GUMARC
AGORA EU SEI (NOTÍCIAS DO DIA A DIA)



fonte: Jornal da Paraíba Online - 26.04.2017
ROBERTO E ERASMO ENTRAM BEM NO MAPA DA NOSSA CANÇÃO
Os dois volumes de A Canção no Tempo oferecem precioso mapeamento da música popular
que os brasileiros produziram entre 1901 e 1985.
Os pesquisadores Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello
comentam as canções que marcaram cada ano.
De Parei na Contramão a Caminhoneiro, Roberto Carlos aparece várias vezes.

REBELDIA
O registro inicial que o livro faz de Roberto Carlos é de 1963: Parei na Contramão, citado como um dos primeiros grandes sucessos de autoria brasileira na área do rock. “O espírito de rebeldia e o impulso dançante do jovem estão presentes nesta gravação, marcada pela guitarra, contrabaixo e a voz anasalada do maior ídolo da mocidade brasileira nos anos seguintes”, comentam os autores. No texto sobre Quero que Vá Tudo pro Inferno (1965), Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello chamam atenção para o fato de que “tal como Orlando Silva, que foi o primeiro ídolo de massa criado pelo rádio no Brasil, Roberto Carlos seria o primeiro criado pela televisão”. Quero que Vá Tudo pro Inferno, dizem eles, “é a canção que marca o início desse reinado”.
BOATO
Namoradinha de um Amigo Meu (1966), por ser assinada só por Roberto, favoreceu “um boato, negado pelo cantor, de que a composição referia-se a um caso realmente vivido por ele e que envolvia um casal em evidência na época”. Já Negro Gato, também de 1966, é de Getúlio Cortes, “um dos raros artistas negros ligados à Jovem Guarda”. O autor nega que a música tenha uma conotação de protesto identificada com os conflitos raciais tão em evidência àquela época.
METÁFORA
Para Severiano e Zuza, As Curvas da Estrada de Santos, de 1969, “é mais ou menos uma reedição do rebelde de Quero que Vá Tudo pro Inferno com um carro mais veloz”. Sentado à Beira do Caminho (1969), sucesso na voz de Erasmo, “é uma metáfora que expõe o desengano dele ante o fim da Jovem Guarda e o que isso representa para a sua carreira”. Do disco que Roberto Carlos lançou em 1970, A Canção no Tempo destaca Jesus Cristo, de certa forma inspirada no sucesso de Jesus Christ Superstar. O livro a classifica como “um rock-hino cantado com respeitoso entusiasmo por Roberto”.
PROTESTO
Três músicas do disco de 1971 são comentadas em A Canção no Tempo. Composta por Caetano Veloso, Como Dois e Dois “é uma canção de protesto, deixando transparecer em seus versos ambíguos referências à ditadura e ao drama do exílio”. Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos é uma homenagem de Roberto a Caetano, depois que o visitou no exílio londrino. E Detalhes atesta “o alto nível de interpretação alcançado por RC, um dos maiores cantores românticos de nossa música popular”. Severiano e Zuza consideram Detalhes uma das melhores canções da parceria Roberto & Erasmo.
AMIZADE
Os pesquisadores seguem comentando as músicas da dupla com Amigo, de 1977, classificada como “um verdadeiro hino à amizade”, que ultrapassou a homenagem a Erasmo Carlos, “aplicando-se a amigos do mundo inteiro”. Falam também de Café da Manhã (1978), “balada romântica temperada por boa porção de sensualidade”, Força Estranha (1978), que Caetano Veloso escreveu como “uma homenagem à figura do cantor” e Outra vez (ainda 1978), de Isolda, “uma das raras músicas não compostas por Roberto e Erasmo que podem ser consideradas clássicos de seu repertório”.
NOSTALGIA
Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello enquadram Amante à Moda Antiga (1980) na categoria das canções nostálgicas e confessionais, destacando a elegância de sua melodia. Quando comentam Emoções (1981), fazem menção à sua bela melodia e ao competente arranjo de big-band e lembram que a música reproduz o clima romântico e nostálgico de outros foxes de Roberto & Erasmo. De Fera Ferida (1982), dizem que é uma das melhores canções da obra de Roberto e Erasmo Carlos. “Composta à época em que se desfazia o casamento de Roberto e Nice, a canção parece refletir o fato nas entrelinhas”.
PARCERIA
No texto sobre Caminhoneiro (1984), Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello aproveitam para falar um pouco da dupla Roberto & Erasmo: “Em atividade desde o início dos anos sessenta, Roberto Carlos e Erasmo Carlos são recordistas de sucessos no período 1963/1985, tendo Roberto setenta e cinco composições relacionadas neste livro (setenta em parceria com Erasmo), das quais, treze são comentadas como destaques. Uma particularidade no trabalho da dupla: há uma participação maior de Roberto na criação das canções mais românticas e de Erasmo nas mais roqueiras”.


fonte: Music Fest Online (Portugal) - 24.04.2017
O REGRESSO DO REI - ROBERTO CARLOS NO MEO ARENA



Dispensa apresentações: Roberto Carlos é o Rei, está vivo e recomenda-se. Canta e encanta, fazendo inveja a muita malta nova. Escolheu Portugal como um dos destinos para a comemoração dos seus 76 aniversários, com concertos em Lisboa e em Gondomar. O Nuno Pires e a Carla Flores marcaram presença no primeiro concerto, no MEO Arena. Consta que não lhes calhou nenhuma fatia de bolo – ainda assim partilham convosco as fotografias e o relato escrito dessa noite.
Dois anos após a sua última visita aos palcos portugueses, Roberto Carlos realizou no dia 19 de abril no MEO Arena primeiro de quatro espectáculos da digressão portuguesa que assinala os seus 76 anos de vida.
Em noite de festa as prendas foram para os milhares de fãs que praticamente esgotaram a sala. E nem o atraso de quase meia hora fez esmorecer o entusiasmo com que o cantor foi saudado e acompanhado durante todo o espectáculo.
Se é verdade que 10 minutos após a hora marcada se fizeram ouvir os primeiros assobios de reclamação pelo atraso (provavelmente causado pela demora de entrado do público) no momento em que se ouviram os primeiros acordes de introdução do espectáculo – Como é grande o meu amor por você – tudo ficou esquecido, dando lugar à celebração.
Acompanhado de uma mini-orquestra de mais de 10 elementos, Roberto Carlos apresentou-se vestido de azul e branco, como já nos habituou. Deu início ao concerto com o incontornável Emoções. A longa experiência de mais de 50 anos de carreira e mais de 40 discos gravados não deixa margem para erros. O desfile de hinos como Lady Laura, Nossa Senhora, O Calhambeque ou As Baleias foi temperado com algumas canções um pouco menos emblemáticas.
O EP lançado recentemente não poderia ser esquecido. Na impossibilidade da presença da cantora e atriz, Chegaste, o tema gravado em dueto com Jennifer Lopez foi mostrado em vídeo com a cantora/atriz a merecer rasgados elogios do brasileiro. Desse EP destacou-se ainda Sua estupidez, o original de 1969 recuperado no final de 2016, que por cavalheirismo e elegância nunca saberemos a quem se dirige.
O serão foi marcado pela presença forte das canções mas também das frequentes interacções do imensamente sedutor Roberto Carlos, num elogio constante às mulheres, nomeadamente a todas as presentes nesta noite a quem dedicou Esse cara sou eu.
Em termos cénicos, o negro predominante no fundo do palco, com todos os músicos trajando de preto, contrastava com o azul e branco que na frente. A opção terá sido por realçar músicos e apoio vocal apenas pelo som e dar destaque ao cantor e ao público, sobre quem os focos incidiram ao longo do serão. Apenas num momento estas cores deram lugar ao verde e vermelho, com Roberto Carlos e todo o MEO Arena a cantar Coimbra, a uma só voz.
Extremamente participativo, o público foi aproveitando cada momento de pausa entre canções (e mesmo antes do início do espectáculo) para entoar os Parabéns a Você. A comemoração formal do aniversário aconteceu com a presença em palco de um magnífico bolo, branco como não poderia deixar de ser, que o Aniversariante-Rei encetou, oferecendo a primeira fatia a uma espectadora na plateia.
Mostrando sempre uma imensa disposição, Roberto Carlos saboreou o bolo, ameaçando não cantar mais. Mas o showcontinuou e o Rei agradeceu vivamente interpretando o tema Como é Grande o Meu Amor por Você, seguido de Jesus Cristo.
O momento alto da interacção com o público terá acontecido ainda ao som deste conhecidíssimo tema e que encerrou a ‘primeira parte’ do concerto. Roberto Carlos, o charmoso e galanteador romântico, entregou, uma por uma, largas, dezenas de rosas vermelhas e brancas às mulheres da plateia, não sem antes pousar um beijo em cada flor, que cada uma guardará certamente como recordação preciosa da noite.
Roberto Carlos voltou a atuar em Lisboa no dia 21, apresentando-se, tal como em 2015, no Pavilhão Multiusos de Gondomar, nos dias 24 e 25 de abril, onde a festa continuará.
Setlist, Roberto Carlos no MEO Arena em Lisboa:
§ Intro
§ Emoções
§ Como vai você
§ Além do Horizonte
§ Ilegal, Imoral ou Engorda
§ Detalhes
§ Desabafo
§ Outra Vez
§ Lady Laura
§ Nossa Senhora
§ O Calhambeque
§ Coimbra
§ Olha
§ Sua estupidez
§ Mulher Pequena
§ Chegaste (projeção vídeo)
§ As baleias
§ Parabéns a você
§ Como é grande o meu amor por você
§ Jesus Cristo
§ Bis: Esse cara sou eu
§ Bis: Amigo


fonte:Facebook Roberto Carlos - 23.04.2017

"Jerry sempre foi um cara muito querido por todos.
Nós que tivemos o privilégio de conhecê-lo pessoalmente sabemos que é um ser humano de qualidades maravilhosas. Um homem de coração muito bom e um grande artista.
Jerry meu amigo, que Deus de bondade o tenha junto a Ele. Lhe dê muita Luz, muita Paz e o abençoe.
Amém, amém, amém."
Roberto Carlos


fonte: Fama ao Minuto Online (Portugal) - 22.04.2017
MARIZA NÃO PERDEU O CONCERTO DE ROBERTO CARLOS
A fadista fez questão de partilhar uma fotografia nas redes sociais onde surge ao lado do artista brasileiro.

Roberto Carlos atuou esta sexta-feira, dia 21, no Meo Arena, em Lisboa. Entre as várias pessoas que não perderam o concerto do artista brasileiro destaca-se a fadista Mariza, que fez questão de partilhar o momento com os fãs.
“O Rei e eu!”, escreveu a cantora portuguesa na legenda da fotografia publicada na sua página do Facebook, onde surge ao lado de Roberto Carlos.


fonte: Diário de Notícias Online (Portugal) - 20.04.2017
ROBERTO CARLOS, UM CANTOR ROMÂNTICO EM PORTUGAL

Roberto Carlos fez 76 anos num concerto na Meo Arena
O músico brasileiro está em Portugal para uma série de concertos. O tema Sereia é um dos hits do momento do Brasil
Roberto Carlos chega a Portugal com um trabalho acabado de editar, que surpreendeu os fãs. Foi no dia 12 de abril que o cantor, contrariando o hábito de todos os anos lançar um álbum pelo Natal, editou um EP, com quatro temas, um dos quais com a atriz Jennifer Lopez que canta em português. Sereia é o título do EP e de uma das quatro faixas do disco, tema atualmente com grande popularidade no Brasil por ser a música-tema da atual novela da 21.00 da Globo, A Força do Querer.
Para além de Sereia, balada composta por Roberto Carlos, o segundo tema deste trabalho é Chegaste, o mais recente êxito do cantor que conta com a participação da estrela norte-americana. Vou Chegar Mais Cedo em Casa, de Roberto Carlos e Erasmo, é outra das faixas inéditas do disco que termina com Sua Estupidez, uma versão ao vivo da original de 1969, extraída do seu programa "Especial de fim de ano Roberto Carlos" do ano passado, um clássico da televisão brasileira.
Segundo a Pró-Música Brasil, entidade oficial que representa as principais editoras do mercado brasileiro, Roberto Carlos é o artista a solo com mais álbuns vendidos na história da música popular brasileira com mais de 120 milhões de cópias. Só em Portugal, e segundo a promotora dos concertos, já vendeu 1,5 milhões de discos. Com quase 50 anos de carreira, Roberto Carlos lançou 41 álbuns só com temas inéditos, sem contar as coletâneas e os discos ao vivo. A sua longa carreira teve início na viragem da década de 50 para 60 - lançou um single em 1959 e, pouco depois, em 1961, editou o seu primeiro álbum. No início, dedicava-se mais ao rock, tendo sido, aliás, um dos pioneiros do género no Brasil e um dos maiores expoentes da Jovem Guarda, movimento influenciado por Elvis, The Beatles e Chuck Berry. Tornou-se então um ídolo da juventude.
E foi logo na década de 60, mais precisamente em abril de 1966, que Roberto Carlos visitou Portugal pela primeira vez. Nessa altura o palco foi a RTP e o programa Canção e Espetáculo. Na passagem para a década de 70, Roberto Carlos enveredou por uma postura mais romântica, conquistando, assim, uma audiência mais vasta, altura em que também protagonizou alguns filmes em que os seus temas faziam parte da banda sonora.
Nasceu na cidade de Cachoeiro de Itapemirim, sul do Espírito Santo, quarto filho do relojeiro Robertinho Braga e da costureira Laura Moreira Braga (os protagonistas de Lady Laura e Meu Querido, Meu Velho, Meu Amigo), com quem aprendeu a tocar viola e piano. E foi ela quem o incentivou a cantar em público pela primeira vez, aos nove anos, num programa infantil de rádio interpretando o bolero Amor Y más amor.


fonte: Glamurama Online - 19.04.2017
REI HÁ 76 ANOS: A FORMA DIFERENTE COMO ROBERTO CARLOS CUIDA DE SUA IMAGEM

Parte do encanto gerado pela maioria das monarquias, em especial a britânica, se deve ao cuidado extremo que seus membros têm com a própria imagem, já que dependem dela para manter a pompa de seus respectivos reinos. E no caso do “reinado” mais famoso do Brasil – o de Roberto Carlos, que completa 76 anos nesta quarta-feira – não é muito diferente: o cantor é famoso pela mão de ferro com a qual cuida de sua figura pública.
Cheio de manias no âmbito pessoal, Roberto também sempre se utilizou de certas regras ao longo da carreira que, ao menos para ele, geraram resultados mais do que positivos. A quantidade de discos que ele vendeu até hoje – mais de 120 milhões – e a fortuna que amealhou – US$ 160 milhões (R$ 499,2 milhões), segundo estimativas -, sem contar o fato de que continua em alta, tanto que fez um dueto recentemente com Jennifer Lopez, são exemplos disso.
Abaixo, listamos cinco curiosidades sobre Roberto às quais ele sempre recorre, e que talvez expliquem parte do sucesso dele. Confira!
Comigo, não!
Para muita gente, não existe fim de ano sem o especial do rei na Globo. E olha que a atração quase morreu na largada. Isso porque Roberto não gostou de saber que a emissora vendeu cotas de patrocínio do programa meses antes de sua estreia, em 1974, para marcas de cerveja e cigarro, com as quais ele se recusa até hoje a associar seu nome. O imbróglio foi resolvido depois que o então todo poderoso da rede carioca, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, garantiu ao rei que os patrocínios seriam cancelados.
Perfeccionista
Autor de alguns dos maiores hits da história da MPB, Roberto tem um hábito curioso quando está escrevendo a letra de suas canções: ele segue todo um processo de organização, jamais rabisca um verso e evita ao máximo o uso de setas no papel, principalmente as que indicam para baixo, o que o rei acredita que traz má sorte. Roberto também costuma reescrever suas composições, mesmo as mais antigas. Vale lembrar que nenhum outro músico brasileiro possui tantos sucessos quanto ele.
Meu tempo
Por possuir birra de certas datas e períodos, ele também não lança nenhum novo trabalho no mês de agosto, em hipótese alguma, não fecha novos acordos durante as fases de lua minguante, só contrata novos músicos para a orquestra que o acompanha quando um de seus integrantes morrem, e celebra o Ano Novo uma hora depois de todo mundo, já que não segue o horário de verão.
Proteção divina
O rei também é cheio de amuletos. Há mais de 40 anos ele usa um medalhão do Sagrado Coração de Jesus que ganhou de uma freira, que também foi sua professora. Junto com o medalhão ele carrega um anel de pedra vermelha, e ainda usa a mesma pulseira de prata com suas iniciais há mais de 50 anos.(nota do Grupo Um Milhão de Amigos: não usa mais o tal anel e o medalhão não é mais o citado)
Não, obrigado
Roberto também é indiferente ao maior desejo de praticamente todos os cantores do Brasil: ter uma música tema em uma novela da Globo. Sempre que é convidado para compor uma canção para alguma atração da emissora, ele acaba desistindo da ideia quando sabe mais sobre os personagens da trama nos quais deverá buscar inspiração não serão felizes para sempre. Em uma das raras ocasiões em que fez isso, quando cedeu um de seus hits para a trilha de “Viver a Vida”, de Manoel Carlos, o rei ficou chateado quando descobriu que os personagens de José Mayer e Taís Araújo brigaram e acabaram se separando.


fonte: RD1 Online - 15.04.2017
ROBERTO CARLOS SURPREENDE JERRY ADRIANI COM TELEFONEMA; CANTOR SEGUE INTERNADO

Jerry Adriani está com câncer e, por isso, segue internado em hospital no Rio de Janeiro
Jerry Adriani, de 70 anos, está internado em hospital do Rio de Janeiro desde a semana passada, após ser diagnosticado com câncer. No começo da semana, o cantor foi surpreendido com uma ligação de Roberto Carlos, seu amigo de longa data.
Segundo informações do jornalista Flávio Ricco, na conversa, emocionante, só o Rei falou. Depois que o telefone foi desligado, Jerry pediu um papel e escreveu: “como o Roberto é bom”.
Conforme informou o RD1, o estado de saúde do artista requer atenção e cuidados. Em nota, a família de Jerry Adriani pediu força para o cantor e informou que a doença foi descoberta após ele dar entrada no hospital com um quadro de trombose venosa profunda.
“A família vem informar aos fãs, familiares, amigos e imprensa, que encontra-se em tratamento contra a doença câncer descoberta após uma série de exames, ao longo das últimas semanas, após ter dado entrada no hospital em março com um quadro de trombose venosa profunda. Jerry está começando tratamento para controle desta patologia. Pedimos a todos que independentemente de seus credos solicitem força e pronto restabelecimento ao querido amigo e cantor”, pediram Thadeu, Tiago e Joseph, filhos de Adriani, em comunicado.


fonte: Jornal de Notícias Online - 14.04.2017
GLOBO PORTUGAL COMEMORA ANIVERSÁRIO DE ROBERTO CARLOS

· Um especial que reúne os maiores êxitos do artista brasileiro Roberto Carlos será emitido no Canal Globo no dia 19, data em que o cantor completa 76 anos.
"Parabéns Roberto" é o nome da emissão especial que o canal Globo Portugal preparou no âmbito do 76º aniversário de Roberto Carlos. O programa vai ser exibido a partir das 23 horas, do dia 19 de abril, data de aniversário do cantor brasileiro.
O especial, exclusivamente produzido para Portugal, vai recordar alguns dos maiores êxitos da carreira do artista, bem como exibir mensagens de figuras públicas portuguesas como Maria Vieira, Marina Mota, Pedro Ribeiro, Carla Rocha ou José Carlos Malato, que vão manifestar a sua admiração pelo cantor.
Ao longo do dia da emissão especial, durante as pausas comerciais, a Globo Portugal vai exibir vídeos com mensagens dedicadas a Roberto Carlos por rostos da emissora brasileira tais como Luciano Hulk e Ana Maria Braga, que ainda revelam aquela que é a sua música favorita.
A homenagem ao artista brasileiro começa ainda na véspera do seu aniversário, com a reexibição da entrevista que Roberto Carlos concedeu a Jô Soares em dezembro de 2016, para o formato "O Programa do Jô".


fonte: Hardmúsica Online - 13.04.2017
ROBERTO CARLOS, EM DIA DE ANIVERSÁRIO, CANTA NO Meo aRENA E A GLOBO TEM PROGRAMA ESPECIAL
Roberto Carlos, em dia de aniversário, canta no MEO Arena e a Globo tem programa especial

Em 76 anos de Vida, Roberto Carlos celebra o seu aniversário fora do Brasil. E celebrará em Lisboa no concerto que realiza no Meo Arena.
O canal Globo preparou uma homenagem ao ‘Rei’ com o especial ‘Parabéns, Roberto’ pelas às 23:00, contempla os êxitos da carreira de Roberto Carlos que os portugueses tão bem conhecem.
Neste especial, produzido exclusivamente para Portugal, os espectadores vão poder dançar e cantar ao som de temas como ‘Coimbra’ – que foi apresentado pelo cantor na RTP no ano de 1966 – ‘O Calhambeque’, ‘Esse Cara Sou eu’ – que integra a banda sonora da novela da Globo ‘Salve Jorge’ – e ‘Jesus Cristo’.
Além da seleção musical, que engloba os maiores êxitos da carreira do artista brasileiro, o especial ‘Parabéns, Roberto’ também inclui mensagens de figuras públicas e fãs portugueses que aproveitaram a oportunidade de dar os parabéns ao ‘Rei’ no dia do seu 76.º aniversário.
As atrizes Maria Vieira e Marina Mota, Pedro Ribeiro, da Radio Comercial, e Carla Rocha, da Radio Renascença, o humorista César Mourão, o apresentador José Carlos Malato e Maya são alguns dos que participam neste especial manifestando a admiração que sentem pelo cantor.
Além disso, ao longo do dia 19 de Abril, nos intervalos entre programas, o canal Globo vai exibir vídeos com mensagens dedicadas a Roberto Carlos por talentos da Globo, tais como Luciano Hulk e Ana Maria Braga, que ainda revelam aquela que é a sua música favorita do cantor.
A homenagem ao artista brasileiro começa ainda na véspera do seu aniversário, dia 18 de Abril, com a reexibição da entrevista que Roberto Carlos concedeu a Jô Soares, em Dezembro de 2016. O ‘Programa do Jô’ vai para o ar também às 23:00.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 13.04.2017
'SEREIA' EMERGE COMO O TRUNFO DO EP EM QUE ROBERTO CANTA PARA SÚDITOS

Uma semana antes de completar 76 anos de vida, em 19 de abril, Roberto Carlos apresenta EP com duas músicas inéditas, o já conhecido dueto com a cantora norte-americana Jennifer Lopez e um registro ao vivo de Sua estupidez (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969), uma das muitas obras-primas da fase áurea do cancioneiro do cantor e compositor capixaba.
Das duas reais novidades, Sereia – balada de aura clássica composta por Roberto para a trilha sonora da recém-estreada novela das 21h da TV Globo, A força do querer, com o objetivo de ser tema da personagem Ritinha (Isis Valverde) – emerge como o maior destaque do EP intitulado Roberto Carlos (Sony Music), lançado nas plataformas digitais e em edição física em CD com capa de embalagem paupérrima, incompatível com o status do artista. Formatada em estúdio com base nos teclados de Tutuca Borba, arranjador da gravação produzida pelo próprio Roberto Carlos, Sereia é balada apaixonada que, mesmo sem primar por grande originalidade de música e letra, evoca de longe aquelas canções do Roberto que marcaram época nas décadas de 1960, 1970 e 1980.
A outra música inédita – Vou chegar mais cedo em casa, composta por Roberto com o parceiro de fé Erasmo Carlos – fica muito aquém do histórico da dupla de compositores. Pela arquitetura, dá a impressão de ser uma canção mais de Roberto do que de Erasmo. Com letra impositiva dos desejos sexuais masculinos ("Meu amor, eu quero tudo / Não vou me contentar com pouco"), típica da geração machista do artista, Vou chegar mais cedo em casa é balada que jamais roça o erotismo realmente sensual de canções lançadas pelo Rei nos anos 1970. A proposta já foi feita com mais sedução e sensibilidade...
Já Chegaste (Kany García) – música já previamente lançada em single no Brasil, em dezembro de 2016, na versão em português – é canção romântica produzida em escala industrial, mas com grande apelo popular. Era um hit em potencial que não obteve a merecida aceitação e repercussão por conta da rejeição do público brasileiro ao sotaque de Jennifer Lopez, artista de ascendência porto-riquenha que, embora domine somente o inglês e o espanhol, cantou a parte que lhe cabe na letra em aceitável português.
Com quatro músicas, o EP Roberto Carlos inclui também o registro ao vivo de Sua estupidez, captado no especial natalino do cantor, exibido pela TV Globo em dezembro de 2016. Ainda que pontuado por interjeições do público convidado do especial, o canto irretocável de Sua estupidez reitera a afinação exemplar de Roberto Carlos.
Embora a produção autoral do artista venha se tornando cada vez mais espaçada, o Rei ainda exerce poder junto ao público feminino brasileiro, como comprovam os shows sempre lotados do cantor e essa gravação de Sua estupidez. Para esse público, o EP Roberto Carlos conserva inalterada a realeza do artista nos últimos 50 anos. E é para esse público súdito que Roberto Carlos canta e grava discos com coerência estratégica ao longo de todos esses anos.


fonte: Notícias ao Minuto Online - 31.03.2017
REI LANÇA DISCO COM QUATRO MÚSICAS INÉDITAS EM ABRIL
Roberto Carlos canta com Erasmo a faixa "Vou chegar mais cedo em casa"

Roberto Carlos geralmente lança discos no fim de ano. O "Rei" romperá o hiato de cinco anos sem apresentar nenhuma música inédita, desde "Esse cara sou eu", de 2012, com um novo trabalho em pleno mês de abril. "Roberto Carlos", título do disco, será lançado na segunda quineza, pela Sony Music.
O EP mistura canções inéditas, como "Sereia", tema da personagem Ritinha (Isis Valverde), da novela "A força do querer" (TV Globo), com clássicos como "Sua estupidez", de Roberto e Erasmo Carlos, que foi gravada por nomes como Gal Costa, em 1970.
A parceria do Tremendão com o Rei será revisitada em uma das quatro faixas inéditas do disco, "Vou chegar mais cedo em casa". O repertório inclui ainda "Chegaste", de Kany Garcia, que foi gravada por Roberto com a norte-americana Jennifer Lopez.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 31.03.2017
ROBERTO LANÇA EP COM DUAS MÚSICAS INÉDITAS, UMA COMPOSTA COM ERASMO

Cinco anos após ter lançado EP que vendeu mais de dois milhões de cópias, Esse cara sou eu ( 2012), Roberto Carlos volta ao mercado fonográfico com outro EP, previsto para ser lançado na primeira quinzena de abril pela gravadora Sony Music. Sereia, música composta pelo Rei para ser tema da personagem Ritinha (Isis Valverde) na novela A força do querer (TV Globo), abre e promove o disco, no embalo da estreia da trama na próxima segunda-feira, 3 de abril. Mas Sereia não é a única música inédita que emerge do repertório do EP intitulado Roberto Carlos. Entre as quatro músicas, há outra composição inédita, Vou chegar mais cedo em casa, feita por Roberto em parceria com o amigo de fé Eramos Carlos. Completam o repertório do disco Chegaste (Kany Garcia, 2016), música gravada por Roberto com a cantora norte-americana Jennifer Lopez e já lançada em single em dezembro, e um registro ao vivo de Sua estupidez (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969), extraído da gravação da edição de 2016 do especial de fim de ano do artista, tradição na programação natalina da TV Globo.


fonte: G1 Prudente e Região Online - 30.03.2017
JUSTIÇA LIBERA SHOW DO CANTOR ROBERTO CARLOS NO CENTRO DE EVENTOS DO IBC
Decisão foi tomada depois que a Prefeitura de Presidente Prudente apresentou laudos sobre o local do espetáculo.

Juíza liberou na tarde desta quinta-feira (30) o show do cantor Roberto Carlos, no IBC

Juíza liberou na tarde desta quinta-feira (30) o show do cantor Roberto Carlos, no IBC

Justiça liberou o show de Roberto Carlos nesta quinta-feira (30), em Presidente Prudente
Em decisão na tarde desta quinta-feira (30), a juíza da Vara da Fazenda Pública, Luciana Amstalden Bertoncini, liberou a realização do show do cantor Roberto Carlos no Centro de Eventos do Instituto Brasileiro do Café (IBC), na Vila Furquim, em Presidente Prudente. O espetáculo está marcado para começar às 21h desta quinta-feira (30) e havia sido suspenso por uma liminar concedida pela magistrada na terça-feira (28). A liberação foi deferida após a apresentação de laudos sobre o local do evento pela Prefeitura de Presidente Prudente.
"Diante dos laudos positivos emitidos pelos profissionais competentes", a juíza revogou a medida liminar que havia suspendido a realização do show.
No mesmo despacho assinado nesta quinta-feira (30), a juíza determinou que a Prefeitura de Presidente Prudente não deve permitir que a estrutura do IBC seja utilizada como apoio de elementos que não compõem a cobertura.
"Em outras palavras: toda a estrutura específica do show deve ser montada de modo a não utilizar a estrutura do IBC como apoio, não se podendo afixar qualquer tipo de elemento na estrutura de madeira, tampouco nas telhas onduladas metálicas", salientou a magistrada.
Essa determinação segue como base a constatação feita por um laudo apresentado à Justiça sobre o local do evento.
"Ressalto que, diante da documentação, fora facultada vista ao Ministério Público, que se manifestou favoravelmente à revogação da liminar", enfatizou Luciana Amstalden Bertoncini.
Segundo o despacho desta quinta-feira (30), o laudo técnico sobre o IBC, subscrito pelo engenheiro civil Alfredo José Penha e juntado aos autos pela Prefeitura, indica que “a estrutura está em ótimo estado de conservação apresentando todos os elementos estruturais para a segurança e funcionamento da estrutura”. Além disso, conforme a decisão judicial, em relação especificamente à estabilidade e à resistência dos elementos estruturais que compõem a cobertura, atestou o profissional: “A verificação foi feita segundo NBR 7190, considerando composição de carregamentos levando-se em conta peso próprio da estrutura em peroba rosa de peso específico de 785,00 Kgf/m³, peso de telha ondulada metálica de 6,00 kgf/m², sobrecarga de manutenção de 50,00 Kgf/m² e sobrecarga devido ação de ventos da ordem de velocidade básica de 40,00 m/s. Diante desses valores combinados, conforme norma brasileira, podemos garantir que a estrutura é estável e seus elementos (banzos superior e inferior, montantes e diagonais que compõem os pórticos, contraventamentos e terças) atendem a todos os critérios de resistência”.
Também foram apresentados à Justiça o alvará específico expedido pela municipalidade, o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) e o relatório de vistoria da Polícia Militar, do qual se extrai que, “após realização da vistoria sobre os aspectos de competência da Polícia Militar, em virtude das condições de segurança verificadas no local e da documentação apresentada pelo Promotor do Evento, o local encontra-se 'apto para a realização do evento'".
A juíza enfatizou que, após a concessão da tutela de urgência na terça-feira (28) que havia suspendido a realização do show, foram produzidos os laudos técnicos pertinentes – "juntados aos autos da presente ação civil pública tão somente às 14h13" desta quinta-feira (30) –, "os quais indicam a estabilidade da estrutura do IBC".
"Da análise dos autos, verifico que a principal preocupação do órgão ministerial refere-se à capacidade do IBC de suportar um evento musical desse porte, tendo em conta que se trata de uma estrutura antiga, com características próprias. Assim, e tendo em conta os elementos trazidos com a inicial, fora concedida tutela de urgência para suspender o show, determinando-se a juntada de documentação apta a demonstrar a segurança dos consumidores e do próprio prédio público, patrimônio histórico do município", explicou a magistrada.
Conforme a juíza, cabe à Prefeitura, que é responsável pela administração do IBC, comunicar aos produtores do evento sobre a decisão de liberação do show.
Outro lado
Em nota ao G1, a Prefeitura de Presidente Prudente, através da Secretaria Municipal de Comunicação (Secom), informou, sobre o despacho da juíza Luciana Amstalden Bertoncini, que “respeita a decisão e vai cumprir todas as exigências legais”.
“Todas as exigências foram cobradas dos produtores do evento, que se comprometeram em cumpri-las. Inclusive houve alterações no sistema de iluminação para não haver apoio ou outra utilização da estrutura de madeira e telhas metálicas do IBC”, salientou o Poder Executivo ao G1.
Já a empresa Kassu Produções, que cuida da Assessoria de Imprensa do cantor Roberto Carlos, informou ao G1 que a abertura dos portões do IBC ocorrerá às 19h.
“Os fãs poderão apreciar a arte impecável do artista ao lado de sua orquestra e coral”, enfatizou.
O caso
A suspensão do show do cantor Roberto Carlos no Centro de Eventos do IBC havia sido determinada pela juíza da Vara da Fazenda Pública, Luciana Amstalden Bertoncini, com base em uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE), através do promotor de Justiça de Defesa do Consumidor, André Luís Felício, contra a Prefeitura.
De acordo com o promotor, a ação civil pública visa a proteger o público de um acidente e também preservar o "patrimônio histórico local, representado por um dos mais antigos prédios de nossa cidade de eventual dano estrutural".
Ainda segundo o MPE, a construção do armazém onde atualmente fica o Centro de Eventos se deu na década de 1950. O barracão foi revitalizado, mas os atributos originais foram preservados e apresentam “características peculiares únicas” no Estado de São Paulo. “Sua estrutura é construída totalmente em madeira formando um imenso espaço fechado com chapas importadas dos Estados Unidos da América do Norte [USA]. Este conjunto externamente comum aos muitos armazéns existentes no Estado de São Paulo deixa de sê-lo, ao se avistar o interior imponente e pitoresco proporcionado pela estrutura de madeira, em arco, somente existente nas estruturas de ferro construídas no século XIX”, afirmou o promotor.
Felício complementou que o “espaço arrojado em grande vão-livre” ainda possui “beleza proporcionada pelo entrelaçamento de madeiras, feito sem um único prego, cravo, grampo, tacha ou parafuso”.
A Promotoria ressaltou que o armazém do IBC pode servir de espaço para eventos regionais como feiras, festas locais, bienais, apresentações teatrais e até shows acústicos de pequeno porte.
"É cediço que o tamanho do vão-livre, sustentado apenas por uma estrutura antiga, toda em madeira, e apenas 'encaixada' uma na outra, permite, ao mais jejuno engenheiro civil, concluir que um espetáculo artístico do porte do show do 'Rei' exige uma certeza da segurança do local, ou seja, que nenhum risco correm os consumidores", destacou o promotor.
Ele salientou ainda que a Secretaria Municipal de Cultura informou que o show terá o acompanhamento de uma orquestra sinfônica e os decibéis produzidos pelos músicos "só perdem em potência [e consequentemente vibrações] para a decolagem de uma aeronave movida a propulsão a jato".


fonte: O Globo Online - 24.03.2017
ROBERTO CARLOS PARTICIPARÁ DE ESPECIAL DE CHACRINHA NA GLOBO

Roberto Carlos participará do programa especial da Globo em comemoração aos 100 anos de Chacrinha. Ele teve um papel decisivo no lançamento da carreira do cantor. Como no teatro, na TV Stepan Nercessian viverá o Velho Guerreiro. A estreia está prevista para setembro.


fonte: Canal de Ideias - 17.03.2017
CANAL VIVA EXIBE ESPECIAIS ANTIGOS DE ROBERTO CARLOS
Reprise dos especiais de Roberto Carlos para a Rede Globo exibidos entre 1996 e 2000
é uma homenagem do canal VIVA aos 76 anos do cantor.

Em comemoração aos 76 anos de Roberto Carlos, no próximo dia 19 de abril, o canal VIVA irá relembrar os especiais que do cantor que fizeram sucesso e marcaram época nos fins de ano da Rede Globo. Em 2016 o canal pago já havia feito uma maratona dos especiais exibidos originalmente na TV entre 1990 e 1995. Agora, é a vez dos especiais de 1996 a 2000 irem ao ar.
O especial de 1996, que será exibido no dia 15 de abril, tem dueto entre o “rei” Roberto Carlos e o filho Rafael Braga, que na ocasião, haviam acabado de se conhecer. O especial trará ainda uma entrevista do cantor com os jornalistas Ilze Scamparini, Gloria Maria, Leilane Neubarth e Pedro Bial.
No especial de 1997 (exibição em 22 de abril), Roberto Carlos apresenta números musicais desde a Jovem Guarda até o rock e o pagode, cantando pela primeira vez com os grupos Titãs e Só Pra Contrariar. Neste ano, Roberto Carlos viveu um momento histórico em sua carreira ao se apresentar para o Papa João Paulo II. Durante o programa, ele relembra o encontro com Papa João Paulo II e convida ao palco os padres Zezinho e Antônio Maria Borges, para cantarem “Coração de Jesus”.
O programa de 1998 (exibição no dia 29 de abril) comemora os 40 anos de carreira de Roberto Carlos, com parte do repertório escolhido pelo público. Sucessos como “Detalhes”, “Como Vai Você”, “O Portão”, “Jesus Cristo”, “Nossa Senhora”, “Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos”, “Emoções”, “Como É Grande o Meu Amor”, “Sentado à Beira do Caminho”, “Amigo”, “Cavalgada” e “Nossa Canção” foram interpretado pelo rei.
Após um ano sem especial devido o falecimento de sua esposa Maria Rita em 1999, Roberto Carlos volta aos palcos para o espetáculo transmitido na TV. Numa apresentação dedicada a sua amada, o espetáculo começa ao som do hit “Emoções” e reúne grandes sucessos do cantor, desde a Jovem Guarda até as canções do novo disco lançado naquela época.
Os especiais irão ao ar aos sábados, na faixa das 21h30 com reprise nos domingos às 19h e no sábado seguinte, às 20h, sempre no canal VIVA.


fonte: Yahoo Online - 16.03.2017
DIRETOR DE '2 FILHOS DE FANCISCO' PREPARA FILME SOBRE ROBERTO CARLOS

Breno Silveira, diretor de ‘2 Filhos de Francisco’, sobre a origem da dupla sertaneja Zezé di Camargo e Luciano, está preparando um filme que contará os primeiros anos de Roberto Carlos como cantor. A informação foi dada pelo jornalista Julio Maria, no Estado de S. Paulo.
Segundo a reportagem, o cineasta tem se encontrado com Roberto Carlos, que vem acompanhando de perto as definições do roteiro e também deve participar do longa como narrador. Algumas das cenas devem ter como fundo musical o próprio Rei cantando algumas de suas canções, para ilustrar passagens de sua vida.
A trama do filme deve se concentrar no período que vai da infância do artista, em Cachoeiro de Itapemirim (ES), até sua participação na Jovem Guarda, durante os anos 60.
“A sensação nesses encontros que estamos é de que ele vai abrir o coração mesmo”, declarou Silveira ao Estado. Pelo jeito, muitas emoções vem aí nos cinemas. Ainda não há data de estreia prevista, e nem escolha dos atores para compor o elenco.


fonte: O Globo Online - 16.03.2017
ESPETÁCULO É COM ELE MESMO
Boni, cuja história se confunde com a da TV brasileira, vai opinar no desfile com que a Grande Rio vai saudar Chacrinha em 2018
Virão de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, algumas das ideias para o desfile da Grande Rio em 2018, cujo enredo será Abelardo Barbosa, nosso eterno Chacrinha. O empresário vai emprestar também parte de seu acervo a Renato e Marcia Lage, carnavalescos da escola. Quem também já abriu seu baú foi Leleco Barbosa, um dos filhos do homenageado. A festa promete!
ELENCO ESTELAR
A lista de cantores convidados a sair na escola vai de Roberto Carlos — coroado Rei num programa de Chacrinha — a Genival Lacerda, passando por nomes do pop que explodiu no país (muito graças ao comunicador) em idos dos anos 1980.


fonte: Estado de São Paulo - 15.03.2017
DA INFÂNCIA À JOVEM GUARDA, H ISTÓRIA DE ROBERTO CARLOS COMEÇA A VIRAR FILME.
narrativa do longa de breno silveira vai contar com a voz do próprio música cantando à capela

O filme sobre Roberto Carlos começou a ser produzido. Aos 75 anos, o artista faz encontros em sua casa com o diretor Breno Silveira e equipe para contar passagens de sua vida que poucos conhecem. O longa, ainda sem previsão de estreia, vai começar nos anos de infância de Roberto e seguir até a saída do artista do programa Jovem Guarda, em 1968, quando segue para o Festival de San Remo, na Itália, e volta pronto para estrear sua carreira mais alinhada com a soul music e as canções românticas.
Breno conta com a ajuda de Nelson Motta para criar o roteiro. Um recurso a ser usado será a voz do próprio Roberto cantando a capela para narrar alguns episódios. “A sensação nesses encontros que estamos é de que ele vai abrir o coração mesmo”, diz Breno Silveira. Ele não confirma a informação de que Roberto irá incluir ou deixar de fora temas delicados que estiveram na biografia de Paulo Cesar de Araújo, proibida de circular há 10 anos. O acidente do trem na infância, que o fez perder parte da perna direita, é um dos mais sensíveis.
Se a história deve ser contada, que seja por seu protagonista. Afinal, é ele, e mais ninguém, o dono das próprias lembranças. Não exatamente com essas palavras, mas com esse mesmo teor, Roberto Carlos defendeu sua postura contrária às biografias não autorizadas em 2014. Criou assim um fuzuê generalizado, iniciado mais precisamente há dez anos, quando o artista entrou na Justiça para tirar de circulação o livro Roberto Carlos em Detalhes, de Paulo Cesar de Araújo, e finalizado em 2015, no tribunal mais alto do País, o STF. A decisão favorável às publicações sem autorização abriu a porteira para as editoras, empolgou biógrafos, mas nunca mudou as ideias de Roberto Carlos.
Se a história deve ser contada, uma delas será por seu protagonista. Roberto está em processo de revisionismo da própria vida, abrindo gavetas da memória, algumas mais pesadas, e narrando episódios até então desconhecidos para o cineasta Breno Silveira e o jornalista e produtor Nelson Motta. É o início do que deve se tornar uma produção cinematográfica das mais aguardadas do cinema nacional dos últimos tempos. A vida de Roberto, que já prometeu escrever também uma biografia, será contada por ele mesmo em um filme dirigido pelo homem que quebrou recordes de bilheteria com Dois Filhos de Francisco, de 2005, e que desenvolveu a trama de À Beira do Caminho, de 2012, a partir das canções de Roberto.
A linha de produção está na primeira etapa. Depois de decidirem o roteiro, com as passagens de Roberto devidamente colhidas, os produtores começam a garimpar os atores. Silveira, até agora, sentou-se por três vezes com Roberto. “Foram três encontros bem longos até agora.” Uma primeira informação divulgada pela imprensa, não confirmada pela direção, de que o cantor estaria falando sobre o acidente de trem na infância, que sacrificou parte de sua perna direita, teve uma péssima repercussão entre o artista e os produtores. Agora, todos tomam muito cuidado quando se pronunciam. E muitos, apenas sob anonimato. “Vai ser sobre a juventude de Roberto”, diz um deles.
O recorte adotado pelo cineasta será da infância de Roberto, na cidade capixaba de Cachoeiro do Itapemirim, até o final da Jovem Guarda. Há muita vida depois do fim das jovens tardes de domingo, com a fase soul dos anos 1970, a romântica dos 80 e a religiosa dos 90, mas nada será aproveitado. As fases deixadas de fora suscitam a hipótese de que haja uma ou duas continuações, mas nada é confirmado.
O tom do filme não será de uma cinebiografia convencional. Algumas cenas terão como narrativa a voz de Roberto cantando a capela canções que explicam por si só sua vida, uma prova de que sua biografia está escrita há anos pelas suas próprias canções. Gente ligada à equipe de produção conta que o recurso da narração feita pelo próprio artista está sendo pensado para arrepiar o espectador.
As memórias de Roberto estão indo a recantos da alma que seu público não conhece. “Ele contou coisas incríveis, passagens que nem imaginávamos que havia vivido”, confirma Breno Silveira.
O filme sobre Roberto Carlos começou a ser produzido. Aos 75 anos, o artista faz encontros em sua casa com o diretor Breno Silveira e equipe para contar passagens de sua vida que poucos conhecem. O longa, ainda sem previsão de estreia, vai começar nos anos de infância de Roberto e seguir até a saída do artista do programa Jovem Guarda, em 1968, quando segue para o Festival de San Remo, na Itália, e volta pronto para estrear sua carreira mais alinhada com a soul music e as canções românticas.


fonte: society Rio-SP - 11.03.2017
CRUZEIRO COM O REI

Atendendo a pedidos dos fãs, o projeto Emoções em Alto Mar, de Roberto Carlos, voltará para o navio em 2018. Nos próximos dias, já serão anunciados os preços das cabines. Neste ano, o Rei se apresentou em terra firme, no Iberostart Hotels & Resort, na Praia do Forte (BA)


fonte: Famosos Online - 19.02.2017
ERI JOHNSON DIZ QUE NÃO IMITA ROBERTO NA FRENTE DELE: "FICO PARALISADO"

Eri Johnson apresenta karaokê no projeto Emoções, mas só imita Roberto Carlos quando ele não está olhando
Amigo de Roberto Carlos há 30 anos, Eri Johnson é colega de trabalho do cantor como apresentador do concurso de karaokê do Projeto Emoções, que neste ano trocou o navio por um resort na Praia do Forte (BA). Entre as apresentações dos candidatos, o ator vê uma brecha para imitar Roberto, o que não consegue fazer com o cantor por perto.
“O Roberto já viu [a imitação], mas não na frente dele porque assim não dá nem para imitar. Eu fico paralisado, fico olhando em respeito. Mas em um aniversário dele no Maracanãzinho, ele me viu na primeira fila e falou: ‘Ih, hoje eu tenho que cantar direito porque o Eri está aqui e ele me imita’. É um debochado, né? É uma relação muito bacana, eu agradeço muito a Deus por essa oportunidade”, comemora o ator.
Eri Johnson, que recentemente deixou a Globo e está gravando a próxima novela da Record, “Belaventura”, se aproximou de Roberto por intermédio da atriz Myrian Rios, que foi casada com o cantor durante nove anos. Os dois se separaram em 1989, mas ainda mantêm relação de amizade.
“Na novela ‘Bambolê’ [1987], quando ele ainda era casado com a Myrian Rios, eu era amigo dela e o Roberto sempre soube que eu sempre fui muito fã dele. Sabendo disso, ele sempre me tratou com muito carinho e respeito. Eu só agradeço a Deus porque Roberto Carlos, para mim, é tudo. Esse cara é o cara mesmo”, relembra.

Roberto Carlos dança e beija a mão de Carmem Silveira, vencedora do karaokê do Projeto Emoções Praia do Forteimagem: Paulo Pacheco/UOLO ator já fez a voz de Roberto em novelas como “O Clone” e humorísticos. Segundo ele, o cantor gosta da imitação: “Ele fica me olhando e rindo, sabe que é respeitoso para caramba. Aliás, eu não imito ninguém de uma maneira desrespeitosa. Gosto de ver a reação das pessoas, porque ele é um cara impressionante, tem fã em tudo quanto é canto. Viajo o Brasil com o teatro e, em todos os lugares em que vou imitar o Roberto, quando eu olho não consigo mais cantar. É uma loucura. Ele é muito amado”.
Eri Johnson apresenta o concurso de karaokê do Projeto Emoções desde 2016. Fãs se cadastram e enviam vídeos soltando a voz com músicas de Roberto Carlos. Dos 20 selecionados, a vencedora foi Carmem Silveira, de Aracaju (SE), que interpretou “Força Estranha” e ganhou a discografia completa, beijou e dançou com o cantor.
“A gente é irmão” Para participar do karaokê na Praia do Forte, Eri teve de cancelar o espetáculo “Se Joga” com o cantor Naldo. O funkeiro foi convidado pelo colega para ir ao resort e se emocionou ao cantar no mesmo palco do cantor. Naldo ainda conheceu o ídolo e revela ter chorado de emoção na frente dele.
“Eri é meu irmãozão, jamais imaginei que fosse conhecer o Roberto Carlos por meio dele, até porque não sabia que o Eri tinha essa relação toda com ele. Foi lindo chegar no camarim e falar para o Roberto que faço aniversário no mesmo dia que ele, 19 de abril. Ele falou: ‘A gente tem que comemorar! Vamos comemorar!’ Falei que estava muito nervoso e ele: ‘Fica não, bicho, a gente é irmão’. Aí eu chorei, não aguentei”, conta Naldo, emocionado.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 19.02.2017
ROBERTO PREPARA EP COM MÚSICA FEITA E GRAVADA PARA NOVA NOVELA DAS 21 H

Roberto Carlos compôs e gravou música para a trilha sonora da próxima novela das 21h da TV Globo, A força do querer, prevista para estrear em abril deste ano de 2017. Carro-chefe do EP que o artista pretende lançar entre abril e maio, a música se chama Sereia e é tema da personagem Ritinha, interpretada pela atriz Ísis Valverde na vindoura trama de Glória Perez.
O Rei, aliás, costuma contribuir com gravações inéditas para novelas de Perez. Em Salve Jorge (TV Globo, 2012), o cantor esteve presente com a então inédita canção Esse cara sou eu (Roberto Carlos, 2012), música que se transformou no único grande sucesso popular do artista pós-anos 2000 e foi lançada em EP de venda recordista no formato. Em América (TV Globo, 2005), Roberto gravou A volta, parceria com Erasmo Carlos até então inédita na voz do Rei, pois a canção tinha sido cedida para Os Vip's, dupla que lançou A volta em disco de 1966.


fonte: Ego Online - 17.02.2017
FILHO DE ROBERTO CARLOS FALA SOBRE LIVRO E FILME BIOGRÁFICO DO PAI
Rafael Braga criticou a obra de Paulo César Araújo e disse que gostaria de ver Wagner Moura no papel do cantor

Roberto Carlos fez sua segunda apresentação no projeto "Emoções Praia do Forte", na Bahia, na noite de quinta-feira, 16, com pessoas especiais na plateia: o amigo de longa data Tom Cavalcante e o filho Rafael Braga. Tom chegou usando uma camisa com um coração estampado minutos antes do show começar. O humorista se apresenta com seu stand up comedy na sexta-feira, 17. Já Rafael, bateu um papo com a imprensa antes do show do pai.

Rafael Braga em show na Bahia
Ele falou sobre o filme biográfico que Roberto está preparando e também criticou a obra de Paulo César Araújo, que lançará seu terceiro livro sobre o Rei em maio. Questionado se será retratado no filme, comentou: "Espero que sim. Mas mesmo que o filme não falasse a meu respeito, as histórias dele são algo tão vasto que mesmo que não tivesse nada sobre mim não teria problema. Em termos de importância de música, a obra do Roberto vai muito além. Sou uma curiosidade, uma nota de rodapé".
Rafael disse que leu o primeiro livro lançado por Paulo César Araújo e que chegou a ser retirado de circulação por RC após uma medida judicial. "Eu li o livro, mas é complicado para eu falar sobre esse livro porque a forma como ele me relatou ali não é da forma como eu me lembro. Ele diz que eu, aos 7 anos, falava no ponto de ônibus para todo mundo que era filho do Roberto Carlos... Isso não tem nada a ver", afirmou.

Tom Cavalcante em show na Bahia
O filho de Roberto Carlos disse que, em sua opinião, Paulo César apenas fez uma compilação de reportagens que saíram ao longo dos anos e citou uma crítica negativa sobre a obra de que apenas 40% do que foi escrito pelo autor seria verídico. "Teve um crítico que disse isso, que uns 40% daria para aproveitar. Eu acho que ele mesmo (Paulo César) se coloca como fã. Fui olhar a bibliografia dele é só tinham revistas de celebridades da época. Tenho mais expectativa pelo que meu pai vai contar na versão dele", falou.
Quanto a quem irá interpretar RC na telona e o nome de Wagner Moura estar cotado, Rafael Braga disse: "Acho o Wagner Moura um cara interessante, um baita de um ator que não precisa mais provar nada para ninguém. Mas quem vai escolher é o meu pai. Há dois ou três anos que ele já falava que queria fazer esse filme, mas não dávamos bola porque ele sempre está fazendo tanta coisa... Agora a coisa está ganhando corpo".
Quanto ao comentário de Roberto na coletiva de imprensa que aconteceu mais cedo de que irá retratar a própria vida sem ressalvas - inclusive falando sobre o acidente que o fez perder a perna direita e é tido como um tabu -, foi enfático: "Ele já chegou num grau da vida e carreira que pode chegar e abrir tudo porque o público vai entendê-lo e amá-lo de um jeito ou de outro".

Roberto Carlos em show na Bahia


fonte: CService Online - 17.02.2017
TEMÁTICO "EMOÇÕES", DE ROBERTO CARLOS, DEVE VOLTAR À COSTA EM 2018
Costa Favolosa
O temático Projeto Emoções em Alto Mar, do cantor Roberto Carlos, deve voltar a acontecer a bordo de um navio da Costa no próximo ano. Esse ano, evento aconteceu em terra, em um resort na Bahia. Já para 2018, a tendência é que o cruzeiro aconteça no Costa Favolosa em meados de fevereiro.
O Costa Favolosa deve voltar a receber o temático Emoções em Alto Mar em 2018. O cruzeiro do cantor Roberto Carlos deve voltar a acontecer no próximo ano, após um hiato de um ano. A última viagem do tipo tinha acontecido no final de janeiro de 2016, a bordo do Costa Pacifica.
Esse ano, Roberto Carlos optou por realizar seu projeto "Emoções" em terra, em um resort localizado em Praia do Forte, na Bahia. Durante o evento, que começou no último dia 15 e ainda vai até o dia 19, a equipe do cantor revelou que a edição do próximo ano acontecerá em alto-mar, inclusive já abrindo vendas para quem estiver participando da edição atual.
O consultor de marketing da Costa Cruzeiros, Francisco Ancona, havia adiantado ao Portal WorldCruises.com a hipótese de retorno de Roberto aos navios de sua companhia. "Estamos conversando (com o staff de Roberto), eles estão muito interessados, sempre gostaram muito da experiência", disse ele. A bordo do Costa Fascinosa para o primeiro temático CostaClub, o consultor completou: "Não à toa fizeram conosco por 10 anos (o projeto Emoções)".
Mais detalhes da nova edição devem ser revelados para o público geral em breve.


fonte: Ego Online - 17.02.2017
ROBERTO CARLOS AGITA PLATEIA DE TOM CAVALCANTE EM ESPETÁCULO
O cantor prestigiou o humorista nesta sexta-feira, 17,
durante o stand up que faz parte do projeto Emoções Praia do Forte, na Bahia
Roberto Carlos fez a alegria dos fãs ao aparecer para assistir o stand up do amigo Tom Cavalcante na noite desta sexta-feira, 17. O Rei foi aplaudido e acenou para os fãs ao se adentrar na plateia.
Tom subiu ao palco arrancando gargalhadas da plateia e, entre uma piada e outra, elogiou o show de RC da noite anterior. Roberto não economizou nas gargalhadas e chegou a aplaudir os momentos mais divertidos da apresentação.
Pouco antes do fim da apresentação, Tom imitou o Rei e distribuiu rosas indo até RC na plateia para cumprimentá-lo.

















fonte: Uol Online - 16.02.2017
ROBERTO CARLOS EXALTA SÉRGIO MORO E DÁ RECADO A AUTOR DE BIOGRAFIA PROIBIDA

Roberto Carlos conversa com jornalistas no Projeto Emoções na Praia do Forte, na Bahia
Em passagem na Bahia com seu projeto Emoções, que trocou o cruzeiro marítimo por um resort na praia do Forte, Roberto Carlos falou nesta quinta-feira (16) sobre a biografia que lançará em livro e filme. O cantor não antecipou a data de lançamento, mas disse que contará a história de "verdade" de sua vida.
"Vamos fazer um filme bacana e contando realmente a verdade da minha vida", disse Roberto. "Vai ter tudo, tudo que aconteceu contando desde que nasci. Vou contar tudo que aconteceu, o acidente, tudo. Se estou me propondo a fazer um filme baseado na minha história, não posso esconder certas coisas", completou.
A vida de Roberto também será contada novamente por Paulo César de Araújo, com quem o cantor brigou na Justiça pela proibição da biografia "Roberto Carlos em Detalhes". Sobre a nova publicação, que deverá ser lançada ainda neste semestre, Roberto vai esperar chegar às lojas para decidir se autoriza ou não.
"Não posso fazer nada, não posso ter nenhuma ideia enquanto não ler. Se estiver tudo bem, tudo bem. Espero que não seja como o primeiro", afirmou.
O filme sobre Roberto, dirigido por Breno Silveira (de "Dois Filhos de Francisco"), está em fase inicial de produção. O cantor ainda não sabe quem irá interpretá-lo. "Não tenho ator preferido. Estamos procurando, está no início. Vou aceitar as sugestões do diretor sobre quem fará o meu papel no filme. Não pode ser um cara muito alto, mas também não pode ser um baixinho", brincou.
Roberto também falou sobre política na coletiva de imprensa, realizada no mesmo palco dos três shows que fará na Bahia e que também foi assistida por centenas de fãs. Ele desmentiu declarações falsas que circulam na internet e apoiou Gilberto Gil no processo contra um site que publicou que o cantor baiano havia chamado Sergio Moro de "juizinho fajuto". Roberto exaltou o juiz da Operação Lava Jato e foi ovacionado pelo público.
"Muita coisa que está sendo dita que eu disse e eu não disse, muito apoio que dizem que estou dando e eu não estou dando. É muito bom saber que eu nunca me manifestei em relação se este ou aquele deveria ficar ou sair. Isso me aborrece muito, aborreceu muito ao Gil também, que foi envolvido nessa história mentirosa.
Alguém que por trás da internet faz coisas que não deveria fazer. Eu quero dizer o seguinte: não sou a favor deste ou daquele, sou a favor da justiça. E sendo a favor da justiça eu sou a favor de Sergio Moro. Tem muita coragem, muita consciência, muito equilíbrio, eu pelo menos vejo assim. Ele e todas as instituições que estão trabalhando nessa questão e mudando o Brasil, porque acho que isso vai mudar o Brasil. Acho que a gente tem que apoiar tudo que ele está fazendo", declarou Roberto.


fonte: Quem Acontece Online - 16.02.2017
ROBERTO CARLOS SE DERRETE SOBRE PARCERIA COM JENNIFER LOPEZ: "PROVOCAÇÃO IRRESISTÍVEL"
A Praia do Forte, na Bahia, é a casa de Roberto Carlos e do Projeto Emoções pelos próximos quatro dias. Depois de 16 anos cantando em navios pelos costa brasileira, o Rei ancorou em terra firme e com a casa cheia. Um complexo de dois resorts acomodam os mais de 3 mil hóspedes, e fãs, do cantor.
No show de abertura, nesta quarta-feira (15), Roberto cantou, encantou, e levou às admiradoras à loucura - como faz há muitos anos. No repertório, clássicos como Além do Horizonte, Desabafo, Lady Laura, Mulher Pequena e, até, Quero que Vá Tudo Pro Inferno. "Foram muitas horas de terapia para cantar essa canção como ela é", brincou aos risos.
A novidade do repertório é a música Chegaste, que é uma parceria com Jennifer Lopez que encantou e surpreendeu o mundo. "Tive o prazer, a alegria e honra de fazer esse dueto com a JLo. Foi mais que uma honra, foi uma provocação irresistível", disse Roberto antes de começar a cantar. Mas, para a surpresa o público, o Rei errou a entrada, mandou parar, e começou de novo. "Vamos fazer direito", afirmou.
Além do repertório em português, ele também cantou duas músicas em italiano: Tu Sei Cosi e Champagne, música que aproveitou para brindar com a plateia. No final do show, um novo deslize. Ao começar os versos de Como É Grande O Meu Amor Por Você ele desafinou. "Desculpa, mas estou muito emocionado", disse às cerca de mil pessoas que nem se importaram e continuaram os versos.
O Projeto Emoções Praia do Forte segue até o próximo dia 19, na Bahia.








fonte: Quem Acontece Online - 16.02.2017
ROBERTO CARLOS DESCONVERSA ASSUNTO AMOROSO, MAS ASSUME: "ESTOU FICANDO"
Ao ser questionado se seu coração tem dona, ele brincou: "Você quer saber demais"

Com muita descontração é bom humor Roberto Carlos se encontrou com jornalistas e cerca de 400 fãs que assistiram a tradicional coletiva de imprensa anual do cantor. O evento faz parte do Projeto Emoções Praia do Forte, que acontece na Bahia até o próximo dia 19
Os fãs, que lotaram o teatro, aproveitaram para pedir perguntas para a imprensa. Dona Therezinha, de 89 anos, quis saber ser o pijama do Rei era azul e deixou o cantor corado. "Eu não durmo de pijama! eu durmo de camiseta, sempre branca", disse aos risos.
"Faltou saber da cueca! Mas já fiquei satisfeita em saber do pijama", disse Dona Therezinha.

Therezinha de Jesus, 90 anos, e Angela Bussoloti, 62
Veja os destaques do bate papo com o cantor:
Cinebiografia
"Resolvemos lançar o filme antes do livro, e eles contam a mesma história. Eu e minha equipe achamos que o filme é mais importante nesse momento e contando a real verdade da minha vida.

Roberto Carlos
Música na novela das nove
"A Glória Perez conversou comigo sobre a novela e fiquei com medo. Eu tenho feito música por inspiração. Pensei muito, pensei e disse: tenho que fazer, não posso perder esse emprego (risos). sentei no piano e fiz em uma semana".
Vida Social
"Bebo um vinho, um whisky, mas socialmente. e curto a noite, mas não sou de noitada. e cuido da voz com gargarejo, durmo, faço exercícios vocais.

Roberto Carlos
Política
“Nunca me manifesto sobre assuntos políticos de que eu tenha me manifestado a favor de um ou de outro. sou a favor da justiça e, assim, de Sérgio Moro. Ele faz um trabalho de muita consciência, muito equilíbrio e está mudando o Brasil. Temos que apoiá-lo.
Coração preenchido?
“Estou sempre amando. Sou um amante a moda antiga. Estou ficando. Você quer saber demais (risos)”


fonte: Ego Online - 16.02.2017
ROBERTO CARLOS FALA DE TOC E LEVANTA SUSPEITAS DE NAMORADA EM SHOW
Cantor fez a primeira apresentação do projeto ‘Emoções Praia do Forte’ na noite desta quarta-feira, 15.
Roberto Carlos fez a primeira apresentação do projeto “Emoções Praia do Forte” na noite desta quarta-feira, 15, na Bahia. O cantor trouxe sua sequência de sucessos infalível com direito a hits como "Emoções" e "Como vai você". Durante a canção "Desabafo", o Rei mostrou seu bom humor ao comentar um trecho da letra. "Nós, os caras, sabemos que as coisas não são bem na hora que a gente quer. Nós sabemos que as coisas funcionam na hora que elas querem", disse ele, arrancando gargalhadas dos fãs e gritinhos de empolgação da majoritária plateia feminina.
Vestindo suas cores favoritas, azul e branco, Roberto alternou baladas no banquinho e violão com músicas mais agitadas como "Calhambeque" e "Que vá tudo para o inferno", sendo acompanhado pela plateia em coro. Após "Que vá tudo para o inferno", ele comentou: "Demorou, mas foi. Foram muitos anos de terapia para conseguir cantar essa música".
Antes de entoar os versos de "Olha" - que diz "Olha você tem todas as coisas, que um dia eu sonhei para mim" -, Roberto provocou a plateia. "Tem vezes em que olho para a plateia e tenho vontade de cantar essa música para alguém em especial", disse ele, com direito a mão sobre os olhos como sem procurasse alguém entre os fãs.
Antes começar o seu novo sucesso, "Chegaste", em que divide os vocais com Jennifer Lopez, Roberto se desmanchou em elogios à cantora: "Mais do que uma honra foi uma provocação irresistível fazer esse dueto com ela".
Ao iniciar a canção, imagens dos dois juntos apareceram em um telão, mas o microfone de Roberto acabou ficando baixo. O cantor não se melindrou e bem-humorado, interrompeu a música pedindo para recomeçá-la. "Tem que fazer direito", comentou, antes de repetir a canção.
Um novidade do show foi a música italiana "Tu sei cosí", de Fred Bongusto. Influência da longa temporada do projeto Emoção em cruzeiros de navios italianos. Depois o Rei cantou "Champagne", de Pepino Di Capri, com direito a letra em um telão para a plateia acompanhar. E ainda teve rodada de champanhe para toda a plateia.
Durante "Como é grande o meu amor por você", Roberto se desculpou: "Desculpe desafinar, mas é que estou muito emocionado". Roberto Carlos finalizou o show ao som de "Jesus Cristo" e fez a tradicional distribuição de rosas brancas e vermelhas. Ao todo, doze dúzias de rosas foram entregues aos fãs pelo cantor. Nos três dias de shows do projeto "Emoções Praia do Forte", 3 mil pessoas irão assistir à apresentação do Rei.








fonte: Ego Online - 15.02.2017
ROBERTO CARLOS USA BONÉ NA BAHIA E DIZ: 'NÃO TINHA ARRUMADO O CABELO'
Projeto do cantor acontece até domingo em resort de luxo em Salvador:
'A gente não faz um show totalmente novo, mas sempre com coisas novas'
Roberto Carlos posou para fotos e conversou com a imprensa nesta quarta-feira, 15, nos bastidores da passagem de som para seu primeiro show do Projeto Emoções, que promete agitar um dos maiores resorts de luxo na Praia do Forte, em Salvador, na Bahia.
Descontraído, RC contou que pretende comparecer aos eventos programados como o stand up comedy de Tom Cavalcante entre outras atrações programadas para o projeto que termina no domingo, 19. Entretanto, ele descartou a possibilidade de passear pelas instalações do hotel. "Não dá, né?", falou ele, com um sorriso. Questionado se iria à praia, riu: "Não, isso não dá para fazer. Complica um pouco".
J.Lo é parceira em hit
Roberto Carlos pediu para a banda dar uma pausa no ensaio para conversar com os jornalistas. Perguntado se Jennifer Lopez (ou apenas J.Lo para os íntimos) faria parte do show de alguma maneira - a cantora divide com RC os vocais na nova música do Rei, "Chegaste" - ele brincou: "J.Lo pessoalmente não, mas no áudio sim. Estamos montando direitinho um número com a J.Lo".
No mar e em terra firma
Sobre as diferenças de realizar o projeto emoções no navio e no resort, foi enfático e disse que tudo é diferente. "Mas é uma experiência muito boa. Eu não posso dizer a você exatamente tudo que é diferente. Daqui um dia ou dois eu posso dizer melhor o que que eu sinto. Mas estou muito contente com esse projeto, acho que ele foi muito bem recebido pelo público e isso é muito importante para nós".
O cantor disse que busca sempre trazer alguma novidade para seus shows. "A gente não faz um show totalmente novo, mas sempre um show com coisas novas, alguma outra ideia, um outro texto. Meu show sempre está evoluindo de um show para o outro", comentou. Sobre o boné jeans que estava usando, confessou: "De vez em quando eu uso, mas hoje é porque eu ainda não tinha arrumado o cabelo".
Sobre a Bahia, o cantor foi só elogios: "Abrir a minha janela hoje de manhã e ver esses coqueiros todos foi maravilhoso. É lindo, muito prazeroso. Aliás, sempre foi prazeroso cantar na Bahia, desde o início da minha carreira. Eu acho que todo brasileiro ama a Bahia", disse ele, que contou ainda ser fã de uma boa moqueca.
Próximas edições
Para o ano que vem, Roberto disse que ainda não sabe se continuará com o Projeto Emoções na Bahia ou se retornará ao navio. "Tudo vai depender de como for", disse ele. O cantor chegou ao complexo hoteleiro em seu avião particular na terça-feira, 14, acompanhado de seu staff pessoal que inclui maquiadora, assistente pessoal, secretaria e quatro seguranças. Ele jantou no quarto e aproveitou o dia para descansar. À noite, manteve a rotina de sua casa: assistiu TV até tarde, conversou com amigos e dormiu tarde, acordando apenas na hora do almoço do dia seguinte. A família de Roberto Carlos chegou ao resort na quarta-feira, 15, e convidados famosos são esperados para as três noites de show do cantor no projeto Emoções. A primeira apresentação do Rei acontece na noite desta quarta-feira, às 23h.







fonte: G1 Bahia Online - 14.02.2017
REI ROBERTO CARLOS ESTARÁ EM PRAIA DO FORTE, NO LITORAL NORTE DA BAHIA
Roberto Carlos faz 3 shows do projeto Emoções no Litoral Norte da Bahia
Apresentações serão nos dias 15, 16 e 18 de fevereiro, dentro de resort.
Pacotes com hospedagem já estão esgotados; fã pode comprar camarote.

O Rei Roberto Carlos fará três shows dentro do resort de luxo Iberostar, em Praia do Forte, Litoral Norte da Bahia, nesta semana. As apresentações serão na quarta (15), quinta (16) e sábado (18). Os pacotes que incluem hospedagem e o ingresso para o show já estão esgotados. Mas segundo os organizadores, os fãs ainda podem adquirir entradas dentro do pacote "Night Use – Uma Noite de Emoções", que não inclui a hospedagem no resort.
O serviço nessa modalidade "Night Use" permite assistir ao show em um camarote, com assentos marcados de acordo com a data da compra. O pacote dispõe ainda de jantar no Restaurante Pelô, no Hotel Praia do Forte (que faz parte do resort), a partir das 19h, e acesso às dependências dos hotéis, incluindo bares, boates, teatros e festas temáicas das 18h30 até 3h, no sistema All Inclusive.
Os ingressos variam de R$ 1.350, para quem vai curtir apenas a noite de show, a até R$ 6.600, um pacote de quatro dias de hospedagem all inclusive com direito ao show. Os destalhes dos podem ser consultados pelo número (11) 3168-4904 ou pelo e-mail noitedeemocoes@projetoemocoes.com.br. As apresentações fazem parte do Projeto Emoções. Após 12 edições realizadas em alto-mar (cruzeiros), o encontro do artista com os fãs em 2017 tem a primeira edição realizada em terra firme.


fonte: Correio 24 Horas Online - 14.02.2017
COM INGRESSOS QUASE ESGOTADOS, ROBERTO CARLOS LEVA PROJETO EMOÇÕES A PRAIA DO FORTE
Evento acontece esta semana, de 15 a 19 de fevereiro; essa é a primeira vez que cantor fará uma edição em terra firme

Com ingressos praticamente esgotados, o cantor Roberto Carlos comanda a partir de quarta-feira (14) uma série de shows em Praia do Forte dentro do Projeto Emoções.
Apesar de as mais de 1.700 acomodações do hotel Iberostar, onde vai rolar o evento, estarem esgotadas, a produção do evento disponibilizou o Night Use, uma espécie de segunda chance para quem quer conferir o show do Rei. O pacote dá direito a uma noite no resort, com direito a jantar e a assistir ao show do . No site do projeto, ainda estão à venda os dias 15, 16 e 18, por R$ 1.350 - cada pessoa.


fonte: Diário da Região Online- 13.02.2017
ROBERTO CARLOS SE APRESENTA NA REGIÃO EM ABRIL

O cantor Roberto Carlos vem à região de Rio Preto no dia 1º de abril. Ele se apresenta pela primeira vez em Fernandópolis, em show que acontece no Recinto de Exposições da cidade a partir das 21h.
O cantor, que em novembro de 2015 foi homenageado pelo Grammy Latino como personalidade do ano e lançou o CD Primeira Fila, gravado em Londres, no estúdio Abbey Road, desperta todo o carinho e admiração dos milhões de fãs que o acompanham pelo Brasil e pelo mundo.
Ícone do romantismo, da religiosidade e da família, Roberto Carlos promete mais uma vez arrebatar os fãs com mais um show impecável ao lado de sua orquestra e coral.
Os ingressos estarão em pré-venda exclusiva para clientes dos cartões Credicard entre os dias 14 e 15 de fevereiro, limitado a quatro ingressos por pessoa. A partir do dia 16, será aberta a venda para o público em geral.
Show do cantor Roberto Carlos no Recinto de Exposições de Fernandópolis. Av. Augusto Cavalim, km 0. Classificação: 18 anos. Sábado, 1º de abril. Abertura dos portões: 19h00. Início do show: 21h00. Ingressos à venda no Bartopub, localizado na avenida Litério Grecco, 2757, Jardim São Fernando, em Fernandópolis, ou pela internet, no site da Eventim (www.eventim.com.br). Informações pelo telefone: 4003-6860, de segunda a sexta-feira, das 11h às 17h.
Confira abaixo os preços dos ingressos:

ARQUIBANCADA
Lote 1: R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia)
Lote 2: R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia)
*Possui espaço para cadeirantes

SETOR AZUL NUMERADO
R$ 480,00 - Cadeiras numeradas
* Não possui meia-entrada
* Open bar (refrigerante, água ecerveja)
* O open bar será encerrado no início do show
* Não possui espaço para cadeirante

SETOR AMARELO NUMERADO
R$ 380,00 – Cadeiras numeradas
* Não Possui meia-entrada
* Open bar (refrigerante, água e cerveja)
* O open bar será encerrado no início do show
* Não possui espaço para cadeirante

CAMAROTE VIP – R$ 3,6 mil
* Camarote de 12 lugares
* Open bar (refrigerante, água e cerveja)
* O open bar será encerrado no início do show
* Não possui espaço para cadeirante

CAMAROTE LATERAL – R$ 2.640
* Camarote de 12 lugare
* Open bar (refrigerante, água e cerveja)
* O open bar será encerrado no início do show
* Não possui espaço para cadeirante

MEIA ENTRADA
* Meia entrada valida para estudantes e idosos acima de 60 anos;
* Será exigida a carteira de estudantes na entrada com o pagamento da ultima mensalidade e, do idoso, a Carteira de Identidade;
* No ingresso do estudante devera constar: ESTUDANTE;
* No ingresso de idoso devera constar: IDOSO - Os ingressos adquiridos pela internet, serão parcelados em 3 vezes, a partir de R$ 90,00.


fonte: Terra Online- 20.01.2017
ROBERTO CARLOS VAI COMEMORAR O ANIVERSÁRIO EM PORTUGAL
Cantor fará 4 apresentaçõesRoberto Carlos vai comemorar o aniversário em Portugal

No próximo dia 19 de abril, Roberto Carlos completa 76 anos e vai comemorar como mais gosta: cantando.O Rei tem shows marcados em Portugal, na data de seu aniversário, já com ingressos esgotados e show extra no dia 21. As duas apresentações serão em Lisboa, com capacidade para 15 mil pessoas por dia.No dia 24, também com ingressos já esgotados, e no dia 25, Roberto Carlos canta em Gondomar, na Cidade do Porto, cada data com capacidade para 8 mil pessoas.Vale lembrar que, entre os dias 14 e 19 de fevereiro, o Rei estará no projeto Emoções na Praia do Forte, na Bahia.


fonte: TVI Online- 17.01.2017
ROBERTO CARLOS ESGOTA DATAS E FAZ MAIS DOIS CONCERTOS
Cantor brasileiro vai celebrar os seus 76 anos em Portugal.
Tinha dois concertos agendados, cujos bilhetes esgotaram.
Vai fazer mais dois espetáculos, um em Lisboa e outro em Gondomar

Os concertos do músico brasileiro Roberto Carlos, marcados para abril em Lisboa e Gondomar, esgotaram, tendo sido acrescentada mais uma data em cada local, segundo anunciou a organização.
Os concertos de Lisboa e Gondomar de abril 2017 estão esgotados. Devido à forte procura de bilhetes, Roberto Carlos adiciona mais uma data em cada cidade: 21 abril – Meo Arena, 25 abril – Multiusos de Gondomar”, refere a promotora Ritmos e Blues num comunicado divulgado esta terça-feira.
Inicialmente tinham sido marcados os dias 19 de abril, data do 76.º aniversário de Roberto Carlos, para um espetáculo no Meo Arena, em Lisboa, e 24 de abril no Multiusos de Gondomar. São as salas onde o cantor brasileiro atuou em 2015.
Roberto Carlos que, segundo a promotora, já vendeu 1,5 milhões de discos em Portugal, é um dos artistas brasileiros de maior sucesso, tendo gravado cerca de 500 canções em mais de 50 anos de carreira.
Em 2010, o músico foi distinguido pela venda de 100 milhões de discos em todo o mundo.


fonte: Folha de Vitória Online- 05.01.2017
WAGNER MOURA PODE VIVER ROBERTO CARLOS EM CINEBIOGRAFIA
Filme terá direção de Breno Silveira,
cineasta responsável por 2 Filhos de Francisco e Gonzaga - De Pai pra Filho.
Caso aceite o papel, não será a primeira vez que Wagner Moura viverá alguém real.
Ele já fez outros papéis em cinebiografias e também interpretou Pablo Escobar na série Narcos

Uma cinebiografia de Roberto Carlos está sendo produzida, e o cantor prometeu contar tudo sobre sua vida. E o Rei pode ser interpretado por ninguém mais, ninguém menos, do que Wagner Moura! Pois é, segundo o jornal Agora, o ator é um dos principais cotados para viver Roberto Carlos nas telonas e foi escolhido pelo próprio Rei. Incrível né?
Os primeiros passos da produção começarão na próxima segunda-feira, dia 9 e a estreia do filme deve acontecer em 2018.
Caso aceite o papel, não será a primeira vez que Wagner Moura viverá alguém real. Ele já fez outros papéis em cinebiografias e também interpretou Pablo Escobar na série Narcos, da Netflix.


fonte: Adoro Cinema Online- 05.01.2017
CINEBIOGRAFIA DE ROBERTO CARLOS SERÁ BASEADA EM ENTREVISTAS COM O CANTOR
Cinebiografia de Roberto Carlos será baseada em entrevistas com o cantor
Filme terá direção de Breno Silveira, cineasta responsável por 2 Filhos de Francisco e Gonzaga - De Pai pra Filho.

De Renato Russo a Elis Regina, de Cazuza a Tim Maia, muitos foram os ícones da música brasileira que tiveram suas trajetórias narradas em filmes dramáticos, em produções que costumam ter bons resultados nas bilheterias. O ano de 2017 marca o início da produção sobre aquele que é um do cantores mais populares do Brasil e da América Latina: Roberto Carlos. De acordo com informações do jornal Folha de S. Paulo, o filme sobre o Rei será baseado em entrevistas realizadas com o cantor ao longo de três meses. A sabatina será conduzida pelos três nomes responsáveis pelo projeto, Breno Silveira, Patrícia Andrade e Nelson Motta. Silveira é o diretor responsável por comandar os filmes sobre as trajetórias de Zezé di Camargo e Luciano (em Dois Filhos de Francisco) e Luiz Gonzaga e Gonzaguinha (em Gonzaga - De Pai Pra Filho), que juntos levaram quase 7 milhões de pessoas aos cinemas brasileiros. Andrade é a roteirista que trabalhou com Silveira em todos os projetos do diretor para os cinemas. A presença de Nelson Motta, produtor musical, jornalista e escritor, no projeto como corroteirista foi uma exigência do biografado. O filme sobre Roberto Carlos, que ainda não tem título, vai abordar da infância do artista, nascido na pequena cidade de Cachoeiro de Itapemirim, sul do Espírito Santo, até o ano de 1968, quando o cantor venceu o prêmio principal do Festival de San Remo, na Itália, com a canção "Canzone Per Te". A vitória na Itália foi um fator fundamental para consolidar a figura de Roberto como Rei. Ainda não foi definido quem serão os atores que vão interpretar Roberto Carlos ao longo de sua infância, juventude e fase adulta.


fonte: CF Now Online- 02.01.2017
ROBERTO CARLOS VAI CONTAR SUA HISTÓRIA EM CINEBIOGRAFIA
Cantor vai participar intensamente da produção do filme,
aprovando o roteiro e ajudando na escolha de elenco e de locações

Roberto Carlos vai contar sua trajetória em uma cinebiografia que será dirigida por Breno Silveira, de 2 Filhos de Francisco e Gonzaga: De Pai pra Filho. De acordo com a assessoria de imprensa de Roberto, a ideia do filme já foi aprovada pelo cantor e o longa deve começar a ser produzido em breve. Se tudo correr conforme o cronograma, o filme chegará aos cinemas já no final do ano.
Roberto vai participar intensamente da produção da cinebiografia, aprovando o roteiro e ajudando na escolha de elenco e de locações. O cantor também deve aparecer no filme, mas não está decidido como será essa participação. Roberto ainda vai decidir se vai narrar os acontecimentos no longa, aos moldes de 2 Filhos de Francisco, e se vai atuar como produtor. Ainda não há informações sobre como a produção será financiada.
Roberto já estava reunindo material para lançar uma biografia, mas, com a agenda cheia, não conseguiu tocar o projeto em 2016. Silveira, então, sugeriu ao cantor que usasse o material como base para uma cinebiografia – o “rei” gostou da ideia e aceitou na hora. O roteiro do longa será assinado por Nelson Motta e Patrícia Andrade.
Segundo sua assessoria de imprensa, o cantor não quer omitir nenhuma informação, mas vai contar sua história como ele acha que ela deve ser contada. Vai tratar do acidente que fez com que sua perna fosse amputada, quando tinha 6 anos, das relações amorosas e com a família, do trabalho, da morte do pai e do relacionamento com a mãe.
Roberto é bastante conhecido pelo controle de suas canções e de como sua história é contada. Em 2007, ele processou o escritor Paulo Cesar de Araújo e pediu para retirar das livrarias a biografia não-autorizada escrita por ele, Roberto Carlos em Detalhes.


fonte: Gshow Online - 27.12.2016
ERASMO CARLOS FALA DE AMIZADE COM ROBERTO CARLOS:
'A VIDA LEVOU CADA UM PARA UM LADO, MAS NÃO É BRIGA'
Nos bastidores do 'Altas Horas', artista fala da disposição aos 75 anos,
confessa ver um filme por dia e adianta livro de poesias que prepara para 2017


Erasmo e Roberto no especial do Rei de 2015
"Geminiano é metido a besta, acha que pode fazer tudo." A entrevista nem tinha começado, mas só pela definição que Erasmo Carlos atribuiu a ele, deu para entender porque aos 75 anos ele tem a mesma disposição de 20 anos atrás, faz show, grava, compõe, cumpre agendas de televisão, dá autógrafos, escreve poesias e planeja novos rumos. "Tenho fascínio pelas artes criativas, mas desisto por falta de aprendizado. Gostaria de pintar, trabalhar com escultura", diz ele, que chegou à Globo de São Paulo para gravar o Altas Horas de Natal cumprindo o 'pacote de artista', com fotos no corredor, beijos e dedicatórias dos admiradores.
Nada dessa agenda, porém, é interpretado como trabalho pelo Tremendão. "Tenho muito prazer de exercer as várias facetas que a minha profissão me dá como tocar, gravar, escrever. Não é sacrifício nenhum para mim. Faço com amor, acho que é por isso."

Erasmo aproveitou o Altas Horas para tietar As Galvão
E no tempo que tem livre, o artista se dedica à música. No violão, cria o primeiro contato com as composições, segue cantarolando em "erasmês" (um mix de inglês, português e enrolação, segundo ele) e depois segue para o papel. Apesar da correria, o tijucano da gema e vascaíno de coração tem bagagem de sobra para compor.
Tudo que passa pelos seus olhos durante o dia são temas com chance de música! Notícias que vê na TV, telefonemas que recebe, artigos que lê, livros e filmes. "Tenho que dividir meu lazer com futebol, programas de notícia, minisséries americanas e filmes. Eu vejo, pelo menos, um filme por dia. É uma lista enorme! E eu anoto todos que assisto. Eu gosto mais de ficção, terror, suspense, mas vejo tudo. Gosto de uma boa história, assim como gosto de uma boa música."

Erasmo dedicou essa foto a Roberto no dia em que o Rei completou 75 anos
Entre as boas histórias, o Tremendão ainda acompanha as novelas. "Atualmente, eu vejo todas, mas não estou seguindo nenhuma." Afinal, a agenda é apertada, o que por vezes também provoca a distância dos amigos, como Roberto Carlos. "Nosso contato é o necessário. As pessoas acham que a gente manda mensagem falando 'vai ao cinema amanhã?'. E não, não é assim (risos). A gente se fala no dia do aniversário, às vezes, em especiais de TV. A vida levou cada um para um lado, o que é normal que aconteça. Nunca mais fizemos música também. Não é briga, nem nada. É que não chegou o momento certo."
Enquanto esse reencontro musical não acontece, Erasmo segue com suas canções e livros. "É o que mais tem tomado meu tempo, hoje. Tudo é inspiração. Livros, filmes, histórias, tudo."


fonte: Notícias da TV Online - 26.12.2016
GLOBO TEM CRESCIMENTO DE 22% NO IBOPE COM ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS

Roberto Carlos em seu especial de fim de ano, exibido na Globo na última sexta-feira (23)
O clássico especial de fim de ano de Roberto Carlos registrou 21,8 pontos na sexta (23) e foi a segunda maior audiência da Globo, atrás apenas de A Lei do Amor. Em relação às quatro últimas sextas-feiras, o programa representou crescimento de 22% para a emissora nessa faixa horária, na Grande São Paulo. O musical também levantou o Jornal da Globo, que teve 14,5 de média. Ainda assim, o especial de Roberto Carlos não bateu a marca da edição do ano passado, de 25,1 pontos


fonte: Assustando Online - 24.12.2016
JENNIFER LOPEZ E RAFA GOMES CANTAM COM ROBERTO CARLOS E WEB ELOGIA: 'RAINHA'

Roberto Carlos comandou, na noite da última sexta-feira (23), o especial “Simplesmente Roberto Carlos”: a atração musical movimentou as redes sociais graças às participações convidadas pelo “rei”. Com a americana Jennifer Lopez, o cantor mostrou, pela primeira vez o dueto romântico “Chegastes”.
A música, cantada em português pela artista internacional, arrancou elogios dos internautas no Twitter. “Tô viciada na música da JLo com o rei Roberto Carlos. Não paro de ouvir”, escreveu uma. “Gente, e a música do R oberto Carlos e da JLo? Amei”, opinou mais uma. “‘Chegastes’ é a música mais fofa do ano, vamos falar a verdade. JLo e RC melhor dueto, você respeita”, brincou outra mencionando os apelidos da cantora, dona de uma mansão de R$ 144 milhões e do veterano brasileiro, entrevistado por Jô Soares na última temporada do “Programa do Jô”.


fonte: Banda B Online - 24.12.2016
EM SHOW TRADICIONAL, ROBERTO CARLOS SURPREENDE E VOLTA A CANTAR A PALAVRA 'INFERNO' APÓS 30 ANOS

Em um ano tão surpreendente quanto 2016, ate o tradicionalíssimo Especial Roberto Carlos foi marcado por uma cena inesperada: ele voltou a cantar Quero que Vá Tudo pro Inferno, sucesso de 1965 que estava fora de seu repertório desde os anos 80.
O ‘rei’ falou sobre a batalha contra o Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) e surpreendeu o público ao anunciar que quebraria o jejum de quase 30 anos. “Não me lembro mais quando foi a última vez que cantei essa música. Faz muito tempo realmente. De repente os amigos insistiram e comecei a tratar o TOC (transtorno obsessivo compulsivo). Melhorei um pouco e ensaiei cantando pela metade, mas aí tratei mais um pouco e resolvi cantar tudo”, disse. Na primeira vez, a palavra “inferno” saiu com certa dificuldade, mas ele logo pegou o embalo.


fonte: Veja São Paulo Online - 24.12.2016
ROBERTO CARLOS VOLTA A CANTAR A PALAVRA 'INFERNO' APÓS 30 ANOS
Ele voltou a cantar `Quero que Vá Tudo pro Inferno`,
sucesso de 1965 que estava fora de seu repertório desde os anos 80

Em um ano tão surpreendente quanto 2016, ate o tradicionalíssimo Especial Roberto Carlos foi marcado por uma cena inesperada: ele voltou a cantar Quero que Vá Tudo pro Inferno, sucesso de 1965 que estava fora de seu repertório desde os anos 80.
O `rei` falou sobre a batalha contra o Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) e surpreendeu o público ao anunciar que quebraria o jejum de quase 30 anos. “Não me lembro mais quando foi a última vez que cantei essa música. Faz muito tempo realmente. De repente os amigos insistiram e comecei a tratar o TOC (transtorno obsessivo compulsivo). Melhorei um pouco e ensaiei cantando pela metade, mas aí tratei mais um pouco e resolvi cantar tudo”, disse. Na primeira vez, a palavra “inferno” saiu com certa dificuldade, mas ele logo pegou o embalo.


fonte: O Globo Online - 23.12.2016
ROBERTO CARLOS CANTA EM ESPECIAL COM CAETANO, GIL E ZECA PAGODINHO COMO CONVIDADOS
Programa vai ao ar nesta sexta-feira, após 'A lei do amor'

RIO — "Quero que você me aqueça nesse inverno e que tudo mais vá pro inferno”, exorciza Roberto Carlos, sob aplausos do público, ao cantar os versos da famosa música, banida do repertório após o agravamento do seu TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) nos anos 80. “Nem me lembro mais quanto tempo faz que cantei essa música, mas os amigos insistiam para que eu voltasse a cantar”, explica o Rei. Esse e outros grandes sucessos estão no tradicional especial de fim de ano, exibido nesta sexta-feira, na Globo, após “A lei do amor”.
Como manda o figurino, Roberto chamou um time de convidados para abrilhantar ainda mais a festa: Caetano Veloso, Gilberto Gil, Marisa Monte e Zeca Pagodinho vão subir ao palco. Fora dele, na plateia, artistas fazem coro em cada canção do eterno líder da Jovem Guarda. Sentada na primeira fileira, Ana Maria Braga visitou as memórias do passado de uma época antes da fama, quando o Rei mexia com seu coração.
— Fui apaixonada por ele como qualquer adolescente. Morava no interior, tinha uma vitrola com dois discos dele. A vida me levou por um caminho que pude conhecê-lo como pessoa, e aí a admiração multiplicou — afirma a apresentadora, que não poupa elogios a Roberto: — Mais que um cantor, ele é um grande intérprete, passa emoção em tudo o que faz.
Participando pela terceira vez do programa, o sambista Zeca Pagodinho fez uma homenagem aos cem anos do samba com um pot-pourri, apresentando clássicos como “Com que roupa”, “O sol nascerá”, “Se acaso você chegasse” e “Caviar”.
— Cantar do lado do Rei é outra coisa. Até eu fico nervoso! — brinca Zeca, que sabe as letras de cor: — Todo ano, minha irmã comprava um disco do Roberto. Qualquer música que ele cantar eu sei, não importa de qual ano seja.
Entre artistas experientes e consagrados, a cantora mirim Rafa Gomes, finalista do “The voice kids”, solta a voz ao lado de Roberto em “Ben”, de Michael Jackson, e “Todos estão surdos”, de Erasmo e Roberto.
— Com certeza, é muito mais emocionante cantar com ele! — diz a pequena.
No momento mais aguardado da noite, Caetano Veloso e Gilberto Gil entraram no palco e cantaram ao lado do anfitrião as músicas “Coração vagabundo” e “Marina”. Para Marisa Monte, ficou o dueto em “De que vale tudo isso” e “Ainda bem”. A plateia foi ao delírio. Difícil você não ir também.


fonte: Ego Online - 23.12.2016
FAMOSOS ASSISTEM E COMENTAM SOBRE ESPECIAL ROBERTO CARLOS
Murilo Rosa, Rafa Brites, Bernardo Mesquita e outras estrelas acompanharam o programa tradicional de fim de ano.
Muitos famosos ficaram em casa na noite desta sexta-feira, 23. E a programação deles foi: acompanhar o Especial Roberto Carlos, tradicional programa de fim de ano.
Enquanto assistiam a atração, eles comentaram nas redes sociais alguns trechos. "Momento histórico.. rs. Amo", escreveu Murilo Rosa, que ainda usou a hashtag "melhor cantor do Brasil" para elogiar o artista. "Uma excelente noite com esses três gênios", elogiou Bernardo Mesquita sobre a parceria entre Roberto, Gilberto Gil e Caetano Veloso.
Sobre o encontro do trio, Ricardo Tozzi publicou um trecho do vídeo e resumiu com a palavra "eita" e um emoticon de coração.
Rafa Brites também elogio os três artistas em sua postagem. "Eu estive nesse momento inesquecível da música brasileira. Não sei descrever a emoção que sentí... Estavamos mais perto do que estou da TV. Esta noite estámarcada em nossas vidas pra sempre", comentou ela, que como muitos famosos, esteve presente na plateia durante a Gravação do especial. Rafa ainda mostrou uma imagem ao lado de Roberto no dia, assim como seu marido, Felipe Andreoli. "Meet de king (conheci o rei)", escreveu o apresentador.
"Pqp, essa é pika máxima das galáxias. Marisa Monte", disparou David Brazil quando a cantora brasileira cantou duas faixas ao lado do rei. Ana Paula Renault usou o Twitter para falar sobre a parceria com o cantor e Jennifer Lopez. "Como vocês mesmos falam: Que tiro", elogiou ela sobre a faixa "Chegaste".
Já Thiaguinho relembrou o encontro que teve com o cantor no palco, no ano anterior. "Vendo o Especial do Rei e lembrando que ano passado tive essa honra, mais uma vez... Que momento", escreveu o pagodeiro.


fonte: Gshow Online - 22.12.2016
RAFA GOMES COMENTA ENSAIO COM ROBERTO CARLOS : 'A GENTE COMEU EMPADINHA'
Ex-participante do 'The Voice Kids' é uma das atrações do especial do Rei, que vai ar nesta sexta, 23/12

Quem não ficou encantado com a Rafa Gomes no The Voice Kids? A pequena brilhou no palco mais fofo do Brasil e o reconhecimento chegou na forma de um convite muito especial: cantar com Roberto Carlos no especial de fim de ano.
A produção entrou em contato com Marcia, mãe de Rafa, há alguns meses. Mas só faltando pouco tempo para os ensaios que ela contou para a filha. "Ela falou que era gravação do The Voice Kids. Um mês e meio depois ela me contou e eu fiquei bem feliz", lembrou Rafa.
Rafa Gomes conta como foi o convite para cantar com Roberto Carlos
Para participar do especial, a cantora mirim participou de alguns ensaios com Roberto e, em pouco tempo, já se sentiu em casa: "Foi muito legal! Eu já estou me sentindo até amiga dele. Ele foi muito simpático, é uma pessoa maravilhosa. Chegou abraçando todo mundo, a gente comeu empadinha”. Tirou onda, Rafa! Empadinha com o Rei não é pra qualquer um, não é mesmo?

Rafa Gomes é uma das atrações do especial 'Simplesmente Roberto Carlos' (Foto: Artur Meninea/TV Globo)
As músicas escolhidas para o dueto entre o Rei e a princesinha são "História de uma Gata", que Rafa já deu um show de fofura enquanto estava no reality, “Todos estão surdos”, de Roberto Carlos, e “Ben”, de Michael Jackson.

Rafa na porta do seu camarim nos bastidores do especial de fim de ano (Foto: Arquivo pessoal)
Se 2016 não foi um bom ano para muita gente, a pequena está radiante com tantos acontecimentos incríveis na carreira: "Cantar com uma pessoa especial, participar do The Voice, chegar na final: tudo em menos de um ano, muito rápido! E ainda conhecer tanta gente... Isso foi muito legal", diz Rafa com maturidade de gente grande.
'Simplesmente Roberto Carlos': Rafa Gomes, ex-The Voice Kids, é uma das atrações.
Simplesmente Roberto Carlos tem direção artística de LP Simonetti e direção geral de Mario Meirelles. A direção musical é de Guto Graça Mello e do maestro Eduardo Lages. O especial vai ser exibido nesta sexta, dia 23/12, e, além da Rafa Gomes, conta com as participações de Zeca Pagodinho, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Marisa Monte e Milton Guedes. O programa exibe ainda um dueto do cantor com Jennifer Lopez, gravado em outubro em Los Angeles.


fonte: Blasting News Online - 20.12.2016
REGINA CASÉ PAGA MICO EM SHOW DO REI ROBERTO CARLOS
A apresentadora ficou numa tremenda saia justa, já que ela tentou ocupar um lugar que não lhe pertencia.

O rei Roberto Carlos fez um show incrível no ultimo sábado no 'Vivo Rio', zona sul do Rio de Janeiro. Regina Casé, que vive tietando o rei Roberto e é fã assumida dele, foi à apresentação acompanhada de seu marido, sua filha e do seu genro.
Regina, ao chegar no 'Vivo Rio', não ficou nada feliz com o lugar reservado para ela e seus acompanhantes. Um camarote no nível superior, da promoter Carol Sampaio. A apresentadora inconformada, desceu até o térreo atrás de um lugar melhor.
Os funcionários a avisaram de que as mesas estavam reservadas para os ''amigos'' do rei #Roberto Carlos, Regina indignada disparou: ''Vou escrever um bilhetinho e você o leva para Roberto. Eu sou amiga dele e fui a seu show em Jerusalém".
O discurso da apresentadora não convenceu, e mesmo sendo avisada para que não sentasse ali ela ignorou e se acomodou com a família numa mesa que ainda estava vazia.
O mais constrangedor foi que, minutos depois a apresentadora e sua família tiveram que se retirar da mesa, os verdadeiros 'VIP'S' haviam chegado e exigiram seu lugar de volta.
Ela saiu da mesa com seus convidados e se dirigiram para a melhor mesa da casa de shows que ficava embaixo do microfone do rei, mas o que a apresentadora não sabia é que pagaria um mico novamente.
A mesa em questão tinha dona, e era nada mais nada menos que Vanessa Giácomo. Ela então chamou os seguranças que pediram para que Regina Casé se retirasse da mesa com todos seus convidados.
Ela muito sem graça saiu e se pôs de pé num canto junto com seus familiares, ouviu algumas músicas e depois discretamente se deslocou até o camarote da promoter Carol Sampaio, do qual não deveria ter saído.
Os fotógrafos não perdoaram e registraram toda a constrangedora situação, e não demorou muito para cair na internet e virar manchete dos programas e revistas de fofoca.
Regina Casé não se pronunciou ainda em relação ao que aconteceu. O rei Roberto Carlos provavelmente nem sabe de toda a situação já que ficou bem claro que ele não tem controle sobre a organização dos convidados


fonte: JC Net Online - 20.12.2016
ROBERTO PARA OS ÍNTIMOS
Especial anual do cantor mais popular do Brasil será sexta-feira com plateia mais perto do palco;
Zeca Pagodinho é um dos convidados musicais

Roberto canta samba com Zeca Pagodinho no especial
O tradicional especial de Roberto Carlos na Globo neste ano se chamará "Simplesmente Roberto Carlos" e terá um clima intimista, com a plateia mais próxima do palco. Na atração, que vai ao ar nesta sexta-feira, depois da novela "A Lei do Amor", o Rei divide os vocais com artistas de diferentes estilos e idades.
A mais jovem deles é a cantora Rafa Gomes. Finalista do programa "The Voice Kids", da própria Globo, exibido no primeiro semestre deste ano, a curitibana de 11 anos fez parceria com Roberto em três músicas.
Já os veteranos Caetano Veloso e Gilberto Gil, ambos com 74 anos, cantam com o Rei "Coração Vagabundo", escrita por Caetano, e a lendária "Marina Morena", de Dorival Caymmi (1914-2008).
"Roberto já é uma voz absorvida pela cultura brasileira. Muito do meu cantar tem a influência dele, e o fato de eu continuar me apresentando vem da energia que ele ainda joga na música", elogia Gil.
Outro grande nome que participa é Marisa Monte, que canta duas músicas com o Rei. "Ouço as canções dele desde os anos 1970, e, desde então, elas nunca deixaram de fazer parte da minha vida. Ele é um cantor amado por todos os brasileiros, artistas ou não", diz Marisa.
Ela tem a chance de interpretar com Roberto "De que Vale Tudo Isso", uma de suas canções preferidas do Rei e que foi sugerida por ela mesma. "Me lembro dela no filme "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura", que fez parte da minha infância", diz, citando o longa de 1968. Marisa também vai cantar com Roberto a música "Ainda Bem".
Samba bom
O centenário do samba não foi esquecido. Roberto canta, com Zeca Pagodinho, três clássicos do ritmo, além do sucesso "Caviar" ("nunca vi, nem comi, eu só ouço falar"). O músico Milton Guedes, da banda de Lulu Santos, leva a sua gaita ao delicado sucesso "Olha".
Rei com Jennifer Lopez
O especial de fim de ano do cantor Roberto Carlos, que a Globo exibe nesta sexta, terá um toque internacional. Na atração, será lançado o clipe da música "Chegaste", que o Rei gravou com a cantora americana Jennifer Lopez em outubro, nos Estados Unidos. A canção foi escrita pela porto-riquenha Kany Garcia, e a versão em português foi feita pelo próprio Roberto. O especial também vai mostrar os bastidores desse encontro.
A outra novidade fica por conta de um efeito especial que vai permitir com que Roberto Carlos faça dueto com sua versão mais jovem.
Juntos, os dois Robertos cantam as músicas "Mexericos da Candinha", "Namoradinha de um Amigo Meu", "Eu Sou Terrível" e uma quarta que vai surpreender: "Quero que Vá Tudo pro Inferno". Por não pronunciar mais a palavra "inferno", Roberto não cantava a faixa havia anos.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 16.12.2016
ROBERTO CARLOS AINDA É O CARA EM DUO EM PORTUGUÊS COM JENNIFER LOPEZ

Não dá para dizer que se trata d'aquela canção do Roberto', até porque a autora da música Chegaste é a compositora porto-riquenha Kany García. Mas a canção tem a cara de Roberto Carlos porque é simples, envolvente, apaixonada e, sim, apaixonante. Mesmo sem cacife para se igualar aos inúmeros clássicos autorais apresentados entre os anos 1960 e 1990 pela dupla de compositores formada por Roberto com Erasmo Carlos (obra que atingiu o ápice do romantismo ao longo da década de 1970), Chegaste tem tudo para se tornar mais um sucesso do Rei. Disponível nas plataformas digitais a partir de hoje, 16 de dezembro de 2016, o single Chegaste apresenta a versão em português da música gravada por Roberto em dueto com a cantora norte-americana Jennifer Lopez, que canta a letra em português com relativa desenvoltura.
Chegaste também foi captada em espanhol com o título de Llegaste em gravação que vai ser direcionada para o mercado latino formado pelos países de língua hispânica e que figura no álbum em espanhol que Lopez lançará no primeiro trimestre de 2017. Em bom português, Chegaste é canção bem moldada para as paradas. Repetido em terno uníssono pelos cantores, que se revezam no canto dos outros versos da letra, o refrão é sedutor. Chegaste é canção de amor que vai direto ao ponto da paixão romântica. Parece simples, e é, mas não é simples fazer canção aparentemente trivial que gruda no ouvido. Aos 75 anos, Roberto Carlos chega de novo no mercado fonográfico e mostra que ainda é o cara. (Cotação: * * * *)

Eis a letra de Chegaste (Kany García):
Tanto tempo já vai caminhando e ainda me pego recordando
Lágrimas rolaram dos meus olhos, enxuguei mais de uma vez
Tenho algumas marcas que ficaram em meu sorriso nesses anos
E também lembranças tão bonitas que o tempo não desfez
Quem diria que você viria sem dizer que vinha?
Porque nunca é tarde
Para apaixonar-se
Chegaste
Senti na minha boca um: 'te quero'
Como um doce com caramelo
Necessitava um amor sincero
Chegaste
E ouvi da tua boca um: Te quero
Pra se apaixonar, sempre é tempo
Necessitava um amor sincero
E agora que eu conheço os caminhos que me levam pros seus braços
Agora que o silêncio é uma carícia que a felicidade traz
Você e o seu sorriso iluminam minha vida e meus espaços
E chega me dizendo num sorriso: 'não me deixe nunca mais'
Quem diria que você viria sem dizer que vinha?
Porque nunca é tarde
Para apaixonar-se
Chegaste
Senti na minha boca um: 'te quero'
Como um doce com caramelo
Necessitava um amor sincero
Chegaste
E ouvi da tua boca um: 'te quero'
Pra se apaixonar, sempre é tempo
Necessitava um amor sincero


fonte: Ego Online - 15.12.2016
ROBERTO CARLOS COMEÇA A PRODUZIR FILME AUTOBIOGRÁFICO
Rei também criou sua própria produtora, a 'Amigo Filmes', para distribuir o longa autobiográfico,
e convocou Breno da Silveira para a direção.

Nelson Motta, Roberto Carlos e Brenno Silveira (Foto: Kassu Assessoria/Divulgação)
Roberto Carlos convocou o diretor Breno da Silveira - responsável por sucessos no cinema como "Dois filhos de Francisco" e "Gonzaga de pai para filho" -, e o escritor Nelson Motta para dar o primeiro passo na produção de seu filme autobiográfico.
O cantor recebeu a dupla nesta quinta-feira, 15, em seu estúdio, na Urca, na Zona Sul do Rio, e a reunião contou ainda com a presença do empresário Dody Sirena, que vai decidir sobre toda estrutura do filme avaliando parcerias, patrocínios, co-produção e distribuição.
A primeira ação já foi tomada. roberto criou uma produtora própria para distribuir o filme, a "Amigo Filmes".


fonte: Observatório da Imprensa Online - 15.12.2016
ROBERTO CARLOS COMEÇA A PRODUZIR FILME AUTOBIOGRÁFICO

O cantor Roberto Carlos já dá os primeiros passos para a produção de seu filme autobiográfico. O rei criou uma produtora própria para distribuir o longa, a Amigo Filmes.
Roberto Carlos convidou o diretor Breno Silveira (de Dois filhos de Francisco e Gonzaga, de pai para filho) e o escritor Nelson Motta para iniciar a produção. Os dois se encontraram com o cantor nesta quinta-feira (15) em seu estúdio, na zona sul do Rio de Janeiro.
O empresário Dody Sirena também esteve presente na reunião. Ele vai decidir sobre toda a estrutura do filme, avaliando parcerias, patrocínios, co-produção e distribuição.


fonte: O Globo (Coluna da Tevê) - 13.12.2016
AUDIÊNCIA 1
A entrevista de Jô Soares com Roberto Carlos na sexta-feira, deu à Globo no Rio um recorde: 11 pontos e 33% de share. A atração não atingia essa marca desde 2012. Em São Paulo, foi a segunda maior audiência do ano: nove pontos e 20% de participação.


fonte: Folha Vitória Online - 10.12.2016
ROBERTO CARLOS VAI GANHAR FILME AO ESTILO DE "2 FILHOS DE FRANCISCO"
Roberto pode surpreender, caso decida encarar o projeto como uma espécie de testamento para os fãs.
O cineasta diz que o filme foi sugerido pelo próprio cantor

Ainda sem previsão de lançamento, o longa será narrado pelo próprio Roberto Carlos
Depois de Elis, é a vez de Roberto Carlos ganhar uma cinebiografia oficial. O cineasta Breno Silveira, responsável por dirigir o longa, revelou que a ideia é fazer um filme ao estilo de “2 Filhos de Francisco” (2005).
Esta será a terceira cinebiografia musical de Silveira, que, além do filme de Zezé de Camargo & Luciano, dirigiu ainda “Gonzaga – de Pai pra Filho” (2012). Entre um e outro, ele filmou “À Beira do Caminho” (2012), drama de caminhoneiro inspirado pela música homônima de Roberto Carlos. O projeto aproximou diretor e cantor.
Ainda sem previsão de lançamento, o longa será narrado pelo próprio Roberto Carlos, em uma estrutura semelhante à de “2 Filhos de Francisco”. O cantor também trabalhará na produção e supervisão do projeto, terá total controle sobre a obra, escolhendo elenco e aprovando o roteiro, que será escrito por Nelson Motta e Patrícia Andrade.
Mesmo assim, Breno sonha em tocar em assuntos considerados tabus. Entre eles, o traumático acidente que causou a amputação de uma perna de Roberto Carlos na infância, além da morte da mulher Maria Rita e de seu conhecido TOC (transtorno obsessivo-compulsivo), que o impede de vestir roupas coloridas e dizer certas palavras.
Mas o mais provável é que, com tanto controle do cantor, dificilmente surgirão as histórias mais polêmicas, como aquela encenada em “Tim Maia” (2014), que foi limada, por motivos pouco claros, na exibição televisiva da obra.
Meticuloso, Roberto exerce grande controle sobre sua imagem e em 2007 chegou a processar o escritor Paulo Cesar de Araújo, que escreveu uma biografia não autorizada, “Roberto Carlos em Detalhes”, lançada sem seu consentimento e retirada das livrarias por ordem judicial.
Claro que Roberto pode surpreender, caso decida encarar o projeto como uma espécie de testamento para os fãs. É o que dá a entender o cineasta, que diz que o filme foi sugerido pelo próprio cantor.
“Tivemos apenas as conversas iniciais, e ele foi muito carinhoso comigo. Mas ainda não decidimos os assuntos que vão ou não entrar. Mas, pelo que entendi, ele pretende relevar muita coisa que está guardada com ele”, Silveira contou ao UOL. Por sinal, o filme deverá ser lançado junto de uma biografia oficial, que vem sendo preparada há anos pelo cantor.
A trama retratará as diversas fases da carreira do artista, interpretado por atores diferentes, inclusive pelo próprio Roberto – Christian Figueiredo fazendo escola.
“O trabalho de escolha [de atores] tem que ser feito com muito cuidado. A gente tem alguns bons atores que tem um tipo parecido. Mas eu não descarto também procurar por pessoas desconhecidas. Tudo é teste”, adiantou o diretor.
Procurado pelo portal para comentar o projeto, Roberto Carlos afirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não existe ninguém melhor do que ele mesmo para a contar a própria história.
Silveira faz eco. “É uma honra fazer uma biografia de alguém que sempre acompanhei, de quem sempre fui fã. Sempre tive vontade de filmar o Roberto. E, com a pessoa ainda viva e presente, fica ainda mais bonito.”


fonte: Ego Online - 09.12.2016
ROBERTO CARLOS VAI LANÇAR CINEBIOGRAFIA E PROMETE CONTAR TUDO
A assessoria do cantor confirmou que o filme, com direção de Breno Silveira e argumento de Nelson Motta e Patrícia Andrade, será rodado em breve.

Roberto Carlos já repetiu algumas vezes em entrevistas que gostaria de lançar uma autobiografia para ter a oportunidade de contar sua própria história: "Ninguém vai contar a minha história melhor que eu", diz ele. A polêmica em torno do assunto começou em 2007, quando ele moveu uma ação contra o jornalista Paulo César de Araújo, autor de "Roberto Carlos em detalhes", e conseguiu que o livro fosse recolhido das lojas. Dez anos depois, Roberto levou à frente o sonho e o transformou em algo ainda maior: o cantor decidiu não apenas contar sua história como lançar uma cinebiografia. A ideia, segundo sua assessoria de imprensa, surgiu da relação do Rei com o cinema.
- ele estrelou quatro longas nos anos 60 e 70, e participou de mais de dez filmes ao longo da carreira.
RC viverá ele mesmo e vai participar da seleção do elenco
O longa começa a ser gravado em breve e tem argumento assinado por Nelson Motta e Patrícia Andrade, e direção de Breno Silveira. O trio já se reuniu com RC e a previsão é de que o filme seja lançado dentro de um ano. Roberto quer participar de todo o processo, inclusive da escolha do elenco. A ideia é que após uma pré-seleção ele acompanhe os testes com os finalistas. Atores serão escalados para viver Roberto Carlos em diferentes fases de sua vida. Em um dado momento, Roberto vai aparecer como ele mesmo.
Sem tabu: acidente e TOC estarão no longa
O filme retratará toda a trajetória do capixaba de Cachoeiro de Itapemirim, incluindo momentos marcantes, como o acidente que o fez perder a perna direita e é tido como tabu. "Ele vai contar tudo isso no filme, exatamente como aconteceu, e não vai omitir nada. Os fãs podem aguardar que vai vir a verdadeira história do maior ídolo da música brasileira", garantiu o representante do cantor.
Nesta sexta-feira, 9, será exibida a entrevista de RC no "Programa do Jô". A gravação aconteceu na terça-feira, 6. Durante o bate papo, o cantor arrancou risadas do público, contou algumas histórias curiosas de sua vida, cantou sucessos da carreira e emocionou com uma homenagem para Jô Soares, ao dedicar a música "Amigo" ao apresentador, que foi às lágrimas na última temporada da atração.


fonte: Gshow Online - 07.12.2016
ROBERTO CARLOS FAZ HOMENAGEM PARA JÔ SOARES
E LEVA APRESENTADOR ÀS LÁGRIMAS: 'MEU AMIGO DE FÉ'
Cantor volta ao 'Programa do Jô' após cinco anos, em entrevista que deve ser exibida nesta sexta-feira, 9/12

Jô Soares se emociona com Roberto Carlos
Prepare o coração para assistir à entrevista de Roberto Carlos no Programa do Jô. E quando se fala em Rei, não dá para ser diferente. Na gravação que aconteceu na terça-feira, 6/12, ele arrancou risadas do público, contou algumas histórias curiosas da sua vida, cantou sucessos de carreira e emocionou com uma homenagem para Jô Soares, ao dedicar a música "Amigo" ao apresentador, que foi às lágrimas na última temporada da atração.
Abraçado ao apresentador, Roberto se declarou. "Era pra eu cantar essa música em pé, mas não faz sentido cantar longe de você. Essa música eu fiz pro Erasmo Carlos, mas quando posso cantá-la a amigos queridos, alguns parentes, irmão...", disse, embargando a voz. Logo na primeira frase, "Você, meu amigo de fé, meu irmão camarada", Jô não conseguiu conter a emoção.

Roberto Carlos participa da última temporada do 'Programa do Jô'
O apresentador ainda agradeceu ao cantor por conseguir arrumar um tempinho para a entrevista, mas ele explicou que fez questão de estar ali. "Eu é que liguei pra cá pra dizer que gostaria de participar do seu programa, estou muito preocupado de ver que não terei mais você nas minhas madrugadas", disse.
E além de choro e emoção, o bate-papo teve muita risada também. Para começar a conversa, Jô colocou o cantor contra a parede. "Que história é essa de que você foi fazer show em uma certa cidade e tinha uma moça na sua cama de hotel?”, perguntou. “Não vou dizer o nome da cidade, nem da moça, nem de quem aprontou isso. Eu dei uma dormidinha antes do show e, quando me acordaram, tinha uma moça deitada ao meu lado... Bicho, eu não sabia o que era aquilo... Queriam mandá-la embora, mas eu falei: ‘não mande ela embora, bicho...”, brincou Roberto.
A última vez em que o Rei esteve no Jô foi em 2011, quando ele falou sobre os TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo). Cinco anos depois, ele voltou a falar sobre o assunto, mas explica que deu uma "melhoradinha".
Para conferir esse e outros momentos, não perca a entrevista na íntegra, que deve ir ao ar nesta sexta-feira, 9/12.


fonte: O Dia - 06.12.2016
O REI E O GORDO
Está confirmada para esta terça-feira a entrevista de Roberto Carlos no "Programa do Jô". Negociada há bastante tempo, ela foi possível para a tarde de hoje. Exibição na sexta-feira.


fonte: Diário de Notícias Online (Lisboa) - 06.12.2016
O "REI" ESTÁ DE VOLTA. ROBERTO CARLOS EM PORTUGAL EM 2017

Roberto Carlos fotografado no concerto no Multiusos de Guimarães, em maio de 2015
O músico brasileiro Roberto Carlos regressa a Portugal em 2017 para dois concertos em abril em Lisboa e em Gondomar, revelou a promotora.
O artista brasileiro estará a 19 de abril - dia em que completa 76 anos - no Meo Arena, em Lisboa, e a 24 de abril no Multiusos de Gondomar, salas onde atuou em 2015.
Roberto Carlos, que segundo a promotora, já vendeu 1,5 milhões de discos em Portugal, é um dos artistas brasileiros de maior sucesso, tendo gravado cerca de 500 canções em mais de 50 anos de carreira.
"Ídolo da juventude e maior expoente de um movimento denominado 'Jovem Guarda' na década de 60, encontrou sua identidade nas canções românticas e consolidou o sucesso na década de 70", recorda a promotora.
Roberto Carlos é considerado o único artista que conseguiu vender mais discos do que os Beatles e Elvis Presley na América Latina.
"É proibido fumar" (1964) e "Jovem Guarda" (1965) são dois dos mais importantes registos de Roberto Carlos, marcados pelo rock e influenciados por Elvis Presley e Little Richard, ainda antes da fase romântica, iniciada na década 1970.
Em 2010 o músico foi distinguido pela venda de cem milhões de discos em todo o mundo.


fonte: A Bola Online - 05.12.2016
ROBERTO CARLOS ATUA EM LISBOA E GONDOMAR NO PRÓXIMO ANO

Roberto Carlos vem celebrar o seu 76.º aniversário ao Meo Arena, em Lisboa, com um espetáculo a 19 de abril de 2017. Já a 24 do mesmo mês, o músico brasileiro atua no Multiusos de Gondomar.
O anúncio foi feito esta segunda-feira pela promotora do espetáculo, que descreve Roberto Carlos como um «ídolo da juventude e maior expoente de um movimento denominado ‘Jovem Guarda’ na década de 60», que «encontrou sua identidade nas canções românticas e consolidou o sucesso na década de 70».
O cantor brasileiro é o único artista que conseguiu vender mais discos do que os Beatles e Elvis Presley na América Latina. No ano de 2010 foi distinguido pela venda de cem milhões de discos no mundo.


fonte: G1 Sorocaba, Jundiaí Online - 05.12.2016
ROBERTO CARLOS ATUA EM LISBOA E GONDOMAR NO PRÓXIMO ANO
Idosa conhece Roberto Carlos após ação de asilo na web: 'Muito feliz'
Anice Garcia sensibilizou internautas em campanha do lar onde mora.
Foto do encontro foi postada pelo cantor depois de show em Sorocaba.

Anice Garcia foi recebida pelo cantor Roberto Carlos após show em Sorocaba
Conhecer o ídolo depois de uma mobilização na internet. Foi assim que Anice Garcia, de 78 anos, conseguiu realizar o sonho de Natal que sensibilizou milhares de pessoas por meio de uma sessão de fotos organizada por voluntários. Moradora do Lar São Vicente de Paulo, em Sorocaba (SP), a idosa foi ao show do cantor Roberto Carlos, que a recebeu após a apresentação no fim de semana.
A foto do encontro foi compartilhada pela equipe do cantor na página oficial em uma rede social, junto com o link da reportagem publicada no G1 em novembro. "Estou flutuando, muito feliz e satisfeita. Não imaginava realizar esse sonho. Meu aniversário foi em outubro e agora tem o Natal, foi um presentão", afirma a idosa.
Dona Anice assiste ao especial do cantor todos os anos na televisão e disse que se imaginava na plateia do show. Sobre o encontro com o rei, ela conta que conversaram rapidamente. "Quando abriu a porta e vi ele olhando na minha direção, nem sei como andei, é uma sensação que não sei explicar. Disse que sou fã desde a época da Jovem Guarda. Ele é mais bonito e simpático pessoalmente." Ela destaca que o presente só foi possível graças a corrente formada por voluntários e pessoas que abraçaram a causa.
Até a manhã desta segunda-feira, a postagem tinha mais de 12 mil curtidas e 580 compartilhamentos. "O Lar São Vicente de Paulo em Sorocaba mobilizou a internet com a intenção de realizar os desejos de Natal de seus moradores. Dona Anice Garcia, moradora de lá, sonhou em ir a um show de Roberto Carlos. Voluntários se uniram e realizaram todos os pedidos e dona Anice não só foi ao show como deu um pulinho no camarim depois. #NuncaÉTardePraSonhar #SonhodeNatal #FelizNatalAnice", diz o post.
Minutos depois da publicação, muitos internautas comemoraram a realização do pedido de natal da idosa. "Gratificante e elogiável, a participação na felicidade de alguém! Parabéns a todos, que concorreram para a realização do desejo de dona Anice Garcia! Obrigada", disse uma internauta.

Antres de ir ao show a aposentada passou a tarde no salão de beleza
Campanha de natal
A emoção e expectativa marcaram as horas que antecederam o show. Anice foi ao salão de beleza arrumar o cabelo e fazer as unhas. A preparação foi acompanhada de perto pela assistente social do lar onde a idosa mora, Ângela Vasconcelos Resende. A campanha "Eu adoro esse sonho de Natal" foi realizada por um grupo de 10 voluntários.
Durante um fim de semana eles tiraram fotos dos idosos segurando uma lousa com o presente que gostariam de ganhar. O pedido de Antonio Nunes de Resende, de 87 anos, é uma simples amizade. Segundo a assistente social, ele é um dos idosos que raramente recebe visita de familiares.
Apenas 20% dos moradores do lar foram visitados no domingo (4), por exemplo. Mas com a repercussão das fotos os idosos ficaram ansiosos e emocionados com a possibilidade de serem mais lembrados. "Durante todo o ano precisamos de fraldas e leite, mas o carinho, a atenção e as visitas são ainda mais importantes. Eles sentem falta", conta Ângela.
Depois da campanha, o lar recebeu mais idosos e está com 93 moradores ao todo. Os pedidos divulgados na internet começaram a chegar no local e podem ser entregues até o dia 10 de dezembro. Uma festa está sendo organizada para os moradores realizarem os sonhos no dia 18 deste mês. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (15) 3313-2025 ou 3313-9100.

Anice Garcia pediu para ir ao show e seu Rezende quer uma amizade


fonte: AGB News Online - 16.11.2016
ROBERTO CARLOS FICA FURIOSO COM BOATOS

Roberto Carlos não gostou nem um pouco dos boatos envolvendo seu nome, em relação a atual situação política do país.
Os advogados do rei já tomaram providências para buscar os responsáveis que colocaram palavras inverídicas na boca do cantor.


fonte: Caras Online - 14.11.2016
ROBERTO CARLOS NÃO FEZ CRÍTICAS AO JUIZ SÉRGIO MORO. A NOTÍCIA É FALSA,
DIZ EM NOTA A ASSESSORIA DO ARTISTA
O episódio ocorreu na mesma semana em que o Dicionário de Oxford escolheu pós-verdade como a palavra de 2016.
Estamos na era da pós-verdade. Post-truth. A pós-verdade ajudou a eleger Donald Trump presidente dos Estados Unidos.
As mentiras disseminadas nas redes sociais se sobrepõem às verdades. As pessoas se deixam guiar pelo que não é verdadeiro.
Os fatos objetivos são menos influentes na formação da opinião pública do que os apelos às emoções e às crenças pessoais.
Em 1989, no debate às vésperas da eleição, Collor disse que não tinha dinheiro para comprar um equipamento de som como o de Lula. Collor mentiu. O eleitor acreditou nele. Se fosse hoje, a afirmação dele se enquadraria no conceito de pós-verdade.
O caso de Roberto Carlos: uma “notícia” no Facebook dizia que o artista estava perdendo seguidores nas redes sociais depois de criticar o juiz Sérgio Moro e apoiar o PT. Não é verdade.
A assessoria do Rei divulgou nota que está em seu perfil no Facebook.
O teor da nota: “Roberto Carlos, como a maioria dos brasileiros, tem orgulho do trabalho do juiz Sérgio Moro e de todos da equipe do Judiciário, Polícia Federal e Ministério Público envolvidos na operação Lava Jato, exemplos de dignidade e competência. Novamente a internet é usada para divulgar notícias falsas e estamos tomando providências jurídicas para que fatos como este não tornem a acontecer”.
Roberto Carlos tem 75 anos, quase 60 de carreira. Ele não costuma se envolver com política. Direito dele. O que é grande nesse artista que chamamos de Rei é a singularíssima relação da sua música com milhões de brasileiros.
A pós-verdade sempre existiu. O que assusta é sermos dominados por ela.


fonte: Caras Online - 14.11.2016
ROBERTO CARLOS CANTA COM ZECA PAGODINHO, MARISA MONTE, CAETANO VELOSO E GILBERTO GIL
NO ESPECIAL DE FIM DE ANO
Ao lado de grandes nomes da MPB, o rei cantou os maiores sucessos de sua carreira

Roberto Carlos já gravou seu especial de fim de ano apresentado anualmente pela Rede Globo. O cantor reuniu diversas estrelas na plateia e lendas da MPB subiram ao palco para se apresentar com ele.
Pela terceira vez, Zeca Pagodinho foi um dos convidados especiais da noite e cantou canções marcantes como “Com que Roupa”, O “Sol Nascerá” e “Caviar”. “Já é a terceira vez que participo do especial. A primeira foi há 30 anos. Mesmo assim, fico nervoso. Cantar com o Rei é muito especial”, afirmou o sambista.
Caetano Veloso, Gilberto Gil e Marisa Monte também cantaram grandes sucessos com o anfitrião da noite. “É um privilégio estar aqui cantando com eles. Quantos outros artistas gostariam de estar no meu lugar”, disse Roberto.
Com direção artística de LP Simonetti e direção geral de Mario Meirelles, o especial Simplesmente Roberto Carlos será exibido em dezembro, na Globo.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 10.11.2016
ROBERTO CARLOS QUASE NÃO CONSEGUE CANTAR 'E QUE TUDO MAIS... VÁ PRO INFERNO!'
EM ESPECIAL DA GLOBO

Caetano Veloso, Gil e Roberto Carlos Caetano Veloso, Gil e Roberto Carlos
Estava tudo certo. Há 40 anos fora de seu repertório, “Quero que tudo vá pro inferno” voltaria a ser cantada anteontem por Roberto Carlos, na gravação de seu especial de final de ano da TV Globo. Foram duas semanas de ensaio, tudo parecia caminhar para um final apoteótico — interpretá-la na frente dos convidados seria uma importante vitória pessoal do cantor em sua luta contra o TOC.

Marisa Monte e Roberto CarlosMarisa Monte e Roberto Carlos
Mas o intervalo que antecedeu a apresentação da música estava demorando demais e deixou algumas pessoas desconfiadas. “Gente, tá demorando, né?”, disse Susana Vieira para Barbara Paz, na primeira fila. O pessoal estava achando que Roberto poderia estar cansado, já que ele teve de repetir não só a gravação de “Ainda bem”, com Marisa Monte (a plateia vibrou quando soube que teria um replay), mas também um bloco da Jovem Guarda em que RC contracena com ele mesmo, num telão.

Susana Vieira e Barbara PazSusana Vieira e Barbara Paz
Que cansaço, que nada. No camarim, Roberto avisou à equipe: “Bicho, acho que não vou cantar aquela, não.” Boninho, o diretor, e Guto Graça Mello, diretor artístico, saíram da sala de edição e foram conversar com ele. “Canta, Roberto! É só uma expressão”, disseram todos ali, quase em coro. Roberto queria deixar para o ano que vem, mas foi convencido de que a hora era essa. “Tá bom, vamos lá”. Ele fez então uma introdução rápida “nem lembro a última vez que cantei essa música”... e a cantou todinha, de primeira, respirando fundo dramaticamente antes do refrão que tanto o incomodou: "E que tudo mais... Vá pro inferno!”.
A plateia foi à loucura e pediu bis. Foi a deixa para ele contar o que houve nos bastidores. “Vocês não imaginam a pressão que eu sofri agora para cantar essa música. Eu tinha desistido! Mas melhorei do TOC e só vim porque o arranjo é maravilhoso e eu fui obrigado”, disse, rindo. Depois, aliviado, repetiu a frase que havia escutado: “É só uma expressão...”

Felipe Andreolli, Rafa Britter e Isabella SantoniFelipe Andreolli, Rafa Britter e Isabella Santoni
Foi a primeira vez na história que o trio se apresentou junto. Eles ainda cantaram “Marina”, de Dorival Caymmi (mais uma prova de que melhorou do TOC, já que a palavra “mal”, que Roberto passou anos sem pronunciar, foi repetida à exaustão na hora do ‘Eu tô de mal com você/ De maaaal!’).
E Marisa Monte? Bem, na hora em que ela apareceu no palco, RC, que a anunciou para o público chamando-a de “diva”, não se conteve: “Marisa toda de branco! Que coisa linda!”. Os dois cantaram juntos duas músicas (“Vocês não sabem como é bom cantar com ela”, disse) e dançaram juntinhos, abraçados, numa cena bonita de se ver.
Susana Vieira, que cantou a bola de que seria uma das primeiras a ganhar uma rosa ao final do show (não só ganhou, como Roberto ainda disse: “Meu amor!” ao lhe entregar a flor), se emocionou mesmo na hora de “Cavalgada”. “Olha, fiquei até arrepiada”, disse ela, mostrando para Barbara Paz o braço com os pelos eriçados. Foi esse o clima.


fonte: Metrópoles Online - 09.11.2016
ROBERTO CARLOS GRAVA ESPECIAL DE NATAL COM GIL, CAETANO E MARISA MONTE
Milton Guedes, Zeca Pagodinho e a cantora mirim Rafa Gomes também participam do programa.

Caetano Veloso, Gilberto Gil, Marisa Monte, a cantora mirim Rafa Gomes, finalista do “The Voice Kids”, o saxofonista Milton Guedes, e Zeca Pagodinho são os convidados do especial de fim de ano de Roberto Carlos na Rede Globo.
O programa foi gravado nas noites de segunda-feira (7/11) e terça-feira (8/11), nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro. A produção desta vez optou por um tom intimista e ambientação clean. O palco circular deixou o cantor bem próximo da plateia.
Cantora mirim e 100 anos de samba
Acompanhado pela banda RC, sob regência de Eduardo Lages, Roberto abriu as gravações cantando “Emoções”. Na sequência, vieram “Amada Amante”, “Outra Vez”, “Olha” e “Sua Estupidez”. Ao chamar a menina Rafa Gomes, o rei se mostrou impressionado com o talento da menina. “Quando a vi no programa, fiquei encantado. Pensei: quero tê-la no meu especial esse ano”, disse.
Rafa cantou três músicas. “História de Uma Gata”, que a destacou no reality, “Ben”, hit de Michael Jackson, e “Todos Estão Surdos”, de Roberto e Erasmo Carlos. Milton Guedes acompanhou Roberto tocando gaita e Zeca Pagodinho homenageou os 100 anos do samba com um pot-pourri de clássicos do gênero.


fonte: Bol Notícias Online - 09.11.2016
ROBERTO CARLOS FALA DE TOC E CANTA "QUE VÁ TUDO PRO INFERNO" EM ESPECIAL

Roberto Carlos canta com Rafa Gomes, do "The Voice Kids", no especial da Globo
Roberto Carlos surpreendeu o público e foi aplaudido de pé ao cantar "Que Vá Tudo Pro Inferno" na gravação do especial da Globo, nesta terça-feira (8) nos estúdios da emissora no Rio de Janeiro.
"Não me lembro mais quando foi a última vez que cantei essa música. Faz muito tempo realmente. De repente os amigos insistiram e comecei a tratar o TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo). Melhorei um pouco e ensaiei cantando pela metade, mas aí tratei mais um pouco e resolvi cantar tudo", disse o cantor que até abraçou o maestro Eduardo Lages para comemorar.
Sucesso de 1965, "Quero Que Vá Tudo Pro Inferno" foi uma das músicas banidas do repertório do cantor na década de 80, quando o TOC se acentuou, aumentando também as manias e superstições do artista.
Antes de cantar a música na noite desta terça-feira, Roberto que se emocionou no palco diversas vezes ao lado de Caetano Veloso, Gilberto Gil e Marisa Monte, se ausentou por alguns minutos e explicou motivo.
"Vocês não sabem a pressão que sofri no camarim agora. Eu tinha desistido de cantar, mas aí não teve jeito", entregou o rei, que repetiu em alto e bom som a palavra Inferno ao cantar a música.
"Isso é só força da expressão", justificou.
A gravação do especial de Roberto Carlos, que vai ao ar em dezembro, foi dividida em dois dias. Na segunda-feira, o cantor recebeu no palco Zeca Pagodinho, Rafa Gomes, do "The Voice Kids", e Milton Guedes.


fonte: Estado de São Paulo Online - 09.11.2016
ROBERTO CARLOS VENCE TRAUMAS E MANDA 'TUDO PARA O INFERNO' NA GRAVAÇÃO DE SEU ESPECIAL
Cantor recolocou no repertório de seu especial de fim de ano música que não levava aos shows há mais de 20 anos;
Caetano Veloso, Gilberto Gil e Marisa Monte foram seus convidados

Gilberto Gil, Roberto Carlos e Caetano Veloso
RIO - A noite em que Roberto Carlos venceu uma etapa de seu transtorno obsessivo compulsivo. A frase pode ilustrar bem o segundo e último dia de gravação do especial de fim de ano, nesta terça, 8, em um estúdio do Projac, na Globo. O programa, ainda sem data definida, será exibido próximo ao Natal.
Roberto cantou Quero Que Vá Tudo Pro Inferno, algo que não fazia há muitos anos. "Nem eu mesmo sei há quantos anos não canto essa canção", disse. E explicou: "Os amigos sempre insistiam para eu cantar. Aí comecei a tratar do meu TOC (transtorno obsessivo compulsivo) e cantei a frase pela metade. Mas agora, resolvi cantar tudo".
Na primeira vez, a palavra "inferno" saiu de seus lábios com certa dificuldade, mas ele logo embalou e chegou a um ponto de empolgação que parecia contaminar todo o grupo. Ao final, enquanto abraçava o maestro Eduardo Lages, um incentivador da interpretação, Roberto era ovacionado. E um inferno nunca foi tão aplaudido.
Em vez de chamar nomes do funk ou da música sertaneja em evidência, estratégia de alguns anos, Roberto recebeu na terça Gilberto Gil e Caetano Veloso, que cantaram duas músicas: Coração Vagabundo e Marina. Dois belos momentos, reconsiderando a amizade dos três depois do turbulento episódio do Procure Saber, grupo que defendia as biografias autorizadas do qual Roberto saiu às rusgas com Caetano Veloso, há dois anos. Gil, em tratamento de uma insuficiência renal, parecia mais frágil, com a voz mais opaca e um tanto trêmulo. Mas nada prejudicou sua entrega nas partes em que devia cantar e tocar violão ao lado de Caetano e Roberto, que enxugou lágrimas ao fim das duas músicas.
Marisa Monte, a terceira convidada (Zeca Pagodinho participou das gravações na segunda, 7) veio de branco para cantar outras duas: Uma surpreendente versão para De Que Vale Tudo Isso, do repertório de Roberto, e sua Ainda Bem, em dueto com o cantor. "Nunca pensei que um dia alguém cantaria essa música assim", disse Roberto enquanto Marisa cantava a primeira.
O pior momento, que parecia constranger o próprio cantor, foi um dueto que ele fez consigo mesmo. Ou tentou fazer. Ali, tudo ficou de mau gosto. Roberto apresenta, olhando para um telão, "Robertinho Carlinhos", ele mesmo, usando uma peruca e um paletó preto, outro tabu quebrado em seu TOC, que não mais permitia que ele se aproximasse dessa cor. Há um diálogo entre o Roberto do palco e o do telão (que na montagem do programa vai aparecer no palco, ao seu lado) no qual o cantor tem de seguir um péssimo roteiro. Depois de deixas, eles cantam em dueto Mexerico da Candinha, Namoradinha de um Amigo Meu e Eu Sou Terrível. E foi este, além da participação de Marisa Monte, o momento que o diretor Boninho pediu para ser repetido. Nem Roberto gostou.
Repertório da gravação de terça:
1. Emoções
2. Como Vai Você
3. Coração Vagabundo (com Gil e Caetano)
4. Marina (com Gil e Caetano)
5. El Día que me Quieras
6. De que Vale Tudo Isso (com Marisa Monte)
7. Ainda Bem (com Marisa Monte)
8. Mexerico da Candinha
9. Namoradinha de um Amigo Meu
10. Eu Sou Terrível
11. Quero que vá tudo pro inferno
12. Outra Vez
13. Cavalgada
14. Jesus Cristo


fonte: Gshow Online - 09.11.2016
ROBERTO CARLOS SE EMOCIONA COM CAETANO VELOSO E GILBERTO GIL
NO ESPECIAL DE FIM DE ANO DA GLOBO
Sem cantar 'Quero Que Vá Tudo Pro Inferno' desde a década de 1980, o Rei incluiu a música na gravação,
que ainda contou com Marisa Monte, Zeca Pagodinho e Rafa Gomes

Em ambiente intimista, com o público bem próximo, Roberto Carlos gravou seu tradicional especial de fim de ano para cerca de 200 convidados, em cada uma das duas noites, 7/11 e 8/11, nos Estúdios Globo. Com grandes nomes da MPB, o Rei se emocionou e visitou diferentes fases de sua consagrada carreira.
Roberto Carlos não se conteve e chegou a ficar com lágrimas nos olhos ao dividir o palco com Caetano Veloso e Gilberto Gil. “É um privilégio estar aqui cantando com eles. Quantos outros artistas gostariam de estar no meu lugar”, disse ele, que interpretou “Coração Vagabundo” e “Marina” ao lado da dupla no segundo dia de gravações.

Ao lado de Zeca Pagodinho, Roberto Carlos prestou homenagem aos 100 anos de Samba
O lado cativante e brincalhão do astro da Jovem Guarda também ficou evidente nas participações da cantora mirim Rafa Gomes, finalista do The Voice Kids, e Zeca Pagodinho, que carregou a responsabilidade de prestar homenagem aos 100 anos de Samba no especial.
Roberto fez questão de deixar clara sua admiração por Rafa Gomes: “Quando a vi no programa, fiquei encantado. Pensei: quero tê-la no meu especial esse ano”. Eles cantaram três músicas juntos. “História de Uma Gata”, que a destacou no reality, “Ben”, sucesso na voz de Michael Jackson, e “Todos Estão Surdos”, de Roberto Carlos e Erasmo Carlos, encantando os convidados da primeira noite.

Roberto Carlos se encantou por Rafa Gomes e convidou a cantora mirim para seu Especial<
O palco se transformou em verdadeira roda de samba com a entrada de Zeca Pagodinho e sua banda. Com o pout-pourri "Com que Roupa”, "O Sol Nascerá” e “Se Acaso Você Chegasse”, as estrelas arrancaram aplausos, em parceria descontraída e com direito a muitas piadas antes de encerrarem o dia com o sucesso “Caviar”. “Já é a terceira vez que participo do Especial. A primeira foi há 30 anos. Mesmo assim, fico nervoso. Cantar com o Rei é muito especial”, confessou o sambista.
O papo da dupla sobre o recente hino do samba de Zeca fez o público ir às gargalhadas. Perguntado pelo Rei qual era o gosto do caviar, o bamba de Xerém nem pensou duas vezes: “É como se lambesse o chão da Praça XV”.

Marisa Monte e Gilberto Gil no camarim, momentos antes de subir ao palco
Depois de 10 anos de sua primeira apresentação ao lado de Roberto em especiais, quando cantou “Amor, I Love You” e “Eu Te Amo, Te Amo, Te Amo”, Marisa Monte deixou a segunda noite de gravação ainda mais coroada pela grandeza da MPB.
“Tudo o que ela canta tem um toque especial”, disse Roberto ao apresentar a convidada. Juntos os dois cantaram “De que Vale Tudo Isso” e “Ainda Bem”, levando a plateia ao delírio com uma dança de rostinho colado ao final.
Roberto Carlos volta a cantar 'Quero Que Vá Tudo Pro Inferno'
O Rei surpreendeu logo após o número com Marisa. Foi aplaudido de pé ao tocar “Quero Que Vá Tudo Pro Inferno”, canção que há mais de 30 anos não faz parte do repertório de seus shows. “Eu nem me lembro mais quanto tempo faz que cantei essa música pela última vez. Os amigos insistiam para que eu voltasse a cantar”, contou ele sobre o sucesso de 1965, do álbum “Jovem Guarda”. Um demorado abraço com o maestro Eduardo Lages selou a comemoração pela volta do hit, mostrando que a canção não é mais um tabu para Roberto.

Roberto Carlos surpreendeu ao cantar ‘Quero Que Vá Tudo Pro Inferno’ na gravação
No Especial também irá ao ar o clipe da música “Chegaste” que o artista gravou com a cantora Jennifer Lopez, em Los Angeles, e mais os bastidores do encontro entre os ídolos. “Cavalgada” e “Jesus Cristo” encerraram o especial, que será exibido em dezembro, na Globo.
O Especial “Simplesmente Roberto Carlos” tem direção artística de LP Simonetti e direção geral de Mario Meirelles. A direção musical é de Guto Graça Mello e do maestro Eduardo Lages.

Ana Maria Braga e Fabiana Karla prestigiaram o Rei no primeiro dia de garavação

Vanessa Giácomo estava atenta às canções do Rei no Especial

Grudadinhos, Eriberto Leão e Andrea Leal marcaram presença na gravação do especial de fim de ano


fonte: Portal Pop Line - 09.11.2016
COMPOSITORA ENTREGA TÍTULO DA PARCERIA ENTRE JENNIFER LOPEZ E ROBERTO CARLOS
A compositora Kany Garcia entregou qual é o título da parceria entre Jennifer Lopez e Roberto Carlos. Em entrevista para a rádio RCN, Kany anunciou que o título da canção em espanhol é “Llegaste” e que ela será o single principal do novo álbum de J.Lo ainda sem data de lançamento.
O novo disco em espanhol de Jennifer Lopez terá produção executiva do ex-marido, compositor e cantor Marc Anthony (na foto acima com Kany, J.Lo e Roberto Carlos). Há rumores de que a parceria com Roberto Carlos será lançada ainda neste mês de novembro. Ainda fica a pergunta: será que teremos J.Lo no especial de final de ano?


fonte: Blog Mauro Ferreira - 09.11.2016
ROBERTO CARLOS CELEBRA 100 ANOS DE SAMBA COM ZECA NO ESPECIAL QUE TEM MARISA

O samba mandou chamar Roberto Carlos no mês em que o gênero musical completa oficialmente 100 anos. Já o cantor mandou chamar Zeca Pagodinho, um dos bambas cariocas do samba, para celebrar o centenário do ritmo no especial que vai ser exibido pela TV Globo em dezembro deste ano de 2016. Gravado nas noites de anteontem e ontem, 7 e 8 de novembro, em shows para convidados feitos pelo artista no Projac, o complexo de estúdios da emissora carioca, o próximo especial de Roberto contou com a presença de Zeca em medley que agregou os sambas Com que roupa? (Noel Rosa, 1930), Se acaso você chegasse(Lupicínio Rodrigues e Felisberto Martins, 1938) e O sol nascerá (Cartola e Elton Medeiros, 1964). Com Zeca, convidado da gravação de segunda-feira, Roberto também gravou dueto em Caviar (Luiz Grande, Barbeirinho do Jacarezinho e Marquinhos Diniz, 2002), popular samba do repertório do cantor e compositor carioca, projetado na década de 1980.
Com Marisa Monte, convidada do especial na noite de ontem, os duetos aconteceram em De que vale tudo isso? (Roberto Carlos, 1967) e em Ainda bem (Marisa Monte e Arnaldo Antunes, 2011), música do último álbum de estúdio da cantora, O que você quer saber de verdade, lançado há cinco anos. Também convidados da gravação de ontem, Caetano Veloso e Gilberto Gil cantaram Coração vagabundo (Caetano Veloso, 1967) e Marina (Dorival Caymmi, 1947) com o anfitrião, numa prova de que as mágoas surgidas ao longo da discussão da liberação das biografias já ficaram no passado.
Na gravação de segunda-feira, 7 de novembro, Roberto recebeu a cantora Rafa Gomes, uma das finalistas da primeira temporada do programa The voice Kids, exibida pela TV Globo no primeiro semestre deste ano de 2016. Com Rafa, Roberto cantou Todos estão surdos(Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971) e História de uma gata (Luís Enriquez Bacalov, Sergio Bardotti e Chico Buarque, 1977), tema do musical infantil Os saltimbancos.
Convidados à parte, o número mais inusitado do show nos dois dias de gravação foi a inclusão no roteiro de Quero que vá tudo pro inferno (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1965), música que consolidou o reinado de Roberto Carlos na Jovem Guarda e que estava há décadas limada do repertório do artista por conter a palavra inferno na letra e no título. O número está gravado. Resta saber se vai ser exibido quando o especial for ao ar em dezembro na TV Globo...


fonte: Blog Mauro Ferreira - 07.11.2016
ROBERTO MOSTRA EM ESPECIAL DE TV O CLIPE DA MÚSICA GRAVADA COM JENNIIFER

De autoria da compositora porto-riquenha Kany García, a música em espanhol gravada por Roberto Carlos em dueto com a cantora norte-americana Jennifer Lopez vai ter o clipe apresentado, com exclusividade, pelo cantor capixaba no especial de fim de ano que Roberto grava hoje e amanhã, 7 e 8 de novembro de 2016, para ser exibido na TV Globo em dezembro. O vídeo do dueto foi filmado em 10 de outubro na casa de Jennifer Lopez, em Los Angeles (EUA).
Com nome ainda não divulgado, a música integra o primeiro álbum em espanhol gravado por Lopez em cerca de dez anos. Ex-marido da cantora, Marc Anthony é o produtor executivo do disco, programado para ser lançado em 2017. Na foto acima, postada por Kany García em rede social, Roberto aparece ladeado por Jennifer Lopez (à esquerda) e pela própria Kany García, a compositora da canção romântica que se afina com o tom do repertório do Rei.


fonte: O Globo Online (Blog Mauro Ferreira) - 05.11.2016
'AQUELAS CANÇÕES DO ROBERTO' FALAM POR SI NA VOLTA DO 'REI' À CENA CARIOCA
"Eu vou tentar dizer cantando tudo que eu gostaria de dizer falando", avisou Roberto Carlos logo no início do show que trouxe o cantor capixaba de volta aos palcos do Rio de Janeiro (RJ), cidade que o abriga desde os anos 1950. Na verdade, Roberto falou bastante entre as músicas do show apresentado na casa Metropolitan na noite de ontem, 4 de novembro de 2016. Mas o cancioneiro perene e irresistível do compositor falou mais alto. E falou por si só. Tanto que o eterno Rei da canção popular brasileira mais uma vez seduziu os fiéis súditos ao reciclar as mesmas emoções de sempre a reboque da obra construída com o parceiro Erasmo Carlos.
O cantor, diga-se, fez essencialmente o mesmo show que faz há anos. Alterou levemente o roteiro, que nos últimos quatro anos passou a incorporar a derradeira boa canção do Roberto, Esse cara sou eu, lançada em novembro de 2012. Mas a inclusão ou supressão de uma e outra canção mantém inalterado o formato do show regido por Eduardo Lages, maestro do conjunto RC 17. Inalterado também permanece o amor das senhoras brasileiras por Roberto. No show de ontem, as intervenções delas, em voz alta, pontuaram a maioria dos números. "Que saudade, Roberto!", soltou uma no meio de Outra vez (Isolda, 1977). Umas e outras gritaram frases efusivas em Detalhes (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971). Juntas, fizeram coro em Como é grande o meu amor por você, na abertura instrumental do show, e repetiram o coro no fim da apresentação assim que a canção de 1967 reapareceu no roteiro na voz do cantor e compositor deste tema tão singelo quanto pueril.
Encorpada pelos metais da banda, a música Ilegal, imoral ou engorda (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1976) – lançada há 40 anos – soou renovada na pulsação dos sopros que evocavam a fase em que Roberto se deixou levar pelos ventos da soul music norte-americana dos anos 1960. Mas os tempos são outros. E Roberto também é outro. Nunca foi inocente, como ressaltou em cena, mas foi ficando conservador. Tanto que, ao cantar ontem o soul Além do horizonte (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1976), trocou o verso "De que vale o paraíso sem amor?" para "Só vale o paraíso com amor". Em vez da pergunta, a resposta pronta para fazer a cabeça do público tão ou mais conservador do que o cantor.
Firme nas próprias convicções, o cantor fez Desabafo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1979), expiou a saudade da mãe em Lady Laura (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1978) e jogou charme para a plateia em Olha (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1975) dois números após ter cantado Nossa Senhora (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1993) no habitual feitio de oração. Essas e outras canções do Roberto continuam falando por ele e por si só através dos tempos.
Aos 75 anos, Roberto Carlos pode já não ter a mesma emissão vocal dos tempos idos. Mas ainda é senhor cantor. Quando lançou mão de obras-primas como Sua estupidez (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969) e Se você pensa (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1968), foi fácil entender poque o Rei permanece no trono há mais de 50 anos.





fonte: O Globo Online (Blog Lauro Jardim) - 04.11.2016
DEPOIS DE 40 ANOS, ROBERTO CARLOS CANTOU A MÚSICA PROIBIDA

Agora, parece que vai: nos ensaios, que terminaram segunda-feira, para o seu especial de fim de ano na Globo, Roberto Carlos cantou “Quero que tudo vá pro inferno”.
A canção, de 1965, está banida do seu repertório há quase quatro décadas por causa da palavra “inferno”.
Quem conhece Roberto de perto, diz que sempre há o risco de, na hora H, o Rei desistir de cantá-la nas gravações, que acontecerão na segunda-feira e terça-feira que vem. Mas, pelo menos, sua interpretação nos ensaios foi gravada


fonte: Ego Online - 29.10.2016
DUDU BRAGA, FILHO DE ROBERTO CARLOS, COMEMORA 1 ANO DA FILHA, LAURA, EM SP
Ao lado do pai e da mulher, Valeska Braga,
músico mostra o rostinho da menina para a imprensa pela primeira vez na festa com tema Peppa Pig.

Sem esconder o quanto são "corujas", Dudu Braga - filho do músico Roberto Carlos - e a mulher, Valeska Braga, armaram uma grande comemoração na tarde deste sábado, 29, em um buffet de São Paulo, para celebrar o primeiro aniversário da filha deles, Laura. A festa, que teve como tema a personagem Peppa Pig, marcou a primeira vez que o casal mostrou o rostinho da pequena para a imprensa. O vovô Roberto Carlos marcou presença e Laura ainda ganhou um show do Rei e de Wanderleia, que também marcou presença.
"Preferimos preservar ela um pouquinho. Não que a gente ache que seja errado tirar foto, nada disso, mas foi uma forma que encontramos de protegê-la um pouquinho", explicou Valeska.
Sem disfarçar a emoção, Dudu relembrou como os últimos 12 meses passaram rápido. "Outro dia até postei em uma rede social que 'ser pai é dormir menos e sorrir mais'. Quando paro pra pensar, eu vejo que o ano passou muito rápido. Quando você a criança já está engatinhando, andando... Cada momento é tão novo na vida da gente que se eu fosse falar algo de mais marcante eu citaria os banhos que adoro dar nela, dormir junto com ela, pois ela dorme junto com a gente e inclusive me chuta a noite toda (risos)", brincou. "E ela trouxe alegria pra casa, trouxe luz, nova atmosfera, uma renovação pra gente", completou Valeska.
O vovô Roberto Carlos é 'babão'?
A "corujice" assumida não fica apenas entre os dois. Segundo Dudu, Roberto Carlos - que não deixou de prestgiar o aniversário da netinha - faz o melhor estilo "vovô babão".
"Ele é coruja. Claro, ele tem uma agenda complicada, nem sempre estamos juntos, mas ele adora a pequena e é carinhoso como é com todos os netos. Ele é babão pra caramba. Fomos pro show outro dia e ele deu uma rosa pra ela. Está guardadinha aqui em casa", relembra Dudu, que é baterista da banda RC na Veia, que faz shows com o repertório do "Rei", e inclusive fez uma apresentação na festa. Na plateia, convidados como Tom Cavalcante e família e Edu Guedes e a filha, Maria Eduarda.
Planos de aumentar a família
Com tanta alegria desde que a pequena chegou, Dudu e Valeska não escondem que planejam aumentar a família. "Com certeza queremos mais. Por mim teríamos mais cinco, mas com mais cinco a conta de casa não vai fechar (risos)", diz ele. "Meu sonho seria ter três, mas pelo menos mais um acho que teremos", completa Valeska.






























fonte: Pure People Online - 27.10.2016
ROBERTO CARLOS CANTA EM ANIVERSÁRIO DA NETA, QUE DORME DURANTE APRESENTAÇÃO
Roberto Carlos cantou no aniversário de sua neta Laura
na tarde deste sábado, 29 de outubro de 2016, em uma casa de festas de São Paulo.
Mas enquanto o artista se apresentava a menina dormia tranquilamente no colo de sua mãe, Valeska

Laura, filha de Dudu Braga e Valeska, completou um ano e ganhou festa temática da Peppa Pig, em São Paulo
Roberto Carlos fez uma apresentação exclusiva em uma casa de festas de São Paulo neste sábado (29). O show particular foi para homenagear sua netinha, Laura, que completou um ano e ganhou uma festa temática da Peppa Pig, um dos personagens infantis mais famosos do momento. Mas enquanto o 'rei' se apresentava no palco, a filha de Dudu Braga, sétima neta do artista, dormia tranquila no colo da mãe, Valeska. Wanderléa, parceira de Roberto Carlos na Jovem Guarda, também marcou presença na comemoração e animou os convidados.
Na hora de cantar os parabéns, Roberto Carlos posou todo orgulhoso ao lado da menina, que ganhou um bolo decorado de quatro andares e se animou na hora de assoprar a velinha. Esta foi a primeira vez que a família do artista, que vai gravar um clipe em espanhol com Jennifer Lopez, deixou Laura ser fotografada desde o seu nascimento.
Cantor assumiu que recebe nudes pelas redes sociais
Depois de contar em conversa com Ana Maria Braga no "Mais Você" que dorme de sunga e camiseta, Roberto Carlos assumiu que, aos 75 anos, ainda faz muito sucesso entre as mulheres. Durante a coletiva do Cruzeiro Emoções em Alto Mar, o artista não se esquivou ao ser perguntado sobre sua vida íntima.
Quando questionado se recebia nudes, o artista confirmou que já recebeu fotos ousadas de fãs: "Já recebi alguma coisa sim, mas não tenho nada contra, desde que não seja ofensivo". No entanto, o "rei" garante que não retribuiu. "Não mandei, não".


fonte: Ego Online - 27.10.2016
ROBERTO CARLOS RECEBE ZECA PAGODINHO EM ENSAIO DE ESPECIAL
Cantores vão apresentar duas músicas no programa de fim de ano da Globo.
As canções, no entanto, estão sendo mantidas em segredo pela produção.

Roberto Carlos e Zeca Pagodinho gravam juntos
Roberto Carlos já está se preparando para seu especial de fim de ano na Globo. O cantor está ensaiando na noite desta quinta-feira, 27, com ninguém menos que Zeca Pagodinho. O ensaio começou às 21h no estúdio de Roberto na Urca, Zona Sul do Rio. Os dois cantores vão apresentar duas músicas, que estão sendo guardadas a sete chaves pela produção.
Bem-humorado, Zeca chegou descontraído e brincando todos. A previsão é de que os dois trabalhem nas canções durante uma hora e meia, mas o bate-papo, regado a vinho, deve continuar depois do ensaio. A escolha do sambista se deu como uma homenagem aos 100 anos do samba. Além de Roberto e Zeca, músicos da banda do Rei e o maestro Eduardo Lages também estão presentes.


fonte: O Globo - 25.10.2016
ME INCLUI FORA DESSA
Rei “aparece” em clique do novo projeto de Xuxa Meneghel e pediu alterações
Não pense em tirar Roberto Carlos de casa no Dia de Finados. Ele não sai, não trabalha e dá folga para toda a sua equipe. Foi justamente por isso que o cantor antecipou os ensaios da gravação de seu especial de fim de ano. Eles começariam na semana que vem, mas o início foi antecipado para hoje. Acabam no dia 1º, bem na véspera do feriado. Roberto considera “desrespeito” tratar o dia 2 de novembro como um dia normal.

ALIÁS E A PROPÓSITO
Roberto Carlos vai gravar na Estrada das Paineiras cenas sem dublê em que dirige um carrão esportivo a mil por hora (calma, é modo de falar). Ainda não se sabe se será uma Ferrari ou sua Lamborghini branca. A filmagem será feita em dois dias, e as cenas se fundirão às imagens do filme “Roberto Carlos a 300 km, por hora”, de 1971. O resultado vai ser exibido no especial de final de ano.


fonte: JB Online - 21.10.2016
ROBERTO CARLOS NÃO GOSTOU NADA, NADA DE "XUXA SÓ PARA BAIXINHOS 13". ENTENDA
Rei “aparece” em clique do novo projeto de Xuxa Meneghel e pediu alterações
Todo mundo sabe que a Xuxa trocou a Globo pela Record, onde apresenta um programa semanal que não anda muito bem de audiência, mas pouca gente se deu conta que ela continua contratada da Som Livre, gravadora do Grupo Globo, responsável por lançar a franquia de sucesso de DVDs “Xuxa Só Para Baixinhos”. Pois bem: com os constantes adiamentos do lançamento do “Xuxa Só Para Baixinhos 13”, que, incialmente estava previsto para chegar ao mercado em setembro, e, depois no Dia dasCrianças, os fãs da rainha começaram a suspeitar que a Som Livre, da sua ex-casa, estaria boicotando a apresentadora .
Vários comentários na fanpage da empresa e até no Reclame Aqui, que dá voz ao consumidor, foram postados e obrigou a Som Livre a emitir uma nota. “A Som Livre esclarece que o ‘Xuxa Só Para Baixinhos 13’ será lançado ainda este ano, conforme acordado entre a artista e a gravadora”. Mas a coluna de Ancelmo Góis, no jornal “O Globo”, explicou o motivo do adiamento da chegada do DVD ao mercado: o rei Roberto Carlos. Sim, isso mesmo. Em um dos videoclipes do DVD, aparece uma marionete representando o cantor, que, sempre muito controlador em relação a sua imagem, não gostou e pediu mudanças no DVD. Depois que foi mudado o tal clipe, parece que agora sai.


fonte: PB Agora Online - 21.10.2016
ROBERTO CARLOS PREPARA LONGA SOBRE JOVEM GUARDA

Roberto Carlos está preparando um longa sobre a Jovem Guarda e já definiu quem irá interpretá-lo: Gabriel Leone. De acordo com o Jornal Extra , o cantor e compositor conheceu o rapaz na época da escalação de outro projeto musical, Minha Fama de Mau, sobre o início da carreira do "irmão camarada" Erasmo Carlos.
Chay Suede foi escolhido para viver o Tremendão e o Rei exigiu que um rapaz bonito fosse contratado para o seu papel. Os responsáveis pelo casting sugeriram Gabriel Leone, que já havia feito Roberto na peça Chacrinha - O Musical , e o Rei aprovou. Aprovou tanto que pretende usá-lo também no filme sobre as histórias da mais importante fase de sua carreira.
Movimento nascido em meados da década de 1960 e embebido de referências do rock estadunidense e britânico dos anos 50, a Jovem Guarda teve como expoentes os inseparáveis Roberto, Erasmo e Wanderléa, responsáveis pela apresentação de um programa sobre o ritmo na TV Record. Além da música, a Jovem Guarda espalhou pelo país um figurino todo próprio, penteados característicos e termos como "broto, "papo firme", "brasa" e "uva".
Por enquanto a única informação sobre o filme da Jovem Guarda é que RC será um dos produtores. Leone, que estava no elenco de Velho Chico, será visto pela primeira vez nas telonas como Roberto em Minha Fama de Mau , que estreia ano que vem.


fonte: Yahoo Notícias Online - 21.10.2016
ROBERTO CARLOS QUER QUE GABRIEL LEONE O INTERPRETE EM FILME SOBRE A JOVEM GUARDA

Após viver Roberto Carlos no filme “Minha Fama de Mau”,
Gabriel Leone foi convidado pelo próprio Rei para interpretá-lo em filme sobre a Jovem Guarda
Gabriel Leone está no caminho para se tornar o próximo galã queridinho da Rede Globo. Após ter chamado a atenção do público por suas participações em produções como “Malhação” (2013), “Verdades Secretas” (2015) e “Velho Chico” (2016), o ator conquistou um novo fã mais do que especial: Roberto Carlos, que quer o jovem o interpretando no filme que está produzindo sobre a Jovem Guarda.
Se o plano for em frente, essa será a segunda vez que Leone interpretará o Rei. O ator já foi escolhido para vivê-lo na cinebiografia de Erasmo Carlos, “Minha Fama de Mau”, que conta com Chay Suede no papel principal e tem previsão de estreia para o primeiro semestre de 2017. Para a produção, RC fez questão de que seu intérprete fosse “bonito” e, após ver o jovem em “Velho Chico”, não se opôs à escolha.
O filme que Roberto Carlos está produzindo sobre a Jovem Guarda pretende retratar o início do movimento e a mudança de estilo musical do Rei, com ênfase em sua fase rock'n roll. Já a história do próprio RC - que em 2006 tentou proibir sua biografia não-autorizada de ser vendida -, está na fase de produção, mas sem previsão de lançamento por enquanto.


fonte: Blog Lauro Jardim Online - 21.10.2016
ROBERTO CARLOS CANTA A CANÇÃO PROIBIDA
Agora, parece que vai: numa reunião ocorrida na terça-feira, Roberto Carlos disse que nos ensaios para o seu especial de fim de ano na Globo, que começam na segunda-feira, vai cantar “Quero que tudo vá pro inferno”.
A canção, de 1965, está banida do seu repertório há quase quatro décadas por causa do termo “inferno”.
Isso significa, de acordo com quem conhece de perto Roberto, que agora há uns 95% de chance de o Rei cantar a música no especial. Há o risco de ele ensaiar e na hora H, ou seja, na gravação, marcada para o dia 8, travar.


fonte: TV Foco Online - 19.10.2016
ROBERTO CARLOS VENDE MAIS DISCOS QUE PAUL MCCARTNEY NO MUNDO

Roberto Carlos deixou para trás nomes de peso da música mundial como Paul McCartney e Rod Stewart no ranking de artistas recordistas de vendas de discos.
As estimativas da ABPD (Associação Brasileira dos Produtores de Disco) e de sua atual gravadora Sony BMG indicam que o artista registra uma vendagem de mais de 120 milhões de discos comercializados no mundo.
Entre os brasileiros, Roberto ficou em terceiro lugar no ranking, atrás dos saudosos Tonico e Tinoco (150 milhões) e do compositor Morris Albert (160 milhões).


fonte: Ego Online - 18.10.2016
ROBERTO CARLOS POSA AO LADO DE JENNIFER LOPEZ NOS ESTADOS UNIDOS
A cantora porto-riquenha Kany García compartilhou a imagem em seu perfil no Instagram. 'Que bênção tão grande', escreveu ela.

Roberto Carlos e Jennifer Lopez
Roberto Carlos foi para os Estados Unidos gravar uma música com Jennifer Lopez. Em uma foto compartilhada nesta terça-feira, 18, pela cantora porto-riquenha Kany García em seu perfil no Instagram, os cantores aparecem posando juntos. "Acontece algo muito mágico em nome da música junto a esses dois seres espetaculares. J.Lo e Roberto Carlos, que bênção tão grande", escreveu Kany na rede social.
Recordista em vendas de discos, o cantor brasileiro é reconhecido no exterior e registra uma vendagem de mais de 120 milhões de discos vendidos no mundo, de acordo com dados da da ABPD (Associação Brasileira dos Produtores de Disco).
A marca ultrapassa a de nomes como Paul McCartney, Rod Stewart, Metallica, Adele, Bob Marley, Guns N’ Roses, Phil Collins, Luciano Pavarotti, Bob Dylan, Rihanna, The Who, Prince, Bee Gees, Barry White, Lionel Richie, Scorpions, Van Hallen e Iron Maiden, entre tantos outros megastars do mundo.
Como artista brasileiro, RC está em 3º lugar, atrás apenas da dupla de música sertaneja Tonico e Tinoco (150 milhões) e do pop romântico de Morris Albert (160 milhões).


fonte: O Globo - 09.10.2016
FORÇA ESTRANHA
O furacão Matthew fez Roberto Carlos mudar seus planos. Terminada a turnê pelo México, ele iria passar uns dias de folga em seu apartamento em Miami (não sabia? Pois é), mas obviamente que a ideia foi abordada. RC desviou da rota do furacão e seguiu direto ara Los Angeles, onde grava, amanhã, uma parceria com Jennifer Lopes.


fonte: Terra Online - 21.09.2016
NO MÉXICO, ROBERTO CARLOS AFIRMA QUE "PACIÊNCIA" É FUNDAMENTAL PARA COMPOR
Roberto Carlos descartou qualquer possibilidade de aposentadoria em entrevista nesta quarta-feira no México e declarou que, na hora de compor uma canção, tem a paciência como principal guia.
O cantor, de 75 anos, está na Cidade do México para apresentar sua turnê de comemoração dos 50 anos de sua primeira gravação em espanhol - que inclui sete shows em diferentes cidades do país - e seu disco mais recente, "Primeira Fila".
"Eu escrevo o que sinto e o que penso e não sei se há um segredo, o que tem é muito trabalho, esforço, atenção e muita paciência. Às vezes digo que o que se sabe fazer com paciência se faz melhor", declarou Roberto Carlos em entrevista coletiva.
O cantor revelou que às vezes escreve a frase de uma canção que duas semanas depois já não lhe satisfaz, razão pela qual muda o verso para dizer o que quer com uma frase melhor e finalmente termina trocando tudo. "E isso é um trabalho de paciência", comentou.
"A paciência contribui muito para melhorar o trabalho da música, da letra, da poesia e da composição em geral, eu sou paciente", completou.
Essa paciência, aliás, foi demonstrada quando foi questionado se já tinha deixado "tudo em ordem" perante uma eventual partida e se gostaria de "morrer em cima do palco" ou, pelo contrário, se já cogitava uma aposentadoria.
"Não penso em nada disso, absolutamente nada, seguirei trabalhando e cantando sem pensar nisso", respondeu.
Na entrevista, o cantor lembrou seu colega recém falecido, o mexicano Juan Gabriel, com quem nunca chegou a fazer nenhum dueto, mas a quem qualificou como "um grande artista que conquistou e emocionou o público; o que ele fez sempre foi maravilhoso porque fazia com o coração".
Os jornalistas mexicanos também perguntaram a opinião do Rei sobre Neymar - que brincou recentemente sobre uma possível carreira musical -, a quem Roberto definiu como um jogador "fantástico", e até mesmo sobre as eleições presidenciais nos Estados Unidos.
"Não me atrevo a dar uma opinião. Não sou um especialista em política e prefiro esperar os resultados", comentou.


fonte: Fama ao Minuto Online - 19.09.2016
MARIAH CAREY PODE PARTICIPAR DE ESPECIAL DO ROBERTO CARLOS NA GLOBO
Caetano Veloso, Gilberto Gil e Novos Baianos foram convidados pela produção

Com a proximidade do fim de ano, a Globo já planeja os especiais de Roberto Carlos que colocará no ar pela emissora.
O primeiro terá gravações em novembro, nos estúdios da emissora, onde a ideia é fazer uma homenagem a grandes nomes da música nacional. Caetano Veloso, Gilberto Gil e Novos Baianos foram convidados pela produção, que segundo informações do jornal 'Folha de S. Paulo', quer ainda uma atração internacional: Mariah Carey.
Para 2017, a ideia é fazer a captação do show que o cantor fará em Cuba. Está prevista uma apresentação em praça pública para uma multidão estimada em um milhão de pessoas no primeiro semestre do ano que vem.


fonte: Uol Online - 18.09.2016
VAI SER MAIS QUE UM SHOW, DIZ GLOBO SOBRE ESPECIAL DE ROBERTO CARLOS
Especial do rei terá clipes e documentário na Globo

A Globo confirma a presença de Roberto Carlos na sua programação de dezembro. Só o que não está fechado ainda é a data de exibição, que poderá ser dia 22, e o local da gravação.
Portanto foram exagerados os boatos disparados nos últimos meses dando conta que o tradicional especial não entraria na grade deste ano.
O programa será dirigido por Mário Meirelles, com supervisão artística de LP Simonetti, fotografia de Césio Lima e cenário assinado por Fernando Schmidt. De acordo com a emissora, o formato será um mix de clipes, show e documentário.
"A ideia é diversificar, ser mais do que um show", diz a Globo.


fonte: Diário Catarinense Online - 18.09.2016
AS EMOÇÕES DE ROBERTO CARLOS EM BALNEÁRIO CAMBORIÚ

É quase como um especial de fim de ano da Globo. Só que ao vivo. E é aí que a mágica acontece e tudo faz sentido: Roberto Carlos está entre nós.
Os fãs, que faziam fila minutos antes para tirar fotos com uma réplica do cantor em papelão, se entregam de imediato. E, ciente da ansiedade de seus súditos, o Rei conduz a plateia com naturalidade e carinho por uma viagem cheia de curvas, sentimentos e histórias.
O caminho conta com algumas paradas. Pausas estratégicas e um tanto dramáticas ao fim de algumas músicas.
Pede que a plateia respire. E para.
— Só assim, sinto você bem perto de mim — canta o coro ao comando dele.
— Respirem de novo — determina.
— Outra vez — e termina a música.
Com orquestra e 16 dúzias de rosas vermelhas e brancas, Roberto Carlos se apresentou na noite deste sábado no Music Park BC, em Balneário Camboriú e viu, do palco, mãos dadas, beijos e abraços de tantos e tantos e tantos casais que deixavam a atmosfera carregada de romance e nostalgia. Além dos casais, muitas mulheres. Amigas, irmãs, mães e filhas dominando o coro em todas as canções.
Aos 75 anos, o Rei está bronzeado. Faz piadas de tiozão ("Tudo na vida passa, menos a uva passa"), diz que as três melhores coisas do mundo são "sexo com amor, sexo e sorvete" e que estaria domingo de manhã na praia do Pinho para "tirar uma onda". E ainda ostenta parte do peitoral usando a clássica camisa branca desabotoada. Recaldados diriam que é brega. Mas quem se importa?
O show se desenrola e quem está a trabalho também se rende. É nessa hora que a zeladora do banheiro feminino toma água e cantarola "Nossa Senhora", que a moça da recepção coloca o celular para o alto e traz quem está do outro lado da linha para o show. É quando o segurança faz a foto com o Roberto Carlos de papel e manda no grupo de WhatsApp da família. Todos querem um pouco de Roberto Carlos, e ele está ali para fazer uma noite inesquecível.
Ele termina distribuindo as rosas. Beija uma a uma, enquanto tocam os acordes finais de "Jesus Cristo". A essa altura, o público já deixou as cadeiras e se espreme em frente ao palco. Quase como no especial de fim de ano da Globo. Só que ao vivo.
Plateia apaixonada
A plateia de um show do Roberto Carlos é parte fundamental para entender o sucesso dele. Antes do show, enquanto o telão exibe propagandas da Emoções Incorporadora ou do Projeto Emoções, um pacote de cinco dias em um resort na Bahia, os fãs se acomodam, fazem selfies e comentam quais músicas mais gostam.
A professora aposentada Marli Dariva, que mora em Balneário, estava acompanhada pela amiga Marina e guardava lugar na área Vip para o cunhado e a irmã. Lembra de um primo que imitava o cantor e faz as contas.
— Tenho 63 anos e ele, 75. O Roberto Carlos faz parte da vida da gente, é muito importante estar aqui hoje.
Na primeira fila, bem de frente para o cantor, o casal Sandra Regina de Barros e Sérgio Luís Pereira viviam "um dia de festa".
— Ouço as músicas dele todos os dias. Escolho uma década e solto o som. Fiquei esperando a pré-venda e nem acreditei quando consegui comprar os ingressos para a primeira fila.
Ao lado deles, o paulista Vicente Duarte segurava um quadro com um desenho feito a partir de uma foto feita com o cantor no início do ano.
— Acompanho todos os shows pelo Brasil e sempre dou um presente para o Roberto. Aqui eu trouxe o quadro. Em Florianópolis, dei uma camisa do Vasco, que é o time dele — conta, orgulhoso.


fonte: O Globo (Patrícia Kogut) - 13.09.2016
Momento...
O especial Roberto Carlos deste ano será gravado no Projac. A idéia e criar um show intimista e fazer muitas externas. Gilberto Gil e Caetano Veloso já foram convidados. Também existe uma negociação que corre em sigilo, para a participação de uma atração internacional de grande sucesso.

...Lindo
E o show que ele fará em Cuba, no ano que vem, já despertou interesse de duas grandes emissoras estrangeiras, que fizeram propostas para transmitir a atração.


fonte: Folha Vitória Online - 08.09.2016
LUAN SANTANA VISITA A CASA DE ROBERTO CARLOS DURANTE PASSAGEM POR CACHOEIRO
O cantor postou uma foto sua na casa do Rei nas redes sociais e causou furor entre os fãs capixabas.
Ele se apresentou na noite da última quarta-feira (7), na festa de Itapemirim

Luan Santana visitou a casa onde viveu o cantor Roberto Carlos na infância, em Cachoeiro de Itapemirim
O cantor Luan Santana se apresentou na noite da última quarta-feira (7) na festa de Itapemirim, mas antes, durante hospedagem em Cachoeiro de Itapemirim, o artista foi conhecer a casa onde Roberto Carlos passou sua infância. Luan registrou a visita e postou nas redes sociais para delírio dos fãs capixabas.
“‘A casa do Rei’. Em Cachoeiro do Itapemirim-ES! Que vibe impressionante @robertocarlosoficial Deus te abençoe! Sua música é eterna!”, postou o cantor em uma foto tirada na escadaria em frente à Casa da Cultura Roberto Carlos. O local já estava fechado para visitação no momento da passagem do cantor.
A postagem do artista já tem mais de 60 mil curtidas. Os fãs reagiram após a postagem de Luan: “Muito bacana sua atitude, nunca vi nenhum artista passar pela minha cidade e exaltar algo tão bacana como a casa do Rei Roberto Carlos, isso te mostra um ser humano humilde, parabéns!”, postou uma fã cachoeirense. “A casa do rei com um príncipe na frente”, comentou outra fã.
O show de Luan atraiu milhares de pessoas ao parque de exposições de Itapemirim.


fonte: Jornal Cruzeiro do Sul Online - 08.09.2016
SHOW DE ROBERTO CARLOS É REMARCADO PARA DEZEMBRO

O show que o cantor Roberto Carlos faria em Sorocaba no último sábado (3) foi remarcado para o dia 3 de dezembro. A informação foi confirmada nesta quinta (8) pela ZEventos, empresa responsável pela produção local do show. A apresentação precisou ser adiada por conta de uma crise ciática aguda sofrida pelo artista.
De acordo com comunicado da ZEventos, todos os ingressos que já foram vendidos serão válidos para a nova data, não havendo necessidade de troca. Já quem quiser reaver o valor do ingresso deve entrar em contato pelo site www.eventim.com.br ou no Clube União Recreativo Sede Central, pelo telefone (15)3231-1452.
Segundo a produção do artista, Roberto Carlos começou a sentir dores no último sábado, por volta das 14h30. Ele estava em São Paulo e ainda tentou contornar o problema, mas por recomendação médica não seguiu viagem para Sorocaba. Esta foi, de acordo com seus produtores, a terceira vez que o "Rei" apresentou esse tipo de problema de saúde. A mais recente ocorreu no especial de final de ano exibido pela Rede Globo de 2010, quando Roberto dividiu o palco sentado com os convidados, entre eles a sertaneja Paula Fernandes. Em outra ocasião, no México, ele também precisou se submeter a cuidados por conta do nervo ciático.


fonte: Blog Mauro Ferreira - 04.09.2016
ENTENDA A IMPORTÂNCIA DO CD EM QUE ÂNGELA MARIA CANTARÁ ROBERTO CARLOS

Aos 87 anos de vida e 55 de carreira fonográfica, Angela Maria se prepara para gravar álbum com músicas do cancioneiro autoral de Roberto Carlos. Produzido por Thiago Marques Luiz, o disco – previsto para ser lançado no fim do ano – tem tudo para expor afinidades entres dois cantores de empatia singular com o público brasileiro.
Roberto não é fã assumido da Sapoti por mero acaso. Na áurea década de 1950, Angela Maria se tornou uma das cantoras mais populares do Brasil. Uma intérprete que tocou de imediato o coração e atiçou o inconsciente coletivo do povo brasileiro. Papel semelhante ao que seria desempenhado, duas décadas mais tarde, por Roberto Carlos, quando o Rei assumiu nos anos 1970 o trono do cantor mais popular do Brasil, consolidando a transição de ídolo da juventude para intérprete romântico.
Tanto Angela Maria quanto Roberto Carlos sofreram críticas por cantarem o que sempre cantaram. Mas reside nos repertórios de ambos – atacados pelos críticos das respectivas épocas, mas amados sem restrições pelo público – parte do poder de sedução destes dois cantores tão identificados com a alma nacional. Repertório que Roberto já liberou para Angela sem restrições, fato raro em se tratando de compositor extremamente zeloso com abordagens alheias da obra que construiu a partir de 1964.
Angela geralmente parece que canta com uma lágrima na voz. Roberto sempre carregou uma tristeza no olhar, perceptível nas fotos estampadas nas capas dos discos do cantor. Por tudo isso, um álbum em que Angela Maria dá voz às canções de Roberto Carlos é, desde já, um lançamento histórico pela própria natureza do encontro de dois artistas afins.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 04.09.2016
QUANDO EU NÃO ESTOU AQUI
O show de Roberto Carlos em Cuba ficou para o ano que vem. Ele, aliás, quer cada vez menos distância de qualquer posicionamento político. Tanto que, assim que surgiram boatos de que estaria em Brasília com Chico Buarque ao lado de Dilma, quando ela se defendeu no Senado, Roberto postou um vídeo nas redes sociais mostrando que estava em seu apartamento, na Urca. “Vejam, estou aqui, não estou em Brasília apoiando ninguém”, disse, enfático.


fonte: Cruzeiro do Sul Online - 03.09.2016
SHOW DE ROBERTO CARLOS QUE ACONTECERIA NESTE SÁBADO É ADIADO
O show do cantor Roberto Carlos, que aconteceria neste sábado (3), às 21h, no Clube União Recreativo Campestre, foi cancelado e uma nova data para a apresentação será divulgada na quinta-feira (8), de acordo com os organizadores do evento. O músico precisou adiar o show por conta de uma crise ciática aguda.
Quem não puder comparecer na nova data, ou preferir receber o valor pago pelo ingresso de volta, deve procurar o ponto de venda físico ou online em que o adquiriu.


fonte: Blog Sidney Rezende - 30.08.2016
REI ROBERTO CARLOS AUTORIZA ESCOLA DE SAMBA A USAR TRECHO DE SUA MÚSICA

Depois de obter a aprovação oficial e exclusiva da Igreja Católica, referendada por Dom Odilo Scherer, Cardeal Arcebispo Metropolitano de São Paulo, para usar um símbolo religioso pela primeira vez nos desfiles de escola de samba, a Unidos de Vila Maria anuncia uma nova conquista.
Em visita ao cantor e compositor Roberto Carlos, o presidente Adilson José de Sousa e integrantes da comitiva da agremiação, conseguiram a liberação do "Rei" para utilizar, em ensaios e no desfile oficial, trecho da canção "Nossa Senhora", música lançada no ano de 1993 e uma das mais populares do repertório do artista. Confira os versos:

"...Nossa Senhora, me dê a mão
Cuida do meu coração
Da minha vida, do meu destino
Nossa Senhora, me dê a mão
Cuida do meu coração
Da minha vida, do meu destino
Do meu caminho
Cuida de mim..."

O encontro foi registrado em foto publicada nos canais oficiais de comunicação da Vila Maria na internet, porém, sem autorização de reprodução, conforme informou para a reportagem do SRZD a assessoria da entidade, que ainda comunicou que Roberto Carlos foi convidado para uma visita à quadra social da escola e para participar do desfile oficial. Até o momento não há confirmação se ele aceitou os convites.
Em 2017, a Unidos de Vila Maria apresenta o enredo "Aparecida - A Rainha do Brasil. 300 anos de amor e fé no coração do povo brasileiro". O tema vai levar para a Avenida os 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida, evento ocorrido no rio Paraíba do Sul, em 1717. Importante para os católicos brasileiros, a ocasião completa três séculos, e também merecerá uma série de programações especiais por parte da Igreja junto aos seus fiéis: o "Jubileu 300 anos de bênçãos


fonte: G1 Espírito Santo Online - 29.08.2016
ESCOLA TRADICIONAL DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM COMPLETA 80 ANOS
Escola Liceu Muniz Freire marcou gerações de moradores do município.
Unidade foi onde o cantor Roberto Carlos estudou na década de 50.

A tradicional escola de ensino fundamental e médio Liceu Muniz Freire, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, completa 80 anos de fundação no dia 7 de setembro. A unidade, onde o cantor Roberto Carlos estudou, é sinônimo de orgulho para os cachoeirenses que estudaram nela e privilégio para os que permanecem trabalhando no local.
O imponente prédio situado na Rua Moreira, no bairro Independência, é marcado por histórias. O rei Roberto Carlos estudou por apenas dois anos, na década de 50. Com notas medianas, se destacava nas aulas de canto e desenho, segundo registros que existem até hoje na escola.
Mas não é somente por conta do filho ilustre de Cachoeiro que o colégio é reverenciado até hoje. Primeiro ginásio estadual do município e o terceiro do estado, o Liceu Muniz Freire chamava a atenção pelo ensino.
Com educação de qualidade, onde as línguas latim, inglês e até francês faziam parte da grade curricular, para se matricular na unidade era preciso fazer até prova de seleção.
As matérias eram lecionadas por médicos, advogados e pessoas influentes, lembra o médico otorrinolaringologista Fernando Portinho, que estudou no Liceu na década de 50.
Portinho lembra ainda que chegou a conquistar, com a maior nota em francês, uma bolsa de estudos.
“A bolsa era para o tradicional Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro. Acabei não indo à pedido de meu pai”, conta o médico que hoje leciona em universidades e é referência em implantes auditivos no país.
As práticas extracurriculares também se destacavam. Atletismo, vôlei, basquete e natação eram algumas das atividades esportivas. Além disso, havia aulas de canto e música com a banda marcial Wilson Rezende, que existe até hoje.
O professor de língua inglesa e ex-aluno, Carlos Fernando Santos, 56, lembra quando ingressou na escola. “Saí de uma escola com poucos alunos e quando cheguei aqui eram mais de 2 mil estudantes na década de 70”.
Comemorações
As festividades em comemoração aos 80 anos da escola aconteceram no dia 25 de julho. A antecipação aconteceu para coincidir com a festa da cidade, quando muitos cachoeirenses que residem fora prestigiam eventos tradicionais.
Na data, segundo a diretora Mônica Assis Borges de Melo, a escola promoveu o ‘Liceu em Movimento’, com mostra fotográfica, apresentações culturais e apresentação da orquestra Casa Verde. “O objetivo foi abrir a escola para a comunidade conhecer e perceber o trabalho realizado”, afirma.


fonte: Observatório da Televisão Online - 29.08.2016
ROBERTO CARLOS LIBERA DUAS MÚSICAS PARA TRILHA SONORA DE CARINHA DE ANJO

O rei Roberto Carlos surpreendeu o SBT ao liberar duas de suas canções para fazer parte da trilha sonora da novela Carinha de Anjo. A informação do colunista Flávio Ricco, ainda ressalta a descrença do SBT, em relação ao aval do cantor para as músicas. Isso porque, a emissora achava que as canções não seriam liberadas.
Roberto Carlos é contratado da TV Globo, e isso poderia provocar em algum impedimento. As canções liberadas são: “Jesus Cristo” e “Montanha”. Com a liberação, as regravações das músicas já começaram na última sexta-feira, 26 de agosto. Segundo a publicação, uma das músicas será cantada pelas crianças, já a outra música será cantada pelo coral de freiras.
Laércio Ferreira é o responsável por cuidar da trilha sonora da trama Carinha de Anjo, novela que está tendo toda a sua produção dentro do cronograma imposto pelo SBT. As gravações estão bem adiantadas, e se tudo continuar correndo bem, conforme a vontade do SBT, a novela deve estrear na segunda quinzena de novembro.


fonte: Portal Splish Splash Online - 17.08.2016
ROBERTO CARLOSO FAZ PARTE DE TRILHA SONORA DA MINISSÉRIE "JUSTIÇA"

A faixa das 23 h da Rede Globo está desocupada desde que “Liberdade, Liberdade” chegou ao fim, mas por pouco tempo. Dia 22 de agosto estreia a minissérie “Justiça”, que trará para o público trama recheada de suspense, romance e reflexão. Escrita por Manuela Dias, o enredo será rico em emoções e irá contar com um alto grau de realismo, assim como uma trilha sonora de primeira, que irá ajudar a sensibilizar até o mais duro dos corações. Cantores de renome nacional irão emprestar suas vozes para embalar as quatro histórias do novo projeto da emissora carioca.
Se você é um dos milhares fãs de Roberto Carlos, saiba que tem um motivo a mais para acompanhar a obra dirigida por José Luiz Villammarim. A canção “Amor Perfeito”, do Rei, foi escolhida como tema da minissérie “Justiça”. Além do artista, o telespectador poderá se deliciar com as músicas de Chico Buarque, Elva Ramalho, Los Hermanos, Erasmo Carlos, Milton Nascimento, Novos Baianos e Fagner. Já deu para notar que não vai faltar intensidade na trama, se depender dos sons escolhidos.
Todas as canções foram selecionadas a dedo para expressar toda a dramaticidade da novela, que terá em torno de 20 capítulos exibidos de segunda a sexta, com exceção da quarta. A lista com todos os títulos da trilha sonora estão disponíveis no Gshow e com toda a certeza irão agradar o público. A Globo tem tradição em produzir folhetins de sucesso e provavelmente não será diferente dessa vez. Você não pode perder! A qualidade empregada na trama impressiona e deixará muita gente de boca aberta.
A minissérie “Justiça” foi ambientada em Recife e mesmo ficando por pouco tempo no ar, trará enredo consistente e real. Não espere glamour ou luxo, o folhetim trará à tona algo totalmente diferente, surreal. “Aqui não há brilho, tampouco cabelos com cara de festa. Tem gente com olheiras por noites mal dormidas. A história é fictícia, mas o que se sente ao conhecer os personagens é crível, humano, visceral”, afirmou Lu Moraes, encarregada da caracterização dos personagens, ao site oficial da trama.
Tudo isso não foi suficiente para lhe convencer a acompanhar o projeto? Bom, e que tal o elenco? Cauã Reymond, Marjorie Estiano, Adriana Esteves, Vladimir Bichta, Marina Ruy Barbosa, Débora Bloch, Luisa Arraes, Jesuíta Barbosa, Jessica Ellen e muitos outros. Só nome de peso!


fonte: Purepeople Online - 13.08.2016
SHOW DE ROBERTO CARLOS EM CUBA TEM CUSTO DE R$ 12 MILHÕES E PÚBLICO DE 1 MILHÃO
Até banheiros químicos serão levados do Brasil para o evento que acontecerá na capital Havana
A vida profissional de Roberto Carlos gira em torno de cifras milionárias. O cantor, que não cobra menos que R$ 1 milhão por apresentação, vai ostentar números ainda mais surpreendentes em um show que fará em Cuba até o final de 2017. De acordo com a coluna "Terraço Paulistano", da revista "Veja São Paulo", o rei espera reunir pelo menos 1 milhão de pessoas em sua apresentação, que terá entrada gratuita, na capital Havana.
E a grandiosidade do espetáculo não para por aí. Toda a infraestrutura de cenário, staff e até banheiros químicos será levada do Brasil, num custo total de R$ 12 milhões. Dody Sirena, empresário do artista, que já tem sete netos, agora está trabalhando para conquistar parcerias para bancar tamanha produção. Enquanto a data da apresentação não é confirmada, fãs do artista já esperam ansiosos para ouvir ao vivo "Ese Tipo Soy Yo" ("Esse Cara Sou Eu"), uma das mais tocadas por lá.


fonte: Mídia News Online - 09.08.2016
DUDU BRAGA PREPARA DVD COM SUCESSOS DO PAI
Porém, as canções de Roberto Carlos serão executadas em uma versão rock n' roll

Já imaginou ouvir os principais hits de Roberto Carlos em ritmo de rock? Dudu Braga, filho do rei e roqueiro por natureza, pensou e colocou em pratica o projeto “RC Na Veia”, que consiste em apresentar músicas do pai, mas na versão cheio de guitarras.
Em um bate-papo com o DIÁRIO, Dudu, que é baterista e produtor musical, contou como surgiu a ideia de tocar as canções do pai. “Faço trabalho de sensibilização para deficientes visuais e no final de cada palestra colocava a música ‘É Preciso Saber Viver’ como forma de incentivo à todos”, explicou o músico, que também é deficiente visual. “Eu tiro de letra tudo isso. A parte da superação já foi, agora é ajudar outras pessoas que também passam pelo que passei”, afirma o produtor.
Foi a partir disso que ele teve a ideia de cantar músicas do Roberto Carlos. “Teve um desses encontros que resolvemos tocar cinco músicas do meu pai, mas com o nosso estilo e o resultado foi muito bacana”, contou Dudu Braga, que convidou Alex Capela para assumir os vocais da banda. O nome não poderia ser outro: “RC Na Veia”. “Conhecia o Alex há muitos anos e ele trouxe o Fernando Miyata, na guitarra, e Juninho Chirspim, no baixo”, completa o artista.
Eternizar
Com o sucesso das canções do Rei nas batidas do rock, Dudu resolveu gravar um DVD. “Quando resolvi gravar o álbum queria que o integrantes da banda não tivessem influência do meu pai. E os três são assim, seguem uma linha musical completamente diferente.”
Previsto para setembro, o disco, provavelmente, vai contar com 16 faixas. “Escolher o repertório não está fácil, mas nossa ideia é manter a personalidade da música, com uma nova leitura, mas sem perder a essência dela. Faremos um rock assumido, não é ‘metaleira’, mas é rock”, contou.
Mesmo que escolher as músicas do DVD seja uma tarefa difícil, o baterista lembrou uma canção que não ficará de fora. "'É Proibido Fumar’ tocamos nos shows e tem uma versão bem bacana”, completou.
Roberto Carlos aprova e até toca junto no projeto do filho
O projeto “RC Na Veia” já tem rendido críticas, mas uma em especial preocupava o baterista Dudu Braga: a de Roberto Carlos. “Meu maior medo era do meu pai não aprovar, pois as músicas estão com uma roupagem diferente”, explicou Dudu, que respirou aliviado. “Ele foi assistir, subiu no palco e tocou junto. Eu precisava dessa aprovação técnica, pois sempre fui norteado por ele. Muito do que eu fiz foi por influência do meu pai”, contou.
Para o DVD, o produtor musical já pensa nas participações especiais, mas ainda não definiu nenhum nome. “Seria uma honra que meu pai participasse, ele enriqueceria muito o trabalho. Vou convidar, com certeza, mas tem a questão de agenda dele e se ele disser que não, não vou ficar triste”, completou Braga.


fonte: O Globo (Coluna Anselmo Góis) - 08.08.2016
O REI NA RIO-2016
Roberto Carlos, o rei, foi convidado pelo Comitê Organizador Rio-2016 para conduzir a Tocha Olímpica no Cristo Redentor. Mas disse não.


fonte: Superesportes Online - 05.08.2016
COM APLAUSOS A ROBERTO CARLOS,
MÚSICA BRASILEIRA EMBALA AQUECIMENTO DA CERIMÔNIA DE ABERTURA
MPB e samba são os principais ritmos na trilha sonora antes de festa no Maracanã

Vista interna do Maracanã a uma hora do início da abertura dos Jogos Olímpicos

Enquanto Anitta, Cateano Veloso e Gilberto Gil e Mc Ludmilla serão algumas das principais atrações na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o aquecimento para a festa é embalado por mais música brasileira. MPB e samba são os principais ritmos ouvidos na trilha sonora da música eletrônica tocada no Maracanã.
Os estrangeiros que compõem a maior parte da imprensa presente no estádio puderam acompanhar uma viagem pela música brasileira. Novos baianos, Chico Buarque, Marisa Monte, Jorge Ben Jor e Roberto Carlos foram ouvidos no Maracanã. O momento de êxtase foi proporcionado justamente em uma música do "Rei". Quando “Emoções” foi tocada, aplausos ecoaram nas cadeiras do estádio.
E não faltou a música mineira no Maracanã. A música “Bola de meia, bola de gude”, de Milton Nascimento, esteve no repertório.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 28.07.2016
EMOÇÕES NA OLIMPÍADA
Roberto Carlos autorizou o uso de “Emoções”, um clássico de seu repertório (“Se chorei ou se sorri / O importante é que emoções eu vivi...”), numa campanha para TV que o Comitê Organizador da Olimpíada está preparando para tentar aumentar o envolvimento dos brasileiros com os Jogos. As imagens mostram bonitos momentos do esporte mundial, com cenas de emoção e superação.


fonte: Uol Online - 05.07.2016
DUDU BRAGA LEMBRA REAÇÃO DE ROBERTO CARLOS AO SABER NOME DA NETA: "EMOÇÃO"

Dudu Braga é o convidado do "Luciana By Night"

Dudu Braga detalhou como foi a a reação do pai, o cantor Roberto Carlos, ao saber que sua neta, que nasceu em outubro de 2015, se chamaria Laura, mesmo nome de sua mãe, que ganhou a canção "Lady Laura" em sua homenagem.
"Estávamos no avião e uma pessoa que já trabalha com ele há muito tempo perguntou se sabíamos o sexo do bebê. Eu não queria falar nada naquele momento, mas fui contando e ela quis saber qual seria o nome da menina. Respirei fundo e revelei que seria Laura. Foi um chororô dentro do avião, uma emoção incrível. Nunca pensei que meu pai ficaria tão feliz", disse ele, que é o convidado do Luciana By Night desta terça-feira (5).
Dudu contou que Roberto Carlos chorou compulsivamente por uns 15 minutos, e todo mundo chorou com ele. "Foi uma homenagem muito bacana a ela [a avó Laura] e a ele, que são meus ídolos", diz ele, que não poupa elogios à avó.
"A Lala, como chamamos até hoje, tinha uma coisa muito especial. Sempre valorizou as coisas simples da vida, cuidou muito de mim. Foi ela quem teve coragem de falar 'precisamos ir para o Rio de Janeiro'quando meu pai decidiu seguir a carreira de cantor. Ela teve essa força. Mesmo meu pai tendo um estilo de cantar totalmente diferente do que fazia sucesso na época, ela acreditou", completou.
Na entrevista, o baterista e produtor musical detalha a relação com o pai e recordou o sofrimento do cantor com a perda da mulher Maria Rita, que morreu vítima de um câncer, em dezembro de 1999, e disse que foi a primeira vez que teve a sensação de desamparo.
"Foi o momento mais difícil da vida do paizão, não tenho dúvida nenhuma disso. Uma das visões mais difíceis que já tive do meu pai foi justamente quando o vi logo após isso acontecer. Ele é uma fortaleza para mim, um cara forte, incansável, que superou grandes adversidades... Foi a primeira vez que o vi e tive a sensação de desamparo. É o grande amor da vida dele", contou.


fonte: Diário de Pernambuco Online - 05.07.2016
ROBERTO CARLOS HOMENAGEIA RATINHO NO SBT: 'TEM MUITO VALOR'

cantor deu declaração para programa de TV
Roberto disse que Ratinho era "um cara especial"

Ratinho foi homenageado numa edição especial do Máquina da fama, exibido pelo SBT. O programa, que foi ao ar nesta segunda-feira (4), contou com declarações de amigos do apresentador, incluindo Roberto Carlos, que gravou uma mensagem. "Ele era na vida real o que fazia na televisão. Isso para mim tem muito valor. Eu vi que o Ratinho era um cara especial não só como apresentador, mas como ser humano”, disse o cantor.
Outra surpresa para Ratinho foi a presença de família: a mãe dele subiu ao palco com a "macarronada da mama", seu prato preferido e netos foram abraçá-lo. Para fazer jus à temática do programa, que consiste em performar covers, o apresentador do SBT se vestiu como Mazzaropi e reproduziu uma cena do filme Jeca Tatuao lado do amigo Moacyr Franco.
Essa edição da atração apresentada por Patrícia Abravanel venceu o Programa Xuxa Meneghel, na Record, em audiência pela 42ª vez nos últimos dez meses. Ratinho, inclusive, bateu Xuxa duas vezes na mesma noite: primeiro durante o Programa do Ratinho, das 22h48 às 23h25, por 10.1 a 7.3 pontos no ibope, e depois durante sua homenagem no Máquina da fama, que ficou à frente de Meneghel por 7.5 a 5.3 pontos.
Na semana passada, Ratinho divulgou os telefones do Criança Esperança, projeto da Rede Globo, e o apresentador Otaviano Costa agradeceu durante o Vídeo show: "Eu queria mandar um abração especialmente para o apresentador Ratinho, por ter divulgado ontem os números. Achei muito bacana a sua atitude. Isso demonstra que a campanha está acima de tudo, das barreiras televisivas, que estamos pensando em todas essas pessoas, independentemente de qual canal estejamos. Obrigado por ter divulgado os números, pela solidariedade, seu carinho e pela gentileza".


fonte: RC Produções - 01.07.2016
COMUNICADO OFICIAL
COMUNICADO

Forte gripe impede Roberto Carlos de se apresentar este final de semana no Espaço das Américas em São Paulo.
As produções DC Set e Espaço das Américas informam que, em decorrência da forte gripe que acometeu ao artista Roberto Carlos no último domingo, 26 de junho, o qual ainda não conseguiu se recuperar, e seguindo as orientações médicas do clínico geral do artista, Dr. Milton Kazuo, os três shows que o artista faria no Espaço das Américas em São Paulo este final de semana (1, 2 e 3 de julho), serão realizados nas seguintes datas:
· 18 de agosto (quinta-feira) às 22h;
· 19 de agosto (sexta-feira) às 22h;
· 21 de agosto (domingo) às 21h.

Os ingressos já adquiridos poderão ser utilizados nas novas datas, e o cliente que preferir, poderá ser reembolsado pela Ticket 360.
Mais informações sobre ingressos já adquiridos nos canaiswww.ticket360.com.br e/ou (11) 2027-0777.
Para mais informações à imprensa, estamos à disposição!
Assessoria de Imprensa - Espaço das Américas
Fabiana Villela (11) 98686-3344
Camila Dias (11) 99148-9427

Assessoria de Imprensa - Roberto Carlos
Maurício Aires e Rogério Alves (21) 99988-2158


fonte: Uol Online - 26.06.2016
ROBERTO CARLOS CANCELA SHOW EM SÃO PAULO POR PROBLEMA DE SAÚDE

24.jun.2016 - Roberto Carlos se apresenta no Espaço das Américas, em São Paulo

O cantor Roberto Carlos cancelou o show que faria neste domingo (26) em São Paulo. Segundo um comunicado divulgado pelo Espaço das Américas, casa que sediaria a apresentação, o cantor de 75 anos amanheceu resfriado e febril.
Quem havia comprado ingressos para assistir ao rei neste domingo poderá usar as mesmas entradas para uma nova data, 13 de julho (quarta-feira).
A maior parte dos fãs entendeu o cancelamento, porém outros reclamaram da divulgação feita apenas uma hora antes do show. "Que organização incompetente. Se o cara amanheceu resfriado, avisassem o cancelamento mais cedo. Desconsideram que há fãs que viajam para ver o ídolo?", escreveu um deles.
Roberto Carlos já havia tocado em São Paulo na sexta-feira (24) e no sábado (25) e segue se apresentando na capital paulista. O próximo show está marcado para a próxima sexta (1º/7). Contando com este show, o rei faz mais nove datas na cidade sempre às sextas, sábados e domingos.


fonte: Diário de São Paulo Online - 21.06.2016
SP RECEBE TEMPORADA DE SHOWS DO REI ROBERTO CARLOS
Apresentações começam nesta sexta-feira (24), no Espaço das Américas, e terminam dia 30 de julho


Um dos maiores nomes da música brasileira está de volta ao Espaço das Américas com doze shows que prometem entrar para a história. Após lotar a casa com as temporadas de 2012 e 2014, o Rei Roberto Carlos volta ao Espaço das Américas, em São Paulo, para mais uma temporada de shows inesquecíveis.
Nos dias 24, 25 e 26 de junho, e nos dias 1, 2 e 3, 15, 16, 22, 23, 29 e 30 de julho, ele, que foi eleito personalidade do ano de 2015 pelo Grammy Latino e dispensa maiores apresentações, traz, à capital paulista, os maiores sucessos de sua carreira, que marcaram inúmeras gerações.
Considerado uma das maiores personalidades da música brasileira, Roberto Carlos, promete comover e emocionar seu público, que o acompanha ao longo dos 57 anos de carreira. Canções que embalaram e ainda embalam muitos casais apaixonados, e que são tema de várias fases da vida, um repertório verdadeiramente rico.
Os clássicos "Como é grande o meu amor por você", "Detalhes", "De tanto amor", "Outra vez", "Eu te amo, te amo, te amo", entre tantos outros, que renderem ao cantor, o merecido título de Rei, não podem ficar de fora do repertório destas apresentações tão esperadas pelos fãs da jovem guarda.
INGRESSOS/ Os ingressos para essas oito noites de muito amor e carisma, estão disponíveis de R$220,00 a R$580,00 nas bilheterias do Espaço das Américas (de segunda a sábado das 10h às 19h) e no site https://goo.gl/MCyxb6.
Formas de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Credito e Debito, Visa, Visa Electron, MasterCard, Diners Club, Rede Shop. Cheques não são aceitos.
Para mais informações, acesse www.espacodasamericas.com.br | (11) 3868-5860 (de segunda a sexta das 9h as 19h).
Acesse nossas redes sociais: Facebook: www.facebook.com/espacodasamericas Instagram: @espacodasamericas.

SERVIÇO
Temporada 2016 Roberto Carlos - Espaço das Américas

Data: 24 de junho (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00


Data: 25 de junho (sábado)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 26 de junho (domingo)
Abertura da casa: 17h00
Início do show: 19h00

Data: 1 de julho (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 2 de julho (sábado)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 3 de julho (domingo)
Abertura da casa: 17h00
Início do show: 19h00

Data: 15 de julho (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h00

Início do show: 22h00

Data: 16 de julho (sábado)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 22 de julho (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 23 de julho (sábado)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 29 de julho (sexta-feira)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Data: 30 de julho (sábado)
Abertura da casa: 20h00
Início do show: 22h00

Local: Espaço das Américas (Rua Tagipuru, 795 - Barra Funda - São Paulo - SP)
Acesso para deficientes: sim


fonte: GShow Online - 18.06.2016
PAULO RICARDO RELEMBRA TÍTULO DE CANTOR FAVORITO DADO POR ROBERTO CARLOS: 'QUASE CAÍ DURO'
Jurado do ‘SuperStar’ recorda com carinho sua participação no Especial da Globo em homenagem ao Rei

Paulo Ricardo homenageou Roberto Carlos com "Detalhes" na pegada rock
Todo fã tem uma história com o seu ídolo! Com Paulo Ricardo não é diferente. O jurado do SuperStar é fã declarado de Roberto Carlos e já escutou do próprio Rei diversos elogios. Mas, peraí! Quem é o fã e o ídolo, então? A gente explica! Em 1991, quando Roberto Carlos completou 50 anos, o Globo Repórter preparou um Especial para o cantor e convidou Paulo Ricardo para cantar ‘Detalhes’. O motivo? O Rei declarou que o líder da RPM era seu cantor favorito.
“O diretor do programa me ligou e disse: ‘Paulo, a gente está querendo fazer uma surpresa para o Roberto. Perguntamos qual a música favorita dele e ele falou que é ‘Detalhes’. Depois, perguntamos quem são os cantores favoritos dele e ele falou que é a Gal Costa e você’". Paulo Ricardo lembra reação: "Eu quase caí duro”.

Roberto Carlos surpreendeu Paulo Ricardo com elogio
Não precisa nem dizer que foi uma surpresa para Paulo receber um elogio do ídolo que cresceu escutando: “Eu achei que ele fosse dizer um Silvio Caldas, um João Gilberto, porque já tinha passado a febre do RPM. Mas foi o melhor elogio que eu poderia receber”.
E assim foi feito: Paulo Ricardo gravou “Detalhes” com a pegada mais rock´n roll. E quer saber o feedback do Rei? “Eu liguei pra ele pra perguntar o que ele achou e ele disse: ‘Bicho, tudo que você faz é lindo’”, relembra Paulo Ricardo, com carinho.
Especial do Roberto Carlos
Os dois voltaram a se encontrar no Especial de Fim de Ano do Rei, em 2015, onde dividiram o palco para cantar “A namoradinha de um amigo meu”. "Roberto Carlos, para mim, é o ‘Big Bang’ do rock e do pop rock do Brasil. Tive o privilégio de conhecê-lo logo no início da minha carreira, mas só no ano passado finalmente participei do Especial”, finaliza, empolgado.


fonte: O Rio Branco Online - 13.06.2016
FAGNER XINGA CHICO BUARQUE E ROBERTO CARLOS
Fagner está magoado. Ele detonou Chico Buarque e Roberto Carlos no show que fez neste sábado (11), em SP.
Segundo o blog da Fabíola Reipert, o cantor disse para a plateia que vai lançar a autobiografia e que os dois cantores se recusaram a dar depoimentos.
Fagner contou que sempre teve contato com Chico e Roberto e que eles não tiveram coragem de lhe dizer não pessoalmente, que mandaram os empresários.
"Quero que Chico Buarque e Roberto Carlos se f...", gritou Fagner para quem quisesse ouvir.
Xiii...


fonte: Gazeta de Limeira Online - 12.06.2016
PRIMEIRO EMPRESÁRIO DO "REI" LANÇA LIVRO SOBRE A JOVEM GUARDA
Geraldo Alves lança livro com bastidores da ebulição do rádio e TV no Brasil

Daíza Lacerda
"É uma história fantástica, com personagens que fizeram um grande movimento e mudaram as tendências musicais, introduzindo o rock brasileiro". É desta forma que o músico Geraldo Alves, aos 80 anos, apresenta o livro "O mestre das estrelas", obra na qual tem trabalhado nos últimos 13 anos.
Depoimentos de Roberto Carlos, Wanderléa, Reginaldo Rossi e produtores ligados à ascensão da TV e do rádio são compilados em 320 páginas e quase 300 fotos, retratando uma época vivida de forma intensa pelo então empresário de Roberto Carlos, que vive em Limeira.


fonte: Caras Online - 20.05.2016
TOM CAVALCANTE E ROBERTO CARLOS SE DIVERTEM EM FESTA DE JAYME MONJARDIM
O diretor global completou 60 anos e reuniu amigos e familiares para uma festa nesta quinta-feira, 19

O diretor Jayme Monjardim comemorou seus 60 anos com uma festa recheada de amigos famosos na noite desta quinta-feira, 19, no Rio de Janeiro.
Tom Cavalcante e a mulher, Patricia, posaram sorridentes com Roberto Carlos e Elba Ramalho durante o animado jantar comemorativo.
Tania Mara, mulher de Jayme e mãe de Maysa, dividiu o microfone com Roberto na músicaNão Vou Ficar e animou os convidados. "Sem palavras para a noite de hoje! Obrigada Senhor!", declarou a cantora em suas redes sociais.
A atriz Paloma Bernardi também curtiu a comemoração e posou ao lado de Monjardim eRenatta Gomes. "Um brinde ao Rei da Família Real! Um brinde a arte! Ao talento! A família! Ao sucesso! Que Deus te ilumine! Parabéns", parabenizou Paloma.


fonte: Extra - 17.05.2016
FOI MAL
Foi mal Se Roberto Carlos declinou mesmo do convite para cantar nos Jogos Paralímpicos, o cantor estará perdendo uma nobre chance de associar seu nome a uma causa tão bonita e servir de inspiração.


fonte: Facebook Roberto Carlos - 16.05.2016
"Eu sempre disse que Cauby é o maior cantor do Brasil. Querido e admirado por todos, não só por seu talento mas por suas qualidades como ser humano. Simpático, amável, cordial, sempre o admirei muito. Ele é realmente fantástico e eu tive a honra, o prazer, de ter cantado junto com ele. Que nosso Deus de bondade o proteja e abençoe sempre". (Roberto Carlos)


fonte: O Globo - 16.05.2016
NÃO QUERO, NÃO, BICHO
Roberto Carlos foi convidado pelo Comitê Olímpico Brasileiro para participar da cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos. O cantor agradeceu a lembrança, mas recusou o convite.


fonte: O Globo (Coluna Lauro Jardim) - 15.05.2016
EM CUBA
Roberto Carlos está há meses negociando um megaespetáculo em Cuba, onde nunca pisou. Será um show em Havana, ao ar livre e gratuito, ao estilo do que os Rolling Stones fizeram há dois meses na ilha dos irmãos Castro. Se fechar, a apresentação acontecerá no segundo semestre e parte dela será exibida no especial de Natal na Globo – como Roberto cantará seus sucessos em espanhol, apenas algumas músicas serão mostradas na ocasião. Este não é, porém, a única novidade de Roberto para este ano. No programa de fim de ano, ele deve cantar “Quero que vá tudo pro inferno”, banida do seu repertório há quase quatro décadas por causa do termo “inferno” – embora admita que possa fazê-lo sem pronunciar justamente a palavra maldita. Aos seus músicos já se disse “99% preparado” para cantá-la.


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 07.05.2016
AGORA VAI
Sem lançar um disco de inéditas desde 2003, Roberto Carlos diz que sai no fim do ano o seu tão esperado CD de novidades. Ele já compôs seis das doze (ou dez, vai lá) músicas do repertório, e agora analisa as composições de outros artistas.
ALIÁS E A PROPÓSITO
A prova de que a terapia contra o TOC está fazendo efeito: Roberto Carlos faz um show depois de amanhã, no Chile – em plena sexta-feira, 13. Isso seria impensável há alguns anos. O maior desafio do cantor agora é perder a mania de querer sair sempre pelo mesmo lugar que entrou.


fonte: A Tarde Online - 07.05.2016
ROBERTO CARLOS PROCESSA XARÁ POR USAR SEU NOME EM EMPRESA

oberto Carlos ainda não se pronunciou sobre o assunto
R Ter o nome do cantor Roberto Carlos pode ser motivo de orgulho de muitos xarás do Rei, mas esse não é o caso do corretor de imóveis Roberto Carlos Vieira. Isso porque ele deu seu nome para uma imobiliária que mantém na cidade de Vila Velha, no Espírito Santo, onde mora. Até ai tudo bem, mas o Rei resolveu processar o corretor de imóveis.
A ação foi ajuizada pela Editora Musical Amigos LTDA, que pertence ao cantor. Segundo o colunista Léo Dias, do jornal o Dia, a alegação é que o Roberto Carlos do Espírito Santo não pode nomear sua empresa como "Roberto Carlos", já que o artista registrou o nome como marca própria.
Por conta do risco de pagar uma multa diária de R$ 10 mil, o corretor optou por fechar a empresa e retirar o site do ar até o julgamento do processo.
Ainda de acordo com Léo Dias, a defesa de Roberto Carlos Vieira alegou que ele abriu a empresa usando seu nome, sem a intenção de se beneficiar da visibilidade do xará famoso.


fonte: Robertolgia Aplicada, Derbson Frota - 06.05.2016
O INCRÍVEL PRIMEIRO FILME COM ROBERTO CARLOS

Mais ou menos há meio se século algo interessante aconteceu na minha vida. Eu trabalhava em produção de cinema brasileiro e americano. Você está lendo certo, cinema brasileiro. Eu poderia encher um livro inteiro com acontecimentos interessantes e até controversos.
Para encurtar a estória, todos me perguntam detalhes da produção sobre a travessia do túnel do Pasmado, no Rio de Janeiro, num helicóptero, Hugh 300. Uma temeridade – e bota temeridade nisso.
Mas antes de tudo devo dizer que o RC do titulo deste artigo é o nosso rei, Roberto Carlos.
Uma tarde em São Paulo eu e meu amigo, o diretor Roberto Farias, fomos conviados pelo Jean Manzon, um produtor franco-brasileiro radicado no Brasil, para tomar as rédeas da produção do filme do Roberto Carlos do cineasta paulista Person, pois ele havia pedido as contas alegando que um filme com Roberto Carlos não iria dar certo, no máximo resultaria numa boa chanchada.
Para esclarecer um pequeno ponto dessa estória, o Roberto Farias havia começado sua carreira cinematográfica dirigindo chanchadas, antes de produzir e dirigir o clássico do cinema brasileiro e internacional, “O Assalto ao Trem Pagador” , também chamado de “Train Robbery Confidential” pelos americanos . Para os mais jovens recomendo que vejam esse filme e ver como se fazia um filme clássico no Brasil na década de 60.
O melhor elogio feito na época pelos cineastas brasileiros era que o filme parecia até filme americano.
Passadas quatro semanas do convite inicial, fomos convidados a comparecer ao escritório do Manzon e despedidos sumariamente. A razão era que o filme era muito caro, não iria dar certo. Caro sim, uma quantia nunca investida em nenhuma produção brasileira, já não dar certo era um ponto de interrogação.
Tentamos argumentar com o Manzon e nada o demovia, ele perdia o sono com o custo de meio milhão de dólares. Lembrem-se, estamos falando dos anos 60 e a quantia hoje seria, contando-se com o índice de inflação, mais ou menos 5 milhões de dólares. Nos dias de hoje seria improvável também que uma quantia dessa magnitude fosse investida em um filme brasileiro.
Eu e o Roberto Farias demos uma caminhada e paramos para tomar um cafézinho num café na esquina da Ipiranga com a São João, um ponto de encontro famoso na Boca do Luxo. ” Vamos comprar os direitos do Manzon”, disse o Roberto. Uma hora após termos sido despedidos retornamos ao escritório do Manzon e com a maior cara de pau o Roberto fez proposta para ele. “Vende os direitos para nós”. Manzon respondeu sem titubear:-“Me paguem os 25 mil dólares que já gastei e o filme é de vocês”. “Nós pagaremos após a estreia do filme”. Ele topou na hora. Recuperar os 25 mil dólares era uma questão de honra para o Manzon e fazer o filme era uma questão de honra para o Roberto Farias. Por razões contratuais, tivemos que informar ao Roberto Carlos e ao seu agente, o todo poderoso Marcos Lázaro. Sem titubear, eles toparam.

Era dessa mesma época o primeiro livro sobre Roberto Carlos,
Escrito pelo atual editor do Direto da Redação, na época jornalista do Estadão
No dia seguinte estávamos com um advogado na mão, o Padu, filho do conhecido teatrólogo Abílio Pereira de Almeida (São Paulo SA). Todos assinaram ai começava a parte interessante do filme Roberto Carlos em Ritmo de aventura. Como fazer o filme sem ter os 500 mil dólares? Lembrem-se na época não havia a Embrafilm ou fundos de alguma outra estatal, Lei Rouanet, TV Globo. etc…O investimento (grana viva) teria que sair do mercado privado.
Com o proverbial chapéu na mão os banqueiros foram devidamente visitados e os traseiros respeitosamente beijados. O nome do Roberto Carlos abriu algumas portas muito importantes… (Banco Nacional de Minas Gerais, Banco Irmãos Guimarães, Casa Piano, Banco Safra) E os 500 mil estavam empacotados e devidamente creditados na conta da produtora.
Que tipo de filme…Como vender o RC em 10 lições. Em princípo fui assistir e reassistir os filmes dos Beatles “Help” e “Deu a Louca no Mundo” , em inglês ” It is a Mad, Mad World”, um clássico do Stanley Kubric. (Me desculpe o Person eram Chanchadas Clássicas com um certo “sine qua non”.) Para a nova geração vejam os dois filmes, são imperdíveis. Uma vez após reassistir aos dois filmes eu li uma entrevista do Sr. Epstein, um dos produtores do filme HELP, que declarou ” Fazer um filme com os Beatles na época era muito fácil, bastava colocá-los contra uma parede branca, fazê-los cantar e filmar, seria um enorme sucesso mas totalmente desonesto” . Em fim, o segredo era o tal do ” packging”, você não pode comprar um presente na Tifany e embrulhá-lo em jornal.
Devemos nos lembrar que tanto os Beatles como o Roberto Carlos não podiam nem sair nas ruas. Eu pessoalmente testemunhei essa loucura.
O script estava sendo preparado, e decidiu-se que faríamos um filme com tinturas de “Help” e Deu a Louca no Mundo. Eu e o Roberto discutimos as coisa mais loucas, impensáveis numa produção de um filme brasileiro…Como se diz aqui nos Estados Unidos, nós estávamos “burning hot”.
Em princípio programou-se filmar em NY e no Cabo Canaveral (NASA), Flórida. Na estória o Roberto Carlos era perseguido por um mafioso (José Lewgoy, o tradicional bad boy) do cinema brasileiro e o Roberto foge do Lewgoy para NY numa caixa de carga da Pan American, e na Flórida ele embarca num foguete para o espaço. No Rio ele foge do Lewgoy de helicóptero até a cobertura do prédio do BANERJ (BEG) e lá está esperando um Dodge Dart. O Roberto embarca e o guincho do prédio desce o carro até a Avenida Nilo Peçanha. A multidão que aguardava o Rei descer de carro do prédio do BANERJ era imensa e tensa.
Eu não gosto nem de pensar se o carro caísse na rua com Roberto Carlos e tudo.. Toda a equipe técnica também estava tensa. Nas filmagens em NY foi mais fácil, um trave logue da cidade, enquanto fugia do Lewgoy num Cadilac cedido pela GM. A única coisa que poderia acontecer era sermos todos presos pela polícia de NY por fazer filme nas ruas da cidade sem permissão e seguro de responsabilidade civil. Fomos detidos, mas por ter o Roberto que dirigia o carro levado uma multa.
Enquanto o roteiro progredia as ideias loucas também progrediam. Para começar fiz contato com uma turma super simpática da Esquadrilha da Fumaça . Eles ainda voavam aviões da 2a Guerra, o NAT 6, um avião de treinamento americano.
A esquadrilha entra no filme com acrobacias e música de fundo do RC como ele fosse um dos pilotos (na época Major Braga), hoje provavelmente Brigadeiro aposentado. Nunca encontrei um grupo tão bom de excelentes pilotos e um enorme senso de humor. Numa das cenas um avião cai e explode (os efeitos especiais sem computador funcionavam no peito na raça). O Roberto, que estava supostamente no avião acidentado, aparece no meio da fumaça vivo, com o seguinte dialogo: “Se esse filme continuar assim não quero mais trabalhar”-.
O tal do filme do absurdo.
Um dia retornando ao nosso escritório em Laranjeiras, atravessei o Túnel do Pasmado – de fusquinha é claro – e não travessia tive uma epifania. Que tal atravessar o túnel com um helicóptero na perseguição? Através dos meus amigos da Esquadrilha de Fumaça fui apresentado a um piloto civil de helicóptero, Comandante Nascimento, e expusemos a ideia para a Esquadrilha. Quem já viu a esquadrilha da fumaça em aviões a hélice sabe que os pilotos eram machões.
“Acho que dá sem bronca”, me disse o Nascimento. Falei com o Roberto Farias, que estava com o espírito pronto.
“Vá em frente e te vira”. Eu e o comandante fomos de táxi até a entrada do túnel na parte de Botafogo e ele examinou ponto a ponto. Excelentes pilotos não fazem loucuras impensadas.
Prosseguimos até a saída do túnel As devidas medidas foram feitas e ficou decidido que dava, inclusive a tal da aerodinâmica que era imperativa na operação..
Ai começou a “via crucis” para as devidas permissões e o Modus Operandi. Primeira visita, DAC (Diretoria de Aeronáutica Civil). Riram na nossa cara e disseram que éramos loucos. O Nascimento em conversa de piloto para piloto os convenceu que dava, a segunda visita ao DT do RJ (Departamento de Trânsito), que bateu o martelo. “Se a FAB e o DAC autorizarem, vá em frente”. Não foi tão difícil como eu esperava.
Para os donos do helicóptero, não era nada com eles, pois confiavam no excepcional profissionalismo de Nascimento e a publicidade que ganhariam.
Na dia aprazado, o Departamento de Trânsito fechou a entrada e a saída do túnel. O helicóptero levantou do Santos Dumont e pousou na entrada do túnel. Os maquinistas da equipe amarraram uma câmera na porta direita. Roberto Farias decidiu ser o câmera e foi amarrado no helicóptero, atrás da câmera.
Todos nós tensos, parecíamos uma corda de violão. O helicóptero levantou voo da entrada do túnel, foi até o Santos Dummond e, com uma comunicação via rádio dissemos ao Nascimento para prosseguir. Eu me estacionei na entrada do túnel com o Riva Farias, irmão do Roberto e meu chefe, rezando a todas as entidades religiosas conhecidas pela humanidade. De longe vimos o helicóptero na Avenida Beira Mar em Botafogo, pequenininho, e à medida que se aproximava, ia aumentando de tamanho, parecia um monstro de filmes de terror. A uma certa distância da entrada do túnel baixou de altitude, diminuiu a velocidade e lá se foi o animal para dentro do túnel, em direção a Copacabana…Sucesso absoluto. O Nascimento se posicionou para uma segunda volta, a pedido do Roberto Farias. O Riva se aproximou e disse uma coisa que nunca mais esquecerei. Ele estava tremendo de medo, tirou a chave do helicóptero e disse a histórica frase ” SEGUNDA VOLTA É A PUTA QUE TE PARIU”.
Estamos encerrados.
Vocês podem ver a cena do helicóptero no filme no ou na Internet. Jé é passado meio século e podemos ver o helicóptero atravessando o túnel numa boa. Obrigado Internet, por salvaguardar a memória.
PS. Person, uma chanchada e tanto. Manzon, quadruplicamos o capital e todos os banqueiros foram pagos


fonte: O Globo - 23.04.2016
REI DOS RECORDS
Roberto Carlos pode ter seu nome incluído no Guinness. O cantor vai disputar em três frentes: o de programa musical mais tempo no ar, com seu especial de fim de ano na Globo; o artista com maior número de hits tocados nas rádios (cem músicas); e o de cantor que está há mais tempo na mesma gravadora (54 anos). “Estamos finalizando a pesquisa para encaminhar ao livro dos recordes”, diz Dody Sirena, empresário do Rei.


fonte: Bem Paraná Online - 22.04.2016
CRISE DERRUBA CACHÊS DE ARTISTAS BRASILEIROS

Wesley Safadão
A crise econômica no país chegou ao mundo da música. Os cachês de artistas como Wesley Safadão e Roberto Carlos foram afetados e tiveram redução de até 75%. As informações são do colunista Ricardo Feltrin do Uol.
Segundo o colunista, o principal motivo é que os principais contratantes de shows no Brasil são entidades públicas, como governos e prefeituras, e com a atual situação da economia elas tiveram que fazer uma redução de gastos, e os grandes shows acabaram sendo afetados.
A coluna aponta que o cachê de Wesey Safadão teria caído de R$ 800 mil para R$ 200 mil e que o do rei Roberto Carlos baixou de R$ 1 milhão para R$ 750 mil.
Outros artistas como Anitta, Paula Fernandes e Ivete Sangalo também reduziram os valores de suas apresentações.


fonte: Boa Informação Online - 20.04.2016
LIVRO, O PONTAPÉ PARA M PROJETO MAIOR, QUE INCLUI AINDA UM FILME E UM MUSICAL DO CANTOR

Depois da polêmica por ter conseguido retirar das livrarias, em 2007, a obra Roberto Carlos em detalhes, escrita por Paulo Csar de Arajo, o cantor finalmente deve lançar sua autobiografia. Roberto tem gravado sua história em studios e vai passar esse material para um escritor ainda no definido.
“Uma das partes mais emocionantes a do acidente (em que perdeu parte da perna direita). Essa história já está toda gravada e ele vai contar como aconteceu de fato. mais comovente do que as pessoas imaginam”, destaca Dody.
O empresário adianta ainda que a obra ser dividida em dois volumes. O primeiro, da infncia at a Jovem Guarda; o segundo parte do ie,ie,ie e chega aos dias atuais: “mas Roberto no ficar restrito ao lado artístico. Ele vai contar sobre namoradas, bastidores da vida, das relaes pessoais.” O livro o pontapé para um projeto maior, que inclui ainda um filme e um musical. Até a equipe do Cirque du Soleil já se mostrou interessada em encenar a vida do cantor.


fonte: Folha de Vitória Online - 20.04.2016
ROBERTO CARLOS SE DESPEDE DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM E AGRADECE O CARINHO DOS FÃS
O Rei deixou o hotel San Karlo, onde estava hospedado desde segunda-feira (18),
nesta tarde e acenou para os fãs que o aguardava do lado de fora

Roberto Carlos deixou o hotel San Karlo, onde estava hospedado, na tarde desta quarta-feira (20) e seguiu para Vitória
O Rei Roberto Carlos se despediu de sua cidade natal na tarde desta quarta-feira (20), onde comemorou seu aniversário de 75 anos. Por volta das 15h, ele deixou o hotel San Karlo, onde esteve hospedado durante sua passagem por Cachoeiro de Itapemirim, e seguiu de carro para o Aeroporto Eurico Salles, em Vitória, onde embarca em seu avião particular de volta ao Rio de Janeiro.
Muitos fãs aguardavam Roberto Carlos do lado de fora do hotel, e alguns mais sortudos, conseguiram entrar e aguardar o Rei no saguão. A promotora de eventos Cleide Prado foi uma das sete pessoas que conseguiram entrar no local e ganhou um abraço do grande ídolo.
“Quando entramos ele logo desceu. Eu estava de costas quando ele abriu a porta do elevador. Nem acreditei que estava tão perto de Roberto Carlos. Tínhamos duas opções: tirar foto com ele ou ganhar um abraço. Ele não tinha tempo para fazer os dois, pois a assessoria disse que estava atrasado”, comenta.
Não é difícil saber qual a opção que ela escolheu. “Ganhei um abraço de Roberto Carlos. Quase morri. Meu coração estava quase saindo pela boca de tanta emoção. É uma emoção engraçada e diferente. Fiquei totalmente sem ação. Ele é muito acessível, muito educado e humilde. Eles nos olhou e disse: ‘Deus abençoe vocês. Fiquem com Deus e obrigado por tudo!’. É muito difícil não se emocionar com o Rei”, completa Cleide.
Nesta sexta-feira (22), o Rei começa sua turnê pela América do Sul. Ele tem show programado em Buenos Aires, na Argentina, e no domingo (24), se apresenta em Córdoba. Em seguida, o cantor faz mais dois shows na Colômbia e outros dois no Chile, antes de retornar ao Brasil.


fonte: O Hoje Online - 19.04.2016
CURIOSIDADES SOBRE ROBERTO CARLOS, ANIVERSARIANTE DO DIA
Conhecido como o Rei da MPB, o cantor Roberto Carlos comemora hoje 75 anos de vida
e O HOJE traz alguns fatos sobre sua vida e os 56 anos de carreira


Hoje, dia 19 de abril, Roberto Carlos comemora seu 75º aniversário e, em homenagem ao cantor, um dos mais importantes da música brasileira, o Ecad, Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, preparou um levantamento sobre sua vida artística. O Rei Roberto Carlos é autor de 588 obras musicais e intérprete de 839 fonogramas, conforme informações que constam no banco de dados do Ecad. Muitas destas músicas se tornaram grandes sucessos e embalaram gerações e fizeram com que, ao longo de quase 60 anos de carreira, o Rei conquistasse milhares de súditos no Brasil e no mundo com sua voz e seu estilo romântico.
Roberto é um dos artistas brasileiros que sempre se manteve no topo da lista dos titulares que mais recebem direitos autorais de execução pública, não só pelos seus sucessos, mas pelo vasto repertório de obras musicais, muitas das quais gravadas por outros ícones da música popular brasileira. No topo da lista de canções de Roberto Carlos mais tocadas nos últimos cinco anos nos segmentos de Música ao Vivo, Casas de Festas, Casas de Diversão, Sonorização Ambiental, Show e Rádio, aparecem, respectivamente, clássicos e novidades como Esse cara sou eu, Como é grande o meu amor por você, É preciso saber viver, Além do horizonte e Detalhes. Já entre as obras mais gravadas pelo Rei, a romântica Emoções lidera a lista, seguida por outros sucessos como Como é Grande Meu Amor por Você, Detalhes, Jesus Cristo e Sentado à Beira do Caminho.
O Ecad pesquisou ainda quais foram os intérpretes que mais gravaram músicas de autoria de Roberto Carlos até hoje. Lideram a lista os cantores Erasmo Carlos, Maria Bethânia e Cauby Peixoto. Além de seu velho parceiro de composições, Erasmo Carlos, que obviamente está no topo da lista, os compositores que têm mais músicas interpretadas por RC são: Carlos Colla, Mauro Motta (também produtor musical, responsável por diversos discos do Rei) e Paulo Sérgio Valle, além de muitos outros. As músicas de Roberto Carlos são muito tocadas em todo o Brasil, principalmente em emissoras de rádio e televisão, em shows, música ao vivo e em estabelecimentos que utilizam música ambiente. Em 2015, as músicas tocadas nestes estabelecimentos, além de rádios e shows, representaram 72% dos rendimentos do artista em execução pública.
Ele é o cara
O lançamento do EP Esse cara sou eu, com duas faixas inéditas e duas regravações, fez com que o ano de 2013 fosse o melhor no que diz respeito aos rendimentos provenientes de direitos autorais, nestes últimos cinco anos. As execuções nos segmentos de rádio e TV aberta foram responsáveis por mais de 63% de sua remuneração, naquele ano, em ireitos autorais. Nos rankings anuais do Ecad de autores com maior rendimento no segmento de Show, Roberto apareceu em 2º lugar em 2013, 4º lugar em 2014 e 2º lugar em 2015. Já nos rankings anuais de autores com maior rendimento em Rádio, Roberto apareceu em 1º lugar em 2013, 2º lugar em 2014 e 3º lugar em 2015.
Sucesso nas novelas
Roberto Carlos é conhecido ainda por seus sucessos inesquecíveis nas trilhas sonoras das novelas. Como é grande meu amor por você (tema de abertura da novela Amor e Intrigas da Rede Record), Além do Horizonte (música de abertura da novela homônima exibida da Rede Globo) e Esse cara sou eu (tema do casal de protagonistas da novela Salve Jorge da Rede Globo) foram suas obras executadas em TV aberta que mais lhe renderam direitos autorais nos últimos cinco anos.
Obras de Roberto Carlos mais executadas nos últimos cinco anos (nos segmentos Música ao Vivo, Casas de Festas, Casas de Diversão, Sonorização Ambiental, Show e Rádio), nesta ordem: Esse Cara Sou Eu, Como É Grande o Meu Amor por Você, É Preciso Saber Viver, Além do Horizonte, Detalhes, Emoções, Sentado à Beira do Caminho, Gatinha Manhosa, Eu Te Amo, Te Amo, Te Amo e Do fundo do meu coração.
Curiosidades
A vida e a obra de Roberto Carlos são rodeadas por um folclore, cheios de curiosidades, como as que o Hoje traz em homenagem ao Rei:
O título de “Rei” foi dado a Roberto Carlos pelo apresentador de TV Chacrinha. A coroação ocorreu em 1 966, durante um programa de Chacrinha.
Depois de ouvir inúmeras vezes que seu avô costumava cair de cavalos marrons, Roberto acabou implicando com essa cor.
Outras manias do Rei: obsessão pelas cores branco e azul, paixão por flores, conversar com as plantas, tomar banho só com sabonete de glicerina, não usar perfume, não pronunciar as palavras mal e azar, esquecer o número 13 e odiar (também) as cores preto e roxo.
Em 50 anos de carreira (completados em 2009), Roberto vendeu por volta de 100 milhões de álbuns? Ele é o cantor brasileiro que mais discos vendeu em todo o mundo.
Roberto gravou 12 canções em inglês, 61 em italiano, 4 em francês, 244 em espanhol e… até agora quase 400 em português.
A popularidade de Roberto Carlos e seus amigos rompeu as fronteiras da música e da TV e chegou aos cinemas. Entre 1 968 e 1 971, Roberto gravou três filmes de grande popularidade (produções que, aliás, foram repetidas inúmeras vezes na Sessão da Tarde dos anos 70): Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-rosa, Roberto Carlos em Ritmo de Aventura e Roberto Carlos a 300 Quilômetros por Hora.
Os cantores e grupos que gravaram músicas de Roberto: Titãs (É Preciso Saber Viver), Fafá de Belém (Desabafo), Maria Bethânia (Fera Ferida), Joana (Nossa Senhora), Ana Carolina (Força Estranha), Sandy (As Canções que Você Fez Para Mim), Alcione (Sua Estupidez), Jota Quest (Além do Horizonte), Ivete Sangalo (Lady Laura) entre muitos outros.


fonte: Uol Online - 19.04.2016
7 DISCOS (E MEIO) PARA ENTENDER O REINADO DE ROBERTO CARLOS

Roberto Carlos estrela o filme ''Roberto Carlos em Ritmo de Aventura'(1968), de Roberto Farias.
Nunca houve um cantor no Brasil com tanto apelo e poder de fogo como Roberto Carlos. É como se os Beatles fossem condensados na figura de um franzino e sedutor artista, que, em plenos 75 anos, completados nesta terça-feira, ainda encanta uma legião de fãs.
Musicalmente, entretanto, Roberto foi perdendo a relevância com o passar do tempo. As apresentações repetidas e o repertório engessado o afastaram de um público mais jovem, que o via como um artista quase 'brega'. Mas nem sempre foi assim.
Para fazer jus ao título de Rei, recordamos a fase em que a coroa de Roberto mais brilhou – do momento em que ele despontou como príncipe da Jovem Guarda, em 1966, até o flerte com a música romântica em 1972.
São sete joias, lançadas na sequência, e mais um bônus vindo dos anos 1980, para entender o reinado de Roberto Carlos.
A fase áurea do Rei

Roberto Carlos (1966)
Roberto tinha acabado de estourar nacionalmente com o disco anterior "Jovem Guarda", mas é neste trabalho que seu reinado definitivamente começa. Toscamente gravado, o álbum traz aquela inocência dos anos 1950 em "Namoradinha de um Amigo Meu" (escrita por Roberto para Os Beatniks) e "Esqueça", mas dá um passo além. É um álbum de rock, criativo e enérgico, seja no riff que abre "Eu Te Darei o Céu" à bateria tribal em "Querem Acabar Comigo" -- uma das melhores composições da carreira, reflexo de todas as críticas e pressões que o atingiam na época. Em 1966, o cantor não tinha dimensão de seu próprio sucesso e ele passava os dias achando que sua hora ia passar. Destaque para o solo de sax em "O Gênio" e para o órgão de Lafayette que dá o tom em todo o disco.

Roberto Carlos em Ritmo de Aventura (1967)
Prestes a gravar seu primeiro filme (que dá nome ao álbum), Roberto ampliou sua cozinha musical. Escolheu um trio de metais e formou o RC-7. O que viria a ser a trilha sonora do longa, dirigido por Roberto Faria, o álbum só ganhou com a aquisição e também com a participação de dois maestros arranjadores contratados da CBS: José Pacheco Lins, o Pachequinho, e o maestro Alexandre Gnattali. "Eu Sou Terrível" e "Quando" são, até hoje, clássicos absolutos. A evolução segue com o baixo nervoso de Paulo César Barros em "Você Não Serve Pra Mim". A batida funky de "Quando" já indicava um novo caminho para Roberto: a jovem guarda era muito pouco para o artista.

"O Inimitável" (1968)
Primeiro disco do Roberto a ter uma produção realmente boa. Havia um investimento da gravadora, assim como nas letras, que deram um salto de qualidade. Saíram as bobinhas, como "O Feio", "O Gênio" e "O Sósia" e entraram temas mais românticos, como "Eu Te Amo, Te Amo, Te Amo", marcando o início da grande obra de Roberto. O marco inaugural desse processo foi a canção "Se você Pensa". Pedrada funk, a canção se tornou uma das favoritas de Caetano Veloso na época e fez a cabeça justamente dos artistas ditos "mais cabeça", sendo regravada por Elis e Gal Costa. Erasmo Carlos dizia na época: "Nós somos legais mesmo". Roberto também se destaca como intérprete em "O Tempo Vai Apagar" (Getúlio Cortes) e "E Não Vou Deixar Você Tão Só" (Antonio Marcos).

"Roberto Carlos" (1969)
Com o cabelo longo e pinta de artista soul, com colares e pulseiras, Roberto queria se desvincular totalmente da Jovem Guarda e dar passos maiores. Sabia que podia contar com Tim Maia, seu amigo de infância, quando o mesmo lhe procurou para oferecer uma canção. Pediu o que queria: Black music. O velho Tião compôs na hora "Não Vou Ficar". O disco é dominado por canções de amor lancinantes, embebidas nessa referência, como "As Curvas da Estrada de Santos", "Sua Estupidez" e "Nada Vai Me Convencer". "O Diamante Cor de Rosa", que viria a ser tema de seu segundo filme, é a única instrumental na discografia de Roberto, com o cantor tocando gaita na faixa. A turnê do disco, dirigido por Ronaldo Bôscoli, foi o primeiro a ter a orquestra no palco, o que faria a fama do Rei nos anos vindouros.

"Roberto Carlos" (1970)
Roberto abre a década de 1970 no ápice da influência da Black music. Da balada "Ana" a funkeada "Se Eu Pudesse Voltar no Tempo", é um disco pulsante, com menos baladas. Até "Jesus Critso", sua primeira incursão em terreno espiritual, é um petardo no estilo. Influenciada pelo gospel americano e pelos musicais como "Hair" e "Jesus Cristo Superstar", a canção causou polêmica justamente por seu groove, o que incomodou os mais conservadores. "O Astronauta", diferente de tudo que viria a gravar, tem até vocalise ai fundo. A capa do disco mostra o cantor no palco do Canecão, em pose que se tornaria marca registrada: segurando o microfone com as mãos e erguendo o corpo pra trás.
]

"Roberto Carlos" (1971)
Único disco sem a imagem de Roberto na capa. A ilustração, com os cabelos do artista ao vento, se tornou icônica em sua discografia. A produção é do tamanho de um artista internacional . A partir dali, gravaria sempre nos melhores estúdios do mundo. É o disco que marca sua transição para um repertório mais romântico -- e é o que traz suas melhores composições no estilo, como "De Tanto Amor", "Como 2 e 2" (de Caetano Veloso) e "Debaixo dos Caracóis de Seus Cabelos" (escrito por Roberto em referência a cabeleira do amigo baiano). "Detalhes", um dos maiores clássicos da música brasileira, é citada até hoje pelo cantor como a sua canção preferida. O maestro norte-americano Jimmy Wisner merece o reconhecimento pela introdução da canção. Ao mesmo tempo, o disco encerrou a fase rock-soul com as faixas "Todos Estão Surdos" e "Eu só Tenho Caminho".

"Roberto Carlos" (1972)
Em um dos álbuns mais soturnos da carreira, Roberto reflete sobre o tempo. O tema está na regravação de "Acalanto", de Dorival Caymmi, em que revive a infância, e na confessional "O Divã", em que encara reminiscências, algo que já havia experimentado em "Traumas", do disco anterior. É a primeira vez em que ele fala sobre o acidente que o fez perder a perna ainda criança: "Relembro bem a festa, o apito/ e na multidão um grito/ o sangue no linho branco". Até este momento, Roberto se via como um hippie, e ele próprio observa seu próprio amadurecimento em "À Janela", sobre um jovem que está prestes a deixar a sair da casa dos pais. É o fim da fase mais juvenil de Roberto e o começo em que os especiais de fim de ano da Globo o moldariam criativamente.

"Roberto Carlos" (1981)
Longe da fase áurea, este disco serve como bônus -- é, talvez, o último grande trabalho do cantor e um dos grandes lançados nos confusos anos 1980, década pela qual muitos medalhões não conseguiram passar sem um escorregão. A janela dos tempos hippies havia sido devidamente fechada, dando ainda mais espaço para a onda religiosa ("Ele Está Para Chegar") e discursos ecológicos ("As Baleias"). É deste álbum que surgiu "Emoções", uma das canções mais regravadas e tocadas pelo próprio. Em uma pegada levemente dançante, arranjos no estilo pop rock e metais, o disco cresce com as baladas eróticas "Tudo Para" e "Cama e Mesa", hit dos inferninhos e motéis.


fonte: Extra Online - 18.04.2016
'ESSE CARA SOU EU' É A MÚSICA MAIS TOCADA DE ROBERTO CARLOS NOS ÚLTIMOS CINCO ANOS

No dia em que Roberto Carlos completa 75 anos de vida, nesta terça-feira, 19 de abril, um levantamento inédito feito da obra do artista revela qual música do cantor que mais foi tocada nos últimos cinco anos. E, adivinhem! “Esse cara sou eu”, sucesso da trilha sonora da novela “Salve Jorge”, é a número um desse ranking, seguida dos clássicos “Como é grande o meu amor por você” e “É preciso saber viver”.
Confira a lista na íntegra:
Esse cara sou eu
Como é grande o meu amor por você
É preciso saber viver
Além do horizonte
Detalhes
Emoções
Sentado à beira do caminho
Gatinha manhosa
Eu te amo, te amo, te amo
Do fundo do meu coração
Canções mais gravadas
O levantamento mostra ainda quais são as canções mais regravadas do Rei:
1ª: Emoções
2ª: Como é grande o meu amor por você
3ª: Detalhes
4ª: Jesus Cristo
5ª: Sentado à beira do caminho
6ª: Se você pensa
7ª: Nossa Senhora
8ª: Proposta
9ª: Olha
10ª: Quero que vá tudo pro inferno
Intérpretes
A lista mostra também os três intérpretes que mais gravaram obras de autoria de Roberto Carlos. São eles: Erasmo Carlos, Maria Bethânia e Cauby Peixoto
Direitos autorais
Dos sucessos executados em TV aberta que mais renderam direitos autorais ao Rei nos últimos cinco anos estão:
1ª: Como é grande o meu amor por você*
2ª: Além do horizonte**
3ª: Esse cara sou eu***
* “Como é grande o meu amor por você”, interpretada por Davi Moraes, foi o tema de abertura da novela “Amor e Intrigas”, exibida entre 2007 e 2008 na Rede Record.
** “Além do Horizonte”, interpretada por Erasmo Carlos, foi a música de abertura da novela homônima exibida entre 2013 e 2014 na Rede Globo.
*** “Esse cara sou eu”, lançada em 2012, foi o tema do casal de protagonistas da novela “Salve Jorge”, exibida pela Rede Globo entre 2012 e 2013.
Shows
Roberto Carlos ocupou o 2º lugar no ranking de 2013 e 2015 com maior rendimento em show, e o 4º lugar em 2014, segundo o levantamento.
Rádio
Já quando os números são os rendimentos nas rádios, ele ocupou o 1º lugar em 2013, o 2º em 2014 e o 3º em 2015.
Fonte: Ecad


fonte: G1 Espírito Santo Online - 18.04.2016
SORRIDENTE E ATENCIOSO COM FÃS QUE ESPERAVAM ANSIOSAMTNE POR SUA CHEGADA NO ESPÍRITO SANTO,
O REI ROBERTO CARLOS DESEMBARCOU NA TARDE DESTA SEGUNDA-FEIRA (19)
NO AEROPORTO EURICO DE AGUIAR SALLES, EM VITÓRIA.
O cantor falou brevemente à imprensa e chamou os capixabas para participarem do show que será realizado em Cachoeiro de Itapemirim, na região Sul do Espírito Santo, nesta terça-feira (19), dia em que o rei comemora seus 75 anos.
Roberto Carlos comentou que guarda boas lembranças da cidade de Cachoeiro de Itapemirim, onde passou a infância, e que sempre é um grande prazer retornar à cidade natal.
“Todas as lembranças são boas. Tudo de Cachoeiro de Itapemirim é uma lembrança muito bonita. Uma das maiores emoções que tive, uma das mais bonitas, foi quando cantei pela primeira vez na Rádio Cachoeiro”, afirmou.
Sobre a expectativa para o grande show de aniversário, ele foi sucinto na resposta: "Espero que todos gostem", e deu aquela risadinha característica do rei. Com a cidade empolgada em receber um dos "filhos" mais queridos do Estado, ele brincou quando soube que os hotéis do município estão lotados de turistas que vão ao show de hoje: "Será que tem lugar para mim?".
De acordo com orei, os fãs podem esperar as músicas tradicionais de sua carreira, como “Emoções” e “Meu amor por você”. Para este ano, Roberto contou que pretende lançar um CD com músicas inéditas. O segredo para manter o sucesso mesmo depois de tanto tempo de carreira? “É o amor, é cantar e sentir no palco”, definiu.
Redes sociais
No aeroporto, Roberto também revelou que não entra muito nas redes sociais, mas que já recebeu alguns “nudes”. "Eu mexo pouco com isso, mexo pouco, mas mexo. Enviar eu não enviei não, mas receber eu já recebi alguns”, brincou o cantor.
Após tirar fotos com fãs e funcionários do Aeroporto de Vitória, o rei Roberto Carlos seguiu de carro para a cidade de Cachoeiro de Itapemirim. O cantor deve passar duas noites na cidade onde nasceu, hospedado em uma suíte master de um hotel de Cachoeiro.
A previsão é de que o cantor retorne para Vitória na quarta-feira. Na sexta-feira, a agenda do rei prevê um show na Argentina, iniciando uma turnê pela América Latina.

Roberto Carlos chega em Vitória para show em Cachoeiro de Itapemirim


fonte: G1 Espírito Santo Online - 18.04.2016
VELHOS AMIGOS DE ROBERTO CARLOS LEMBRAM HISTÓRIAS DO CANTOR NO ES
Eles conviveram com o rei da música em Cachoeiro de Itapemirim.
Cidade se prepara para receber show de aniversário do cantor, nesta terça.

O operador de som Milton Santos conheceu Roberto Carlosna juventude.
Na foto, ele mostra resgistro pessoal em que aparece cumprimentando o Rei
Roberto Carlos pode ter milhares de amigos, mas os que deixou em sua terra natal, Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, se sentem especiais por terem convivido com o cantor quando ele era ainda conhecido por ‘Zunga’. Para eles, a simplicidade e a dedicação à música justificam seu sucesso e a legião de fãs ao longo da carreira.
Quando Roberto Carlos começou a participar dos programas dominicais aos 9 anos de idade na antiga Rádio Cachoeiro ZY9, o então operador de som Milton Santos, que hoje tem 77 anos, não imaginava que o pequeno cantor um dia se tornaria o Rei.
A participação na emissora era disputada. As crianças formavam fila no dia anterior ao programa da rádio para se inscrever e cantar.
“As crianças iam no sábado à tarde dar o nome para a fila, por ordem de chegada. Depois de várias apresentações, Roberto começou a se profissionalizar. Cantava ganhado cachê, coisa de interior mesmo, recebia balas, 200 Cruzeiros, já era um artista”, conta Milton.
Segundo ele, Roberto sempre foi um homem simples, alegre, mas centrado nas suas apresentações. “Era muito brincalhão, mas as músicas eram cantadas com muita emoção. Ele sempre gostava de conversar sobre cinema. Filmes e seriados de faroeste eram os preferidos”, brinca.
Milton Santos recorda ainda a última vez que o cantor esteve na emissora. Ele acabava de lançar a música ‘É proibido fumar’ e se apresentou em um antigo Cine Teatro Broadway, no Centro. “Nem vi o show. Depois, teve uma entrevista com ele na rádio, que ficava bem perto”, relembra.
Apesar de amigo e fã, Milton Santos não vai ao show do artista nesta terça-feira (19), quando o Rei comemora 75 anos. “Amigos não precisam estar juntos. Ele tem milhões de amigos e eu sou um deles. A amizade não muda”.
Encontros sempre bem-humorados
Cinco anos mais velho que o cantor, o médico Paulo Ney Vianna, conta como era a convivência com o antigo vizinho.
“Morávamos na Rua João de Deus Madureira. Como ela não tem saída, era nossa rua particular. Ele, eu, meu irmão, o irmão dele, Carlinhos, jogávamos pião, futebol e bola de gude. Apesar da idade, sempre nos acompanhava. Quase sempre fazendo uma traquinagem”, relembra.

O médico Paulo Ney Vianna e esposa Maria Thereza são fãs de Roberto.
Na foto, eles aparecem com o Rei após o último show assistido pelo casal

A amizade dura até hoje. Vianna e a esposa, Maria Thereza, sempre que podem, acompanham os shows do cantor e sua vida. “Antigamente, quando íamos ao Rio de Janeiro, visitávamos dona Laura. Conversávamos muito”, relembra.
Os encontros, segundo o médico, são sempre regados a bom humor e simplicidade. Em um dos últimos encontros com o cantor, no Radio City Music Hall, em Nova York, em 2014, houve convite especial.
“Depois do show, fomos como sempre ao camarim, batemos um papo com ele. O penúltimo foi no Radio City. Ele nos convidou para um tour de navio com ele, fizemos e nos encontramos várias vezes. Os encontros são sempre bem-humorados, com molecagem, sem coisa séria. Respeitosamente, sempre bem bagunçado”, brinca o médico.
Ruas fechadas e reforço policial na cidade
De acordo com o produtor local do show, Abner Garcia Romão, 70 policiais militares e 35 agentes de trânsito farão a segurança das imediações do local do show, no Estádio Mário Monteiro, o Sumaré. Na parte interna, a segurança será particular.
As entradas da cidade receberão reforço policial, além de locais de grande concentração, como hotéis. Para garantir a segurança, as ruas Estrela do Norte, Ana Machado, Sampaio Coco e Coronel Guardiã terão acesso proibido para veículos a partir das 16h de amanhã.
As vias somente serão liberadas na madrugada, após o show. Fiscais da prefeitura também atuarão na fiscalização de ambulantes.


fonte: Folha de Vitória Online - 18.04.2016
ROBERTO CARLOS JÁ ESTÁ NO ESPÍRITO SANTO PARA SHOW DE ANIVERSÁRIO EM CACHOEIRO
Apresentação será nesta terça-feira, às 21 horas, no estádio Mário Monteiro, o Sumaré.
Segundo a assessoria do "Rei", o avião particular dele chegou a Vitória na tarde desta segunda

Cantor comemora 75 anos nesta terça-feira, com show em sua cidade natal, Cachoeiro de Itapemirim
O cantor Roberto Carlos chegou a Vitória, na tarde desta segunda-feira (18), e segue para Cachoeiro de Itapemirim, no sul do Estado, onde se apresenta na terça-feira (19). O show de aniversário de 75 anos do "Rei", em sua cidade natal, será realizado no estádio Mário Monteiro, o Sumaré.
De acordo com a assessoria de imprensa de Roberto Carlos, o avião particular do cantor pousou no aeroporto Eurico Salles, na capital capixaba, por volta das 15h40. Em seguida, o Rei seguiu de carro para Cachoeiro, onde ficará hospedado na suíte master do Hotel San Carlo, na Avenida Beira-Rio, onde costuma ficar quando visita a cidade onde nasceu.
Ainda segundo a assessoria de imprensa, o cantor passará duas noites em Cachoeiro. Na quarta-feira (20) pela manhã ele retorna de carro para Vitória, onde pega o voo de volta. Em seguida, o Rei inicia uma turnê pela América do Sul.
Na sexta-feira (22), Roberto Carlos tem show programado em Buenos Aires, na Argentina. Dois dias depois, no mesmo país, ele se apresenta em Córdoba. Em seguida, o cantor faz mais dois shows na Colômbia e outros dois no Chile, antes de voltar para o Brasil.
Show em Cachoeiro
O show de Roberto Carlos nesta terça-feira está previsto para começar às 21 horas, mas os portões do Sumaré serão abertos a partir das 18 horas. Para garantir a segurança do público, serão deslocados 70 policiais e 35 guardas municipais e agentes de trânsito para atuarem na área externa do espetáculo.
Já as ruas no entorno do estádio serão fechadas às 16 horas. O acesso de veículos será proibido nas ruas: Estrela do Norte, Ana Machado e Coronel Guardia. A rua Sampaio Coco, na lateral do estádio, foi interditada para receber as carretas com o equipamento de som. De acordo com a organização do evento, a estrutura do show já está praticamente pronta, faltando apenas os últimos ajustes.


fonte: Cidade Verde Online - 16.04.2016
PRESTES A COMPLETAR 75 ANOS, CANTOR APARECE AINDA BEBÊ EM FOTO COMPARTILHADA NA WEB

Prestes a completar 75 anos, no dia 19 de abril, um cantor surpreendeu seus fãs na internet, na última sexta-feira (15), ao aparecer ainda bebê em uma foto compartilhada por sua equipe no Instagram.
Ainda não reconheceu? Trata-se do cantor Roberto Carlos. "4 dias para o aniversário do Roberto Carlos. Parabéns, Roberto", escreveram os representantes do artista.
"Nasceu para brilhar", elogiou uma internauta. "Amo! Lindo! Sou eternamente apaixonada", declarou outra. Uma terceira ainda contou sobre sua paixão pelo Rei: "O tempo passa depressa, parece que foi ontem que me apaixonei pelas suas canções, eu era crianca ainda e você um rapaz de olhos doces".


fonte: Extra Online - 16.04.2016
ROBERTO CARLOS GANHA HOMENAGEM DO EXTRA AO COMPLETAR 75 ANOS NA TERÇA-FEIRA
Roberto Carlos volta a Cachoeiro para show de aniversário

Há 75 anos, nascia em Cachoeiro do Itapemirim (ES), um menino que se transformaria no cantor mais famoso do Brasil. Roberto Carlos faz aniversário na próxima terça-feira e vai comemorar em sua cidade natal, em um show para mais de 10 mil pessoas. Aproveitando a data, o EXTRA também dá os parabéns ao cantor com um superpôster, que virá encartado no Jogo Extra.
Na publicação, o leitor verá que Roberto está com uma disposição de garotão. Ainda este ano, o Rei deve levar sua turnê para toda a América e Europa, tem o compromisso de lançar um CD de inéditas e ainda dá início à produção de sua esperada autobiografia.
— É um ano de muita movimentação para Roberto. O show em Cachoeiro é um momento especial para ele, que não para. Eu, que sempre o acompanho, fico impressionado com tamanha vitalidade — admira-se Dody Sirena, empresário que administra a carreira do cantor há 24 anos.
Dudu Braga, filho de Roberto Carlos, também se surpreende com a energia do pai. E acredita saber qual o combustível dele.
— Ele vive de um projeto atrás do outro. Nunca vai se aposentar. O paizão se recarrega com a vibração, a sintonia que tem com o público. Por isso, está sempre com aquela disposição nos shows — acredita Dudu.
A característica que mais chamou atenção de seu outro filho, Rafael Braga, reconhecido há 25 anos como herdeiro do Rei (fruto de uma relação com a ex-modelo Maria Lucila Torres), foi o humor.
— Meu pai é muito divertido, um excelente contador de histórias e de piadas. Às vezes, ela nem tem muita graça, mas conta de um jeito que você morre de rir. Ele me surpreende muito e é sempre para o bem — elogia.


fonte: Globo.com - 13.04.2016
CASA DE ROBERTO CARLOS É REFORMADA PARA RECEBER FÃS NO ES
Imóvel voltou a ser predominantemente azul, a cor original.
Ponto turístico mais visitado da cidade será reaberto nesta quinta-feira (14).

Ela já foi branca, rosa, mas atualmente, a casa onde Roberto Carlos viveu com sua família até os 13 anos, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, é predominantemente azul, cor original, segundo a prefeitura.
Recebendo os últimos retoques de uma reforma, o ponto turístico mais visitado da cidade será reaberto nesta quinta-feira (14) e deve atrair um grande número de fãs durante a passagem do cantor em sua terra natal, na próxima terça-feira (19).
Há 20 dias, o local recebe pintura nas paredes, troca de parte do forro e janelas, que estavam sendo consumidas por cupins. A grade superior do quintal, destruída durante um acidente, será novamente colocada.
A casa possui seis cômodos. Em cada espaço, é possível conhecer um pouco da vida do artista. Certidão de nascimento, fotos que contam histórias de sua infância ao início da adolescência, o transmissor da antiga Rádio Cachoeiro, discos e, ainda, o contrabaixo usado nas primeiras apresentações do artista na cidade.
Segundo a coordenadora do local, Albertina Elias de Moraes, 144 mil pessoas já passaram pelo ponto turístico em 15 anos. O administrador de Rio Novo do Sul, Allan L. Dirr, de 38 anos, esteve no imóvel pela primeira vez com a esposa, Aline Diirr, de 29 anos, que é cachoeirense e revisitou o imóvel após anos.
“Moro em Cachoeiro há 4 anos, mas nunca estive aqui. Quero voltar para conhecer o interior, já que hoje estava em reforma. Ouço Roberto desde a infância, pois meus pais o ouviam. Meu pai, inclusive, possui uma coletânea do artista. Roberto faz parte de nossa história”, comentou o administrador.
Visitação
Atualmente, cerca de 500 visitantes passam por mês no local, mas a expectativa da prefeitura é receber cerca de 200 visitantes no próximo dia 19, quando Roberto Carlos vai estar no município para o show especial em seu aniversário de 75 anos.
Em sua última passagem por Cachoeiro, em 2009, o Rei ficou alguns dias na cidade natal e visitou a casa onde passou a infância.


fonte: RC Oficial - 11.04.2016



fonte: O Tempo Online - 11.04.2016
FILHO DE ROBERTO CARLOS ASSUME CARGO NA GESTÃO FERNANDO HADDAD
Dudu Braga, filho do cantor da jovem guarda, será secretário-adjunto de Marianne Pinotti na Secretaria da Pessoa com Deficiência.
Filho do cantor Roberto Carlos, Roberto Carlos Segundo, conhecido como Dudu Braga, assumirá o cargo de secretário-adjunto de Marianne Pinotti na Secretaria da Pessoa com Deficiência do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT).
O convite foi formalizado no última sexta (8) e Dudu deve assumir o posto nos próximos dias. A ida do filho do cantor para o governo foi intermediada pelo secretário de Educação, Gabriel Chalita.
Publicitário de formação, Dudu nasceu com um glaucoma e perdeu a visão há 22 anos. Ele foi um dos fundadores da ONG Meninos do Morumbi.


fonte: Uol Online - 11.04.2016
VIVA EXIBE ESPECIAIS DE ROBERTO CARLOS DE 1990 A 1995; XUXA ESTÁ NA ESTREIA

Para celebrar os 75 anos de Roberto Carlos, o canal Viva exibe cinco especiais de fim de ano do Rei, que foram ao ar na Globo entre 1990 e 1995.
Nos programas, que serão exibidos aos sábados às 22 horas, o cantor divide o palco com vários artistas que fizeram sucesso nos anos 90, entre eles, Leandro e Leonardo, Sandy e Junior, Cássia Eller, Frejat, Fábio Jr, Daniela Mercury.
As parcerias com Erasmo Carlos e com Wanderléa também aparecerão nos especiais. Na estreia, o Viva exibe o especial Verde é Vida, que teve como tema a preservação do meio ambiente. Gravada no estádio do Maracanãzinho, Rio de Janeiro, a atração contou com números musicais emocionantes como o de Wanderléa com "Foi Assim". A convidada ainda formou um dueto com o Rei na canção "Ternura". Em seguida, José Augusto se apresentou com "Aguenta Coração", tema de abertura da novela "Barriga de Aluguel", exibida na época.
O cantor ainda recebeu Xuxa para encerrar o especial com "Noite Feliz". A loira também se apresentou ao lado das Paquitas com sucessos como "Lua de Cristal" e "Ilariê".
Na homenagem ao Rei, o Viva exibirá filmes estrelados por ele, recordando sua fase como ator. Com direção de Roberto Farias, a trilogia "Roberto Carlos a 300 Quilômetros por Hora" (dia 14), "Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-Rosa" (dia 21) e "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura" (dia 28) aborda temas como automóveis, uma das paixões de Roberto Carlos.


fonte: O Tempo Online - 07.04.2016
ROBERTO CARLOS É APONTADO COMO ACIONISTA DE EMPRESA EM PARAÍSO FISCAL
Músico brasileiro é apontado como acionista da empresa "Happy Song",
criada em março de 2011 no Panamá e ligada ao Rei só em 2015.

O nome do cantor Roberto Carlos aparece nos documentos da firma panamenha de advocacia Mossack Fonseca, responsável pela abertura de empresas em paraísos fiscais para clientes abastados.
No domingo (3), ela teve 11,5 milhões de registros vazados pela série de reportagens "Panama Papers".
A informação foi noticiada nessa terça-feira (6) pelo blog do jornalista Fernando Rodrigues no "UOL", que faz parte do "grupo Folha". O músico brasileiro é apontado como acionista da empresa "Happy Song", criada em março de 2011 no Panamá e ligada ao "rei" só em 2015.
A companhia surgiu com intermédio da consultoria uruguaia Baker Tilly e teve as ações originais emitidas sem o nome do dono nos documentos, endereçados apenas "ao portador". A empresa tem como diretores três parceiros profissionais de Roberto Carlos: Reynaldo Ramalho, José Carlos Romeu e Marco Antonio Castro de Moura Coelho.
Quando, em 2013, a legislação panamenha passou a proibir as ações sem registro do proprietário, títulos da Happy Song foram emitidos para a empresa Taunus Investment Group S.A.
Gerida pela Baker Tilly, a também uruguaia Taunus responde pelas ações ou pela diretoria de companhias em paraísos fiscais. Ela é acionista de outras 42 empresas criadas Mossack Fonseca em nome da offshore Hoslynd S.A, também ligada à Baker Tilly.
O envolvimento da Taunus com a Happy Song foi encerrado em abril de 2015, quando novos títulos foram emitidos em nome de Roberto Carlos. A atuação em offshores não é ilegal, desde que não utilizada para atividades como lavagem de dinheiro e sonegação de impostos.
Em resposta ao "UOL", a assessoria de Roberto Carlos informou que a empresa está declarada à Receita Federal e ao Banco Central.
"As participações em empresas são devidamente declaradas, bem como seus rendimentos tributáveis ou não, e que as remessas de recursos são detalhadas, conforme o trâmite legal aplicável, qual seja, quando ao exterior, por meio de instituição financeira legalmente autorizada a operar no mercado de câmbio, e no Brasil pelo Banco Central", afirmou Sylvia Silveira, executiva do Grupo Roberto Carlos.


fonte: Folha Nobre Online - 06.04.2016
CANTOR ROBERTO CARLOS ESTARIA ENVOLVIDO NO ESCÂNDALO DA PANAMA PAPERS

A lista de envolvidos no escândalo também envolve atletas e ex-atletas, dirigentes esportivos, celebridades e artistas do mundo todo.
Entre os novos nomes envolvidos no “Panama Papers”, está o cantor brasileiro Roberto Carlos – acionista da offshore Happy Song, criada em 2011 pela Mossack Fonseca.
Em sua defesa, a assessoria de Roberto Carlos afirmou que a Happy Song está declarada ao Banco Central e ao Ministério da Fazenda


fonte: Boa Informação Online - 05.04.2016
ROBERTO CARLOS LIGA PARA FAUSTO SILVA E PEDE PACIÊNCIA COM PAULA FERNANDES

Paula Fernandes cantou a música "Pássaro de Fogo"
Todos os diretores de programas da Globo se solidarizaram com Faustão depois que Paula Fernandes deu um show de antipatia e palavrão no palco.
Ela entrou para cantar e parou logo dizendo que o violão estava desafinado, soltando um palavrão e culpando o ar condicionado. Uma ignorância de uma mulher sem classe e arrogante e que só virou cantora depois que cantou com Roberto Carlos. Faustão está puto da vida e disse que no programa dela, ela não aparece mais.
Roberto Carlos teria ligado para Faustão dizendo para ele ter paciência, já Faustão respondeu que quem tinha que ter sabido criar a Paula era o Roberto que não soube. Xi!


fonte: Zero Hora Online - 03.04.2016
"ELE TEVE UM SIMPLES PRINCÍPIO DE ROUQUIDÃO", DIZ EMPRESÁRIO DE ROBERTO CARLOS
Cantor interrompeu três vezes show que fez sábado em Porto Alegre

As três interrupções que o cantor Roberto Carlos realizou no show que apresentou em Porto Alegre, na noite de sábado, foram minimizadas neste domingo por seu empresário, Dody Sirena. Segundo ele, Roberto saiu do palco como um ato de prevenção, já que estava começando a ficar rouco:
— Ele teve um simples princípio de rouquidão. Isso é supernormal, o show ocorreu normalmente. Pode ter sido até o ar-condicionado.
Segundo Dody, na primeira vez que saiu, Roberto havia solicitado um gargarejo com gengibre. Como a bebida não estava pronta, ele voltou ao palco. Após mais duas músicas, foi ao camarim para beber a solução preparada pela sua equipe. A atitude, conforme o empresário, foi tomada para que o cantor não corresse o risco de ficar sem voz enquanto se apresentava.
Após o show, Roberto atendeu aos fãs normalmente e cantou Parabéns a Vocêpara o seu segurança, que estava de aniversário:
— Ele até brincou com o assunto (rouquidão). Roberto cantou Parabéns e, às 2h, estava com a voz superboa.
A agenda do cantor não foi alterada. Nesta quarta-feira, ele tem show marcado em Teresina, no Piauí.


fonte: Zero Hora Online - 02.04.2016
ALEGANDO PERDA DE VOZ, ROBERTO CARLOS INTERROMPE SHOW EM PORTO ALEGRE
Cantor chegou a abandonar o palco por sete minutos

Após dois shows seguidos no Rio Grande do Sul, o cantor Roberto Carlos interrompeu por três vezes na noite deste sábado sua apresentação no auditório Araujo Vianna.
Na primeira meia hora de apresentação, após cantar Detalhes, ele pediu desculpas e disse que estava com problemas no microfone. Roberto saiu do palco e ficou fora por cerca de sete minutos. Nesse período, a orquestra que acompanha o músico tocou dois temas instrumentais.
Roberto retornou ao palco pra cantar Lady Laura. Mas, ao final da música, disse que não estava em condições de continuar em razão de sua rouquidão.
– Por alguma razão estou rouco. Não quero fazer um show sem a qualidade que estou acostumado. Vou dar um tempo e, se houver condições, eu volto. Se não, volto para me despedir de vocês – afirmou o cantor.
Após cerca de 10 minutos, período no qual o palco ficou escuro, iluminado apenas por pequenos spots que simulam estrelas, Roberto retornou e, forçando a voz, cantou Nossa Senhora. O esforço do cantor fez com que ele fosse muito ovacionado, e o público o aplaudiu de pé.
Segundo a produção do show, a apresentação foi interrompida para que a equalização do som fosse ajustada.


fonte: G1 Rio Grande do Sul Online - 02.04.2016
ROBERTO CARLOS ALEGA PROBLEMAS E FAZ TRÊS PAUSAS EM SHOW EM PORTO ALEGRE
Na primeira pausa, Rei disse que microfone apresentou algum defeito.
Depois, avisou que estava perdendo a voz; na terceira vez, seguiu no palco.



O segundo show de Roberto Carlos em Porto Alegre, na noite deste sábado (2) - se apresentou na capital gaúcha na noite de quinta-feira (31) -, teve três pausas, no Araújo Vianna. A primeira interrupção foi na primeira metade do espetáculo, quando o Rei alegou que o microfone estava com algum problema. Ele voltou, mas saiu do palco mais duas vezes, então avisando que estava perdendo a voz.
O G1 conversou com pessoas que estavam no show, elas passaram os mesmos relatos. Nas vezes em que Roberto Carlos deixou o palco, a banda seguiu tocando. Ele se ausentou por alguns minutos nas três vezes.
Na terceira vez que retornou, seguiu cantando, com esforço, segundo o público. "Ele chegou a dizer que não queria fazer um espetáculo de baixo nível, que, se fosse assim, pediria desculpas e se despediria", relatou o morador de Marau, no interior do Rio Grande do Sul, Lencaster Foresti, por telefone.
Mas o Rei continuou. "O público aplaudiu de pé, foi essa a reação quando ele voltou na terceira vez. Todo mundo sentiu o clima, ele estava com alguma dificuldade, alguma coisa aconteceu",
analisou. Nas redes sociais, diversos comentários sobre as interrupções foram postadas. "Pela 2ª vez, Roberto Carlos interrompe show em POA. "Fiquei rouco". Ou não", dizia uma das mensagens publicadas. "Roberto Carlos parou de cantar pela segunda vez , interrompeu o show, não esta se sentindo bem...", dizia outro post.
O show, que começou por volta das 21h30, se encerrou às 23h20, com "Esse Cara Sou Eu."
A produtora do show, DC Set, afirma que Roberto Carlos não teve problemas de saúde, que foi necessário o "ajuste na equalização do som" e, por isso, o Rei deixou o palco por três vezes nesta noite.
Roberto Carlos se apresentou em Porto Alegre na quinta-feira (31), em um show que transcorreu sem problemas. Na sexta (1), o espetáculo foi em Novo Hamburgo, cidade próxima da capital gaúcha.


fonte: G1 Rio Grande do Sul Online - 01.04.2016
ROBERTO CARLOS EMBALA CORAÇÕES E EMOÇÕES EM SHOW EM PORTO ALEGRE
Apresentação aconteceu no Auditório Araújo Viana, na capital gaúcha.
Até as escadas viraram pista de dança para os maiores sucessos.


O cantor Roberto Carlos se apresentou mais uma vez em Porto Alegre na noite de quinta-feira (31), embalando corações e arrancando suspiros de seus admiradores ao passear por seus maiores sucessos no Auditório Araújo Vianna.
“Ele fala com o coração, é uma poesia, a música dele é sempre uma poesia, a gente se emociona, é sempre muito bom”, comemorava bibliotecária Silvane Ruas Manhago.
“É viver momentos de emoção, que não tem palavra para descrever. A gente sai daqui com a alma lavada, são muitas emoções”, dizia a aposentada Ela da Silva Schmitt, parafraseando um dos sucessos do cantor, que é considerado por alguns como o rei.
O clima de emoção não era despertado apenas no coração das mulheres. Casais também reviviam alegrias ao som de músicas que marcaram suas vidas. Era o caso dos advogados Aires Apolinário e Guiomar Anselmo, que se emocionaram. “Dezesseis anos de casados e bem casados. Felizes”, dizia ele.
Embalados pelos sucessos, os fãs dançaram nas escadas do auditório Araújo Vianna. No final da apresentação, que durou cerca de duas horas, os fãs puderam chegar mais perto e entregaram lembranças em troca de rosas e beijos do rei.
“Estou muito emocionada. Aos 61 anos, nunca tinha visto um show do Roberto Carlos. Hoje, eu estou vendo e ainda ganhei uma rosa da mão dele”, comemorou a professora Solange Viana.
Mas a emoção e romantismo continuam, uma vez que o rei se apresenta mais uma vez no sábado (2), novamente no Araújo Vianna.


fonte: Pure People Online - 17.03.2016
WESLEY SAFADÃO COBRA ATÉ R$ 800 MIL POR SHOW E SÓ PERDE PARA ROBERTO CARLOS
O rei pede aproximadamente R$ 1 milhão por apresentação
Na contramão de outros cantores que estão reduzindo seus cachês, Wesley Safadão segue em um ótimo momento profissional. O cantor tem cobrado até R$ 800 mil por show, de acordo com a coluna "Terraço Paulistano", da revista "Veja São Paulo". Assim, o artista fica atrás apenas de Roberto Carlos.
O rei, que balbuciou em dueto com Ludmilla no seu especial de final de ano, pede cerca de R$ 1 milhão para subir no palco. No início deste ano, Wesley faturou essa cifra em uma única noite ao se apresentar na Feira de São Cristóvão (Rio de Janeiro). Intérprete de hits como "Aquele 1%", o cantor comemora ainda a virada profissional que deu em termos de São Paulo. Desde 2015, quando iniciou a carreira-solo, o cantor fez menos de 10 shows na capital paulista. O cenário agora é diferente para as apresentações agendadas para os dias 27 e 28 de abril na casa de espetáculos Villa Country.
"Iniciamos a venda dos ingressos no começo de março e, em poucas semanas, uma das datas já estava esgotada, algo raro de acontecer tão rápido", disse Marco Tobal Júnior, um dos sócios do local, para a revista. Em alta, Wesley pode assinar contrato com a TV Globo. O cantor está no alvo da emissora carioca tanto para ser jurado da próxima temporada do "The Voice Brasil como para ser um dos participantes da nova edição do "Dança dos Famosos".


fonte: Uol Esporte Online - 17.03.2016
ROBERTO CARLOS DEFINE DATA DE "PROJETO EMOÇÕES" 2017
- Roberto Carlos já decidiu onde passará o verão de 2017.
De acordo com a assessoria de imprensa do cantor, o Projeto Emoções Praia do Forte, em Salvador, acontecerá entre os dias 15 a 19 de fevereiro no luxuoso complexo Ibero Star Resorts.
“Pela primeira vez teremos o projeto Emoções no Brasil, em terra firme, mantendo o mesmo conceito do navio. Será que nem aconteceu em Jerusalém. Continuaremos pensando no projeto em alto mar, mas em 2017 será em terra firme”, antecipou Roberto Carlos na coletiva de imprensa em seu cruzeiro de 2016.
Ainda segundo a assessoria, o lugar foi escolhido por estar de frente para o mar, conforme desejou o cantor.


fonte: Rondônia Dinâmica Online - 16.03.2016
ROBERTO CARLOS ESCOLHE RESORT NA BAHIA PARA PROJETO 'EMOÇÕES 2017'
O cantor não fará seu tradicional cruzeiro por conta da alta do dólar.
O 'Emoções Praia do Forte' será realizado em fevereiro no Ibero Star Resorts.

Roberto Carlos já está pensando em seu tradicional projeto "Emoções" para 2017. Conforme ele já havia anunciado durante coletiva de imprensa no cruzeiro de 2016, por conta da alta do dólar, ele não realizará o cruzeiro no próximo ano e passará os dias com suas fãs em um resort. O novo local escolhido é o Ibero Star Resorts, na Praia do Forte, na Bahia. A estadia com o artista, que se mantém bastante luxuosa, será de 15 a 19 de fevereiro.
"Pela primeira vez teremos o projeto Emoções no Brasil, em terra firme, mantendo o mesmo conceito do navio. Será que nem aconteceu em Jerusalém. Continuaremos pensando no projeto em alto mar, mas em 2017 será em terra firme", antecipou Roberto Carlos na coletiva de imprensa em seu cruzeiro de 2016.


fonte: Extra Online - 03.03.2016
CONVITE A ROBERTO CARLOS É PARA CANTAR NO FIM DA CERIMÔNIA DE ABERTURA DOS JOGOS PARALÍMPICOS;
ATLETAS APOIAM PARTICIPAÇÃO
Roberto Carlos negocia participação na abertura da Paralimpíada

A equipe responsável pelas cerimônias olímpicas no Rio correm contra o tempo. Mas todo o roteiro da abertura dos Jogos Paralímpicos já está escrito e na fase de produção. O convite feito a Roberto Carlos, que negocia sua participação, é para que ele encerre a cerimônia, cantando. A ideia é deixar o Rei à vontade para se pronunciar sobre a questão da superação e da própria deficiência física. Sua presença no palco já valeria mais que do mil palavras, acredita a organização do evento.
O nome de Roberto foi o primeiro a ser pensado e exatamente para o encerramento da abertura — Herbert Vianna participou do encerramento da última Paralimpíadas em Londres, em 2012. Se nas Olimpíadas a cerimônia tem que seguir um protocolo, apresentando a cultura do país sede, nas Paralimpíadas o roteiro é mais livre. Antes de o Rei pisar no palco, serão mostrados outros casos de superação, mas ele deverá ser o único artista brasileiro a se apresentar
Atletas apoiam presença do Rei
A presença de Roberto Carlos no evento ganhou apoio de atletas paralímpicos, como do nadador Clodoaldo Silva: “A participação do Roberto vai agregar um valor ainda mais especial. Além da sua história de superação, o Roberto também tem um filho com deficiência visual”. Daniel Dias, outro nadador paralímpico, faz coro: “É um excelente cantor, muito conhecido no Brasil todo. Meu pai é fã dele. Será um momento muito importante para todos nós”.


fonte: Extra Online - 26.02.2016
ROBERTO CARLOS PERDE PELA SEGUNDA VEZ BATALHA JUDICIAL
CONTRA DONO DE IMOBILIÁRIA NA PARAÍBA
Derrotado no final de 2015, Roberto Carlos sofreu mais um revés
em ação movida contra empresário paraibano.

Após ser derrotado no final de 2015 em uma ação judicial movida contra um empresário homônimo da Paraíba, o cantor Roberto Carlos perdeu mais uma batalha desta guerra. No processo, o rei pedia o embargo de funcionamento da imobiliária de seu xará, localizada na cidade de Conde, litoral sul paraibano. O cantor argumentava que o empresário estaria ludibriando a população local ao utilizar seu nome na fachada do empreendimento. Ainda pedia multa diária de R$ 500, caso o RC da Paraíba insistisse em manter o negócio de pé. Na última quarta-feira, foi emitida nova decisão da Justiça dando ganho de causa ao menos famoso dos Robertos.

Roberto Carlos, o empresário paraibano, em frente ao seu negócio: mais uma vitória sobre o Rei.
Confira um trecho da decisão assinada pelo relator Fortes Barbosa, no processo que corre no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP): “O uso da expressão “Roberto Carlos” não implica numa confusão necessária entre a marca da autora e o nome da ré, não havendo comprovação de que esta última tenha se utilizado, indevidamente, dos sinais gráficos da autora, não persistindo semelhança visual, o que induz a ausência de ato ilícito. A originalidade, como característica básica de uma marca, não está limitada a um vocábulo, mas abrange todo um conjunto gráfico”.

Fachada da imobliária na cidade de Conde (PB): o cantor ainda pode apelar a instâncias superiores.
O rei, que adentrou o ramo imobiliário em 2011, com o surgimento da incorporadora Emoções, ainda pode apelar ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e, em última instância, ao Supremo Tribunal Federal (STF).


fonte: O Globo (Coluna Gente Boa) - 26.02.2016
BICHO, NÃO VAI DAR TEMPO
A autobiografia de Roberto Carlos, que faria parte do pacote de shows e lançamentos em comemoração aos seus 75 anos, em abril, não vai ficar pronta a tempo. O desafio agora é conseguir terminá-la ainda este anoa. Roberto grava suas memórias antes de transcrevê-las e, mesmo com suas pessoas ajudando nessa tarefa, ainda falta muito para acabar.


fonte: G1 Ceará Online - 23.02.2016
ROBERTO CARLOS FAZ SHOWS EM FORTALEZA E SOBRAL EM ABRIL
Apresentações foram confirmadas pela Arte Produções.
Vendas começam a partir desta quarta-feira (24).

O cantor Roberto Carlos faz shows em Fortaleza e Sobral no mês de abril. As apresentações foram confirmadas nesta terça-feira (23) pela produtora Arte Produções. Na capital cearense, o show será no sábado, 9 de abril, no Centro de Eventos do Ceará. Em Sobral, na região Norte do Ceará, Roberto Carlos se apresenta na sexta-feira, 8 de abril, no Estádio do Junco.
Segundo a Arte Produções, nas duas cidades haverá pré-venda para clientes "Credicard Emoções" exclusivamente pela site bilheteria virtual a partir de 00h01 desta quarta-feira (24) até dia 28 de fevereiro. As vendas para o público em geral acontecem a partir do dia 29 de fevereiro em locais que ainda devem ser divulgados pela produtora.
SERVIÇOS:

Roberto Carlos em Sobral
Data: 8 de abril
Local: Estádio do Junco
Abertura dos portões: 18h
Horário do show: 21h
Pré-venda Credicard Emoções: 24 a 28 de fevereiro
Ingressos:
Cadeira Azul: R$ 380 (inteira) e R$ 190 (meia)
Cadeira Amarela: R$ 280 (inteira) e R$ 140 (meia)
Cadeira Branca: R$ 180 (inteira) e R$ 90 (meia)
*As cadeiras são numeradas.
Plateia Lateral: R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia)
Plateia: R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia)
*Setores Cadeira Amarela, Plateia Lateral e Plateia terão acessibilidade.
Ponto de venda:
- Site Bilheteria Virtual
Parcelamento: 2 vezes sem juros por tempo limitado.
Informações: ?88. 99402.7633
Classificação: 16 anos
Apoio: Prefeitura de Sobral e North Shopping Sobral
Realização: Arte Produções e DCSET

Roberto Carlos em Fortaleza
Data: 9 de abril
Local: Centro de Eventos do Ceará
Abertura dos portões: 20h
Horário do show: 22h
Pré-venda Credicard Emoções: 24 a 28 de fevereiro
Ingressos:
Cadeira Azul: R$ 420 (valor único)
Cadeira Amarela: R$ 340 (valor único)
Cadeira Branca: R$ 180 (inteira) e R$ 90 (meia)
*Cadeiras numeradas. Os setores Cadeira Azul e Cadeira Amarela possuem serviço de buffet incluso.
Ponto de venda:
- Site Bilheteria Virtual
Parcelamento: 2 vezes sem juros por tempo limitado.
Informações: 85. 3033.1010
Classificação: 16 anos
Realização: Arte Produções e DCSET


fonte: Fama ao Minuto Online - 15.02.2016
SAIBA O QUE ROBERTO CARLOS PENSA SOBRE VENDER O PRÓPRIO ESPERMA
"Dependendo de quem fosse, daria de graça", brincou o cantor

Durante uma descontraída entrevista coletiva concedida ao longo da semana, o rei Roberto Carlos foi perguntado sobre uma série de aspectos relacionados a sua vida pessoal. Primeiro, ele negou que estivesse tendo um caso com uma vizinha da Urca, bairro onde mora no Rio de Janeiro - fofocas davam conta que a mulher estaria grávida de gêmeos e o pai poderia ser o cantor.
"Não existe nenhuma condição. Não sei porque aconteceu essa história. Não tem fundamento nenhum. É uma história absurda. E nem teria jeito porque eu fiz vasectomia há muito tempo", revelou.
Em seguida, Roberto Carlos foi perguntado sobre se venderia o próprio sêmen. "Dependendo de quem fosse, eu daria de graça", brincou, para depois falar sério: "Não venderia isso, não".


fonte: Latin Pop Online - 05.02.2016
ROBERTO CARLOS LANÇA NOVO SINGLE EM ESPANHOL

A versão de Roberto Carlos do projeto Primera Fila é sucesso absoluto. Disco de ouro no México, o disco ainda recebeu disco de platina no Brasil depois de passar nove semanas como o mais vendido do país. O sucesso é tanto que vem aí uma nova música de trabalho tirada do álbum em espanhol.
O single da vez é Tu Regreso, a versão hispânica do sucesso de 2005 A Volta, que por sua vez é um cover do tema de 1966 da dupla Os Vips. Lançado para comemorar seus 50 anos de carreira em espanhol, o disco foi produzido por Afo Verde e as canções ganharam novos arranjos pelas mãos de Tim Mitchell, que já trabalhou com nomes como Shakira e Ricky Martin.
Antes de Tu Regresso, o brasileiro teve como música de trabalho para o mercado latino a nova versão de Eu Te Amo, Te Amo, Te Amo, revisitado em ritmo de reggae. Vale lembrar a versão brasileira de Primera Fila não tem a canção em espanhol, apenas em português.
Roberto Carlos foi homenageado no Grammy Latino
Roberto Carlos foi a grande estrela da edição de 2015 do Grammy Latino. Ele recebeu o prêmio especial da Academia de Gravação, o “Personalidad del Año”, que em anos anteriores já havia sido entregue a nomes como Julio Iglesias, Emilio Estefan, Ricky Martin, Shakira, Miguel Bosé e Joan Manuel Serrat, além de Gilberto Gil e Caetano Veloso.
Alguns dos nomes mais importantes do mundo latino participaram das homenagens ao Brasileiro, que aconteceram tanto em uma festa prévia quanto na cerimônia ao vivo. Dentre os personagens que reinterpretaram as canções de Roberto Carlos estavam Romeo Santos, Carlos Vives, Dionne Warwick, Camila, Jesse & Joy, Alejandro Sanz, Victor Manuelle e Paula Fernandes.


fonte: R7 Online - 31.01.2016
ROBERTO CARLOS VAI A ENTERRO DE SOBRINHA DE 32 ANOS
Ana Luiza Braga morreu na noite de sexta-feira, 29 de janeiro











fonte: Diário de Pernambuco Online - 30.01.2016
MORRE SOBRINHA DE ROBERTO CARLOS AOS 32 ANOS
O enterro foi neste sábado, um dia após a morte, no Rio de Janeiro

O cantor e compositor Roberto Carlos participou do enterro da sobrinha Ana Luiza Braga, conhecida como Aninha Braga, na tarde deste sábado. Ela tinha 32 anos e faleceu na noite desta sexta-feira, de acordo com a assessoria de imprensa do artista. A causa da morte não foi divulgada.
Aninha foi sepultada em cerimônia fechada para a família e amigos, no cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, no Rio de Janeiro. Ela era a filha mais nova de Norma Braga, irmã de Roberto Carlos.
O artista não comentou a morte com jornalistas. Ele também não enviou nenhum recado aos fãs nas redes sociais. No Facebook, Roberto Carlos tem mais de 5 milhões de seguidores.


fonte: Ego Online - 30.01.2016
ROBERTO CARLOS VAI A ENTERRO DE SOBRINHA NO RIO
De acordo com assessoria de imprensa do cantor, Ana Luiza Braga, de 32 anos, morreu na noite de sexta-feira, 29.
Este sábado, 30, foi de luto para Roberto Carlos . No início da tarde, o cantor esteve no enterro da sobrinha, Ana Luiza Braga, de apenas 32 anos, no cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, no Rio de Janeiro.
O cantor acompanhou a irmã, Norma Braga, durante o sepultamento. Procurada pelo EGO, a assessoria de imprensa do cantor informou que Ana Luiza morreu na noite da sexta-feira, 29, mas não soube dizer a causa da morte.







fonte: Folha de Vitória Online - 28.01.2016
EM CACHOEIRO, A CASA DE CULTURA ROBERTO CARLOS PASSA A FUNCIONAR DURANTE TODO O DIA
Próximo ao aniversário do artista o movimento de visitantes à casa cresce muito.
Com o show, a procura está maior. O horário ampliado facilita o acesso ao patrimônio, e será mantido

Patrimônio cultural do Estado desde 2009, a casa foi moradia da família de Roberto Carlos.
A Casa de Cultura Roberto Carlos, em Cachoeiro de Itapemirim, volta a funcionar das 8h às 17h entre terça e sexta-feira. O horário vai ser ampliado para atender ao movimento crescente de visitantes que procuram a casa onde o cantor Roberto Carlos morava, devido à proximidade do aniversário e do show do ‘Rei’ na cidade, em 19 de abril.
Assim como a maioria das repartições da Prefeitura, nos últimos meses o imóvel ficava aberto das 7h às 13h, em função das medidas de contenção de despesas adotadas pelo município.
“Nesse período do ano, próximo ao aniversário do artista, o movimento de visitantes sempre cresce muito na casa. Como este ano teremos o show, a procura será ainda maior, por conta da vinda de muitos turistas para a cidade. O horário ampliado facilita o acesso a esse importante patrimônio, e vamos mantê-lo por tempo indeterminado”, explica o secretário municipal de Cultura em exercício, Villinevy Koppe.
Aos sábados, o centro cultural continuará funcionando das 9h às 13h. Para visitas aos domingos, segundas e feriados, é necessário fazer agendamento, com pelo menos um dia de antecedência, pelo telefone (28) 3155-5221.
A Casa do Rei
Patrimônio cultural do Estado desde 2009, a casa foi moradia da família de Roberto Carlos durante a infância e parte da adolescência do astro. O imóvel abriga acervo com objetos, fotos e documentos relacionados à vida e à carreira do cantor.
A localização da Casa de Cultura Roberto Carlos é à Rua João de Deus Madureira, nº. 13, no bairro Recanto. A entrada é franca.


fonte: Folha de Vitória Online - 27.01.2016
CARRO DESGOVERNADO QUASE DESTROI CASA DE ROBERTO CARLOS EM CACHOEIRO
Um veículo desceu a ladeira descontrolado e acabou atingindo um poste,
indo parar na grade que cerca a casa onde nasceu o cantor Roberto Carlos

O veículo bateu na grade que faz a contenção do terreno da Casa de Cultura Roberto Carlos.
Um acidente assustou moradores de Cachoeiro de Itapemirim na noite de desta-feira. Um carro desgovernado desceu uma ladeira e atingiu a grade de proteção da Casa de Cultura Roberto Carlos. O acidente foi por volta das 22 horas e por pouco não atinge o imóvel.
Testemunhas contam que o veículo desceu uma ladeira descontrolado e acabou atingindo um poste, indo parar na grade que cerca a casa onde nasceu o cantor Roberto Carlos.
Moradores da rua acionaram a Polícia Militar que socorreu o motorista e agilizou a retirada do veículo. O motorista não sofreu ferimentos e saiu do local em um táxi.
A Prefeitura informa que registrou a ocorrência da Delegacia Civil e que cobrará do motorista o reparo da grade com a maior brevidade possível, pois a casa é aberta a visitação diariamente e a grade atende, ainda, os moradores da rua acima que a utilizam como guarda-corpo.


fonte: Folha de Vitória Online - 27.01.2016
EM CACHOEIRO, VAGAS DE HOTEL ONDE ROBERTO CARLOS SE HOSPEDARÁ JÁ ESTÃO ESGOTADAS
O 8º andar do San Karlo Hotel já foi reservado há cerca de um mês pela assessoria do cantor.
É onde fica a suíte máster, que oferece uma vista privilegiada de todo o centro da cidade

Varanda da suíte máster, que oferece uma vista privilegiada do pico do Itabira.
O hotel San Karlo, onde tradicionalmente o cantor Roberto Carlos se hospeda quando realiza shows em Cachoeiro de Itapemirim, anunciou na manhã desta terça-feira (26) que não possui mais vagas de hospedagem para o dia do show de aniversário do cantor na cidade.
Adenilto Andrade, gerente do San Karlo, afirma que o oitavo andar do hotel já foi reservado há cerca de um mês pela assessoria do cantor. É onde fica localizada a suíte máster, que oferece uma vista privilegiada de todo o centro da cidade e dos picos do Itabira e Frade e a Freira.
“É uma tradição que se repete toda vez que o artista visita Cachoeiro. Esta suíte já é conhecida como a suíte do Rei”, relata o gerente.
Já a equipe do cantor, ocupará outros 60 apartamentos do hotel. As demais vagas, foram rapidamente preenchidas por clientes habituais do hotel. O show de aniversário do ‘Rei” Roberto Carlos acontece no dia 19 de abril, às 21h, no estádio do Sumaré, em Cachoeiro de Itapemirim.


fonte: G1 Espírito Santo Online - 26.01.2016
FAS DE ROBERTO CARLOS FAZEM FILA PARA COMPRAR INGRESSOS PARA SHOW NO ES
Venda dos ingressos começou nesta terça-feira (26).
Evento foi ideia do próprio Roberto, que comemorará seu 75º aniversário.

Fãs do cantor Roberto Carlos formaram uma longa fila para comprar os primeiros ingressos para o show do Rei em Cachoeiro de Itapemirim, Sul do Espírito Santo, marcado para 19 de abril. A venda de entradas começou nesta terça-feira (26), e um dos pontos é o Shopping Sul.
O cantor vai comemorar o aniversário de 75 anos durante o evento. Desde 2009 ele não se apresentava na cidade natal, e esse novo encontro marcado com os capixabas fez com que uma multidão de fãs se aglomerasse nos pontos de venda para garantir a presença no show.
A aposentada Silvia Arão não perdeu tempo para garantir seus bilhetes. "Temos que prestigiar, a gente não prestigia os cantores de fora? Vamos prestigiar o da terra também", comentou.
Havia tanta gente esperando para comprar as entradas que o shopping abriu 20 minutos antes do horário normal. A professora Regina Dias chegou de madrugada, às 4h. "A primeira emoção do show do Roberto Carlos é aqui, comprando os ingressos e com medo de ficar sem. Dei sorte, comprei na ala azul e estou feliz da vida por isso", contou.
O aposentado Márcio Madureira contou que o telefone dele não parava de tocar enquanto ele estava na fila. Eram os amigos pedindo que ele comprasse mais ingressos.
"Vale a pena, o Roberto Carlos é o melhor show que existe hoje no Brasil e o mais bem montado. É um show fora de série", defendeu o aposentado, que saiu de Vitória para não correr o risco de ficar sem as entradas.
O último show do Rei na cidade aconteceu há 7 anos, também no dia 19 de abril, no aniversário de 68 anos de Roberto. O espetáculo deu início à turnê de 50 anos de carreira do cantor e reuniu 12 mil pessoas no Estádio Mário Monteiro, no bairro Sumaré, em 2009. A apresentação deste ano será no Estádio do Sumaré.
Durante a entrevista coletiva que realizou no Rio de Janeiro, no dia 21 deste mês, o cantor disse que será uma grande emoção comemorar seu aniversário novamente em sua terra natal. “É uma emoção muito grande voltar para casa e festejar em forma o aniversário”, garantiu Roberto.
Ingressos
A venda geral dos bilhetes acontece pela internet (www.ingresso.com), no Estádio Mario Monteiro, e no ponto de venda do Shopping Sul, em Cachoeiro de Itapemirim, de segunda à sábado, das 10h às 22h, e domingos, das 14 às 20h.
Os preços dos ingressos variam de setor, entre 100 e 4000 reais. O setor azul, mais próximo ao palco, custa R$ 400 (inteira) e R$ 200 (meia). Logo atrás, vem o setor amarelo, com ingressos a R$ 300 (inteira) e R$ 150 (meia). A terceira parte do campo, segue com o setor branco com ingressos que custam R$ 150 (inteira) e R$ 75 (meia). A plateia lateral custa R$100 (inteira) e R$ 50 (meia). A classificação do show é 16 anos.


fonte: Gente & Mercado Online - 25.01.2016
REI DESISTE DE CRUZEIRO E DEVE OPTAR POR RESORT NA BAHIA
O projeto Emoções em Alto Mar, série de shows em cruzeiros que o rei Roberto Carlos faz entre fevereiro e abril deve ser cancelada, segundo o jornal Estado de S. Paulo e o site Panrotas. A mudança se deveu ao dólar.
Neste ano, as apresentações de Roberto Carlos acontecem no Costa Pacífica, com mais de três mil fãs a bordo, até domingo (24). Os shows nos próximos meses ainda não tiveram o local confirmado, mas a tendência é que aconteçam em um resort na Praia do Forte.
Segundo o empresário Dody Sirena, o projeto começou quando o câmbio estava em R$ 1. “Hoje está R$ 4 e com previsões de aumentar. Do ano passado para cá, a tarifa quase dobrou, porque 70% das nossas operações são em dólar”.


fonte: Quem Online - 24.01.2016
ROBERTO CARLOS REÚNE AMIGOS PARA NOITE DE DIVERSÃO EM CASSINO

Tiago Abravanel, Roberto Carlos e Tom Cavalcante
Cantor fez uma rara aparição no cassino do navio Costa Pacífica, do projeto Emoções em Alto-Mar, e curtiu a madrugada com Tiago Abravanel e Tom Cavalcante.
Roberto Carlos deu uma esticadinha após se apresentar no último show desta edição do cruzeiro Emoções em Alto-Mar e foi ao cassino se divertir com amigos na madrugada de domingo (24).
Um grupo de cerca de 20 fãs mais dedicadas aguentou até as 4h45 para ver seu ídolo. O Rei chegou por uma porta lateral e se juntou a Tom Cavalcante, que há horas já se divertia na mesa de roleta cubana com a mulher, Patrícia. Não demorou para Tiago Abravanel se juntar ao grupo: "Não sei jogar nada", brincou bem humorado logo na chegada.
Com uma taça de champanhe na mão, Roberto se divertiu apostando enquanto o navio fazia em alto-mar o trajeto Ilhabela-Santos, e bateu um papo animado com os famosos e seu empresário, Dodi Sirena. Ele só parou para posar para fotos com as fãs, de quem ganhou os últimos mimos.
Durante a coletiva de imprensa realizado pelo cantor no navio, Dodi anunciou que esta é, ao menos por enquanto, a última versão do projeto emoções feito em um navio. Em 2017 a previsão é que o encontro do rei com o público aconteça em um resort do Nordeste.


fonte: O Fuxico - 24.01.2016
NOITE DE APOSTA!: ROBERTO CARLOS ARRISCA A SORTE NO CASSINO
Já passava das 5 da manhã quando o cassino do navio Costa Pacífica recebeu o Rei Roberto Carlos para algumas rodadas de apostas na mesa da roleta.
O lugar estava lotado de fãs, que esperavam pela última oportunidade ficar pertinho do cantor.
Acompanhado por seu empresário Dody Sirena, o humorist aTom Cavalcante e o cantor Tiago Abravanel, Roberto se divertiu e não parecia estar com sono. Quando deixou o lugar, já passava das 6 da manhã.
O cruzeiro Emoções em Alto Mar deixou o porto de Santos, litoral sul de São Paulo na tarde de quarta-feira (20). Passou por Ilhabela, Búzios, Rio de Janeiro e retornou à Santos neste domingo (24).
Os passageiros puderam assitir shows de Roberto, missa do padre Antonio Maria, além de apresentações de Tom Cavalcante e de Tiago Abravanel.


fonte: Ego Online - 24.01.2016
TOM CAVALCANTE FAZ SHOW EM NAVIO COM ROBERTO CARLOS NA PLATEIA
Em uma troca de papéis, nesta sexta-feira, 22, foi a vez do Rei receber rosas do humorista,
que o imitou no palco.

Roberto Carlos e Tom Cavalcante no navio Costa Pacífica
No terceiro dia do cruzeiro "Emoções em alto mar", Roberto Carlos teve seu primeiro dia de folga a bordo do navio Costa Pacífica. Aproveitando o dia sem show, o Rei abriu seu palco para que o humorista Tom Cavalcante apresentasse seu espetáculo "Show do Tom". O cantor prestigiou o amigo na plateia e se tornou uma atração à parte no teatro.
Tom Cavalcante apresentou seus clássicos personagens, como o bêbado João Canabrava, e imitou grandes ídolos da música, como o cantor Caetano Veloso, Cauby Peixoto, Fábio Jr., Maria Bethânia, e até o próprio Roberto Carlos - momento de destaque no show.
A plateia - que também contou com Eri Johnsone sua noiva, Alice Souto, e o ator Tiago Abravanel - aplaudiu de pé as piadas do artista, que usou a oportunidade para dar algumas alfinetadas no atual momento político do Brasil, imitando a presidente Dilma e os ex-presidentes Fernando Henrique e Lula.
Até a cantora Ivete Sangalo, com a frase do momento "Quem é essa ai, papai?" virou piada no espetáculo. Quem também não saiu ilesa foi Ana Maria Braga, que no show de Tom Cavalcante ganhou sua homenagem chamada "Ana Maria Bela".

Roberto Carlos e Tom Cavalcante no navio Costa Pacífica

Roberto Carlos e Tom Cavalcante no navio Costa Pacífica

Roberto Carlos e Tom Cavalcante no navio Costa Pacífica

Tom Cavalcante como Roberto Carlos em show no navio Costa Pacífica

Tom Cavalcante como Roberto Carlos em show no navio Costa Pacífica

Tom Cavalcante como Maria Bethânia em show no navio Costa Pacífica

Tom Cavalcante em show no navio Costa Pacífica

Tiago Abravanel e Roberto Carlos no navio Costa Pacífica

Eri Johnson e a noiva, Alice, no navio Costa Pacífica

Tiago Abravanel, Tom Cavalcante e Eri Johnson no navio Costa Pacífica


fonte: Ego Online - 24.01.2016
ROBERTO CARLOS ENTRAGA CARRO ZERO PARA A VENCEDORA DE KARAOKÊ
Dominique Poliana, do Rio, cantou o hit 'Cama e Mesa' e conquistou o público do cruzeiro do 'Rei'.

Roberto Carlos dança com a vencedora do karaokê
O cruzeiro "Emoções 2016", de Roberto Carlos, está chegando ao fim. Em sua última parada, em Ilhabela, litoral de São Paulo, o navio Costa Pacífica promoveu um Karaokê entre seus hóspedes. Novos cantores se arriscaram acompanhados da banda do 'Rei', em músicas que ficaram eternizadas na voz do cantor. O vencedor faturou um carro zero km, prêmio entregue pelas mãos de Roberto Carlos.

Dominique Poliana, a grande vencedora do karaokê
Disputando com outros 33 concorrentes, Dominique Poliana, de 30 anos, moradora do Rio de Janeiro, foi a grande campeã. E, emocionada, falou ao EGO sobre a conquista: "Eu cantei no palco do Roberto Carlos, com os músicos dele me acompanhando. Isso para quem é fã, como eu sou, é uma loucura", disse ela, que revelou estar tentando a carreira artística. "Eu sou cantora de barzinho, faço algumas apresentações na noite. A pouco tempo cheguei da China, fiquei dois anos cantando música brasileira lá. E o Roberto está no meu repertório. Eu ensaiei para vir aqui e cantar para ele", disse.
Dominique já havia tentado participar do Karaokê do navio em 2008, quando fez sua estreia no passeio promovido pelo 'Rei'. "Eu queria muito ter cantado, mas as inscrições já haviam sido encerradas", revelou. Desta vez, convidada pelo amigo, o mestre de bateria da Viradouro, Paulinho Botelho, ela não perdeu o prazo e soltou a voz interpretando a música "Cama e Mesa", conquistando plateia e jurados.
Erro da banda do 'Rei' não prejudicou vencedora:
A participação de Dominique foi um tanto polêmica. Durante sua apresentação, a banda de Roberto Carlos, RC 9, errou, algo praticamente inédito entre os famosos músicos. "Antes de começar a música eu conversei com o maestro e perguntei a ele se iríamos seguir a canção ou voltar no refrão e ele me disse que iria seguir. De repente eles foram direto pro refrão e eu me perdi. Aí fiquei me perguntando se eu havia errado. Achei que tinha perdido alí, naquele momento, e que esse carro iria sair das minhas mãos", contou a cantora, que após o erro da banda teve a chance de repetir a canção.
"É o primeiro carro da minha vida", vibrou Dominique, que além do prêmio ainda pôde dançar abraçadinha em Roberto Carlos. "Eu já tinha tirado uma foto com ele em um show que eu consegui entrar no camarim, mas essa atenção toda que ele teve comigo hoje, me entregando esse prêmio, isso foi a primeira vez. Emocionante", falou a grande vencedora.
Ainda neste sábado, 23, Roberto Carlos faz seu último show no navio Costa Pacífica. Outra atração bastante aguardada da noite é Tiago Abravanel, que animará uma festa na piscina, na última noite de cruzeiro. O navio Costa Pacífica chega na manhã deste domingo, 24, no Porto de Santos.

Roberto Carlos com a vencedora do karaokê

Dominique Poliana e Roberto Carlos

Dominique Poliana e Roberto Carlos

Dominique Poliana, a grande vencedora do karaokê

Dominique Poliana, a grande vencedora do karaokê

Dominique Poliana, a grande vencedora do karaokê

Eri Johnson e Roberto Carlos

Roberto Carlos

Eri Jhonson brinca com participante do karaokê

Eri Johnson dança com participante do karaokê

Ator caracterizado como Chacrinha brinca com participante do karaokê (


fonte: O Informativo do Vale Online - 23.01.2016
NOVO CD DE ROBERTO CARLOS JÁ TEM QUATRO MÚSICAS PRONTAS
O Rei também avisou que está escrevendo sua autobiografia. Disse que já escreveu toda a parte da “Jovem Guarda”

Rio de Janeiro - Roberto Carlos está em seu tradicional cruzeiro e, antes de embarcar, avisou que já tem quatro musicas prontinhas para seu novo CD. Mas seus fãs terão que esperar, pois o disco só será lançado em 2017.
O Rei também avisou que está escrevendo sua autobiografia. Roberto Carlos disse que já escreveu toda a parte que engloba a “Jovem Guarda” e que o livro vai agradar em cheio o leitor. Por enquanto, a obra é apenas um projeto que começa a ganhar forma pelas mãos do cantor.
E já que estamos falando de Roberto Carlos, no cruzeiro “Projeto Emoções Em Alto Mar”, Eri Johnson é o apresentador do Karaokê que anima os passageiros. Antes, essa função era do saudoso Luiz Carlos Miéle.


fonte: A Tribuna Online- 23.01.2016



fonte: A Tribuna - 23.01.2016



fonte: Alagoas 24 Horas Online - 23.01.2016
ROBERTO CARLOS AFIRMA QUE JÁ RECEBEU NUDES, MAS GARANTE: 'NUNCA MANDEI'

A proximidade dos 75 anos de idade, completados em abril deste ano, não assusta Roberto Carlos. O cantor, que dividiu o palco com Ludmilla em seu especial do ano passado, mostrou que os versos “pode vir quente que eu estou fervendo” não ficaram só nos tempos de Jovem Guarda. Durante a coletiva do Cruzeiro Emoções em Alto Mar, o cantor contou detalhes de sua vida íntima.
Quando questionado se recebia nudes, o artista confirmou que já recebeu fotos ousadas de fãs: ”Já recebi alguma coisa sim, mas não tenho nada contra, desde que não seja ofensivo”. No entanto, o “rei” garante que não retribuiu. “Não mandei, não”, afirmou ele, que será interpretado por Gabriel Leone em filme sobre a vida de Erasmo Carlos.
Avô de sete e pai de quatro, Roberto não pretende aumentar a família, até por já ter feito vasectomia. “Mas gosto de continuar treinando. Tem que ser pai?, questionou o cantor, que no “Mais Você” revelou dormir só de blusa e cueca.
E, se na família os números devem permanecer os mesmos, na carreira, o astro quer mais que eles cresçam. Em 2016, ele pretende lançar um novo álbum de músicas inéditas. “Já tenho quatro músicas e devo fazer mais quatro. Tenho que ter certeza que vou compor as próximas com o Erasmo Carlos. Gosto muito de compor com ele”, contou o cantor que chegou a ser apontado como affair de uma vizinha.


fonte: Manchete Online - 22.01.2016
ROBERTO CARLOS ANUNCIA 'PROJETO EMOÇÕES EM TERRA' NO NORDESTE

Roberto Carlos cantou e emocionou o público em seu segundo show no sofisticado transatlântico Costa Pacífica, na noite desta quinta-feira (21). Essa é a 12ª edição do Projeto Emoções em Alto Mar. Antes do show, o Rei concedeu uma entrevista coletiva, no teatro, do luxuoso navio. Com a presença de dezenas de fãs, Roberto Carlos comentou sobre sua carreira e projetos.
Bem humorado, o Rei contou que em 2017, estreia o Projeto Emoções em Terra, que será realizado em um resort no Nordeste. A mudança é devido à alta do dólar, provocada pela crise no país. “Agora será em frente ao mar”, brincou Roberto Carlos. O local ainda será anunciado.
Empolgado, Roberto Carlos afirmou que no próximo ano deve lançar o CD, que já tem quatro músicas prontas. Duas estão com Erasmo Carlos, grande parceiro do Rei. O cantor comentou, também, que está escrevendo sua autobiografia e para os fãs aguardarem. “Acho que vocês têm que esperar a minha porque vão saber muito mais coisa do que qualquer uma feita por qualquer outra pessoa”, afirmou o artista.


fonte: Expresso MT Online - 22.01.2016
ROBERTO CARLOS FALA SOBRE SUPOSTO AFFAIR COM VIZINHA: 'É TUDO MENTIRA'

Roberto Carlos recebeu jornalistas nesta quinta-feira, 21, durante sua estadia no cruzeiro "Emoções em Alto Mar", que acontece até domingo, 24, no navio italiano Costa Pacífica. No segundo dia do cruzeiro, a embarcação parou no Rio de Janeiro, onde a imprensa embarcou para falar com o cantor. Antes, o ator Eri Johnson, grande imitador do Rei, anunciou o cantor, que comemorou a presença dos jornalistas. "Essa viagem é sempre maravilhosa e é muito bom ter a imprensa aqui", disse Roberto, que surgiu na entrevista com os olhos roxos. No entanto, ele garantiu que não havia notado. "Está roxo? Olhei no espelho e não tinha nada. Juro que não levei nenhuma pancada."
Na conversa com os jornalistas, Roberto Carlos anunciou a gravação de um disco com músicas inéditas para 2016: "Eu já fiz quatro músicas e tenho que fazer mais quatro. Uma ou duas músicas serão com o Erasmo Carlos. Eu gosto muito de compor com meu grande parceiro e irmãozinho Erasmo."
Roberto falou também sobre a sua autobiografia. "Está encaminhada. Se eu fosse vocês eu não compraria nenhuma outra biografia. Esperaria a minha. Já escrevi bastante até a parte da Jovem Guarda, mas esse ano vou continuar com mais força."
O artista não fugiu das inevitáveis perguntas sobre sua vida amorosa. Questionado se estava namorando, disse que não e também negou ter levado para o cruzeiro alguma 'rainha' especial. "Não, no navio ela não está não."
No embalo dos assuntos amorosos, Roberto negou a história de que estaria tendo um affair com uma vizinha do bairro onde mora, a Urca, na Zona Sul do Rio. O cantor garantiu que nunca a perseguiu de carro, como foi anunciado. "Não sei porque aconteceu essa história, nunca aconteceu nada do que falaram. Nunca fiquei andando de carro à toa por ali procurando por alguém. Não tem fundamento algum. Tudo isso é uma mentira."
Ele também garantiu que jamais poderia ser pai da moça apontada como seu affair e que insinuou estar esperando um filho. "Mesmo que eu tivesse vontade não poderia. Eu fiz vasectomia faz muito tempo. Ou seja, nunca que sou pai do filho que essa tal vizinha está esperando."
E para quem pensa em levar o Rei para o altar, casamento é algo que passa longe dos planos de Roberto Carlos."Não tenho nada contra o casamento, mas também não tenho nada contra a solteirisse. A minha musa principal é a a vida, mas as minhas musas recentes vem sendo mulheres que eu realmente amo, que me causam alguma coisa muito real. As minhas musas são diamantes muito sérios. Eu estou solteiro, não me casei novamente ainda (risos)".


fonte: A Tribuna - 22.01.2016



fonte: Ego Online - 22.01.2016
ROBERTO CARLOS DISTRIBUI ROSAS PARA FÃS EM CRUZEIRO
Cantor distribuiu as famosas rosas para as fãs, durante uma de suas apresentações do projeto 'Emoções em Alto Mar'
Roberto Carlos levou as fãs ao delírio ao fazer sua famosa distribuição de rosas no show do projeto "Emoções em Alto Mar", nesta quarta-feira, 21. O Rei, que embarcou na 12ª edição de seu cruzeiro, se apresentou para uma parte do público presente no navio italiano Costa Pacífica. A plateia homenageou o cantor aparecendo vestida de azul e branco - suas cores preferidas.
O navio deixou o porto de Santos, litoral sul de São Paulo, e irá passar por Ilhabela, Búzios, Rio de Janeiro e retorna para Santos no domingo, 24. Durante esse período, Roberto se apresentará gradativamente para os passageiros.
Ao subir ao palco, ovacionado pelos fãs e acompanhado de sua orquestra, Roberto Carlos mostrou que também estava com suas cores da sorte - um terno azul, com detalhes brilhantes, e uma camisa branca. Ele agradeceu ao público pela presença e brincou: "Por alguns dias estamos aqui dormindo na mesma casa. Não na mesma cama, mas bem pertinho (risos). E é bom estar perto de quem ama."
Ao cantar o hit "Eu te amo", que ganhou uma nova roupagem recentemente pelas mãos do Rei em um disco gravado em Londres, o cantor fez uma confissão em tom de brincadeira. "Nunca completo nenhum trabalho que eu faço. Eu abandono. Apresento projetos abandonados e isso é bom. Depois eu escuto o trabalho pronto e noto que poderia ter colocado muito mais coisa", disse ele, se referindo ao álbum "Primeira Fila", lançado em outubro de 2015.
Sob os gritos de "lindo e gostosão", RC foi se sentindo cada vez mais em casa no palco. Quando cantou os hits "Calhambeque" - inclusive com uma réplica do carro na versão inflável no palco - e "Eu sou terrível", ele fez muito charme para a plateia e arriscou alguns passinhos em cima do palco.
Brinde e entrega de rosas
Dois momentos marcaram o primeiro show de Roberto Carlos no Costa Pacífica. O cantor repetiu a tradicional cena romântica de entregar rosas para suas fãs. Muitas, se não todas elas, se debruçaram aos pés do cantor, que com seu ar sedutor completou a cena, sob gritos e elogios. Para esse momento, Roberto trocou de roupa e colocou um traje de capitão do navio.
Outro momento de destaque foi quando taças de champanhe com as iniciais RC foram distribuídas ao público e o cantor fez questão de brindar com cada fã que se aproximou do palco, arrancando lágrimas de muitas.
O show durou 1 hora e 45 minutos e será repetido por mais duas noites até o fim do trajeto do cruzeiro. A atriz Simone Soares esteve presente no show junto com familiares, assim como o coreógrafo Carlinhos de Jesus.















fonte: Isto É Dinheiro Online - 22.01.2016
crise financeira embarcou no cruzeiro que roberto carlos faz há 11 anos
A crise financeira embarcou no cruzeiro Emoções em Alto Mar, que Roberto Carlos faz há 11 anos: para 2017, o encontro anual do cantor com os fãs deverá ser num resort no Nordeste, que já está sendo negociado. Provavelmente na Praia do Forte, na Bahia, em fevereiro ou em abril, mês do aniversário do "rei".
"Quando começamos, o dólar era R$ 1. Hoje está R$ 4 e com previsões de aumentar. Do ano passado para cá, a tarifa quase dobrou, porque 70% das nossas operações são em dólar. A gente se preocupa com os fãs do Roberto. Pela primeira vez, o projeto será em terra firme, com o mesmo conceito: 'all inclusive' (com refeições e opções de lazer incluídas) e shows", anunciou o empresário do cantor, Dody Sirena. "Se não for no mar, pelo menos será de frente para o mar", completou Roberto, em entrevista nessa quinta, 21, no cruzeiro.
O Costa Pacifica, transatlântico onde está sendo realizada a viagem, com cerca de 3.000 fãs, saiu na quarta, 20, de Santos, lotado - uma demonstração de que as dificuldades financeiras não abalaram essa edição do projeto. A diferença para as anteriores foi que os bilhetes se esgotaram só agora em janeiro, quando em anos passados isso acontecia em agosto. Para 2017, o temor é quanto à ausência de transatlânticos na costa brasileira e o aprofundamento da crise.
"Acho que, para o fã de verdade, a crise não abala. As pessoas parcelam em até dez vezes, mas vêm", disse a aposentada curitibana Nara Gonçalves, de 65 anos, que ganhou o cruzeiro de presente de Natal dos filhos. "Estou chorando até agora", contou. A cabine mais barata para duas pessoas, interna, custa R$ 8.896 (R$ 1.779,20 por cada uma das cinco diárias). A mais cara, R$ 27.840 (R$ 5.568).
Na entrevista, na passagem do cruzeiro pelo Rio, Roberto minimizou a crise, atribuindo-a à conjuntura mundial, e aproveitou para falar também do cenário político brasileiro. Foi uma surpresa, uma vez que comentários do gênero são raros em seus mais de 50 anos de trajetória artística.
"O nível de corrupção é algo vergonhoso, tem que mudar de alguma forma. A corrupção tem que ser punida. Quem está fazendo mal para o Brasil não pode continuar."
Roberto prometeu um CD de músicas inéditas, o que é aguardado desde 2003, para o qual disse já ter quatro composições. O último lançamento com novidades foi em 2012, ano de "Esse cara sou eu" e "Furdúncio". "A prioridade é o disco de inéditas, isso me faz muita falta. E também a minha biografia. Acho que vocês devem esperar antes de comprar qualquer outra", brincou o cantor, que brigou na Justiça contra sua biografia não-autorizada. Ele falou também de seu perfeccionismo, que acaba atrasando os trabalhos.
"Eu não entrego meus discos. Eu abandono. E procuro não ouvir depois, porque sempre acho que poderia ter uma grave aqui, um agudo ali." Roberto também anunciou um CD em espanhol e outro em italiano.
Às vésperas dos 75 anos, fez graça quando lhe perguntaram sobre sua vida amorosa e até sexual, dizendo que estava solteiro e que usa Whatsapp, Facebook e Viber.
"Estou solteiro, mas não tenho nada contra o casamento. Mas também nada contra a solteirice." O "rei" contou até que já recebeu nudes - fotos sem roupas -, mas ressalvou que nunca mandou um para ninguém. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


fonte: Tribuna Hoje Online - 22.01.2016
REI ROBERTO CARLOS FALA SOBRE SEXO: 'GOSTO DE CONTINUAR TREINANDO'

Perto de completar 75 anos, não há assunto que seja tabu para Roberto Carlos. Durante a entrevista que deu em seu cruzeiro “Emoções em alto mar”, ao ser questionado sobre a possibilidade de ser pai, o cantor respondeu que isso não existe, porque fez vasectomia. “Mas gosto de continuar treinando. Tem que ser pai?”, respondeu, malicioso, o Rei, que antes já tinha falado que está gostando cada vez mais de amor e sexo. Ele também deixou claro que sabe surfar nas ondas das redes sociais, afirmando ter Whatsapp, Viber e perfil no Facebook. E que já recebeu nudes. “Nada contra, mas nunca mandei”.
Solteiro, ele diz que a musa principal dele neste momento é a vida. “Não tenho nada contra casamento, já fui três vezes. E não tenho nada contra estar solteiro. Vou encontrando histórias e mulheres que me inspiram, não é sempre que eu vejo a mulher que ela tem que me causar alguma coisa”, disse o cantor.
CD novo
Roberto Carlos está preparando um CD só de inéditas, que deve ser lançado ainda este ano. "Eu tenho quatro músicas prontas, preciso de mais quatro. Algumas delas eu vou fazer com Erasmo Carlos, porque gosto muito de compor com ele". Além desse trabalho, ele quer fazer também um disco em espanhol e em italiano. "Quero muito voltar a cantar em italiano".
Festa de aniversário
Para comemorar seu aniversário de 75 anos, em abril, o rei vai fazer uma grande festa em Cachoeira de Itapemirim, cidade onde ele nasceu. "É uma emoção muito grande voltar para casa e festejar em forma o aniversário", comentou Roberto Carlos, brincando que vai completar, na verdade, 57 anos.
Biografia
Sobre a autobiografia que está escrevendo, ele disse que ficará pronta daqui a pouco. "Vocês devem ler a minha biografia antes de comprar a de qualquer outra pessoa. Na minha, vocês vão saber de muitas coisas que não estão em outra biografia feita por outra pessoa".
Mudança no roteiro do cruzeiro
Ano que vem, o “Emoções em alto mar”, deve ter novo itinerário. Por causa da crise, o cruzeiro irá para o nordeste, provavelmente Fortaleza, e ficará parado. Há a possibilidade de os quatro dias de encontro com o Rei acontecer num resort, na mesma cidade. "Vamos manter a tradição de quatro dias de encontro. Como 45% dos passageiros são do nordeste, é a vez do nordestino convidar quem é do sul e do sudeste. Em algumas semanas vamos divulgar os detalhes. Mas terá o mesmo conceito all inclusive", revelou, empolgado, Roberto Carlos, que durante a viagem gosta de cantar no karaokê.
Ludmilla
Sobre cantar com a funkeira em seu último especial, ele a elogiou muito. "Ela canta bem todo tipo de música, fiquei impressionado", disse o rei, que não descarta ter a companhia de Wesley Safadão este ano. "Não tenho nada contra trazer o Safadão para o especial, mas a escolha é criteriosa, feita ao longo do ano, não tem como prever".
"The voice"
Roberto Carlos, acredite, entregou que aceitaria sim participar do reality show musical como candidato. "Acho que me daria bem. No início da minha carreira eu fui a todas as gravadores e a última, a CDF, que hoje é a Sony, foi a única que me deu oportunidade. Se eu fosse para o "The voice", acredito que a última cadeira viraria para mim".


fonte: Ego Online - 22.01.2016
VEJA DETALHES DO SHOW DE ROBERTO CARLOS COM FAMOSOS EM NAVIO
Sophie Charlotte ganhou chamegos na barriga, Piovani ficou desesperada por rosa e Graciele assistiu da primeira fila.
Saiba tudo que rolou no show do Rei.

A noite de quinta-feira, 21, foi especial no navio Costa Pacífica, onde acontece a 12ª edição do cruzeiro "Emoções em alto mar”. Com a embarcação parada no porto do Rio de Janeiro, diversos famosos subiram ao navio e prestigiaram o show do Rei. Antes da apresentação, um jantar foi servido para as celebridades, com a presença de jornalistas e outros convidados.
Sophie Charlotte, Daniel de Oliveira, Zezé Di Camargo, Graciele Lacerda e Luana Piovani foram os destaques da noite. O show do Rei manteve a tradição da distribuição de rosas e o momento do brinde com champanhe, onde os convidados ficam mais próximo do ídolo. Confira tudo que rolou no navio:
Futuros papais bastante paparicados
Sophie Charlotte e Daniel de Oliveira quase não conseguiram jantar ao embarcar no navio de Roberto Carlos. O casal, que espera seu primeiro filho, foi o mais paparicado da noite, sendo cumprimentado por vários dos famosos, que sempre acariciavam a barriga da atriz - Eri Johnson foi um deles.
A ocasião era bastante importante para a família de atores. Raul, o filho mais novo de Daniel de Oliveira com a atriz Vanessa Giácomo, sua ex-mulher, estava no navio e ganhou um bolo personalizado com seu nome. Sophie disse que a relação com o enteado é ótima: "A gente tem uma relação ótima. Estamos feliz de estarmos reunidos aqui essa noite. Ele está adorando. Olhando para todos os lados". Ela também falou sobre a gravidez de seu primeiro filho: ""Estou ótima, a fase dos enjoos foi bem rapidinha, ainda bem. Estou com todos os sintomas de gravidez, mas não estou mais passando mal".
Graciele de dieta e boca fechada
As delícias servidas no navio de Roberto Carlos podem até ter tentado Graciele Lacerda, mas ela seguiu firme em sua dieta, com o objetivo de estar com tudo em cima para o carnaval. A namorada de Zezé Di Camargo, que será destaque no segundo carro da escola Imperatriz Leopoldinense, contou que virá quase nua na Sapucaí. "Minha fantasia do carnaval mostra quase tudo. Eu já perdi quatro quilos e agora estou de boca fechada. Não quero que nenhuma celulite ou gordurinha indesejada apareça. Mulher tem pavor disso", disse. Ao lado do sertanejo, ela assistiu o show na primeira fila, mas os dois saíram antes do final e perderam o momento da entrega de rosas.

Eri Johnson e a noiva, Alice, em show de Roberto Carlos no navio Costa Pacífica
Sophie ganhou rosa e Piovani ficou na vontade
Durante conversa com a imprensa, Luana Piovani garantiu que não sairia do cruzeiro do Rei sem levar para casa uma rosa. "Eu vim para pegar uma rosa e tirar uma foto. Não tem nem negociação. Quero essas duas coisas. A música que eu estou esperando mais é 'Como é grande o meu amor por você'", contou. Mas, para a tristeza da loira - que assistiu à apresentação atrás de Sophie Charlotte, no segundo andar do teatro, e estirou os braços para pegar uma rosa -, Roberto Carlos não jogou sua tão pedida flor. Já a mulher de Daniel de Oliveira, que também esticou os braços, ganhou o chamego do cantor e levou sua flor para casa, se mostrando bastante sorridente com o mimo. Presentão hein, Sophie!
Luana preocupada com os filhos
A mamãe de Dom, Bem e Liz ganhou seu 'vale-night' para curtir Roberto Carlos ao lado do marido, Pedro Scooby, mas não desgrudou do celular nenhum momento da noite. Tudo isso porque os pequenos, de poucos meses, ficaram com a babá. "Deixei os pequenos com a santa da babá, mas estou morrendo de preocupação. O celular tocou agora e eu já fiquei branca", contou ela ao EGO. Calma Luana, isso é só coisa de mamãe-coruja!
Tirando o pé do chão
Betty Faria, Ary Fontoura, Mônica Iozzi, Adriana Birolli e Marcius Melhem também marcaram presença no show de Roberto Carlos. Os famosos se empolgaram em todas as canções do Rei, arriscaram passinhos, acenaram para o cantor, e ainda ganharam um agradecimento especial pela presença. Betty, que entrou no navio toda vestida de azul, também tentou pegar uma rosa das mãos do Rei, mas não conseguiu. Nem por isso, ela ficou desanimada, e só saiu do teatro quando as luzes acenderam mostrando o fim da apresentação.
'O amor não deveria rimar com dor'
Roberto Carlos repetiu seu romantismo, marca de sua carreira de enorme sucesso. Com seus principais hits no palco - como "Como é grande o meu amor por você", "Detalhes" e "Calhambeque" - o cantor ganhou vários elogios de suas fãs, que o chamaram de lindo, gostoso e até o pediam em casamento.
Entre suas frases aplaudidas, após uma de suas canções famosas, o Rei disse: "O amor não deveria rimar com dor', e foi ovacionado por uma plateia imensa de mulheres apaixonadas. Parecendo adolescentes, diversas senhoras de mais de 60 anos, correram para próximo ao palco ao fim da apresentação, todas na intenção de tirar qualquer casquinha do ídolo.

Famosos em show de Roberto Carlos no navio Costa Pacífica

Famosos em show de Roberto Carlos no navio Costa Pacífica

Famosos em show de Roberto Carlos no navio Costa Pacífica

Roberto Carlos se apresenta no navio Costa Pacífica

Roberto Carlos

Betty Faria e Luana Piovani

Daniel de Oliveira com a mulher, Sophie Charlotte, no navio Costa Pacífica

Zezé Di Camargo com a namorada, Graciele Lacerda, no navio Costa Pacífica


fonte: R7 Online - 22.01.2016
ROBERTO CARLOS DIZ QUE JÁ RECEBEU NUDES: "NADA CONTRA"
Segundo jornal, cantor falou abertamente sobre sexo durante o cruzeiro Emoções em Alto Mar

· Roberto Carlos fala sobre sexo durante entrevista em navio
Roberto Carlos, aos 75 anos, ainda encara um papo picante na maior descontração.
De acordo com informações do jornal Extra, desta sexta-feira (22), ele falou sobre sexo durante o cruzeiro Emoções em Alto Mar deste ano.
Segundo a publicação, ele revelou que recebe nudes.
— Nada contra, mas nunca mandei.
O Rei ainda contou que não pode mais ser pai, porque fez vasectomia.
— Mas gosto de continuar treinando. Tem que ser pai? Não tenho nada contra casamento, já fui três vezes. E não tenho nada contra estar solteiro. Vou encontrando histórias e mulheres que me inspira, não é sempre que eu vejo a mulher que ela tem que me causar alguma coisa


fonte: Diário do Grande ABC Online - 22.01.2016
ROBERTO CARLOS DIZ QUE ESTÁ SOLTEIRO, MAS QUE JÁ RECEBEU ATÉ NUDES

O Rei Roberto Carlos já tomou a realeza dos corações brasileiros há muito tempo. Mas toda e qualquer entrevista do cantor acaba trazendo tantas emoçoões aos seus fãs.
Ainda mais quando o cantor, que irá completar 75 anos de idade em 2016, fala sobre casamento e até assuntos polêmicos, como nudes! Foi extamente isso que aconteceu na última quinta-feira, dia 21. Durante sua turnê Emoções em Alto Mar, em que faz uma série de shows à bordo de um cruzeiro, o astro comentou, segundo o jornal Extra, que não pode ter mais filhos, já que fez uma vasectomia.
- Mas gosto de continuar treinando. Tem que ser pai?, respondeu brincando, com um ar malicioso.
E agora que admitiu que está solteiro, como fica sua opinião sobre casamento?
- Não tenho nada contra casamento. E não tenho nada contra estar solteiro. Vou encontrando histórias e mulheres que me inspiram, não é sempre que eu vejo a mulher que ela tem que me causar alguma coisa.
Ainda segundo a publicação, o Rei também admitiu ter uma página no Facebook, aplicativos de mensagens como o WhatsApp e o Viber e, nessa era digital, já recebeu nudes! Se ele as manda de volta?
- Nada contra, mas nunca mandei, revelou.
Ele ainda esclareceu sobre ter vivido um possível romance com Viviane Miranda, sua vizinha.
- Nunca aconteceu nada, nunca mandei flores para ninguém na mureta da Urca e jamais fiquei à toa procurando por alguém. Não sei de onde inventaram essa história sem fundamento, disparou, de acordo com o jornal O Dia.
E sobre o CD novo, ele garante uma presença muito especial: Eramos Carlos.
- Eu tenho quatro músicas prontas, preciso de mais quatro. Algumas delas eu vou fazer com Erasmo Carlos, porque gosto muito de compor com ele, comentou. O Rei também planeja trabalhos em espanhol e em italiano.
Para fechar com chave de ouro, Roberto Carlos, que parece não estar afetado em nada pela idade, ainda contou que está escrevendo uma autobiografia!
- Vocês devem ler a minha biografia antes de comprar a de qualquer outra pessoa. Na minha, vocês vão saber de muitas coisas que não estão em outra biografia feita por outra pessoa


fonte: Quem Online - 21.01.2016
ROBERTO CARLOS CHEGA DE CARRO CLÁSSICO PARA SHOW EM CRUZEIRO
O cantor dirigia um Cadillac vermelho antes de embarcar no porto de Santos, na região litorânea de São Paulo

Roberto Carlos deu início na tarde de quarta-feira à 12ª edição do Cruzeiro Emoções em Alto Mar. O cantor chegou, pouco depois do embarque, previsto para as 17h no Navio Costa Pacifica, em Santos, na região litorânea de São Paulo.
Animado, o público entoava trechos de clássicos da carreira do cantor enquanto o aguardava com celulares em punho do alto do navio. As mais devotadas acenavam com lenços azuis, cor favorita do ídolo.
Carlinhos de Jesus comentou antes do embarque: "Vamos agitar! Eu vou desde o primeiro, é uma honra muito grande", disse ele, que deve se apresentar como uma das atrações.
Já no porto, Roberto não escondeu a ansiedade. "É sempre uma emoção muito grande. Esse ano vamos ter algumas novidades", afirmou o Rei, que chegou a bordo de um Cadillac vermelho. "Ele é meu mesmo. Gosto muito de carro", acrescentou.

Roberto Carlos posa com tripulação







fonte: Ego Online - 21.01.2016
ROBERTO CARLOS CHEGA DE CARRÃO PARA EMBARCAR EM CRUZEIRO
O 'Rei' foi ovacionado pelos fãs da 12ª edição do projeto 'Emoções em Alto Mar', que saiu do porto de Santos, em São Paulo, na tarde desta quarta, 20.
O rei já está à bordo! Nesta quarta-feira, 20, Roberto Carlos embarcou na 12ª edição de seu cruzeiro, o "Emoções em Alto Mar", que por cinco dias proporciona aos fãs do cantor um pouco mais de contato com o ídolo. O navio italiano Costa Pacífica deixou o porto de Santos, litoral sul de São Paulo, e irá passar por Ilhabela, Búzios, Rio de Janeiro e retorna para Santos no domingo, 24.
"São doze edições do cruzeiro, mas sempre conseguimos ter alguma atração que faz a diferença. Esse ano também teremos surpresa. Eu amo estar aqui e as emoções são sempre imensas", afirmou Roberto, assim que chegou ao porto.
Como não poderia ser diferente, o astro do navio embarcou em grande estilo. Roberto chegou ao porto dirigindo um de seus carrões e foi ovacionado pelos fãs que o aguardavam. Desta vez, o veículo escolhido foi o Cadillac vermelho. "É o meu calhambeque, meu carro que tem muitas histórias", contou Roberto, sobre o veículo que já foi tema de suas músicas.
Antes da entrada do rei ao navio, Carlinhos de Jesus embarcou aplaudido pelo público que aguardava na varanda da embarcação. Usando as letras das musicas do próprio Roberto, o dançarino disse em poucas palavras: "Fazer um show mais uma vez nesse navio é uma emoção. São tantas emoções. Ele é o cara."
Roberto fará show no navio na quinta-feira, 21, às 23h, com a embarcação atracada no Rio de Janeiro. A apresentação do Rei promete reunir alguns famosos, que embarcam no "Emoções" apenas para o concerto do cantor. Tom Cavalcante e Carlinhos de Jesus também são atrações no Costa Pacífica até domingo, 24.








fonte: Caras Online - 21.01.2016
ROBERTO CARLOS EMBARCA EM SEU TRADICIONAL CRUZEIRO
Roberto Carlos recebe amigos e fãs em mais uma edição do projeto 'Emoções em Alto Mar'

O cantor Roberto Carlos embarcou na tarde desta quarta-feira, 20, em seu cruzeiroEmoções em Alto Mar, no Porto de Santos, litoral de São Paulo. Ele chegou em um luxuoso carro vermelho e distribuiu sorrisos para os fãs que estavam no local. Esta é a 12ª edição do projeto e o navio deverá retornar ao porto em 24 de janeiro.
Tom Cavalcante e Carlinhos de Jesus estavam entre os passageiros.


fonte: Veja SP Online - 16.01.2016
'REI' ROBERTO CARLOS FAZ SHO 'EM CASA' PELOS 75 ANOS
Rei comemorará o aniversário em casa

Roberto Carlos fará o primeiro show em sua cidade natal, Cachoeiro do Itapemirim (ES), desde 2009, na abertura da turnê de seus 50 anos de carreira.
A volta para casa será no dia 19 de abril, quando o cantor completará 75 anos. O show realizado há sete anos também coincidiu com o aniversário do “Rei”.
O espetáculo, organizado pela Kassu Produções Artísticas, deverá contar com convidados especiais e acontecerá no estádio Mário Monteiro, mesmo local do show anterior, que reuniu 12 mil espectadores.


fonte: Folha do Espírito Santo - 15.01.2016
iNGRESSOS PARA O SHOW DE ROBERTO CARLOS SERÃO VENDIDOS A PARTIR DO DIA 26 NO ES
Fãs do cantor Roberto Carlos vão poder garantir os ingressos para o show de seu aniversário, em Cachoeiro de Itapemirim, a partir do próximo dia 26 de janeiro.
O show está confirmado para o dia 19 de abril, no Estádio do Sumaré, dia em que o Rei da Música Popular Brasileira completa 75 anos de idade. A abertura dos portões, segundo a organização, será a partir das 18h e a classificação do show é para maiores de 16 anos.
Os ingressos estarão à venda no site www.ingresso.com ou na loja 110 do 1º piso do Shopping Sul, que fica na Avenida Francisco Lacerda de Aguiar, no bairro Paraíso, em Cachoeiro de Itapemirim. A compra dos ingressos pode ser feita de segunda a sábado, das 10h às 22h, ou aos domingos, das 14h às 20h. O valor dos ingressos, no entanto, ainda não foi divulgado pela organização.
Estudantes, idosos com idade acima de 60 anos e portadores de necessidades especiais pagam meia entrada, mediante comprovação por meio de documentos de identidade com foto.


fonte: Gi - 11.01.2016
ROBERTO CARLOS VOLTA A CACHOEIRO PARA SHOW E ANIVERSÁRIO DE 75 ANOS
Show está marcado para 19 de abril, na cidade onde nasceu o cantor.
Assessoria disse que detalhes serão passados em coletiva em navio no Rio.
O cantor capixaba Roberto Carlos vai fazer um show em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul doEspírito Santo, no dia 19 de abril, mesmo dia de seu aniversário. A informação foi confirmada aoG1, na manhã desta segunda-feira (11), pela assessoria de imprensa do cantor.
O último show de Roberto Carlos em Cachoeiro de Itapemirim aconteceu em 2009, também na data de aniversário do cantor.
Na ocasião, Roberto Carlos comemorava 50 anos de carreira e, após o show na cidade, fez uma festa de aniversário exclusiva para convidados no hotel.
O diretor da Kassu Assessoria, Maurício Aires, disse que todos os detalhes do show serão repassados em uma entrevista coletiva no dia 21 de janeiro dentro do transatlântico Costa Pacífica, ancorado no Píer da Praça Mauá, no Rio de Janeiro.
Maurício disse que o local da apresentação ainda não foi definido e que o show na cidade foi um pedido de Roberto Carlos. "O show em Cachoeiro de Itapemirim é um pedido dele. Roberto sempre disse que queria comemorar o aniversário de 75 anos onde nasceu", disse Maurício.


fonte: Folha de Vitória Online - 04.01.2016
MORRE A PRIMEIRA PROFESSORA DE MÚSICA DO CANTOR ROBERTO CARLOS EM CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM
O primeiro contato formal de Roberto Carlos com a música foi em 1954, nas aulas com a pianista Helena Mignone.
Ela morreu de causa natural e deixou enlutada a classe cultural de Cachoeiro.

A pianista Helena Gonçalves Mignone, professora de piano do cantor cachoeirense Roberto Carlos, morreu na manhã desta segunda-feira (4), em Cachoeiro de Itapemirim.
A pianista, de 86 anos, era viúva de Gino Mignone e mãe de cinco filhos. Ela morreu de causa natural e deixou enlutada toda a classe cultural de Cachoeiro de Itapemirim que a reconhecia pelo trabalho realizado na cidade.
O primeiro contato formal do cantor Roberto Carlos com a música foi em 1954, nas aulas que fazia com a pianista Helena Mignone. “Ele tinha 13 anos e disse que não queria ser pianista, mas precisava ter noções de música. Roberto já tinha um ouvido apurado e logo percebi sua musicalidade”, disse a pianista, na última vez em que o cantor fez um show na cidade.
Foi no Conservatório de Música de Cachoeiro que Helena Mignone ensinou ao menino como deveria deslizar os dedos nas teclas do piano, antes que ele se mudasse para Niterói, no Rio de Janeiro, dois anos depois, em 1956.
O tempo passou, mas quando Roberto voltava à cidade sempre havia jeito de rever a primeira professora. "Parecemos mãe e filho”, dizia a pianista que sempre se orgulhou da condição de ser professora do ‘Rei’ e ostentava, orgulhosa, fotografias abraçadas ao ex-aluno.


fonte: Consultor Jurídico Online - 03.01.2016
IMOBILIÁRIA CHAMADA ROBERTO CARLOS NÃO PRECISARÁ MUDAR DE NOME
O cantor Roberto Carlos tentou, sem sucesso, alterar o nome de uma imobiliária de Conde, na Paraíba. Na ação, a empresa do artista alegou que tem investido milhões de reais em projetos e publicidade na área — o Rei, como é conhecido, ingressou em 2011 no mercado imobiliário, quando lançou a incorporadora Emoções. Por isso, disse que a Imobiliária e Construtora Roberto Carlos usava indevidamente o nome do cantor para criar confusão no mercado e, assim, angariar clientes.
Em sua defesa, o dono da imobiliária localizada na Paraíba argumentou que o nome do seu representante legal é o mesmo do cantor, motivo pelo qual foi reproduzido na denominação da pessoa jurídica. Além disso, acusou a empresa do cantor de má-fé, "pois faz acusações inverídicas e não comprovadas, no sentido de que engana seus clientes e consumidores".
Em primeira instância, o pedido do músico foi atendido parcialmente. Foi negada a indenização solicitada pela autora, mas foi dado um prazo de 30 dias para que a imobiliária paraibana trocasse de nome. Após recurso, no entanto, a 1ª Câmara Reservada de Direito Empresarial do Tribunal de Justiça de São Paulo reformou decisão de primeiro grau para permitir que a imobiliária mantenha seu nome.
Para o relator, desembargador Fortes Barbosa, as partes possuem nomes semelhantes, mas não idênticos. E, segundo ele, não foi comprovada a alegada confusão perante clientes e fornecedores, pois a imobiliária está sediada na cidade de Conde, na Paraíba, distante do centro de atividades da autora.
O relator apontou ainda que não há semelhança entre os sinais gráficos da marca e considerou que a reclamante pretende uma indevida ampliação da exclusividade conferida à marca. "A originalidade, como característica básica de uma marca, não está limitada a um vocábulo, mas abrange todo um conjunto gráfico", afirmou.
"O uso da expressão 'Roberto Carlos' não implica numa confusão necessária entre a marca da autora e o nome da ré, não havendo comprovação de que esta última tenha se utilizado, indevidamente, dos sinais gráficos da autora, não persistindo semelhança visual, o que induz a ausência de ato ilícito", concluiu. O voto do relator foi seguido pelos desembargadores Pereira Calças e Maia da Cunha.




PÁGINA INICIAL VOLTAR MENU AGENDA