia ao chefe da Censura para “abrir uma exceção” e liberar o trailer sem assistir ao filme. “Se trata de uma história cujo protagonista é o mais admirado e popular artista brasileiro”, afirmou o ministro. O trailer foi liberado no dia seguinte.
Em 1971, Roberto Carlos mandou um telegrama de condolências ao ministro da Aeronáutica, marechal Márcio Melo, lamentando a morte de três militares num acidente, durante um show da Esquadrilha da Fumaça. Nesse mesmo ano, um comunicado do Serviço Nacional de Informações (SNI) criticava a imprensa por “atingir a honra” de diversos artistas por meio de “noticiário difamatório”. “A incidência deste desgaste recai seguidamente sobre determinados artistas que se uniram à Revolução de 1964 no combate à subversão e outros que estão sempre dispostos a uma efetiva cooperação com o Governo”, diz o informe. Entre os artistas, aparece o nome de Roberto Carlos e de seu empresário na época, Marcos Lázaro.
Roberto Carlos realizou shows durante as Olimpíadas do Exército, em 1971 e 1972, na Presidência do general Emílio Garrastazu Médici. Os jogos serviam para aproximar os militares da população, enquanto o regime iniciava ações duras contra opositores. O ano de 1972 marca a desarticulação da Guerrilha do Araguaia, que deixou 62 mortos na região amazônica. Foi também o ano em que Roberto Carlos ganhou sua primeira nomeação no governo, para participar da Comissão Nacional Anti-Tóxico, do Ministério da Educação e Cultura. O objetivo da comissão era elaborar projetos para o combate às drogas. A escolha dos integrantes foi feita pelo então coronel Jarbas Passarinho, ministro da Educação na época. Com 31 anos, Roberto Carlos era o integrante mais jovem. “Nos reuníamos periodicamente em Brasília, para que cada conselheiro apresentasse sua proposta. Não vi o Roberto Carlos em nenhuma reunião”, diz Lygia Maria Bastos, hoje com 94 anos, então deputada estadual pela Arena, o partido do governo.
Em 1973, Roberto Carlos foi agraciado com a Medalha do Pacificador, honraria concedida a militares ou civis que de alguma forma contribuíam com o Exército. Mais tarde, a medalha ficou famosa por homenagear os torturadores do regime. Ele a recebeu em São Paulo, das mãos do general linha-dura Humberto de Souza Mello. Segundo a justificativa publicada no Boletim do Exército, a medalha foi concedida “pela inestimável colaboração prestada ao Exército”, em especial durante a realização de sua IV Olimpíada. Os jogos aconteceram no Recife naquele ano, e Roberto Carlos foi a grande atração do show de encerramento. Depois de receber a medalha, ele se apresentou durante a exposição O Brasil de hoje, que enumerava as realizações do governo ao longo de nove anos de ditadura. O músico Martinho da Vila também participou do evento.
Dois anos depois, o jornalista Vladimir Herzog foi torturado até a morte nas instalações do Exército em São Paulo. Sua morte desencadeou uma onda de insatisfação na classe média. Também em 1975, no mês de março, Roberto Carlos apareceu cantando num programa de televisão comemorativo ao 11º aniversário do golpe militar, transmitido em cadeia nacional. O programa contou com pronunciamento de vários políticos ligados à Arena. Também participaram do programa os músicos Jair Rodrigues e Eliseth Cardoso.

EXCEÇÃO O trailer do filme Roberto Carlos em ritmo de aventura foi liberado pela Censura após intervenção do ministro da Justiça
Em 1976, Roberto Carlos recebeu a Ordem do Rio Branco, reconhecimento do governo brasileiro pelos serviços prestados à nação. Quem entregou a medalha foi o presidente Ernesto Geisel. Naquele mesmo ano, ganhou seu segundo cargo no governo, desta vez no Conselho Nacional de Direito Autoral, que dava a palavra final em disputas relativas a direitos autorais no país. Os conselheiros participavam de reuniões quinzenais em Brasília. Recebiam passagem aérea, hospedagem e um jeton por reunião. Roberto Carlos ficou três anos na função. “Ele não ia a todas as reuniões, mas era um conselheiro frequente. Não abria a boca. Enquanto os outros conselheiros discutiam, ele apenas se sentava na cadeira. No final ia embora, sem falar praticamente nada”, diz Divaina Borges, então secretária do conselho. Um dos projetos apresentados por Roberto Carlos sugeria a criação de uma entidade que representasse os compositores de jingles publicitários. Os pareceres assinados por ele não foram preservados pelo ministério. “Ele olhava as questões com olhos de grande arrecadador que era, já que recebia direitos autorais como compositor, intérprete e editor”, diz o jurista Carlos Fernando Mathias de Souza, então presidente do conselho.
Roberto Carlos continuava na função quando criou a sociedade Rádio Terra Ltda., em fevereiro de 1979. Segundo o contrato de fundação, as transmissões teriam propósito educativo, cultural e informativo, mas também “cívico e patriótico”. O documento diz que a empresa poderia abrir sucursais ou filiais em todo o país. “Nos corredores do ministério, sabia-se que o desejo deles era criar uma rede de emissoras de rádio em algumas capitais brasileiras”, diz Rômulo Furtado, ex-secretário-geral do ministério. A concessão foi publicada no Diário Oficial em agosto de 1980. Os dois sócios conseguiram apenas uma emissora e levaram quatro anos para colocá-la no ar. Antes disso, Cayon Gadia saiu do negócio. “Ele não gostava de falar muito do assunto. Dizia apenas que pessoas próximas ao Roberto Carlos ficaram com ciúme da sociedade”, diz sua viúva, Regina Blanco. Sua parte foi vendida para José Carlos Romeu, radialista que apresentava shows de Roberto Carlos, e Sérgio Orensztejn, sócio de Roberto Carlos em uma locadora de automóveis.
Roberto Carlos foi à missa de inauguração e praticamente não voltou à rádio, que também não tocava músicas suas. “Ele queria deixar claro que era um negócio do empresário, não do artista”, diz Marco Aurélio Jarjour, que entrou na sociedade e hoje é o dono da emissora. Roberto Carlos vendeu sua parte em 1994. “Não houve motivo especial. Marco Aurélio se interessou em comprar minha parte, e aceitei a proposta”, disse Roberto Carlos por e-mail.
Roberto Carlos nunca fez músicas exaltando o regime, como a dupla Dom e Ravel. Ao longo da ditadura, manteve uma postura apolítica. Para o governo, era uma posição conveniente. “O perfil do Roberto Carlos era avaliado como positivo pelo regime. Se os militares conseguissem colar sua imagem à de um grande ídolo popular como ele, que ainda por cima não criticava a ditadura, seria interessante para eles. Mas isso não chega a constituir um apoio ou conivência. Houve ingenuidade política”, diz o historiador Carlos Fico. Uma concessão como a Rádio Terra, nos dias de hoje, vale em torno de R$ 2 milhões, segundo a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão.


fonte: Portal Nacional - 04.04.2014
FORTALEZA RECEBE SHOW DE ROBERTO CARLOS COM AÇÕES DA FRIBOI
A Friboi, do grupo JBS, patrocinadora oficial do cantor em 2014,
promoverá uma experiência diferenciada aos consumidores de Fortaleza.
No próximo dia 5 de abril, a cidade receberá o show do rei Roberto Carlos com várias ações da marca.
Comprando produtos Friboi Friboi, Swift ou Swift Maturatta nos estabelecimentos participantes, o consumidor ganha um ingresso para a apresentação na Arena Castelão. Além da ativação para consumidores, a empresa vai disponibilizar um espaço exclusivo, onde o público poderá tirar fotos divertidas com temática do show e postar direto nas mídias sociais e promotoras distribuirão adesivos alusivos ao evento.
Os principais clientes da região também irão ao show a convite da Friboi, que receberá em um espaço exclusivo próximo ao local do evento. “Roberto Carlos é o maior ícone da música brasileira, fala diretamente ao coração de quem o assiste. Ele é adorado por todos, está no dia a dia da consumidora, tem tudo a ver com Friboi”, afirma Wesley Batista, presidente da JBS no Brasil.
As ações fazem parte de uma ampla ativação de marca durante a turnê de Roberto Carlos e, além dos shows nacionais, a Friboi estará presente também nos eventos prioritários do cantor, como o navio Emoções e nos shows internacionais.
As próximas cidades a receber o artista são: Recife (12/4) e São Paulo (com apresentações entre 9/5 e 11/05).


fonte: Jornal do Commercio (PE) - 01.04.2014
REI APRESSADINHO
Roberto Carlos não vai dormir no Recife, dia 12, quando faz show no Chevrolet Hall. Ele vem no jatinho particular e vai embora assim que acabar. Assim é seu ritual. Sua banda é composta por 16 músicos e ele não é acostumado a grandes atrasos. Para este novo show, o rei só canta músicas de sua autoria. Sim, ele já pediu para a produção local providenciar 12 dúzias de rosas vermelhas e brancas. Uma de suas marcas registradas.


fonte: Gazeta do Povo Online - 01.04.2014
A PEDREIRA E AS CANÇÕES DO REI

Roberto Carlos fez sua parte no sucesso da reabertura
O show de Roberto Carlos na reabertura da Pedreira Paulo Leminski não foi impecável nem surpreendente. Houve um desencontro da banda aqui e ali; a voz do cantor, que pareceu ter problemas com o pedestal do microfone (indefectivelmente tombado), sumiu em momentos de maior intensidade dos arranjos. Não ficaram de fora suas canções mais conhecidas, e tampouco seus maiores clichês – vide o pot-pourri instrumental de gosto duvidoso que deixou a abertura do show com cara de vinheta de final de ano na tevê.
Mas o Rei, mesmo assim, fez exatamente o que se esperava dele: foi um sucesso. Aparentemente, nem estes detalhes, nem aquele infame anúncio de carne que o fez passar vergonha também ali, no telão do palco antes do show, são suficientes para atrapalhar a conexão que Roberto Carlos estabelece entre o palco e a plateia. Nenhum artista brasileiro faz tanto sucesso e tem tanta intimidade com seu público quanto ele. Em meio a canções que percorreram desde a Jovem Guarda até a recente “Esse Cara Sou Eu” – passando por menções pontuais à pegada venenosa de suas ótimas incursões pelo funk entre o fim dos anos 1960 e o início dos anos 1970, como em “Ilegal, Imoral ou Engorda” –, o Rei canta e fala de sua vida, versa sobre o amor, se atreve a falar de sexo. E o público ouve de perto.
Foi isso que o artista emprestou à reinauguração da Pedreira. Um evento também político, amparado por um aparato policial impressionante – talvez até exagerado considerando que o show explorou menos de um terço da capacidade do espaço. E um ensaio para espetáculos maiores – e mais democráticos –, para os quais ao menos o funcionamento do Pedreira Bus, que fez seus clientes da linha Premium esperarem por até uma hora para embarcar, deverá ser melhor planejado.


fonte: Gazeta do Povo Online - 31.03.2014
ROBERTO CARLOS REABRE A PEDREIRA PAULO LEMINSKI
O show de Roberto Carlos, no último sábado, marcou o aniversário de Curitiba e a reabertura da Pedreira Paulo Leminski, com sistema de transporte oficial do evento, batizado de Pedreira Bus. O sistema apresentou problemas para esgotar a longa fila de pessoas que aguardavam pelo ônibus na hora da saída.
O rei abriu o show com a clássica canção “Emoções”. Logo no início, a banda tocou pequenos trechos das músicas do repertório da apresentação, incluindo sucessos como “Detalhes”, “Como é grande o meu amor por você”, “Jesus Cristo”, “Além do Horizonte”, entre outras. A saudação aos curitibanos foi marcada pela comoção do público, que recebeu o rei de pé e cantando em coro. “Que prazer ver vocês de novo, nesse lugar bonito, aos 321 anos de Curitiba, mais velha que eu, bicho”, brincou.
De azul Muitos fãs também vieram vestidos de azul para agradar o rei. As professoras Elisângela Venci, Iara do Amaral, Léa Cunha, Elisabete da Cruz e Sílvia Lúcia Oliveira combinaram o figurino antecipadamente, assim que souberam do show do cantor em Curitiba. Já Suzana Garret, que também veio de azul, conseguiu vir ao show porque ganhou o ingresso. “Eu nem acreditei, porque eu não ia poder pagar.” A professora Berenice Carvalho comprou um vestido especialmente para a apresentação. “O próximo passo é ir ao cruzeiro dele.” Berenice também trouxe uma faixa azul e branca, mas não revelou o que estava escrito. “É surpresa.”
O show marcou a reabertura da Pedreira Paulo Leminski, fechada pela Justiça em 2008 por uma ação do Ministério Público movida em nome de moradores da região. Desde então, o local passou por uma série de readequações que custaram cerca de R$ 17 milhões à empresa que detém a concessão para administrar o local, a DC Set Promoções.
Mobilidade
A entrada dos fãs ocorreu sem tumultos, mesmo com meia hora de atraso para a abertura dos portões da Pedreira. Houve apenas congestionamento na Avenida Mateus Leme por causa do bloqueio na Rua João Gava. A apresentação do rei foi limitada para 8,2 mil pessoas – menos de um terço da capacidade total da Pedreira. O transporte oficial do evento, uma alternativa ao uso do carro, apresentou problemas. A linha Premium, que levou no máximo 44 pessoas por trajeto por permitir apenas passageiros sentados, demorou para esgotar a longa fila que se formou na saída. Os passageiros pagaram R$ 20 pela passagem de ida e volta. Já a linha Express, que levou os passageiros em um ônibus de linha convencional e custava a metade do preço da Premium por permitir a viagem em pé, esvaziou sua fila rapidamente e teve veículos sobrando.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 30.03.2014
O BIS ESTÁ GARANTIDO
Roberto Carlos voltará pela primeira vez ao Radio City Music Hall, em Nova York, desde que recebeu, naquele palco, a notícia da morte de sua mãe, Lady Laura, há quatro anos. Será o show de encerramento de sua turnê internacional, em 3 de outubro. Em 2010, arrasado, o Rei não voltou para o bis, garantido na próxima apresentação.


fonte: O Povo Online (CE) - 30.03.2014
O SHOW DO "REI" EM FORTALEZA
Roberto Carlos volta a se apresentar em Fortaleza. O show acontece no próximo sábado, no Castelão. Maior ícone da música popular brasileira, o “Rei” atravessa gerações renovando sua legião de fãs - apesar de posições e declarações controversas (como as que cercaram a polêmica sobre as biografias não-autorizadas). Ainda que, já há muitos anos, não tenha o mesmo vigor criativo de sua fase áurea (nos anos 60 e 70), o “Rei” é o “Rei” e certamente vai emocionar.


fonte: Último Segundo IG - 30.03.2014
CANTOR PARTICIPOU DA FESTA DE 321 ANOS DA CIDADE
E REINAUGUROU O PARQUE DAS PEDREIRAS, QUE CONTA AINDA COM A ÓPERA DE ARAME
Roberto Carlos se apresentou em Curitiba nesse sábado (29), dia em que a cidade comemorou 321 anos. Às 21h40, com 40 minutos de atraso, o cantor subiu ao palco para se apresentar para um público estimado em 10 mil pessoas na reabertura da casa de shows Pedreira Paulo Leminski. que estava fechada desde 2008.
Perto dos 30 minutos de atraso, parte do público começou a aplaudir e a chamar por Roberto Carlos, mas sem vaias ou tumulto. No palco, a banda RC9 tocou “Como é Grande o Meu Amor Por Você” em versão instrumental. Depois foi a vez de o Rei entrar em cena e arrancar gritos, ainda que contidos,da plateia.
“É um prazer enorme rever todos vocês. Obrigado pelo carinho, é um privilégio me apresentar em um lugar como esse”, declarou o músico logo depois de cantar “Emoções”.

Roberto Carlos fez show na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba (29/03/2014)
Entre as canções consagradas de seu repertório e a mais recente “Esse Cara Sou Eu”, Roberto Carlos fazia suas tradicionais piadinhas dos shows para ver se animava a plateia, que participava, mas com certo distanciamento. Ao final do hit “Outra Vez”, por exemplo, o cantor disse: “Vamos terminar essa canção juntos, mas sem medo, por favor”, falou.
Logo em seguida ele se emocionou na música em homenagem à mãe, Lady Laura, que morreu em 2010. “Não posso cantar essa música com a mesma alegria de antigamente”, lamentou.
As pequenas falhas de microfone e algumas oscilações no volume não prejudicaram a apresentação de quase duas horas. Ao final do show, a plateia deixou a timidez de lado e se aglomerou em frente ao palco para tentar pegar a tradicional rosa do cantor.
Reinauguração
Além de comemorar o aniversário de Curitiba, o show de Roberto Carlos marcou a reabertura da Pedreira Paulo Leminski. Em 2008, os moradores do bairro em que a casa de espetáculos está localizada entraram com uma ação pedindo o término das atividades devido ao barulho e ao tumulto gerado nos dias de shows.
No entanto, em Janeiro deste ano, a Justiça derrubou a ação e a empresa DC Set, de Dody Sirena, sócio de Roberto Carlos, decidiu investir no local e trouxe o músico para o primeiro show.

Roberto Carlos reabre a Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba
“Aqui em Curitiba agora temos o compromisso de levarmos ao mundo a opção para realizar grandes eventos nesse lugar que é mágico. Tivemos grandes desafios nos últimos meses para voltar com Pedreira. Hoje a obra está 75% acabada. Tudo isso sem financiamento, tudo com investimento próprio”, falou Cicão Chies, sócio-fundador da DC Set.
Segundo ele, a intenção é transformar Parque das Pedreiras no “mais belo e mais estruturado centro de entretenimento da América Latina”.
O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, também prestigiou o evento e comentou sobre o Parque das Pedreiras. “A reabertura desse espaço é muito importante para a nossa cidade. Está tudo ótimo e com certeza aqui vai receber outros grandes shows”, declarou.


fonte: O Povo Online - 30.03.2014
MUITAS EMOÇÕES
Próximo de completar 75 anos, Roberto Carlos vem a Fortaleza para realizar único show na Arena Castelão.
A emoção está garantida
Depois de Paul McCartney, Elton John e Beyoncé, chegou a vez de um artista nacional se apresentar na Arena Castelão. E poucos poderiam assumir essa responsabilidade como Roberto Carlos. Ícone da música brasileira há mais de cinco décadas, o Rei sobe ao palco no dia 5 de abril, para única apresentação com sua já famosa orquestra.
Desfilando os sucessos que marcaram tantas gerações, desde a Jovem Guarda, ele vem ainda no embalo do sucesso de “Esse cara sou eu”, onde afirma sem modéstia: “Está do seu lado pro que der e vier. O herói esperado por toda mulher. Esse cara sou eu”.
Mais do que cantor e compositor, Roberto Carlos é uma entidade que permeia a cultura brasileira desde o finalzinho dos anos 1950. Fã de Vicente Celestino e Silvio Caldas, o garoto de Cachoeiro do Itapemirim, Santa Catarina, cresceu impressionado pelas vozes que ouvia no rádio e logo começou querer fazer música. Quando veio a Bossa Nova, ele tornou-se um seguidor de João Gilberto, a quem imitava com perfeição. Nessa época, incentivado por Carlos Imperial, gravou dois compactos e o primeiro LP, batizado de Louco por você. Curiosamente, esse primeiro disco tornou-se um apócrifo, que o artista renega alegando pouca qualidade técnica. No entanto, apesar da autocrítica, o disco tornou-se um artigo disputado em sebos nacionais e internacionais. Em tempos de youtube e download ilegal, também não é difícil ouvir o Rei, em seus primeiros passos, cantando roquezinhos antigos como “Mr. Sandman” ou o cha-cha-cha meio ingênuo “Louco por você”. Ainda assim, Roberto prefere considerar sua entrada na Jovem Guarda como a verdadeira estreia. Lançado em 1963, Splish splash injetou um peso maior no seu rock com doses homeopáticas de transgressão. Se bem que, para a época, beijos roubados no cinema ou carrões voando a 120 km por hora já eram suficiente para que os pais desconfiassem do jovem que reproduzia no Brasil a beatlemania britânica.
Mas até da Jovem Guarda Roberto Carlos tem suas restrições. Sucessos como “Negro gato” ou “Que tudo mais vá pro inferno” foram depois banidos do seu repertório. O motivo? O Transtorno Obsessivo Compulsivo o impede de falar palavras negativas, bem como de usar cores escuras ou entrar por uma porta e sair por outra. Também por conta do TOC, que para alguns se confunde com manias, Roberto trouxe uma série de elementos para sua carreira que se tornaram míticos. As roupas sempre em tons de azul, a mesma banda e o mesmo maestro há décadas, os poucos parceiros e as capas de discos praticamente iguais são exemplos.
Tendo há pouco tempo admitido sofrer do TOC, aos pouquinhos Roberto Carlos tenta ousar dentro do seu território. Ele já prometeu que vai voltar a cantar “Quero que vá tudo pro inferno” e teve que se aceitar o “amigo de fé irmão camarada” Erasmo Carlos usando preto no seu especial do fim de ano de 2013. “Ele pode”, tentou minimizar o anfitrião. Transtorno ou mania, tudo que envolve o Rei vira notícia e gera audiência. Inclusive de forma negativa, como a disputa com o jornalista Paulo César de Araújo, autor da biografia Roberto Carlos em detalhes, ou quando vegetarianos criticaram ele ter aparecido num comercial de TV comendo carne vermelha.
São ossos do ofício de quem subiu alto na carreira. Mesmo com biografias, propagandas, TOCs e narizes torcidos para seus últimos sucessos, Roberto Carlos segue como um pedaço da história brasileira. Um criador de melodias tocantes e autor de letras que marcaram gerações. Do início na bossa, passando pelo rock, soul, gospel, country e tantos outros estilos, ele chega, no próximo 19 de abril, aos 73 anos como um ídolo de milhares e um dos raros popstars de sua geração. Em meio a tantas idas e vindas, é ele mesmo quem dá o veredito. “Se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi”.
Serviço: Para o espetáculo, estão sendo disponibilizados diversos setores e os ingressos variam de R$ 40 a R$ 420. Os ingressos podem ser adquiridos pelo site Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com.br), pelo telefone 4003-1212 ou nos estandes de vendas nos shoppings Via Sul, North Shopping e North Shopping Jóquei e quiosque da Bilheteria Virtual no shopping Del Paseo.


fonte: Quem Online - 28.03.2014
APÓS POLÊMICA, ROBERTO CARLOS VAI A RESTAURANTE ESPECIALIZADO EM CARNES
Depois de protagonizar comercial de carnes, cantor, que sempre alegou ser vegetariano, foi fotografado na madrugada de sexta (28) saindo de estabelecimento carioca

Roberto Carlos foi fotografado na madrugada de sexta (28) saindo de um restaurante especializado em carnes em Humaitá, no Rio de Janeiro, segundo informações do fotógrafo responsável pelas imagens. Simpático, sorriu e acenou ao perceber a presença da imprensa.
Em fevereiro, o "rei" estrelou uma propaganda da marca de carne Friboi e teria recebido R$ 25 milhões para o trabalho. A campanha gerou polêmica, já que o cantor sempre disse ser vegetariano. O cineasta Fernando Meirelles chegou a dizer em seu Twitter que Roberto nao chegou a tocar na carne do comercial, pois ainda era vegetariano.
“Nas agências fala-se que 25 milhões teria sido o cache (SIC) do Roberto Carlos para falar que voltou a comer carne”, tuitou o diretor. “A turma que participou da filmagem garante que ele sequer cortou o bife. Continua veggie como sempre foi”, completou. Posteriormente, os posts, entretanto, foram apagados do microblog de Meirelles.






fonte: Ego Online - 28.03.2014
EM RARA APARIÇÃO, ROBERTO CARLOS É FOTOGRAFADO EM CHURRASCARIA
Na noite desta quinta-feira, 27, cantor esteve em um restaurante especializado em carnes no Humaitá, Zona Sul do Rio.

Em rara aparição, Roberto Carlos foi fotografado na noite desta quinta-feira, 27, durante jantar. De acordo com a agência de fotos, o cantor – que não comia carne desde 2009 - esteve em uma churrascaria no Humaitá, Zona Sul do Rio.
Em fevereiro, o Rei se apresentou para famosos - como Simone Soares e Tom Cavalcante - em cruzeiro. O cantor fez show durante a décima edição do evento “Emoções em alto-mar” em Búzios, no estado do Rio de Janeiro.





Roberto Carlos em restaurante na Zona Sul do Rio


fonte: O Fuxico - 28.03.2014
ROBERTO CARLOS VAI A RESTAURANTE ESPECIALIZADO EM CARNES, NO RIO DE JANEIRO
Em rara aparição pública, Rei saiu para jantar com a equipeRoberto Carlos vai a restaurante especializado em carnes, no Rio de Janeiro

“Você voltou a comer carne, Roberto?”, diria o garçom que serve o prato ao Rei no polêmico comercial da Friboi. A curiosidade dos fãs vai ficar ainda mais atiçada com os registros de um paparazzo.
Nesta quinta-feira (27), Roberto foi clicado na entrada e na saída de um restaurante especializado em carnes. O estabelecimento fica em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro.
De fato, resta saber se, lá dentro, o Rei saboreou um dos suculentos cortes de origem argentina, os mais servidos no local. Aliás, boa parte das carnes da Friboi vem de frigoríficos hermanos.
Muitas pessoas ficaram revoltadas com o comercial, especialmente em razão de Roberto deixar o vegetarianismo em função de publicidade. No entanto, o empresário Dody Sirena esclareceu os fatos:
“Roberto Carlos nunca foi vegetariano, apenas não comeu carne vermelha durante muitos anos. Desde 2005, Roberto Carlos investe em gado, fato amplamente divulgado pela imprensa, com objetivo de produção de carne de qualidade. Em 2006, ele começou a falar em voltar a comer carne e de fato voltou”, comunicou.


fonte: Bem Paraná Online - 28.03.2014
PEDREIRA REABRE COM O REI ROBERTO
Para garantir conforto no show de Roberto Carlos, a plateia irá se acomodar em cadeiras, distribuídas por três setores no local

No set list do show, os maiores sucessos românticos do Rei Roberto Carlos, rosas para as fãs e muita emoção
No dia em que Curitiba comemora o aniversário de 321 anos, a cidade será presenteada em dose dupla: a reabertura da Pedreira Paulo Leminski (R: João Gava, s/n), que ficou fechada desde agosto de 2008, e com o show do mito da música latino-americana Roberto Carlos. Neste sábadp,, a capital paranaense irá retomar seu palco principal, destinado à apresentação dos maiores artistas do mundo e grandes espetáculos. A abertura dos portões ao público será às 18 horas e o show tem início às 21 horas.
“A reabertura do Parque das Pedreiras, além de devolver a cidade um patrimônio histórico, cultural e turístico, que é a Pedreira Paulo Leminski, desempenhará um papel fundamental na reinclusão de Curitiba no roteiro de grandes eventos nacionais e internacionais”, afirma Hélio Pimentel, sócio-gerente da DC Set Promoções, empresa responsável pela administração do Parque das Pedreiras, que contempla também a Ópera de Arame. “Roberto Carlos é um ícone nacional e internacional. É um artista unânime, por isso a escolha para a reabertura do espaço. Será uma forma grandiosa de comemorar o aniversário de 321 anos de Curitiba”, finaliza.
Para garantir conforto no show de Roberto Carlos, a plateia irá se acomodar em cadeiras, distribuídas por três setores pelo local – Azul, Amarelo e Branco.
Outra novidade fica por conta do lançamento do Pedreira Bus, um novo modelo de sistema de transporte prático, seguro e confortável, que facilita a locomoção do público em dias de shows em direção à Pedreira Paulo Leminski, com desembarque exclusivo no Portal da Pedreira, já que as vias próximas ao espaço estarão bloqueadas para o tráfico de veículos. A linha especial terá duas categorias e sairá de quatro pontos estratégicos de Curitiba. O Pedreira Bus - Premium (ônibus especiais de turismo com poltronas soft reclináveis, para maior conforto dos passageiros com limite de 40 pessoas – todas sentadas) terá saídas da Praça 29 de Março e do Museu do Olho – R: Manuel Eufrásio. O custo para ida e volta é de R$20,00 por pessoa. Já, o Pedreira Bus – Express (ônibus urbanos com número limitado de passageiros – 60 pessoas -, que poderão ir em pé ou sentados) terá saída das praças Rui Barbosa e da Eufrásio Correa – R: Barão do Rio Branco. O custo para ida e volta é de R$10,00 por pessoa.
SERVIÇO
O quê: Show Roberto Carlos – Reabertura Pedreira Paulo Leminski
Quando: 29 de março de 2013 (Sábado)
Horários: abertura dos portões – 18h / Início dos show: 21h
Onde Pedreira Paulo Leminski (R: João Gava, s/n)
Valores: variam de R$150,00 (meia-entrada) a R$600,00 (inteira), de acordo com o setor.
Setor Azul - R$600,00 (inteira) e R$300,00 (meia-entrada);
Setor Amarelo - R$400,00 (inteira) e R$200,00 (meia-entrada)
Setor Branco – R$300,00 (inteira) e R$150,00 (meia-entrada). Pontos de Venda: Disk Ingresso


fonte: TITITI (Coluna Dudu Braga) - 28.03.2014
EM RITMO DE FESTA
Depois de regravar a musica “Cartas de Amor” para a novela “Em família”, tema de Helena e Laerte, e gravar seu quinto álbum em espanhol, o paizão, Roberto Carlos, fará uma maratona de shows. Já em comemoração ao seu aniversário, dia 19 de abril, as apresentações se iniciam neste sábado, 29, em Curitiba (PR), na Pedreira Paulo Leminski. Dia 5 de abril, o show será em Fortaleza (CE), no Arena Castelão, e dia 12, em Recife (PE), no Estádio José do Rego Maciel (Estádio do Arruda).


fonte: Folha Web - 27.03.2014
PEDREIRA REABRE COM SHOW DE ROBERTO CARLOS
Espaço considerado único por artistas, a Pedreira Paulo Leminski volta a receber shows em Curitiba após cinco anos de fechamento
Curitiba - após ficar cinco anos fechada, a Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba, um dos palcos de show mais importantes do Paraná, reabre neste fim de semana. Para a reestreia da Pedreira, que agora foi reformada e terá horários diferentes para shows, a empresa responsável pelo espaço traz o rei Roberto Carlos. A apresentação será neste sábado, no aniversário de 321 anos de Curitiba.
Em 2008, a Pedreira foi fechada após uma ação na Justiça movida pelo Ministério Público (MP) do Paraná. Os moradores no entorno do bairro Pilarzinho reclamavam da perturbação de sossego e transtornos durante os shows.
Durante cinco anos o caso se arrastou na Justiça até que um acordo com base em uma proposta apresentada pela prefeitura permitiu a revogação da liminar concedida em 2008 e, dessa forma, autorizou a reabertura. O acordo prevê a realização de, no máximo, dois eventos a cada 30 dias. Quando os shows ocorrerem nas segundas, terças, quartas e quintas-feiras, o término deverá ser, no máximo, às 23h; nas sextas, sábados e vésperas de feriado o evento termina 1h da manhã do dia seguinte; nos domingos e feriados, o encerramento deve ocorrer no máximo às 20h.
Outra exigência para a reabertura foi a garantia da empresa responsável em oferecer serviços de ambulatórios, ambulâncias e módulos sanitários, de acordo com a dimensão do evento. No acordo assinado, foram aprovadas as melhorias estruturais realizadas na Pedreira, que garantem acesso do público a saídas de emergência.
Local diferenciado
O espaço cultural já foi um local de mineração, que também abrangia a área atualmente utilizada pela Ópera de Arame – juntos os espaços formam o Parque das Pedreiras. Em 1989, as extrações de pedras cessaram para dar lugar ao Parque. Até 2008, foram vários grupos e cantores nacionais e internacionais que passaram pelo espaço, como AC/DC, Paul Mccartney, Ramones, Caetano Veloso e Rita Lee.
O ex-gerente da Pedreira e atual coordenador das regionais da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), Crisanto Mendes, que trabalhou por 13 anos no local, lembra que os artistas se impressionavam com o visual do espaço, que permite contato entre o lado artístico e a natureza. "Os artistas estão acostumados com locais adaptados. Ao chegarem a Pedreira mesmo para o ensaio eles paravam para admirar, entravam no clima".
Na opinião de Mendes, a Pedreira sempre foi um atrativo à parte nos shows, o que fez com que apresentações de artistas no local tivessem mais público do que shows dos mesmos em outros espaços da cidade. "A Pedreira sempre trouxe muitos visitantes, até mesmo fora dos shows". Segundo Mendes, a interdição foi frustrante e trouxe um impacto muito grande para os funcionários da Pedreira, o que fez eles se mobilizarem. "Cada um deu o seu apoio para a reabertura, porque não é só a questão cultural que conta, mas toda a região perde economicamente sem a Pedreira", explica.
Roberto Carlos
O show do cantor ocorre às 21h deste sábado, com 1h30 de duração. Os portões da Pedreira serão abertos às 18h30. Os ingressos variam de R$ 150 a R$ 600, a venda nos sites www.diskingressos.com.br e www.ingressorapido.com.br.
No sábado, às 18h30, a empresa responsável pela Pedreira vai disponibilizar o "Pedreira Bus", ônibus que vai levar os espectadores direto para o show. A passagem (ida e volta) varia entre R$ 10 – ônibus com saída das praças Rui Barbosa e Eufrásio Correia - e R$ 20 – veículo com mais conforto, que saem da Praça 29 de Março e do Museu Oscar Niemeyer.


fonte: Economia IG Online - 26.03.2014
"ROBERTO CARLOS VAI VOLTAR", DIZ LUIZ LARA, PRESIDENTE DA LEW'LARA\TBWA
À frente da agência de publicidade que atende a Friboi, Lara fala sobre a polêmica do frigorífico e analisa o mercado publicitário brasileiro
O cantor Roberto Carlos contou para todo o Brasil que voltou a comer carne em um momento muito peculiar: um vídeo publicitário do frigorífico Friboi, do Grupo JBS. Houve quem questionasse, chamasse a propaganda de mentirosa ou até dissesse que o Rei estava fazendo qualquer coisa por dinheiro. A polêmica foi grande e até hoje reverbera nas redes sociais.
Erra quem pensa que tantos questionamentos prejudicaram a empresa ou propaganda. O presidente da agência Lew’Lara\TBWA, Luiz Lara, acha o frisson positivo e garante: “Ele vai voltar”. Na última terça-feira (25), a Friboi já se anunciou patrocinadora oficial do cantor neste ano – para eventos dentro e fora do Brasil. “Tudo que envolve o Roberto, que entra na categoria do artista mito, tem maior reverberação.”
Entre as últimas campanhas publicitárias que tomaram conta das redes sociais e da internet, você lembrará de algumas da Lew'Lara\TBWA. Quem não viu os Pôneis Malditos da Nissan, não passou imune ao ator Tony Ramos com a pergunta “É Friboi?” ou com a “certeza” do cantor Roberto Carlos ao encarar um prato de carne.
Em entrevista exclusiva ao iG, Lara analisa o mercado publicitário nacional, fala sobre ética na propaganda e sobre a mania dos vídeos virais. O executivo ressalta que o consumidor está cada vez mais exigente e que muito mudou no mercado publicitário com a expansão da internet.


fonte: Grandes Nomes da Propaganda Online - 26.03.2014
FRIBOI REALIZA AÇÕES PARA ATIVAR A MARCA EM TURNÊ DE ROBERTO CARLOS

A Friboi, do grupo JBS, reforça sua presença no mercado brasileiro por meio de uma ampla ativação de marca durante a turnê de shows do cantor Roberto Carlos. Como patrocinadora oficial do artista em 2014, a empresa promoverá uma experiência diferenciada a clientes e convidados no dia dos shows. As ativações têm início no próximo dia 29 de março, durante a apresentação do cantor na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba.
Para promover uma experiência inesquecível aos consumidores paranaenses, a Friboi organiza sua primeira ação promocional durante a turnê 2014: nas compras acima de R$300, em produtos Friboi ou Swift Maturatta, o participante ganha um ingresso para o show na Pedreira. Além da ativação para consumidores, os principais clientes da região também irão ao show a convite da Friboi, que receberá os clientes em um espaço exclusivo próximo ao local do evento.
“Roberto Carlos é o maior ícone da música brasileira, fala diretamente ao coração de quem o assiste. Ele é adorado por todos, está no dia a dia da consumidora, tem tudo a ver com Friboi”, afirma Wesley Batista, presidente da JBS no Brasil. Além das ações nos shows de todo o país, a Friboi estará presente no evento prioritário do cantor, como o navio Emoções e também nos shows internacionais.
Os próximos shows acontecem em Fortaleza (dia 5/4), Recife (12/4) e São Paulo (com apresentações entre 9/5 e 11/05).


fonte: Surgiu Entretenimento Online - 25.03.2014
PRIMEIRA CNH DO CANTOR ROBERTO CARLOS FOI EMITIDA PELO DETRAN-PA
Roberto Carlos, após aprovação nos exames, recebeu a CNH de número 30.510
Muita gente não sabe, mas o cantor Roberto Carlos tirou a sua primeira Carteira Nacional de Habilitação no Detran do Pará. No dia 12 de maio de 1964 o cantor procurou a então Delegacia Estadual de Trânsito para realizar os exames necessários e assim tirar o seu documento. Nesse ano, o titular do órgão era o senhor Hermínio Calvinho, que solicitou ao Auxiliar de Divisão Célio Jorge Corrêa, para que atendesse ao jovem artista. Roberto Carlos, após aprovação nos exames, recebeu a CNH de número 30.510.
Quando questionado como se sente ao relembrar do fato, Célio Jorge não consegue esconder a emoção. Ele lembra que Roberto Carlos lhe disse na época que tinha muita fé e convicção que seria um cantor de sucesso. De acordo com Célio Jorge, naquele ano já dava para se fazer uma projeção do sucesso que o ” Rei” teria. ” Eu acreditava nele, na potencialidade dele. Na época eu pertencia ao Trio Sayonara e nós cantávamos muitas músicas da Jovem Guarda, inclusive as dele”, disse.
Roberto Carlos era apenas um artista que caminhava para a carreira de sucesso, conquistada curiosamente por uma canção relacionada com o trânsito: ” Parei na contra-mão”. Como muitos outros artistas, conquistava um público pequeno e tinha que visitar os colégios para distribuir convites gratuitos para os estudantes e assim ter um bom número de gente na plateia.
Para os curiosos e fãs aqui vão alguns dados fornecidos pelo cantor para o preenchimento de seu prontuário:
Nome: Roberto Carlos Braga
Natural: Espírito Santo
Data de Nascimento: 19/04/1941
Pai: Robertino Braga
Mãe: Laura Moreira Braga
Cor: branca
Cabelos: Castanhos
Carteira de Identidade: nº 287.634
Número da carteira de Habilitação recebida:30.510
O curioso, é que no ato da retirada da sua habilitação, Roberto Carlos forneceu o seguinte endereço: Central Hotel – apartamento 303. A fotografia que consta no prontuário do cantor foi tirada num ” lambe-lambe” que trabalhava em frente ao Complexo dos Mercedários. Quem quiser ver de perto o prontuário do cantor Roberto Carlos, pode fazer uma visita ao Memorial do Trânsito no Detran.


fonte: Tryd3 Online - 25.03.2014
RC SEGUE NA FRIBOI PARA ATIVAR A MARCA
Nas compras acima de R$300, em produtos Friboi ou Swift Maturatta,
o participante ganha um ingresso para o show
A Friboi, do grupo JBS, reforça sua presença no mercado brasileiro por meio de uma ampla ativação de marca durante a turnê de shows do cantor Roberto Carlos. Como patrocinadora oficial do artista em 2014, a empresa promoverá uma experiência diferenciada a clientes e convidados no dia dos shows. As ativações têm início no próximo dia 29 de março, durante a apresentação do cantor na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba.
Para promover uma experiência inesquecível aos consumidores paranaenses, a Friboi organiza sua primeira ação promocional durante a turnê 2014: nas compras acima de R$300, em produtos Friboi ou Swift Maturatta, o participante ganha um ingresso para o show na Pedreira. Além da ativação para consumidores, os principaisclientes da região também irão ao show a convite da Friboi, que receberá os clientes em um espaço exclusivo próximo ao local do evento.
“Roberto Carlos é o maior ícone da música brasileira, fala diretamente ao coração de quem o assiste. Ele é adorado por todos, está no dia a dia da consumidora, tem tudo a ver com Friboi”, afirma Wesley Batista, presidente da JBS no Brasil. Além das ações nos shows de todo o país, a Friboi estará presente no evento prioritário do cantor, como o navio Emoções e também nos shows internacionais.
Os próximos shows acontecem em Fortaleza (dia 5/4), Recife (12/4) e São Paulo (com apresentações entre 9/5 e 11/05).


fonte: Pure People Online - 25.03.2014
ROBERTO CARLOS VAI ASSUMIR A OPERAÇÃO BRASILEIRA DE DUAS IMPORTANTES FABRICANTES DE BARCOS

Após estrelar comercial de frigorífico, Roberto Carlos vai entrar em um novo ramo. Ao lado de um grupo de amigos, o rei, que tem paixão por barcos, deve assumir a operação brasileira das marcas Azimut e Benetti Yachts, importantes fabricantes de barcos, alguns dele de luxo.
De acordo com o colunista Ancelmo Gois, do jornal "O Globo" desta terça-feira (25), entre os amigos que entrarão na empreitada com Roberto Carlos estão a família Senna e seu empresário Dody Sirena.
Após a polêmica propaganda do Friboi , ele ainda vai atuar em mais dos comerciais até o final de 2014, segundo a coluna "Gente Boa", do jornal "O Globo". O agente do cantor afirma que ele não vai comer carne. "É como se fosse uma cena de sexo e mostrar o ato. Não precisa. É o beijo, o abraço, tudo poeticamente", justificou Dody Sirena.
Ainda de acordo com ele, a polêmica envolvendo o fato de Roberto comer ou não comer carne vermelha não se justifica. "Ele voltou a comer carne, sim, mas pra que botá-la na boca? É deselegante, não há necessidade. Ele não vai baixar o nível, não precisa provar nada para ninguém", afirmou o empresário.


fonte: O Globo (Coluna Ancelmo Góis) - 25.03.2014
LADY LAURA
Roberto Carlos, que tem paixão por barcos, e um grupo de amigos, entre os quais a família Senna e seu empresário Dody Sirena, devem assumir a operação brasileira das marcas Azimut e Benneti Yachts. Trata-se de fabricantes importantes de bancos, alguns deles de luxo.


fonte: Paraná Shop Online - 21.03.2014
PEDREIRA PAULO LEMINSKI REABRE COM SHOW DE ROBERTO CARLOS

No dia em que Curitiba comemora o aniversário de 321 anos, a cidade será presenteada em dose dupla: a reabertura da Pedreira Paulo Leminski (R: João Gava, s/n), que ficou fechada desde agosto de 2008, e com o show do mito da música latino-americana Roberto Carlos. No próximo dia 29 de março, a capital paranaense irá retomar seu palco principal, destinado à apresentação dos maiores artistas do mundo e grandes espetáculos. A abertura dos portões ao público será às 18 horas e o show tem início às 21 horas.
“A reabertura do Parque das Pedreiras, além de devolver a cidade um patrimônio histórico, cultural e turístico, que é a Pedreira Paulo Leminski, desempenhará um papel fundamental na reinclusão de Curitiba no roteiro de grandes eventos nacionais e internacionais”, afirma Hélio Pimentel, sócio-gerente da DC Set Promoções, empresa responsável pela administração do Parque das Pedreiras, que contempla também a Ópera de Arame. “Roberto Carlos é um ícone nacional e internacional. É um artista unânime, por isso a escolha para a reabertura do espaço. Será uma forma grandiosa de comemorar o aniversário de 321 anos de Curitiba”, finaliza.
Para garantir conforto no show de Roberto Carlos, a plateia irá se acomodar em cadeiras, distribuídas por três setores pelo local – Azul, Amarelo e Branco.
Outra novidade fica por conta do lançamento do Pedreira Bus, um novo modelo de sistema de transporte prático, seguro e confortável, que facilita a locomoção do público em dias de shows em direção à Pedreira Paulo Leminski, com desembarque exclusivo no Portal da Pedreira, já que as vias próximas ao espaço estarão bloqueadas para o tráfico de veículos. Também é uma maneira de respeito com a comunidade que mora aos arredores, além de causar menos impacto ambiental.
“O Pedreira Bus é uma maneira inteligente e moderna de levar o público comsegurança, conforto e agilidade para os shows que acontecerão na Pedreira. Além dessas questões, a implantação desse plano de mobilidade é um gesto de respeito ao meio-ambiente e aos moradores da região. A ideia é incentivar as pessoas a irem de ônibus e evitar com que elas se preocupem com carro e local para estacionar”, comenta Helio Pimentel.
A linha especial terá duas categorias e sairá de quatro pontos estratégicos de Curitiba. O Pedreira Bus - Premium (ônibus especiais de turismo com poltronas soft reclináveis, para maior conforto dos passageiros com limite de 40 pessoas – todas sentadas) terá saídas da Praça 29 de Março e do Museu do Olho – R: Manuel Eufrásio. O custo para ida e volta é de R$20,00 por pessoa. Já, o Pedreira Bus – Express (ônibus urbanos com número limitado de passageiros – 60 pessoas -, que poderão ir em pé ou sentados) terá saída das praças Rui Barbosa e da Eufrásio Correa – R: Barão do Rio Branco. O custo para ida e volta é de R$10,00 por pessoa. O horário de saída do Pedreira Bus e o número de veículos disponíveis vai depender de cada show. No caso do Roberto Carlos, as saídas serão a partir das 18h30.
As passagens serão vendidas apenas de forma antecipada pelo Disk Ingressos (Loja Palladium - de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, - e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação - de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs), Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro Positivo (de segunda a sexta, das 9 às 21hs, e aos sábados, das 9hs às 18hs), na bilheteria do teatro Guaíra (de terça a sábado, das 12 às 21 horas) e pelo portalwww.diskingressos.com.br) e Ingresso Rápido ((Quiosque instalado no Shopping Omar, de segunda a sexta, das 9h30 às 20h, e aos sábados, das 9h30 às 18h), Call-Center 40031212, e pelo portal www.ingressorapido.com.br) e nos pontos: Loja Multisom (Shopping Palladium), Lojas Claros (Shoppings Mueller e Total), Teatro Regina Vogue (Shopping Estação).
O MITO ROBERTO CARLOS
Além da reabertura da Pedreira Paulo Leminski e do aniversário de 321 anos de Curitiba, a mito, a voz, o carisma, o amor e toda a emoção de Roberto Carlos marca o início de sua turnê em comemoração ao seu próprio aniversário, que acontece em abril.
Artista que dispensa apresentações, o ídolo da canção latino-americana, Roberto Carlos é um exemplo vivo do sucesso mundial da música popular brasileira. Cantor que desperta todo o carinho, admiração e idolatria nos milhões de fãs que o acompanham pelo Brasil e pelo mundo. Um ícone da credibilidade, romantismo, da religiosidade e da família. O grande Rei promete mais uma vez mais um show impecável ao lado de sua orquestra e coral. Grandes clássicos da carreira, como “Como É grande o meu amor por você”, “Nossa Senhora” e “Esse Cara Sou Eu” devem fazer parte do repertório do show.
INGRESSOS
Os ingressos estão disponíveis e variam de R$150,00 (meia-entrada) a R$600,00 (inteira), de acordo com o setor. Setor Azul - R$600,00 (inteira) e R$300,00 (meia-entrada) / Setor Amarelo - R$400,00 (inteira) e R$200,00 (meia-entrada)/ Setor Branco – R$300,00 (inteira) e R$150,00 (meia-entrada). A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE). Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos possuem 50% na compra de até dois bilhetes por titular. ***Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ****No valor do bilhete, não está incluso a taxa de administração Disk Ingressos e Ingresso Rápido. Os ingressos podem ser adquiridos através do Disk Ingressos (Loja Palladium - de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, - e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação - de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs), Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro Positivo (de segunda a sexta, das 9 às 21hs, e aos sábados, das 9hs às 18hs), na bilheteria do teatro Guaíra (de terça a sábado, das 12 às 21 horas) e pelo portal www.diskingressos.com.br) e Ingresso Rápido ((Quiosque instalado no Shopping Omar, de segunda a sexta, das 9h30 às 20h, e aos sábados, das 9h30 às 18h), Call-Center 40031212, e pelo portal www.ingressorapido.com.br e nos pontos: Loja Multisom (Shopping Palladium), Lojas Claros (Shoppings Mueller e Total), Teatro Regina Vogue (Shopping Estação)). É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada da Pedreira.
SERVIÇO:
ROBERTO CARLOS – Reabertura Pedreira Paulo Leminski
Quando: 29 de março de 2013 (Sábado)
Local: Pedreira Paulo Leminski (R: João Gava, s/n)
Horários: abertura dos portões – 18h / Início dos show: 21h
Tempo do Festival: aproximadamente 1h30
Ingressos
Valores: variam de R$150,00 (meia-entrada) a R$600,00 (inteira), de acordo com o setor.
Setor Azul - R$600,00 (inteira) e R$300,00 (meia-entrada);
Setor Amarelo - R$400,00 (inteira) e R$200,00 (meia-entrada)
Setor Branco – R$300,00 (inteira) e R$150,00 (meia-entrada).
***A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE).
***Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos possuem 50% na compra de até dois bilhetes por titular.
***Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ****No valor do bilhete, não está incluso a taxa de administração Disk Ingressos e Ingresso Rápido.
***É obrigatório a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário.
Não será permitida a troca de ingressos após a compra.
Forma de Pagamento: Dinheiros e cartões de débito e crédito em até 2x Visa, Mastercard.
Pontos de Venda: Disk Ingressos (Loja Palladium - de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, - e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação - de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs), Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro Positivo (de segunda a sexta, das 9 às 21hs, e aos sábados, das 9hs às 18hs), na bilheteria do teatro Guaíra (de terça a sábado, das 12 às 21 horas) e pelo portal www.diskingressos.com.br) e Ingresso Rápido ((Quiosque instalado no Shopping Omar, de segunda a sexta, das 9h30 às 20h, e aos sábados, das 9h30 às 18h), Call-Center 40031212, e pelo portal www.ingressorapido.com.br e nos pontos: Loja Multisom (Shopping Palladium), Lojas Claros (Shoppings Mueller e Total), Teatro Regina Vogue (Shopping Estação).
***Entrega em domicílio com taxa de entrega.
Classificação etária: 16 anos.
Informações p/ o público: (41) 33150808 / 40031212/ www.parquedaspedreias.com.br
Realização: DC Set Promoções


fonte: Portal Arcos - 20.03.2014
ROBERTO CARLOS NA E-MUSIC
Se por um lado Roberto Carlos não lança um disco de inéditas há cerca de uma década, por outro ele continua sendo um ditador de tendências no mercado. Em 2012, o Rei resgatou o renegado formato EP, com o lançamento de “Esse Cara Sou Eu“. De lá pra cá, boa parte dos artistas mais famosos da atualidade, como Luan Santana e Zezé Di Camargo & Luciano, seguiram o exemplo de Roberto e gravaram um álbum com repertório reduzido, que varia entre quatro e seis músicas.
No fim do ano passado, Roberto Carlos e sua equipe resolveram arriscar mais uma vez e lançaram um novo EP, dessa vez composto apenas de remixes. “Essa ideia começou há mais de uma década, através de sugestão do produtor Roberto Verta. À época, ele trabalhou várias músicas em parceria com DJs renomados, que focavam em diversas tendências da música eletrônica. Mas engavetamos o projeto. Em 2013, Felipe Venâncio e seus sócios (Aquino e Cia) retomaram o assunto e resolvemos lançar cinco músicas desse projeto – que conta com 27 remixes no total”, comenta Dody Sirena, empresário do músico.
Segundo ele, “Remixed” (Sony Music) obteve êxito e bateu a marca de mais de meio milhão de unidades vendidas até o momento. O preço também ajuda, já que o EP é comercializado por menos de R$ 10 (tanto no formato físico quanto digital). “Podemos dizer que é um sucesso extraordinário. Pode ser que esse resultado nos leve a lançar um ‘Remixed Volume 2'”, complementa o manager.
PRÓXIMO DO ORIGINAL
As músicas presentes no projeto são “Fera Ferida” (DJ Meme Club Mix), “Se Você Pensa” (Erick Morillo, Harry Romero & Jose Nunez Radio Remix), “O Portão” (Felipe Venancio House Mix), “É Proibido Fumar” (DJ Mau Mau Remix) e “É Preciso Saber Viver” (Dexterz Remix). De acordo com os DJs que participaram do EP, o maior desafio foi dar uma roupagem nova às músicas, sem descaracterizá-las do estilo “Roberto Carlos”, cujos arranjos originais estão gravados na memória popular. “Me pareceu natural – e aparentemente também ao Rei –, deixar que os DJs fizessem versões de canções que mostram o quanto elas ainda são atuais e modernas. A idéia por traz dos remixes é sempre mostrar um lado do artista diferente daquele que seu público já conhece”, explica Verta, idealizador da primeira fase do projeto, iniciada em 2002.
Para Felipe Venâncio, mais do que mostrar que a música ainda é atual, os remixes servem para renovar o público daquele artista, pois insere o sucesso de volta nas pistas de dança. “Acredito que um remix bem feito, respeitando o DNA do criador/intérprete, pode ampliar o alcance da sua obra. Posso citar um exemplo que vivi. Quando fiz o remix de ‘Noites Do Prazer’, do Claudio Zoli, notei que o interesse sobre o trabalho do cantor aumentou muito. Algumas pessoas que ouviram a música remixada passaram depois a curti-la na forma original e a frequentar shows do músico”, recorda Venâncio.
Mas Memê, um dos envolvidos no projeto, observa que apenas artistas que têm controle sobre a própria obra, e que acompanham com interesse a produção dos remixes, atingem o resultado esperado no formato. “Roberto é um cantor clássico. E ‘modernidade’ demais, além de descaracterizar o trabalho do artista, pode ferir sua música. Depois, no que se refere à canção, é preciso entender a mensagem que ela passa. Esse código está impresso no arranjo original, na letra e na interpretação que o artista dá a ela. Depois de entender, é necessário habilidade para mudar o arranjo, sem prejuízo à mensagem original”, teoriza o DJ.
Com os resultados atingidos pelo projeto até agora, os DJs envolvidos apostam que o formato remix pode finalmente se tornar popular no Brasil. “Faz tempo que um disco de remixes não movimenta o mercado como estamos observando com este EP do ‘Rei’. Mas vamos lembrar que tal prática não é uma novidade. É algo cíclico e pouco frequente, porque as gravadoras brasileiras não sabem bem como vender tal produto. Eu mesmo produzi um álbum com remix.


fonte: O Globo (Coluna Ancelmo Gois) - 16.03.2014
ELE VOLTOU PRA NÃO FICAR
De acordo com secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa,
o gramado, que ficou amarelo após a apresentação de Elton John em Fortaleza, está quase recuperado.
Arena Castelão vai manter o show do Rei para o dia 5 de abril
Roberto Carlos, mesmo após sua saída do Procure Saber, por conta da polêmica das biografias, postou em sua página no Facebook mensagem de apoio a um Ecad “mais justo e transparente”. Essa foi a bandeira que uniu medalhões da MPB no tal grupo. É que amanhã haverá audiência no STF a respeito da nova lei de gestão coletiva dos direitos autorais questionada pelo Ecad.


fonte: Yahoo - 14.03.2014
ROBERTO CARLOSO FAZ SHOW EM LAS VEGAS COM INGRESSO MAIS BARATO A US$ 100

Roberto Carlos está mesmo bombando. O cantor, que chama a atenção no momento no Brasil por conta de um comercial para marca de carnes, faz show no dia 6 de setembro no badalado MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, nos Estados Unidos, pela primeira vez. O espaço - no hotel/cassino MGM - tem capacidade para mais de 16 mil pessoas. Os ingressos para a única apresentação - com direito a orquestra e coral - já estão à venda e o mais barato custa US$ 100 (cerca de R$ 240, sem as taxas de conveniência e sem impostos locais). Há ainda entradas de US$ 135 e a mais cara é vendida por US$ 175. Tá podendo!


fonte: Exame Online - 14.03.2014
FORTALEZA IGNORA FIFA E FARÁ SHOW DO REI NO CASTELÃO
De acordo com secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa,
o gramado, que ficou amarelo após a apresentação de Elton John em Fortaleza, está quase recuperado.
Arena Castelão vai manter o show do Rei para o dia 5 de abril

Fortaleza - Mesmo com recomendação contrária da Fifa, a Arena Castelão vai mater o show do Rei Roberto Carlos para o dia 5 de abril.
De acordo com secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa, o gramado, que ficou amarelo após a apresentação de Elton John em Fortaleza, está quase recuperado. "Ainda não está do jeito que eu gosto, mais alguns dias ficará belíssimo!", comentou nas redes sociais.
A Fifa não gostou nada de ver o gramado todo danificado após show do astro Elton John, realizado no início deste mês.
E nesta sexta-feira, no 4.º Seminário de Preparação de Gramados, no Museu de Futebol, no Pacaembu, fez uma recomendação direta: os estádios para o Mundial não devem mais realizar shows de agora até a competição, marcada para começar em junho.
Este foi o terceiro show em Fortaleza e sempre o saldo pós evento foi de gramado danificado.
Elton John também se apresentou na Arena Fonte Nova, em Salvador, mas lá o piso acabou preservado.
Como a maioria das arenas será multiuso, a ordem é que planejem seus shows só após o fim da Copa para dar 100% de condição aos jogadores das 32 seleções de realizarem um trabalho perfeito no meio do ano.
Há uma semana, Feitosa prestou esclarecimentos sobre a coloração amarelada e disse que estavam sendo seguidas recomendações dos técnicos da FIFA em relação aos cuidados com a grama do estádio.
"Foram realizados cortes agressivos verticais e helicoidais, visando o melhor gramado possível para a Copa. Vale lembrar que a não ser pela falta de estética, o gramado encontra-se vivo e sem nenhum problema fitossanitário e em poucos dias teremos o gramado retomando a sua cor original. Lembro que realizamos o show do Paul McCartney no Castelão antes da Copa das Confederações, realizamos o mesmo tratamento e fomos eleito o melhor gramado do evento. Os profissionais sabem o que fazem!", disse.


fonte: O Globo Online - 12.03.2014
INGRESSOS PARA SHOW DE ROBERTO CARLOS EM LAS VEGAS JÁ ESTÃO À VENDA
Cantor segue o caminho de astros internacionais, que escolhem a cidade americana para grandes temporadas de concertos

Roberto Carlos levará seu show "Emoções em alto mar" a Las Vegas
RIO - Os ingressos para o show "Emoções" de Roberto Carlos em Las Vegas já estão à venda. O espetáculo, que acontecerá dia 6 de setembro no MGM Grand Garden Arena, virará um especial da TV Globo e marca a chegada do cantor a um território já há tempos explorado por astros da música internacional. Nomes como Celine Dion, Elton John e Britney Spears reservam parte considerável de suas agendas para apresentações nos grandes hotéis e cassinos da "Sin City".
Cada fã de Roberto Carlos poderá comprar até oito ingresso pelos sitesticketmaster.com e mgmgrand.com, pelo telefone 1 (800) 745-3000, ou nos postos de venda da Ticketmaster em Las Vegas. Os valores, sem taxas e impostos, são US$ 99,50, US$ 134,50 e US$ 174,50. Os interessados também podem comprar ingressos e pacotes pelo e-mail contato@projetoemocoesemaltomar.com.br.
O MGM Grand Garden Arena tem capacidade para 16.800 pessoas. No palco que receberá a versão "terrestre" do "Emoções em alto mar" já viu apresentações de bandas como Rolling Stones e U2 e lutas com Evander Holyfield, Mike Tyson e Anderson Silva. E este ano terá apresentações de peso como Billy Joel (7 de junho), Lady Gaga (19 de julho) e Justin Timberlake (8 de agosto).
Se Roberto Carlos gostar do clima de Las Vegas, pode considerar em fazer como Britney Spears, que vai para sua segunda temporada como artista residente do Planet Hollywood da Strip. Entre os dias 25 de abril e 6 de setembro ela fará 20 apresentações de seu espetáculo "Britney: Piece of me" no palco The Axis.
Outro lugar onde as estrelas se sentem em casa em Las Vegas é o Colosseum at Caesar Park. Lá é o endereço dos shows mais concorridos da cidade, como o de Celine Dion, que se apresenta por lá em 43 datas entre 10 de junho e 31 de agosto. Ou o show "The Hits", de Rod Stewart, com 12 apresentações entre 30 de abril e 17 de maio. A cantora Shania Twain também se apresenta por lá, 21 vezes entre 20 de maio e 27 de julho. E quem correr ainda pode pegar o final da temporada do show "Elton John Million Dollar Piano", até 26 de abril.


fonte: Yahoo Notícias Online - 11.03.2014
PRIMEIRO LIVRO AUTORIZADO SOBRE ROBERTO CARLOS CUSTARÁ R$ 4.500
Roberto Carlos está com tudo e não está prosa. O maior cantor do Brasil vai lançar uma obra especial sobre sua carreira. É o primeiro livro oficial e autorizado pelo "rei". O lançamento acontecerá em Abril, no mês do seu aniversário. Mas, em meio às polêmicas do último ano em relação às biografias não autorizadas, o que está chamando a atenção é o preço do livro. Intitulado "Roberto Carlos", cada exemplar da obra custará R$ 4.500 e terá tiragem de 3 mil unidades. A pré-venda começou durante o cruzeiro comemorativo dos 10 anos do show "Emoções em Alto-Mar" à bordo do navio MSC Preziosa.
A informação é de que, pelo menos, 70 pessoas fizeram reservas do livro, apesar do alto preço. O interesse em torno da obra se justifica, pois não trata-se de um livro qualquer. Publicado pela Editora Toriba, ele faz parte da Collector's Book, e será composto por fotos exclusivas a vida e carreira do "rei", sendo produzido em acabamento artesanal e individual.
A editora responsável pela obra é especializada nesse tipo de publicação e tem no catálogo outros livros. Entre eles está "1283" sobre outro "rei", o Pelé. A obra, que traz 500 fotos históricas do jogador, pesa 15 kg, é limitada a 1.283 exemplares (o número de gols da carreira do "Rei do Futebol"). Cada exemplar é autografado pelo atleta brasileiro.
De acordo com editora cada livro "Roberto Carlos" é uma peça de arte, e os exemplares são numerados e únicos. Ou seja, é uma peça de colecionador. A narrativa é feita a partir de frases de 500 músicas compostas pelo artista como "Emoções", "Detalhes", "Amigo", "Cama e mesa". Em seu site oficial Roberto Carlos afirmou que está trabalhando há 4 anos na edição do livro.
Durante todo esse tempo, o cantor tem pesquisado e selecionado as fotos que serão usadas para contar a sua história profissional e pessoal. A obra deverá ter mais de 400 páginas no tamanho 32 x 44 cm e contará com um estojo especial.
O livro, porém, não pode ser considerado uma biografia completa e definitiva do "rei". Esta ainda está por vir. Recentemente, Roberto Carlos afirmou que ninguém melhor que ele mesmo está apto a escrever sobre sua vida, e que está trabalhando numa autobiografia, ainda sem data de publicação. Ao longo da carreira, o maior ícone da Jovem Guarda proibiu a publicação de pelos menos duas biografias não-autorizadas a seu respeito.
A primeira delas, publicada em 1979 e intitulada "O Rei e Eu", foi escrita pelo seu ex-mordomo Nichollas Mariano. Roberto Carlos conseguiu proibir a circulação da obra, que teve seus 70 mil exemplares recolhidos por conta de uma ordem judicial. Quase 30 anos depois, em 2007, o cantor também conseguiu impedir a publicação de outro livro sobre sua vida, "Roberto Carlos em Detalhes", de Paulo Sérgio de Araújo.
O zelo do cantor em torno de sua carreira e vida pessoal, o levou até mesmo a tentar impedir a publicação de uma obra acadêmica. Em Abril de 2013 a professora Maíra Zimmermann recebeu uma notificação extrajudicial exigindo o recolhimento dos mil exemplares publicados da sua dissertação de mestrado. O livro "Jovem Guarda: Moda, Música e Juventude", editado pela Estação das Letras e Cores, analisa o estilo de vida da juventude brasileira no contexto da jovem guarda. A obra não chegou a ter a venda proibida.
Roberto Carlos chegou a fazer parte do grupo "Procure Saber", composto por grandes nomes da MPB como Caetano Veloso, Gilberto Gil e Chico Buarque. Esses e outros artistas são contra o projeto de lei que permite a publicação de biografias sem a autorização do biografado. Em entrevista ao programa "Fantástico" em Outubro de 2013, quando indagado se permitiria a publicação do livro "Roberto Carlos em Detalhes", o "rei" respondeu que isso teria que ser discutido. No entanto, não há nenhum sinal de que o cantor estaria disposto a voltar atrás na proibição.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 11.03.2014
O BIFE DE ROBERTO CARLOS
O bife de Roberto Carlos Roberto Carlos vai gravar pelo menos mais duas propagandas para a Friboi até o final do ano. E em nenhuma delas vai comer bife. “É como se fosse gravar uma cena de sexo e mostrar o ato. Não precisa. É o beijo, o abraço, tudo poeticamente”, diz Dody Sirena, empresário de Roberto. “Ele voltou a comer carne, sim, mas pra que botá-la na boca? É deselegante, não há necessidade. Ele não vai baixar o nível, não precisa provar nada para ninguém”. Segundo Dody, Roberto está muito satisfeito com o resultado do comercial, que teve o roteiro previamente aprovado pelo compositor. “A Friboi também deve estar satisfeitíssima. A repercussão é enorme, como em tudo que o envolve”.


fonte: Panrotas Online - 11.03.2014
ROBERTO CARLOS SE APRESENTA NO MGM, EM LAS VEGAS

Em setembro, com o “Projeto Emoções em Alto Mar”, Roberto Carlos se apresenta pela primeira vez no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, que tem capacidade para receber 16,8 mil pessoas. O show, no dia 6, terá o acompanhamento de orquestra e coral.
Os ingressos já estão disponíveis nos pontos de venda da Las Vegas Ticketmaster (selecione ‘Smith Food and Drug Centers’ e ‘Ritmo Latino’) nos valores de US$ 99,50, US$ 134,50 e US$ 174,50 (sem taxas de serviço e impostos). Também estão disponíveis aqui www.mgmgrand.com e aqui www.ticketmaster.com.


fonte: Veja Online - 10.03.2014
'ROBERTO CARLOS NUNCA FOI VEGETARIANO', DIZ EMPRESÁRIO
Em comunicado publicado em seu perfil no Facebook, Dody Sirena esclareceu
que o cantor apenas deixou de comer carne vermelha por muitos anos

Roberto Carlos em comercial de marca de carne
As restrições alimentares de Roberto Carlos voltaram à tona nesta segunda-feira após o empresário do cantor, Dody Sirena, declarar em sua página em uma rede social que o cantor nunca foi vegetariano, apenas "deixou de comer carne vermelha durante muitos anos". No recado, Dody ainda destaca que o cantor investe em gado e em produção de carne desde 2005 e que há sete anos teria cogitado recolocar o alimento em seu cardápio.
Mais uma contradição na lista de Roberto Carlos, que se mostrou a favor de biografias não autorizadas, mas nunca se moveu para liberar a sua própria.
O vegetarianismo de Roberto Carlos virou alvo de discussão recentemente, quando ele topou virar garoto-propaganda da marca de carne Friboi. No vídeo, o cantor aparece na mesa de um restaurante diante de um prato de carne grelhada. “Você voltou a comer carne, Roberto?”, pergunta o garçom. A resposta afirmativa é seguida pelo refrão de O Portão, que diz: "Eu voltei, agora para ficar".
Confira abaixo o comunicado de Dody Sirena:
“Eu decidi que não ia falar sobre o assunto Roberto Carlos – Friboi. Vários veículos me procuraram e como eu já estava com uma viagem programada para tratar de assuntos do show em Las Vegas, resolvi não responder.
Agora fechando as malas para voltar, quero colocar apenas 3 pontos que ficaram mal explicados:
1- Roberto Carlos nunca foi vegetariano, apenas não comeu carne vermelha durante muitos anos.
2- Desde 2005 Roberto Carlos investe em gado, fato amplamente divulgado pela imprensa, com objetivo de produção de carne de qualidade.
3- Em 2006 ele começou a falar em voltar a comer carne e de fato voltou.
Diante disso qual a surpresa com a relação do Roberto com carne e produção de proteína animal? Está com um ótimo parceiro e o comercial é apenas o início de um longo relacionamento.”


fonte: Extra (coluna Retratos da Vida) - 08.03.2014
TÔ NEM AÍ
Enquanto continua por aqui a polêmica do comercial da Friboi, estrelado por Roberto Carlos, o Rei está em Miami gravando seu disco em espanhol. E gastando os R$ 25 milhões de cachê.


fonte: Pure People Online - 06.03.2014
ROBERTO CARLOS E TONY RAMOS VÃO GRAVAR JUNTOS NOVO COMERCIAL DA FRIBOI

Roberto Carlos continuará como garoto-propaganda da Friboi e terá a companhia de Tony Ramos, que já estrelou anteriormente o filme publicitário e agora participa fazendo a narração.
No novo comercial, que será gravado com Tony em junho, os dois vão aparecer em um churrasco. As informações são do colunista Lauro Jardim da revista "Veja" desta quinta-feira (6).
Na campanha lançada na TV, Roberto anuncia que voltou a comer carne após se alimentar por 30 anos sem o alimento. O filme, que continuará no ar em todo o mês de março, gerou polêmicas entre internautas e chegou a ser bloqueado para comentários, rendendo até uma alfinetada do diretor de cinema Fernando Meirelles, que disse pelo Twitter que Roberto não tocou na carne durante o comercial.
A informação foi logo rebatida pelo advogado do cantor. Em entrevista ao jornal "O Globo", Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, disse que Roberto tem comido carne há pelo menos um ano. "A Friboi o procurou exatamente por isso", afirmou.
Ainda segundo informações do colunista, o empresário de Roberto, Dody Sirena, contou que o artista, atualmente em Miami, EUA, onde grava o novo CD em espanhol, esteve recentemente na churrascaria J&G Grill, em Miami, e pediu carne no jantar.


fonte: Estrelando - 02.03.2014
ROBERTO CARLOS APARECE COM SÍLVIO SANTOS EM FOTO ANTIGA

Cantor publicou em sua página oficial do Instagram
uma imagem de 1995 relembrando momento com o famoso apresentador da TV
Em meio às festividades do Carnaval deste ano, o rei Roberto Carlos abriu seu baú e tirou uma foto antiga para relembrar as festas de 1995 para postar em sua página oficial do Instagram.
Na imagem, que você pode ver ao lado, o intérprete de Esse cara sou eu aparece ao lado do apresentador Silvio Santos. Vale lembrar que em uma entrevista para a revista Veja, o pai de Patrícia Abravanel lembrou-se do cantor como um dos seus ídolos.


fonte: Pure People - 02.03.2014
ROBERTO CARLOS ESTRELA CAMPANHA DE CARNE BOVINA COM FAMA DE VEGETARIANO,
MAS ADVOGADO DIZ QUE CANTOR JÁ VOLTOU A COMER CARNE

A polêmica campanha estrelada por Roberto Carlos para aFriboi ganhou mais um capítulo com a defesa do advogado do cantor, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay. Em entrevista ao jornal "O Globo" deste domingo (2), ele rebateu as críticas do cineasta brasileiro Fernando Meirelles, que chegou a alfinetar o artista por ele não ter tocado na carne durante o comercial. "Continua Veggie sempre como foi", disse Meirelles.
Em rebate aos comentários do diretor de cinema, Kakay disse que a informação é "completamente inverídica". O advogado também contou que teve acesso ao contrato de Roberto com a empresa de frigorífico e garantiu que Roberto voltou a comer carne.
"Estive com Roberto na semana retrasada, no navio aqui no Rio, e ali fiquei sabendo do contrato. Ele voltou a comer carne há um ano e a Friboi o procurou exatamente por isso. O que estão dizendo é completamente inverídico", declarou.
Ainda sobre as críticas de Fernando Meirelles, Kakay resolveu levar o nome Jayme Monjardim para a discussão. "Roberto fez o que o diretor do anúncio mandou fazer. Fala para o Fernando criticar o diretor do anúncio e não o Roberto. O diretor era o Jayme Monjardim", diz o advogado. Lembando que Jayme também foi responsável por dirigir shows de Roberto no Brasil e em Jerusalém, além de comandar a direção geral da novela "Em Família", da Globo.
Procurada por Purepeople no último dia 28, a empresa JBS responsável pela marca Friboi rebateu as críticas por meio de nota à imprensa.
"O comercial de TV com o cantor Roberto Carlos é uma representação simbólica da parceria com a Friboi. Reforçamos que a opção de voltar a comer carne já havia sido expressada pelo cantor anos antes deste anúncio", diz o comunicado.
Roberto foi o escolhido para substituir Tony Ramos, que estrelou a primeira campanha da Friboi, e agora faz apenas a narração na propaganda. O comercial com o cantor recebeu muitas críicas de internautas e a página de comentários do vídeo no Youtube sobre o filme publicitário chegou a ser bloqueada.


fonte: Estado de São Paulo - 29.02.2014
CARNE FORTE
O contrato de Roberto Carlos com a Friboi vai muito além de um mero comercial de televisão. A empresa patrocinará 40 shows do Rei somente este ano e outros muitos em 2015. Incluindo o de Los Angeles, ainda em 2014, e outro internacional no ano que vem. Ante o auê nas redes sociais entre os vegetarianos e carnívoros, amigos de RC explicam que ele ensaiava voltar ao churrasco desde 2005 – ano em que comprou um touro King of Africa e começou a criar gado. Mas só se entregou mesmo aos prazeres da carne em 2009 – quando seu médico recomendou uma dieta com mais proteína.


fonte: Paraíba.com.br - 28.02.2014
ROBERTO CARLOS 'SEQUER CORTOU O BIFE', DIZ CINEASTA SOBRE CAMPANHA DA FRIBOI

O cineasta Fernando Meirelles usou o Twitter para contar detalhes da campanha da Friboi com Roberto Carlos. “Nas agências fala-se que R$ 25 milhões teria sido o cachê do Roberto Carlos para falar que voltou a comer carne”, tuitou Meirelles. “A turma que participou da filmagem garante que ele sequer cortou o bife. Continua veggie (vegetariano) como sempre foi”.
Na sexta-feira, o grupo JBS, que mantém a marca Friboi, reuniu a imprensa para mostrar o filme da campanha, criação da agência Lew’Lara/TBWA e produzida pela Conspiração Filmes. Na ocasião, o Rei falou que sentiu falta de comer carne desde o momento em que parou, há 30 anos.
Em recente entrevista durante o cruzeiro Emoções, no início de fevereiro, o cantor, de 72 anos, que foi vegetariano por quase 30 anos, falou sobre ter voltado a comer carne recentemente.


fonte: PB Agora Online - 28.02.2014
ROBERTO CARLOS TERIA RECEBIDO R$ 25 MIL POR COMERCIAL

Segundo informações da coluna Olá, do jornal Agora São Paulo, o cineasta Fernando Meirelles comentou que no mundo publicitário fala-se que o cantor Roberto Carlos recebeu R$ 25 milhões para dizer que não é mais vegetariano no comercial da marca de carnes Friboi.
Meirelles ainda falou que pessoas que participaram da filmagem disseram que o cantor não chegou a tocar no bife. A marca disse que só o cantor pode responder pela sua mudança de comportamento, em relação ao vegetarianismo, e não confirmou o valor do cachê. Roberto Carlos não irá se pronunciar sobre o assunto.


fonte: Diário de São Paulo - 26.02.2014
SÃO TANTAS EMOÇÕES
O cantor Roberto Carlos foi o primeiro consumidor a ter a oportunidade de dar uma mordida no novo chocolate Garoto em formato do troféu da Copa do Mundo Fifa. Ele recebeu o produto, fabricado especialmente para o torneio, antes do seu lançamento oficial


fonte: IG Online - 25.02.2014
O CANTOR ROBERTO CARLOS É INSUBSTITUÍVEL? MÚSICOS E PRODUTORES FALAM AO IG
Para artistas e especialistas, nunca haverá outro "Rei" na música brasileira
porque a indústria fonográfica atual impossibilita a criação de um popstar nos moldes do autor de "Detalhes"
Quem é o novo Roberto Carlos? Surgirá algum dia um substituto para Roberto Carlos? Para diversos artistas e especialistas ouvidos pelo iG, o Rei é insubstituível e seu trono ficará vago quando se aposentar. Não apenas pelo talento do cantor de 72 anos nascido em Cachoeiro de Itapemirim, mas porque as engrenagens da indústria da música atual impossibilitam o aparecimento de um ídolo com a dimensão de Roberto Carlos.
Em 1960, quando Roberto Carlos apareceu para o Brasil, o funcionamento do mercado fonográfico incentivava a criação de popstars. Gravadoras investiam grandes recursos para divulgar seus (poucos) artistas e tinham o apoio de meios de massa como a televisão e o rádio.
Roberto tornou-se conhecido com a ajuda do programa de TV "Jovem Guarda", que ele apresentou ao lado de Erasmo Carlos e Wanderléa a partir de 1965, na TV Record. O programa deu nome ao movimento que popularizou o rock brasileiro entre a juventude dos anos 1960.
Atualmente o funcionamento da indústria da música é completamente diferente. Devido em grande parte às ferramentas digitais, as gravadoras perderam o controle do mercado - e, com menos poder, não conseguem mais investir tanto na divulgação de seus artistas.
O músico Tatá Aeroplano, que vê Roberto Carlos como um "muso inspirador", acredita que os caminhos atuais seguidos pela indústria fonográfica não favorecem o surgimento e a consolidação de um novo "rei". "Há compositores incriveis, mas com o tempo isso necessariamente não dialoga mais com o mainstream e não chega (ao público). Não tem mais uma estrutura milionária que faz você virar uma grande estrela para chegar a um grande publico. Tem de ter muito dinheiro.
" O cantor Nasi diz que "é difícil imaginar um fenômeno como Roberto Carlos novamente". "Hoje as coisas acontecem de uma forma intensa e rápida. O Roberto passou por muitas fases da música brasileira e não foi só um fenômeno da jovem guarda. Ele se reinventou na carreira em épocas em que os meios de comunicação permitiam mais do que hoje, em que temos os fenônemos de internet."
O produtor musical Carlos Eduardo Miranda analisa de outra maneira. O sucesso de Roberto ocorreu muito por causa do "carisma do artista". "Esse tipo de fenômeno brota sozinho. Esse cara aparece, começa a cantar e o bairro o projeta para a cidade, que o projeta para o Estado. Com certeza, teremos mais alguem assim."
Mas onde estaria o próximo Roberto Carlos? "Quem sabe a Ivete Sangalo não seja isso hoje?", responde Miranda. "É o mais próximo disso, mas mesmo assim alguns elementos faltam a ela, que não fala tão amplamente com o público quanto o Roberto."
"Ninguém quer ser Roberto Carlos"
"Será muito difícil encontrar um cantor com todo o poder artístico de Roberto", afirma o produtor musical Rafael Ramos, que não descarta a possibilidade de esse artista aparecer e se tornar "tão grande quanto".
"Não é a indústria fonográfica que faz o novo Roberto Carlos, mas acho que nenhum artista quer ser o novo Roberto Carlos. Talvez seja o cúmulo da pretensão artística brasileira tomar o lugar do Roberto, e isso não faz parte das características de um 'rei'."
Experiente como jurado por cinco anos no programa de talentos "Ídolos", o produtor musical Marco Camargo sugere que se busque um "novo Roberto Carlos" por todo o País.
"Falta uma seleção, de fato, pelo Brasil inteiro. Os que se inscrevem (nos programas de talentos) são aqueles que têm condição de ir até onde é a inscrição. Eu fico pensando: 'E se o novo Roberto Carlos estiver lá no interior do Amapá? Como a gente poderia descobrir?'. Ainda acho que tem gente muito boa que ainda não foi descoberta."
O funkeiro Mr. Catra se diz fã de Roberto Carlos e considera o cantor como uma referência para as canções sensuais que escreve. "A primeira música sobre sexo que eu ouvi na vida foi 'Cavalgada', que descreve o ato sexual", conta, relembrando a letra. Para Catra, o aparecimento de um novo Roberto Carlos é "impossível" por causa da mudança no cenário musical. "Hoje é diferente. O Roberto é um mito, é movimento, é da jovem guarda. Antes (o mercado fonográfico) era outra coisa."


fonte: A Tarde online - 24.02.2014
FRIBOI BLOQUEIA COMENTÁRIOS EM VÍDEO APÓS CRÍTICAS A ROBERTO

Roberto foi criticado por fazer propaganda de carne, que não comia há 30 anos
O frigorífico JBS, responsável pela marca Friboi, bloqueou nesta segunda-feira, 24, os comentários em seu canal no YouTube que mostra o comercial estrelado por Roberto Carlos.
O vídeo estava sendo muito criticado por vegetarianos que reclamam da postura do cantor, que voltou a comer carne após 30 anos e, agora, protagoniza uma campanha publicitária de uma marca de carnes.
"O Rei se vendeu", dizia um comentário postado em outro vídeo não bloqueado para postagens.


fonte: D 24AM online - 23.02.2014
EMPRESÁRIO DIZ QUE ROBERTO CARLOS TERÁ DOIS SHOWS NA GLOBO

Além do especial de Natal, ele fará uma apresentação em Las Vegas.
Manaus - O empresário do cantor Roberto Carlos anunciou que o Rei fará dois shows por ano na Globo. Além do tradicional especial de Natal, fará outro, a pedido da emissora. Em setembro deste ano, ele toca em Las Vegas. Em 2015, o especial será gravado na Itália.
A Itália na realidade deveria vir antes. A ideia de tocar no país, e de fazer dois especiais por ano na Globo, não é de hoje. Começou a ser pensado logo após o evento em Jerusalém, show inicialmente planejado para ser um especial de Natal, mas que foi antecipado devido ao clima.
"Faz muito frio por lá em dezembro, impossível realizar qualquer coisa ao ar livre", disse, em entrevista ao Portal UOL.


fonte: Site Uol - 22.02.2014
ROBERTO CARLOS TERÁ DOIS SHOWS POR ANO NA GLOBO, DIZ EMPRESÁRIO
Roberto Carlos fará dois shows por ano na Globo, afirma Dody Sirena, empresário do artista, em entrevista ao UOL. Além do tradicional especial de Natal, fará outro, a pedido da emissora. Em setembro deste ano, ele toca em Las Vegas. Em 2015, o especial será gravado na Itália.
A Itália na realidade deveria vir antes. A ideia de tocar no país, e de fazer dois especiais por ano na Globo, não é de hoje. Começou a ser pensado logo após o evento em Jerusalém, show inicialmente planejado para ser um especial de Natal, mas que foi antecipado devido ao clima. "Faz muito frio por lá em dezembro, impossível realizar qualquer coisa ao ar livre".
O show acabou acontecendo em setembro de 2011, e com o sucesso do evento, Globo e Roberto decidiram prosseguir com as viagens pelo mundo. O segundo, que seria na Itália, em 2013, não aconteceu. "Roberto não quis por causa do número 13", diz Sirena.
Devido ao TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) de Roberto Carlos, o show foi transferido para 2014, mas teve novamente a data alterada, desta vez por razões mais comerciais.
"A Itália representa tanto para a carreira dele, que Roberto achou por bem gravar um disco todo em italiano antes desse show nos moldes do que foi feito em Jerusalém", explica o empresário.
Para que ele tenha tempo de produzir e preparar esse trabalho, que será lançado simultaneamente na Itália e no Brasil, show foi reagendado para 2015, em junho ou setembro, de acordo com Sirena.
Roberto Carlos anda trabalhando (e viajando) mais do que nunca. No início do ano durante a décima edição do cruzeiro "Emoções em Alto Mar", que aconteceu entre 8 e 12 de fevereiro, já anunciou o próximo destino: Las Vegas.
Chamado de "Emoções em Las Vegas", o pacote inclui cinco dias em Las Vegas na primeira semana de setembro deste ano, com direito a shows e passeios.

Troca de navio
O empresário de Roberto Carlos também comentou a troca de navio do cruzeiro "Emoções em Alto Mar". Até 2012 aconteceu no Costa Victoria, este ano para a edição comemorativa de dez anos, a escolha foi pelo Preziosa.
Segundo Sirena, desde o início do projeto, opção sempre foi pela melhor e maior embarcação. "Até 2012, o navio da Costa era o maior, mas desde o ano passado começou a ter como concorrente a MSC (empresa que administra o Preziosa)".
Com o crescimento do turismo náutico, outros navios devem chegar ao mercado. Ainda assim, de acordo com Sirena, em 2015, o cruzeiro de Roberto Carlos deverá ser novamente no Preziosa. "Como negócio, o Preziosa é muito mais interessante, o Costa tinha capacidade para 2.700 pessoas, aqui estamos com mais de 4 mil".
O empresário afirma ter recebido de Roberto Carlos e de convidados um retorno positivo em relação ao transatlântico, mas passageiros ouvidos pela reportagem reclamaram do tamanho.
"Achei muito grande para conhecer em quatro dias", reclamou Miguel Elias, 65, que esteve em todos os cruzeiros com exceção do primeiro.
Pela terceira vez no cruzeiro, Luiz Fernando Capela, 52, também não gostou do tamanho do navio. "O outro por ser menor, era mais aconchegante", diz.
O empresário de Roberto Carlos nega boatos de que a mudança de navio esteja relacionada à saída do comandante Michele De Gregório.
Amigo do artista, desde a segunda edição, ele esteve à frente do cruzeiro "Emoções". Após o acidente com o Costa Concorde na ilha italiana de Giglio, em 2012, ele não esteve mais em cruzeiros no Brasil.
"Reconhecemos a amizade, soube que ele havia sido transferido para a área de cargueiros da empresa, mas nossa decisão de troca não teve nenhuma relação com isso".
Neste ano, Gregório recebeu Roberto Carlos no porto de Santos, antes do embarque no cruzeiro e o presenteou com um quepe.

Falso alarme
O empresário Dody Sirena também comentou o falso alarme durante o último cruzeiro de Roberto Carlos, no dia 10 de fevereiro. Segundo o MSC Cruzeiro, foi um alarme falso e que um passageiro teria avistado um objeto que poderia ser um corpo, mas a companhia identificou como sendo apenas lixo.
Sirena elogiou a rapidez no atendimento ao alarme dado por um passageiro de que alguém teria caído do navio. "Foi uma demonstração de o quanto a empresa prioriza a segurança".
Ele, no entanto, reclamou da forma que o comandante deu a noticia, que causou transtorno e tumulto entre passageiros. "Comunicado poderia ter descrito o que de fato aconteceu, que um passageiro avistou algo no mar, e que poderia ser alguém, informando sobre manobras que seriam feitas para prestar socorro, ao invés de levantar suspeitas de que alguém teria caído do navio", finaliza Sirena.


fonte: JB online - 22.02.2014
FRIBOI ABRE O COFRE E PAGA R$ 10 MILHÕES PARA ROBERTO CARLOS

Roberto Carlos teria ganho R$ 10 milhões para participar da nova campanha da Friboi
Por questões contratuais, a JBS - dona das marcas Friboi e Seara - não comenta os cachês milionários de seus garotos-propaganda. Mas comenta-se no mercado que a empresa pagou R$ 10 milhões para ter Roberto Carlos em sua nova campanha ao lado de Tony Ramos.
O cachê de Tony seria de R$ 2 milhões. Fátima Bernardes, que estreia neste sábado (22), como novo rosto do relançamento da marca Seara, teria embolsado R$ 5 milhões. Nada mal, hein?


fonte: Alagoas 24 Horas Online - 21.02.2014
TONY RAMOS ENSINA PARA ROBERTO CARLOS O SIGNIFICADO DE 'MEME'

Roberto Carlos e Tony Ramos se encontraram nesta sexta-feira (21) para lançar a nova campanha da Friboi, do grupo JBS, em São Paulo. O cantor é o novo rosto da marca, que virou sucesso desde que Tony Ramos assumiu os comerciais.
O momento mais divertido do encontro foi quando Roberto foi questionado se estaria preparado para as brincadeiras e "memes" após se tornar garoto propaganda e não entendeu a pergunta: "Que e-mail? Depende do e-mail".
Atencioso e acostumado com o assédio após protagonizar os reclames, Tony tratou logo de esclarecer para o colega. "E-mail não, meme", disse o ator, em meio às gargalhadas de todos presentes.
"Tem brincadeiras, tem ironias, tem ataques e tem também alguns elogios. É a repercussão que dá, 'memorization, maybe', 'mema coisa'", brincou Tony. E todos aplaudiram e riram novamente. "Eu acho que a gente tem que estar sempre preparado para o que acontece na internet, né? Enfim...", concluiu o Rei tímido.


fonte: Grupo Um Milhão de Amigos - 21.02.2014
Anova campanha da Friboi, que tem Roberto Carlos como garoto-propaganda já está no YouTube:
http://www.youtube.com/watch?v=q4QXJPk12l8


fonte: Blog Mauro Ferreira - 21.02.2014
O single de Roberto Carlos posto à venda esta semana no iTunes pela gravadora Sony Music é uma gravação de 1984. Trata-se de Cartas de amor, versão em português (escrita por Lourival Faissal) de Love letters (Victor Young e Edward Heyman), canção norte-americana de 1945. A versão de Faissal é antiga, tendo sido lançada pelo cantor mineiro Agnaldo Timóteo em 1967 e regravada por Roberto Carlos em seu álbum de 1984. Pela ideia inicial, o cantor faria outra gravação da música para inclusão na trilha sonora nacional da novela Em família - recém-estreada na TV Globo - só que, na última hora, o Rei optou por reutilizar o fonograma de 1984.


fonte: Info Money - 21.02.2014
POR CRESCIMENTO DE 20%, JBS CONTRATA EX-VEGETARIANO ROBERTO CARLOS PARA CAMPANHA
Ao som de "O Portão", o "Rei" do pop nacional anuncia sua volta ao consumo de carnes após 30 anos de vegetarianismo
SÃO PAULO - Em evento realizado em São Paulo na tarde desta sexta-feira (21), a JBS (JBSS3) anunciou um novo garoto propaganda para dividir espaço com o já protagonista Tony Ramos em seus comerciais em 2014: o cantor Roberto Carlos, que não comia carne há 30 anos e recentemente anunciou o abandono do vegetarianismo por questões, segundo ele, de saúde, após conselhos de seu médico, além da vontade de consumir esse tipo de alimento.
Com pano de fundo o memorável refrão "eu voltei", da canção "O Portão", o "Rei da Jovem Guarda" estrela o novo comercial da maior processadora de carnes do mundo, que foi transmitido durante o evento realizado hoje, no qual o InfoMoney esteve presente. Na peça, o cantor aparece almoçando com família e amigos em um restaurante. O garçom coloca um prato de massa na frente dele e um prato com carne para a pessoa sentada ao seu lado. Roberto intercepta dizendo que o prato que estava com seu colega era, na verdade, dele, solicitando que o garçom destroque os pratos. Ao final da propaganda, Tony Ramos, conhecido como "embaixador da marca", discursa sobre a qualidade do produto e conclui com o já conhecido slogan: "Peça Friboi. Carne confiável tem nome".
Em release entregue a jornalistas, a agência de publicidade Lew'Lara\TBWA conta como foi feita a escolha da nova estrela de uma das mais importantes marcas da JBS. "Depois que batalhamos tanto para virar sucesso nacional, assumimos o desafio de buscar uma nova abordagem junto ao consumidor. Quando Roberto Carlos decidiu voltar a comer carne, só poderia ser Friboi, claro!",
destaca Márcio Oliveira, presidente da agência.

Roberto Carlos é a nova celebridade a acompanhar Tony Ramos como garoto-propaganda da Friboi, marca da JBS (/Marcos Mortari)
Vale lembrar que, no ano passado, a JBS já havia investido pesadamente - acredita-se que o montante gasto gire em torno de R$ 50 milhões - em uma campanha estrelada pelo ator Tony Ramos, vencedora do prêmio Caboré de publicidade. Na ocasião, a companhia buscava contornar as adversidades criadas por um cenário de grandes riscos, após o programa "Fantástico", da Rede Globo, apresentar uma reportagem que expunha o descaso dos frigoríficos quanto ao cumprimento das normas estabelecidas para o setor e revelar que cerca de 30% de toda carne consumida pelas famílias brasileiras vêm de locais inadequados.
A solução encontrada pela equipe de marketing da companhia e agências contratadas foi diferenciar a Friboi das concorrentes, alegando que carne não é tudo igual - uma aposta curiosa, que busca transformar uma commodity alimentícia em produto de marca, diferenciado. E surtiu efeito: depois da campanha com Tony, um dos atores de maior credibilidade no mercado publicitário brasileiro, a companhia viu suas vendas no Brasil crescerem em 30%.
Para este ano, a equipe do presidente Wesley Batista espera ampliar a receita da JBS em 20%, mostrando desde então o foco em investimentos publicitários. Vale lembrar que a Seara - divisão de de aves, suínos e processados comprada do Marfrig (MRFG3) na segunda metade do ano passado - anunciou recentemente contrato com a apresentadora global Fátima Bernardes como garota-propaganda para divulgação.
A aposta com Roberto Carlos parece mais um acerto da companhia da família Sobrinho, do estado de Goiás, tendo em vista o apelo que o artista tem com as donas de casa - grandes consumidoras de carne. "Essas mulheres cozinham ouvindo suas músicas. Ele é um sinônimo de confianças e, por isso, tem tudo a ver com a marca Friboi. Ao saber da notícia [de que ele voltou a consumir carne], começamos uma conversa, que veio a se concretizar agora. No nosso ponto de vista, é casamento perfeito”, concluiu o CEO (Chief executive officer) da empresa.


fonte: Campanha da Friboi - 21.02.2014
ROBERTO CARLOS NA NOVA CAMPANHA PUBLICITÁRIA DA FRIBOI
Acessando o link você poderá assistir ao vídeo de divulgação da nova campanha da Friboi, que tem Roberto Carlos como seu garoto-propaganda. Participam também Dudu Braga e sua esposa Valeska Sostene e o empresário Dody Sirena e sua esposa Fernanda Sirena.
http://bit.ly/1fHVSJO


fonte: Blog Mauro Ferreira - 21.02.2014
NOVO 'SINGLE' DE ROBERTO CARLOS, 'CARTAS DE AMOR', ESTÁ Á VENDA NO ITUBES

Single inédito de Roberto Carlos foi posto à venda esta semana no iTunes pela gravadora Sony Music. Trata-se de Cartas de amor, versão em português (escrita por Lourival Faissal) de Love letters (Victor Young e Edward Heyman), canção norte-americana de 1945. A versão é antiga, já tendo sido lançada pelo cantor mineiro Agnaldo Timóteo em 1967 e regravada pelo próprio Roberto Carlos em seu álbum de 1984. Mas é nova a atual gravação do Rei disponibilizada no iTunes e incluída na trilha sonora nacional da novela Em família, recém-estreada na TV Globo.


fonte: O Globo (Coluna Ancelmo Góis) - 21.02.2014
A música “Cartas de amor”, na voz de Roberto Carlos, toca, pela primeira vez, hoje, na novela “Em família”. Será pano de fundo para uma cena de Helena, já adulta.


fonte: Extra - 21.02.2014
ROBERTO CARLOS É O GAROTO-PROPAGANDA DA MARCA FRIBOI
Roberto Carlos será garoto-propaganda da Friboi, ao lado de Tony Ramos. A marca do frigorífico JBS promove um evento hoje, em São Paulo, com a presença do cantor, que deixou de ser vegetariano.


fonte: Paraíba.com - 20.02.2014
EX-VEGETARIANO, ROBERTO CARLOS SE JUNTA A TONY RAMOS EM CAMPANHA DA FRIBOI
Tony Ramos foi o garoto propaganda mais comentado em 2013 à frente das campanhas publicitárias da Friboi,
marca do grupo JBS.

Agora, Roberto Carlos se junta ao ator para promover a marca. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (20) por uma fonte ligada à empresa. Apesar do novo garoto propaganda, Tony continua sendo o principal rosto da Friboi e teve seu contrato renovado até o final de 2014.
Em recente entrevista durante o cruzeiro Emoções, no início de fevereiro, o cantor, de 72 anos, que foi vegetariano por quase 30 anos, falou sobre ter voltado a comer carne recentemente.
Na sexta-feira (21), Tony e Roberto estão confirmados em um evento promovido pelo grupo para apresentar as novidades em São Paulo. Em 2010, Roberto Carlos fez campanha para a comemoração dos 90 anos da Nestlé no Brasil, mas o artista não costuma emprestar sua imagem à publicidade com frequência.


fonte: Mde Mulher Online - 20.02.2014
ROBERTO CARLOS DESMENTE ROMANCE COM LAURA MULLER
O cantor causou polêmica na palestra da sexóloga durante o seu cruzeiro.

No último dia 10, um encontro inusitado entre Roberto Carlos e a sexóloga Laura Muller, do Altas Horas, durante uma palestra dela no cruzeiro Emoções em Alto Mar, que o cantor faz todo início de ano, gerou muuuito ti-ti-ti. Quem estava no navio garante: rolou, sim, uma química além entre os dois.
As especulações começaram quando o Rei entrou no auditório já lotado com 1800 pessoas. Sem nenhuma vergonha, ele levantou a mão e fez perguntas sobre orgasmo feminino. "Eu tenho um amigo, ele é cantor, sabe?", e todos os presentes caíram na gargalhada porque, lógico, esse amigo era ele mesmo. E continuou: "É verdade ou mito a ejaculação feminina durante o orgasmo? Eu vi na internet que sai um jatinho, em alguns (vídeos, parece) uma cachoeira. Isso é fake (falso)?"
Laura respondeu prontamente que é possível, sim, devido à lubrificação da vagina, mas que o caso ainda estava sendo estudado pela classe médica.
Roberto não ficou encabulado e foi logo emplacando outra pergunta. Desta vez sobre piercing genital: "Esse mesmo amigo me falou que o piercing no clitóris tem a função de ajudar a mulher a chegar mais fácil ao orgasmo. É isso mesmo?", e ninguém segurou as risadas.
A sexóloga informou que o objeto é perigoso nessa região e não recomendado pelos médicos. Mas que psicologicamente pode causar uma sensação diferente, permitindo, eventualmente, à mulher chegar mais rápido ao orgasmo.
Depois da palestra, Laura agradeceu a oportunidade de participar do Cruzeiro de RC pela primeira vez. E, principalmente, pela presença do ídolo na palestra.
TITITI conversou com Laura, que levou numa boa a boataria sobre um affair com o Rei. "Imagina. Não rolou nada entre a gente. As pessoas gostam é de formar casais e sempre inventam alguma coisa. Mas fiquei feliz em vê-lo ali, participando... Disse ser um admirador do meu trabalho e do Altas Horas. Ouvir isso do Rei, Roberto Carlos, é gratificante", contou Laura.


fonte: Diário de Pernambuco - 18.02.2014
DIVULGADOS VALORES DOS INGRESSOS PARA O SHOW DE ROBERTO CARLOS NO RECIFE
Show que comemora o aniversário de 73 anos do Rei será no dia 12 de abril

No palco, orquestra e coral vão acompanhar o cantor.
Roberto Carlos vai se apresentar no dia 12 de abril (sábado), às 22h, no Estádio do Arruda. O show comemora o aniversário de 73 anos do Rei. No palco, orquestra e coral vão acompanhar o cantor.
O público ficará dividido em sete setores, com ingressos entre R$ 40 e R$ 460 (confira abaixo). As entradas estão à venda nas lojas Esposende (nos shoppings do Recife) e no site:www. ingressorapido.com.br.
Serviço:
Show Roberto Carlos
Quando: 12 de abril (sábado), às 22h
Onde: Estádio do Arruda (Avenida Beberibe, 1285)
Entrada:
Cadeira azul - R$ 460 e R$ 230 (meia)
Cadeira amarela - R$ 300 e R$ 150 (meia)
Cadeira branca - R$ 220 e R$ 110 (meia)
Cadeira cativa - R$ 300 e R$ 150 (meia)
Plateia inferior - R$ 120 e R$ 60 (meia)
Plateia inferior lateral - R$ 160 e R$ 80 (meia)
Plateia superior - R$ 80 e R$ 40 (meia)
Pontos de Venda: Lojas Esposende (shoppings do Recife) e no site: www.ingressorapido.com.br
Informações: (81) 4003 1212


fonte: O Globo (coluna Gente Boa) - 18.02.2014
CANZONE PER TE
Roberto Carlos quer gravar um CD só com músicas italianas no ano que vem. O xodó com o país vem de longa data, desde que ele ganhou o festival de San Remo, em 1968, com “Canzone per te”. Os planos italianos de RC incluem também uma escala em Roma do Projeto Emoções.


fonte: G1 Ceará Online - 17.02.2014
PRÉ-VENDA PARA SHOW DE ROBERTO CARLOS COMEÇA NESTA TERÇA-FEIRA
Roberto Carlos faz show no dia 5 de abril em Fortaleza, na Arena Castelão.
Venda geral dos ingressos começa no dia 24 de fevereiro.

A pré-venda dos ingressos para o show de Roberto Carlos em Fortaleza começa no dia 18 de fevereiro. A partir desta quarta-feira (18) até 22 de fevereiro, poderão adquirir exclusivamente os ingressos clientes dos cartões Credicard. A venda geral dos ingressos poderá ser feita a partir do dia 24 de fevereiro. O show de Roberto Carlos será no dia 5 de abril na Arena Castelão.
Na pré-venda e venda, a compra deve ser feita pelo site do Ingresso Rápido ou telefone (85) 4003-1212. O limite de compra é quatro ingressos por pessoa.
Os valores dos ingressos variam de R$ 580 a R$ 40. O setor mais caro é a inteira do Cadeira Azul, custando R$ 580. O show terá três tipos de camarote. O mais caro será o “Camarote Emoções” com o valor de R$ 420. O lugar mais barato é a plateia superior com R$ 80, a inteira, e R$ 40, a meia. Todos os setores possuem meia-entrada, com exceção dos camarotes.

Confira todos os valores dos ingressos:
Plateia superior - R$ 40 (meia) R$ 80 (inteira)
Plateia superior lateral - R$ 70 (meia) R$ 140 (inteira)
Plateria inferior R$ 80 (meia) R$ 160 (inteira)
Cadeira branca R$ 90 (meia) R$ 180 (inteira)
Cadeira amarela R$ 170 (meia) R$ 340 (inteira)
Cadeira azul R$ 290 (meia) e R$ 580 (inteira)
Camarote N2 R$ 400 (individual)
Camarote N3 R$ 400 (individual)
Camarote Emoções R$420 (individual)


fonte: GShow - 16.02.2014
SEXÓLOGA COMENTA PALESTRA COM ROBERTO CARLOS: 'NÃO TEVE CONSULTA PARTICULAR'
Laura Muller afirma que cantor foi a presença mais ilustre que já teve em uma de sua palestra:
'Ele fez perguntas com bom humor'

Laura Muller comenta palestra em cruzeiro do cantor Roberto Carlos
Falar sobre sexo nem sempre é uma atividade fácil. Agora, imagina falar de sexo com o cantor Roberto Carlos. Pois é, Laura Muller palestrou no cruzeiro “Emoções em Alto Mar” e teve a honra de ter o “Rei” em sua plateia.
“Certamente, ele foi a presença mais ilustre das minhas palestras. O mais interessante foi que ele fez perguntas com bom humor, interagiu e ajudou a plateia a se soltar”, comentou a sexóloga nos bastidores do Altas Horas.
Laura Muller afirmou que a presença do cantor não a intimidou em nenhum momento do bate-papo com os participantes do cruzeiro. “Eu sabia que ele poderia aparecer. Achei muito bacana a presença dele fazendo perguntas”, declarou.
A sexóloga, que tem um quadro fixo no programa de Serginho Groisman, também contou que Roberto Carlos não fez nenhuma pergunta em off. “Depois da palestra, a gente fez uma foto, conversou um pouquinho, mas não teve nenhuma consulta particular”, revelou.

Laura Muller tieta Roberto Carlos após a sua palestra
Segundo Laura, celebridades são muito importantes na disseminação de informações sobre sexualidade. “Quando uma pessoa, como o Roberto Carlos, faz uma pergunta sobre sexo de uma forma tão tranquila, divertida e aberta, isso ajuda a quebrar esse tabu com relação ao assunto sexo”, explicou.
De acordo com a sexóloga, o “Rei” tirou duas dúvidas durante a palestra: uma sobre ejaculação feminina e a outra sobre o uso de piercing na região genital. “As perguntas foram muito interessantes e sobre sexualidade feminina”, contou Laura Muller.


fonte: G1 Espírito Santo - 14.02.2014
CASA QUE FOI DE ROBERTO CARLOS É ASSALTADA PELA QUARTA VEZ, NO ES
Desta vez, um móvel e um ventilador foram levados pelo criminoso.
Assaltante atuou à luz do dia, e arrastou o móvel roubado pela rua.

A estrutura da casa é original e todos os objetos foram doados por fãs de Roberto Carlos
A Casa de Cultura Roberto Carlos, que fica em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, foi assaltada novamente na tarde desta quinta-feira (13). Um móvel e um ventilador foram levados. Esta é a quarta vez que o local é arrombado. A subsecretária de Cultura informou que um sistema de videomonitoramento já foi solicitado. A Prefeitura está investigando o que aconteceu.
Segundo a administradora Fátima Narvarro, o assaltante arrastou o móvel pela rua e não se incomodou em ser visto. "Eu olhei para fora e vi um rapaz descendo, empurrando um móvel. Achei estranho. Cheguei a cogitar a possibilidade de a casa estar sendo assaltada, mas achei muito absurda a situação. Ele ainda olhou, deu um sorrisinho meio desconfiado e continuou descendo a rua. Não levei a sério, só que quando eu saí e retornei, a polícia já estava aqui", contou.
O criminoso arrombou a fechadura e entrou pela porta dos fundos. Foram levados um móvel e um ventilador. O piano que fica na casa chegou a ser arrastado e deixou marcas no chão, mas não foi roubado.
Diante dos assaltos cometidos anteriormente, a secretária de Cultura disse, no ano passado, que já havia solicitado à Secretaria de Administração um sistema de alarme. Mas até o momento, nada foi implantado. Para tentar impedir os crimes, pedaços de madeiras são colocados para fechar portas e janelas da residência. "A respeito da segurança da Casa Roberto Carlos, já está sendo providenciada a parte de videomonitoramento", informou a Subsecretária de Patrimônio Cultural, Marta Profeta.
Ainda de acordo com a subsecretária, a Prefeitura está investigando o que aconteceu. Um boletim de ocorrência foi encaminhado para a Secretaria de Administração.
A casa de Roberto Carlos A Casa da Cultura Roberto Carlos fica na Rua João de Deus Madureira, no bairro Recanto, em Cachoeiro de Itapemirim. Ela abriga retratos e objetos que recordam a infância do rei. Em uma das paredes da residência é possível encontrar a certidão de nascimento do cantor, que morou no local com pais e irmãos até os treze anos de idade. Em 2012, também foi inaugurado o Corredor Cultural Roberto Carlos, que dá acesso ao museu.
Quem visita a casa encontra retratos, o piano em que Roberto fazia aulas na infância e o transmissor da Rádio Cachoeiro prefixo ZYL-9, primeira rádio em que o rei cantou, aos nove anos, em um programa infantil. O cantor visitou a casa em 2009 durante sua ida à Cachoeiro de Itapemirim para o show de 50 anos de carreira e disse que também pretendia fazer um acervo da Jovem Guarda lá. Além disso, a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim chegou a investir mais de R$ 800 mil em obras de revitalização no entorno da casa.


fonte: G1 Paraná - 13.02.2014
PEDREIRA PAULO LEMINSKI VAI REABRIR COM SHOW DE ROBERTO CARLOS
Apresentação será no dia do aniversário de Curitiba, 29 de março.
Local estava fechado para espetáculos desde 2008.

Show será no dia do aniversário de Curitiba<
Foi divulgado nesta quinta-feira (13) que a Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba, vai reabrir no aniversário da cidade, dia 29 de março, com show do cantor Roberto Carlos. A informação foi confirmada pela empresa responsável pelo local, a DC Set Eventos. Mais detalhes sobre o show ainda não foram divulgados. Na data, a capital paranaense vai completar 321 anos.
A Pedreira Paulo Leminski foi fechada para shows em 2008, após o Ministério Público (MP) ter obtido na Justiça o acolhimento de uma liminar da 2ª Promotoria do Meio Ambiente, que exigia adequações do local. A ação foi movida em nome de moradores do Abranches, bairro da Pedreira, que reclamavam do tumulto e barulho gerados em dias de shows e apresentações.
Em janeiro, a Justiça do Paraná revogou a liminar que mantinha a pedreira fechada para shows. A decisão do juiz da 4ª Vara de Fazenda Pública, Eduardo Bana, considerou que foram cumpridas as exigências feitas pelo Ministério Público (MP) para que o local pudesse voltar a receber shows, de acordo com a Prefeitura de Curitiba.
Acordo
O acordo prevê um limite de até dois shows de grande porte a cada intervalo de 30 dias; que as apresentações marcadas entre segundas e quintas-feiras terminem até as 23h; que os shows às sextas, sábado e vésperas de feriados terminem até a 1h do dia seguinte; que as apresentações aos domingos terminem até as 20h; que os eventos não coincidam com clássicos ou decisões de futebol na cidade; e que haja atuação expressiva das entidades de segruança e sáude pública durante os eventos.
As adequações foram feitas pela empresa DC Set Eventos, que venceu a concorrência para reformar e administrar, além da Pedreira, a Ópera de Arame e o Parque Náutico do Iguaçu. As intervenções envolvem reformas nos sanitários, palco, pista, pista, camarins e instalações elétricas. Além disso, os equipamentos e acessos precisaram ser estruturados para atender às leis atuais de acessibilidade. A capacidade de público para eventos foi fixada em 25 mil pessoas.

Pedreira Paulo Leminski estava fechada para shows desde 2008


fonte: G1 Turismo Online - 13.02.2014
ROBERTO CARLOS REPETE FÓRMULA DE SUCESSO EM CRUZEIRO DE 4 MIL PESSOAS

Roberto Carlos brinda com fãs em show no navio
Como de costume, Roberto Carlos ficou a maior parte do tempo dentro de sua cabine no cruzeiro "Emoções em Alto Mar" deste ano. Mesmo assim, o cantor era onipresente dentro do enorme navio MSC Preziosa, onde foi realizada a décima edição da viagem temática pelo litoral brasileiro entre os dias 8 e 12 deste mês.
Ao chegarem às cabines, os passageiros encontraram em cima da cama um impresso com a história do cruzeiro do Rei e folhetos com propagandas de produtos diversos: um livro com edição limitada vendido por R$ 4 mil no navio, os pacotes de viagem para um show que ele fará em Las Vegas em setembro, um cartão de crédito temático e uma parceria com uma empresa de milhagens.
As TVs da recepção mostravam imagens das apresentações de Roberto Carlos. Suas músicas eram tocadas nos alto-falantes dos corredores e embalavam as noites na discoteca em versões remixadas. Também serviram de trilha sonora para a tradicional aula de dança com Carlinhos de Jesus na beira da piscina.
A "overdose" do artista agradou à maioria dos passageiros, que foram para o navio esperando não só ver o show do cantor como sentir que "dividem a mesma casa" com ele, como Roberto Carlos gosta de se referir à experiência.
Primeira classe

Público lota área da piscina para participar de aula de dança com Carlinhos de Jesus
Os aposentos do Rei, porém, estavam bem preservados da euforia dos fãs - especialmente das fãs, que se acotovelavam para pegar as rosas jogadas por ele no fim do show (veja vídeo acima) e pediam insistentemente aos funcionários do cantor para entrar no camarim -- quase sempre, em vão.

Passageiros relaxam em uma das piscinas do navio
Roberto Carlos ficou no 16º andar, na primeira classe do navio, no último quarto de um corredor, para não ser incomodado pelo vaivém de pessoas. Sua cabine tinha ambientes independentes, com mesa de jantar para que ele fizesse as refeições lá mesmo.
Segundo um funcionário do navio que não quis se identificar, ele pediu para ser atendido por uma camareira do sexo feminino, e o hondurenho que havia sido destacado para servi-lo inicialmente foi trocado por uma brasileira.
Roberto levou alguns convidados, como seu motorista e outros funcionários de sua casa e de seus escritórios, o ex-Trapalhão Dedé e Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, seu advogado no imbróglio sobre a biografia não autorizada.
Sempre que o cantor saía do camarim, montava-se uma operação para isolar a área e colocá-lo nos elevadores internos do navio, que não paravam em nenhum andar.
Perguntas sobre sexo

Roberto Carlos entrega troféus a vencedores de concurso de karaokê no navio
Neste ano, além de fazer shows no sábado, no domingo e na terça-feira à noite, ele apareceu de surpresa na palestra da sexóloga Laura Muller e levou a plateia ao delírio ao fazer perguntas sobre piercing genital e ejaculação feminina.
Roberto Carlos apareceu de surpresa na palestra da sexóloga Laura Muller e fez perguntas sobre piercing genital e ejaculação feminina.
Também foi, como nos demais anos, ao show do humorista Tom Cavalcante, à entrevista coletiva aberta a alguns fãs e à entrega de prêmios do karaokê com o público do navio. Outros boatos sobre aparições surpresa do cantor não se confirmaram. Neste ano, por exemplo, ele não foi ao cassino, aonde costumava ir de madrugada em viagens anteriores.
O artista também era esperado pelos passageiros nas varandas do navio durante o embarque e o desembarque. Como nas outras edições, ele foi o último a entrar no navio e o primeiro a descer.
Camisetas e unhas temáticas
Segundo a produção de Roberto Carlos, as mais de 4 mil vagas para o Emoções em Alto Mar deste ano se esgotaram entre julho e agosto. A lista de espera tinha aproximadamente 300 pessoas. As cabines custaram entre US$ 1.735 (cerca de R$ 4,2 mil) e US$ 4.560 (R$ 11 mil).
Entre os passageiros havia pessoas de vários estados do Brasil e até alguns estrangeiros, como uma britânica que costuma ir todos os anos e um equatoriano que venceu o concurso de karaokê cantando "Amante à moda antiga" em espanhol.

Irmãs fizeram camiseta em homenagem a Roberto Carlos
Muitos foram com grupos de amigos ou familiares e fizeram camisetas especialmente para a viagem. Houve até uma fã que usou adesivo de unha que retratava a foto que tirou ao lado do cantor.
Os passageiros com menos de 30 anos de idade estavam visivelmente em menor número e, via de regra, haviam ido para acompanhar pais, tios ou avós que gostam do cantor há décadas.
Aqueles que vão todos ou quase todos os anos acabaram se conhecendo e aproveitam a ocasião para se reencontrar. Um dos hóspedes assíduos é Robson Carvalho, sósia de Roberto Carlos, que era constantemente abordado pelos passantes que queriam tirar foto com ele.

Fã fez adesivo de unha em homenagem a Roberto Carlos
Por ser a edição de 10 anos, muitos fãs esperavam que o cruzeiro de 2014 trouxesse surpresas em relação aos anteriores.
No entanto, além da mudança de navio da companhia Costa para a MSC, não houve muitas novidades. Da chegada de Roberto em sua Lamborghini conversível ao karaokê dos passageiros, da aula de dança com Carlinhos de Jesus ao show de Tom Cavalcante, o roteiro foi basicamente o mesmo de anos anteriores.
Mas os fãs pareciam não se importar com isso. Muitos preferiam não descer nas paradas -- que foram em Búzios, Angra dos Reis e Ilhabela -- para poder aproveitar a programação a bordo, e vários já fizeram sua reserva para o cruzeiro de 2015. "Todo ano é igual, mas é diferente", resumiu uma passageira que já esteve seis vezes na "casa" do Rei em alto mar.


fonte: Último Segundo Online - 12.02.2014
EM CRUZEIRO, ROBERTO CARLOS CANTA, PARTICIPA DE KARAOKÊ E FREQUENTA CASSINO
Apesar de pouco interagir com os fãs, a presença do cantor é notada em todos os cantos do navio

A bordo do cruzeiro Emoções em Alto Mar, que finalizou sua décima viagem nesta quarta-feira (12), o cantor Roberto Carlos gosta de repetir: “Aqui é como se estivéssemos morando na mesma casa. Só não dormimos na mesma cama”.
De um jeito curioso, há bastante verdade na afirmação. No cruzeiro, o Rei é, ao mesmo tempo, ausente e onipresente. Não anda pelos corredores do navio e raramente deixa a cabine, localizada em uma área VIP e fechada à maior parte dos passageiros. Gosta de ir ao cassino, mas apenas durante a madrugada, e quando de fato está perto do público, em eventos especiais, permanece separado dele, chegando depois e se sentando em área reservada.
Ainda assim, é como se, de fato, aquela casa fosse a do Rei. Em praticamente todos os ambientes se ouve músicas das diferentes fases da carreira (geralmente em sua própria voz, às vezes covers de outros artistas); nos corredores há sempre alguém vestindo azul e branco ou grupos usando camisetas uniformizadas com a foto do ídolo; os pôsteres colocados pelo navio estão sempre com uma fila para fotos (“se a gente não tem o Rei em carne e osso, né?”); e a todo momento o assunto, de algum modo, volta para ele.

O público na piscina do cruzeiro Emoções em Alto Mar
No elevador e nas áreas comuns, é fácil ouvir os atestados de fã. “Tenho 48 rosas”, “Fui a 43 shows só no ano passado”, “Participei de todos os cruzeiros”, “Gosto dele há mais de 50 anos”, “Recorto até quadradinho que sai na revista" e o famoso "Tenho tudo dele".
Quando o empresário Dody Sirena teve a pioneira ideia de inserir Roberto no mercado de cruzeiros temáticos, temeu que os fãs quisessem encontrá-lo a todo momento. Rapidamente, percebeu que não. “É um pouco como criança na Disney: tem tudo ali à disposição, não há cobrança de se estar toda hora com o Mickey”.

Anni Lourenço Rios e família na primeira fila para assistir ao show de Roberto Carlos
Os passageiros
O público do cruzeiro de Roberto Carlos é mais velho, em geral tem mais de 50 anos e viaja principalmente em casal ou em turma de mulheres. Como estão ali principalmente para ver o Rei, apenas uma pequena parte costuma descer do navio nos pontos de parada, e cerca de 40% retorna outras vezes. É o caso de Anni Lourenço Rios, que está no sexto cruzeiro consecutivo. Aos 35 anos, ela é um caso de passageira mais jovem que não apenas acompanha a mãe, mas herdou dela a paixão pelo Rei. “Venho por ele”, contou. “O cruzeiro é bacana, mas não é a razão de vir”.
Sentada na primeira fila do show de terça-feira (11), ela chorou muito, cantou mais ainda e saiu de lá com duas rosas. Para conseguir um lugar tão bom, foi preciso escolher uma cabine mais cara, na mesma área onde Roberto se hospeda. “Tudo tem um preço. Estamos pagando esse preço”, disse a mãe de Anni, Márcia, que já acertou o cruzeiro de 2015.

Denise Lemos de Oliveira no cruzeiro Emoções em Alto Mar
Para outras fãs, porém, a viagem pode ter sido a primeira e a última. Cleusa Marchi Costa, 53 anos e fã do Rei há 49, acha que vai ser difícil voltar: o marido não gosta de navios e ela demorou para ter condições financeiras e companhia. A bordo com as três irmãs, todas devidamente uniformizadas, ela define a ida ao cruzeiro como “um sonho”.
“O Roberto tem alguma coisa, uma luz que eu vejo. Não é amor carnal, não é desejo, é uma coisa que eu não consigo explicar”, disse, com os olhos cheios de lagrimas.
Também no time das novatas, Denise Lemos de Oliveira, 49 anos, superou o medo do mar para ver o Rei. “Vim porque era o navio dele. Sabia que se não fosse seguro, ele não viria. Ele gosta que as coisas estejam no controle dele”, afirmou Denise, que ganhou a passagem de presente do marido, e no ano que vem voltará com a sogra e a mãe, que trabalhava em frente à Rádio Nacional nos anos 1960 e desde então acompanha o artista.
A viagem
Com tanta reincidência, o projeto Emoções em Alto Mar muda pouco a cada ano. A grande novidade, na verdade, costuma ser o navio (neste ano, pela primeira vez a embarcação era da MSC, e não da Costa Cruzeiros). “Quando o time está ganhando, só tem que continuar jogando bem”, brincou Sirena.

O navio do cruzeiro Emoções em Alto Mar
O cruzeiro de dez anos não teve grandes comemorações, o que surpreendeu e até decepcionou alguns passageiros. Na manhã de segunda-feira (10), a suspeita de que alguém teria caído no mar causou tensão, mas tratava-se de alarme falso e não chegou a atrapalhar a festa.
A bordo, Roberto e sua equipe anunciaram vários projetos: um disco de inéditas em 2014 e outro de canções em italiano no ano seguinte; a publicação de um luxuoso livro de fotografias que será vendido a R$ 4,5 mil; um show em Las Vegas em setembro e o plano de outro na Itália em 2015, fortalecendo ainda mais o braço operadora de turismo da marca Roberto Carlos.

O equatoriano Andres, ganhador do karaokê no cruzeiro Emoções em Alto Mar
No navio, os shows são mais intimistas e trazem pequenas alterações no setlist tradicional. Incluem, ainda, a entrada de um Cadillac inflável no palco e a distribuição de 1,6 mil taças de champanhe que as fãs pegam correndo para então se aglomerar em frente ao palco e tentar brindar com o Rei.
Atrações de outros anos, como a missa com o Padre Antônio Maria, a aula de dança com Carlinhos de Jesus e o show de stand-up comedy de Tom Cavalcante foram repetidas. Também foi realizada uma tradicional e animada competição de karaokê, com apresentação de Miéle e músicas tocadas por parte da banda de Roberto Carlos.
“Quando” e “Emoções” eram as músicas mais pedidas pelos passageiros sorteados para subir ao palco, mas foi a versão em espanhol de “Amante à Moda Antiga”, cantada pelo equatoriano Andres, 60 anos, que levou o prêmio, entregue pelo próprio Roberto.
“Foi emocionante, ele é meu ídolo”, contou Andres, que foi cantor durante 17 anos, mas deixou a carreira de lado para ser empresário musical. Ele disse ter ido ao navio para tentar acertar um show de Roberto no Equador, “onde muita gente o ama”. E explicou a escolha da música: “Era a única que eu sabia de cor.”
A concorrente mais invejada foi Larissa Antunes, 24 anos, que ficou com o segundo lugar, mas foi chamada pelo Rei para dançar, juntinho, “Como é Grande o Meu Amor Por Você”. “Me apaixonei por ele. Vou sair do cruzeiro muito fã”, afirmou a jovem, que estava no navio a convite da avó.
Maior novidade da programação da viagem deste ano, a sexóloga Laura Muller respondeu a perguntas do público sobre sexo - e também do próprio Roberto, que quis saber mais sobre ejaculação feminina e piercing no clitóris. Os passageiros tinham a opção de enviar dúvidas por escrito e de forma anônima, mas muitos preferiram o microfone e falaram com sinceridade e coragem impressionantes sobre questões bastante pessoais.
Da mesma forma, uma conversa entre estranhos à beira da piscina ou na mesa do jantar rapidamente caía na vida pessoal: histórias de amores do passado, de problemas familiares ou dos tempos de juventude. No Emoções em Alto Mar, Roberto Carlos é mais do que um gosto em comum: é a chave para uma súbita e bem-vinda intimidade.


fonte: O Dia (Coluna Leo Dias - 12.02.2014
A imprensa que foi cobrir o show de Roberto Carlos no cruzeiro “Emoções em Alto Mar” não pode assistir o Rei até o fim.A MSC Cruzeiros disse que o mar estava revolto e pediu que os jornalistas se retirassem antes. Mas os profissionais ficaram mais de meia hora esperando o barco que ia levá-los à terra firme zarpar. É que o prefeito de Búzios – onde o navio estava ancorado – quis ficar até a hora do bis. Vai entender...


fonte: Portal G1 - 11.02.2014
'ELE É QUENTE E CARINHOSO', DIZ JOVEM QUE DANÇOU COM ROBERTO CARLOS
Passageira de 24 anos ganhou prêmio em karaokê de navio temático.
Cantor dançou colado com ela durante música romântica.

Dá emoção estar ao lado dele', disse Larissa após dançar com Roberto Carlos.
"Hoje você representou todas as mulheres. Todo mundo queria estar no seu lugar.” A psicóloga e atriz Larissa Antunes, de 24 anos, ouviu essa frase de uma fã de Roberto Carlos nesta terça-feira (11), após realizar o sonho de muitas admiradoras do artista: dançar com ele.
Cantando a música “Olha”, Larissa ficou em segundo lugar em um concurso de karaokê realizado nesta terça-feira (11) no cruzeiro temático “Emoções em Alto Mar”. Como de costume, Roberto Carlos apareceu para entregar os prêmios. Enquanto cantava “Como é grande o meu amor por você”, ele pegou Larissa pela mão e dançou com ela.
“Fiquei muito emocionada, o coração disparado, a boca seca. Ele falou 'você é linda' e pegou na minha mão”, conta ela, que veio ao cruzeiro para acompanhar a avó, que é fã do músico. “Ele é quente, tem a pele quente. E é carinhoso”, descreve a garota.
“Dá emoção estar do lado dele, mas me tocou mais ainda ver a maneira que as pessoas olham pra ele, o amor que elas têm. É muito forte o que ele causa nas pessoas”, afirma ela, que quer começar a cantar profissionalmente. “Já comecei no palco com a banda do rei. Isso é abençoado”, completa.

Larissa dança com Roberto Carlos

Larissa dança com Roberto Carlos


fonte: Portal Overtube online - 11.02.2014
ROBERTO CARLOS LANÇA LIVRO QUE CUSTARÁ 4500 REAIS

O cantor Roberto Carlos prepara uma surpresa milionária para seus fãs. Ele lança em abril um livro com fotografias inéditas e mais de 500 letras originais. A publicação será comercializada em tiragem mínima e custará (pasmem!) 4 500 reais a unidade.
Roberto apresentou o livro ao público que o acompanha na décima edição do cruzeiro “Emoções em Alto Mar”, que está acontecendo nesta semana. A tiragem total será de 3 mil exemplares, impressos na Itália e vendidos nas melhores lojas do Brasil. 500 exemplares a mais foram disponibilizados para reserva aos presentes no cruzeiros, que poderão adquirir a publicação por um valor um pouco menor, de 4 mil reais.


fonte: Terra Online - 11.02.2014
ROBERTO CARLOS DANÇA COLADINHO COM FÃ EM KARAOKÊ, EQUATORIANO VENCE
Tradição de seu cruzeiro 'Emoções em Alto Mar',
karaokê com passageiros do MSC Preziosa contou com presença de Roberto Carlos em evento

Já tradição do cruzeiro Emoções em Alto Mar, que chega a sua décima edição, o karaokê dos hóspedes do navio MSC Preziosa foi realizado na tarde desta terça-feira (11) com a embarcação atracada em Ilhabela. Os competidores foram sorteados após uma pré-inscrição e cantaram sucessos de Roberto Carlos. O próprio cantor entregou os prêmios aos três melhores colocados. O passageiro equatoriano foi o vencedor e chegou a pedir que o Rei faça um show em seu país: "todos o amam lá, faz vinte anos que você não canta no Equador". "Vamos lá então", retrucou Roberto.
A jovem que ficou na segunda posição ganhou mais que um troféu. A cantora foi chamada pra dançar e ficou coladinha no astro de 72 anos.
Quase
Um grande momento do karaokê foi a participação de Robson Carlos, sósia de Roberto Carlos que circula pelo navio e atrai sua própria corrente de fãs. O cantor prestou sua homenagem executando Esse Cara Sou Eu. Muito perspicaz, o apresentador Miele fez uma piada ao fim da música: "esse quase sou eu".


fonte: Terra Online - 11.02.2014
TOM CAVALCANTE SE APRESENTOU NA NOITE DESTA SEGUNDA-FEIRA (10) NO MSC PREZIOSA DURANTE O CRUZEIRO EMOÇÕES EM ALTO MAR, DE ROBERTO CARLOS

Tom Cavalcante brinca com cruzeiro e homenageia Roberto Carlos
Tom Cavalcante se apresentou na noite desta segunda-feira (10) no MSC Preziosa durante o cruzeiro Emoções em Alto Mar, de Roberto Carlos. O humorista homenageou o cantor e a décima edição do evento e fez questão de encaixar em seu texto algumas piadas sobre um incidente ocorrido durante a manhã, quando um alarme falso foi disparado após uma suspeita de que alguém teria caído da embarcação. “Fiquei muito triste. Acordei assustado com aquele apito de manhã e depois me disseram que não foi minha sogra que caiu”, brincou. Mais tarde, já com o famoso personagem João Canabrava, lembrou novamente o episódio: “pulei rapidinho pra nadar”.

Roberto Carlos conversa com jornalistas em cruzeiro temático
O humorista cearense revisitou seus principais personagens e algumas imitou alguns músicos, como Lulu Santos e Cauby Peixoto. Já na reta final, se vestiu como Roberto Carlos e desceu até a plateia para entregar uma rosa ao cantor e lhe deu um beijo. “Um dos dez artistas mais importantes do mundo. Um orgulho para a América Latina”, definiu.


fonte: G1 Online - 11.02.2014
FÃS JÁ RESERVAM INGRESSOS PARA CRUZEIRO DE 2015 DE ROBERTO CARLOS
Pré-venda está sendo feita durante a viagem deste ano.
Passageiros querem ir mesmo sem saber roteiro e detalhes.
O cruzeiro temático do cantor Roberto Carlos de 2014 ainda não chegou ao fim e os fãs já estão fazendo as reservas para a edição de 2015.
No domingo (9) -- segundo dia da viagem que partiu de Santos no dia 8 e retorna no dia 12 --, às 9h30, começou a ser feito no próprio navio o cadastro dos interessados em participar na edição do “Emoções em Alto Mar” no ano que vem.
Ainda não há informações sobre a data da viagem, o roteiro ou o navio onde ela será realizada, mas isso não impediu que as mesas dos sete representantes de vendas ficassem cheias já no início do período cadastro. O importante, dizem os fãs (e, especialmente, as fãs), é navegar com o ídolo e ter o direito a escolher as melhores cabines.
“Todo ano compramos a passagem do ano seguinte no próprio navio”, contam as irmãs Marlene e Marta de Souza, de São Paulo, e a amiga Maria Arleide Iraha, de Santos. Elas estiveram em todas as edições do cruzeiro de Roberto Carlos até hoje – esta é a décima.
Os vendedores explicam que o que está sendo feito neste momento é um cadastro, e que já no início de março entrarão em contato com os interessados para confirmar a compra dos pacotes.
Segundo a produção de Roberto Carlos, cerca de metade das mais de 4 mil passagens para 2014 foram vendidas durante o cruzeiro de 2013, a bordo.
O restante se esgotou entre julho e agosto. A lista de espera tinha aproximadamente 300 pessoas. As cabines custaram entre US$ 1.735 e US$ 4.560.
Participando do cruzeiro pela primeira vez, o comerciante Eliomar Amorim e a bacharel em direito Mirian Cavalcante, de Teresina, já decidiram se apressar também. “Era um sonho nosso. Foi presente de Dia dos Namorados”, diz ela. Em 2013, eles compraram o pacote em junho, quando já restavam as últimas cabines. Agora, colocaram o nome na lista e já pensam em trazer os três filhos.


fonte: Fátima News Online - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS LIBERA MÚSICA QUE FALA DE INFERNO E DIZ ESTAR MELHOR DO TOC
Roberto Carlos, 72, contou que vai voltar a cantar a música "Quero que Vá Tudo Pro Inferno".
O sucesso de 1965 estava banido de seu repertório desde a década de 1980.
"Estou melhor do TOC [Transtorno Obsessivo Compulsivo]", revelou o cantor no cruzeiro "Emoções em Alto Mar".
A informação é da coluna Olá, assinada por Vivian Masutti e publicada no jornal "Agora" desta segunda-feira (10).


fonte: Terra - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS LANÇARÁ CD EM ITALIANO EM 2015; CANTOR EVITOU ENO DE 2013
Ainda neste ano, no mês de setembro, Roberto Carlos fará um show em Las Vegas, no MGM Arena
e a apresentação possivelmente entrará na programação de fim de ano da Globo

Na manhã desta segunda-feira (10), o empresário Dody Sirena conversou com jornalistas a bordo do MSC Preziosa para falar sobre o incidente envolvendo um alarme falso na décima edição do cruzeiro Emoções em Alto Mar. Aproveitando o encontro, ele falou sobre os projetos que o cantor lançará em breve.
Ainda neste ano, no mês de setembro, Roberto Carlos fará um show em Las Vegas, no MGM Arena. A apresentação possivelmente entrará na programação de fim de ano da TV Globo, que tem contrato de exclusividade com o cantor. O show terá cerca de 7 mil pessoas, sendo que dois mil serão formados por brasileiros que irão para lá.
Mas a agenda internacional do Rei também já conta com um projeto para 2015, um álbum em italiano e um show na Itália, que deve acontecer na cidade de Verona ou Taormina. A escolha de uma das duas cidades foge das escolhas óbvias - como Roma, por exemplo - pela vontade de Roberto Carlos de não ter nenhum carga negativa no palco escolhido, como os assassinatos e execuções em cenários históricos, a exemplo do Coliseu. Outra possibilidade, ainda em Roma, seriam as Termas de Caracalla, onde inclusive houve uma apresentação dos Três Tenores. Posteriormente descobriu-se que o local, em determinado período, era palco de orgias, o que não não deixou o cantor satisfeito com o palco.
O projeto deveria ter acontecido em 2013, mas o próprio empresário do cantor brincou com superstição de Roberto Carlos, que na hora de dar pontapé ponderou sobre o número "13": "pensando bem…", disse na ocasião.
A escolha da Itália partiu do próprio cantor, que optou pelo local em função da importância do país em sua carreira. Dado esse destaque, o projeto cresceu e passou somente de um show para o lançamento de um álbum todo cantado em italiano. Há planos de que um cruzeiro também faça parte deste projeto.


fonte: Terra Online - 10.02.2014
EM CRUZEIRO, SHOW DE ROBERTO CARLOS TEM CHAMPAGNE E CADILLAC INFLÁVEL
Show em navio reuniu 1,6 mil; Rei cantou músicas como "Detalhes", "Amante à Moda Antiga" e "Calhambeque"

Não é segredo para ninguém que os shows de Roberto Carlos seguem o mesmo formato há anos: setlist parecido, arranjos conhecidos, momentos de conversa com o público e o clímax no ritual da entrega das rosas. A fórmula serve de base também para o cruzeiro do cantor, que comemora dez anos com a viagem que começou no sábado (8) e vai até quarta-feira (12). Mas o clima da apresentação do navio é um pouco diferente: mais intimista e menos arrebatador do que o normal.
No décimo ano do Projeto Emoções em Alto Mar, Roberto faz três shows no MSC Preziosa, todos em um teatro com capacidade para 1,6 mil pessoas. Na apresentação de domingo (9), a segunda da viagem, ele subiu ao palco às 23h35, vestindo terno branco e uma gravata com detalhes em vermelho. Começou seguindo o mesmo script de sempre: cantou “Emoções” e saudou a plateia: “Que prazer rever vocês”.
Rever, neste caso, é o verbo mais apropriado, já que a maioria dos presentes no cruzeiro do Rei já viajou outras vezes com ele – algumas fãs, aliás, não perderam uma única edição do Emoções em Alto Mar. O público de Roberto conhece o formato dos shows e não se incomoda em colaborar com ele, rindo das histórias como se as ouvissem pela primeira vez e gritando a cada provocação que o cantor faz no palco.
Conforme passa pelo setlist, o cantor repete as histórias de sempre. Antes de cantar “O Portão”, conta sobre o cachorro que tinha na infância (aquele que sorriu latindo); antes de “Proposta”, fala sobre a decisão de abordar o sexo em suas letras; antes de “Lady Laura”, homenageia a mãe; antes de “Esse Cara Sou Eu”, o hit mais novo, diz que ele também está tentando ser o homem ideal. Com tudo tão programado, um pequeno erro de Roberto ao cantar “Detalhes” saltou aos ouvidos – mas ele seguiu em frente, e ninguém se manifestou.
O show incluiu canções que nem sempre entram no setlist, como a ótima “É Ilegal, É Imoral ou Engorda”, “Amante à Moda Antiga”, “Calhambeque” e “O Cadillac” (durante a qual um enorme carro inflável foi colocado no palco), além de “Comandante do Seu Coração”, que pelo tema náutico foi escolhida para encerrar a noite no lugar da tradicional “Jesus Cristo”.
A batalha pelas rosas foi antecedida pela batalha do brinde, depois que garçons entraram no teatro com 1,6 mil taças de champagne. As fã se aglomeraram em frente ao palco para fazer tintim com o Rei, já armando o circo pela luta pelas flores, que é violenta: muito aperto, gritos e pisões no pé (com salto alto, pois o figurino no navio é de festa). Desta vez, houve o adicional dos copos de champagne caindo nos vestidos.
Foi o momento em que a plateia do navio mais se pareceu com a dos shows normais de Roberto Carlos, que a vibração e a impressionante paixão do público pelo artista pôde ser sentida com mais força. Em geral, a sensação é a de que o público é mais comportado e formal no navio,talvez pela pretensa sofisticação do ambiente.
Roberto, por sua vez, está totalmente confortável no palco, cantando muito bem e sem fazer esforço, dando ao público a gostosa sensação de estar em casa. Para alegria de todos, continua o mesmo.


fonte: Terra Online - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS TIRA DÚVIDA SOBRE PIERCING ÍNTIMO E DIVERTE SEXÓLOGA

Além dos shows de Roberto Carlos, o cruzeiro Emoções em Alto Mar, que completa sua décima edição neste ano, possui diversas atividades paralelas para seus hóspedes. Nesta segunda-feira (10), a sexóloga Laura Muller respondeu dúvidas sobre sexo e contou com uma presença ilustre na sua plateia: o próprio Rei.
Ovacionado, Roberto Carlos participou da palestra e levantou duas questões, uma sobre o orgasmo feminino e outra sobre piercing nas partes íntimas.
“Sou seu fã. Eu e a torcida do Flamengo. Te acompanho no Altas Horas. Tem um amigo meu…ele canta", começou o cantor, arrancando risadas dos presentes. "A questão da ejaculação feminina. Eu já vi na televisão, mas quero saber se é mito ou realidade. Vi dois tipos na TV: um que é o esguicho e outro que é a cachoeira”, indagou, curioso e sorridente.
“Excelente pergunta”, respondeu Muller, que abordou o assunto e explicou as etapas do processo. “Algumas mulheres se lubrificam muito e esse líquido cria essa cachoeira na cama”, disse a sexóloga. “Mas o que eu vi era muito líquido”, retrucou o Roberto, causando histeria entre as fãs presentes.
Na questão seguinte, o cantor falou sobre o piercing íntimo, no clitóris. “A gente vê em todas as partes do corpo. Um amigo meu viu. O mesmo amigo. Eu queria saber se o piercing tem alguma função pra ajudar a mulher a chegar ao orgasmo. Umas dizem que sim. Ou é só um enfeite?”
“Esse piercing pode causar uma série de infecções", respondeu Muller. "A classe médica odeia, pois pode causar uma série de problemas. Algumas mulheres podem, psicologicamente, se sentir mais confiantes com a região. Mas, para muitas, acaba causando uma certa dor e incômodo”, ela explicou.



fonte: G1 Online - 10.02.2014
SUSPEITA DE QUEDA DE PASSAGEIRO FAZ NAVIO DE ROBERTO CARLOS DESACELERAR
Segundo a MSC Cruzeiros, foi 'alarme falso' e cruzeiro segue viagem.
Objeto no mar foi fotografado por um passageiro, diz a companhia.

Passageiros que viajam no cruzeiro “Emoções em alto mar”, com o cantor Roberto Carlos, foram surpreendidos na manhã desta segunda-feira (10) com um anúncio do comandante do navio MSC Precioza no sistema de alto falantes dizendo que havia a suspeita de que uma pessoa havia caído no mar. Segundo a MSC Cruzeiros, operadora no navio, foi um “alarme falso”: um passageiro fotografou um objeto no mar que poderia ser um corpo, mas a companhia operadora não confirmou. O navio reduziu a velocidade mas não chegou a parar totalmente. Ele segue de Búzios para Angra dos Reis (RJ).

Adrian Ursilli, diretor de comunição e marketing da MSC Cruzeiros no Brasil, disse que foi um “alarme falso”. Um passageiro tirou uma foto de um objeto que parecia um corpo. O comandante manobrou o navio para verificar e fez os anúncios segundo os protocolos. Em seguida, o comandante identificou que o objeto fotografado foi confundido com um corpo. De acordo com a assessoria de imprensa da companhia italiana MSC Cruzeiros toda vez que há a suspeita de queda de um passageiro no mar o procedimento de segurança inclui o anúncio do comandante para averiguação.
Por volta das 10h30 o comandante anunciou que havia a suspeita de um passageiro ao mar. Ele disse que o navio iria parar e fazer manobras para tentar confirmar e localiza-lo.
Alguns minutos depois ele se dirigiu aos passageiros novamente pelo microfone pedindo que as pessoas verificassem em suas cabines para ver se percebiam a falta de alguém. Por volta de 11h10, o comandante anunciou ter recebido a informação de que um passageiro teria tirado uma foto de “algo parecido com uma pessoa” no mar.
Dodi Sirena, empresário de Roberto Carlos, disse que o cantor ficou preocupado com o alarme e pediu para ele fazer vários telefonemas.

Dez anos de cruzeiro temático
Este é o décimo cruzeiro temático do cantor Roberto Carlos. O passeio começou neste sábado (8) e vai até quarta-feira (12), partindo de Santos e com paradas em Búzios, Angra dos Reis e Ilhabela. A programação inclui três shows de Roberto Carlos. O cantor se apresentou no sábado e na noite deste domingo (9), quando fez uma apresentação cheia de hits, que incluiu “Emoções”, “Detalhes”, “Amante à moda antiga”, “Lady Laura” e a recente “Esse cara sou eu”, lançada em 2012. No palco foi apresentado um Cadillac inflável, em alusão à música “Calhambeque”. O último show está previsto para esta terça-feira (11).
A viagem acontece em um navio da empresa MSC, o Preziosa, que estreou no Brasil nesta temporada. Os fãs pagaram entre US$ 1.735 e US$ 4.560 para embarcar.
Com capacidade para 4.345 hóspedes em 1.751 cabines, o transatlântico tem quatro piscinas, 12 jacuzzis, academia, discoteca, solarium, spa e um toboágua que é, segundo a empresa, o maior do mundo a bordo de um cruzeiro. Na primeira edição do projeto, em 2005, foram cerca de 2 mil passageiros.


fonte: Mundo do Marketing Online - 10.02.2014
SMILES DÁ BENEFÍCIO PARA O SHOW DE ROBERTO CARLOS
Clientes terão o benefício exclusivo de realizar a compra de ingressos para shows do artista usando milhas do programa,
além de um dia especial de venda

O Smiles cria uma parceria com Roberto Carlos como parte das comemorações dos 20 anos do clube de fidelidade. Com essa iniciativa, clientes Smiles poderão comprar ingressos para shows do cantor utilizando milhas. Além disso, também terão um dia exclusivo de vendas de ingressos antes da abertura ao grande público. Clientes associados ao Clube Smiles - o clube de benefícios do Smiles – terão ainda 20% de desconto na compra com milhas para os shows do Rei. As vendas serão feitas pelo site www.ingressorapido.com.br/smiles e cada consumidor poderá comprar até seis unidades utilizando suas milhas a partir de abril, dependendo da agenda de shows no Brasil a ser divulgada pelo artista. A parceria reforça o pioneirismo da empresa e colabora para a reaproximação com seu público e o crescimento da marca no mercado.


fonte: Diário 24 Horas Online - 10.02.2014
'TENHO MEDO QUE AS FÃS SENTEM NO MEU COLO', DIZ ROBERTO CARLOS EM SHOW EM CRUZEIRO

Na noite deste domingo (9) Roberto Carlos fez uma apresentação especial em alto-mar no cruzeiro "Emoções em Alto-Mar" em Búzios, no Rio de Janeiro, no navio MSC Preziosa, e interpretou vários sucessos de sua tão bem sucedida carreira.
Entre as canções do repertório estavam "Eu te Amo", "Mulher Pequena", "Detalhes" e "Lady Laura", e entre os espectadores estava o humorista Tom Cavalcanti.
Além da bela e emocionante apresentação, Roberto participou de uma coletiva de imprensa dentro do navio, e com muito bom humor, respondeu as perguntas dos jornalistas. Questionado sobre o motivo de sempre cantar em pé, mesmo em apresentações mais íntimas, o cantor riu e brincou: "Tenho medo das fãs sentarem no meu colo. O problema de sentar é depois alguém não conseguir tirar".
Sobre sua vida pessoal, Roberto preferiu manter a descrição: "Não estou namorando, namoraaando...", disse ele, mantendo o mistério. Segundo informações do site Purepeople, o artista mantem um romance secreto com a cearende Iara Andrade há mais de dez anos.
Também na coletiva, foi apresentado o livro de fotos "Roberto Carlos", com apenas 3 mil exemplares e com valor de R$ 4 mil! "A biografia escrita por mim já vai sair daqui a pouco. Nela, vocês vão ver as alegrias, tristezas. Podem ter certeza que não vou esconder nada. Eu sou a melhor pessoa para contar minha historia. Já cheguei na época dos meus 25 anos... Falta mais um pouco ainda", explicou.
O cantor ainda surpreendeu a todos revelando que um "rei", mesmo sendo "rei", também sabe cuidar da casa: Sei fazer tudo: lavar louça, roupa e passar. Já usei muito meu ferrinho de passar no início da carreira".


fonte: Mídias News Online - 10.02.2014
SHOW DE ROBERTO CARLOS EM CRUZEIRO TEM CALHAMBEQUE INFLÁVEL E BRINDE
Cantor faz 3 apresentações nos 4 dias a bordo

Quero navegar com você nos mares da emoção”, cantou Roberto Carlos para os 1.600 fãs que lotaram o teatro do navio MSC Preziosa, ancorado em Búzios (RJ). A música “Comandante do seu coração” foi escolhida por ele para começar e encerrar o show deste domingo (9) no cruzeiro “Emoções em Alto Mar”, que está completando 10 anos.
'Acompanhei de perto', diz Roberto Carlos ao lançar livro autorizado.
Roberto Carlos chega a Santos para cruzeiro com fãs pelo litoral brasileiro.
O repertório cheio de hits incluiu “Emoções”, “Detalhes”, “Amante à moda antiga”, “Lady Laura” e a recente “Esse cara sou eu”, lançada em 2012.
Em uma sequência em que o artista tocou “O Calhambeque” e “Cadillac”, as luzes se apagaram e um Cadillac inflável foi colocado no palco.
Champanhe e rosas
No final da apresentação, que começou às 23h30 e durou cerca de uma hora e meia, o cantor emendou trechos de “É proibido fumar”, “Namoradinha de um amigo meu”, “E por isso estou aqui” e “Jovens tardes de domingo”.
Em seguida, cantou em italiano “Champagne”, de Peppino di Capri, enquanto garçons serviam 1.600 taças de espumante para o público que lotava o teatro do navio. Roberto brindou com algumas das fãs que se aglomeravam na frente do palco à espera do momento que se repete em todo show do artista: a entrega de rosas para o público.
Na hora em que o cantor começou a beijar as rosas e a jogá-las, uma infinidade de mãos se levantaram em busca da lembrança. Na confusão, as fãs se empurravam e pisavam nos pés umas das outras. Uma mulher perdeu o brinco. Outra tentava catar as pétalas de uma flor que havia se despedaçado. Quem conseguia pegar uma das rosas vibrava. Em shows desse tamanho, o artista costuma distribuir de cinco a seis dúzias.
Este é o maior navio em que o “Emoções em Alto Mar” já foi realizado, e também o teatro com maior capacidade nesses 10 anos. O artista faz três shows no cruzeiro deste ano, que começou no dia 8 e vai até o dia 12. O primeiro deles foi no sábado, o segundo no domingo e o próximo será na terça-feira (11).


fonte: Cariri Notícias - 10.02.2014
'EMOÇÕES EM ALTO MAR': ROBERTO CARLOS EM 10º CRUZEIRO

Roberto Carlos a bordo do navio MSC Preziosa, onde acontece a 10ª edição do cruzeiro “Emoções em Alto Mar”, entrou descontraído e bem humorado, vestido como de costume, todo de azul, o rei não economizou palavras para expressar a gratidão e felicidade de ver mas um ano seu público em alto mar.
O cantor falou de sucessos recentes e também apesar de supersticioso e tendo deixado a música “Quero que vá Tudo pro inferno ” de escanteio desde 1980, disse que esse ano tornará a cantar essa música, afinal foi um dos seus maiores sucessos.
O rei também falou sobre a questão das biografias em torno da sua vida, disse não ser contra, mas declarou que ninguém melhor que ele para falar de sua biografia. O cantor disse que, hoje, é a favor da biografia não autorizada desde que obedeça a esse equilíbrio. “Eu me considero dono da minha história. Isso é propriedade minha. A comercialização das coisas em torno da minha história tem que passar por mim”. afirmou que ja está escrevendo sua biografia e que nada escapara da sua vida, e que os fãs saberão de suas alegrias e tristezas, momentos vivido por ele e que somente ele pode descrever.
No cruzeiro, Roberto divulgou o lançamento do livro “Collection Book”, um álbum de fotografias com 400 páginas que foi anunciado em 2009, mas que só será lançado oficialmente em abril deste ano, no mês do aniversário de 73 anos do cantor. “Fiquei emocionado porque estou revendo meu passado e reencontrando coisas que eu nem lembrava”, disse ele. O livro, que tem tiragem limitada de 3.000 exemplares, custa R$ 4.500, mas está em pré-venda no navio com “desconto especial” ao preço de R$ 4.000.


fonte: Diário 24 Horas Online - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS LAMENTA INCIDENTE ENVOLVENDO CINEGRAFISTA DA BAND EM MANIFESTAÇÃO NO RIO
O cantor Roberto Carlos comentou sobre o incidente envolvendo o cinegrafista da TV Bandeirantes, Santiago Andrade, que foi ferido ao ser atingido por um rojão na cabeça durante manifestações contra o aumento da passagem do transporte urbano no Rio de Janeiro.
"Sobre o acidente com o cinegrafista, é preciso que alguma coisa seja feita para acabar com esse vandalismo. É isso que acaba estragando o verdadeiro propósito dessas manifestações", comentou o cantor, que cobrou também uma ação mais eficaz das autoridades. "As autoridades precisam fazer alguma coisa para que não haja acidentes como este nesses eventos. Para que ninguém se prejudique como aconteceu com esse rapaz", lamentou. "Temos que respeitar o propósito dessas manifestações, são propósitos relevantes. A gente respeita porque são boas e bem intencionadas", finalizou.
Na manhã desta segunda-feira (10.2.2014), a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro anunciou a morte cerebral do cinegrafista Santiago Ilídio Andrade, da TV Bandeirantes. Andrade sofreu afundamento do crânio e foi submetido a uma cirurgia após ser levado para o Hospital Souza Aguiar, também no Centro do Rio. Desde então, estava em coma induzido no CTI da unidade.


fonte: O Dia Online - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS FALA SOBRE BIOGRAFIA E ELOGIA BEIJO GAY
No cruzeiro ‘Emoções em Alto-Mar’, Rei diz estar escrevendo sua própria história e conta ter achado elegante o final de ‘Amor à Vida’

Rio - Pareciam as velhas tardes de domingo da Jovem Guarda, mas era a 10ª edição do Cruzeiro ‘Emoções em Alto-Mar’, de Roberto Carlos. O cruzeiro do Rei zarpou sábado, de Santos (SP) — onde Roberto chegou para embarcar em grande estilo, pilotando uma Lamborghini branca — e termina quarta-feira, às 12h. Neste domingo, Roberto Carlos deu entrevista coletiva com o navio atracado em Armação de Búzios.
Da Jovem Guarda para cá pouca coisa mudou: as fãs continuam a gritar o seu nome e a cantar os seus sucessos na entrada do teatro da embarcação. Porém, um aspecto da personalidade do Rei parece ter mudado bastante. “Estou bem melhor do TOC, porque estou sentado em uma cadeira roxa e ninguém me avisou nada. Na próxima vez, deve ser marrom”, brincou o cantor.
“Estou lutando muito contra o TOC. Penso até em voltar a cantar ‘Quero que vá...’”, revelou Roberto, ainda sem mencionar o nome completo da canção ‘Quero que vá tudo pro inferno’. Descontraído, opinou sobre o beijo gay na novela das nove: “Foi feito com elegância. Vejo essas coisas com naturalidade, afinal, duas pessoas que se amam beijam na boca”.
Roberto também anunciou seus planos para 2014: um show no palco do MGM Arena, em Las Vegas (EUA), no dia 6 de setembro, um CD de músicas inéditas e o lançamento de um livro de 400 páginas, com edição de luxo e apenas 3 mil exemplares, que jamais serão reimpressos. A publicação vai custar R$ 4 mil. “Esse livro é repleto de fotos históricas, que nem eu me lembrava, junto das letras das minhas canções. Não é uma biografia. Um lançamento como esse nem precisaria da minha autorização. Mas fui consultado, adorei o projeto e me envolvi totalmente”, contou Roberto, referindo-se à polêmica das biografias não autorizadas.
“Estou escrevendo a minha biografia. Ninguém vai contar melhor a minha história do que eu. Pensam que, por ser escrita por mim, vou esconder algo, mas não. Vou escrever tudo, o que sofri e as minhas alegrias. Essa biografia, provavelmente, vai virar um filme ou uma peça de teatro no futuro”. Questionado se está namorando, Roberto abriu um sorriso encabulado e falou: “Namoraaaaaando, não estou”, deixando no ar que tem uma relação ainda não assumida.


fonte: O Globo Online - 10.02.2014
ROBERTO CARLOS: "NINGUÉM VAI CONTAR A MINHA HISTÓRIA MELHOR DO QUE EU"
Em coletiva de imprensa, cantor revela que está escrevendo uma autobiografia e fala de sua separação do grupo Procure Saber.
Sobre o beijo gay de "Amor à vida": "Os gays têm direito. Não causou problema a ninguém. Todo ser humano tem direito a ser feliz".

O Rei na entrevista coletiva em Búzios: "Não tenho lavado louça, não. Mas, se pintar, eu lavo. Não tenho problemas em fazer coisas comuns".
ARMAÇÃO DOS BÚZIOS - Solteiro, prestes a lançar um livro de fotografias com tiragem limitada e comemorando 10 anos do projeto Emoções em Alto Mar, Roberto Carlos chegou com uma hora de atraso à coletiva de imprensa que concede todo início do ano, marcada para as 17h deste domingo, no navio ancorado em Búzios, e fazendo piada.
— Acho que estou melhor do TOC (transtorno obsessivo compulsivo). Sentei numa cadeira roxa. A próxima deve ser marrom... — gargalhou.
Num papo descontraído com os jornalistas, o Rei revelou que está escrevendo uma autobiografia, falou de sua separação do grupo Procure Saber — “Não estamos tão distantes assim” —, e contou ainda que deve lançar este ano um álbum com canções inéditas. Em setembro, ele vai se juntar ao rol de estrelas do quilate de Frank Sinatra e Barbra Streisand, quando pisar pela primeira vez no palco do MGM Arena, em Las Vegas, que deve virar especial da TV Globo.


fonte: G1 Online - 10.02.2014
SHOW DE ROBERTO CARLOS EM CRUZEIRO TEM CALHAMBEQUE INFLÁVEL E BRINDE
Cruzeiro temático do artista completa 10 anos.
Cantor faz 3 apresentações nos 4 dias a bordo.

Roberto Carlos faz show em cruzeiro temático
“Quero navegar com você nos mares da emoção”, cantou Roberto Carlos para os 1.600 fãs que lotaram o teatro do navio MSC Preziosa, ancorado em Búzios (RJ). A música “Comandante do seu coração” foi escolhida por ele para começar e encerrar o show deste domingo (9) no cruzeiro “Emoções em Alto Mar”, que está completando 10 anos.
O repertório cheio de hits incluiu “Emoções”, “Detalhes”, “Amante à moda antiga”, “Lady Laura” e a recente “Esse cara sou eu”, lançada em 2012.
Em uma sequência em que o artista tocou “O Calhambeque” e “Cadillac”, as luzes se apagaram e um Cadillac inflável foi colocado no palco.
Champanhe e rosas
No final da apresentação, que começou às 23h30 e durou cerca de uma hora e meia, o cantor emendou trechos de “É proibido fumar”, “Namoradinha de um amigo meu”, “E por isso estou aqui” e “Jovens tardes de domingo”.

Roberto Carlos brinda fãs e distribui flores
Em seguida, cantou em italiano “Champagne”, de Peppino di Capri, enquanto garçons serviam 1.600 taças de espumante para o público que lotava o teatro do navio. Roberto brindou com algumas das fãs que se aglomeravam na frente do palco à espera do momento que se repete em todo show do artista: a entrega de rosas para o público.
Na hora em que o cantor começou a beijar as rosas e a jogá-las, uma infinidade de mãos se levantaram em busca da lembrança. Na confusão, as fãs se empurravam e pisavam nos pés umas das outras. Uma mulher perdeu o brinco. Outra tentava catar as pétalas de uma flor que havia se despedaçado. Quem conseguia pegar uma das rosas vibrava. Em shows desse tamanho, o artista costuma distribuir de cinco a seis dúzias.
Este é o maior navio em que o “Emoções em Alto Mar” já foi realizado, e também o teatro com maior capacidade nesses 10 anos. O artista faz três shows no cruzeiro deste ano, que começou no dia 8 e vai até o dia 12. O primeiro deles foi no sábado, o segundo no domingo e o próximo será na terça-feira (11).

Show do Roberto Carlos em cruzeiro temático teve calhambeque inflável


fonte: Boa Informação online - 09.02.2014
ROBERTO CARLOS DÁ ENTREVISTA EM NAVIO E FALA SOBRE BIOGRAFIA

Todo de azul – para não fugir à tradição -, Roberto Carlos chegou bem-humorado ao encontro que tinha marcado com a imprensa na tarde deste domingo, 9. O cantor recebeu os jornalistas a bordo do navio MSC Preziosa, na décima edição do projeto “Emoções em alto-mar”.
A embarcação, que deixou no fim de sábado, 8, o porto de Santos, chegou a Búzios, no litoral do Rio, neste domingo. No auditório reservado para o bate-papo, o Rei também foi recebido por fãs que fizeram cartazes com declarações.
Para delírio de seus admiradores, Roberto aparecer no porto de Santos pilotando um Lamborghini branco. Simpático, logo acenou para os fãs e ainda posou com o comandante do navio.


fonte: G1 Online - 09.02.2014
'ACOMPANHEI DE PERTO', DIZ ROBERTO CARLOS AO LANÇAR LIVRO AUTORIZADO
Livro do cantor terá tiragem limitada e vai custar R$ 4.500.
'Não é uma biografia', disse o artista durante cruzeiro temático.

O cantor Roberto Carlos durante coletiva de imprensa realizada neste domingo
O primeiro livro autorizado sobre a carreira de Roberto Carlos é uma edição de colecionador com tiragem limitada de 3 mil exemplares e preço de R$ 4.500.
Com mais de 400 páginas, o livro “Roberto Carlos” (Editora Toriba) foi divulgado oficialmente neste domingo (9) durante entrevista coletiva que o cantor deu na décima edição do cruzeiro temático “Emoções em alto mar”. A obra é composta por fotos da carreira do artista e entremeadas por versos de mais de 500 de suas canções.
“Não é uma biografia”, deixou claro o cantor, que depois defendeu mais uma vez o direito de opinar sobre o relato de sua vida e disse que teve total envolvimento com o processo de edição. “Nem precisava da minha autorização, mas eles me perguntaram sobre todas as fotos. Tudo que foi publicado foi visto por mim. Acho que todos deveriam ter esse cuidado”, afirmou.
O lançamento oficial do livro será em abril, mês de aniversário do cantor. O navio MSC Preziosa, onde ocorre o cruzeiro deste ano, está realizado uma pré-venda promocional ao preço de R$ 4 mil, valor que pode ser dividido em seis vezes.
Detalhismo de Roberto atrasou obra
Segundo o presidente da editora Toriba, Pedro Sirotsky, 70 reservas foram feitas nos dois primeiros dias. “O livro de colecionador é um conceito já consagrado fora do Brasil. Quando termina a edição, eles nunca mais são reimpressos. Eles são numerados, auditados e autenticados. Quem os adquire passa a fazer parte de uma confraria”, disse Sirotsky, que afirma que este é o primeiro livro do tipo no país.
O acompanhamento minucioso de Roberto Carlos acabou atrasando o processo de lançamento em 5 anos. “O Roberto é conhecido pelo detalhismo”, diz Sirotsky. “Eu sou lento mesmo”, admitiu o cantor.
Roberto Carlos voltou a afirmar que está escrevendo uma autobiografia. Ele disse que tem gravado depoimentos que serão entregues a um escritor futuramente.
“Já escrevi até os meus 25 anos. Faltam mais dois terços”, contou, rindo. “Ninguém vai contar a minha história melhor do que eu. Muita gente pensa que vou esconder alguma coisa, mas vou escrever tudo”, continuou.
Show em Las Vegas
Outra novidade anunciada na coletiva é a realização de um show de Roberto Carlos em Las Vegas, nos Estados Unidos, na primeira semana de setembro deste ano, nos moldes do concerto realizado em Jerusalém em 2011.
Os pacotes para uma semana de viagem já são comercializados no navio. O cantor disse ainda que prepara um novo disco com músicas inéditas, ainda sem data de lançamento.
Durante a entrevista, Roberto Carlos foi questionado sobre sua vida pessoal e sobre sua opinião a respeito de temas da atualidade.
Ele afirmou que não está namorando e que voltou a comer carne. Disse que as manifestações pelo país lutam por causas justas, mas são maculadas por vândalos. "Alguma coisa tem que ser feita para acabar com o vandalismo, que prejudica a ação dos manifestantes bem-intencionados", disse.
O cantor comentou ainda que gostou da cena do beijo gay da novela "Amor a Vida". "Foi feita com muita elegância. Pessoas que se amam se beijam na boca. Os gays têm direito a essa felicidade, a essa alegria que não faz mal a ninguém."
Como de costume, a entrevista coletiva foi acompanhada por 400 fãs, sorteados entre os passageiros do navio. Além disso, neste ano, pela primeira vez foram transmitidas perguntas que fãs enviaram pelo Instagram.


fonte: Extra Online - 09.02.2014
LIVRO COM FOTOS INÉDITAS E LETRAS DE ROBERTO CARLOS VAI CUSTAR R& 4.500

Roberto Carlos dá entrevista coletiva a bordo do cruzeiro MSC Preziosa
A bordo do cruzeiro Costa Preziosa, para comemorar o décimo ano do projeto "Emoções em alto mar", o cantor Roberto Carlos apresentou, neste domingo, um livro com fotografias inéditas e mais de 500 letras originais do Rei, que será lançado em abril. Impresso na Itália, a publicação, com pouco mais de 400 páginas, terá uma tiragem limitada de 3 mil exemplares e vai custar R$ 4.500, a unidade. Para os felizardos que participavam do cruzeiro, foram selecionados 500 exemplares para reserva, a um preço mais baratinho: R$ 4 mil. E até a noite deste domingo, 70 fãs já haviam garantido a reserva do seu exemplar.

Apresentação do livro de fotos de Roberto Carlos

Auditório do navio, lotado para a coletiva de Roberto Carlos
Durante entrevista coletiva, Roberto Carlos comentou a polêmica sobre sua biografia não-autorizada, escrita por Paulo Cesar de Araújo. A venda está proibida por uma decisão judicial.
- A grande questão da biografia é equilibrar o direito de privacidade e a liberdade de expressão. É preciso que isso seja muito bem estudado. Eu concordo com a biografia não-autorizada desde que ela respeite o direito à privacidade. Mas também tem uma coisa: eu me considero o dono da minha história. Um biógrafo, por melhor que ele escreva, aquilo que eu vivi é propriedade minha. Logicamente, ele tem direito à vendagem de livros, mas a comercialização da minha história não é direito do biógrafo, é um direito meu.
O cantor deu pistas de que, a partir do livro, podem surgir um musical e até um filme. Adiantou, também, que, em setembro, fará um show em Las Vegas (EUA), que vai virar um especial para a Globo, nos mesmo moldes do que foi feito com sua apresentação em Jerusalém. Ele confirmou, ainda, que já está escrevendo a sua própria biografia, mas ainda sem data para lançamento.

Roberto Carlos, todo de azul, diz estar bem melhor em relação a suas manias
- Ninguém vai contar a minha história melhor do que eu. E as pessoas acham que, por eu ser o autor, vou omitir fatos. Vou falar de tudo - garante ele.
Roberto Carlos ainda comentou sobre a cena do beijo gay entre Niko e Félix, no último capítulo de novela "Amor à vida". O cantor apoiou o desfecho do casal.
- Eu acho que a cena foi feita com muita elegância. E não me chocou. Vejo as coisas com muita naturalidade. E duas pessoas que se amam, se beijam na boca - conta ele, que também falou sobre as manifestações de rua, inclusive sobre o caso do cinegrafista da Band Santiago Andrade, ferido por um morteiro na semana passada, durante protesto na Central do Brasil: - Eu apoio as manifestações, mas alguma coisa precisa ser feita para acabar com o vandalismo, porque isso prejudica as próprias manifestações.
o Rei revelou que não está "namorando, namoraaaando", mas também não disse estar solteiro. Logo no início da entrevista, ele brincou até com o seu TOC, de que sofre há anos.
- Eu estou bem melhor do TOC, porque estou sentado numa cadeira roxa. Espero que eu continue. A próxima deve ser marrom (cor preterida pelo cantor) - se diverte ele, que usava a sua típica camisa azul.
Este ano, alguns fãs fizeram perguntas selecionadas no Instagram do artista. Uma delas deixou Roberto um pouco constrangido, mas ele rapidamente revertou a situação. Uma mulher indagou se Roberto tinha medo de alguma fã sentar no seu colo no meio do show.
- Imagina se eu tenho medo de uma fã sentar no meu colo? Vai ser difícil tirar do meu colo.


fonte: G1 - 08.02.2014
ROBERTO CARLOS CHEGA A SANTOS PARA CRUZEIRO COM FÃS PELO LITORAL BRASILEIRO
Cantor participa da décima edição do projeto 'Emoções em alto mar'.
Embarcação terá paradas em cidades do Rio de Janeiro e São Paulo.

O cantor Roberto Carlos chega ao Porto de Santos para participar de cruzeiro marítimo
O cantor Roberto Carlos chegou ao terminal marítimo de Santos às 17h deste sábado (8) em sua Lamborghini Gallardo conversível. Como de costume, cumprimentou o comandante do navio que abrigará seu cruzeiro temático e colocou o quepe na cabeça. Das varandas das cabines, os passageiros acenavam e gritavam para o cantor.
Com algumas variações, a cena se repete todo ano desde 2005, quando começou o projeto "Emoções em Alto Mar", que já levou mais de 25 mil pessoas ao longo dos últimos anos.
Em 2014, a expectativa entre os passageiros é ainda mais alta: eles esperam surpresas a bordo pela comemoração dos dez anos do cruzeiro, considerado pioneiro em viagens temáticas de artistas no Brasil. "Todas são especiais para mim", disse o cantor ao ser questionado sobre qual das viagens foi a mais marcante.

Fãs do cantor Roberto Carlos acenam de dentro do navio e são correspondidos pelo artista
Fãs do cantor Roberto Carlos acenam de dentro do navio e são correspondidos pelo artista
O passeio começa neste sábado e vai até 12 de fevereiro, com paradas em Búzios, Angra dos Reis e Ilhabela.
Desde sua inauguração, o cruzeiro temático era realizado na frota da Costa Cruzeiros. Em 2014, a viagem acontece em um navio da empresa MSC, o Preziosa, que estreou no Brasil nesta temporada.
Os fãs pagaram entre US$ 1.735 e US$ 4.560 para embarcar.
Infraestrutura
Com capacidade para 4.345 hóspedes em 1.751 cabines, o transatlântico tem quatro piscinas, 12 jacuzzis, academia, discoteca, solarium, spa e um toboágua que é, segundo a empresa, o maior do mundo a bordo de um cruzeiro. Na primeira edição do projeto, em 2005, foram cerca de 2 mil passageiros.
Fã do mar e de navegação, Roberto Carlos fará shows nas quatro noites da viagem – o teatro tem capacidade para 1.600 pessoas. Todo ano, o roteiro costuma contar ainda com apresentações de humor e de escolas de samba, missa, concurso de karaokê e aulas de dança de salão.
Também são chamados convidados famosos. Gloria Pires, Luciano Huck, Luana Piovani, Galvão Bueno e Luma de Oliveira são algumas celebridades que já pisaram a bordo desde 2005.

Navio MSC Preziosa, com capacidade para 4.345 hóspedes, que abriga a viagem temática com o cantor Roberto Carlos


fonte: Último Segundo - 08.02.2014
CRUZEIRO CONSOLIDA MARCA ROBERTO CARLOS COMO OPERADORA DE TURISMO
Pioneiro no setor, Projeto Emoções em Alto Mar completa dez anos com viagem que começa neste sábado (8);
leia entrevista com o empresário do cantor, Dody Sirena
Quando o navio MSC Preziosa zarpar do Porto de Santos na tarde deste sábado (8), dará início às comemorações dos dez anos do Projeto Emoções em Alto Mar, também conhecido como "cruzeiro do Roberto Carlos", que recebeu mais de 35 mil passageiros em 11 viagens pela costa brasileira (veja dados abaixo).
Pioneiro na onda de cruzeiros temáticos, o projeto representa um novo e lucrativo braço na carreira do cantor. Hoje, Roberto Carlos tem uma equipe que se dedica exclusivamente a projetos semelhantes, como Emoções em Jerusalém, que ofereceu pacotes para os fãs assistirem ao show do Rei no Oriente Médio.
"Somos também uma operadora de turismo voltada apenas para atender a demanda dos nossos sonhos", disse Dody Sirena, empresário de Roberto Carlos, em entrevista por e-mail ao iG.

Roberto Carlos se apresenta no cruzeiro de 2013
Foi Sirena quem criou o Emoções em Alto Mar, em 2003, atento ao potencial dos cruzeiros no Brasil. Artistas como Zezé Di Camargo e Luciano, Daniel e Roupa Nova também entraram nesse mercado que, segundo pesquisa da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos, movimentou R$ 1,4 bilhão na temporada 2010/2011, a última sobre a qual há dados disponíveis.
De acordo com Sirena, Roberto recebeu a ideia com entusiasmo porque "tem relação muito antiga com o mar". "Apesar de ter nascido em uma cidade banhada por um rio (Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo), a sua paixão pelo mar sempre foi muito grande", disse. "Tanto que, quando começou a fazer sucesso, seu primeiro investimento em lazer foi adquirir um barco ao qual deu o nome de Lady Laura, em homenagem à mãe".
Ainda segundo Sirena, para Roberto o projeto representa a oportunidade de passar cinco dias e quatro noites "no mesmo espaço" em que amigos e admiradores. "É como uma grande família, uma oportunidade única para o artista estar bem perto das pessoas que o querem bem."
Edição 2014
A viagem deste ano, realizada entre este sábado (8) e quarta-feira (12), será a primeira em um navio da empresa MSC, e não da Costa Cruzeiros. Navegar com o Rei não custa barato: desta vez, os pacotes foram vendidos com preços entre US$ 1.735 (R$ 4.128) e US$ 4.560 (R$ 10,8 mil), dependendo da qualidade da cabine.

O navio MSC Preziosa, que este ano abrigará o projeto Emoções em Alto Mar
Com paradas previstas em Búzios, Angra dos Reis e Ilha Bela, o navio tem capacidade para 4.345 hóspedes em 1.751 cabines, uma equipe de 1.388 tripulantes, sete restaurantes, cinco piscinas e a infraestrutura habitual dos cruzeiros.
Roberto Carlos fará três apresentações a bordo, todas em um teatro com capacidade para 1,6 mil pessoas. "É um show preparado especialmente para o navio", afirmou Sirena. "Roberto cuida com carinho de cada detalhe do projeto."
O cantor também ficará em contato com o público ao entregar os prêmios de um concurso de karaokê e durante uma entrevista coletiva marcada para domingo (9). A novidade deste ano é que, além de falar com jornalistas, o Rei também responderá a perguntas feitas por fãs no Instagram.
Questionado pelo iG sobre futuros empreendimentos, Sirena apenas indicou que vem mais por aí: "Sobre os novos projetos você vai saber a bordo."
Veja quantos passageiros embarcaram no navio do Rei:
Embarque
Navio
Passageiros

Fevereiro de 2005
Costa Vitória
2.008

Fevereiro de 2006
Costa Vitória
4.593 (em duas viagens)

Fevereiro de 2007
Costa Fortuna
3.116

Fevereiro de 2008
Costa Mágica
3.250

Fevereiro de 2009
Costa Mágica
3.358

Janeiro e fevereiro de 2010
Costa Concordia
6.800 (em duas viagens)

Fevereiro de 2011
Costa Serena
3.400

Fevereiro de 2012
Costa Pacífica
3.400

Janeiro de 2013
Costa Favolosa
3.400


fonte: A Tribuna Online (Santos) - 08.02.2014
PASSAGEIROS EMBARCAM PARA O CRUZEIRO EMOÇÕES EM ALTO MAR NESTE SÁBADO
O Terminal de Passageiros Giusfredo Santini terá um clima especial na tarde deste sábado, com a passagem do rei Roberto Carlos pela instalação. Ele vai embarcar para o cruzeiro Emoções em Alto Mar no navio MSC Preziosa. Junto com ele, milhares de turistas seguem para uma das viagens mais esperadas da temporada. Há quem compre o pacote com um ano de antecedência para garantir uma vaga no show, que acontece a bordo.
A chegada de Roberto Carlos está prevista para às 16h30. Ainda não se sabe como será a sua aparição. Em outras edições, o cantor já chegou guiando um Audi vermelho, um calhambeque, entre outros veículos. O cruzeiro vai durar quatro noites com escalas em Búzios, no litoral fluminense, e Ilhabela, em São Paulo. Este ano, será comemorado 10 anos do projeto.
Além do Preziosa, estão hoje no terminal o Costa Fascinosa e o Sovereign.


fonte: Diário de Pernambuco Online - 06.02.2014
ROBERTO CARLOS VAI RESPONDER PERGUNTAS DOS FÃS POR MEIO DAS REDES SOCIAIS
O rei quer ficar mais próximo dos admiradores de todo o país
Roberto Carlos quer ficar mais próximo dos fãs. O rei responderá perguntas postadas nas redes sociais com a marcação #rcresponde. Os questionamentos serão respondidos durante uma coletiva de imprensa no próximo domingo (9).
De acordo com informações da assessoria de imprensa do cantor,as perguntas fazem parte do Projeto Emoções 10 anos e as melhores perguntas serão respondidas em um vídeo, que será gravado na coletiva de imprensa
As questões e respostas serão postadas no Facebook e Instagram oficiais do artista, no período entre os dias 8 e 12 de fevereiro.
Os que se interessarem em participar e forem selecionados também ganharão um EP Roberto Carlos Remixed, autografado pelo cantor. O detalhe é que o perfil do Instagram dos fãs precisa ser desbloqueado para visualizações de imagens e vídeos.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 06.02.2014
PROCURE SABER
Principal personagem da polêmica das biografias, Roberto Carlos vai falar no domingo pela primeira vez sobre esse assunto, desde a polêmica entrevista ao “Fantástico”, em outubro do ano passado. Roberto dará uma coletiva para mais de cem jornalistas, em Búzios, no navio que fará seu cruzeiro anual. Segundo o empresário do cantor, ele “está preparado” para encarar as perguntas sobre a censura ao livro que conta sua história e a batalha na Justiça contra o autor, Paulo Cesar de Araujo. “É claro que vão perguntar sobre isso”, diz Dodi Sirena. Ele garante que não haverá assunto proibido. “Nem teria razão para isso. O Roberto sempre falou abertamente sobre essa questão”.


fonte: Rondônia Dinâmica online - 31.01.2014
ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS PODE SER GRAVADO EM LAS VEGAS
Produção deve ficar a cargo de Jayme Monjardim

SÃO PAULO - Conhecida como a cidade do pecado, lar de grandes shows e artistas norte-americanos, Las Vegas, nos Estados Unidos, pode se tornar palco para Roberto Carlos em 2014.
Isso porque o local é um dos prováveis cenários para a gravação do especial de final de ano do cantor para a Globo, segundo a coluna do jornalista Flávio Ricco.
Contudo, a ideia de quebrar a tradição e realizar a apresentação fora do Brasil ainda está sendo estudada e deve ficar sob os cuidados de Jayme Monjardim.


fonte: Boa Informação online, Paraná - 31.01.2014
ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS TERÁ SHOW INTERNACIONAL; SAIBA ONDE

A Globo já começa a pensar no próximo especial de final de ano do cantor Roberto Carlos, que no ano passado completou 40 anos como contratado da emissora e, por isso, ganhou um especial com ares de Oscar, com direito a ‘blue carpet’.
A ideia, depois do sucesso de seu show em Jerusalém, que teve até reprise na emissora, é promover outra gravação fora do país e, dessa vez, Roberto Carlos deve reunir fãs em Las Vegas.


fonte: Ego online - 31.01.2014
ROBERTO CARLOS 'CAI NA REDE' E RESPONDE FÃS PELA INTERNET
O cantor vai selecionar as melhores perguntas feitas em vídeo e conversar com internautas diretamente do navio em que faz seu cruzeiro

Esse garoto é papo firme! Roberto Carlos caiu na "rede" e no próximo dia, 9, diretamente de seu cruzeiro em um navio - que já virou tradição no início dos anos - irá responder a perguntas dos interneutas mais criativos gravadas em vídeo.
Para fazer o Rei escolher a pergunta, o vídeo deverá ser postado no Instagram com a hashtag #RCResponde. As respostas serão postadas no Facebook Oficial e os autores escolhidos vão ganhar um EP Roberto Carlos Remixed autografado.
Os vídeos precisam ser postados até o dia 05 de fevereiro. As perguntas serão respondidas a bordo do MSC Preziosa durante a coletiva de imprensa do Projeto Emoções 10 Anos, que acontece no fim da tarde de domingo, dia 9 de fevereiro.


fonte: Site Oficial RC - 31.01.2014
ANUNCIADOS OS INDICADOS PARA O PAVILHÃO DA FAMA DE COMPOSITORES LATINOS 2014

Em uma coletiva de imprensa realizada em Miami, na última terça-feira, 28 de janeiro de 2014, foram anunciados os compositores e cantores indicados para a segunda premiação do Pavilhão da Fama de Compositores Latinos (Latin Songwriters Hall Of Fame, ou LSHOF, por sua sigla em Inglês ), e seu prêmio: La Musa.
O período de votação terá início na terça-feira 28/01, e terminará à meia-noite do dia 27 de abril . Os candidatos selecionados para ingressarem no Pavilhão serão anunciado numa coletiva de imprensa no dia 28 de abril.
Abaixo , a lista completa dos indicados 2014 :
CANTORES:
Alberto Cortez (Argentina)
ROBERTO CARLOS ( Brasil )
Gloria Estefan (Cuba)
Alvaro Torres ( El Salvador)
Joan Manuel Serrat (Espanha)
Ricardo Arjona (Guatemala)
Juan Gabriel (México)
Rubén Blades (Panamá)
Gian Marco (Peru)
Willie Colon ( Porto Rico)
Juan Luis Guerra (República Dominicana)
Franco De Vita (Venezuela)

COMPOSITORES:
Robert Livi (Argentina)
Lalo Schifrin (Argentina)
Hector Ochoa Cardenas (Colômbia)
Jorge Luis Piloto (Cuba)
Alejandro Jaén (Espanha)
Rafael Perez Botija (Espanha)
Rubén Fuentes (México)
Lolita De La Colina (México)
Omar Alfanno (Panamá)
Johnny Ortiz (Porto Rico)
Rafael Solano (República Dominicana)
José Enrique " Chelique " Sarabia (Venezuela)

LSHOF : fundação sem fins lucrativos criada em Miami Beach em 2012 pelos renomados produtores musicais Rudy Perez e Desmond Child para educar, preservar , honrar e celebrar o legado dos maiores compositores latinos de todo o mundo e sua música em todos os gêneros. O Hall da Fama concede aos escolhidos o prêmio La Musa.


fonte: Yahoo - 30.01.2014
ROBERTO CARLOS DEVE SUBSTITUIR TONY RAMOS EM COMERCIAIS DE FRIGORÍFICO

Roberto Carlos, 72, foi escolhido para substituir Tony Ramos, 65, em uma famosa campanha de uma marca de frigorífico.
De acordo com informações do jornal "Diário de São Paulo", praticamente já está tudo acertado para o Rei ser o novo garoto-propaganda da empresa. Faltam apenas alguns pequenos detalhes para finalizar o contrato.
Por enquanto, ainda não foram divulgados os motivos da marca ter trocado o ator global pelo cantor em suas publicidades.


fonte: Uol Online - 29.01.2014
ROBERTO CARLOS VAI FAZER COMERCIAL NO BRASIL E SHOW EM LAS VEGAS
Substituição nos comerciais da Friboi: depois de vários trabalhos seguidos, Tony Ramos vai sair de cenapara dar lugar a Roberto Carlos. Foi tudo praticamente acertado nos últimos dias. Faltam apenas alguns pequenos detalhes.
Outra grande novidade do RC para os próximos tempos, é o seu especial de dezembro na Globo. Ao contrário do que normalmente acontece, o programa será realizado fora do Brasil. A ideia é gravar em Las Vegas. O assunto está sob os cuidados do diretor Jayme Monjardim.


fonte: G1 Espírito Santo - 27.01.2014
"ROBERTO CARLOS" VIRA PONTOTURÍSTICO EM BAR DE BEIRA DE ESTRADA NO ES
Estátua foi feita para outra cidade, mas prefeito desistiu da compra.
Peça tem cinco metros de comprimento e pesa quase uma tonelada.


Uma estátua do cantor Roberto Carlos está fazendo sucesso em um restaurante localizado nas margens da BR-259, na altura de Colatina, no Noroeste do Espírito Santo. A peça feita em homenagem ao Rei tem cinco metros de altura e pesa quase uma tonelada. Após ser rejeitada pelo prefeito de uma cidade que desistiu da compra, ela foi comprada pela proprietária do restaurante e se transformou em uma espécie de ponto turístico local.
Nascido em Cachoeiro de Itapemirim, Roberto Carlos foi homenageado no outro extremo do Espírito Santo. A estátua foi encomendada para enfeitar outra cidade do estado, mas o prefeito do município acabou desistindo da compra. Fã do cantor, a empresária e dona do restaurante, Keuda Gobetti, decidiu adquirir a peça. “Eu me lembro que tinha um programa na difusora de Colatina que tinha um programa que era o “Momento do Rei” e todos os dias minha mãe ligava. Foi aí que eu comecei a aprender as músicas e a me apaixonar pelo Rei”.
Para ela, a chegada da estátua foi repleta de emoções. “A todo momento a gente ligava para o motorista para saber em que localidade ele estava, porque a ansiedade estava a flor da pele. Muita emoção. Eu não sabia se eu chorava, se eu sorria…”, disse.
Agora, o restaurante parece ter um atrativo a mais. Com a novidade, várias pessoas param para fotografar a estátua. “Eu sou fã de Roberto Carlos, e ele é uma pessoa da nossa terra. Achei linda essa recordação aqui”, disse a promotora de Justiça, Márcia Jacobsen. Nos próximos dias, uma estátua do Cristo Redentor também vai ser colocada ao lado da de Roberto para enfeitar o pátio do estabelecimento.


fonte: Jornal do Povo on line, Paraná - 20.01.2014
O REI NA PEDREIRA? BOATO COLOCA ROBERTO CARLOS NA REABERTURA DA PAULO LEMINSKI

Pode gerar ódio de muita gente, e delírio de outros tantos, mas a primeira atração da “nova” Pedreira Paulo Leminski em Curitiba pode acontecer com um super show do rei Roberto Carlos. Desde que foi autorizada pela justiça a reabrir, os boatos de nomes de atrações vem tomando as mentes da cidade, bandas de rock, duplas sertanejas, tem de tudo um pouco no imaginário popular, mas desta vez a coisa parece séria. Funcionário do alto escalão da empresa que administra a Pedreira, DC7, sentencia: será o rei!


fonte: Expresso MT Online - 18.01.2014
CASA O NDE ROBERTO CARLOS MOROU É ARROMBADA PELA 3ª VEZ NO ES
residência de infância do cantor funciona atualmente como museu.
Nada do acervo histórico foi levado, apenas um livro de ata foi furtado.
A Casa de Cultura Roberto Carlos, que fica em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, foi arrombada durante a madrugada desta sexta-feira (17). Nada do acervo histórico foi levado, apenas um livro de ata foi furtado. Essa é a terceira vez que o museu é arrombado no período de um ano. A Secretaria de Cultura de Cachoeiro informou que já licitou um sistema de videomonitoramento para casa e que vai investigar onde o vigia responsável pela segurança do local estava no momento do incidente. O local foi casa do cantor durante sua infância.
Durante a ação, a janela foi arrombada e a porta de trás, que dá acesso ao interior da casa, foi forçada pelos criminosos, segundo a polícia. O acervo de fotos, os instrumentos e os quadros não sofreram danos. A suspeita inicial é de que os suspeitos entraram pelo portão de acesso principal à casa, que não fica trancado.
Em nota, a Secretaria de Cultura de Cachoeiro disse que há uma previsão de que até o final do mês o sistema de videomonitoramento seja instalado. Sobre o vigia, a secretaria informou que ele assinou o ponto noturno e está sendo investigado sobre onde estava no momento do ocorrido. As visitas não estão suspensas e acontecem das 7h às 13h.

A casa de Roberto Carlos
A Casa da Cultura Roberto Carlos fica na Rua João de Deus Madureira, no bairro Recanto, em Cachoeiro de Itapemirim. Ela abriga retratos e objetos que recordam a infância do rei. Em uma das paredes da residência é possível encontrar a certidão de nascimento do cantor, que morou no local com pais e irmãos até os treze anos de idade. Em 2012, também foi inaugurado o Corredor Cultural Roberto Carlos, que dá acesso ao museu.
Quem visita a casa encontra retratos, o piano em que Roberto fazia aulas na infância e o transmissor da Rádio Cachoeiro prefixo ZYL-9, primeira rádio em que o rei cantou, aos nove anos, em um programa infantil. O cantor visitou a casa em 2009 durante sua ida à Cachoeiro de Itapemirim para o show de 50 anos de carreira e disse que também pretendia fazer um acervo da Jovem Guarda lá. Além disso, a Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim chegou a investir mais de R$ 800 mil em obras de revitalização no entorno da casa.


fonte: Blog João Alberto - 16.01.2014
UM REI EM LAS VEGAS

Pela primeira vez, Roberto Carlos vai se apresentar em Las Vegas. O contrato já está assinado para um show, dia 6 de setembro, no Hotel cassino Bellagio, um dos mais luxuosos daquela cidade.


fonte: Diário Catarinense - 15.01.2014
LIVRO DO REI ESTÁ PRONTO
Revisora de Floripa disputada por poderosas editoras nacionais, Daise Carpes, está no momento em uma delas, a Toriba, finalizando o livro Rei, sobre a obra de Roberto Carlos. A equipe está finalizando a revisão nesta semana, fazendo as últimas alterações e ajustes para fechar o arquivo que será levado para impressão na Itália. Muita gente estão trabalhando na obra – só diretores de arte foram sete profissionais – e o resultado será um deleite para os fãs do Rei. Um trabalho primoroso feito por uma equipe dedicada.


fonte: Paran@shop Online - 14.01.2014
ROBERTO CARLOS INSPIRA NOVA FRAGRÂNCIA DA RACCO

"Eu sou aquele amante à moda antiga, do tipo que ainda manda flores..."- Inspirada na canção de Roberto Carlos, a Racco lança mais uma fragrância para integrar a linha de perfumes "Emoções" - desenvolvida pela marca, em 2009, em parceria com o Rei. A Deo Colônia "Emoções Rosa" é uma explosão floral leve e moderna, que transmite a delicadeza feminina.
Cultivada desde a antiguidade, a rosa é uma das flores mais populares do mundo, tornando-se sinônimo de carinho e uma marca registrada nos shows de Roberto Carlos. Na nova fragrância da Racco, a palavra é utilizada em todos os sentidos: desde a cor da embalagem e do líquido ao aroma encantador.
A fragrância requintada é exalada como cristais de rosa espalhados pela pele, com um top frutado que traz frescor e requinte com notas tropicais e adocicadas, valorizando o equilíbrio e a harmonia da mulher. As notas de saída levam bergamota, laranja, acorde verde, manga, cassis e abacaxi. O corpo é composto por um buquê de notas florais: jasmim, lírio, muguet, cravo e rosa (em homenagem ao Rei). Já as notas de fundo são quentes e adocicadas: baunilha, caramelo, sândalo, patchouli e âmbar.
A elegância das flores, alinhada com o fundo doce oriental, deixa a fragrância "Emoções Rosa" mais encorpada e robusta, com facetas de conforto e sofisticação. A nova integrante da única linha de perfumes assinada por Roberto Carlos foi desenvolvida pelos perfumistas Philippe Roques e Isaac Sinclair, especialmente para as súditas do Rei.


fonte: O Povo Online - 13.01.2014
CONFIRMADO SHOW DE ROBERTO CARLOS EM FORTALEZA
O cantor se apresenta na capital cearense no mês de abril

A “Artes e Produções”anunciou nesta segunda-feira, 13, que o Rei Roberto Carlos fará um show em Fortaleza no mês de abril.
Ainda sem data divulgada para o show, a produtora apenas confirmou pelo Facebook a presença do cantor na capital cearense. O show poderá ser realizado na Arena Castelão.
A Arena Castelão tem sido palco de muitos artistas nacionais e internacionais. No dia 26 de fevereiro, o espaço recebe Elton John com a turnê "Follow the Yellow Brock Road".


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 12.01.2014
"FURDÚNCIO" EM ESPANHOL
Roberto Carlos está em Miami, onde começou a gravar as versões em espanhol de seu EP lançado no ano passado. A grande dificuldade tem sido traduzir as letras e os nomes das cinco músicas do disco. “Furdúncio” é o maior desafio de todos. “Este cara sou eu” foi fácil: virou “Este tipo soy yo”. O disco vai ser lançado em maio, para o Dia das Mães.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 09.01.2014
PRÓXIMA PARADA
Vai ser em Las Vegas, em setembro, a próxima edição do Projeto Emoções de Roberto Carlos. A primeira versão foi em Jerusalém, em 2011.


fonte: A Tarde Online - 09.01.2014
MÚSICA DE ROBERTO CARLOSO É A NACIONAL MAIS TOCADA EM 2013
Roberto Carlos emplacou Esse Cara Sou Eu como a nacional mais tocada nas rádios

Esse Cara sou Eu, de Roberto Carlos, foi a música nacional mais tocada em 2013 nas rádios AM e FM do Brasil. A canção foi tema principal da novela Salve Jorge, da Rede Globo, e ficou em terceira na lista geral.
A campeã em execução foi 93 Million Miles, de Jason Mraz, Daly Michael e Natter Michael Lee, seguida por Don´t You Worry Child, de Axwell, Sebastian Ingrosso, Steve Angello, Michel Henry Allan Zitron e Martin John Lindstrom.
O destaque foi a ausência da música baiana na lista das 20 mais executadas. Nenhum cantor baiano emplacou na lista.
Confira as músicas mais executadas no País:
1. 93 Million Miles - Jason Mraz / Daly Michael / Natter Michael Lee
2. Don't You Worry Child - Axwell / Sebastian Ingrosso / Steve Angello / Michel Henry Allan Zitron / Martin John Lindstrom
3. Esse Cara Sou Eu - Roberto Carlos
4. Vidro Fumê - Carlos Colla / Kaliman Chiappini
5. Vagalumes - Léo Cunha / Ivo Mozart / Tomim / Adr
6. Diamonds - Storleer Eriksen Mikkel / Tor Erik Hermansen / Sai / Benny Blanco
7. Amor De Chocolate - Naldo Benny
8. Te Esperando - Bruno Caliman
9. Sogrão Caprichou - Marcia Araújo / Bruno Caliman / Luan Santana / Cristiano Savatti
10. Locked Out Of Heaven - Phillip Lawrence / Bruno Mars / R E
11. When I Was Your Man - Andrew Wyatt / Phillip Lawrence / Bruno Mars / R E
12. Show Das Poderosas - Anitta
13. Vai E Chora - Thiaguinho / Gabriel Barriga
14. I Follow Rivers - Rick Nowels / Lykke Li / Peter Bjorn John
15. A Thousand Years - David Hall Hodges / Christina J Perri
16. Quando Você Some - Victor Chaves
17. Stay - Justin Parker / Mikky Ekko
18. Fala Baixinho - Marquinho Índio / Claudemir/Diney
19. Tempos Modernos - Lulu Santos
20. Meu Novo Mundo - Chorão / Thiago


fonte: Folha de São Paulo - 03.01.2014
ECOLÓGICO
Nascido em 19 de abril, Dia do Índio, Roberto Carlos está programando um show especial na Amazônia na data em 2015. “Roberto vai comemorar o aniversário no meio da floresta e cercado de índios com espetáculo transmitido para o mundo todo”, diz Dody Sirena, empresário do cantor.


fonte: Revista Quem Online - 03.01.2014
ROBERTO CARLOS QUER FAZER SHOW CERCADO POR ÍNDIOS
cantor nasceu em 19 de abril, Dia do Índio

Nascido em 19 de abril, Dia do Índio, Roberto Carlos está programando um show especial na Amazônia na data em 2015. A informação é da colunista Mônica Bergamo do jornal Folha de S. Paulo desta sexta-feira (3).
"Roberto vai comemorar o aniversário no meio da floresta e cercado de índios com espetáculo transmitido para o mundo todo", diz Dody Sirena, empresário do cantor.


fonte: Blog do Schaun - 03.01.2014
ROBERTO CARLOS NÃO PERDEU A MAJESTADE POR TER CANTADO COM ANITTA
Seria egoísmo demais falar que só existe música boa no meu pen drive? Seria. Mas o egoísmo entre nós, humanos, é tão natural que periga ser virtude. De qualquer forma, seria puro egoísmo afirmar que no meu pen drive estão as melhores canções. Bem, já que a nata da boa música não está comigo, onde estaria então? No seu pen drive? Na playlist da Joven Pan? No escritório trancado e mofado do Belchior? Onde?
Ligue não. A gente não sabe mesmo onde estão elas, as boas canções. Por isso que os ruídos momentâneos usurpam nosso bom gosto até ficarmos egoístas, ao ponto de dizer que só existe música boa em nosso pen drive.
Muitas pessoas criticaram a participação da cantora Anitta, (a sensação de 2013 com sua única canção de sucesso Show das Poderosas) no show do Roberto Carlos, em Dezembro do ano passado na Globo. Todos sabem que o Roberto faz um show anual no final do ano na TV Globo. E nos últimos 40 anos, diversosartistas do momento cantaram com o rei.
Todas as pessoas de bom coração e bons ouvidos, (ou não) sabem da importância que o Roberto Carlos tem para com a cultura brasileira. Suas canções embalaram romances, filmes, novelas, ideias… Ele é uma lenda nacional e merece ser reverenciado como um dos maiores compositores do mundo.
A Anitta surgiu de repente. Sim, ela tem uma voz meio nasal. Sim, ela só tem uma canção. Porém, se voltarmos no tempo, quantos cantores ou bandas, que só fizeram sucesso por pouco tempo com uma canção, já cantaram com o Rei? Sim, vários, amigos e amigas. Vocês lembram bem!
Roberto é como se fosse um patrimônio nacional. Todos os brasileiros o conhecem ou sabem alguma canção dele. Ele sempre demonstrou ser um homem de paz, com bom caráter, original. Roberto Carlos é perpendicular. É rei. E o rei tem que ser justo e estar com todos.
Teoria meio besta, essa minha. Já que ele é rei, então, cante com qualquer um. Clássico bestial. Na verdade esse é o pensamento mesmo. Não que Anitta seja qualquer uma. Não aprecio a música que ela faz, mas não posso dizer que, pelo fato de O Show das poderosas não estar no meu pen drive, a música dela é ruim. Posso até dizer que é ruim, porém, é a minha opinião. E as leis que crio só eu posso seguir.
No final deste ano, Roberto Carlos fará mais um show de fim de ano na Globo. Daqui pra lá surgirão outros cantores e cantoras do momento. Um deles estará no palco cantando com ele. E criticarão de novo, dizendo que ele foi vendido para a Globo. Minha gente, isso já tem 40 anos. Se ele foi realmente vendido a Globo, possivelmente foi pago em Cruzeiros.
E outra, a Anitta não cantou tão mal assim. Já vi macacos velhos passando vergonha no palco. Alguém falou? Não, porque é politicamente correto ficar quieto quando se descobre que o mito nem sempre tem fundamento.
Fico a imaginar a seguinte cena: Rei, tu aceitarias cantar com a Anitta? Roberto:Não. Jamais. O que a sociedade iria falar? Que ele não era humilde. Que gente pior já tinha dividido o palco com ele, enfim. Uma minoria metida a intelectual iria dizer que ele tem todo o direito de cantar com quem ele quiser e que a Anitta poderia manchar a carreira dele. Ainda bem que essa minoria não fede nem cheira. Conhecem um bocadinho de Chico, Baden, João Gilberto e Hermeto Pascoal e se acham espermatozoides do Nelson Motta. Coitados…
Seria egoísmo demais falar que o Roberto Carlos não poderia cantar com a Anitta? Seria. Mas o egoísmo entre nós, humanos, é tão natural que periga ser virtude. O Roberto Carlos não deixou de ser o Rei por ter dividido o palco com uma coqueluche musical. Chega a ser ridículo a humilhação que fazem com a pobre da Anitta. Calma aí, gente. Eu não curto a música que ela faz. E isso não é orgulho. É gosto. Aprendi a ouvir boas canções e guardá-las no pen drive. Sei separar o joio do trigo. Acho que vocês também sabem, queridos. Só acho.


fonte: Pure People Online - 28.12.2013
ROBERTO CARLOS COBRA ATÉ R$ 6,5 MILHÕES PARA SE APRESENTAR EM DATAS COMO O RÉVEILLON

Roberto Carlos está faturando bastante com os shows que tem feito pelo país. Segundo informações da coluna Ancelmo Gois, do jornal carioca "O Globo" deste sábado (28), o rei está cobrando cerca de R$ 3 milhões para subir ao palco no que considera um 'dia comum'. Caso a apresentação caia em uma data especial, como Réveillon, o valor do cachê dobra e chega a R$ 6,5 milhões.


fonte: Boa Informação Online - 27.12.2013
ROBERTO CARLOS SÓ INOVA NA GRAVATA E EMOCIONA PÚBLICO

O cantor Roberto Carlos, durante o especial de fim de ano da Rede Globo
“Você continua com a mesma voz jovem e cristalina”, disse Jô Soares para Roberto Carlos. “E vamos esperar pelo menos que venham mais 40 anos!”, completou, no final de “Roberto Carlos – 40 anos. Juntos”, anteontem.
No indefectível terno branco, inovando apenas na gravata branca com bordas vermelhas, o rei diz com humildade: “Estou aqui como se fosse a primeira vez”.Na plateia, o elenco da emissora.
O primeiro convidado foi Lulu Santos. Cantaram “As Curvas da Estrada de Santos” e “Como uma Onda”.
Depois, homenagem a Tim Maia, com o ator Tiago Abravanel, e “Não Quero Dinheiro”. Juntos, cantaram “Negro Gato”, de Getúlio Cortes.
Um Roberto simpático e gentil recebeu a divertida Valdirene (Tatá Werneck), que invadiu os bastidores. Ela dependurou-se no pescoço de Roberto e arriscou cantar uma de suas canções.
Só que estava apenas dublando a funkeira Anitta.
Na sequência, Roberto, com a voz embargada, cantou “Como é Grande o Meu Amor por Você”. Com Erasmo Carlos, cantou “Meus Amores da Televisão”.
Fátima Bernardes entra em cena para entregar ao rei um troféu pelos 40 anos de especiais na Rede Globo. Roberto Carlos é agraciado com uma retrospectiva em vídeo. Foi seguramente a parte mais emocionante do especial.
Roberto sugere então um brinde ao som de “Champagne”, de Peppino di Capri. E, para encerrar: “Jesus Cristo”, com as costumeiras rosas para a plateia.


fonte: Ache Belém - 26.12.2013
ANITTA É CRITICADA POR PARTICIPAÇÃO NO ESPECIAL ROBERTO CARLOS

O especial de Roberto Carlos, “40 Anos. Juntos”, foi exibido pela TV Globo na última quarta-feira (25) e mostrou presenças ilustres como Lulu Santos, Tiago Abravanel e Anitta. Esta, por sua vez, recebeu inúmeras críticas em redes sociais, por causa da falta de técnica vocal, e pela música que foi escolhida para que o rei cantasse junto a ela.
Até mesmo o site “Momento Verdadeiro” ousou e publicou uma notícia com o título “Especial de Roberto Carlos seria melhor sem Anitta”, e dispara diretamente à Globo: “foi uma escolha infeliz da emissora”.
Contudo, vários outros internautas, sobretudo os que são fãs de Anitta, gostaram bastante da performance da cantora, que esbanjou sua beleza e elegância no palco, que também teve a presença da atriz e comediante Tata Werneck, ex-MTV e atual integrante do elenco de “Amor à Vida”, como intérprete de Valdirene.
Neste ano, o repertório de Roberto Carlos misturou alguns dos antigos sucessos, como “Fera Ferida” e “É Proibido Fumar” com hits mais recentes, como é o caso de “Esse Cara Sou Eu”.
A orquestra que acompanhou o rei era composta por músicos de alto escalão, listados a seguir: Norival DAngelo (bateria), Darcio Ract (baixo), Anderson Marquez (percussão), Elias Almeida e Paulo Coelho (guitarras e violão), Artur Borba (teclados), Luiz Ismail, Ana Lucia Heringer e Jurema Candia (coral), Nahor Gomes e João Lenhari (trompete), Jorge Berto (trombone), Clecio Fortuna (sax alto), Aurino Oliveira (sax barítono), Ubaldo Versolato (sax tenor), Todos eles comandados pelo maestro Eduardo Lages.


fonte: Blog Mundo da TV - 26.12.2013
ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS CELEBRA 40 ANOS EM BUSCA DE RENOVAÇÃO, MAS SEM GRANDES NOVIDADES

Roberto Carlos, no especial da Globo: gravata chamou a atenção
Não é difícil entender porque ano após ano Roberto Carlos se mantém entre as tradições de fim de ano na televisão. Seu especial já virou parte do calendário de parte dos espectadores e fãs mais ardorosos. É a chance de parte dos admiradores verem o cantor, que já não faz aparições tão constantes ao longo do ano em programas de auditório. Este ano, sua atração celebrou sua quadragésima edição e contou com convidados ilustres da MPB como Erasmo Carlos e Lulu Santos e revelações do humor e damúsica, como Anitta, Tiago Abravanel - desnecessariamente fantasiado de Tim Maia - e Tatá Werneck, que, aliás foi o grande destaque da noite, rendendo boas piadas com timing sempre certeiro.
É explícita a tentativa do Rei de se modernizar, o problema é que, embora a embalagem ganhe algumas alterações, o conjunto segue o mesmo. Assim como em anos anteriores, Roberto surgiu dirigindo um carro esportivo. Desta vez, o figurino incluiu uma gravata com tons de vermelho, o que chegou a render nas redes sociais maldosas comparações com as usadas por Renato Aragão nos tempos dos Trapalhões. No repertório, uma ousadia: não cantou detalhes. E, numa parceria com o Dexterz, cantou alguns de seus hits remixados, num número transformado em pot-pourri pela edição. Com Anitta, fez um mash up, misturando uma música dela com uma sua.
Num ano de ardorosas discussões em torno da liberdade de expressão e da liberação das biografias, o cantor não convidou nenhum dos integrantes da associação Procure Saber, com quem se alinhou em parte do ano. A parceria foi pressurosamente varrida para baixo do pano. Os fãs incondicionais podem não admitir, mas a imagem de Roberto já não é a mesma entre alguns de seus antigos admiradores após o surgimento desta questão.
Assim como o peru de Natal, o Rei é tradição nesta época do ano. Dificilmente será mudada. Há que se perceber, no entanto, que a renovação não ocorre com pequenos ajustes. Ou o cantor assume a ousadia e promove uma releitura de sua carreira com novas cores ou deve aceitar que seu especial na TV mostrará exatamente o que se espera dele. E que fique claro: apesar da impressão de já ter visto isso antes ou de qualquer sensação déja vú ou reprise, o programa tem seu valor.


fonte: Boa Informação Online - 25.12.2013
ASSISTIR ROBERTO CARLOS 40 ANOS JUNTOS

O Natal promete ser ainda mais emocionante com o Especial Roberto Carlos 40 anos. Juntos. Na noite de quarta-feira, dia 25, o público acompanha pela Globo o show que teve a participação de convidados especiais e de astros e estrelas. Gravado no dia 23 de novembro, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, o espetáculo celebra a parceria de quatro décadas entre o Rei, a emissora e o público. Para ter acesso à Grande Sala, os convidados passaram pelo “Blue Carpet” – tapete azul – e deram um show à parte, lembrando a noite de gala do cinema americano.
Entre as participações que dividem o palco com Roberto Carlos, Lulu Santos interpreta um de seus grandes sucessos, “Como Uma Onda”. Tatá Werneck diverte com o esquete no qual interpreta uma fã e participa de brincadeira ao lado de Anitta. Com a “poderosa”, Roberto mescla canções de sua autoria com o principal sucesso da cantora. Tiago Abravanel relembra o antigo amigo do Rei, Tim Maia, carinhosamente apelidado por ele como “gordinho”.
Representando a emissora, Fátima Bernardes entrega um presente a Roberto Carlos e apresenta um clipe com imagens inesquecíveis de diversos momentos do cantor na Globo. Entre os arquivos, imagens do Rei vestido de palhaço e de Charles Chaplin. Após a música “Champagne”, Roberto convida a plateia a um grande brinde pelos 40 anos de parceria.
Todos os artistas que se apresentam no palco estão acompanhados pela tradicional Orquestra RC, formada por Norival DAngelo (bateria), Darcio Ract (baixo), Anderson Marquez (percussão), Elias Almeida e Paulo Coelho (guitarras e violão), Artur Borba (teclados), Luiz Ismail, Ana Lucia Heringer e Jurema Candia (coral), Nahor Gomes e João Lenhari (trompete), Jorge Berto (trombone), Clecio Fortuna (sax alto), Aurino Oliveira (sax barítono), Ubaldo Versolato (sax tenor) e o maestro Eduardo Lages, responsável pela regência e pelos arranjos.
O especial 40 anos. Juntos será exibido pela Globo no dia 25 de dezembro, logo após Amor à Vida. O programa tem roteiro de Marcelo Saback e direção geral de Jayme Monjardim e João Daniel Tikhomiroff. A direção de núcleo é de Jayme Monjardim.


fonte: Boa Informação Online - 24.12.2013
ROBERTO CARLOS PEDE AUTORIZAÇÃO PARA USAR FOTO COM SÍLVIO SANTOS EM SUA BIOGRAFIA

Roberto Carlos vai lançar um livro sobre os seus 50 anos de carreira e procurou Silvio Santos para pedir autorização para utilizar uma foto dos dois juntos no palco do SBT.
A imagem mostra o Rei e Silvio em uma das participações do cantor no Troféu Imprensa. O apresentador já liberou a publicação da foto.
Em 2013, Roberto Carlos, que por anos foi contra a publicação de biografia não autorizadas, mudou de posição.


fonte: Site TV Globo - 24.12.2013
EXCLUSIVO: MARCELO ADNET GANHA ABRAÇO DO REI ROBERTO CARLOS

Mestre de cerimônia na gravação do Especial de Roberto Carlos, ator fez a alegria dos convidados famosos
Marcelo Adnet, que é mestre de cerimôninas do Especial do rei Roberto Carlos este ano, garantiu seu presentão de natal. Um abraço do cantor antes do show começar. Antes de Roberto entrar no palco, Adnet fez a alegria dos convidados e arriscou até imitar Cid Moreira e Galvão Bueno, anunciando a entrada do cantor.
Sempre engraçado, o ator e humorista brincou com a plateia e até fez graça com o "aquário" onde fica o baterista da orquestra de Roberto Carlos.
Neste ano, o especial do Rei celebra os 40 anos de parceria entre Roberto Carlos e a Globo. Além de convidados e elenco da emissora na plateia, o espetáculo conta com participações especiais como Lulu Santos, Tata Werneck, Anitta, Tiago Abravanel, Erasmo Carlos e Fátima Bernardes.
'40 anos Juntos' será exibido amanhã 25 de dezembro, logo após 'Amor à Vida'. O programa tem direção de núcleo de Jayme Monjardim, direção geral de João Daniel Tikhomiroff e roteiro de Marcelo Saback.


fonte: O Dia - 24.12.2013
ATÉ A 'PODEROSA' ANITTA TREMEU NA BASE DIANTE DE ROBERTO CARLOS
Cantora ficou nervosa na gravação do especial do Rei, que vai ao ar amanhã à noite

Rio - Até mesmo as celebridades tremem na base quando ficam frente a frente com Roberto Carlos. E Anitta não escondeu o nervosismo ao dividir o palco com o Rei durante a gravação do especial ‘40 anos. Juntos’, na Cidade das Artes, que vai ao ar amanhã, após ‘Amor à Vida’ e celebra a parceria de quatro décadas do artista com a Globo.
“Estou tremendo, bem nervosa. Mas muito feliz de estar aqui. É uma honra”, disparou Anitta, que dublou Tatá Werneck em ‘Força Estranha’ durante uma brincadeira que a atriz fez com o músico.
Anitta ficou nervosa e desafinou. Mas ganhou elogio do Rei: ‘Poderosa, com certeza absoluta’, disse ele
Tamanho nervosismo fez Anitta repetir com o Rei o inusitado número musical que juntou ‘Show das Poderosas’ e ‘Se Você Pensa’. A cantora confessou que quase desafinou cinco vezes, mas que estava se sentindo o máximo. Roberto, que fez o gesto de ‘babando’ para a carioca, fez um afago ao ego da morena: “Poderosa, com certeza absoluta.”
Diretor de núcleo do especial, Jayme Monjardim explicou os detalhes tão pequenos do programa: “O especial está lindo. O cenário é de cair o queixo. A gente fez uma coisa bem Oscar para celebrar esses 40 anos. Tem esse casamento Roberto Carlos e TV Globo, que é incrível. Tem também a participação de todo o elenco da casa. Esse especial é muito quente, humano, bacana. E tem a típica e tradicional homenagem que a gente faz a quem fez muito sucesso no ano, que, nesse caso, foi a Anitta.” Jayme, que também dirigiu o show de Roberto Carlos em Jerusalém, adiantou que no próximo ano o especial do cantor vai ser gravado em Las Vegas.
Lulu Santos, Tiago Abravanel e o parceiro Erasmo Carlos também participaram do show. E só quem é amigo de fé e irmão camarada de Roberto pode fugir das exigências do Rei e usar preto. Foi exatamente o que fez o Tremendão. “Só ele se atreve a vestir preto para cantar comigo”, brincou o Rei. A dupla cantou ‘Além do Horizonte’ junta.
A noite também rendeu declarações de amor a Roberto Carlos. Um dos jurados do ‘The Voice’, Lulu Santos não conteve a emoção e garantiu que sua carreira foi motivada pelo capixaba. “Meu Rei, a gente se conhece desde os meus 21 anos de idade. Fui escalado para tocar sintetizador em 1974 na sua orquestra. Você sempre me tratou com respeito. Mas, antes disso, meu tio Haroldo me levou ao programa ‘Jovem Guarda’ e, desde lá, decidi ser quem eu sou. Sua carreira e sua música se confundem com minha vida. Acho que estou sonhando. Me belisca? Muito obrigado, Rei”, declarou o carioca, que, após incentivar a plateia a gritar “Rei, Rei Rei, Roberto é nosso Rei”, soltou um sonoro ‘eu te amo’ para Roberto.
Por falar em amor, parece que o Rei está mesmo apaixonado. Antes de cantar ‘Esse Cara Sou Eu’, ele — que, embora não assuma, estaria namorando há dez anos a produtora de eventos cearense Iara Andrade — deixou escapulir: “Essa música é sobre o cara que toda mulher gostaria de ter, que todo homem gostaria de ser. O cara que eu tento ser. Um dia ainda chego lá.” No último verso da canção, Roberto ainda disse: “Na verdade, esse cara é todo cara que ama verdadeiramente. Esse cara que eu estou tentando ser.”
A festa ainda contou com a presença de Marcelo Adnet, que animava a plateia com improvisos, e dos DJs Memê, Felipe Venâncio, Mau Mau e a dupla Dexterz. Eles apresentaram as músicas do ‘Roberto Carlos Remixed, EP com cinco sucessos do Rei em versões eletrônicas. Quase no fim do espetáculo, Roberto foi surpreendido por Fátima Bernardes no palco. Representando a TV Globo, a apresentadora exibiu um clipe com imagens de diversos momentos do capixaba na emissora. Fátima ainda presenteou o Rei com um troféu.
No final do evento, Roberto brindou com os convidados durante a música ‘Champagne’, de Pepino di Capri. Susana Vieira, Mateus Solano, Paolla Oliveira e Carol Castro eram alguns dos nomes que estavam na primeira fila do show. A apresentação foi encerrada com ‘Jesus Cristo’. Nesse momento, o cantor distribuiu as já tradicionais rosas vermelhas e brancas para a plateia, e deixou seu recado de fim de ano: “Que 2014, o ano da Copa no Brasil, seja de muitas vitórias. Feliz Natal. Feliz Ano Novo. Que Deus nos abençoe.”


fonte: O Globo Online - 22.12.2013
ROBERTO CARLOS LANÇA DISCO COM HITS REMIXADOS POR DJS
Depois de embalar antigos sucessos em álbuns ao vivo, tributos e duetos, o Rei completa dez anos sem um álbum de inéditas

· · Segundo seu empresário, Roberto Carlos segue buscando novos temas, mas lista de projetos que esperam lançamento é grande
RIO - No jargão da indústria musical, “projeto” é como se chama um disco que não é de material inédito, que pode ser ao vivo, temático, com convidados, conforme a criatividade do artista. Roberto Carlos, por exemplo, curte um projeto: neste ano, com “Roberto Carlos remixed”, em que DJs como Memê, Mau Mau e Felipe Venancio rearranjam clássicos como “Fera ferida” e “É proibido fumar”, o Rei completa uma década desde seu último disco “de carreira”, ou de inéditas: “Pra sempre”, de 2003, era praticamente todo dedicado a músicas novas (tinha uma regravação, “Seres humanos”, mas as outras nove faixas eram inéditas — sendo “Acróstico”, uma homenagem à mulher do cantor, Maria Rita, morta de câncer em 1999, a que ficou mais conhecida). De lá para cá, afora EPs — discos com quatro ou cinco músicas, nos moldes do velho compacto duplo — como o megassucesso “Esse cara sou eu”, de 2012, os projetos se enfileiraram, com discos ao vivo diversos (o mais badalado foi o gravado em Israel, também em 2012), trabalhos temáticos como “Elas cantam Roberto” (2009) e “Emoções sertanejas” (2010) e a homenagem a Tom Jobim ao lado de Caetano Veloso, de 2008.
Apesar da regularidade dos discos a cada fim de ano — assim como o especial da TV Globo, marcado para a noite do dia 25, quarta-feira —, o empresário do Rei, Dody Sirena, esclarece que ele não tem obrigação contratual de colocar um produto nas prateleiras a cada dezembro.
— Em 1994, Roberto Carlos criou o selo Amigo Records e passou a ser dono e comandar sua obra e decidir quando, o que e como quer lançar seu trabalho, sem obrigatoriedade com qualquer empresa — diz Dody. — A Sony Music (antiga CBS) faz parte da família do RC desde o início da sua carreira e tem a responsabilidade da comercialização e distribuição de todos os lançamentos da Amigo Records e de todo o catálogo destas mais de cinco décadas. Eu sou um entusiasta de projetos especiais, seguindo os exemplos de Sinatra, Pavarotti e outros grandes nomes no auge da popularidade. É muito interessante trabalhar com um artista com mais de 50 anos de trajetória que ainda tem muitos projetos a realizar e que nos surpreende com inspiração em obras como “Esse cara sou eu”.
Tendência do mercado
Segundo ele, ainda existem muitos outros projetos na fila. E o próprio “Remixed” esperou um longo tempo para sair do papel.
— Ele foi concebido há mais de dez anos — conta o empresário. — Por não ser do perfil do Roberto uma superexposição, ficamos esperando um momento adequado. Muitos artistas fazem versões mais dançantes de suas músicas, é uma forma de revitalizar obras significativas, permitindo que novas gerações conheçam essas obras. Em 2012, com o enorme sucesso de “Esse cara sou eu” na novela da Gloria Perez (“Salve Jorge”), começou a se pensar num lançamento em formato EP. Roberto era entusiasta da ideia, apesar da resistência do meio fonográfico, mas o resultado foi mais do que positivo. E agora este novo EP segue a tendência do mercado.
Segundo o mercado, o grande concorrente do Rei nas lojas neste Natal é o Padre Marcelo Rossi, marcando presença justamente com um EP, “Já deu tudo certo”. Os dois discos custam em torno de R$ 10, nos formatos físico e digital.
— É tradição não só no Brasil, mas em muitos países, lançar produtos na época do Natal — justifica Dody. — O público do Roberto está acostumado a presentear familiares e amigos com seus discos, e ficamos felizes de estar ao lado de outros artistas.
O público, então, pode esperar por novos projetos do Rei.
— Temos alguns aguardando para ser lançados, como o DVD “Emoções em alto mar”, o CD e DVD “50 anos de música”, com base no show do Maracanã (em 2009), o “Duetos volume 2”, em que ele canta “O sole mio” e “Ave Maria” com Luciano Pavarotti, e, se pensar um pouco mais, posso listar muitos projetos, pois Roberto é um artista com uma obra muito grande — avalia o empresário.
Mas e as novidades?
— Como todo artista, ele está sempre com alguma ideia, buscando um novo tema, criando aquela que ele acha que será a sua grande música.
Enquanto isso, os projetos — sempre eles! — pipocam no reino do cantor capixaba de 72 anos.
— Recentemente a Sony levantou a possibilidade de lançar caixas de LPs, e estamos pensando nisso — revela Dody.
Afinal, haverá sempre um milhão de amigos.


fonte: PB Agora Online - 21.12.2013
ENCONTRO DO REI COM PÂMELA BÓRIO: TIETAGEM E EQUÍVOCO

O show do cantor Roberto Carlos em Campina Grande, no último dia 7, registrou um inusitado fato nos bastidores do Spazzio. Como é natural, logo após a apresentação do "Rei" na casa de espetáculos, o camarim do artista foi alvo de várias tentativas de incursões por parte de abastados fãs. Como ocorre geralmente nesses casos, o processo de seleção foi rigoroso: apenas algumas pessoas tiveram acesso e sob a recomendação de não entrar no local com câmeras fotográficas.
Após intensa negociação nos bastidores, a primeira-dama do Estado, Pâmela Bório, conseguiu acesso ao camarim do astro e, sob o olhar de censura dos assessores do artista, ainda tirou uma câmera da bolsa após entrar no ambiente. Mas isto nem de longe foi o que causou mais impacto.
Visivelmente radiante com a chance de contato direto com o "Rei", Pâmela foi logo se apresentando:
- Oi, Roberto. Prazer! Sou Pâmela, esposa de RC...
Com ar de surpresa e um sorriso contido, o artista perguntou à jornalista e tiete, baixinho:
- Esposa de RC...de Roberto Carlos?!
Dando-se conta da confusão gerada pelas iniciais, Pâmela tratou de esclarecer, entre risos:
- Não, homem! De RC, Ricardo Coutinho, o governador da Paraíba...sou a primeira-dama do Estado.
Mantendo a elegância de um sorriso calculado, o artista foi lacônico na resposta:
- Ah, tá...
Segundos depois, posou ao lado da primeira-dama e esposa do outro RC para uma foto histórica, tirada por seu fotógrafo oficial.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 19.12.2013
EP "REMIXED" DE ROBERTO CARLOS ESTÁ FORA DE SINTONIA COM PÚBLICO DO 'REI'

Resenha de EP Título: Remixed Artista: Roberto Carlos Gravadora: Sony Music Cotação: * * A vultosa tiragem inicial de 300 mil cópias de Remixed - o EP que reúne cinco remixes de sucessos de Roberto Carlos - deixa claro que a gravadora Sony Music alimenta esperanças de que o disco possa roçar ou mesmo repetir o fenomenal sucesso comercial do EP Esse cara sou eu (2012), campeão de vendas do mercado fonográfico brasileiro no ano passado. Vai ser difícil... Posto nas lojas no início deste mês de dezembro de 2013, o EP Remixed chega às lojas com ar de disco velho. O projeto teria mais sentido e peso em 2002 quando, aliás, Roberto inseriu dois remixes - um de Se você pensa (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1968) e outro deO Calhambeque (Road dog) (John Loudermilk e Gwen Loudermilk em versão de Erasmo Carlos, 1963) - no álbum que lançou naquele ano. Em 2002, tudo ainda poderia soar como novidade. Onze anos depois, Remixed soa como um disco produzido - pelo DJ Felipe Venâncio, sob a direção de Dody Sirena, empresário de Roberto - para cumprir contrato enquanto o cantor não lança (se é que ainda vai lançar...) o disco de inéditas que promete há sucessivos anos. Fora de sintonia com o espírito de um disco de atmosfera em tese jovial, a capa azul de Remixedtraduz na embalagem tradicional o conservadorismo de Roberto. Um apego excessivo às tradições que vem fazendo com que sua obra soe embalsamada desde os anos 1990. E não serão estes cinco corretos remixes - com menção honrosa para a vibrante transposição de Se você pensa para as pistas pelo time formado pelos DJs Erick Morillo, Harry Romero & Jose Nunes - que vão alterar o status dessa obra. Aliás, Remixed corre o risco de ser rejeitado tanto pela plateia jovem que frequenta baladas - antenada com as últimas tendências da cena dance- quanto pelo público idoso que compra os discos de Roberto. Público, aliás, tão conservador quanto seu Rei. Texto enviado pela gravadora Sony Music com a edição promocional de Remixed alardeia que as versões para as pistas de hits do cantor vem fazendo sucesso nos cruzeiros capitaneados por Roberto. Sim, pode até ser que, ao vivo, numa festa pós-show, a execução desses remixes surta algum efeito. No CD-player da casa, tais remixes soam meramente curiosos. Se o DJ Felipe Venâncio cria sua versão house para O portão (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1974), diluindo a melancolia embutida na canção, o DJ Memê usa toda sua experiência para jogar Fera ferida (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1982) na pista na versão Club mix que já vem sendo ocasionalmente apresentada nos shows de Roberto desde 2012. Umas das referências do som techouse nativo, o DJ Mau Mau injeta suingue no rockabillyÉ proibido fumar (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1964), hit seminal do cantor na fase pré-Jovem Guarda. Completa o EP o moderno remix de É preciso saber viver (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1968) feito por Dexterz, o trio paulista de música eletrônica formado por Julio Torres, Amon Lima e Junior Lima. Enfim, a embalagem déjà vu de Remixed é o maior indício de que o EP que joga o Rei na pista não é o que poderia ser. É o que permite ser esse cara chamado Roberto Carlos, atualmente dedicado a reciclar a obra genial que criou de 1963 a 1983. É um caso de apego excessivo às suas tradições que não, já não tem solução.


fonte: O Tempo Online - 17.12.2013
FORBES TRAZ A LISTA DAS 100 CELEBRIDADES MAIS INFLUENTES DO BRASIL

No topo da lista está Pelé, seguido por Paulo Coelho e Neymar. A top Gisele Bündchen ficou em quarto lugar e o cantor Roberto Carlos, em quinto.
A edição de dezembro da Forbes Brasil, pela primeira vez, reúne uma lista de celebridades mais influentes do Brasil. Os critérios de escolha ficaram por conta de atributos como fama, dinheiro e poder.
O Brasil segue mesmo sendo o país do futebol: entre tantos talentos o rei Pelé ocupa o primeiríssimo lugar seguido de Paulo Coelho e Neymar. A top Gisele Bündchen e o idolatrado cantor Roberto Carlos ficaram, respectivamente, na quarta e quinta posição.
A lista dos 100 mais influentes segue com alguns nomes importantes e famosos como Ivete Sangalo, Faustão, Luciano Hulk e sua mulher e apresentadora Angélica. O fenômeno atual Anitta também está presente entre os mais influentes e é destaque por ser a celebridade mais jovem da lista. A estrela mais popular do Facebook com 24,5 milhões e do Twitter 17,4 milhões de seguidores é o jogador de futebol Kaká que atualmente defende o Milan.
Veja abaixo os trinta primeiro nomes da lista:
1° Pelé
2° Paulo Coelho
3° Neymar
4° Gisele Bündchen
5° Roberto Carlos
6° Ronaldo Fenômeno
7° Ronaldo Gaucho
8° Kaká
9° Ivete Sangalo
10° Silvio Santos
11° Fausto Silva
12° Mauricio de Souza
13° Luciano Hulk
14° Luiz Filipe
15° Fernanda Montenegro
16° Alessandra Ambrósio
17° Xuxa
18° Felipe Massa
19° Ana Maria Braga
20° Gilberto Gil
21° Milton Nascimento
22° Chico Buarque
23° Caetano Veloso
24° Romero Britto
25° Michel Teló
26° Alex Atala
27° Rodrigo Santoro
28° Gloria Pires
29° Erasmo Carlos
30° Luan Santana


fonte: O Globo - 15.12.2013
ISSO É INCRÍVEL
Autor da biografia de Glória Pires, Eduardo Nassif escreve agora sobre Chacrinha. Em suas entrevistas para o livro, Nassif conseguiu um feito raro, ainda mais em se tratando de bioagrafia: foi recebido por Roberto Carlos e sua casa, na Urca, para gravar o depoimento do cantor.


· · · · · · · ·
fonte: Pure People Online - 15.12.2013
FERNANDA MONTENEGRO RECEBE TROFÉU MÁRIO LAGO DAS MÃOS DE ROBERTO CARLOS

O ano tem sido de grandes vitórias para Fernanda Montenegro. Após ganhar o Emmy de Melhor Atriz pelo especial "Doce de Mãe", a atriz recebeu o Troféu Mário Lago das mãos de Roberto Carlos, no "Domingão do Faustão", na gravação deste sábado (15). O cantor foi o homenageado de 2012.
Ao entrar no palco, a veterana foi aplaudida de pé pela plateia. "Esta é uma mulher extraordinária, uma pessoa emblemática deste país. A primeira atriz brasileira a ser indicada a um Oscar, a primeira a ganhar o maior prêmio da televisão mundial. São 30 filmes, 24 peças e mais de 40 trabalhos em televisão. Num país carente de exemplos na arte e na vida, aqui está uma figura que nos motiva e nos enche de esperança", disse o apresentador Fausto Silva sobre Fernanda Montenegro.
Ao receber o prêmio, a atriz fez questão de dividir a homenagem com os colegas de profissão com mais de 80 anos.
"Peço licença aos que ainda não chegaram aos 80. Existe um grupo formado por vários atores da Globo, como Nathalia Timberg, Lima Duarte, Laura Cardoso, Eva Todor. Aproveito este momento e quero lembrar esses decanos, dos 80 para cima, é um privilégio trabalhar com alegria, com inteligência. Isso não é muito comum em outras profissões deste país".
Na sequência, atores que já receberam o troféu entraram no palco para prestar suas homenagens a Fernanda. Tony Ramos, Lima Duarte, Glória Menezes e Gloria Pires lembraram trabalhos anteriores com a atriz. A mãe de Cleo Pires
se emocionou ao falar de um passeio que elas fizeram juntas por Atenas, quando gravaram a novela "Belíssima", em 2004.
Além destes, amigos pessoais de Fernanda Montenegro também deram seus depoimentos sobre a atriz. Edson Celulari, Marcello Anthony, Julia Lemmertz, Alexandre Borges, Mariana Ximenes, Maitê Proença, Vera Fischer, Andrea Beltrão, Aracy Balabanian, Rosamaria Murtinho e Nathalia Timberg foram alguns atores que marcaram presença na homenagem.
Depois, foi a vez dos filhos Fernanda Torres e Cláudio Torres, dos atores Eva Todor, Francisco Cuoco e Manoel Carlos enviarem suas mensagens por vídeo. Fernando Torres, marido da atriz, também foi lembrado com uma exibição de um depoimento antigo no qual ele se declara para a esposa. "É como se você fosse o ar que respiro", disse Fernando no depoimento.
Já emocionada, Fernanda Montenegro foi às lágrimas com a chegada de Roberto Carlos, que entregou o Troféu Mario Lago 2013 à atriz. "Eu tenho a honra e o privilégio de entregar o 'Mario Lago' para essa grande mulher. Na sua plateia, Fernanda, eu estou na poltrona número 1, na fileira A", brincou o cantor, que teve a companhia da atriz na música "Emoções". "Eu sei essa letra de cor, mas a emoção é tão grande que me esqueci. Na próxima vez a gente ensaia", disse ela.







fonte: Surgiu Entretenimento Online - 14.12.2013
LUAN SANTANA DIZ QUE SEU GRANDE SONHO É CANTAR COM ROBERTO CARLOS
O cantor relembra sua trajetória e garante: ‘Se parar de sonhar, paro de viver’

c
O programa Viva o Sucesso do canal pago Viva, da Globosat, mostrou um apanhado da carreira de Luan Santana, com direito a cenas dos shows e entrevista exclusiva.
O cantor de Meteoro repassou seu histórico de sucesso e revelou que ainda tem muitos planos e desejos à realizar e um deles é um dia cantar com o Rei. "Se parar de sonhar, paro de viver. Tenho vários sonhos, entre eles, o de cantar com o Roberto Carlos, meu ídolo. Mas o principal é continuar levando minha música. Quero atingir o maior número de pessoas possível com minhas canções".
Com apenas 22 anos, Luan é um dos campeões de execução nas rádios de todo o Brasil. Ele já vendeu 3,5 milhões de CDs e DVDs e sua popularidade é inquestionável. Atualmente ele tem mais de 12 milhões de seguidores nas redes sociais e esse número cresce a cada dia.
Toda essa popularidade não faz com que o jovem encare com naturalidade a histeria das fãs. Ele ainda se surpreende com tanto amor e dedicação. "Essa loucura, essa histeria toda... Nunca imaginei todo esse esforço e sacrifício que elas fazem por mim. Pessoas acampando na frente dos shows, chegando cedo, debaixo de chuva, sem comer. Me preocupa, mas me emociona demais", declarou.


fonte: Ego Online - 12.12.2013
ROBERTO CARLOS É AVÔ PELA SEXTA VEZ, AGORA DE MAIS UMA MENINA

Cora Mei Braga Isaja é filha de Luciana Braga, filha caçula do cantor, e nasceu no dia 1 de novembro, mas anúncio oficial só foi feito agora..
Roberto Carlos não poderia ter melhor presente de Natal. O cantor é avô pela sexta vez. No dia 1 de novembro nasceu Cora Mei Braga Isaja, a mais nova neta do Rei, filha da caçula Luciana Braga com o marido Piero. Luciana já é mãe de Ava, de 3 anos. O anúncio oficial só foi feito nesta quinta-feira, 12, pouco mais de um mês após o nascimento da menina.


fonte: Cruzeiro do Sul Online - Sorocaba - 12.12.2013
ROBERTO CARLOS LANÇA EMPREENDIMENTO DE 3 TORRES NO CAMPOLIM
Serão três prédios: um hotel, um residencial e um para salas comerciais e lojas
Hotel terá 12 pavimentos.

A incorporadora Emoções, que tem o cantor Roberto Carlos como sócio, lançará no ano que vem em Sorocaba o empreendimento imobiliário Horizonte Diamond, com investimento de aproximadamente R$ 100 milhões. Serão três prédios: um hotel, um residencial e um para salas comerciais e lojas. O terreno tem 8.178 metros quadrados e fica entre as avenidas Antônio Carlos Comitre e Mário Campolim, Parque Campolim, ao lado da lanchonete McDonald"s. O projeto das três torres, do arquiteto Itamar Berezin, está em fase de conclusão e deve ser apresentado nas próximas semana à Prefeitura, para análise e aprovação.
Roberto Carlos deve comparecer no lançamento do Horizonte Diamond, previsto para o primeiro semestre de 2014. Ele esteve em Sorocaba no dia 27 de setembro para show na sede campestre do Clube União Recreativo. No dia 25 de julho, Roberto lançou o Horizonte Jardins Offices & Hotel, em Aracaju, Sergipe. A incorporada, que tem como sócios, além do cantor, os empresários Ubirajara Guimarães, Jaime Sirena e Dody Sirena, tem plano de investir R$ 1 bilhão em quatro anos.
De acordo com o empresário Jaime Sirena, o hotel terá 12 pavimentos, o edifício residencial 27 e o edifício de escritórios 22, com seis lojas no térreo. Como o projeto está sendo finalizado, ainda não há desenho disponível para divulgação, mas deverá seguir linhas e padrões de outros empreendimentos da incorporadora, com predominância de tons de azul, preferida do rei. Marrom, nem pensar.
Região valorizada
A partir da aprovação do projeto na Prefeitura de Sorocaba, a incorporadora fará o lançamento no primeiro semestre e a obra deve começar ainda em 2014. O tempo de construção será de 30 meses e o Horizonte Diamond deve ser entregue entre 2015 e 2016, segundo Jaime Sirena. Ele lembra que a região do Campolim vem recebendo grandes investimentos, como o shopping Iguatemi Esplanada, e a localização do complexo foi bem escolhida.
O nome Horizonte Diamond leva em consideração o terreno, em forma de diamante, diz Sirena. O nome provisório era Horizonte Campolim. O hotel ainda não tem bandeira definida, conforme o empresário.
Outras obras
Em São Paulo, no Itaim Bibi, está sendo construído o Horizonte JK, cujos apartamentos já foram todos vendidos. Outros dois empreendimentos foram lançados: o Coletanea Office Square na Vila Carrão, em São Paulo e o Horizonte Jardins Offices & Hotel, em Aracaju. Mais dois devem ser lançados em breve: o Coletanea Vital Brasil, no Butantã, e o Residencial Unifamiliar, em Barueri. O Horizonte Diamond, previsto para ser lançado em Sorocaba no ano que vem, tem maior área.


fonte: SITE OFICIAL RC - 09.12.2013
CORA MEI BRAGA ISAJA, chegou ao mundo no dia 1º de novembro de 2013.
Neta caçula de Roberto Carlos, Cora é a segunda filha de Luciana Braga e Piero Isaja, já pais da pequena Ava de 3 anos.
Mamãe e bebê estão ótimas e se preparam para um Natal maravilhoso em família.


fonte: Pure People Online - 09.12.2013
ROBERTO CARLOS VAI PASSAR O REVEILLON SEU APARTAMENTO, EM MIAMI, NOS EUA

Roberto Carlos vai curtir a virada do ano com a família em seu apartamento, em Miami, nos Estados Unidos. Em conversa com a revista "IstoÉ", o empresário do cantor, Dody Sirena, declarou que o Rei está contente com o imóvel fora do país. "Ele está todo feliz com seu apartamento lá", disse.
Ainda segundo o empresário, Roberto não aceitou uma proposta da TV Globo para fazer uma minissérie sobre sua vida. "Eles ofereceram milhões, mas Roberto não quis. Agora, ele próprio anunciou que fará a trilogia. Vai lançar biografia, depois vem o cinema e aí uma minissérie na tevê", explicou.
Na entrevista, Dody deixou claro que Roberto e Caetano Veloso voltaram a ser amigos após a polêmica sobre biografias. "É uma amizade antiga. Roberto ficou muito sensibilizado depois queCaetano pediu perdão público". Recentemente, Caetano usou a sua coluna no jornal "'O Globo" para criticar a postura de Roberto Carlos em relação ao assunto.
Sobre a vida pessoal, Roberto Carlos parece viver um bom momento. De acordo com uma fonte do Purepeople, ele está namorando a cearense Iara Andrade. O relacionamento já dura dez anos. "Ela é louca por ele, dedica sua vida ao Roberto. Ele também gosta muito dela, então, está na hora de assumir", disse uma pessoa próxima do casal.


fonte: G1 Pernambuco Online - 06.12.2013
ROBERTO CARLOS SE APRESENTA NESTA SEXTA-FEIRA (6) EM CARUARU, NO AGRESTE
‘Rei’ cantará sucessos a partir das 23h, na casa de shows Palladium.
Apresentação contará com a presença de uma orquestra e de um coral.

O cantor Roberto Carlos se apresenta nesta sexta-feira (6) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O Rei, como é conhecido, cantará sucessos na casa de shows Palladium, a partir das 23h.
Roberto Carlos fará um show repleto de sucessos, entre eles, “Amor perfeito”, “Como é grande o meu amor por você”, “Detalhes”, “Lady Laura” e “Esse cara sou eu”, premiado como Melhor Canção Brasileira pelo Grammy Latino deste ano. A apresentação contará ainda com a presença de uma orquestra e de um coral que acompanham os shows do cantor.
Os ingressos estão sendo vendidos na Banca Terceiro Mundo e no site Ingresso Rápido. Estudantes e idosos pagam meia entrada. A casa de shows Palladium fica no Bairro Nova Caruaru, às margens da BR-104. A classificação indicativa da apresentação é 16 anos


fonte: Diário de Pernambuco Online - 05.12.2013
ROBERTO CARLOS ESCORREGA DURANTE APRESENTAÇÃO EM CIDADE DO PIAUÍ
Os fãs lotaram a casa de festas em show animado

O cantor retornou à cidade após dez anos da última apresentação
Após dez anos sem se apresentar em Teresina, Roberto Carlos voltou à cidade. O show foi realizado nesta quarta-feira (4) na casa de festas Theresina Hall, em comemoração ao aniversário de uma empresa no Nordeste.
No meio do show o cantor quase sofreu uma queda do palco depois de escorregar em um tapete. Os ingressos para a festa esgotaram e mais de 20 mil pessoas compareceram a apresentação do rei.


fonte: Música Online - 03.12.2013
ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS TERÁ TOP DJS NACIONAIS E EP DE REMIXES

Felipe Venâncio e DJ Mau Mau participam de especial de Roberto Carlos e de EP de remixes
Não é de hoje que a música eletrônica rompeu a barreira do underground. A presença de top DJs brasileiros como DJ Mau Mau e Felipe Venâncio, porém, no especial de Natal de Roberto Carlos, soa como algo sem precedente para a exposição do gênero para o grande público.
"Engraçado estar no palco em um especial de Natal porque venho de uma linhagem de DJs que ficavam escondidos dentro de uma cabine arcapetada, cheirando a cigarro e fumaça e que via a pista por uma pequena janela", afirma Venâncio, que assina a direção artística e fez os convites aos produtores. "A música atravessou barreiras e conquistou novas fronteiras", completa Mau Mau.
Também estão no projeto Dexterz, Memê e o norte-americano Erick Morillo. O EP de cinco faixas foi liberado com destaque no iTunes nesta terça-feira, com o seguinte tracklist: 01. É proibido fumar - DJ Mau Mau; 02. Se você pensa - Erick Morillo; 03. É preciso saber viver - Dexterz; 04. O Portão - Felipe Venâncio; 05. Fera ferida - DJ Memê.
"Desde o começo o conceito foi muito bem definido. Pegamos produtores que saberiam trabalhar uma master e que saberiam valorizar a canção. Não queria que os fãs não identificassem as suas músicas favoritas. Outra coisa era que não precisávamos ter um leque de variações eletrônicas. Como vc vai ter um Skrillex do Roberto Carlos? Não é Roberto Carlos, concorda?", pondera Felipe Venâncio, que é um dos principais DJs e produtores de house do país.
"O primeiro grupo de artistas convidados foram os pioneiros em seus estilos, vieram seguidos dos talentos de hoje e fechei com novos nomes que vão ser notícia, ao meu ver, daqui a um tempo. Os fãs antigos vão se sentir homenageados por conta da canção, que foi mantida. Os novos ouvintes já existem e os vi no cruzeiro, Emoções em Alto Mar. Só faltava colocar todos na mesma pista", afirma Venâncio.
Já Mau Mau, expoente e um dos pioneiros do tech-house e tecno no Brasil, ressaltou que a iniciativa não é inédita, mas tem um peso especial por se tratar de Roberto Carlos. "Para quem acompanha o meu trabalho, não é novidade minhas parcerias e participações em outras áreas. Já remixei e trabalhei com vários artistas da mpb, pop e rock nacional, participei do primeiro carnaval eletrônico ao lado de Daniela Mercury, e reconstruí a ópera O Guarani de Carlos Gomes. Com o meu projeto M4J, nos anos 90, misturei ritmos regionais com a eletrônica e ainda levei a bateria da escola Camisa Verde e Branco para um festival na cidade de Istambul", lembra.
Em seguida, Mau Mau falou sobre o convívio com o "rei". "Dividir o palco com o maior artista nacional foi uma experiência espetacular. Roberto Carlos é extremamente educado e atencioso, os cansativos dias de ensaio foram ensinamentos emocionantes, nos quais a música atravessou barreiras e conquistou novas fronteiras", aponta.
Felipe Venâncio também vê a participação e o EP como definidores de um novo tempo para a música eletrônica. "Sem dúvida. Não estamos mais nos anos 90 e hoje a cultura das pistas de dança invadiu todos os cenários."
Venâncio conta também que sentiu um "frio na barriga" e "que estava vivendo uma coisa muito pop" ao relatar o que passou pela sua cabeça durante as gravações. "De repente passou um medley de festas e grandes momentos que vivi quando estávamos passando som. Penso que todo o projeto de remixes é muito corajoso e moderno para um artista como o Roberto Carlos. Ter outros produtores reinterpretando a sua obra é demais e uma prova da sua visão", diz


fonte: G1 Online - 03.12.2013
ROBERTO CARLOS LANÇA EP DE REMIXES E DIVULGA VERSÃO DE 'SE VOCÊ PENSA'
Disco tem 5 faixas antigas remixadas por grupo de Junior Lima e mais DJs.
'Se você pensa' pode ser ouvida no Vevo; álbum completo custa R$ 9,40.

Roberto Carlos lançou nesta terça-feira (3), na loja digital iTunes, um EP com cinco faixas remixadas. O álbum "Roberto Carlos Remixed" tem versões eletrônicas feitas pelo Dexterz, grupo de Junior Lima, irmão de Sandy, e os DJs Memê, Erick Morillo, Felipe Venâncio e Mau Mau. Uma das faixas, "Se você pensa" também foi divulgada na íntegra para audição no site Vevo.
O disco custa US$ 3,99 (R$ 9,40) no iTunes. Não foi divulgado se o disco terá versão física, além das faixas para download no iTunes.
Outro remix de "Se você pensa", assinado por Memê, fez parte do álbum ao vivo de 2002 do cantor. Neste EP, o remix da música é assinado por Erick Morillo, Harry Romero e Jose Nunez. Veja abaixo a lista de faixas do disco:
1 - Fera Ferida (DJ Meme Club Mix)
2 - Se Você Pensa (Erick Morillo, Harry Romero & Jose Nunez Radio Remix)
3 - O Portão (Felipe Venancio House Mix)
4 - É Proibido Fumar (DJ Mau Mau Remix)
5 - É Preciso Saber Viver (Dexterz Remix)
Anúncio em dezembro de 2012
Em dezembro de 2012, Roberto Carlos, em show no Maracanãzinho, no Rio, chamou ao palco o DJ Memê para tocar em novo arranjo a música "Fera ferida". Roberto aproveitou para anunciar o lançamento em 2013 do álbum com músicas remixadas. “Nunca pensei que alguém fosse mexer tanto numa música minha desse jeito. Eu adorei”, disse Roberto ao público.


fonte: Revista Monet - 02.12.2013
Roberto Carlos é um dos ícones da música brasileiro. Pioneiro da Jovem Guarda, o Rei é o artista solo com mais álbuns vendidos na história do país. Ao todo, foram mais de 120 milhões de discos comercializados.


fonte: Umuarama Ilustrada Online - 02.12.2013
ROBERTO CARLOS VAI VIRAR O REI DAS RAVES!

Projeto que espera há anos liberação e aprovação do Rei, "Roberto Carlos Remixed", neste domingo (1º) chega ao mercado essa novidade fonográfica que promete agitar as festas brasileiras de fim de ano... O disco é um EP com cinco músicas e conta com a participação de famosos DJ's convidados, que armam festa dançante em torno de canções de várias épocas do cantor.
O lançamento, marcado para este domingo (1º), está sendo festejado pela mídia como um presentão de Natal para antigões e para a nova geração que curte música eletrônica.
Marcello Mansur, o Memê, um dos convidados do CD, pôs sua batida house no sucesso "Fera Ferida". A canção, já ouvida em shows do próprio Roberto, no início do ano, que contou com a participação de Memê, é um destaques do projeto, junto à épica “É Preciso Saber Viver", um dos primeiros sucessos da carreira do Rei e que é o carro-chefe do CD.
São apenas 5 músicas: "O Portão", "É Proibido Fumar", "Se Você Pensa" - e as citadas "Fera Ferida" e " É Preciso Saber Viver" -, assinadas pelos DJ's Felipe Venâncio, Memê, Dexter e MauMau. A gravadora Sony resolveu lançar “Roberto Carlos Remixed” em formato EP, ou seja, um CD com cinco faixas, para tentar repetir o sucesso de “Esse Cara Sou Eu”, que em 2012 virou coqueluche nacional e agora ganhou o Prêmio Grammy Latino como Melhor Canção.
Quem diria, hein? Canções que embalaram a Jovem Guarda nos anos 60 e 70, agora tocando nas baladas do Século 21??? Pois é justamente isso que vai acontecer: as antigas ‘canções do Roberto’ na era da música robótica, quase hipnótica, pop e dançante, que é o sucesso dos clubes noturnos no mundo inteiro desde os anos 80.
Denominada de música eletrônica, dance music ou techno, ela é o combustível de uma contracultura contemporânea, que, após as gerações dos hippies e dos punks, encontra nos “clubbers” (nome dado a boa parte dos freqüentadores dos clubes e festas de música eletrônica), nas raves e na cultura dos DJs e os seus principais elementos! É isso mesmo: estou com 60 anos bem vividos e ainda não vi tudo messsssmo!


fonte: Rondônia Dinâmica Online - 02.12.2013
APÓS POLÊMICA COM "PROCURE SABER", ROBERTO CARLOS CONTROLA A PRÓPRIA BIOGRAFIA
Cantor não quer deixar ninguém chateado com publicação

SÃO PAULO - Roberto Carlos deixou o "Procure Saber", grupo fundado em parceria com outros artistas para debater a produção de biografias não autorizadas, mas ainda segue regras rigorosas quando é sua história contada em um livro.
E a medida vale até mesmo quando é ele quem escreve a obra. Preocupado com o material que será publicado, o cantor tem adotado uma rotina metódica no uso de suas palavras, segundo o jornal "Agora São Paulo".
Prova disso é que o artista teria contado o número de vezes em que suas ex-mulheres foram citadas nas páginas da biografia, e só teria ficado satisfeito quando chegou à conclusão de que tudo estava equilibrado. Assim, nenhuma delas poderá se chatear.


fonte: Ache Belém Online - 02.12.2013
CRUZEIRO DE ROBERTO CARLOS NÃO CONTARÁ MAIS COM A PRESENÇA DE TOM CAVALCANTE
O próximo cruzeiro do cantor Roberto Carlos, que dessa vez acontece entre os dias 8 e 12 de fevereiro de 2014, contará com uma grande baixa.
De acordo com o colunista Flávio Ricco, o humorista Tom Cavalcante, que esteve presente em todas as edições, não confirmou presença desta vez.
O motivo seria o novo endereço de Tom, que agora mora em Los Angeles, nos Estados Unidos. Ao que tudo indica, ficaria inviável ao humorista vir ao Brasil para participar do cruzeiro.
A organização do evento, que é sucesso de público e vendas, já está em busca de outro nome para substituir Tom Cavalcante nas apresentações de humor que acontecem a bordo do navio.
Enquanto isso, Roberto Carlos está mesmo preocupado é com sua biografia que, inclusive, teve o número de vezes em que suas ex apareceram no livro revisado pelo próprio cantor, tudo para não gerar problemas entre elas.
Além disso, o rei também prepara um outro livro feito para colecionadores, que vai contar sua vida e obra por meio de fotos e trechos de músicas.
"Há quatro anos estamos trabalhando na edição de um livro de fotografias minhas. Durante todo esse tempo pesquisamos e selecionamos imagens que vão mostrar vários momentos da minha vida profissional e pessoal. Estamos muito próximos da edição deste livro. Estou muito contente com tudo que está sendo feito e o lançamento será em abril de 2014", declarou Roberto.
A narrativa contada no livro será organizada com trechos das mais de 500 músicas que compuseram o repertório do cantor, que começou ainda nos anos 60 e perdura até hoje.
Esta edição aparece depois de o Rei se envolver em polêmicas ao tentar retirar de circulação uma biografia não autorizada sobre sua vida.
Em 2006, a editora Planeta lançou "Roberto Carlos em Detalhes", de Paulo César de Araújo, um compilamento de 16 anos de pesquisas com mais de 200 entrevistas com pessoas que fizeram parte da vida do cantor, mas Roberto repudiou a publicação afirmando que haveriam informações mentirosas. Ele entrou com um processo, pedindo que retirassem de circulação a obra.
Na época, ele venceu a causa e, em 2007, o livro foi retirado das livrarias.


fonte: Agora São Paulo - 01.12.2013
TRAFICANTE CONTRATOU ROBERTO CARLOS PARA FAZER SHOW, DIZ IRMÃO
Imagens de Roberto Carlos vestido de palhaço e de Charles Chaplin (1889-1977) vão aparecer no telão durante o tradicional show de Natal do cantor na Globo. Em 2013, ele completa 40 anos da emissora.


fonte: Fátima News Online - 01.12.2013
TRAFICANTE CONTRATOU ROBERTO CARLOS PARA FAZER SHOW, DIZ IRMÃO
Sem limites para extravagâncias, Pablo Escobar enviou o seu avião particular ao Rio apenas para buscar mulheres e, segundo o irmão, contratou Roberto Carlos para cantar em Medellín.
"Roberto Carlos veio a Medellín para um show trazido por nós, mas em uma discoteca", disse Roberto Escobar, irmão mais velho do traficante, à reportagem da Folha.
Foi numa rápida conversa durante o tour em sua casa --em troca de uma entrevista exclusiva, seu guia de turismo havia pedido US$ 5.000.
Fanático por Roberto Carlos, Escobar tinha em sua fazenda uma jukebox apenas com canções do brasileiro, conforme relatado no livro "Killing Pablo" (matando Pablo), de Mark Bowden.
O Rei fez dois shows em Medellín em fevereiro de 1988. O primeiro ocorreu no luxuoso hotel Intercontinental, alvo de um carro-bomba dois anos depois.
Procurada pela Folha, a assessoria de imprensa de Roberto informou que ele "está em turnê pelo Nordeste e, por esse motivo, não será possível fazer esta consulta".
A reportagem também perguntou a Roberto Escobar sobre uma passagem do seu livro, "Mi Hermano, el Patrón Escobar". Ali, descreve uma festa com "cinco hermosas garotas", escolhidas "por meio de um amigo no Brasil".
"É um famoso cirurgião plástico brasileiro", disse.
A fascinação com as brasileiras começou em 1982, quando Escobar e outros dez integrantes da cúpula do Cartel de Medellín passaram o Carnaval no Rio.
Segundo o livro "La Parábola de Pablo", de Alonso Salazar, o grupo gastou US$ 500 mil durante a estadia.
De volta, Escobar ordenou que o seu piloto fosse ao Rio buscar "garotas". A ordem foi cumprida em 15 horas.
Mas surgiu um problema: a mulher de Escobar, Victoria, estava chegando de helicóptero à fazenda.
"Quando a sua mulher chegou, tudo estava em ordem. E quando finalmente partiu, Pablo ordenou que o avião, que havia dado voltas por três horas sobre os céus da [fazenda] Nápoles com as cabareteiras, aterrissasse de novo"


fonte: Pioneiro Online - 30.11.2013
ROBERTO CARLOS VAI EMPLACAR MÚSICA NA NOVELA 'EM FAMÍLIA'
Canção será mostrada antes no especial de final de ano do Rei

Depois do sucesso de Esse Cara Sou Eu, em Salve Jorge, Roberto Carlos irá apostar em outra trilha romântica na próxima novela das nove, Em Família. O cantor emplacou a música Cartas de Amor, versão da americana Love Letters, de Victor Young e Edward Heyman, no folhetim de Manoel Carlos.


fonte: Zero Hora Online - 30.11.2013
TATÁ WERNECK PARTICIPA DO ESPECIAL DE FIM DE ANO DE ROBERTO CARLOS
O programa vai ao ar no dia 25 de dezembro

Tatá Werneck chamou Roberto Carlos de "Roberts"
Tatá Werneck, toda cheia de intimidade chamando Roberto Carlos de "Roberts", protagonizou um dos momentos mais engraçados da gravação do especial de fim de ano do cantor, sábado passado (23/11).
– Roberts, não sei como vou pagar esta roupa, mas obrigada. Dividi em 10 vezes no cartão de uma tia, mas estou muito feliz. Estou de calcinha-short e não respiro há uma semana, mas estou muito honrada – brincou a atriz.
A plateia adorou. O show teve trajes de gala em comemoração aos 40 anos que o programa completa na Globo. Vai ao ar no dia 25 de dezembro.


fonte: Boa Informação Online - 30.11.2013
GLOBO E CANTOR ROBERTO CARLOS PLANEJAM MEGASHOWS NO EXTERIOR
A Globo e o cantor Roberto Carlos estão planejando realizar outros megashows, a exemplo do que aconteceu em 2011, em Jerusalém.
Segundo informações da colunista Monica Bergamo, o Rei deverá se apresentar em Las Vegas no ano que vem e em Taormina, na Itália, em 2015. A ideia é que os eventos aconteçam sempre na semana doferiado de 7 de setembro.
O show na Europa terá direção artística de Jayme Monjardim e consultoria do cineasta Franco Zeffirelli.
Roberto Carlos deve ainda gravar um CD inteiro em italiano, com versões de sucessos recentes, como “Esse Cara Sou Eu”.
Em tempo:
No dia 25 de dezembro, a Globo exibe mais um tradicional especial de fim de ano com Roberto Carlos.
O show foi gravado no último sábado (23), na Cidade das Artes, zona Oeste do Rio de Janeiro, em clima de festa.
Isso porque em 2013 o especial do Rei completa 40 anos.


fonte: Tribuna do Norte Online - 29.11.2013
ROBERTO CARLOS SEGUE SEU REINADO

O tempo passa, e Roberto Carlos segue ostentando o cetro e a coroa da popularidade musical brasileira. O show que o eterno ‘Rei’ apresentará neste sábado, às 22h, no Teatro Riachuelo, é o tradicional balanço dos seus quase 50 anos de carreira, onde ele canta as canções mais marcantes de décadas passadas, sempre ao lado dos novos sucessos. O tom geral é romântico, para todos os saudosistas cantarem juntos. Roberto será acompanhado pela sua habitual orquestra.
Roberto Carlos tem repertório para muitos shows. Hits do passado e de hoje convivem juntos no palco, como “Como é grande meu amor por você”, “Esse cara sou eu”, “Amor perfeito”, “Nossa Senhora”, “Detalhes”, “Amor sem limite”, “Amigo”, “Furdúncio”, “Emoções”, “A mulher que eu amo”, “Eu te amo, eu te amo, eu te amo”, “Como vai você?”, “Jesus Cristo eu estou aqui”, entre outras, que cobrem várias fases do Rei, da Jovem Guarda até a religiosa.
Roberto Carlos fez sua primeira gravação em 1959. Em 1963, com o lançamento do disco Splish Splash, se transforma num dos mais populares artistas jovens da época. O ano seguinte é marcado pelo lançamento de “É Proibido Fumar”, cheio de canções que se tornariam clássicos do pop nacional. Hoje, consagrado, faz turnês nacionais e internacionais - recentemente fez turnê pelo Peru, México e Estados Unidos.


fonte: Surgiu Entretenimento Online - 28.11.2013
ROBERTO CARLOS AGORA TERÁ DOIS ESPECIAIS POR ANO NA GLOBO
O Rei assinou contrato para shows internacionais

Além do já tradicional especial de fim de ano, Roberto Carlos e a TV Globo fecharam parceria para realizar mais um anualmente. Segundo a coluna de Môncia Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, trata-se de um megashow internacional, que deve ir ao sempre na semana do Sete de Setembro. A exemplo de Jerusalém que o Rei fez em 2011, estão previstos espetáculos em Las Vegas, em 2014, e em Taormina, na Itália, em 2015.
A apresentação italiana terá direção artística de Jayme Monjardim e a consultoria do cineasta Franco Zeffirelli.
"Roberto vai gravar também um disco todo em italiano", disse Dody Sirena, empresário do Rei, à publicação”.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 28.11.2013
ROBERTO CARLOS CONSERVA TRADIÇÃO NA EMBALAGEM E TÍTULO DO EP 'REMIXED'

Era para ser um álbum e com um título bastante criativo, Reimixed, que aludia ao fato de Roberto Carlos ser o Rei para boa parte dos brasileiros. Mas o álbum acabou virando um EP de título Remixed, editado no rastro do sucesso do EP Esse cara sou eu (2012), que teria roçado os dois milhões de cópias vendidas. Nas lojas no início de dezembro de 2013, em edição que vai ser distribuída pela Sony Music, o EP Remixed enfileira versões dançantes de cinco músicas assinadas por Roberto com Erasmo Carlos. Os DJs Dexter, Felipe Venâncio, MauMau e Memê jogam na pista as músicas É proibido fumar (1964), Se você pensa (1968), É preciso saber viver (1974), O portão (1974) e Fera ferida (1982). Quatro remixes são inéditos. O de "Se você pensa" já foi lançado em 2002. Além do título, a capa do EP estampa o conservadorismo do Rei.


fonte: Terra - 28.11.2013
GLOBO PLANEJA SHOWS DE ROBERTO CARLOS EM LAS VEGAS E ITÁLIA

A exemplo de Jerusalém, em 2011, a TV Globo e Roberto Carlos planejam ao menos dois megashows do rei, sempre na semana do feriado de 7 de setembro. De acordo com a colunista Monica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, estão previstos Las Vegas, em 2014, e em Taormina, na Itália, em 2015.
A apresentação italiana terá direção artística de Jayme Monjardim e consultoria do cineasta Franco Zeffirelli. Roberto Carlos deve gravar um álbum inteiro em italiano, com lançamento previsto para 2014, com versões de sucessos recentes, como Esse Cara Sou Eu.


fonte: Jornal de Notícias - 27.11.2013
ROBERTO CARLOS MANTÉM ROMANCE SECRETO HÁ DEZ ANOS

Não se conhece uma única namorada do músico Roberto Carlos de 72 anos, desde 1999, altura em que ficou viúvo. Mas uma fonte próxima do cantor veio agora assegurar que ele namora há dez anos com a produtora de eventos Iara Andrade, de 43 anos.
"Eles são namorados, sim! Estão juntos há dez anos e isso não é novidade para ninguém da família dela ou amigos próximos. Mas esse assunto é particular deles e só eles podem falar a seu respeito", contou um amigo de Iara Andrade ao site brasileiro "Extra Online", da "Globo".
Esta fonte revelou ainda que o casal tem o hábito de se encontrar a bordo dos cruzeiros que Roberto Carlos faz pelo Brasil e na própria casa da produtora, em São Paulo.
"Duvido que ela queira falar sobre esse assunto com os media. A Iara sempre foi muito discreta. E se o namoro deu certo até hoje, foi por isso. Eu até acho que eles deveriam assumir, que ela deveria ser reconhecida como mulher dele... mas não me meto. Esse é um assuntos dos dois", concluiu o amigo."
Apesar de muito se ter especulado, Roberto Carlos nunca assumiu publicamente nenhum relacionamento desde que a sua mulher, Maria Rita, morreu vítima de cancro, em 1999.


fonte: Época (Coluna Bruno Astuto) - 26.11.2013
ROBERTO CARLOS NA PRÓXIMA NOVELA DE MANOEL CARLOS
Roberto Carlos quer emplacar, novamente, uma música no horário nobre da Globo

Pelo visto Roberto Carlos está a fim de repetir o grande sucesso que fez com a canção Esse cara sou eu, que fez parte da novela Salve Jorge e vendeu mais de 2 milhões de cópias. A próxima aposta do Rei estará no folhetim que sucederá Amor à vida. Na trilha de Em família, de Manoel Carlos, Roberto estará presente com a canção Cartas de amor, versão da canção americana Love letters (Victor Young e Edward Heyman), já gravada por ele em 1984. Roberto, inclusive, já inseriu a canção em seu tradicional especial de final de ano, gravado no último sábado (23) na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro. Entre os convidados do Rei estavam a funkeira Anitta e o veterano Lulu Santos.


fonte: PB Agora Online - 26.11.2013
ROBERTO CARLOS GRAVA COM TATÁ WERNECK

Os funcionários do Projac, complexo de estúdios da Globo localizado em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, preferiram usar roupas claras, em especial o azul, nesta terça-feira (26).
O motivo? O Rei! Roberto Carlos compareceu na emissora para gravar com a divertida Tatá Werneck cenas que farão parte de seu especial de fim de ano, que será exibido na Globo.
A gravação principal com show e participações, foi gravada no ultimo sábado (24), na Cidade das Artes, na Zona Oeste carioca.


fonte: Pure People Online - 26.11.2013
ROBERTO CARLOS ESTARÁ NA TRILHA DA NOVA NOVELA DO AUTOR MANOEL CARLOS, NA GLOBO
Roberto Carlos estará na trilha da nova novela do autor Manoel Carlos, na Globo. Depois do enorme sucesso com a canção "Esse Cara Sou Eu", de "Salve Jorge", o rei pretende emplacar mais uma música no horário nobre. Segundo o colunista Bruno Astuto, desta vez, a aposta de Roberto é a canção "Cartas de Amor", versão da americana "Love Letters", de Victor Young e Edward Heyman. Em 1984, Roberto gravou a música que, agora, servirá de tema para os personagens de "Em Família". Inclusive, ele inseriu a canção em seu especial de final de ano, gravado no último sábado (23), na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro.
Durante o especial, Marcelo Adnet animou a plateia e até cantou "Emoções". O primeiro convidado foi Lulu Santos, interpretando "As Curvas da Estrada de Santos" e também "Como Uma Onda". Depois, foi a vez de Tatá Werneck ser recebida por Roberto e arrancar risos da plateia com uma dublagem.
Na sequência, Anitta subiu ao palco. Emocionada, a cantora acompanhou Roberto Carlos na canção "Olha". Um dos pontos altos da noite veio em seguida, com um dueto que mesclou "Show das Poderosas" e "Se Você Pensa".
O show terminou, claro, da forma tradicional: Roberto cantou "Jesus Cristo" e fez a entrega de rosas ao público presente. O especial "40 anos. Juntos" será exibido no dia 25 de dezembro, logo após "Amor à Vida".


fonte: Correio do Povo Online - 26.11.2013
ROBERTO CARLOS SE APRESENTA EM MACEIÓ NESTA QUINTA

· Roberto Carlos em Maceió – Trazendo os seus maiores sucessos, o cantor Roberto Carlos vai se apresentar nesta quinta-feira (28) no Ginásio do Sesi a partir das 22h. Os ingressos, que já estão disponíveis e podem ser comprados na ótica Diniz da Rua Artur Vital da Silva, na Gruta de Lourdes, estão custando R$ 160,00 (inteira) para Arquibancada, R$ 220,00 Arquibancada Ouro, Setor R$ 300,00 Amarelo Numerado e R$ 380,00 Setor Azul.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 26.11.2013
É MUITA NOVIDADE, BICHO
Roberto Carlos aderiu ao Instagram. Da vida pessoal, não há foto alguma por lá. Ele usa a rede social de compartilhamento de imagem só para fins profissionais. Sem graça.


fonte: Veja Online - 25.11.2013
ROBERTO CARLOS - ACREDITE - QUEBRA PROTOCOLOS EM ESPECIAL
Programa de fim de ano da Globo comemora 40 anos de parceria com o cantor, que respondeu com uma de suas canções o 'Show das Poderosas' de Anitta

Ousada em um vestido curto e transparente, Anitta subiu ao palco disposta a deixar Roberto Carlos "ba-ban-do". E ele, mesmo preocupado em não perder nenhuma curva do corpo da funkeira com os olhos, não se deixou intimidar pelo par de pernas que mais vai dar o que falar na noite de Natal desde Paula Fernandes. Quando ela entoou o já batido "Pre-para", todos começaram a se perguntar se Roberto realmente a acompanharia no funk. Não seria novidade - ele já gravou Ela Só Pensa em Beijar, de MC Leozinho. Mas a surpresa foi geral quando decidiu responder à altura do ego inflado de Anitta, com: "Se você pensa que vai fazer de mim/ O que faz com todo mundo que te ama/ Acho bom saber que para ficar comigo/ Vai ter que mudar" e "Daqui para frente/ Tudo vai ser diferente/ Você tem que aprender a ser gente/ Seu orgulho não vale nada". O público que lotava o teatro da Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, reverenciou a dupla, entre gargalhadas e aplausos.
A cena foi o auge da gravação do Especial Roberto Carlos, que a TV Globo apresentará na noite de Natal - este ano comemorando quatro décadas de parceria com o cantor. Cerca de 1.200 convidados foram recepcionados por um tapete azul que os conduzia à Grande Sala, onde foram feitas mais de duas horas de filmagens. Não é novidade que Roberto tem aversão ao vermelho, mas desta vez ele permitiu um detalhe da cor na gravata que chamava a atenção no terno totalmente branco e em detalhes de neon no palco. Só não resistiu à piada quando seu "irmãozinho" Erasmo Carlos entrou vestindo preto da cabeça aos tornozelos - os sapatos eram brancos. "Só ele se atreve a vir de preto no meu programa", disse, para emendar: "Mas, tudo bem, ele pode". "Só tinha esse. Joguei todos os outros fora", brincou o Tremendão, que cantou com o amigo Meus Amores da Televisão, e depois, sozinho, Além do Horizonte, trilha e título da nova novela das sete.
Pouco antes, Roberto Carlos havia apresentado os novos arranjos que algumas das canções mais famosas da dupla ganharão em um novo EP que será lançado em breve. Reimix vai transformar em batidas eletrônicas as clássicas Fera Ferida, O Portão, É Proibido Fumar e É Preciso Saber Viver. DJs dividiram o palco com o cantor para dar uma amostra do que vem por aí. Um Roberto mais descontraído também foi visto na apresentação ao lado de Tiago Abravanel, que em um primeiro momento entrou caracterizado de Tim Maia, cantando Não Quero Dinheiro, em referência ao musical que o alçou ao sucesso. Depois, já como "Tiago de verdade", ele conseguiu tirar da boca do protagonista da noite os versos de Negro Gato, música que há anos ele não cantava - muito menos em seu especial de fim de ano. Ao ator/cantor coube uma coreografia desinibida diante do ídolo a quem fez questão de chamar de "senhor" o tempo todo.
Set list - Já era quebra de protocolos demais para um cantor conhecido pelo fascínio religioso a seus rituais. E no resto da noite eles foram seguidos à risca. Ele abriu o show com Emoções e o encerrou com Jesus Cristo. Entre uma e outra, o repertório de sempre ainda contemplou Como Vai Você, Esse Cara Sou Eu, Detalhes, Proposta, Outra Vez e Como é Grande o Meu Amor Por Você. Anitta ainda fez outro dueto em Olha, antes de participar de uma tentativa de "pegadinha" com Tatá Werneck. A atriz repetia um agradecimento sem fim a Roberto pelo convite, no humor que lhe é peculiar - "Estou sem respirar há horas para entrar nesse vestido, mas muito obrigada" - quando foi convidada por ele a cantar. Ela abriu a boca diante do microfone, mas foi dublada pela funkeira carioca, que apareceu cantando o refrão de Força Estranha. Tatá ao menos não se arriscou em terreno que não conhece, e saiu do palco antes de ver Anitta deixando o nervoso lhe desafinar.
Quem abriu o rol de convidados da noite foi Lulu Santos - em uma clara forma de agradecimento pelo CD recente que lançou só com músicas de Roberto e Erasmo. "Fiz um disco inteiro em sua homenagem, você bem que podia gravar essa", pediu ele, antes do dueto em Como Uma Onda. Lulu entrou com um discurso ensaiado para Roberto, e contou que ainda se lembra da emoção que sentiu quando, aos 11 anos, foi levado por um tio para ver uma apresentação do então astro da Jovem Guarda. "Tenho certeza de que foi naquele dia que eu decidi ser o que sou hoje. De uma certa forma, sua vida se funde com a minha. E isso tudo daria um filme, ou um sonho", declarou, emocionado, o único que teve a participação elogiada pelo dono do programa. "Foi muito melhor do que no ensaio", disse, enquanto Lulu finalizava a participação, depois de cantar também As Curvas da Estrada de Santos.
Nos intervalos em que Roberto saía para conferir como andava a gravação, a missão de entreter os convidados ficou com Marcelo Adnet, que arrancou risos fáceis da plateia. "Vamos fazer uma pausa agora para trocar a fita", anunciou ele, dando mais uma prova de que seu talento está no roteiro improvisado e na total liberdade de criação - e talvez por isso ainda não tenha encontrado lugar na emissora. Quem explicou a escolha dos convidados da noite foi o diretor do especial, Jayme Monjardim: "Roberto faz questão de homenagear as pessoas que fizeram mais sucesso ou deram o que falar nesse ano. Também pensamos sempre em contemplar estilos variados. Afinal, não é fácil fazer um programa diferente a cada ano". Roberto Carlos - 40 Anos Juntos vai ao ar no dia 25 de dezembro, logo após Amor à Vida


fonte: Diário de Pernambuco Online - 25.11.2013
FAMOSOS PARTICIPAM DA GRAVAÇÃO DO ESPECIAL DE FIM DE ANO DE ROBERTO CARLOS

A funkeira cantou as canções Olha, Show das Poderosas e Se você Pensa
O fim do ano se aproxima e as gravações dos especiais de Natal já começaram. As filmagens do show de Roberto Carlos foram feitas no último sábado (23), no Rio de Janeiro. Segundo o colunista Leo Dias, a gravação do programa teve alguns problemas. A apresentação começou com atraso de 50 minutos porque cantor precisou esperar as cadeiras serem ocupadas para iniciar o show. De acordo com a publicação, a emissora precisou contratar figurantes para preencher as poltronas da Cidade das Artes.
Nas redes sociais, a cantora Anitta e a humorista Tatá Wernerk publicaram imagens do encontro. A intérprete do hit Show das Poderosas definiu o momento como "inesquecível". "Ser escolhida, convidada e elogiada pelo rei da nossa música, tudo por conta do meu trabalho, foi inesquecível. Ouvi-lo dizer tudo de lindo que disse pra mim quando me ouviu cantar, e também o que disse sobre minhas musicas, foi a maior prova de conquista que senti na vida. Isso apaga qualquer coisa, pessoa, comentário, pensamento ou desejo ruim que aproximem de mim", comentou. A funkeira cantou as canções Olha, Show das Poderosas e Se você Pensa.
A humorista Tatá Werneck agradeceu a Deus, amigos e família pelo encontro. "Esse momento foi um dos mais especiais da minha vida". O programa está prevista para ser exibido em 25 de dezembro.


fonte: O Dia (Coluna Leo Dias) - 25.11.2013
FIGURANTES OCUPAM LUGAR DE CONVIDADOS NO SHOW DO REI
Na noite deste sábado(23) o cantor Roberto Carlos gravou o seu tradicional especial de fim de ano da Rede Globo.

Roberto Carlos gravou no último sábado seu tradicional especial que a Globo exibe no fim do ano. A gravação aconteceu na Cidade das Artes e, para ocupar todos os lugares da plateia, foi preciso ajuda de… Figurantes! Isso mesmo, caro leitor. Não havia convidados suficientes para preencher todos os lugares. O show, que estava marcado para começar às 20h, foi iniciado com 50 minutos de atraso porque os atores contratados precisavam se acomodar. Em pouco tempo, mulheres com vestidos longos e cheios de paetês, acompanhadas por homens de terno, se acomodavam, ocupando os lugares que faltavam. Antes do Rei se apresentar, a chefe da segurança do local subiu ao palco. Os convidados — os de verdade — estranharam alguém pisar no palco antes de Roberto Carlos. A moça mostrou as saídas de emergência e apresentou sua equipe. Em minutos, um monte de bombeiros e seguranças estavam no palco onde o Rei ainda iria pisar. Cai o pano.
Às 20h50, Roberto Carlos surgiu lindo, de terno branco e gravata branca com detalhe em vermelho. Lulu Santos foi o primeiro convidado e não precisou repetir seu número. Saiu de lá direto para fazer seu próprio show, no Citibank Hall. O cicerone da noite foi Marcelo Adnet. A Globo contratou o humorista e parece não saber o que fazer com ele, então o artista vira até animador de plateia.
Erasmo Carlos apareceu de preto para cantar com o Rei. A cor da vestimenta não passou despercebida por ele. “Você é tão amigo que eu te permito entrar de preto”. Erasmo logo respondeu: “Era o único terno que eu tinha”. Anitta cantou ‘Olha’ com Roberto.
Nervosa na presença do Rei, ela apresentou o ‘Show das Poderosas’ e repetiu. Roberto disse que era um prazer ficar “babando” com Anitta. E ele ainda elogiou ‘Zen’, a nova música de trabalho da cantora. “Essa música é muito boa. Eu ouço no rádio”, justificou Roberto. Na hora de ‘Champanhe’, garçons entram com taças cheias para o brinde coletivo, se atrapalharam, voa bandeja e copo para todo lado. Como consequência, faltou champanhe para todo mundo. O Rei encerrou o show cantando ‘Jesus Cristo’. Apesar dos contratempos, o saldo da noite foi positivo. Roberto estava visivelmente feliz e o especial vai ao ar no dia 25 de dezembro.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 25.11.2013
ROBERTO GRAVA CANÇÃO 'CARTAS DE AMOR' PARA TRILHA DA NOVELA 'EM FAMÍLIA'
Na noite deste sábado(23) o cantor Roberto Carlos gravou o seu tradicional especial de fim de ano da Rede Globo.

Roberto Carlos vai estar presente na trilha sonora da próxima novela das 21h da Rede Globo de Televisão - Em família, prevista para estrear em fevereiro de 2014 - com gravação de Cartas de amor, versão em português de Love letters (Victor Young e Edward Heyman), canção norte-americana de 1945. Lançada pelo cantor Agnaldo Timóteo em 1967 e regravada por Roberto Carlos em seu álbum de 1984, a versão da canção foi incluída pelo Rei no roteiro do especial 40 anos - Juntos, cuja exibição está agendada para 25 de dezembro de 2013 pela TV Globo. Na foto, extraída do Instagram oficial do artista, Roberto é visto na gravação do especial, feita na Grande Sala da Cidade das Artes, no Rio de Janeiro (RJ), em 23 de novembro de 2013.


fonte: Dez Minutos de Arte Online - 25.11.2013
EM NOITE DE GALA ROBERTO GRAVA ESPECIAL E DIZ QUE SÓ ERASMO TEM DIREITO DE USAR PRETO EM SEU PROGRAMA
Na noite deste sábado(23) o cantor Roberto Carlos gravou o seu tradicional especial de fim de ano da Rede Globo.

Numa cerimônia que remetia à entrega do Oscar, a emissora celebrou os 40 anos de parceria com o rei, que vestido impecavelmente, recebeu os cerca de 1200 convidados que lotaram a Cidade das Artes no Rio de Janeiro.
Boa parte do elenco da emissora estava lá : Paola Oliveira e Joaquim Lopes,Susana Vieira,Mateus Solano,Zeca Camargo,Patrícia Poeta,Serginho Groissman,Julia Lemmertz e Alexandre Borges,Lizandra Souto,Murilo Rosa,Ricardo Pereira,Monique Alfradique,Regiane Alves,Carol Castro,Kadu Moliterno,Marcos Frota,Paula Burlamaqui,Guilhermina Guinle,Marcos Frota e até o recém contratado Marcelo Adnet, que animou a plateia enquanto ajustes eram feitos no palco.
Carol Castro disse que sua canção predileta é “Como é grande o meu por você” e Paola Oliveira afirmou que todos têm ao menos uma canção do rei para lembar de bons momentos da vida.Já a atriz mirim Klara Castanho diz que embora muito jovem,adora ouvir os discos de Roberto, mas que só canta em casa porque se considera muito desafinada.
Como de praxe Roberto entrou no palco acompanhado por uma bela orquestra de músicos, comandada pelo maestro Eduardo Lages, que há anos trabalha com o rei.Após abrir o show com “Emoções”, o cantor, todo de branco(num terno impecável,onde o único contraste de cor que se via era o detalhe em vermelho da gravata) se disse muito confortável por cantar para uma plateia de artistas, o que segundo ele o faz se sentir entre amigos.
Com um poema de Vinicius de Moraes, Roberto deu sequência ao romantismo cantando “Como vai você” e logo após emendou “Esse cara sou eu”, seu mais recente sucesso radiofônico.
Antes de começar a dedilhar no violão os primeiros acordes de “Detalhes”, o rei afirma que quando não inclui a canção no seu repertório o público reclama e quando canta, por vezes é questionado sobre a repetitividade das canções.
O primeiro convidado a ser chamado ao palco é Lulu Santos, que com seu entusiasmo habitual levantou a plateia com “As curvas da Estrada de Santos” e um dueto memorável com Roberto em “Como uma onda”, de sua autoria, cuja canção ele pediu informalmente que o rei gravasse.
Tatá Werneck entrou no palco trazida pelo próprio Roberto e com sua verve cômica provocou muitas risadas, dizendo entre outras coisas que sua mãe adoraria ser a “amada amante” que o cantor fala em sua romântica canção.A atriz , que finge estar cantando, serve de trampolim para a entrada de Anitta, que com seu carisma encanta a todos com sua interpretação de “Olha”, antigo sucesso do rei, que não se fazendo de rogado ainda puxou a moça para uma dança coladinha.E logo em sequência num imprevisível dueto , Roberto cantava “Se você pensa” entremeando com o hit “Show das Poderosas”, que a cantora apresentava junto com suas dançarinas.
Após uma bela interpretação de “Cartas de amor”, versão feita pelo rei para a antiga “Love letters”(Cole Porter), que estará na próxima novela da Globo, Roberto chama ao palco Tiago Abravanel, que entra caracterizado como Tim Maia, canta “Não quero dinheiro” e surpreende fazendo o rei relembrar um sucesso até então adormecido do repertório em virtude de suas superstições, “Negro Gato”.
Outro momento inusitado se deu em seguida quando entraram no palco quatro dj’s renomados que contribuíram para o lançamento do próximo álbum de Roberto (que ainda esse fim de ano deve estar nas lojas), com remixes de alguns sucessos como “Fera Ferida,”O portão”,”É proibibo fumar” e “É preciso saber viver”.Mostrando pouco entrosamento com a tecnologia usada nas pistas de dança, Roberto chegou a repetir o número, mas demonstrou um certo desconforto com o resultado, chegando a sugerir mais uma repetição, o que foi abortado pela direção do programa, que deve editar boa parte do número na exibição.
Como não poderia faltar, o eterno amigo Erasmo Carlos também compareceu e desafiou o rei com um figurino todo preto, que numa bem humorada afirmação disse : ” Só ele mesmo para vir todo de preto no meu programa , mas ele pode”.E juntos deram início à antiga canção da dupla, gravada por Roberto em 1983, “Meus amores da televisão”.
A apresentadora Fátima Bernardes entrou no palco para agradecer em nome da Rede Globo todos os anos de parceria com a emissora, relembrou com um vídeo exibido no telão algumas passagens do rei em especiais antigos e aproveitou para entregar um trófeu simbolizando o carinho da Rede Globo para com ele, que após brindar a todos com entusiasmo, entoou o clássico “Champagne”, de Pepino Di Capri e o seu sucesso “Como é grande o meu amor por você”, que se encarregou de aproximar do palco as mais animadas da plateia, ávidas por uma rosa atirada pelo rei, que encerrou a noite memorável com a tradicional distribuição das flores , desejando a todos um excelente ano de 2014 , ao som de “Jesus Cristo”.




















fonte: Caras Online - 24.11.2013
ANITTA DIZ QUE CANTAR COM ROBERTO CARLOS FOI A SUA GRANDE CONQUISTA
Cantora Anitta conta que a participação no especial de Roberto Carlos compensa os 'contras' da fama.
'Isso apaga qualquer coisa, pessoa, comentário, pensamento ou desejo ruim que aproximem de mim. Não tem explicação', diz

A cantora Anitta ficou emocionada em participar da gravação do especial de fim de ano de Roberto Carlos '40 anos. Juntos'. Ela dividiu o palco com o Rei e interpretou a canção Olha. Os dois ainda fizeram um dueto que mesclou Show das Poderosas e Se Você Pensa.
A artista usou seu perfil no Instagram para falar da emoção que sentiu. "Não tenho palavras pra descrever o que senti não só ontem mas durante toda a experiência de participar desse especial. Ser escolhida, convidada e elogiada pelo rei da nossa música, tudo por conta do meu trabalho, foi inesquecível", disse.
"Ouvi-lo dizer tudo de lindo que disse pra mim quando me ouviu cantar, e também o que disse sobre minhas músicas, foi a maior prova de conquista que senti na vida. Isso apaga qualquer coisa, pessoa, comentário, pensamento ou desejo ruim que aproximem de mim. Não tem explicação", continuou.
O especial será exibido no dia 25 de dezembro, na Globo. "Foi uma apresentação linda, impecável, perfeita pra mim pro resto da vida. Roberto abençoa todos os lugares que chega, é notável, é mágico. Ninguém tem ideia do tamanho da sua grandeza até estar diante dele. Todo respeito e admiração ficaram maiores e gravados pra sempre na minha memória. Cada ensaio uma aula de tudo. Só penso em meus avós que estão no céu, o quanto eles estariam felizes e emocionados com esse momento. Obrigada a todos os envolvidos neste especial pelo convite, por terem realizado um sonho meu e da minha família e pelo carinho com o qual fui tratada. E obrigada aos meus fãs, família e equipe que me fazem chegar a lugares tão especiais como esse", terminou.
Tatá Werneck, outra convidada especial do evento, também usou a rede social para falar do encontro com Roberto. "Obrigada Deus, vida, amigos, família, pessoas, Roberto amado... esse momento foi um dos mais especiais da minha vida!".
O especial, gravado no último sábado, 23, teve ainda participações especiais de Lulu Santos, Tiago Abravanel e Erasmo Carlo


fonte: Terra Online - 24.11.2013
ROBERTO CARLOS BRINDA COM FAMOSOS EM GRAVAÇÃO DE ESPECIAL DE FIM DE ANO
Cantor brinda com atores e atrizes da TV Globo, que exibe o show no final de 2013

O cantor Roberto Carlos emocionou o público na gravação de seu especial de fim de ano da TV Globo, realizada na noite de sábado (23), na Cidade das Artes, zona oeste do Rio de Janeiro. O programa, que traz anualmente ao canal um show do Rei cantando seus maiores sucessos, é exibido desde 1974.
Simpático como sempre, o cantor de 72 anos sorriu, conversou com a plateia, repleta de famosos do quadro de dramaturgia da Globo, e até convidou os presentes a se aproximarem do palco para um brinde. Oferecendo a taça de espumante, o rei brindou com atores como José de Abreu e Susana Vieira e com o apresentador Serginho Groisman.
Durante o espetáculo, Roberto recebeu alguns nomes para acompanhá-lo no palco em duetos. Entre eles estiveram Anitta, Erasmo Carlos, Tiago Abravanel, a atriz Tatá Werneck e Fátima Bernardes.


fonte: Quem Online - 23.11.2013
ROBERTO CARLOS GRAVA ESPECIAL DE FIM DE ANO E REÚNE FAMOSOS NO RIO DE JANEIRO

Roberto Carlos escolheu o sábado (23) para gravar seu tradicional especial de fim de ano, exibido todos os anos na TV Globo. Na Cidades das Artes, no Rio de Janeiro, o Rei cantou seus maiores sucessos e surpreendeu com as participações especiais, que vão de Lulu Santos, Anitta e Tiago Abravanel a Erasmo Carlos e Tatá Werneck.
Com direção de núcleo de Jayme Monjardim, direção geral de João Daniel Tikhomiroff e roteiro de Marcelo Saback, o especial tem previsão de ser exibido na noite do dia 25 de dezembro e marca nada menos que os 40 anos de parceria do cantor com a Globo.
Carol Castro foi um dos artistas que conferiram a apresentação. Sem o namorado, que está em São Paulo, a atriz comentou que se emocionou com o show. "Vim também no especial do ano passado e sou super fã dele. Adoro a música Como É Grande Meu Amor Por Você", disse ela.
"Curto Roberto desde a minha adolescência. Adoro as músicas e já perdi as contas de quantas vezes vim com a Júlia (Lemmerz)", contou Alexandre Borges. Bianca Bin também marcou presença e falou da importância do Rei. "Na verdade o Roberto não é da minha geração, mas conheci e adorei as músicas por causa da mãe e minha avó. Estarei ao lado do marido para assistir", disse antes do show.
Paolla Oliveira foi um dos nomes mais assediados da apresentação e, ao lado de Joaquim Lopes, explicou que estava muito feliz de conferir o especial de fim de ano do cantor. Kiko Pissolato, que interpreta o motorista Maciel em Amor à Vida, contou quem o dia é de comemoração. "É minha primeira vez no especial. Fiz oito anos de relacionamento com a minha esposa, Bruna e hoje a trouxe para comemorar", revelou.

SUSANA VIEIRA

ROBERTO CARLOS

FAMOSOS NO SHOW DE ROBERTO CARLOS

ROBERTO CARLOS

JULIA LEMMERTZ E ALEXANDRE BORGES

RENATA CERIBELLI E ZECA CAMARGO

JULIANA PAIVA

MATEUS SOLANO E PAULA BRAUN

LULU SANTOS

FLÁVIA ALESSANDRA

FERNANDA KEULLA

PAOLLA OLIVEIRA E DAVID BRAZIL

FÁTIMA BERNARDES E ANITTA


fonte: Ego Online - 23.11.2013
ROBERTO CARLOS GRAVA ESPECIAL DE FIM DE ANO COM ARTISTAS
Paolla Oliveira e Joaquim Lopes, Carol Castro, Julia Lemmertz e Alexandre Borges e outros foram assistir ao show do cantor.

Roberto Carlos
Roberto Carlos gravou seu especial de fim de ano da TV Globo neste sábado, 23, na Cidade das Artes, na Zona Oeste do Rio. E vários famosos como os casais Paolla Oliveira e Joaquim Lopes eJúlia Lemmertz e Alexandre Borges foram prestigiar o cantor.
"Onde Roberto Carlos está é especial. Sempre que cruzo com ele, mesmo em programas de TV, é ótimo. Não temos uma música em especial do Roberto. Temos o clima dele', declarou Paolla, dando um abraço romântico em Joaquim.
Júlia, que se prepara para começar a gravar "Em Família", onde fará a protagonista Helena, falou sobre o desafio e mostrou animação. "É um trabalho muito bonito e esperado, um papel delicioso. Estou feliz e ansiosa. Sem dúvida o fato da minha mãe ter sido a primeira Helena do Maneco traz um gosto diferente. Foi um dos personagens que ela mais gostou de fazer. Tinha 16 anos na época e lembro que ela estava sempre estimulada".
Sobre sua parceria com Bruna Marquezine, que irá fazer Helena na segunda etapa da novela, e depois fará sua filha, ela foi só elogios: "Ainda não gravamos juntas, mas tivemos muitos encontros para trocar dicas, ler os textos e criar uma intimidade. Está sendo lindo. A Bruna é fofa, incrível, compenetrada..."
Lisandra Souto, que estava com o namorado, Gustavo Fernandes, não via a hora de assistir mais uma vez ao Rei. "Já perdi a conta de quantos shows eu assisti. Sou a maior fãzona dele, sei todas as musicas. O Gustavo também adora ele. Tem até uma banda chamada Cadillac, que canta as músicas do Roberto em ritmo de rock", contou.
Kiko Pissolato, que faz o motorista de "Amor à vida", estava com a mulher, Bruna, e o clima era de romance. "Hoje completamos oito anos juntos. 'Como é grande nosso amor por voce' foi trilha do nosso casamento."

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos

Roberto Carlos


fonte: Portal O Dia Online - 22.11.2013
CAETANO E ROBERTO CARLOS VENCEM GRAMMY LATINO
O reconhecimento chegou dias após os dois artistas protagonizarem cenas de desentendimento por conta da polêmica sobre a publicação das biografias não autorizadas.
Caetano Veloso e Roberto Carlos foram alguns dos brasileiros que se destacaram no Grammy Latino 2013, realizado na noite da última quinta-feira (21), em Las Vegas, Estados Unidos.
O reconhecimento chegou dias após os dois artistas protagonizarem cenas de desentendimento por conta da polêmica sobre a publicação das biografias não autorizadas.
Brasileiro com mais indicações - em cinco categorias -, Veloso venceu o prêmio de 'Melhor Álbum de Compositor" e 'Melhor Arte de Capa" por sua mais recente obra, o "Abraçaço" (2012).
O "Rei", por sua vez, levou o título de "Melhor Canção Brasileira" pelo hit "Esse Cara Sou Eu", sucesso nas paradas como trilha sonora da novela "Salve Jorge", da Globo.


fonte: TVG - 22.11.2013
VIVA O REI! ROBERTO CARLOS GRAVA ESPECIAL DE FIM DE ANO
Tatá Werneck, Erasmo Carlos e Tiago Abravanel foram alguns dos convidados que participaram

Entregar rosas para os fãs já é tradição nos shows de Roberto Carlos
Todo fim de ano é certo: o Rei Roberto Carlos enche de alegria o público cantando seus sucessos em um show cheio de magia. Neste ano, o especial celebra os 40 anos de parceria entre Roberto Carlos e a Globo. Além de convidados e elenco da emissora na plateia, o espetáculo conta com participações especiais como Lulu Santos, Tata Werneck, Anitta, Tiago Abravanel, Erasmo Carlos e Fátima Bernardes.
‘40 anos. Juntos’ tem exibição prevista para o dia 25 de dezembro, logo após ‘Amor à Vida’. O programa tem direção de núcleo de Jayme Monjardim, direção geral de João Daniel Tikhomiroff e roteiro de Marcelo Saback.


fonte: Plenário - A Notícia Agora Online - 22.11.2013
CAETANO VELOSO E ROBERTO CARLOS LEVAM PRÊMIO GRAMMY LATINO 2013
Caetano, Roberto Carlos e Victor e Leo já venceram em festa nesta quinta. O colombiano Carlos Vive levou três prêmios.
Discos de Caetano Veloso , Roberto Carlos, Victor e Leo e Jota Quest, entre outros, renderam prêmios ao Brasil no Grammy Latino 2013. A cerimônia aconteceu nesta quinta-feira (21) no centro de eventos do hotel e cassino Mandalay Bay, de Las Vegas, nos Estados Unidos.
O colombiano Carlos Vive levou três prêmios: melhor canção e melhor canção tropical, ambos por “Volvi a nacer”, e melhor álbum tropical, por “Corazón profundo”.
O ex-menudo Draco Rosa ganhou o troféu por melhor álbum, com “Vida”, enquanto o norte-americano Marc Anthony faturou o prêmio de melhor gravação, por “Vivir mi vida”.
Nas categorias destinadas exclusivamente à música brasileira, os premiados foram Esse cara sou eu, de Roberto Carlos (melhor música); Salve Gonzagão: 100 anos (disco de raízes); Redescobrir, de Maria Rita (MPB); Eletrosamba, de Alexandre Pires (samba e pagode); Ao vivo em Floripa, de Victor e Leo (música sertaneja); Ao vivo no Rock in Rio, do Jota Quest (rock); Músicas para churrasco, de Seu Jorge (pop); e Profeta da esperança, de Kleber Lucas (música cristã).
Entre os prêmios abertos a todos os artistas latinos, Nelson Freire foi o primeiro músico do Brasil com prêmio anunciado, para Brasileiro, na categoria de música clássica. Já o encarte do álbum Abraçaço, de Caetano, deu a Tonho Quinta-Feira & Fernando Young o prêmio de melhor design de disco. Caetano também ganhou na categoria Melhor disco de cantor e compositor, com Abraçaço.


fonte: Ego Online - 22.11.2013
ROBERTO CARLOS PASSEIA COM SEU CARRÃO CONVERSÍVEL PELAS RUAS DO RIO
Roberto Carlos foi fotografado passeando de carro pelas ruas da Zona Sul do Rio. O cantor dirigia seu Lamborghini conversível branco. Morador da Urca, o Rei tem o costume de deixar seu apartamento de frente para a praia no automóvel e dirigir em direção ao seu estúdio, no mesmo bairro.
Roberto é um apaixonado por carros e não faz enconomia para concretizar seus sonhos automobilísticos. O possante guiado por ele atinge uma velocidade de 325km por hora e custa mais de R$ 1 milhão.

Roberto Carlos ao volante

O Lamborghini do Rei

Roberto Carlos esteve na Zona Sul do Rio

Roberto Carlos

O possante do Rei é fabricado na Itália

O veículo custa mais do que R$ 1 milhão

Roberto Carlos adora passear na cidade com seu carro


fonte: Terra Online - 20.11.2013
ANITTA FALA SOBRE ESPECIAL COM ROBERTO CARLOS: "NÃO SABIA O QUE FAZIA"
A cantora lançou sua coleção de roupas em uma loja na capital paulista

· Anitta continua empolgada com sua participação no especial de fim de ano de Roberto Carlos, da TV Globo. Nesta quarta-feira (20), durante o lançamento da coleção de roupas da cantora para a rede de lojas Marisa, na unidade da avenida Paulista, em São Paulo, ela falou sobre o contato com o músico.
“Fiquei feliz de saber que ele me escolheu. Ele foi um querido no ensaio, tratou muito bem minha família", afirmou. "Dá muito nervoso saber que o Roberto Carlos chegou. Não sabia o que fazia", completou.
Recentemente, Anitta foi apontada como um suposto affair do humorista Fábio Porchat. Ela, no entanto, foi incisiva ao afirmar que não tem nenhum tipo de relacionamento com o ator: "não, gente, estou totalmente solteira".


fonte: Época Online (coluna Bruno Astuto) - 20.11.2013
CENÁRIO DO ESPECIAL DE FIM DE ANO DO "REI" SERÁ EM TONS DE AZUL
Roberto Carlos vai gravar sábado seu especial na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro

Aos 45 do segundo tempo Roberto Carlos bateu o martelo: seu especial de fim de ano será gravado no próximo sábado (23), em um local onde ele nunca se apresentou- a Cidade das Artes, no Rio de Janeiro. O programa tem direção de núcleo de Jayme Monjardim, direção geral de João Daniel Tikhomiroff e roteiro de Marcelo Saback e, a princípio, será exibido na noite de 25 de dezembro. O especial vai celebrar os 40 anos de parceria entre o artista e a Rede Globo e, para comemorar a data, nomes como Lulu Santos, Tata Werneck, Anitta, Tiago Abravanel, Erasmo Carlos e Fátima Bernardes vão participar ao lado do Rei. Isso sem contar com grande parte do elenco da emissora, que estará na fila do gargarejo assistindo a gravação. O cenário, a pedido do cantor, será todo em tons de azul.


fonte: Rede Bom Dia Online - 20.11.2013
NAMORADA DO REI DEMOROU PARA DIZER SIM
Produtora de eventos roubou o coração de Roberto Carlos há 10 anos.

A namorada do Rei atende por Iara, tem 43 anos, e mora com os pais no Ceará
Não é a primeira vez que uma moça bonita é apontada como affair de Roberto Carlos. Além da beleza, o que elas têm em comum é que o Rei nunca assumiu publicamente o namoro.
O nome da vez é Iara Santos Andrade, 43 anos. A moça mora no Ceará e trabalha como produtora de eventos no hotel Marina Park e da banda Acaiaca – nesta última desde os 17 anos de idade, quando começou como bailarina do grupo.
A diferença da produtora para as outras supostas companheiras de Roberto é que o romance de 10 anos é real. Uma fonte do DIÁRIO, próxima a Iara, conta como os dois se conheceram: “Ele fez um show no Marina Park, hotel em que ela trabalha, e a chamou para sair. Na época, ela namorava e recusou o convite. Passou um bom tempo, até que eles se reencontraram em um show que ele fez em Recife, promovido pela mesma rede de hotéis. Ela estava solteira e ele insistiu para sair com ela novamente, até que ela aceitou”.
Ainda segundo a fonte, o casal se encontra nos bastidores dos shows do Rei e nas viagens de navio. “Ele convida os pais dela também para ir aos cruzeiros e eles sempre vão.”
Jogo de cintura/ Parece que o segredo para manter o relacionamento, guardado a sete chaves durante todo este tempo, é deixar as notícias esfriarem. “Em 2008, o namoro caiu na mídia, mas eles negaram. E acho que vão continuar negando”, aposta a fonte, que acredita na relação: “É um relacionamento de muito sentimento, uma história linda. Ela doou a vida toda a ele. E acho que ele está com ela até hoje porque teve de insistir no começo. Ela provou que gosta dele e não está com ele pelo dinheiro ou fama. Se fosse outra, ia querer mídia para se promover. Ela é muito reservada”.
Sobre as possíveis namoradas do Rei, a fonte do DIÁRIO diz que Iara não vê problemas: “Todas as vezes que disseram que ele estava com alguém, era ela a oficial. Mas ela não liga”.


fonte: Caras Online - 19.11.2013
ERASMO E ROBERTO CARLOS ENSAIAM DUETO PARA ESPECIAL DE NATAL
Erasmo Carlos é um dos convidados do tradicional especial de fim de ano de Roberto Carlos na Globo

Erasmo e Roberto Carlos ensaiam dueto para especial de Natal
Roberto Carlos encerrou a série de ensaios musicais para o especial de fim de ano da Globo. Erasmo Carlos foi o último a soltar a voz com o Rei no estúdio, no Rio de Janeiro, antes da gravação do show.
E o Tremendão mostrou uma foto do encontro em seu perfil no Facebook. "Ensaiando com meu amigo de fé-irmão-camarada",escreveu. A equipe de Roberto também mostrou os bastidores do ensaio no site do cantor. "Para fechar com chave de ouro as participações musicais, foi a vez de Erasmo Carlos dar o ar da graça no Estúdio Amigo. Parcerias definidas e devidamente ensaiadas. Agora é só esperar a gravação".
Nos últimos dias, ele ensaiou com Anitta, Lulu Santos e Tiago Abravanel. O especial terá direção de Jayme Monjardim e será apresentado por William Bonner e Fátima Bernardes. Tatá Werneck também é uma das convidadas do musical deste ano.


fonte: Pure People Online - 19.11.2013
ROBERTO CARLOS ESTÁ NEMORANDO A PROMOTORA DE EVENTOS IARA ANDRADE HÁ DEZ ANOS

O namoro de dez anos de Roberto Carlos que veio à tona nesta terça-feira (19), pelo visto, é mesmo pra valer.
SegundoPurepeople apurou, a eleita do Rei, a cearense Iara Andrade, mora em Fortaleza, mas os encontros com o cantor acontecem em São Paulo.
A discrição do relacionamento por tanto tempo, no entanto, é só para a mídia.
Para familiares e amigos próximos ao casal, o namoro não é novidade e tem a aprovação de todos.
No Facebook, por exemplo, Iara é amiga de Dudu Braga, filho de Roberto. "O Dudu é louco por ela. Quando vem à Fortaleza, os dois sempre jantam juntos. Ele sabe do romance do pai e aprova. Os pais dela também são a favor. O próprio Roberto sempre convida os sogros a ir nos cruzeiros da temporada 'Emoções em Alto Mar'", diz ao Purepeople uma pessoa próxima à Iara, que pediu para não ser identificada.
A morena e Roberto se conheceram há dez anos quando o cantor fez um show em um famoso hotel localizado na orla de Fortaleza, onde ela trabalha no setor de eventos. "Ela não queria nada com ele, mas o Roberto ficou insistindo. Depois a Iara foi a um show dele em Recife e, nesse reencontro, eles conversaram melhor", relata a fonte, completando que a discrição no namoro é algo que parte dos dois lados.
"Ela é muito reservada. Não gosta de se expôr. Mas a Iara merece o reconhecimento do Roberto. Eles têm um relacionamento de casados mesmo, por dez anos. Ela é louca por ele, dedica sua vida ao Roberto. Ele também gosta muito dela, então, está na hora de assumir", torce.
Ao contrário do que foi divulgado, Iara, de 43 anos, não mora em São Paulo. "É lá que eles se encontram. Pelo menos uma vez por mês ela vai pra lá encontrá-lo. Isso quando não vai aos shows. Todos os músicos da banda do Roberto, por exemplo, a conhecem. Pergunte ao Dedé (Marquez, percussionista), por exemplo", entrega a fonte.
Entre amigos, a escolhida pelo Rei é muito querida. Assim como Maria Rita e Miriam Rios, ex-mulheres do cantor, Iara também é católica fervorosa. "Toda quinta-feira à noite e domingo de manhã vai à igreja que fica ao lado do hotel em que ela trabalha. É uma mulher de princípios, por isso ele a escolheu. Lembra muito o estilo da Miriam Rios, sabe?", compara.
A morena também não faz o estilo ciumenta. Mesmo com tantos supostos romances, Iara confia no Rei. "Quando falaram que ele estava saindo com a Paula Fernandes, ela não ficou com ciúmes. É muito segura no namoro. Nessa época, saiu uma notinha dizendo que ele tinha sido flagrado com a Paula. Na verdade, era a Iara. Ela riu muito e achou graça porque a Paula tem cabelos compridos e ela não", relembra a fonte.
Além de trabalhar no hotel, Iara coordena eventos da Banda Acaiaca, grupo muito conhecido em Fortaleza por se apresentar em feiras, eventos e congressos. Antes, ela já havia trabalhado como dançarina na banda. A morena foi descoberta aos 17 anos em um concurso de balé clássico.
"Mas seu trabalho não fazia o estilo dançarina de axé. Ela participava de danças folclóricas, algo elegante. A Iara é uma menina muito prendada. Não foi só ela que tirou a sorte grande ao conhecer o Rei. Ele também tirou", elogia. Procurada por Purepeople, Iara prefere se manter discreta. "Não quero falar sobre isso, me desculpa. Entendo o trabalho da imprensa, mas me prefiro não me posicionar".


fonte: Pure People Online - 19.11.2013
ROBERTO CARLOS ESTARIA NAMORANDO UMA CEARENSE HÁ DEZ ANO, SEGUNDO O JORNAL 'O DIA' DESTA TERÇA-FEIRA

A vida amorosa de Roberto Carlos é um mistério desde a morte de sua mulher, Maria Rita, em dezembro de 1999. Muitas mulheres foram apontadas como as donas do coração do Rei, mas nenhuma foi oficialmente confirmada. Agora surge mais uma informação.
Segundo a colunista Regina Rito, do jornal "O Dia" desta terça-feira (19), o cantor não está só namorando, como o romance já dura dez anos. A eleita seria uma mulher cearense, identificada apenas como Iara. Ela, atualmente, mora em São Paulo.
O último suposto affair de Roberto foi a produtora baiana Luciana Sobreira. Ele, no entanto, desmentiu a informação por meio de sua assessoria de imprensa. "Me pareceu competente, uma moça bonita, mas nós nunca namoramos. Não sei porque estão dizendo isso", afirmou ele.
Em dezembro do ano passado, Rosiana Beltrão, superintendente do Cais de Porto de Maceió, foi apontada como affair do Rei. Informação também negada. "Não é verdade nem que eu conheça pessoalmente essa pessoa. Sei que ela é supervisora do porto onde estive para receber minha embarcação", disse o cantor.
O irmão mais velho de Roberto, Carlos Alberto, já declarou em entrevista à revista "Caras" que o Rei não está solteiro. "Ele nunca está sozinho, acho que está (namorando), mas gostaria que ele dissesse", contou à publicação.
Há aproximadamente um ano, em entrevista ao "Fantástico", Roberto disse que estava se apaixonando. "Estou ficando", revelou o artista, meio sem jeito. E ainda concluiu: "Ainda não é um novo amor, mas quem sabe", finalizou.


fonte: Caras Online - 18.11.2013
TIAGO ABRAVANEL ENSAIA COM ROBERTO CARLOS PARA ESPECIAL DE FIM DE ANO
Tiago Abravanel é um dos convidados do especial de fim de ano de Roberto Carlos

Tiago Abravanel ensaia com Roberto Carlos para especial de fim de ano
Depois de Anitta e Lulu Santos foi a vez de Tiago Abravan soltar a voz com Roberto Carlos.
Os dois se encontraram no domingo, 17, para ensaiar o número que farão no tradicional especial de fim de ano do Rei, exibido em dezembro na Globo.
O especial terá direção de Jayme Monjardim e será apresentado por William Bonner e Fátima Bernardes. Tatá Werneck também é uma das convidadas do musical deste ano.


fonte: Caras Online - 17.11.2013
LULU SANTOS ENSAIA COM ROBERTO CARLOS PARA ESPECIAL DE FIM DE ANO
Lulu Santos participará do show de fim de ano de ano de Roberto Carlos e já está ensaiando.

Lulu Santos ensaia com Roberto Carlos para especial de fim de ano
Anitta não é a única que já está ensaiando para o tradicional show de fim de ano de Roberto Carlos. O cantor Lulu Santos, que também é jurado do The Voice, registrou o ensaio com o Rei e publicou a imagem no Instagram. Na legenda, escreveu: “Tarde de ensaio”.


fonte: O Diário.com - 14.11.2013
BIOGRAFIA DEVE PRESERVAR INTIMIDADE, DIZ ADVOGADO DE ROBERTO CARLOS
A batalha pela autorização prévia das biografias é página virada. A luta agora, segundo o advogado de Roberto Carlos, Antonio Kakay de Almeida Castro, é pela preservação da intimidade. Algumas palavras mudam no jogo proposto por Kakay: sai " liberdade de expressão", entra "direito à informação". "Estamos falando de biografias, que têm de ter informações, não de livros de ficção (nos quais vale tudo)", diz ele. Sai a desgastada "privacidade", entra a "intimidade". "Elas são a mesma coisa", diz.
Kakay gostaria de incluir ajustes ao projeto de autoria do deputado Newton Lima (PT-SP), que está prestes a ser votado na Câmara dos Deputados. Se for aprovado (depois da Câmara segue para o Senado e para sanção presidencial), os autores de biografias não precisarão mais da autorização dos biografados para lançar livros. Os ajustes propostos por Kakay dizem respeito aos temas saúde, família e amigos dos biografados.
A reportagem destrinchou o tema intimidade (ou privacidade) com biógrafos e advogados especialistas em direitos autorais. Com o próprio Kakay, surgiram os dois primeiros tópicos de uma espécie de tratado informal sobre o assunto:
1) Vida privada: Fatos da chamada vida privada são preserváveis até o momento em que ela interferir em fatos profissionais. Se o artista usa um episódio vivido dentro de sua casa para compor uma canção, ele deixa a esfera da privacidade e se torna pública, portanto biografável.
2) Auto-exposição prévia. Se, em qualquer momento de sua vida, um artista fala a uma publicação (jornais, revistas) sobre um episódio ou uma rotina considerados íntimos (sua vida doméstica, um acidente, um trauma, uma amante), ele mesmo elimina o caráter privativo do fato e o torna passível de ser biografado, sem ônus ao biógrafo por fazê-la recorrendo aos arquivos.
Mais tarde, a reportagem elaborou outros dois itens:
3) Paralelismos biográficos: histórias vividas por mais de um personagem não têm caráter de exclusividade. Se ela ocorre quando o personagem principal encontra-se em grupo, se é testemunhada em espaços públicos e com a participação direta de outros agentes, entende-se que não pertence a um, mas a todos os envolvidos na cena.
4) Terceiros: muitos são os casos de personagens secundários ou terciários citados em biografias. Se eles vivem um momento fundamental na obra do artista, devem ser procurados pelos biógrafos para expor suas histórias. Se não se pronunciarem, podem ter seus nomes e seus episódios citados por outras pessoas que também estiveram na cena, ou por documentos que comprovem fatos.
O biógrafo Ruy Castro, depois de ler os pontos, considerou: "Acho todos os argumentos irrefutáveis. Eu próprio, nos cursos de biografia que dou, sempre enfatizo alguns: 1) Se uma história, delicada ou não, é indispensável para elucidar a trajetória pessoal ou profissional do biografado, ela deve ser usada. Se não, não. 2) A interferência de outras pessoas na vida do biografado só deve ser usada se auxiliar na compreensão do biografado. 3) Uma biografia não trata de uma só pessoa, mas de um grupo, de um lugar e de uma época".
O jornalista e biógrafo de Raul Seixas, Edmundo Leite, não concorda com o detalhamento da intimidade. "Tentar regulamentar esses limites legalmente ou num código de conduta é uma coisa errada, perigosíssima, danosa em qualquer sentido. Estão querendo criminalizar algo que não é crime. Piorará ainda mais a situação." Ele cita um caso prático: "Você não está cometendo um crime, que é o que uma regulamentação provocaria, se falasse de um determinado namorado da Elis Regina na adolescência, antes da carreira, mesmo que teoricamente isso não tenha nada a ver com sua obra. Imagine se esse namoradinho seguiu a vida dele e se tornou uma grande personalidade. E ambos não gostassem de mencionar isso. É uma mera curiosidade na vida de ambos. Uma boa biografia perderia sem isso".


fonte: Ego Online - 14.11.2013
PRE-PA-RA! ANITTA ENSAIA COM ROBERTO CARLOS PARA ESPECIAL DE FIM DE ANO
Cantora postou registro do encontro em seu perfil do Instagram nesta quinta-feira, 14.
Como sempre acontece, Roberto Carlos fica ligadinho em tudo o que foi sucesso durante o ano para levar ao seu especial na TV Globo. E, pelo registro abaixo, o rei ficou de olho em Anitta, e chamou a cantora para cantar com ele. A foto foi parar no perfil da cantora, que contou ainda que se tratava de um registro de um ensaio. "Ensaiando com o Rei Roberto Carlos para o seu especial de fim de ano. Obrigada pelo convite. Amei conhecer Roberto. Que pessoa incrível, transmite a paz no lugar inteiro quando chega. Do bem, alegre, simpático, simples, cuidadoso. Amei!", babou ela. Agora, resta saber se Robertão vai dançar o "Show das poderosas". Será?

Anitta e Roberto Carlos: será que o rei ficou ba-ban-do?

Roberto Carlos e Renan Machado, irmão de Anitta: ele também tietou o rei


fonte: Boa Informação Online - 14.11.2013
GLOBO DEFINE LISTA DE CONVIDADOS DO ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS

Anitta ensaia com Roberto Carlos para especial de fim de ano
Ainda em se tratando de Natal e do especial de Roberto Carlos, a Globo pretende reunir cerca de 1200 convidados na plateia, além daqueles que subirão ao palco para interagir com o rei – como são os casos de Erasmo Carlos, Lulu Santos, Tiago Abravanel, Tatá Werneck, Anitta e Fátima Bernardes. Quatro conhecidos DJs também darão suporte ao programa. No ar, dia 25 de dezembro.


fonte: O Globo - 11.11.2013
CORPINHO DE 30
“40 anos, Juntos” é como se chamará o especial do Roberto Carlos deste ano. No cenário de May Martins estará um lustre feito de metal e cristal tcheco, com seis metros de diâmetro. A gravação será dia 23 de novembro e a exibição, dia 25 de dezembro.


fonte: G1 Online - 09.11.2013
TATUADOS COM MÚSICA CONHECEM ROBERTO CARLOS E FICAM 'EM CHOQUE'
Nathalie e irmão Fernando encontraram Rei após show em Campo Grande.
Estudantes tatuaram a canção 'Como é grande o meu amor por você'.
Irmãos com Roberto Carlos durante encontro.

Unidos pelos laços fraternos e pela tatuagem da música 'Como é grande o meu amor por você', os estudantes e irmãos Nathalie e Fernando Becker, de 23 e 22 anos, conseguiram realizar o sonho de conhecer Roberto Carlos, na quinta-feira (7), dia em que o cantor fez show em Campo Grande.
"Estou em êxtase e em choque até agora. Ainda não consigo acreditar que consegui ir ao show, sentar em frente ao palco e ir ao camarim. Minhas pernas ficaram trêmulas e chorei muito. Ele falava: 'não chora, menina, não chora'”, relata Nathalie sobre o encontro com o Rei. “Falei que ele não sabia o quanto foi difícil estar lá e o quanto ele é importante na minha vida e do Fernando."
Segundo a jovem, Roberto Carlos gostou da tatuagem e até fez fotos com eles mostrando a canção nas costas. "Ele disse que já sabia da nossa história. Isso para mim foi incrível. Fora que ele é carismático, simpático, simples e atencioso. Eu não consegui dormir de tanta emoção", declara.

Canção marcante
A música 'Como é grande o meu amor por você' ficou marcada na história da família Becker Nathalie a cantou para o irmão Fernando no momento em que ele estava em coma. Segundo ela, ele reagiu após ouvir a melodia. Depois disso, resolveram tatuar a letra nas costas.
Nossa amizade e cumplicidade são muito fortes. Ele sabia que eu estava lá, cantando pra ele e segurando na mão dele".
Os dois cresceram ouvindo a música na voz da mãe Évora Becker, que a entoava como canção de ninar.
Gerente administrativa em uma unidade básica de saúde de Campo Grande, Évora contou que sempre foi fã de Roberto Carlos, mas que a canção tem uma importância maior, não apenas por conta da recuperação do filho, mas também porque traz lembranças da mãe, avó de Fernando e Nathalie, que pediu para ouvir a canção, que eles apelidaram de 'o tanto', antes de morrer.
Renascido A família conta que Fernando foi internado depois de cair e fraturar duas vértebras da coluna. Ninguém sabe como o acidente aconteceu. Ele foi encontrado já desmaiado dentro do banheiro na casa da família. Ficou cerca de dez dias em coma.
Nathalie lembra que foi visitar o irmão no hospital. "Minha mãe já tinha pedido para eu cantar ‘o tanto’ [apelido da música par a família] para o meu irmão. Quando vi ele naquela situação, desacordado, só pensei em cantar, porque a gente sempre cantava quanto estava com algum problema, era uma forma de nos unir e mostrar um pro outro que estávamos ali do lado", relata.
Segundo ela, até então o rapaz não estava respondendo bem aos estímulos externos. "Comecei a cantar e segurei na mão dele, e de repente ele respondeu com estímulo, apertou minha mão. Fiquei muito emocionada e continuei cantando, até que ele abriu os olhos pra mim", lembra, emocionada.
A jovem afirma que a música despertou no caçula um pouco da consciência 'adormecida' pelo estado de coma. "Nossa amizade e cumplicidade são muito fortes. Ele sabia que eu estava lá, cantando para ele e segurando na mão dele, mesmo sem me ver. Depois disso ele começou a se recuperar mais a cada dia", explica.
Fernando conta que teve trombose cerebral, hipoglicemia severa e e outras complicações. Depois de voltar do coma, ficou ainda 20 dias internado até receber alta. Do acidente, não restou uma sequela.
Após o episódio, ele e Nathalie tiveram a ideia de fazer a tatuagem. Foi quando decidiram registrar na pele o momento que viveram no hospital. "Tivemos a ideia juntos e resolvemos tatuar, a princípio, só a primeira parte da música. Mas alguma coisa faltava e então tatuamos o restante da letra. O momento foi meu e dele, mas a tatuagem também foi uma homenagem à nossa mãe e nossos avós", relata.
Évora só ficou sabendo sobre a atitude dos filhos seis meses após o procedimento. Quando resolveram contar, levaram bronca. "Não sou fã de tatuagem, por isso não queria que eles fizessem nada que rabiscasse a pele, mas achei bonito o motivo e a homenagem que fizeram um para o outro", disse.


fonte: Cifra Club News Online - 06.11.2013
ROBERTO CARLOS ROMPE COM ASSOCIAÇÃO 'PROCURE SABER'

O cantor Roberto Carlos decidiu romper laços com a associação “Procure Saber”. A organização reúne autores, artistas e pessoas ligadas ao universo musical dedicadas a estudar e informar os interessados e a população em geral sobre regras, leis e funcionamento da indústria da música no Brasil.
Entre os integrantes do “Procure Saber” estão personalidades como Chico Buarque, Caetano Veloso , Gilberto Gil e Paula Lavigne, que a princípio era a porta-voz e articuladora da associação. Paula, inclusive, se envolveu em algumas brigas públicas. A cúpula do “Procure Saber” decidiu, então, deixar a função de articulador a cargo de Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, advogado de Roberto, bem como evitar novos confrontos públicos.
No que diz respeito a biografias, o “Procure Saber” entende que há uma necessidade de defesa da privacidade dos biografados, mesmo que isso significasse a necessidade de autorização prévia para a publicação das biografias. Em artigos publicados no jornal O GLOBO, Djavan, Caetano e Chico defenderam esta questão. Para os escritores, jornalistas e biógrafos, a postura da associação representa uma defesa da censura.
Há uma semana e meia, Roberto concedeu uma entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, em que se declarou a favor das biografias não autorizadas, mas “com certos ajustes”. Dois dias depois, o “Procure Saber” publicou um vídeo no qual Roberto, Erasmo e Gil apareciam revendo seus posicionamentos.Não satisfeito com os rumos da situação, Caetano usou sua coluna n’O Globo para manifestar seu ponto de vista. Em texto publicado no último domingo (3), o artista baiano criticou abertamente a postura de Roberto:
“E RC [Roberto Carlos] só apareceu agora, quando da mudança de tom. Apanhamos muito da mídia e das redes, ele vem de Rei. É o normal da nossa vida. Chico era o mais próximo da posição dele; eu, o mais distante. De minha parte, apesar de toda a tensão, continuo achando que estamos progredindo. Assunto global quente, o Brasil não pode tratar tolamente”, escreveu Caetano em um trecho da publicação.
Desde então, a saída de Roberto do “Procure Saber” era apenas questão de tempo. Na noite da última terça-feira (5), Dody Sirena, empresário do cantor capixaba, enviou um e-mail aos demais integrantes da associação informando a decisão de Roberto. Em tom cordial, Dody pontua os progressos que os artistas conquistaram juntos e deu a entender que o Rei não descarta apoiar futuras ações relacionadas aos interesses da associação.

Leia a íntegra do comunicado:

“Caros amigos do Procure Saber,
Este ano ainda não encerrou e vejo quantos movimentos interessantes aconteceram para os artistas brasileiros. Demos um grande passo com o Ecad e trouxemos à tona o tema biografias/privacidade. Falamos sobre direitos e, como administradores/empresários dos maiores nomes da música brasileira, sabemos que no futuro tudo isso será uma grande referência de um movimento coletivo, como outros que estes ícones já participaram. Interessante lembrar que a tropicália e as guitarras andaram em calçadas diferentes, que a imprensa anunciava que a MPB não gostava da Jovem Guarda, e com o tempo todos se uniram no mesmo pensamento.
Caminhamos bastante, divergimos algumas vezes, mas acredito que podemos nos ver como uma seleção de futebol onde os grandes craques se reúnem para defender o país e depois voltam para os seus times. Roberto conversou muito comigo em função dos últimos acontecimentos. Não é bem assim o nosso jeito de trabalhar, somos mais discretos, afinal defendemos também a privacidade no sentido profissional.
Concluímos que neste momento é importante continuar o trabalho que iniciamos há muitos anos sobre biografias, independente de estarmos em uma associação ou grupo. Portanto, a partir de agora, fiquem à vontade com o andamento do Procure Saber sem a presença direta do Roberto. O comitê criado na última reunião na Urca para atender as biografias continuará atuando de forma intensa apenas em nome do Roberto, já que Dr Marco Antonio Campos, Dr Antonio Carlos Almeida/Kakay, Dra Fernanda Gutheil e Dra Ana Paula Barcelos, são profissionais de sua equipe.
Gostaria de sugerir que o Procure Saber nomeie representantes para falar em nome do grupo quanto a liberação das biografias e em defesa da privacidade, principalmente no Congresso Nacional, em razão do pronunciamento coletivo e do comunicado oficial. Sempre que outros assuntos surgirem com tema coletivo, se Roberto entender que a pauta vai de encontro aos seus pensamentos, considerem sua adesão. Como exemplo, a pronta e efetiva participação dele no caso do autoral/Ecad e nos futuros desdobramentos com órgão regulador, como já discutimos em outras ocasiões, bem como as questões trabalhistas e a plataforma digital.
Foi muito importante termos participado deste grupo e desejamos boa sorte para os próximos passos.
Com respeito e admiração por cada um de vocês.”
Dody Sirena
DCSet Promoções”


fonte: Jornal do Brasil Online - 06.11.2013
ROBERTO CARLOS ANUNCIA SAÍDA DO GRUPO PROCURE SABER
O cantor Roberto Carlos informou na noite dessa terça-feira (5), por meio de seu empresário, que não faz mais parte da associação Procure Saber. Dody Sirena enviou um e-mail aos demais integrantes do grupo, entre eles Chico Buarque, Caetano Veloso e Gilberto Gil, informando a decisão, de acordo com informações da Globonews.
No ultimo domingo (3) Caetano Veloso atacou o cantor em sua coluna no jornal O Globo. “Roberto Carlos só apareceu agora, quando da mudança de tom. Apanhamos muito da mídia e das redes sociais, ele vem de Rei”, escreveu o baiano.
Segundo a coluna de Mônica Bergamo, no jornal Folha de S.Paulo, as palavras de Caetano vieram após os integrantes da Procure Saber se reunirem no estúdio do rei, na semana passada, e decidir que Paula Lavigne não falaria mais sobre biografias em nome da entidade. Um comitê, formado por advogados de Roberto Carlos, tocaria a questão, já que a equipe do cantor estava insatisfeita com a forma que Lavigne conduzia o assunto sobre as biografias.
Caetano não teria contestado a decisão no dia da reunião, mas no final de semana, por meio de seu artigo, mostrou a insatisfação. “É o normal da nossa vida. Chico era o mais próximo da posição dele; eu, o mais distante. De minha parte, apesar de toda a tensão, continuo achando que estamos progredindo. Assunto global quente, o Brasil não pode tratar tolamente", escreveu.


fonte: O Globo (Coluna Anselmo Gois) - 06.11.2013
NÃO É SÓ CAETANO
Ontem, Chico, Djavan e Milton Nascimento endossaram a opinião de Caetano Veloso de que o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro não fala em nome do Procure Saber. Aliás, Kakay mandou mensagem que tudo o que fez, na questão das biografias,”foi cuidar dos interesses de Roberto Carlos, meu cliente”.


fonte: O Documento Online - 06.11.2013
BOMBEIROS INTERDITA GINÁSIO E SHOW DE ROBERTO CARLOS PODE NÃO SER REALIZADO

O Corpo de Bombeiros interditou na tarde desta terça-feira o ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá, por não cumprir algumas regras contra incêndio e pânico. A decisão pode comprometer a realização do show de Roberto Carlos, marcado para o sábado, dia 9, e um dos mais esperados do ano.
Todavia, o evento pode acontecer caso algumas medidas sejam tomadas pela organização do show ou pela administração do estádio, sob a Secretaria de Esportes. O prazo para que atendam as regras de segurança é até 12 horas antes do show.
"O show não está cancelado, apenas o local está interditado até que os organizadores obedeçam aos critérios pedidos pela corporação e as cumpram", disse a comunicação do Bombeiros.
Após as mudanças, uma vistoria do Bombeiros será feita para que ocorra a liberação do ginásio.


fonte: O Globo Online - 05.11.2013
ROBERTO CARLOS DEIXA A ASSOCIAÇÃO PROCURE SABER
Decisão foi comunicada aos membros do grupo por seu empresário, Dody Sirena, na noite desta terça-feira

RIO - O cantor Roberto Carlos não faz mais parte do grupo Procure Saber. Agora há pouco, por volta das 22h desta terça-feira, Dody Sirena, empresário do Rei, enviou um e-mail aos demais integrantes, entre eles Chico Buarque, Caetano Veloso e Gilberto Gil, informando da decisão.
Na mensagem, de tom cordial, Dody compara o grupo a uma seleção de futebol, em que os jogadores se encontram, mas depois retornam a seus times. Ele diz, ainda, que os advogados de Roberto vão continuar atuando na questão das biografias, falando em seu nome. E garante que outros assuntos podem voltar a unir Roberto com os outros artistas do Procure Saber no futuro, como o direito autoral, as questões trabalhistas e as plataformas digitais. "Caminhamos bastante e divergimos algumas vezes. Sabemos que, no futuro, tudo isso será um grande exemplo de movimento coletivo", escreveu Dody.
Mais cedo, também nesta terça-feira, por volta das 14h, Cicão Chies, sócio de Sirena na empresa DC Set, já havia escrito para os integrantes informando que não responderia mais como vice-presidente do Procure Saber. Ambas as mensagens foram encaminhadas para a empresária Paula Lavigne, presidente do grupo, com outros músicos, advogados e empresários em cópia.
As razões que levaram o Rei e sua corte a se desligarem do Procure Saber estão relacionadas às discordâncias geradas pela forma com que foi conduzido o debate sobre as biografias não autorizadas. Desde o início de outubro, artistas do Procure Saber vêm se manifestando publicamente contrários à mudança no Código Civil, cujo artigo 20 permite que biografados proíbam a publicação de biografias na Justiça em casos que “lhe atingirem a honra, a boa fama ou a respeitabilidade, ou se se destinarem a fins comerciais”.
O texto da lei está sendo questionado por uma Ação Direta de Inconstitucionalidade movida pela Associação Nacional dos Editores de Livros (Anel) no Supremo Tribunal Federal (STF). Por conta da ação, uma audiência pública será realizada em Brasília, nos dias 21 e 22 de novembro, antes que os ministros do STF decidam sobre a matéria.
A mobilização do Procure Saber, expressa em artigos de Caetano, Chico, Gil e Djavan publicados no GLOBO, era em defesa da privacidade dos biografados, mesmo que isso significasse a necessidade de autorização prévia para a publicação das biografias. Para um grupo grande de escritores e jornalistas, porém, a posição do Procure Saber representava uma defesa da censura, o que fez com que os artistas fossem bastante criticados nas redes sociais.
Foi justamente a partir daí que o racha no Procure Saber começou. Roberto, que em 2007 conseguiu retirar das livrarias a biografia "Roberto Carlos em detalhes" a partir do argumento de ofensa à sua honra, vinha se mantendo distante do debate público. O silêncio do Rei irritou os outros integrantes, que passaram a cobrar internamente um posicionamento direto de Roberto.
A resposta, porém, só aumentou a brasa entre eles. Primeiro, a corte real pediu, então, que Paula Lavigne, empresária de Caetano Veloso, parasse de falar pelo grupo sobre as biografias. A ex-mulher de Caetano Veloso vinha, até ali, servindo de porta-voz e articuladora do Procure Saber e, por isso, acumulou algumas brigas públicas, com destaque para sua participação no programa "Saia Justa", da GNT. O papel de articulação seria deixado com Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, advogado do Rei; e evitariam-se novos confrontos públicos até a audiência pública em Brasília.
Em seguida, para coroar as rusgas entre os artistas, Roberto enfim aceitou falar: há uma semana e meia, ele concedeu uma entrevista ao "Fantástico", da Rede Globo, em que se declarou a favor das biografias não autorizadas, mas "com certos ajustes". Dois dias depois, o Procure Saber, sob o comando de Kakay e Dody Sirena, divulgou um vídeo em que o Rei, Erasmo Carlos e Gilberto Gil apareciam revendo sua posição.
Foi o suficiente para Caetano Veloso voltar ao assunto no último domingo, em sua coluna no GLOBO. Caetano, para quem Roberto e Eramos compuseram "Debaixo dos caracóis de seus cabelos" em 1971, época em que o cantor baiano estava exilado em Londres pela ditadura militar brasileira, escreveu: "RC só apareceu agora, quando da mudança de tom. Apanhamos muito da mídia e das redes, ele vem de Rei".
Desde então, o afastamento de Roberto Carlos do Procure Saber era aguardado. O curioso é que o Rei só teria entrado para o Procure Saber por um acordo que levaria o restante de seus integrantes a se juntar a ele na luta contra as biografias não autorizadas. O grupo foi criado no primeiro semestre com uma pauta inicial de batalhar por mudanças na gestão coletiva dos direitos autorais no Brasil, numa luta que vinha sendo travada contra o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad).
Entre os artistas, comenta-se que Roberto só aceitou ir para Brasília em 3 de julho, num movimento coordenado para fazer pressão no Congresso e no Planalto a fim que se aprovasse o projeto de lei 129/2012, porque teriam prometido a ele uma reunião com a presidente Dilma Rousseff sobre a questão das biografias. O encontro, reservado, teria durado 20 minutos.


fonte: Observatório da Imprensa Online - 05.11.2013
O EFEITO ROBERTO
A fala de Roberto Carlos ao programa Fantástico [domingo, 27/10] deve influenciar na votação do projeto que muda a publicação de biografias no país, em trâmite na Câmara dos Deputados. Na fila para ser votada entre esta e a próxima semana, a Lei das Biografias, como estão sendo chamadas as mudanças propostas na Câmara pelo deputado federal Newton Lima (PT-SP), ganhou força depois que Roberto declarou que, agora, é a favor das publicações sem autorização prévia. “O Congresso trabalha sujeito aos humores da sociedade. A posição do ‘rei’ ajuda a criar um clima mais positivo para a aprovação”, diz Lima.
O deputado afirma que já conta com a assinatura de todos os líderes de partidos para a aprovação das mudanças. Se passar pela casa, o projeto segue para o Senado. O preço para o consenso foi a aceitação de uma proposta de Ronaldo Caiado (DEM-GO), que inclui na lei o rito sumário, um dispositivo que agiliza reparações por danos morais em curto espaço de tempo. Por outro lado, em vez da censura prévia, a retirada de trechos considerados ofensivos à honra do biografado esperaria por uma próxima tiragem. Evasivo na maior parte do tempo em que esteve diante da repórter Renata Vasconcellos, Roberto surpreendeu ao dizer que é a favor das publicações sem autorização, postura radicalmente contrária à que defendia até então. Mas, logo depois, completou com um “porém, com certos ajustes”. Questionado sobre quais seriam tais ajustes, voltou ao vazio. “Isso aí tem que se discutir. São muitas coisas. Tem que haver um equilíbrio e alguns ajustes para que essa lei não venha prejudicar nem um lado nem outro. Nem o lado do biografado nem o lado do biógrafo. E que não fira a liberdade de expressão e o direito à privacidade.”
Depoimentos dos artistas
Sem especificar o que de fato queria dizer com “ajustes”, deixou brechas para interpretações. “Os ajustes aos quais ele se refere, eu imagino, é o que já estamos fazendo, com a inclusão deste rito sumário”, disse Newton Lima. Roberto Feith, editor integrante da Anel (Associação Nacional dos Editores de Livros), responsável pela Adin (Ação Direta de Inconstitucionalidade) que quer, com mais detalhes, o mesmo que o projeto de Lima, mas no Supremo Tribunal Federal (STF), dá sua opinião: “Acho excelente o Roberto dizer que é contra a exigência de autorização prévia da parte do biografado. Certamente, é um avanço. Melhor ainda seria se ele retirasse a proibição sobre a publicação da excelente biografia escrita pelo Paulo Cesar Araújo, Roberto Carlos em Detalhes), um trabalho da maior seriedade.”
Ao ser questionado sobre a biografia de Paulo Cesar pelo Fantástico, Roberto disse: “Isso aí tem que ser discutido.” Uma postura sua que ainda diverge dos biógrafos é a respeito da propriedade da história. “O biógrafo também pesquisa uma história que está feita pelo biografado. Então, na verdade, ele não cria uma história, ele faz um trabalho e narra aquela história que não é dele; é do biografado. E, a partir do que ele escreve, ele passa a ser dono da história. Isso não é certo.” Feith comentou: “O depoimento do Roberto expressa a convicção de que ele é o único legítimo ‘dono’ da sua trajetória de vida. Ele parece não aceitar o conceito de que, como um grande protagonista da vida brasileira, sua história se mistura com a nossa, pertence um pouco a cada um de nós.”
Como antecipado por Sonia Racy, a divulgação de um vídeo com depoimentos dos artistas da associação Procure Saber (Gilberto Gil, Caetano Veloso, Chico Buarque, Milton Nascimento, Erasmo Carlos e Djavan) gravado ontem, é esperada para hoje. A reportagem procurou Paula Lavigne, presidente da associação. Não houve respostas até o fechamento desta edição. A assessoria de Milton Nascimento informou que “agora, ele só fala de projetos artísticos.” O assessor de Chico Buarque disse que Paula é quem fala pelo grupo. A de Djavan afirmou que o músico está em viagem de turnê, com a agenda lotada. Não houve respostas da assessoria de Gilberto Gil.


fonte: Veja Online - 05.11.2013
CHICO BUARQUE VERSUS ROBERTO CARLOS
Chico: racha

Chico Buarque, ainda em Paris, onde escreve seu novo livro, não pode nem ouvir falar em Roberto Carlos. De acordo com relato de amigos, Chico tem dito que entrou na polêmica das biografias em solidariedade a Roberto, mas o Rei fugiu do confronto no início e depois quis aparecer numa posição mais conciliadora – uma crítica que segue a mesma toada de Caetano Veloso, em seu artigo no domingo n’O Globo. O racha é profundo no grupo Procure Saber – ou, a essa altura, no ex-grupo.


fonte: O Globo (Coluna ancelmo Gois) - 03.11.2013
SÃO TANTAS EMOÇÕES
No meio desta polêmica das biografias, Roberto Carlos encarou um ano conturbado no prédio onde mora, na Urca, em frente à Baía de Guanabara. Nos últimos meses, o Rei foi a cinco reuniões de condomínio para discutir um problema financeiro nas contas do prédio. A última foi semana passada.


fonte: Tribuna Hoje - 03.11.2013
CAETANO CRITICA ROBERTO CARLOS E EVIDENCIA RACHA NO PROCURE SABER
"Apanhamos muito da mídia e das redes, ele vem de Rei", escreveu cantor em coluna no jornal "O Globo" de 02 de novembro

Caetano Veloso e Roberto Carlos, em show conjunto
Críticas de Caetano Veloso a Roberto Carlos evidenciaram um racha entre os artistas do Procure Saber, grupo que é contra a publicação de biografias não autorizadas.
Em sua coluna dominical no jornal "O Globo", Caetano criticou a imprensa por "dar a impressão" de que o Procure Saber mudou de posição contra as biografias. A semana foi marcada por um tom mais ameno do grupo, evidenciado em entrevista de Roberto Carlos ao "Fantástico" e em um vídeo divulgado na internet com a participação dele e de Erasmo Carlos e Gilberto Gil.
"RC só apareceu agora, quando da mudança de tom. Apanhamos muito da mídia e das redes, ele vem de Rei. É o normal da nossa vida. Chico era o mais próximo da posição dele; eu, o mais distante", escreveu Caetano. "De minha parte, apesar de toda a tensão, continuo achando que estamos progredindo."
Caetano também alfinetou Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, advogado de Roberto Carlos, dizendo que ele fala pelo cantor, e não pelo Procure Saber.
O músico ainda afirmou que a defesa do equilíbrio entre o direito de livre expressão e à privacidade, defendido no vídeo do Procure Saber, já tinha sido mencionado por Paula Lavigne , sua ex-muilher e presidente do grupo, no programa “Saia Justa”.
"Para mim, ressalta o fato de que não há novidade conceitual nenhuma", escreveu Caetano. "Pode-se dizer que Roberto Carlos esteja se dirigindo ao público num tom de quem admite que o tema seja discutido, não como quem veta a hipótese de qualquer relativização da obrigatoriedade de autorização prévia. Mas isso porque Roberto era tido e sabido como o inimigo número um da invasão da privacidade. É notório que não era o meu caso, mas também ficou claro não ser o de Gil, Paulinha ou Djavan, por exemplo."
Em 2007, Roberto Carlos conseguiu proibir a circulação da biografia “Roberto Carlos em Detalhes”, escrita por Paulo Cesar Araújo. A editora Planeta, que chegou a lançar o livro, teve de recolher toda a tiragem das livrarias.
Na entrevista ao "Fantástico", porém, adotou posição mais flexível. "Tem que se conversar e chegar a um equilíbrio. Sou a favor [da mudança na lei], mas desde que não se prejudique o biografado nem o biógrafo", afirmou Roberto Carlos, negando mudança de posição. "O que não pode é ferir a liberdade de expressão e o direito à privacidade. Juristas precisam estabelecer regras."
Neste sábado (2), a jornalista Mônica Bergamo, da "Folha de S. Paulo", afirmou que os dias do Procure Saber estão contados. A dúvida, segundo a colunista, é o momento em que o Procure Saber será encerrado, já que para participar das discussões sobre o tema que acontecem no fim do mês no Supremo Tribunal Federal (STF) é preciso que os artistas sejam representados por uma associação.


fonte: Diário Catarinense Online - 01.11.2013
"QUEM DERA EU FOSSE NAMORADA DO ROBERTO CARLOS", AFIRMA AMANDA JUNCKES
Rei conheceu Amanda Junckes, de 19 anos, em show realizado em Florianópolis no mês de abril

Jovem de 19 anos nega envolvimento com o Rei após boatos de que os dois estariam namorando
Amanda: "Não sei como essas coisas surgiram, acho que das fotos, ou porque eu sou mais nova".

Após boatos de que estaria namorando o cantor Roberto Carlos, a catarinense Amanda Junckes, de 19 anos, conversou com o Diário Catarinense por telefone na noite de quinta-feira. Na entrevista, a garota, que mora em São Pedro de Alcântara na Grande Florianópolis, negou as afirmações do colunista do DC Cacau Menezes sobre o namoro e disse que sua relação com o Rei é apenas de fã e ídolo.
Procurada novamente nesta sexta, a jovem não foi mais localizada pela reportagem e, segundo a família, não estaria atendendo o celular. No escritório em que trabalha, a atendente foi instruída a recusar ligações da imprensa e disse que Amanda não falaria sobre assuntos particulares no ambiente profissional. Confira abaixo as declarações dadas por ela na quinta-feira.

Diário Catarinense – Você é namorada do cantor Roberto Carlos?
Amanda Junckes – Não. Quem dera eu fosse namorada dele. Sou muito fã dele, mas infelizmente não namoro com ele.

DC – Recebemos a informação de que você foi convidada a ir a shows com ele...
Amanda – Sim, fui a três. A gente tirou uma foto no camarim e só. E saí de lá com isso, ele não pagou nada. Acho que essa história surgiu porque eu sou mais nova, sei lá, maldade.

DC – Seu tio também contou que vocês são próximos, é verdade?
Junckes – Acho que ele falou isso porque meu pai trabalha na Itapemirim, e o dono é amigo do Roberto Carlos. Foi assim que consegui ter acesso ao camarim dele para bater a foto. Pedi isso porque, como eu te disse, sou muito fã mesmo do Roberto.

DC – Você chegou a ir visitá-lo em São Paulo?
Amanda – Nunca.

DC – Como você descreve a relação de vocês?
Amanda – De maneira alguma é um namoro, ou qualquer tipo de relacionamento amoroso. Também não posso dizer que é uma amizade, porque nem sei se ele lembraria o meu nome hoje em dia.

DC – Você ligou para o Roberto Carlos na quinta-feira para avisar do boato sobre vocês dois?
Amanda – Não. Quem dera eu tivesse o telefone dele.

DC – Como você acha que surgiram esses boatos?
Amanda – Não sei. Só sei que fiquei muito chateada, eu namoro um menino há seis meses e não acho justo ele ler isso. Não sei como essas coisas surgiram, acho que das fotos, ou porque eu sou mais nova. Não sei te dizer. Eu idolatro o Roberto, é o único cantor que eu pago para ver em outros Estados do Brasil. Eu até queria ser namorada dele, mas não sou.


fonte: Diário Catarinense - 01.11.2013
BOATO SOBRE NAMORADA DE ROBERTO CARLOS CORRE DESDE ABRIL EM SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA
Rei conheceu Amanda Junckes, de 19 anos, em show realizado em Florianópolis no mês de abril

A jovem chegou a publicar fotos com o cantor no Instagram, mas bloqueou a conta nesta
A próxima biografia não-autorizada de Roberto Carlos, ou aquela que ele prometeu escrever sobre si mesmo, pode fazer referência ao município de São Pedro de Alcântara, colônia alemã de menos de 5 mil habitantes localizada na Grande Florianópolis. Resta saber se os rumores que ligam o Rei à pequena cidade catarinense renderiam um breve parágrafo ou um capítulo inteiro.
Na última quinta-feira, o colunista do DC Cacau Menezes apontou uma jovem de 19 anos, nascida e criada lá, como a atual namorada de Roberto, mencionando inclusive a intenção dele de se casar. O nome da cortejada não apareceu na nota, mas bastaram poucas linhas de jornal para o que o boato de interior ultrapassasse os limites da Praça Leopoldo Francisco Kretzer, no município.
Apesar de o assunto chegar só agora à imprensa e ao público, boa parte da população que circula no Centro de São Pedro de Alcântara, como trabalhadores do comércio e dos raros restaurantes, já ouve rumores sobre uma relação com Amanda Junckes há cerca de seis meses, desde que o Rei se apresentou no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, em abril.
De acordo com moradores – a maioria ressabiada em fazer afirmações categóricas – a garota que é fã da música de Roberto desde criança conheceu o ídolo no dia do show. De lá para cá, a relação teria se estreitado. Os dois chegaram a se encontrar em pelo menos outras duas apresentações do cantor fora de Santa Catarina, para as quais ela teria sido convidada pelo próprio Roberto. A garota confirma ter ido aos shows e no camarim, mas nega o convite e diz ter feito as viagens por conta própria.
Ao redor da praça, na loja de roupas, na lanchonete, na agropecuária e na casa lotérica, todos sabem – mas também não sabem; e desconversam com expressão de desconfiança.
Alguns dizem que raramente a veem passar, que ninguém a conhece muito bem. Outros esperam que o boato de namoro se confirme e que a existência de uma "rainha" alcantarense traga bons frutos para a cidade, como a manutenção do caixa eletrônico do Banco do Brasil, quebrado desde um assalto em junho.
Aqui e ali, costurando os pedaços de informação que cada um concorda em ceder, o retrato de uma grande fã de Roberto Carlos começa a se desenhar. Loira e muito bonita, a jovem é descrita como reservada e de poucas amizades.
Filha de um comerciante do ramo de hortifrúti e de uma funcionária da prefeitura, ela trabalha em um escritório de arquitetura em São José e passa a maior parte do dia fora, mas leva uma vida normal – caminha na rua, pega ônibus e vai a eventos familiares.
Na casa da família, uma construção de alvenaria bem cuidada na área central, o clima é de cautela.
Com a publicação da história no jornal e na TV, familiares foram avisados sobre uma possível visita da imprensa e preferem não comentar publicamente o assunto. Um parente próximo, que pediu para não ser identificado, se disse surpreso com a palavra namoro; segundo ele, até a garota, que afirma ter namorado, levou um susto.
No escritório em que trabalha, a atendente foi instruída a recusar ligações da imprensa e disse que Amanda não falaria sobre assuntos particulares no ambiente profissional. Após a entrevista concedida por telefone na noite de quinta-feira ao DC, a jovem não foi mais localizada pela reportagem e, segundo a família, não estaria atendendo o celular.
Coincidentemente ou não, com o aumento do falatório, Amanda deletou a conta no Facebook e bloqueou o acesso ao Instagram, onde havia postado duas fotos suas ao lado do Rei no que pareciam bastidores de show. O DC entrou em contato com a assessoria do cantor, que disse desconhecer a informação sobre um namoro entre os dois.
Apesar da notícia não passar em branco entre os moradores de São Pedro de Alcântara, o ritmo da cidade parece pouco disposto a mudar. No meio de um dia útil, mesmo após a divulgação na mídia, ninguém circulava pelas ruas e a maior parte dos estabelecimentos continuava com as portas fechadas no horário de almoço.


fonte: O Dia - 01.11.2013
Roberto Carlos lançará ano que vem, pela Tribo Editora, o Collector’s Book ‘Roberto’, publicação inédita sobre sua vida e carreira, com os momentos mais marcantes de sua trajetória. A narrativa da obra será contada por meio de frases retiradas das mais de 500 músicas compostas ao longo da vida do artista. Editado pelo próprio cantor, o livro terá edição única e limitada. “Há quatro anos estamos trabalhando na edição de um livro de fotografias minhas. Durante todo esse tempo pesquisamos e selecionamos imagens que vão mostrar vários momentos da minha vida profissional e pessoal. Estamos muito próximos da edição deste livro. Estou muito contente com tudo que está sendo feito e o lançamento será em abril de 2014”, anuncia o Rei.


fonte: O Globo (Coluna Ancelmo Gois) - 01.11.2013
Não adianta tapar o sol com a peneira. O grupo Procure Saber está rachado depois da intervenção do staff de Roberto Carlos.


PÁGINA INICIAL VOLTAR MENU RARIDADES